Você está na página 1de 2

CUSTOS DE TRANSPORTE

➢ O que é?

Os custos de transporte são todos os gastos que uma organização tem na


movimentação de material, produtos, cargas e etc. Desde o momento em que sai do
ponto X (origem) até o ponto Y (destino final), porém, diversos fatores podem influenciar
nos Custos de Transporte, podendo estar relacionados com o produto, a localização do
mercado de destino, dificuldade de manuseio da carga.

➢ Importância:

O transporte tem um papel fundamental em várias estratégias da logística, tornando


necessária a geração de soluções que possibilitem a flexibilidade e a velocidade na
resposta ao cliente, ao menor custo e tempo possível, gerando assim maior
competitividade para a empresa.​ Muitas empresas brasileiras vêm apostando no
transporte como um diferencial competitivo porém, em nosso país ainda tem muito o que
ser feito nesse ramo, um exemplo seria o investimento agressivo nesse setor, pois somos
um dos países com as piores rodovias do mundo, assim, torna-se necessário um maior
investimento e padronização, ampliação e integração no setor Ferroviário, além de
melhoria de acesso e escoamento na região portuária, mais exploração na navegação
por rios, dentre inúmeros outros fatores.

➢ Características dos custos de transporte:

– Custos fixos: são os de aquisição e manutenção de direito de tráfego, instalações


de terminais, equipamento de transporte e administrativos.
– Custos variáveis: incluem normalmente os gastos com combustível e salários,
equipamentos de manutenção, manuseio e coleta e entrega.

➢ Principais itens de custos de transporte:

– Depreciação: Do ponto de vista gerencial, a depreciação pode ser imaginada


como o capital que deveria ser reservado para a reposição do bem ao fim de sua vida útil.
– Remuneração do capital: Diz respeito ao custo de oportunidade do capital
imobilizado na compra dos ativos.
– Pessoal: Deve ser considerado tanto o salário quanto os encargos e benefícios.
– Combustível/ Lubrificante: Custo de combustível e lubrificante é o clássico
exemplo de um item variável.
– Pneus: Considerando o tipo de veículo em causa. De acordo com o veículo
selecionado, podem observar-se valores específicos quanto a: número de pneus; preço
do pneu novo; preço da recuperação (recapagem) e prazo de vida útil (em km). A
consideração destes elementos para cada tipo de veículo permite estimar um custo por
km associado à utilização dos pneus.
– Manutenção: Também aqui é possível aferir um custo por km para cada tipo de
veículo (para tráfego regional e nacional). Estes valores terão em conta os preços médios
praticados por concessionários em contratos de assistência global. O custo de
manutenção pode ser considerado de duas maneiras. A mais simples é com base no seu
custo padrão, em R$/km. Outra possibilidade é criar um centro de custos e calcular o
custo médio de manutenção por quilômetro.
– Pedágio: Em alguns trechos, há a necessidade de incluir os Custos com Pedágios.

➢ Vantagens e Desvantagens:

Sejam ferroviários, rodoviários, aéreos, aquaviários ou dutoviários, os custos


logísticos em transporte representam a maior parcela das despesas em geral de uma
organização. Estima-se que cerca de 60% desses custos sejam da área de transporte. O
que pode portanto significar até três vezes o lucro de uma empresa, como visto no setor
de distribuição de combustíveis.

Mesmo com o avanço de tecnologias que permitem a troca de informações em tempo


real, o transporte continua sendo fundamental para que seja atingido o objetivo logístico,
que é o produto certo, na quantidade certa, na hora certa, no lugar certo ao menor custo
possível.

Sabendo quando e qual o melhor modal a ser utilizado para o transporte de seu produto,
ainda em estágio de matéria-prima ou já industrializado, uma empresa pode aumentar
sua margem de lucros diminuindo os custos de distribuição, os gastos com produtos
avariados e logística reversa.

Isso sem falar que ela ainda pode reduzir os custos com campanhas de marketing para o
reconhecimento da marca, uma vez que será bem-vista por seus clientes em razão da
boa reputação com a qualidade e tempo das entregas realizadas.