Você está na página 1de 5

Submódulo 10.

13

Confirmação da capacidade de
geração de unidades geradoras
Data de Data e instrumento de
Rev.
Motivo da revisão aprovação aprovação pela
Nº.
pelo ONS ANEEL

0.1 – – –

0.2 – – –
25/09/2007
Atendimento à Resolução Normativa ANEEL nº 115,
0.3 03/10/2005 Resolução Autorizativa
de 29 de novembro de 2004.
nº 1051/07
Versão decorrente da Audiência Pública nº 049/2008, 05/08/2009
1.0 submetida para aprovação em caráter definitivo pela 17/06/2009 Resolução Normativa
ANEEL. nº 372/09
15/09/2010
Adequação ao artigo nº 20 da Resolução Normativa
1.1 18/06/2010 Despacho SRT/ANEEL
ANEEL nº 376/09, de 25 de agosto de 2009.
nº 2744/10

Endereço na Internet: http://www.ons.org.br


Procedimentos de Rede

Assunto Submódulo Revisão Data de Vigência

CONFIRMAÇÃO DA CAPACIDADE DE GERAÇÃO 10.13 1.1 16/09/2010


DAS UNIDADES GERADORAS

1 INTRODUÇÃO ................................................................................................................................ 3
2 OBJETIVO ...................................................................................................................................... 3
3 PRODUTO....................................................................................................................................... 3
4 ALTERAÇÕES DESTA REVISÃO ................................................................................................. 3
5 RESPONSABILIDADES ................................................................................................................. 3
5.1 DO OPERADOR NACIONAL DO SISTEMA ELÉTRICO – ONS ............................................................ 3
5.2 DO AGENTE LEGALMENTE RESPONSÁVEL PELA UNIDADE GERADORA PERANTE A ANEEL ................ 4
6 DESCRIÇÃO DAS ETAPAS DO PROCESSO ............................................................................... 4
6.1 OBTENÇÃO DOS DADOS .............................................................................................................. 4
6.2 ANÁLISE DOS DADOS................................................................................................................... 4
6.3 ELABORAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DO RCCG .................................................................................... 5
7 HORIZONTE, PRAZOS E PERIODICIDADE ................................................................................. 5
8 FERRAMENTAS COMPUTACIONAIS .......................................................................................... 5
9 REFERÊNCIAS ............................................................................................................................... 5

Endereço na Internet: http://www.ons.org.br Página 2/5


Procedimentos de Rede

Assunto Submódulo Revisão Data de Vigência

CONFIRMAÇÃO DA CAPACIDADE DE GERAÇÃO 10.13 1.1 16/09/2010


DAS UNIDADES GERADORAS

1 INTRODUÇÃO
1.1 Este submódulo orienta as atividades do Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS
sempre que há necessidade de confirmar a capacidade de geração de uma unidade geradora.
1.2 Para a operacionalização do processo descrito neste submódulo, foi desenvolvido pelo ONS o
Sistema de Acompanhamento de Manutenção – SAM, que viabiliza a emissão do Relatório de
Confirmação da Capacidade de Geração – RCCG, com os resultados e as conclusões do ensaio
operativo realizado para avaliação da capacidade de geração da unidade geradora, como
declarada pelo agente legalmente responsável pela unidade geradora perante a ANEEL.
1.3 O valor de referência da capacidade de geração de unidades geradoras constante na Base de
Dados Técnica do ONS – BDT é extraído dos documentos regulatórios emitidos pela Agência
Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.
1.4 Neste submódulo, os agentes da operação legalmente responsáveis pelas instalações perante
a ANEEL são denominados simplesmente de agentes responsáveis.
1.5 O módulo e os submódulos aqui mencionados são:
(a) Submódulo 10.22 Rotinas operacionais;
(b) Módulo 12 Medição para faturamento; e
(c) Submódulo 18.2 Relação dos sistemas e modelos computacionais.

2 OBJETIVO
2.1 O objetivo deste submódulo é estabelecer responsabilidades e as etapas para confirmar a
capacidade de geração de unidades geradoras, bem como o de estabelecer o conteúdo e a
sistemática de emissão do Relatório de Confirmação da Capacidade de Geração – RCCG.

3 PRODUTO
3.1 O produto do processo descrito neste submódulo é:
(a) Relatório de Confirmação da Capacidade de Geração – RCCG.

4 ALTERAÇÕES DESTA REVISÃO


4.1 Não houve alterações neste submódulo.

5 RESPONSABILIDADES

5.1 Do Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS


(a) Programar, com a participação do agente responsável, a realização dos ensaios operativos
para a confirmação da capacidade de geração.
(b) Informar ao agente responsável a programação dos ensaios operativos para a confirmação
da capacidade de geração.

Endereço na Internet: http://www.ons.org.br Página 3/5


Procedimentos de Rede

Assunto Submódulo Revisão Data de Vigência

CONFIRMAÇÃO DA CAPACIDADE DE GERAÇÃO 10.13 1.1 16/09/2010


DAS UNIDADES GERADORAS

(c) Obter as informações técnicas referentes ao ensaio de confirmação da capacidade de


geração, validadas com o agente responsável, conforme rotina operacional específica
constante no Submódulo 10.22.
(d) Proceder à análise dos dados obtidos em ensaios operativos conduzidos pelo ONS, para
confirmação da capacidade de geração de unidades geradoras.
(e) Elaborar o RCCG no prazo estabelecido em rotina operacional específica.
(f) Enviar, com o uso do SAM, o RCCG para o agente responsável, para a Câmara de
Comercialização de Energia Elétrica – CCEE e para a ANEEL, no prazo estabelecido em
rotina operacional específica.

5.2 Do agente legalmente responsável pela unidade geradora perante a ANEEL


(a) Executar os ensaios operativos para a confirmação da capacidade de geração, acertados
com o ONS, conforme rotina operacional específica.
(b) Enviar ao ONS, com o uso do SAM, as seguintes informações técnicas, referentes ao
ensaio de capacidade de geração, conforme prazo e detalhamentos estabelecidos em
rotina operacional específica constante no Submódulo 10.22:
(i) dados dos ensaios de aquecimento do gerador, de medição de oscilação e de vibração
do conjunto girante, lidos de hora em hora;
(ii) leitura da potência, registrada de hora em hora durante o ensaio realizado, enquanto
durar o ensaio e as respectivas condições de teste a que foi submetida a unidade
geradora;
(iii) curvas de projeto de rendimento da turbina;
(iv) curvas de projeto de capacidade do gerador; e
(v) limites térmicos, elétricos e mecânicos de projeto da unidade geradora.

6 DESCRIÇÃO DAS ETAPAS DO PROCESSO

6.1 Obtenção dos dados


6.1.1 Os dados necessários para a análise do ensaio operativo para confirmação da capacidade
de geração de unidades geradoras são:
(a) informações fornecidas pelo agente responsável, conforme item 5.2(b) deste submódulo;
(b) informações de potências oriundas do sistema de medição para faturamento da CCEE,
conforme definido no Módulo 12 e, no caso das usinas hidráulicas, dos níveis de água de
montante e jusante registrados durante o ensaio, obtidos nos centros de operação do ONS
ou com o órgão designado pelo agente para contato com o ONS. Na ausência dos dados
do sistema de medição para faturamento da CCEE, os valores da potência serão os
obtidos nos centros de operação do ONS.

6.2 Análise dos dados


6.2.1 Os dados relativos à confirmação da capacidade de geração de unidades geradoras devem
ser analisados com base nos seguintes aspectos:
(a) conformidade dos dados levantados no ensaio operativo com os originalmente informados
pelo agente responsável, quando da declaração da capacidade de geração da unidade

Endereço na Internet: http://www.ons.org.br Página 4/5


Procedimentos de Rede

Assunto Submódulo Revisão Data de Vigência

CONFIRMAÇÃO DA CAPACIDADE DE GERAÇÃO 10.13 1.1 16/09/2010


DAS UNIDADES GERADORAS

geradora registrada na BDT do ONS e também com as informações complementares


obtidas em conformidade com o item 5.2(b) deste submódulo;
(b) valores da potência obtidos por meio do tratamento dos registros do medidor do sistema
de medição para faturamento da CCEE. Definido o momento do início do ensaio, o valor
da potência a ser registrado no RCCG será a potência média do registro da medição, no
intervalo de cinco minutos, no sistema de medição para faturamento da CCEE.

6.3 Elaboração e distribuição do RCCG


6.3.1 Devem constar no relatório os seguintes itens:
(a) Introdução e comentários:
(i) Descrição sucinta dos objetivos do relatório e eventuais comentários.
(b) Análise técnica dos dados:
(i) A análise técnica dos dados é elaborada conforme item 6.2 deste submódulo.
(c) Conclusões:
(i) Esse item será conclusivo e apresenta informações claras referentes ao ensaio
operativo ter confirmado ou não a capacidade de geração da unidade geradora na
condição declarada pelo agente responsável.
6.3.2 O RCCG será encaminhado, através do SAM, para o agente responsável, para a CCEE bem
como para a ANEEL, no prazo estabelecido em rotina operacional específica.

7 HORIZONTE, PRAZOS E PERIODICIDADE


7.1 Os prazos relacionados ao processo descrito neste submódulo estão detalhados em rotina
operacional especifica constante no Submódulo 10.22.

8 FERRAMENTAS COMPUTACIONAIS
8.1 O programa computacional “Sistema de Acompanhamento de Manutenção – SAM”, utilizado
para a troca de documentos, o envio de informações sobre as etapas do processo e as
comunicações entre o agente responsável e o ONS, está detalhado no Submódulo 18.2.

9 REFERÊNCIAS
[1] ANEEL. Resolução Normativa n 407, de 19.10.2000.
[2] ANEEL. Resolução Normativa nº 140, de 25.03.2002.
[3] ANEEL. Resolução Normativa nº 115, de 29.11.2004.

Endereço na Internet: http://www.ons.org.br Página 5/5