Você está na página 1de 1

NOTA:

1. Executar a abertura da vala através de escavação manual ou mecânica:

P1 • A vala deve ter profundidade conforme o relatório de sondagem e não deve ser superior a 2 metros.
• A largura varia conforme o tamanho da base da sapata, sendo sempre maior o buraco da vala;
P3 P2 P1 P1

8X1∅12.5 L=102
40 2. Esgotamento da água se for necessário;

61.3 400 576 52.7 60 60 34 3. Verificação se o solo previsto para a cora de apoio é compatível com a capacidade de carga do projeto;

40
6 4. Compactar a camada do solo resistente, apoiando o fundo:

34
• O fundo do solo deve ser compactado, para uniformizar o fundo da vala.
30 3∅6.3 L=150
5. Executar um lastro de concreto magro:

• 5 a 10 cm de espessura;

• O lastro de concreto vai sobre o fundo da vala e deve ter espessura de no mínimo 5 cm, com traço de 1:3:6 ou
• 1:4:8 (cimento, areia grossa e pedra 2 e 3);
P2

40
• Precisa ser vibrado e curado;

8X1∅12.5 L=102
40 • Tem a finalidade de diminuir a pressão de contato, por isso sua largura é maior que a da estrutura da fundação;
10∅10c/11 L=1107 99∅10c/11 L=137
13

13
34 • Uniformiza e limpa o piso sobre o qual será levantada a sapata.

40
6. Posicionamento e confecção das formas de acordo com a marcação executada no gabarito de locação:
6

34
• Devem ser feitas de acordo o projeto;

30 3∅6.3 L=150
• Posicionamento feito pela marcação executada no gabarito;

• Fazer amarração das formas, para evitar que abram;


120

7. Colocação da armadura;

P3 8. Posicionamento do pilar e da armadura do mesmo em relação à caixa com as armações;

9. Colocação das guias de arame para acompanhamento da declividade das superfícies do concreto (trapézio);

8X1∅12.5 L=102
40
10. Concretagem:

34 • A base deve ser vibrada normalmente, mas a parte de concreto inclinada deve ter vibração manual, sem o uso do vibrador;
1090

40
6 11. Retirada da forma e reaterro.

34
30 3∅6.3 L=150
CUIDADOS GERAIS NA EXECUÇÃO

• Locação do centro da sapata e do eixo central do pilar;

• Cota do fundo da vala;

• Limpeza do fundo da vala;

• Nivelamento do fundo da vala;

• Dimensões da forma da sapata;

• Armadura da sapata e do arranque do pilar.

NORMAS TÉCNICAS DE REFERÊNCIA:


• ABNT NBR 6118 – Projeto de estruturas de concreto;
• ABNT NBR 6112 – Projeto e execução de fundações;
• ABNT NBR 6484 – Solo – Sondagens de simples reconhecimento com SPT

Prefeitura Municipal de Araruama


Prefeita Livia Soares Bello da Silva
Secretaria de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos

Obra e Local :

PROJETO PIER NA LAGOA DE ARARUAMA


Centro - Araruama - RJ

Assunto :
PLANTA DE FORMAS SAPATA DA ESTRUTURA METÁLICA
PERSPECTIVA 3D

Prancha :

Eng. Francisco Fabio Dantas


CREA: Registro nacional nº. 2010127190
Engenheiro Civil Calculista
PREO:
01/01
Processo:
Willian dos Santos Soza Secretaria de Obras, Urbanismo
CREA: Registro nacional nº 2018131617 e Serviços Publicos
Engenheiro Civil Data:
MAIO / 2020
Escala:
1/25
Joezer Costa Marques Secretaria Municipal de Ambiente Referência:
Coordenador de projeto Agricultura, Abastecimento e Pesca.

www.geopack.com.br / contato@geopack.eng.br / Tel. +55 (21) 3786-4565 / +55 (21) 99219-9664


Av. João Cabral de Mello Neto 850/927 Bl.03 - Edifício CEO, Barra da Tijuca – RJ