Você está na página 1de 13

Como Dirigir Passo a Passo — 4 DICAS

Dicas Mais Follow


Jun 22, 2018 · 12 min read

Aprenda Como Dirigir Passo a Passo e a partir do ZERO com professores e especialistas
que mais entendem sobre direção e REVELAM TODOS OS SEGREDOS de Como dirigir
passo a passo como mostra neste video da Rede Globo CLIQUE AQUI.

1 Comece com o carro desligado em um terreno nivelado. Se é a sua primeira


vez com uma transmissão manual, é bom começar com calma e de modo
metódico. Coloque o cinto de segurança e abaixe os vidros para conseguir ouvir melhor
o som do motor e trocar as marchas corretamente
O pedal da esquerda é a embreagem, o do meio é o freio e o acelerador é o da
direita. Tal disposição é igual tanto em países onde se dirige no lado esquerdo do
carro quanto em países onde se dirige no lado direito do carro esses são os primeiros
passos Como Dirigir Passo a Passo.

2 Aprenda o que a embreagem faz. Antes de começar a pisar fundo no pedal, pare
um pouco para aprender o funcionamento básico dele.

A embreagem desengata o motor das rodas. Quando um ou os dois estão girando, a


embreagem permite que você troque de marcha sem moer os dentes de cada
engrenagem.

Antes de trocar de marcha (para cima ou para baixo), é preciso pressionar a


embreagem.

3 Coloque o carro em ponto morto. Leve o câmbio para a posição central livre; ele
deve parecer meio solto. O automóvel está em ponto morto quando:
passo a passo como mostra neste video da Rede Globo CLIQUE AQUI.

Como Dirigir Passo a Passo Um Automovel — Dica 1


Ligue o veículo
Antes de ligar o veículo e continuar com as dicas de Como Dirigir Passo a
Passo,certifique-se de que ele está em ponto morto.

Se você pisar na embreagem, o ponto morto é aquele em que é possível empurrar a


alavanca para cima e para baixo.

Ela deve ficar, portanto, no meio, sem qualquer marcha engatada.

Agora pise na embreagem até o fundo.

Enfie a chave na ignição e gire até o fim. O veículo deve ligar.

Se o freio de mão está puxado, desengate-o.

Basta apertar o botão em sua ponta e baixá-lo.

Para o carro não andar, se você estiver em um local com alguma inclinação, pise no freio.

Engate a marcha
Se o automóvel continuar em ponto morto, não irá a lugar algum.

Ainda com o pé até o fundo da embreagem, você precisará engatar uma marcha.

Caso queira ir para a frente, é a primeira marcha que deve ser acionada.

Empurre com delicadeza a alavanca do câmbio para a esquerda e para cima.

Na hipótese de você ter de manobrar para trás para sair com o carro, deve ser engatada a
marcha à ré.

A sua posição na caixa de câmbio varia de acordo com o veículo.

Geralmente, está em um dos extremos e é necessário ainda empurrar a alavanca para


baixo — o que não se faz em nenhuma outra marcha.

Mas você não precisa ficar eternamente tentando.

Na parte de cima da alavanca, há um desenho com a posição de cada marcha. A ré está


na posição da letra “R”.
Faça o carro andar — Como Dirigir Passo a Passo

Tire totalmente o pé direito do freio.

Comece a subir o pé esquerdo da embreagem, mas muito devagar.

Agora, preste muita atenção!

Não há como Como Dirigir Passo a Passo sem uma boa explicação sobre esse momento
em que o carro começa a andar.

Nos automóveis de hoje, não é preciso pisar no acelerador para fazer o veículo andar.

Se você continuar tirando lentamente o pé da embreagem, vai chegar no chamado


ponto da embreagem.

Também chamado de ponto da embreagem, ele é reconhecido pela tremidinha que o


veículo dá.

Se isso acontecer, não se preocupe, não há nada de errado, isso é normal.

Depois da tremidinha, suba o pé esquerdo um pouquinho mais e o veículo começará a


andar.
Ele seguirá em marcha mesmo se você não pisar no acelerador, mas em velocidade
baixíssima.

Se soltar a embreagem um pouco mais rápido, o carro vai apagar.

Esse mecanismo que põe o carro em movimento sem o pedal do acelerador serve apenas
para manobrar e sair de um estacionamento de forma mais prática.

Para parar e não bater em algum lugar, é simples: pise no freio.

Caso esteja em um estacionamento com pilares, use os retrovisores para vê-los.

Se estiver na rua, é necessário sinalizar a saída com a luz indicadora de direção, mais
conhecida como seta ou pisca.

Acelere
A primeira vez que você faz um veículo andar é sempre emocionante.

Mas não se você continuar nessa velocidade.

Para andar de verdade, é preciso acelerar. Pise no acelerador suavemente.

Ao pisar, vá removendo totalmente o seu pé da embreagem.

Pronto, você está dirigindo!

Como Dirigir Passo a Passo Moto — Como Dirigir Passo a


Passo — Dica 2
Torcer o punho do acelerador injeta gasolina no motor.
A alavanca direita aciona o freio dianteiro.
O pedal direito aciona o freio traseiro.

A mão direita é responsável por duas funções cruciais no motociclismo: aceleração e


frenagem,veja agora todas as dicas de cada marcha e como passar a marcha nas dicas
abaixo de Como Dirigir Passo a Passo continue lendo.

Ao torcer o punho, você acelera a moto. Aplique uma pequena torção, seja delicado com
esse controle, porque rotações bruscas do motor podem levar à instabilidade da moto ou
até derrapagens acidentais.

A mão direita também controla os freios dianteiros (como pode ser visto na metade
superior da foto). Puxando a alavanca, você aciona os freios dianteiros. Suavidade é
crucial aqui: puxar a alavanca com muita força pode bloquear os freios dianteiros,
fazendo com que a moto derrape e, potencialmente, provoque uma queda. Embora a
maioria das motos sejam capazes de parar usando a técnica de dois dedos (como pode
ser visto na foto acima), algumas exigem a mão inteira em torno da alavanca. Use a
técnica que funciona melhor com sua moto.

O pé direito opera o freio traseiro (foto na metade inferior da imagem), mas esteja ciente
de que quando os freios dianteiros estão em uso, o freio traseiro torna-se menos eficaz,
uma vez que ocorre a transferência de peso para a frente durante a frenagem. O freio
traseiro pode ser utilizado em conjunto com o dianteiro em uma frenagem mais forte,
para dar estabilidade à moto. Ele é mais eficaz em situações de velocidades reduzidas e
em manobras de baixa velocidade. O freio traseiro é mais eficaz em motos customs
porque elas distribuem muito do seu peso sobre a roda traseira. Os freios dianteiros são
geralmente a maneira mais eficaz de parar uma moto.

Conheça os controles da moto: embreagem


A metade superior da imagem mostra a técnica de acoplamento
de dois dedos (que é comum com motos esportivas),
enquanto que a metade inferior mostra a técnica de quatro dedos
que é normalmente empregue com outros tipos de motos.

A embreagem é a alavanca logo à frente do punho da mão esquerda. A maioria das


motos esportivas requer apenas uma operação de dois dedos (foto superior), enquanto
estiver em curso, viajando, e outros tipos de motos, muitas vezes necessitam de toda a
mão para operar a alavanca (foto inferior).
Pense na embreagem como uma maneira de conectar e desconectar o motor da
transmissão. Quando aperta o manete da embreagem, você está efetivamente colocando
a moto em ponto morto (mesmo que o câmbio esteja engrenado). Quando a moto está
engrenada e você solta a embreagem, está transmitindo a potência do motor para a roda
traseira da moto.

Pratique puxar a embreagem com a mão esquerda, fazendo de forma lenta e gradual.
Imagine que a embreagem é um dimmer, aqueles interruptores com os quais você
aumenta ou diminui a intensidade de uma lâmpada, muito usados em quartos de
crianças, ao invés de um interruptor “On-Off”, e você será capaz de se movimentar de
forma muito mais suave.

A metade superior da imagem revela como trocar de marcha,


usando a sua bota para empurrar a alavanca de câmbio para cima.
A metade inferior mostra uma redução de marcha,
quando a alavanca de câmbio é empurrada para baixo.

Motocicletas mudam de marcha de forma diferente dos carros. Enquanto que a operação
mecânica segue o mesmo princípio, as trocas de marcha nas motocicletas são executadas
ao mover uma alavanca para cima ou para baixo com o pé esquerdo.

Os padrões de deslocamento da motocicleta são os seguintes:

6ª marcha (se aplicável)

5ª marcha

4ª marcha

3ª marcha

2ª marcha

NEUTRO

1ª marcha

A grande maioria das motocicletas incorporam este padrão, o qual é referido como “1ª
para baixo, 5ª para cima.”

Nesse processo de Como Dirigir Passo a Passo você vai levar algum tempo para se
acostumar a encontrar o neutro apenas sentindo a posição da marcha com o pé
esquerdo, de modo que é muito útil você observar a luz verde “N” no painel da moto.
Algumas motocicletas permitem trocar a marcha sem usar a embreagem, mas é
importante ter como hábito usar a embreagem.

A troca de marcha deve ser feita na seguinte ordem:

Acionar a embreagem (usando a mão esquerda)

Acionar a alavanca do câmbio (usando pé esquerdo)

Liberar a embreagem

Acertar o tempo do acelerador com a embreagem irá adicionar suavidade ao processo de


mudança de marchas. Procure colocar as engrenagens da caixa de marcha em
movimento de acordo com a aceleração do motor. A menos que você esteja em uma pista
de corridas, não há razão para forçar seu motor.

Se tudo isso parece complicado, não se preocupe, é mais fácil do que parece!

liguem suas motocicletas!


O câmbio está na posição neutra;

O pedal da embreagem está empurrado até o final.

Nota: não tente operar o câmbio sem pisar no pedal da embreagem.

Como sair com o carro passo a passo. MILA

Aprenda Como Dirigir Passo a Passo e a partir do ZERO com professores e especialistas
que mais entendem sobre direção e REVELAM TODOS OS SEGREDOS de Como dirigir
Como Dirigir Passo a Passo Um Automovel Automatico —
Dica 3
Câmbio automático passo a passo

Posição do câmbio
Neste artigo não só damos dicas de Como Dirigir Passo a Passo mais tambem um passo
a passo de Como Dirigir automóvel automatico.

Q uem dirige um carro automático pela primeira vez pode estranhar a posição do
câmbio. Em vez de estarem dispostas em H, as marchas ficam alinhadas e os
números de 1 a 5 dão lugar a letras. “No carro manual, a troca de marchas é realizada
manualmente através da alavanca de câmbio, já no automático, a mudança acontece
automaticamente conforme se acelera ou freia o veículo”, explica o consultor técnico
Antônio Cesar Costa, da Oficina Brasil.

Disposição das marchas


Basicamente, o carro automático é dotado de:

P = Parking (estacionado). Posição utilizada quando veículo estiver totalmente


parado.

R = Ré. Posição utilizada para mover veículo em manobras para trás.

N = Neutro. Funciona como o ponto morto e pode ser utilizada quando for
necessário movimentar o veículo com motor desligado em pequenas distâncias.

D = Drive (dirigir). Utilizada para andar com o veículo. É nessa posição que as
trocas automáticas acontecem.

4–3–2–1 (L): Essas posições costumam variar de carro para carro, por isso, é
importante consultar o manual antes de sair dirigindo por aí. Elas permitem o
bloqueio das marchas e que podem ser utilizadas em situações extremas (aclive, por
exemplo) quando o veículo tende a trocar de marcha várias vezes automaticamente.
Nessa condição o motorista pode limitar a troca até uma determinada marcha.

Como usar as marchas?


Estacionar: Pise no freio, coloque a alavanca em N, puxe o freio de mão, tire o pé do
freio e passe para P.

Dar a partida: Com a alavanca na posição P, pise no freio para liberar o engate. Mudar o
câmbio a posição D (dirigir) e então soltar o freio de mão.
Nunca coloque as marchas P, R ou N com o carro em movimento.

Em congestionamento, não é preciso colocar o carro em N quando precisar parar,


pode deixar em D.

Como Dirigir Passo a Passo Com o Instrutor ou sozinho?—


Dica 4
O melhor jeito de aprender Como Dirigir Passo a Passo é aprender com um bom
profissional, já que parente pode perder a calma muito fácil, além do mais eles cuidam
de toda a documentação. Mas antes mesmo dos 18 anos você pode começar a se
interessar em conhecer mais o carro, perguntando e prestando atenção como as outras
pessoas dirigem.

Mas tem pessoas que conseguem aprender a dirigir sozinho e até acham melhor pois
optam a dirigir sozinho e se você quer saber Como Dirigir Passo a Passo sozinho no final
deste artigo tem um link que vai te ajudar a dirigir do zero.Se o carona sabe dirigir e é
experiente as vezes piora, pois ele vai te cobrar uma prática que você não tem, vai exigir
uma destreza, uma habilidade que você não tem. Um “vai que agora dá” de um mtorista
experiente pode ser que dê para ele, mas não para o motorista iniciante, que ainda não
tem prática.

Mas porquê será que o motorista iniciante, mesmo morrendo de raiva, nervoso,
inseguro, triste por ser ofendido, xingado, desrespeitado nas suas possibilidades de
dirigir, ainda quer, se sujeita a sair dirigindo com um carona desses do lado?

A resposta é: porque se sente inseguro, porque tem medo de bater, de acontecer alguma
coisa enquanto dirige e porque essas pessoas (caronas) que xingam, que gritam, que
perdem a paciência, que dizem que você não nasceu para dirigir, que é uma “burra”, um
“burro” são aquelas em que mais confiamos. São maridos, namorados, noivos, irmãos,
primos, aqueles que o motorista iniciante admira como motorista, são os melhores
exemplos de motoristas com quem eles imaginam e gostariam de aprender.

Quantas vezes a pessoa se pega pensando: “vou convidar meu marido prá me ensinar a
Como Dirigir Passo a Passo, porque ele dirige há anos”, ou porque ele dirige bem, ou
porque é o melhor motorista que conheço? Daí, essa pessoa em quem confiamos tanto e
esperamos o mínimo de paciência nos xinga, manda voltar para a autoescola, pergunta
porque nos deram a carteira de motorista, e por aí vai. Ficamos tristes, magoados,
choramos, ficamos nervosos, dá um “branco” e aí é que o acidente acontece. Depois, não
adianta pedir desculpas porque já machucou, já magoou, já deixou prá baixo, já jogou
nossa auto-estima na lona.
Uma coisa é fato: você ter um, dois, quatro caronas dentro do carro, mas ele não pode
ser os seus pés (quem pisa na embreagem, acelera ou freia é o motorista), ele não pode
ser suas mãos (quem comanda o volante e o câmbio de marchas é o motorista), ele não
pode ser os seus olhos (quem registra a imagem, a processa e toma decisões, reage no
trânsito, comanda o automóvel é o motorista).

Muitas vezes ficamos mal acostumados, nos acomodamos na zona de conforto de ter
alguém para dirigir pela gente e aí vem aquele “meu marido me leva” mesmo com a cara
amarrada, mas leva.

A gente se acostuma a ter pessoas que pensam e decidam pela gente e vem aquele “amor,
o que é que eu faço” como se outra pessoa subesse o que é melhor prá gente além de nós
mesmos. Criamos uma dependência, condutores.

Lembro que depois que me separei e saí de um relacionamento de 8 anos parecia que o
mundo ia acabar: não sabia mais nem atravessar a rua sozinha. E isso também acontece
com quem está (re)aprendendo a dirigir e estava acostumado, ate então, a ter alguém
dirigindo por ele, decidindo os trajetos por ele, escolhendo as ruas onde entrar. E agora
que estou sozinho na vida e no volante?

Recebo muitos e-mails e postagens nas redes sociais de pessoas que contam suas
histórias: são pessoas que ficaram viúvas e perderam o marido ou a esposa motorista
para sempre; são motoristas jovens com medo de dirigir que tem parentes, pais, filhos
doentes ou deficientes e que precisam levar ao médico, às consultas, mas travam por
causa do medo de dirigir então nós preparamos esse artigo de Como Dirigir Passo a Passo
independente da situação que cada um viveu ou esteja vivendo. São pessoas que se
separaram e perderam o motorista, a facilidade de alguém dirigindo por eles. A vida nos
prega essas peças e nós ficamos lá, com o carro na garagem olhando prá gente doidinho
prá fazer amizade conosco e sair no trânsito, mas travamos.

Aprenda Como Dirigir Passo a Passo e a partir do ZERO com professores e especialistas
que mais entendem sobre direção e REVELAM TODOS OS SEGREDOS de Como dirigir
passo a passo CLIQUE AQUI. e aprenda agora a Como Dirigir Passo a Passo.

About Help Legal

Get the Medium app

Você também pode gostar