Você está na página 1de 5

empresa de pequeno porte a pessoa jurídica que tenha auferido, no ano-calendário, receita bruta superior a

R$ 240.000,00 (duzentos e quarenta mil reais) e igual ou inferior a R$ 2.400.000,00 (dois milhões e
quatrocentos mil reais). (Redação dada pela Lei nº 11.196, de 2005)

http://www.portaltributario.com.br/legislacao/lei9317.htm

Como já foi exposto, nosso país não possui definições doutrinárias de micro
e pequenas empresas, por isso consideraremos os conceitos
administrativos do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas
Empresas –Sebrae e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico
Social – BNDES e aquelas amparadas em nossa legislação no SIMPLES e no
Estatuto da Micro e Pequena Empresa.
No Brasil, segundo definição do BNDES feita pela receita bruta ao ano,
considera micro aquelas com faturamento de até R$ 900 mil; pequena, as
com faturamento até R$ 7,8 milhões e médias as com receita de até R$ 20
milhões.
Pelo Estatuto, considera-se como micro as empresas com receita de até R$
244 mil, pequenas as que vão até R$ 1,2 milhão e não faz referência às
médias.
A Receita Federal classifica as micro como aquelas que tem receita bruta ao
ano de até R$ 120 mil, pequena as que vão até R$ 1,2 milhões e médias
aquelas que chegam no limite de R$ 24 milhões.
Já o Sebrae valendo-se do número de empregados, vai classificar as micro
empresas no setor industrial aquelas com até 20 empregados, as pequenas
aquelas com até 100 e as médias aquelas com até 500. No setor de
comércio e serviços: até 10 empregados nas micro, 50 nas pequenas e 100
nas médias.
www.franca.unesp.br/artigos/edson.pdf

Projeto: APL de Tecelagem do Seridó Potiguar.

Público Alvo:
Empresas de Tecelagem participantes do APL, dos municípios de Jardim de Piranhas, Caicó e Currais Novos.

Objetivo Geral:
Aumentar as vendas das empresas através da criação de novos canais de distribuição, diversificação da
produção e atendimento a classe B.

Resultados Finalísticos (clique para


visualizar o resultado)
• 2 - Aumentar em 15% a carteira de clientes internos das empresas participantes do APL de
Tecelagem, atendidas pelo projeto, até dezembro de 2012

• 3 - Aumentar em 15% o faturamento das empresas participantes do APL de Tecelagem,atendidas


pelo projeto, até dezembro de 2012

Resultados Intermediários (clique


para visualizar o resultado)
• 1 - Regularizar 100% com licença ambiental as empresas participantes do APL de Tecelagem,
atendidas pelo projeto, até dezembro de 2012.

• 4 - Elevar em 15% o desenvolvimento de novos produtos das empresas participantes do APL de


Tecelagem, atendidas pelo projeto, até dezembro de 2012

• 5 - Reduzir em 30% o desperdício das empresas participantes do APL de Tecelagem, atendidas pelo
projeto, até dezembro de 2012

Situação do Projeto em: 06/12/2010


Os trabalhos de consultorias com os pequenos tecelões de J. de Piranhas, para licenciamento ambiental
estão a todo vapor. Vamos encerrar 2010 com 70 processo em andamento, elaboração de projetos e entradas
nos orgõas competentes.

Notícias do Projeto Agenda do Projeto Outros Resultados Contextualização

Andamento:
<> <> <>
Gestor do PAIF:
José Rangel de Araújo
Coordenador Nacional:
Edlamar Aparecida da Silva
Coordenador Estadual:
Maria Auxiliadora Duarte Sales Muniz
Coordenador Regional:

Comitê Gestor
Suporte

Setor Econômico:
Têxtil e Confecções
Público-Alvo: 24
Parceiros

Data Início: 01/01/2010


Data Término: 31/12/2012
Horiz. de Planejamento
35 meses
Pacto Original: 30/04/2010
Último Pacto: 16/11/2010
Programa:
Municípios:
Caicó
Currais Novos
Jardim de Piranhas

http://www.sigeor.sebrae.com.br/visualizacao/frmVisualizarArvore.aspx?
PID=NjM0Mjg1NzU1NTk1NTAzMjUz

“ Projeto é um empreendimento planejado que consiste num conjunto de atividades inter-relacionadas e


coordenadas, com o fim de alcançar objetivos específicos dentro dos limites de um orçamento e de um
período de tempo dados”.

( PROCHONW, Schaffer, 1999 apud ONU, 1984)

Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou


resultado exclusivo.
2 Produtos, serviços ou resultados exclusivos.
Um projeto cria entregas exclusivas, que são produtos, serviços ou resultados. Os
projetos podem criar:
* Um produto ou objeto produzido, quantificável e que pode ser um item final ou um
item componente
* Uma capacidade de realizar um serviço, como funções de negócios que dão suporte à
produção ou à distribuição
* Um resultado, como resultados finais ou documentos. Por exemplo, um projeto de
pesquisa desenvolve um conhecimento que pode ser usado para determinar se uma
tendência está presente ou não ou se um novo processo irá beneficiar a sociedade.
A singularidade é uma característica importante das entregas do projeto.
Os projetos e as operações diferem principalmente no fato de que as operações
são contínuas e repetitivas, enquanto os projetos são temporários e exclusivos.
Guia PMBOK 3ª edição

Um Projeto é um esforço temporário empreendido para alcançar um objetivo específico. Eles são
semelhantes às operações em função de serem executados por pessoas, geralmente terem limitações de
recursos e serem planejados, executados e controlados.

Gerenciamento de Projetos pode


ser aplicado a projetos
independentemente de suas
dimensões, prazos e orçamentos.
Alguns exemplos incluem:

 Desenvolver um novo
produto ou serviço;

 Efetuar mudança na
estrutura, no pessoal ou no
estilo de uma organização;

 Conceber um novo veículo


de transporte;

 Desenvolver ou adquirir
um sistema de informações
novo ou modificado;

 Construir um edifício ou
uma instalação;

 Conduzir uma campanha


política;

 Implantar um novo
procedimento ou processo
de negócio.

O que é Gerenciamento de Projetos?

De acordo com o "A Guide to the Project Management Body of


Knowledge" - 2000 Edition, [Project Management Institute (PMI®)
December 2000], Gerenciamento de Projetos é a aplicação de
conhecimentos, habilidades, ferramentas e técnicas nas atividades do
projeto a fim de atender os requisitos do projeto. Ele pode ser melhor
explicado através dos processos que o compõem, que podem ser
reunidos em cinco grupos de processos - Iniciação, Planejamento,
Execução, Controle e Encerramento - e em nove Áreas de Conhecimento
- Gerenciamento da Integração do Projeto, Gerenciamento do Escopo do
Projeto, Gerenciamento do Tempo do Projeto, Gerenciamento dos
Custos do Projeto, Gerenciamento da Qualidade do Projeto,
Gerenciamento dos Recursos Humanos do Projetos, Gerenciamento da
Comunicação do Projeto, Gerenciamento dos Riscos do Projeto e
Gerenciamento dos Fornecimentos de Bens e Serviços do Projeto.

A equipe do projeto gerencia os trabalhos envolvidos nele, que


geralmente envolvem:

 Balanceamento de demandas conflitantes do escopo, tempo,


custo, risco e qualidade do projeto;

 Satisfação de diferentes interessados (stakeholders ) com


diferentes necessidades e expectativas;

 Alcance dos requisitos estabelecidos.

O termo Gerenciamento de Projetos é às vezes utilizado para descrever


uma abordagem organizacional ao gerenciamento de operações
rotineiras. Essa abordagem trata muitos aspectos das operações
rotineiras como projetos a fim de aplicar as técnicas de Gerenciamento
de Projetos a elas.

http://www.pmisp.org.br/ger_projetos.asp

Muitas empresas estão adotando a estrutura de projetos no seu dia-a-dia. Desde a


concepção de um novo software até a implantação dos procedimentos de atendimento a
clientes, desde a construção de uma ponte até a revisão dos processos de venda com vistas a
aumentar a taxa de fechamento de negócios, muitos empreendimentos no seio das
organizações se enquadram na classe de projetos. Nos mais diversos setores, a abordagem
de gerenciamento de projetos está ganhando terreno por permitir um melhor uso dos
recursos para se atingir objetivos bem definidos pela organização. Sabendo da importância
de se gerenciar bem um projeto, vamos ver os passos que nos levam a melhorar nossas
habilidades de gerenciamento de projeto.
Tudo começa com a contratação de uma empresa para tocar o projeto ou a definição dos
colaboradores internos que integrarão a equipe de projeto. Num dia determinado, inicia-se o
projeto. Este momento deve ser formalizado com um documento que se chama de “termo
de início do projeto”. Em projetos maiores, deve ser um documento assinado pelos
patrocinadores e pelo gerente do projeto. Para projetos menores, pode ser um e-mail que o
gerente envia aos patrocinadores, copiando os demais envolvidos, para notificar que
naquele momento se inicia o projeto e todos estão envolvidos com a sua execução.
Início da página

http://www.microsoft.com/brasil/msdn/tecnologias/carreira/gerencprojetos.mspx