Você está na página 1de 1

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

SETOR DE TECNOLOGIA
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA

1 Trabalho Escolar da Disciplina TM 244 - Elementos de Máquinas I, realizado às 17h 30min do dia 06/05/2010.

Aluno: ____________________________________________________________________________
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
01) 2,0 A figura mostra duas barras com a mesma seção transversal mínima. Uma lisa e outra com
entalhe. Ambas são construídas com aço AISI 1050 normalizado (resistência ao escoamento de 550 MPa e
resistência à ruptura por tração de 725 MPa, f = 0,87), usinado. O mesmo valor da carga alternada  P é aplicada
em cada barra. Considere temperatura ambiente, sem outros efeitos e confiabilidade de 95%. Considerando que as
tensões dinâmicas no entalhe são 70% maiores que na região sem entalhe, qual o valor da carga P para o limite de
vida infinita à fadiga para cada barra utilizando o critério de Goodman?

02) 2,5 Um componente em aço operou durante 2.030.000 ciclos sob tensão de flexão rotativa de 80 %
do limite de resistência para vida infinita à fadiga. Ocorreram, em seguida, 2.030 ciclos de sobrecarga. Em seguida o
carregamento retornou ao original, porém, o componente falhou após 203.000 ciclos de carga. Qual o valor da
sobrecarga à qual o componente foi submetido? O componenete apresentava Srt = 1150 MPa, f = 0,9 e S n = 500
MPa.

03) 2,5 Um ensaio de flexão a quatro pontos em um corpo de prova prismático com largura de 15 mm e
altura de 8 mm foi conduzido com tensão mínima de 10% da tensão máxima, em relação à fibra material mais
carregada. A tensão média foi de 385 MPa. O material do corpo de prova é o aço CA6NM, temperado e revenido,
polido, e tem seu comportamento bem descrito pelo critério de fadiga de Gerber. O ensaio ocorreu à temperatura
ambiente, sem outros efeitos, representando uma condição limiar (coeficiente de segurança unitário) de vida infinita
à fadiga. Que tensão de ruptura sob carregamento uniaxial é esperada para esse material?

04) 3,0 Apresente a expressão que calcula o diâmetro D do eixo de seção circular constante da figura. O
eixo é construído em aço com S MPa de resistência à ruptura por tração e 75 % desse valor de resistência ao
escoamento. A resistência à fadiga para vida infinita é 20 % da resistência à ruptura por tração. O coeficiente de
segurança é 2. Além do carregamento de flexão rotativa atua no eixo um torque, de uma extremidade à outra, com
valor numericamente igual ao dobro do máximo momento fletor atuante. Utilize o critério de Goodman para o cálculo
de fadiga. Despreze a tensão cisalhante devida à força cortante.

Você também pode gostar