Você está na página 1de 17

IMPACTO SÓCIO-ECONOMICO E AMBIENTAL URBANO DECORRENTES

DA OCUPAÇÃO DESORDENADA

(BAIRRO DA MUNHAVA, CIDADE DA BEIRA)

AFIZA BENJAMIM ZIA


AFIZA BENJAMIM ZIA

IMPACTO SÓCIO-ECONOMICO E AMBIENTAL URBANO DECORRENTES DA

OCUPAÇÃO DESORDENADA

(BAIRRO DA MUNHAVA, CIDADE DA BEIRA)

LICENCIATURA EM GESTÃO AMBIENTAL E DESENVOLVIMENTO


COMUNITÁRIO

UNIVERSIDADE LICUNGO
BEIRA
2018

II
AFIZA BENJAMIM ZIA

IMPACTO SÓCIO-ECONOMICO E AMBIENTAL URBANO DECORRENTES DA

OCUPAÇÃO DESORDENADA

(BAIRRO DA MUNHAVA, CIDADE DA BEIRA)

LICENCIATURA EM GESTÃO AMBIENTAL E DESENVOLVIMENTO


COMUNITÁRIO

Trabalho de Pesquisa a ser entregue no


departamento de ciências da terra e
Ambientas para fins de avaliação na cadeira
Metodologia de Estudo e Investigação
Cientifica

UNIVERSIDADE LICUNGO

BEIRA
2018

I
ÍNDICE GERAL
ÍNDICE DE TABELAS ................................................................................................................ III

ÍNDICE DE FIGURAS................................................................................................................. IV

INTRODUÇÃO : ............................................................................................................................ 1

1. CAPITULO I. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA .................................................................. 4

2. CAPITULO II: ESTUDO DE CASO ...................................................................................... 8

3. CONCLUSÃO....................................................................................................................... 10

4. REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS .................................................................................. 11

II
ÍNDICE DE TABELAS

1.Tabela1: Apresenta um resumo dos Custos estimados do todo o Processo (Orçamento) ………………………9
Tabela 2: Fonte autor---------------------------------------------------------------------------------------------- ---------9

III
ÍNDICE DE FIGURAS

Figura 1 – Rede de interacção dos impactos decorrentes ocupação desordenada.--------------------------------------7


Figura2: Fonte Internet-16-05-2020-------------------------------------------------------------------------------------------8

IV
INTRODUÇÃO
Com o presente projecto pretende-se apresentar, para os espaços urbanos
moçambicanos, a Relação Impacto socioeconómicos e ambientais urbanos
decorrentes da ocupação desordenada. Cada um deles mereceria uma análise em
separado englobando: os factores e consequências das formas de distribuição espacial
da população e o papel dos espaços urbanos; num processo complexo e dinâmico de
mobilidade populacional e de urbanização, surgem e marcam o território moçambicano
e; as tendências que se apresentam para o futuro, de forma a poder prever as correcções
mais adequadas a um desenvolvimento e, para que os espaços urbanos desempenhem
um papel motor no seu crescimento e no desenvolvimento dos espaços sob a sua
influência. Mas a sua estreita interdependência torna possível uma abordagem conjunta,
considerando-se algumas das suas principais inter-relações.

Sendo para satisfazer o tema teremos que fazer demonstrativa e explicar a relevância da
importância da Justificativa e Escolha de Tema relativamente ao impacto
Socioecónomicos e Ambientes Urbanos decorrentes da ocupação desordenada, que tem
como a finalidade de trazer os pontos positivos sobre a organização territorial do Bairro
em particular Munhava, visto que a situação desordenada vista no bairro da Munhava
trouce a razão de pesquisa relacionado com esta decorrente ocupação desordenada.
Após a justificativa e a escolha do tema houve a necessidade de fornecer a Definição e
colocação do problema, visto que o tema refere-se a O impacto Socio-Economicos e
Ambientes Urbanos decorrentes da ocupação desordenada então Face a esta
problemática, coloca-se a seguinte questão:

“Como e que a população da Munhava consegue viver com esse loteamento


clandestino?”, com base em definição e colocação do problema teve a abertura de
desenvolver as Hipóteses , que será desenvolvido em seguintes hipóteses:

Hipótese primária
 Possivelmente terão que desenvolver as tecnicas e procedimentos que facilitarão
no levantamentos de dados realisticos da população alvo da munhava, com
intuito de metigar essa provavel situação de impacto socio-economico e
ambientais urbanos decorrentes da ocupação desordenada;
1
Hipóteses secundárias
 Talvez adopção de métodos severos de controlo territorias provavelmente
podera ajudar bastante em redução do impacto sócio-economico e ambientais
urbanos decorrentes da ocupação desordenada;

 Provavelmente a distribuição terrritorias elaborada pelo autoridades municipais


com base em mapas cartograficas podera ajudar na desiminação de informação
ligados a loteamentos das possiveis parcelas para que não tenham o impacto
maior da ocupação desordenadas;

Depois de desenvolver as hipóteses observou – se as possíveis linhas mestras para


elaboração dos Objectivos que ajudara a completar o trabalho da pesquisa sendo assim
teremos os seguintes objectivos:
Objectivos Geral
 Conhecer as consequencias socio-economico e ambiental causados pela
ocupação desordenadas;

Objectivos Específicos
 Identificar os impactos ambientais causados pela ocupação desordenada na zona
da munhava;
 Mencionar os nelhos forma de como como levantar ;
 Verificacao das possiveis area onde existe maior desordenamento urbano em
bairro de Munhava;
 Demonstração quantitativas de numeros da populacao que vivem em situacoes
propenças em Munhava;

Apos a colocação dos objectivos para determinar os possíveis meios de utilização e


procedimentos de trabalhos que ajudaram no apuramentos de dados, levantara-se as
Proposta de procedimento metodológicos que será baseados em métodos que
provavelmente ira-se usar no trabalho de pesquisas que são :

Tipo de Ferramentas para Elaboração do Projecto

A ferramenta para a realização do projecto basear-se-á em pesquisa a internet,


artigos, amostras locais do caso do estudo, monografias e dissertações e entrevistas.

2
Metodologia de Pesquisa do Projecto

 Métodos Quantitativos (basear-se-á a partir de valor quantitativos adquiridos no


Campo) quer dizer, de dados numéricos para estudo do impacto socioeconómicos e
ambientais urbanos decorrentes da ocupação desordenada;
 Métodos Qualitativos (apoiar-se a partir de gráficos qualitativo, grupo alvo em
estudo com base em analise do problema da desordenamento;
 Método hipotético dedutivo (a partir da situação da apresentação do impacto socio-
economico que encontra-se o bairro da Munhava, surge o problema para expressar
as dificuldades da situação do desordenamnto em que são formuladas hipóteses;
das hipóteses deduzem-se consequências a serem testadas ou falseadas no percurso
do trabalho verificado;
 Métodos dialéticos (empregado em pesquisa qualitativa, considerada que a situação
do desordenamento que não pode ser analisada fora do contexto social, mas
trazendo as soluções no sentido de resolver o problema já identificado;

Estrutura do Projecto de Pesquisa


As etapas metodológicas do desenvolvimento do estudo e da estrutura da
monografia serão divididas em dois capítulos:
Capítulo I- Fundamentação teórico contextual, onde estão apresentadas as teorias
relacionadas ao problema, que servirão de base para a o desenvolvimento do trabalho;
Capítulo II- É estudo de caso do do impacto socioeconómicos e ambientais urbanos
decorrentes da ocupação desordenada, a conclusão, as referências bibliográficas,

3
1. CAPITULO I. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

1.1. IDENTIFICAÇÃO E DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES IMPACTANTES


De acordo com Silva (2001), actividades impactantes são as acções desenvolvidas no
sentido de implantar e conduzir o empreendimento impactante, que no presente caso
refere-se à ocupação desordenada do solo urbano no município da Beira em particular
Bairro da Munhava. A escolha dos problemas ambientais identificados deve-se ao fato
destes serem problemas que afectam todos os recantos dos limites urbanos da cidade; e
por serem problemas ambientais que determinam a própria qualidade de vida dos
cidadãos que nela habitam. Sendo assim haverá necessidade de estudar a identificação
dos impactos ambientais que será.

A lista dos impactos ambientais será elaborada por meio da listagem de controlo (check
list). Este método, segundo Silva (2001), consiste no vislumbramento e na listagem de
consequências (impactos ambientais) quando se considera a capacidade transformadora
do ambiente físico, biótico e antrópico, sob o prisma positivo e negativo, de causas
(actividades impactantes) conhecidas. As listagens de controlo consistirá na relação de
factores ambientais (podendo ser associados a parâmetros) e das acções do
empreendimento, sendo um método útil para a análise de impactos ambientais,
evitando-se omissões de impactos ambientais relevantes. A fim de interpretar a
importância dos impactos ambientais levantados, os mesmos foram classificados de
acordo com a sua importância: - Grau 2 (impactos de maior importância) - impactos
permanentes, que se relacionam com a cadeia alimentar, recursos hídricos,
biodiversidade e minorias étnicas;

Comentario:para esse caso os impactos são estudados em âmbito dos resultados negativos que basear-se
em análise da situação do impacto socioeconómico e ambientais urbanos decorrentes da ocupação
desordenada visto que em algum instante também é influenciada por número de agregado familiar
pertencente a uma de família.
1.2.INDICAÇÃO DE MEDIDAS AMBIENTAIS
Após identificar e descrever os impactos propôs-se as medidas mitigadoras (destinadas
aos impactos negativos) ou potencializadoras (destinadas aos impactos positivos)
delineadas para cada um dos impactos ambientais identificados, considerou-se as

4
seguintes características: a natureza (se preventiva ou correctiva); o factor ambiental ao
qual se destina; a responsabilidade pela execução.

1.3.RESULTADOS E DISCUSSÕES
Vista sob uma perspectiva ambiental, de acordo, sobretudo com as prescrições legais
relativas à protecção ao meio ambiente, sem perder de vista as normas disciplinadoras
da construção civil, sobretudo na área urbana, pode-se chegar à conclusão de que
efectivamente a pressão imobiliária relativamente a impacto socioeconómicos e
ambientais urbanos decorrentes em Bairro de Munhava é um problema que tem
contado com o descaso do Poder Público. As origens deste problema podem estar
relacionadas desde a especulação das casas desordenadas que é grande problemas em
Munhava, pelo crescimento populacional do município e ainda pela alta população
flutuante, de alfabeto e com um número reduzido de população com possibilidade de
educação devida, aos quais os imóveis se destinam, para fins de locação. A ocupação
desordenada do solo de ambientes Beirense, bem como loteamentos localizados em
áreas de acentuado declive, provocando alterações na qualidade e quantidade de água da
bacia, contudo, é que tem causado grandes problemas ambientais, uma vez que não são
observados os mandamentos legais. A análise da pressão imobiliária como ponto de
partida de uma rede de interacção, objectiva levar em conta os impactos ambientais
delas decorrentes, formaria um número bastante elevado de níveis de impactos directos
e indirectos.
1.4.IDENTIFICAÇÃO E DESCRIÇÃO DAS ACTIVIDADES IMPACTANTES
Meio físico
Clima
Solo:
 Exposição do solo;
 Diminuição da infiltração da água pluvial no solo;
 Aumento da susceptibilidade a processos erosivos (sulcos, voçorocas;
 Degradação dos vales;

Ar:
 Aumento de particulados (poeira)

5
Água:
 Diminuição do nível de água do lençol freático, desregularizando a vazão
Elevação do nível de turbidez;
 Assoreamento dos canis de drenagem;
 Enchentes;
Meio Antrópico
 Alteração do uso do solo;
 Geração de empregos;
 Perda do ambiente natural para o lazer;
 Aumento da arrecadação de impostos municipais;
 Impacto visual, piora do valor cénico;
 Problema de saúde pública devido a depreciação da qualidade química da
Água;
 Maiores custos para o tratamento da água;
 Piora da qualidade de vida urbana devido aos efeitos negativos relacionados ao
microclima local e qualidade do ar;

1.5.REDE DE INTERAÇÃO DOS IMPACTOS


Vale registrar que todos esses impactos podem ser mitigados ou potencializados, caso
sejam, negativos ou positivos, respectivamente. Para tanto, há a necessidade de definir
medidas pontuais sob os aspectos técnicos e financeiro.
O que se justifica pelo fato de se verificar presente o referido processo impactante em
todos os empreendimentos voltados à edificação de construções das mais diversas
naturezas, o que se verificou são casas desordenadas naquela Urbina.
Os impactos ambientais identificados podem ser assim enumerados, tomando-se como
base o método check-list como auxiliar na construção da rede de interacção a seguir
apresentada na Figura 1, a qual foi construída adoptando-se como ponto de partida os
processos impactantes, e os demais níveis como os impactos decorrentes do referido
processo.
No primeiro nível, foram inseridos os impactos considerados direitos. Os demais,
indirectos. Indica-se, também, no fluxograma, com os sinais (+) ou (-) a natureza dos
impactos: positivos e negativos, respectivamente. Foram considerados, da esquerda para
a directa, os meios físico, biótico e antrópico.

6
1.6.ESQUEMA DE IMPACTOS SOCIOECONÓMICOS DECORRENTES A
OCUPAÇÃO DESORDENADAS DO BAIRRO DA MUNHAVA, BEIRA

Ocupação Desordenadas

Meio físico IDENTIFICAÇÃO E DESCRIÇÃO


Meio Antrópico
DAS ACTIVIDADES IMPACTANTES

Solo:  Maiores custos para o tratamento da


 Exposição do solo; água;
 Diminuição da infiltração da água pluvial no solo;  Piora da qualidade de vida urbana
 Aumento da susceptibilidade a processos erosivos devido aos efeitos negativos
(sulcos, voçorocas; relacionados ao microclima local e
 Degradação dos vales; qualidade do ar;
Figura 1 – Rede de interacção dos impactos decorrentes ocupação desordenada.
1.7.DEFINIÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DAS MEDIDAS DO IMPACTO
DESORDENAMENTO (MITIGADORAS OU POTENCIALIZADORAS)
Deve-se ter presente, ainda, sobre as anotações de “responsabilidades”, que o “Poder
Público” identifica todos os órgãos estatais que porventura tiverem suas atribuições
vinculadas à actividade considerada. Não é possível identifica-los um a um, posto que
as competências são fixadas por leis específicas instituidoras de cada órgão ou
instituição. E, ademais, de acordo com a organização local e municipal os órgãos podem
possuir competências e configurações diversas; bem como estarão subordinados, em
muitos casos, aos Órgãos ou Instituições governamentais dos Estados ou Federais, que
possuem regulamentos específicos. Os lançados na tabela apenas o foram a título de
exemplo. Em outras hipóteses, a utilização da referida expressão, identificando-se com a
esfera de Poder Público, pode-se referir tão-somente à competência de edição de leis
relativas ao assunto ou matéria, sobretudo de planeamento, mais a feita ao Poder local
(município). E, assim, serão identificadas as regulamentações sobre o impacto das
limitações ao direito de construir estabelecidas em cada nível.

7
2. CAPITULO II: ESTUDO DE CASO

2.1.Localização geográfica local em estudo


Sobre a localização geografia do Bairro da Munhava, é um bairro que faz parte da
Cidade da Beira, o Bairro com Maior número de População, que de acordo com a
informação é o bairro que apresenta com maior percentagem de desordenamento
territorial, que anteriormente sofriam de enchente que apos a resolução de problema de
sistema de drenagem criou o alívio do canal e resultando em redução do enchente
naquele bairro. Abaixo apresentamos a localização em espaço do Bairro da Munhava:

Figura2: Fonte Internet-16-05-2020

2.2.Impactos Socioeconómicos E Ambientais Urbanos Decorrentes Da Ocupação


Desordenada No Bairro De Munhava

Relativamente aos impactos socioeconómicos e ambientais urbanos decorrentes da


ocupação desordenadas nos bairros de Munhava de acordos com as pesquisas e
informação apuradas, houve a necessidade de formular as seguintes informação
pertinente para o avanço do trabalho.
2.3.Simulação de Custos estimados do Processo de Deslocalização de 20 Infra-
estruturas e Reassentamento das 10 famílias relativamente sobre a construção
desordenada.

8
Tabela1: Apresenta um resumo dos Custos estimados do todo o Processo (Orçamento)
CUSTOS PREVISTOS (em ACTIVIDADES MODALIDADE DE
USD) EXECUÇÃO
90 000 Compra no mercado local da
Aquisição de 10 habitações cidade da
para Beira pelo Consórcio
Reassentamento (custo de responsável pela
substituição) Elaboração do Projecto com
fundos
10 000 Subsídio de instalação a cada Atribuição da verba a cada
família ( valor previsto/família: família
50 000 MT) para fazer face a através do Empreiteiro
despesas relacionadas com responsável
transportes, instalação de pelas Obras do Projecto com
contadores de água e luz nas supervisão
novas casas e da Fiscalização do Projecto e
restabelecimento da vida fundos
económica ( primeiros 6
meses de instalação)
60 000 Empreitada a ser
desenvolvida pelo
Reconstrução de 20 Empreiteiro das Obras do
instalações sanitárias e 13 Projecto de
fossas sépticas Infraestruturas das
residências para Bairro de
Munhava
7 500 5% de contingências
160000 Total Geral

2.4.Simulação de Cronograma previsional


O Processo de Deslocalização das 20 Infra-estruturas Sanitárias e de Reassentamento
das 10 famílias constitui parte integrante do Projecto de residências na Cidade da Beira
devido a decorrentes ocupações desordenada. Nessas circunstâncias, as actividades nele
previstas deverão ser necessariamente consentâneas com o seu plano de execução.
Tabela 2: Fonte autor
Actividades Data Indicativa
Aquisição das Habitações de Reassentamento Junho/Julho 2020
Processo de mudança das famílias a reassentar nos Agosto/Setembro 2020
diversos bairros da cidade
da Beira
Início da construção das 20 instalações sanitárias Junho 2020
ao longo da Bacia 3
Início da Obra do Projecto de Residências Junho 2020

9
3. CONCLUSÃO

O presente trabalho permitiu concluir que a realidade do Bairro de Munhava, assim


como do grande número de Bairros da Cidade da Beira, encontra-se em situações de
ocupação desordenadas com o que a legislação relativamente ao meio ambiente e ao a
urbanização prevê e demonstra a grande falta de preocupação com a gestão do espaço.
O planeamento urbano ainda está longe de atingir um patamar considerado ideal. A
análise e identificação dos problemas ambientais são tarefas árduas. Ressalte-se que a
participação de um maior número de perfis profissionais permite, em verdade, a
identificação mais detalhada de aspectos afeitos a cada área de conhecimento.
Deste modo, a realização de estudos de Impacto socioeconómicos e ambientais
urbanos decorrentes da ocupação desordenada deste trabalho, trouxe proveitosos
benefícios e conscientização para a problemática ambiental urbana, e da mesma forma,
trouxe-nos um contributo inarredável ao crescimento pessoal e profissional.

10
4. REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 IMPACTOS AMBIENTAIS DECORRENTES DA OCUPAÇÃO


DESORDENADA NA ÁREA URBANA DO MUNICÍPIO DE VIÇOSA,
ESTADO DE MINAS GERAIS- Thelma Shirlen SOARES, Rosa Maria Miranda
Armond CARVALHO, Eder Cristiano VIANA, Flávia Corrêa Borges ANTUNES- 08,

AGOSTO DE 2006.
 PROJECTO DE REABILITAÇÃO, EXTENSÃO E OPERAÇÃO DO
SISTEMA DE DRENAGEM PLUVIAL DA CIDADE DA BEIRA-AIAS,
Republica de Moçambique- Cidade da Beira-2017

11