Você está na página 1de 10

© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

Enem/Vestibular
Caderno de Simulados

1
Direção: Sandra Possas
Edição executiva de conteúdos digitais: Adriana Pedro de Almeida
Gerência de produção: Christiane Borin

Elaboração de conteúdo: Camila Dias, Carina Guiname Shiroma,


Mauricio Shiroma
Edição: Gabrielle Navarro, Thais Tardivo
Revisão linguística: Rich Rafterman
Revisão: Amanda de Lima Lassak, Flora Vaz Manzione, Katia Gouveia
Vitale, Lívia Cordeiro Mantovani, Vivian Cristina de Souza
Coordenação de arte: Raquel Buim
Edição de arte: Priscila Wu
Projeto gráfico: Priscila Wu
Captura de fotos: Adriana Neves, Sara Alencar
Coordenação de bureau: Américo Jesus
Tratamento de imagens: Marina M. Buzzinaro

Embora todas as medidas tenham sido tomadas para identificar e contatar os

© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.
detentores de direitos autorais sobre os materiais reproduzidos nesta obra,
isso nem sempre foi possível. A editora estará pronta a retificar quaisquer
erros dessa natureza assim que notificada.
Although every effort has been made to trace and contact copyright holders
before publication, this has not always been possible. We apologize for any
apparent infringement of copyright and, if notified, the publisher will be
pleased to rectify any error or omissions at the earliest opportunity.

Reprodução proibida. Art. 184 do Código Penal e Lei 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
Todos os direitos reservados.

© Editora Moderna Ltda., 2015

Richmond
EDITORA MODERNA LTDA.
Rua Padre Adelino, 758 – Belenzinho
São Paulo – SP – Brasil – CEP 03303-904
Central de atendimento ao usuário: 0800 771 8181
www.richmond.com.br
2015
Apresentação

Entre a escolha de uma carreira e a realização dos


exames de admissão em uma faculdade existe um longo
processo de preparação que envolve, além dos conhe-
cimentos específicos de cada disciplina, aprender a iden-
tificar os diferentes estilos de avaliação, o formato das
questões, os gêneros textuais mais explorados e as com-
petências exigidas. Essa familiarização com a prova é
fundamental, pois é assim que o candidato adquire mais
segurança e tranquilidade para aplicar o que sabe com
o máximo de aproveitamento possível. Pensando nisso,
este material foi especialmente desenvolvido para enri-
quecer os estudos para os exames de língua inglesa.
Organizado em duas partes, este Caderno de Simula-
dos apresenta questões inéditas elaboradas no estilo das
© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e de di-


ferentes vestibulares aplicados em todo o país. A primeira
parte, dedicada ao Enem, tem como foco a interpretação e
a compreensão da língua inglesa, contemplando textos de
diversos gêneros, como histórias em quadrinhos, anúncios
publicitários e campanhas de conscientização, mas com
questões em português, assim como no exame original. A
segunda parte, dedicada aos vestibulares, também inclui
exercícios de interpretação e compreensão de diferentes
tipos de textos e trabalha, ainda, questões de vocabulário e
análise gramatical.
Além de manter uma estrutura similar à das avalia-
ções, este caderno explora os conteúdos da língua inglesa
mais frequentes nesses exames. Assim, o candidato pode
testar seus conhecimentos, conferir todas as respostas no
final do material e, com base em uma análise de desem-
penho, avaliar quais tópicos precisam ser mais estudados.
O objetivo principal é oferecer um material rico, composto
de questões com o mesmo nível de dificuldade do Enem
e de vestibulares, que sirva como mais uma ferramenta
de estudo na preparação para o ingresso na universidade.

3
Estratégias de leitura

Questões de interpretação de texto fazem parte da maioria das provas de língua


estrangeira. Em alguns exames, elas são predominantes, enquanto em outros, inter-
calam-se com atividades de gramática. Em virtude da recorrência e relevância desse
tipo de questão nas provas, apresentamos a seguir algumas dicas que podem ajudá-
-lo a alcançar um bom resultado:
► Inclua em sua rotina de estudos a leitura de sites jornalísticos em inglês, espe-
cialmente de notícias sobre acontecimentos internacionais.
► Treine a identificação das ideias principais e secundárias do texto.
► Fique atento ao gênero do texto, que pode ser jornalístico, literário, poético,
entre outros. Cada gênero textual possui certas particularidades que oferecem
indícios sobre a maneira como a informação será tratada nas questões.
► Ao analisar uma imagem, seja um quadrinho, um gráfico ou uma peça publici-

© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.
tária, lembre-se de avaliar os elementos verbais e os visuais como um todo.
► Alguns conectivos aparecem com frequência nos textos. Faça uma lista dos
mais utilizados, estude os seus significados e pense em possíveis sinônimos.
Isso auxilia na interpretação dos textos e no entendimento de questões espe-
cíficas sobre conectivos. Os mais comuns são: however, still, but, nevertheless,
although, also, as well as, so that, therefore, since, in spite of, e as a result.
► Em questões de vocabulário, particularmente as que exploram sinônimos,
considere tanto o sentido imediato da palavra quanto o contexto em que ela
está inserida.
► Preste atenção nos falsos cognatos, também conhecidos como "falsos ami-
gos". Ao desconfiar do significado de uma palavra, avalie o assunto do texto, o
título e a referência bibliográfica, pois estas são informações que podem auxi-
liar na resolução da questão.
► Dedique-se ao estudo dos tempos verbais solicitados com mais frequência nos
exames, como o Simple Past e o Present Perfect.
► Estude também os quatro tipos de orações condicionais (zero, first, second e
third conditionals) para entender suas características e os tempos verbais utili-
zados em cada uma delas.

4
Competências trabalhadas no Enem

Desde 2010, o Enem inclui questões de Língua Estrangeira Moderna (LEM) em sua
avaliação. No ato da inscrição, o candidato deve declarar se deseja fazer a prova de
inglês ou a de espanhol. A Matriz de Referência para o Enem, publicada pelo Ministé-
rio da Educação, indica quais são as habilidades e capacidades exigidas no exame. O
domínio de línguas estrangeiras faz parte da Competência de área 2, conforme segue:

Competência de área 2 – Conhecer e usar língua(s) estrangeira(s) moderna(s) como ins-


trumento de acesso a informações e a outras culturas e grupos sociais.
H5 – Associar vocábulos e expressões de um texto em LEM ao seu tema.
H6 – Utilizar os conhecimentos da LEM e de seus mecanismos como meio de ampliar as
possibilidades de acesso a informações, tecnologias e culturas.
H7 – Relacionar um texto em LEM, as estruturas linguísticas, sua função e seu uso social.
© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

H8 – Reconhecer a importância da produção cultural em LEM como representação da diver-


sidade cultural e linguística.*

Dessa forma, espera-se que o estudante, ao concluir o Ensino Médio, tenha conhe-
cimento suficiente para ler e interpretar textos de diversos gêneros em língua estran-
geira, extraindo deles informações que propiciem a reflexão em sua língua materna.
*
BRASIL. Ministério da Educação. Matriz de Referência para o Enem.
Disponível em <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=13318&Itemid=310>. Acesso em 14 ago. 2015.

5
ENEM
Texto para as questões 1 a 3. Questão 2
Can one family, alone, protect their children Diante da situação colocada no texto apresenta-
from an industry that annually spends US$ do, para que as leis e resoluções que controlam o
15 billion to manipulate them? conteúdo comercial direcionado às crianças sejam
It is up to everyone, parents and citizens committed cumpridas, tendo em vista o seu bem-estar, o que
in one way or another with social well-being and pode ser afirmado?
our children’s future, to take control of the situation a) Educadores precisam adotar uma postura
and demand a more conscientious and less greedy mais ativa e demonstrar seus esforços em im-
position from marketing specialists. Nevertheless, por limites às crianças.
as stated by Susan Linn in her book entitled b) Especialistas em marketing precisam ser mo-
“Children of Consumption – A Stolen Childhood”, nitorados e devem tomar uma posição mais
parents cannot resolve this problem alone. consciente e menos gananciosa.
By questioning, denouncing abuse, orienting and
c) Pais e cidadãos comprometidos de alguma
saying “no” whenever necessary, we can deter
forma com o bem-estar das crianças devem
the clearly vicious cycle whereby a manipulated
ter mais consciência social e menos ambição
child inevitably manipulates his/her parents, and
pró-consumo.
they, wanting to see their child happy, give in to
consumerism, confusing love with permissiveness. d) Educadores, profissionais da saúde, institui-

© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.
Both publicly and at home, having a limit is ções, cidadãos comprometidos e políticos são
fundamental. responsáveis pelo conteúdo a que as crianças
As part of her efforts, Susan included in her têm acesso.
book suggestions of defending arguments e) Ter limites é essencial, e o livro de Susan Linn
against consumerism aimed at educators, health deve ser adotado como guia para todos os in-
professionals, defense groups, foundations, teressados no assunto.
concerned citizens and politicians.
Disponível em <http://alana.org.br/wp-content/uploads/2014/08/what-
to-do-to-protect-our-children-from-consumerism.pdf>.
Questão 3
Acesso em 19 ago. 2015.
Como forma de alertar o leitor para o problema
Questão 1 relacionado ao consumismo infantil, o título do
Com o volume de informações em circulação cres- texto apresenta uma pergunta com alguns dados
cendo constantemente, a discussão a respeito do impactantes. Com base em tal pergunta, é correto
impacto da propaganda sobre o desenvolvimento afirmar que:
infantil é cada vez mais necessária. Contribuindo a) o livro de Susan Linn prova que há muitas ma-
para essa discussão, o livro da autora Susan Linn: neiras pelas quais a indústria pode incentivar
a) denuncia as formas de abuso por parte das crianças a se tornarem consumistas.
agências de propaganda e orienta como as b) não há resposta para a pergunta ao longo do
instituições devem proceder nesses casos. texto, pois a intenção é que ela sirva apenas
b) discorre sobre o círculo vicioso do consumis- como título.
mo infantil e critica a maneira com que os pais c) a pergunta é respondida de forma negativa,
impõem limites. pois o texto afirma que não é possível manipu-
c) afirma ser inevitável que as crianças consu- lar a indústria de produtos infantis com foco
mistas manipulem os pais e que estes devem em brinquedos.
buscar resolver seus problemas sozinhos. d) a pergunta é respondida de forma afirmativa,
d) busca mostrar aos pais a necessidade de pois com esforço e dedicação é possível pro-
questionar e denunciar os abusos da mídia teger as crianças dos danos causados pela in-
em relação à publicidade infantil e também de dústria do consumo.
orientar as crianças sobre o consumismo. e) a pergunta é respondida de forma negativa,
e) procura ser um guia sobre os princípios do con- pois uma família, sozinha, não consegue pro-
sumismo na infância, sendo usado por agências teger suas crianças, de modo que ela precisa
de publicidade ou instituições governamentais. da ajuda de toda a sociedade.

6
Imagem para as questões 4 e 5.

© 2015 Tak Bui / Dist. by Universal Uclick for UFS

Questão 4 was a student, I had a friend who shared my life, a


charming lady, and every time I took her in my arms
No cartum, podemos afirmar que o homem concor-
she was thinking what I would allow her a month
da com as ações ecologicamente corretas, mas:
for housekeeping and what was the price of beef a
© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

a) ironiza o uso da lâmpada de baixa voltagem pound. In the same way, when we are in love we are
como símbolo de boas ideias. never tired of asking ourselves questions: whether
b) mostra que a lâmpada de alta voltagem ilumi- it is honourable or dishonourable, sensible or stupid,
na menos o ambiente. what this love is leading up to, and so on. Whether
c) afirma que não é fácil ter boas ideias ao usar it is a good thing or not I don’t know, but that it is in
uma lâmpada de alta voltagem. the way, unsatisfactory, and irritating, I do know.”
TCHEKHOV, A. About Love. In: The Wife and Other Stories. [S.l.]:
d) afirma que o assunto é a causa do seu cons- The Gutenberg Project, 2012.
tante mau humor.
e) prefere usar a lâmpada de alta voltagem, pois O escritor russo Anton Tchekhov é um grande expo-
essa é a solução para todos os seus problemas. ente da literatura mundial. No conto “About Love”,
o autor narra duas histórias sobre amor e desencon-
tros. No trecho, concluímos que o personagem:
Questão 5
a) acredita que os russos privilegiam os aspec-
Uma característica do gênero textual história em tos questionadores do amor, em vez de suas
quadrinhos é o uso de palavras com duplo senti- típicas imagens relacionadas a rosas e poesia.
do para gerar efeito cômico. No cartum, a palavra Sendo assim, para o personagem, o amor nos
“bright” pode ser entendida como: leva a questionar aspectos aleatórios da vida
a) baixas e ofuscantes. com maior frequência.
b) interessantes e ecológicas. b) acredita que os russos de classe privilegiada
c) inteligentes e brilhantes. vivem um amor romântico, remontando à he-
rança literária e tendo a poesia como forma de
d) escuras e sustentáveis.
maior expressão dos seus sentimentos.
e) bem iluminadas e contínuas.
c) morava sozinho em Moscou e, portanto, isola-
va-se e era contra o amor. Esse personagem re-
Questão 6 monta à vida pessoal de Tchekhov, que não se
About love casou nem teve filhos.
“We Russians of the educated class have a partiality d) é contra o amor como tema da poesia e se
for these questions that remain unanswered. mostra adepto do movimento do formalismo
Love is usually poeticized, decorated with roses, russo do início do século XX.
nightingales; we Russians decorate our loves with e) é contra o amor romântico e estudou as raízes
these momentous questions, and select the most da poesia como forma de se opor aos relaciona-
uninteresting of them, too. In Moscow, when I mentos encontrados na Rússia naquele período.

7
Preparação para o vestibular

Com o intuito de ajudar seus alunos nas provas de vestibular, diversas


escolas têm adotado os simulados como ferramenta de preparação. A
ideia é que o aluno se familiarize com a estrutura das avaliações e tenha
um melhor desempenho, já que esse tipo de prática permite conhecer
os formatos das questões, além dos conteúdos e gêneros textuais mais
recorrentes nas provas.
Algumas instituições de ensino superior brasileiras oferecem aos
candidatos a opção de escolher a língua estrangeira de sua preferência
no momento de prestar o vestibular, podendo ser inglês ou espanhol. Nes-
te caso, o simulado é voltado para o estudo e a prática da língua inglesa.
Com o intuito de contemplar diferentes formatos de avaliação aplica-
dos em todo o país, parte das questões é apresentada em português e
parte em inglês. O objetivo é que, ao final deste estudo, o candidato este-
© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

ja mais seguro para realizar uma prova com tranquilidade e aproveitando


o máximo de seus conhecimentos.

17
Vestibular
Texto para as questões 1 e 2. 2 Concerning Mr. Hart, the college registrar, the
text reveals that:
Of the life of Benjamin Button between his twelfth
and twenty-first year I intend to say little. Suffice a) he was responsible for the entrance
to record that they were years of normal ungrowth. examinations to Yale College.
When Benjamin was eighteen he was erect as b) he wanted Benjamin’s father to call at his
a man of fifty; he had more hair and it was of a office and arrange his son’s schedule.
dark gray; his step was firm, his voice had lost c) it was common for him to interrupt people
its cracked quaver and descended to a healthy when they were speaking.
baritone. So his father sent him up to Connecticut d) he couldn’t recognize Benjamin because
to take examinations for entrance to Yale College. he hadn’t dyed his hair brown.
Benjamin passed his examination and became a
e) it was the first time they met, since Mr. Hart
member of the freshman class.
wasn’t aware of Benjamin’s appearance.
On the third day following his matriculation
he received a notification from Mr. Hart, the
college registrar, to call at his office and arrange Texto para as questões 3 e 4.
his schedule. Benjamin, glancing in the mirror, Get organized!
decided that his hair needed a new application First rule of a smart shopper: make decisions
of its brown dye, but an anxious inspection of his

© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.
before you start shopping. Irrational decisions,
bureau drawer disclosed that the dye bottle was which result in you spending imprudently,
not there. Then he remembered – he had emptied frequently happen on the spur of the moment. The
it the day before and thrown it away. enemy of moderation, modesty and your monthly
He was in a dilemma. He was due at the registrar’s budget is the impulse buy. Planning ahead avoids
in five minutes. There seemed to be no help for it – basic future problems such as buying things that
he must go as he was. He did. you don’t need, things that you didn’t prepare for,
“Good-morning,” said the registrar politely. “You’ve things that you’ll never use or things that simply
come to inquire about your son.” don’t fit your body or your house.
“Why, as a matter of fact, my name’s Button...”
began Benjamin, but Mr. Hart cut him off. 3 According to the text, it’s important to plan
“I’m very glad to meet you, Mr. Button. I’m before you start shopping because:
expecting your son here any minute.” a) you can avoid careless decisions that might
“That’s me!” burst out Benjamin. “I’m a freshman.” compromise your budget.
“What!” b) it is the enemy of moderation and modesty.
“I’m a freshman.” c) basic future problems, like impulse buy,
“Surely you’re joking.” could be met.
“Not at all.”
d) it allows people to buy things that simply
FITZGERALD, F. S. The Curious Case of Benjamin Button.
In: . Tales of the Jazz Age. [S.l.]: The Gutenberg Project, 2010. don’t fit their body or house.
e) things that simply don’t fit your body or
1 The Curious Case of Benjamin Button tells house will be future problems.
the story of a man who is born old and ages
in reverse throughout his life. Which of the 4 In the sentence “Irrational decisions, which
following excerpts from the text depicts this result in you spending imprudently, frequently
unusual growth? happen on the spur of the moment.”, the
a) “he had more hair and it was of a dark gray” expression “on the spur of the moment” could
be substituted by:
b) “his father sent him up to Connecticut
to take examinations for entrance to Yale a) intentionally.
College” b) impulsively.
c) “Benjamin passed his examination” c) fast.
d) “I’m a freshman.”, “Surely you’re joking.” d) regretfully.
e) “He was in a dilemma.” e) rationally.

18
Imagem para as questões 5 a 8. 8 The sentence “On the bright side, it doesn’t
look half bad on the front lawn.” implies that
the man thinks:
a) the sofa looks better on the front lawn than
he expected.
b) the sofa looks great on the front lawn.
c) the sofa could look better somewhere else.
d) the sofa looks good on the front lawn, but
worse than expected.
e) the sofa might look like its other half.

Texto para as questões 9 a 12.


The Future of Social Media? Forget about
the U.S., Look to Brazil
In the remote state of Pará, in Brazil, Facebook is
present where water is a luxury and the roads are
© Richmond 2015. Material para uso exclusivo de usuários Richmond. Reprodução autorizada.

© 2015 GarLanCo / Dist. by Universal Uclick not paved. Social networks have been present in
many ways in this state, located in the heart of the
5 According to the cartoon, the words that best Amazon rainforest.
describe the woman’s and the man’s feelings In the beginning of 2013, indigenous groups fighting
are, respectively: a new hydroelectric dam under construction along
a) anger and surprise. the Xingu River turned to the social network to
b) impulse and disgust. vent their frustrations.
South America’s most populous country, Brazil is
c) frustration and happiness.
also emerging as one of the region’s most social-
d) regret and optimism.
media experts. Seventy-nine percent of Brazilian
e) indignation and contempt. internet users (some 78 million people) are now
on social media, according to a newly released
6 The cartoon makes it evident that:
report from eMarketer analysts, fast approaching
a) the doors couldn’t have been measured adoption rates in the U.S.
before buying the sofa. Plus, all signs indicate Brazil is just hitting its
b) the man resents the fact that the woman social stride. Average time spent on Facebook
bought the sofa without measuring it. among Brazilians increased 208 percent in 2012,
c) both man and woman are upset about their to 535 minutes per month. By comparison, global
decision of buying the sofa. use declined by 2 percent during the same period.
Adapted from <www.forbes.com/sites/ciocentral/2013/09/12/the-future-
d) the lawn is definitely not an adequate place of-social-media-forget-about-the-u-s-look-to-brazil/>.
for a sofa. Accessed on August 7, 2015.

e) the man and the woman see the problem


9 According to the text, in the Brazilian state of
from a different perspective.
Pará:
7 The underlined sentence “I told you we should a) there is no conflict involving running water
have measured the doors before we bought the and paved roads.
sofa.” is an example of:
b) there is lack of technological device and
a) passive voice. gadget offered to the population.
b) reported speech. c) there are well-structured paved roads, but
c) conditional. water is a luxury.
d) past perfect. d) Facebook has reached 65 million users.
e) use of phrasal verb. e) Facebook is widely present.

19