Você está na página 1de 22

Tecido Epitelial

Prof. Dra. Ana Patrícia Barros Cordeiro

- 2018 -
Tipos básicos de Tecidos
Tecido Epitelial

Formado por células que revestem as superfícies do corpo

e que secretam moléculas,

pouca MEC.
Tecido Epitelial

Principais Funções Proteção (pele)


REVESTIMENTO
Absorção (rins)
SECREÇÃO (glândulas)

Percepção de estímulos
(neuroepitélio olfatório e gustativo)

Excreção (túbulos renais)


Troca de gases (alvéolos)
Deslizamento entre superficies (mesotélio)
Contração (mioepiteliais)
Características do Tecido Epitelial

1. Origem ectodérmica, endodérmica e mesodérmica

Ectoderme: epitélios de revestimento externos (epiderme, boca, fossas nasais, orifício retal) com anexos (pelos,
unha), epitélio da glândula mamária e da hipófise

Mesoderme: endotélio e mesotélio, revestimento dos rins, ovários, testículos e dutos genitais

Endoderme: epitélio de revestimento do tubo digestivo (com fígado e pâncreas) e respiratório, da bexiga e parte
da uretra, revestimento da cavidade timpânica, antro timpânico e canal auditivo. Glândula tireoide, paratireoide,
timo, fígado e pâncreas.
Características do Tecido Epitelial

2. Células poliédricas (variada) justapostas  Pouco MEC


Características do Tecido Epitelial
Sustentação
2. Apoiado sobre tecido conjuntivo Adesão epitélio: estruturas
Órgãos ocos: Lâmina própria subjacentes
Nutrição
Substâncias para glândulas:
Superfície livre secreção

Intestino
Características do Tecido Epitelial
3. Ancorado a Membrana Basal (acelular)

Lâmina Basal
Adesão, Migração, Org. das
proteínas de membrana, Filtragem
moléculas, Regulação da Membrana Basal (M. luz)
Proliferação e da Diferenciação
celular, Influencia na polaridade e no Lâmina Reticular
metabolismo celular.
Características do Tecido Epitelial
4. Alta taxa de proliferação (renovação): velocidade variável

Intestino Delgado – rápido


Fígado, pâncreas - lento

Membrana Basal
Características do Tecido Epitelial

4. Tecido avascular (nutrição a partir do tecido conjuntivo)

Tecido Epitelial
de
Revestimento

Tecido
conjuntivo
com vasos
sanguíneos

Traquéia
Características do Tecido Epitelial

5. Ricamente inervado
Características do Tecido Epitelial
6. Polaridade: distribuição desigual das moléculas, estruturas e organelas

Superfície livre
Características do Tecido Epitelial
7. Aderem-se firmemente por moléculas de adesão e
junções intercelulares.
Características do Tecido Epitelial
7. Aderem-se firmemente por moléculas de adesão e
junções intercelulares.

Moléculas dependentes de Ca2+: caderinas e selectinas.

Moléculas independentes de Ca2+: superfamília de


imunoglobulinas e as integrinas.
Características do Tecido Epitelial
7. Aderem-se firmemente por moléculas de adesão e junções
intercelulares.

I. Junções Bloqueadoras ou Impermeáveis: Zônulas de Oclusão ou Estreitas -


VEDAÇÃO
Junções
intercelulares II. Junções Ancoradouras ou de Adesão: Zônulas de Adesão, Desmossomos e
Hemidesmossomos - ADERÊNCIA

III. Junções comunicantes ou Gap: COMUNICAÇÃO INTERCELULAR

Interdigitações – dobras da membrana - ADERÊNCIA


Junções Bloqueadoras: Zônulas de
Intracelular
Oclusão
Transcelular
Intercelular
Paracelular

Quantidade 
permeabilidade do epitélio

Túbulos proximais do rim


Poucos  + permeável

Bexiga
Muitos  + impermeável

Vedação e polaridade

Zônula - faixa
Junções Ancoradouras
Filamento
intermediário

Ca2+
Placa de Ancoragem

Zônulas de Adesão Desmossomos Hemidesmossomos


Zônulas aderentes Mácula Aderente (não simétrica)
Desmossomos em cinta Desmossomo Pontual Resistência Mecânica
Mantem as células unidas Resistência Mecânica,
força, rigidez
Junções comunicantes

Membrana +
proteína conexina
 hexámero
Conéxons
 vários
Junções

Comunicação: passagem de substâncias


Ação coordenada (acoplamento)
Junções intercelulares

Complexo
Unitivo
Especializações da superfície apical
das células epiteliais
1. Microvilos ou Microvilosidades – projeções do citoplasma

Função: Aumenta a superfície de absorção


Ex: Intestino delgado, porções do néfron (borda em escova)
Especializações da superfície apical
das células epiteliais
2. Estereocílios – microvilos longos ( cílios), ramificados e imóveis

Função: Aumenta a superfície de absorção


Ex: Epidídimo
Especializações da superfície apical
das células epiteliais
axonema
3. Cílios e flagelos Prolongamentos móveis na superfície
de algumas células.

CÍLIOS FLAGELOS

Projeções curtas, semelhantes a pêlos Projeções mais longas


Muitos por célula Um por célula
Movimento coordenado para Movimentar a célula inteira
impulsionar fluidos/partículas
Células ciliadas da traqueia Humanos: só espermatozóide

Ex: traquéia (defesa)


Tuba uterina (transporte)

Você também pode gostar