Você está na página 1de 84

2019

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


SUMÁRIO

INTRODUÇÃO______________________________________________________ 01

DINÂMICAS

APRESENTAÇÃO___________________________________________________ 02

AUTOESTIMA _____________________________________________________ 04

AUTOCONHECIMENTO ___________________________________________ 10

AMABILIDADE/ALTRUÍSMO ______________________________________ 12

COMUNICAÇAO ________________________________________________ 13

COMPROMETIMENTO ___________________________________________ 21

COOPERAÇÃO _________________________________________________ 22

CONFRATERNIZAÇÃO ___________________________________________ 25

CONFIANÇA ___________________________________________________ 30

CRIANÇAS ____________________________________________________ 31

CHÁ DE FRALDAS ______________________________________________ 33

DEBATER TEMAS ESPECÍFICOS ___________________________________ 34

DIFERENÇAS INDIVIDUAIS _______________________________________ 36

ENTROSAMENTO ______________________________________________ 39

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


FAMÍLIA _____________________________________________________ 41

GRATIDÃO __________________________________________________ 47

IDOSOS ______________________________________________________ 48

IGREJA _______________________________________________________ 50

LIDERANÇA ___________________________________________________ 53

MOTIVAÇÃO __________________________________________________ 57

MUDANÇAS ___________________________________________________ 61

NEGOCIAÇÃO _________________________________________________ 63

PLANEJAMENTO _______________________________________________ 64

SELEÇÃO DE EMPREGO ________________________________________ 66

TRABALHO EM EQUIPE _________________________________________ 68

VALORES ÉTICOS ______________________________________________ 73

QUEBRA GELO _________________________________________________ 85

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Olá meu incrível facilitador!!!

Este E-book foi elaborado com o objetivo de te oferecer 70 dinâmicas


organizadas por temas e com informações detalhadas para você não ter
dúvidas na hora da aplicação, nem ficar perdendo tempo passando
horas pesquisando uma dinâmica na internet.

Como sempre faço questão de lembrar, não basta só saber a dinâmica


de grupo, é preciso desenvolver as competências de facilitador para
conseguir conduzir bem a turma, de maneira a leva-los ao aprendizado
e mudança. Portanto, este E-book te ajudará apenas com o acervo de
opções de exercícios que você poderá aplicar em uma infinidade de
situações. Caso queira desenvolver as competências para ser um
facilitador com metodologia para influenciar melhor seu grupo, sugiro
que adquira o curso completo Dinâmica de grupo que disponibilizo em
minha plataforma online.

Para mais informações sobre o curso é só entrar em contato comigo


pelo E-mail renatamelocoach@gmail.com.

Vamos lá, te deixo agora com as 70 dinâmicas divididas por temas.


Aproveite bastante o conteúdo e se tiver qualquer dúvida ou sugestão
para outros temas é só falar comigo pelo contato já informado acima.

Ótima leitura...

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


1

DINÂMICAS DE APRESENTAÇÃO

Este estilo de dinâmica dará oportunidade ao grupo de se conhecer,


sendo mais recomendável realizar com pessoas que nunca se viram, de
preferência realizando no primeiro encontro. Geralmente, no primeiro
momento, o grupo quando não se conhece, acontecem resistências, por
vezes algum tipo de desconforto, e ao realizar a dinâmica de
apresentação e/ou quebra-gelo você contribui para que as pessoas se
soltem, se conheçam e estejam mais abertas para o que está por vir.

Dinâmicas de apresentação não necessariamente precisam de reflexão


ao final, pois o objetivo principal é gerar conhecimento uns dos outros.
Porém, você pode finalizar instruindo o grupo a manter-se aberto a se
aproximar um dos outros ao longo do encontro, a trocarem ideias,
contatos e parcerias.

Apresentação com fósforos


Tempo médio No máximo 5 minutos
Material Caixa de fósforos
Quantidade de pessoas Até 30 pessoas

Organize as pessoas em círculo; disponibilize a caixa de fósforos e diga


que cada um na sua vez, irá acender um palito de fósforo, e enquanto a
chama estiver acessa eles poderão se apresentar para o grupo. Quando
o fósforo apagar, ele para de falar e passa a caixa para o próximo. Se
quiser, você pode sugerir algumas poucas perguntas para eles tentarem
responder. Exemplo: Qual sua expectativa em relação ao treinamento?

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


O que me representa
Tempo médio No máximo 15 minutos
Material Folhas e lápis
Quantidade de pessoas Até 20 pessoas

Distribua os materiais e peça para que em no máximo cinco minutos


eles desenhem alguma coisa que acreditem que possa representar
simbolicamente características pessoais deles. Pode ser objeto, animal,
etc. Quando eles finalizarem, você deve recolher os desenhos dobrados,
misturar e redistribuir, de forma que peguem o desenho de outra
pessoa. Peça para que eles olhem o desenho que recebeu e tentem
identificar algo que aquele desenho possa representar neles. Cada um
fará suas observações individualmente para o grande grupo. A ideia é
mostrar que por vezes podemos ter algo em comum com o colega,
outras vezes somos bem diferentes. Na aplicação, pode ocorrer de
algumas pessoas dizerem algo parecido com a intenção do desenhista,
outros podem dizer algo completamente diferente. É interessante você
sempre observar quem foi o autor do desenho para que eles possam
comparar a maneira como cada um se identifica com a “obra-prima”.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


2

DINÂMICAS DE AUTOESTIMA

As dinâmicas relacionadas a este tema irão te auxiliar a levar a


aproximação maior do grupo, porém de forma a valorizar seus pontos
fortes e serem menos críticos de si.

O que eu não gosto em mim


Tempo médio No máximo 15 minutos
Material Folhas e canetas
Quantidade de pessoas Até 60 pessoas
Reflexão Somos muito críticos de nós mesmos
e isto pode gerar baixa autoestima e
estresse. É importante também que
sejamos capazes de reconhecer os
aspectos positivos dos outros, nos
valorizarmos.

Antecipadamente prepare pedaços de papel. Na hora da aplicação faça a


distribuição de um pedaço de papel e caneta para cada um. Peça que
eles escrevam no papel uma característica, física ou psicológica, que
eles não gostam em si, e por fim assinem o papel. Recolha os papéis
dobrados em um recipiente. Misture e redistribua. Instrua que eles
abram o papel que sortearam, leia o conteúdo e vá até a pessoa que o
escreveu, oferecendo-a uma palavra de ânimo em relação à
característica negativa que o outro escreveu sobre si. O objetivo é que
eles elogiem uns aos outros. Enquanto no primeiro momento eles
fizeram de certa forma uma crítica contra si, no segundo, eles vão
elogiar os outros. A dinâmica deve ser feita somente com grupo que já
se conhece pelo nome.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Quanto custa?
Tempo médio No máximo 15 minutos
Material Folhas e canetas
Quantidade de pessoas Até 20 pessoas
Reflexão Todos nós em nossa singularidade
somos valorosos. Precisamos
aprender a reconhecer isto.

Preparar antecipadamente pedaços de papel que irão simbolizar notas


de dinheiro. Faça notas de R$50,00 e R$100,00. Cada participante
deverá receber uma nota de R$100,00, quatro de R$50,00 e cinco
pedaços de papel em branco. A primeira instrução é que eles escrevam
em cada pedaço de papel uma virtude ou qualidade boa que eles
tenham. Dê 5 minutos para realização desta primeira etapa.

No segundo momento, peça que eles espalhem suas características


escritas na mesa que você já deixou a disposição.

Agora vai acontecer uma feira. Nesta feira, as pessoas podem circular ao
mesmo tempo por volta da mesa, observando todas as características lá
expostas, e com o dinheiro fictício que eles têm em mãos, podem
comprar quantas características o dinheiro der. Quem vai receber o
dinheiro é a pessoa que escreveu tal característica. Ao comprar, a
pessoa está dizendo simbolicamente que gostaria de desenvolver esta
característica que adquiriu.

Ao finalizarem as compras, abra o debate onde o grupo pode fazer suas


observações sobre qualidades que gostariam de desenvolver e sobre a
satisfação de ver outras pessoas admirando qualidades que ele tem.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Quebra-cabeça da autoestima
Tempo médio 20 minutos
Material Mensagens motivacionais impressas
Quantidade de pessoas 10 a 30 pessoas
Reflexão A equipe que fará a reflexão com as
mensagens que eles vão montar em
equipe.

Prepare anteriormente mensagens motivacionais como as que se


encontram abaixo: (pesquise estas mensagens em sites de busca como
o Google)

Você vai cortar cada mensagem em quatro partes. Se você tiver, por
exemplo, vinte pessoas na aplicação, então você prepara cinco
mensagens diferentes, corta cada uma em quatro partes, ficando ao
todo vinte papéis. Quando tiver cortado as mensagens, misture-as e
depois distribua nas cadeiras aonde as pessoas irão se sentar.

Quando sua equipe chegar, você pede que eles analisem o papel que
receberam e procurem o restante da mensagem que está com outros
colegas.

Quando todos terminarem o quebra-cabeça, você terá equipes com


quatro pessoas cada uma. Peça para que cada equipe analise em grupo
a frase que se formou: o que eles acharam da mensagem, qual
significado esta mensagem possa contribuir para a vida deles.
Disponibilize de cinco minutos para eles debaterem. Depois que acabar
o tempo, cada equipe vai apresentar para o grande grupo sua
mensagem, e o que ela significou para eles.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Obs.: Se você não tem ideia de quantas pessoas haverá no encontro,
então deixe uma média confortável de mensagens disponíveis, e faça a
mistura delas somente quando as pessoas chegarem. Assim você saberá
quantas mensagens serão necessárias.

Ao final faça seu fechamento reforçando a contribuição deles e fazendo


suas observações.

Autoestima nas costas


Tempo médio 20 minutos
Material Canetas, Pedaços de papéis e fita
adesiva.
Quantidade de pessoas 06 a 30 pessoas
Reflexão Como é surpreendente quando
permitimos que outras pessoas
possam destacar aspectos positivos
nossos, talvez até alguns que não
sabíamos que existiam.

Este exercício deve ser feito em equipes que já conheçam uns aos
outros.

Você vai iniciar conduzindo para que seja aderido um pedaço de papel
nas costas de cada um. Quando todos estiverem com o papel nas costas
e caneta na mão, você pede para que eles circulem pela sala e anotem
nas costas dos colegas, virtudes, qualidades positivas, talentos, etc. que
eles tenham. Exemplo: Paulo vai escrever nas costas de Pedro qualidade
que ele percebe que Pedro tenha.

Ofereça cinco minutos para esta atividade enquanto toca uma música
animada. Quando finalizar o tempo, peça para que eles retirem o papel
das costas e leiam o que está escrito sobre eles.

Deixe aberta a fala para eles exporem seus sentimentos e enfatize como
é bom sermos valorizados e valorizar uns aos outros.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Descubra-me
Tempo médio 10 a 20 minutos
Material Corações e estrelas de papel cartão.
Papéis e canetas.
Quantidade de pessoas 10 a 25 pessoas
Reflexão Muitas vezes nossas qualidades são
bem conhecidas pelos outros. Talvez,
outras que acreditamos que temos
ainda não foram observadas. E ainda
tem outras que os outros percebem
em nós e ainda nem sabíamos que
tínhamos.

Esta é mais uma dinâmica que deve ser realizada com grupo que já se
conheça, de preferência há um bom tempo. É necessário preparar o
material anteriormente. De acordo com a quantidade de participantes,
você vai preparar pequenas estrelas e corações. Se tiver 15 pessoas, por
exemplo, prepare umas 20 estrelas e 20 corações. Deixe esse material
com você enquanto aplica à dinâmica.

A primeira coisa que você vai pedir à equipe é que escreva em um


pedaço de papel a característica mais forte que eles consideram na
personalidade deles. Não é para assinar. Recolha todos os papéis
dobrados em uma caixa e misture bem.

No segundo momento, você vai informar a eles que vai abrir os papéis
de um por um, dizer a característica, e eles vão tentar adivinhar quem a
escreveu. Em cada característica, aquela pessoa que a maioria acredita
que escreveu, você irá “presenteá-la” com o coração, caso tenha sido ela
mesma que escreveu; ou dará a estrela, caso não tenha sido ela, mas o
grupo identificou que ela tem aquela característica. Obs.: Uma pessoa
pode receber mais de um coração e estrela.

Claro que na hora que você perguntar “quem vocês acham que escreveu
esta característica?”, a pessoa que realmente escreveu não deve se
identificar, ou se ela quiser pode blefar apontando outra pessoa. A
pessoa só deve se identificar como autora da característica quando você
autorizar.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


É possível que apareçam características repetidas. Não tem problema.
Exemplo, digamos que apareça a palavra “determinado” pela segunda
vez, você só diz: “Outro determinado! Quem será que foi outra pessoa
que se considerou determinada também?”.

Ao final, pergunte as pessoas que receberam coração o que elas


acharam de outras pessoas terem reconhecido suas qualidades. E
pergunte também as que receberam estrelas, como se sentiram ao ser
reconhecidas por características que elas não escreveram.

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


3

DINÂMICAS DE AUTOCONHECIMENTO

Autoconhecimento é o primeiro dos cinco aspectos da inteligência


emocional, portanto é um tema muito necessário a ser trabalho em
qualquer equipe. Através dele podemos reforçar nossos pontos fortes e
analisar em que precisamos melhorar. Com autoconhecimento, também,
tomamos decisões mais assertivas a respeito de objetivos e nos
tornamos mais fiéis a nossos valores.

Através das dinâmicas você permitirá que os participantes se olhem no


espelho e possam reconhecer quem realmente eles são.

Sua máscara
Tempo médio 30 minutos
Material Cartolina, cola, folhas de papel,
canetas, lápis hidro cor, gliter, fitas,
palitos de espetinho
Quantidade de pessoas 05 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Liberar a criatividade para revelar sua
essência.

Deixe os materiais distribuídos numa grande mesa. Direcione os


participantes para que produzam com o material disponível uma
máscara de forma bem criativa. Dê a seguinte instrução: “Essa máscara
deve representar você neste momento: seus sentimentos, experiências,
expectativas, etc. Sejam criativos também para escolher um nome para
sua máscara.” Disponibilize quinze minutos para a produção. Enquanto
eles produzem, fique observando e estimulando-os.

10

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Quando terminar o tempo, organize a turma sentada, e peça para que
cada um apresente sua máscara, de preferência usando-a.

Bazar com os amigos


Tempo médio 30 minutos
Material Diversos tipos de objetos. Coisas
comuns que você pode encontrar na
sua casa: livro, caneta, quadro,
relógio, calculadora, bolsa, etc.
Quantidade de pessoas 05 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Gerar entrosamento, melhorar a
comunicação e união.

Distribua diversos objetos numa mesa. É importante que a quantidade


de objetos seja um pouco maior que a quantidade de pessoas. Você vai
fazer um sorteio normal de amigo secreto com todos os participantes
presentes. Quando cada um souber qual é o seu amigo secreto, você
oferece um minuto para que todos possam ir juntos até a mesa e
escolher um objeto que possa ser “o presente” que ele dará ao seu
amigo sorteado. O critério de escolha do presente pode ser algo que
aquele objeto pareça com seu amigo, ou ele sabe que seu amigo gosta.

Depois que todos se sentarem com o presente escolhido, chega o


momento da revelação. Daí se faz a brincadeira tradicional do amigo
secreto. Cada um vai apresentar seu amigo secreto e dizer por que
escolheu aquele presente para ele.

Ao final, pergunte o que eles acharam da avaliação que os amigos


fizeram sobre eles.

11

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


4

DINÂMICA DE AMABILIDADE/ALTRUÍSMO

Vivemos em um mundo cada vez mais competitivo e apressado, o qual


limita nossa capacidade de termos empatia e de demostrarmos afeição
uns pelos outros. A proposta desta temática é relembrarmos o exercício
da doçura e até carinho que podemos ter com nosso semelhante.

Formiguinha
Tempo médio 10 minutos
Material Nenhum
Quantidade de pessoas 05 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar momento de afeto entre
os participantes do grupo.

Organize as pessoas em círculo e em pé. Localize-se no centro do


círculo. Diga a eles que na sua mão tem uma formiguinha muito
delicada e você vai colocá-la no corpo de alguém. Esta pessoa que a
receber deve passar a formiguinha com todo o cuidado para a pessoa a
sua direita, colocando-a em qualquer parte do corpo dela. E assim deve
seguir a formiga pelo círculo até que ela volte para você. Quando você a
receber de volta, diga que a formiguinha agora vai virar um beijo e cada
um deve beijar o local do corpo da outra pessoa que colocou a
formiguinha. Esse momento tira muitas risadas das pessoas.

Geralmente eles cumprem a tarefa, mas se alguém não aceitar beijar


outra parte do corpo do colega, você deve respeitar.

12

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


5

DINÂMICAS DE COMUNICAÇÃO

Desafio da comunicação
Tempo médio 20 minutos
Material Cópias de um texto que está
disponibilizado logo abaixo na
descrição
Quantidade de pessoas 10 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Desafiar as pessoas a se comunicarem
com eficiência. Você deixará
especialmente a lição que quando não
oferecemos nossa atenção para o
outro, é impossível se comunicar.

A primeira ação é pedir que o grupo forme-se em duplas. Quando as


duplas estiverem formadas você irá dizer o seguinte: “Vou escolher uma
pessoa de cada dupla para me acompanhar à outra sala e lá darei uma
missão específica para elas”. Obs.: Meu critério de escolha é aquele que
no meu olhar me parece ser o mais impaciente ou inquieto da dupla.

Faça a separação das duplas e leve-os para outro ambiente, onde não
seja possível nenhum dos grupos ver ou ouvir o que o outro está
fazendo. Quando chegar neste lugar com os escolhidos você dará a
seguinte missão: “Tenho aqui um texto o qual vocês devem ler com
bastante atenção, memorizando o máximo de detalhes possíveis sobre a
história dele. O objetivo é que quando vocês retornarem para a sala,
cada um deve contar a história para sua dupla conforme o que vocês
memorizaram, sem direito a consulta ao texto. Darei 5 minutos para
vocês contarem a história. Quando finalizar o tempo, farei perguntas
sobre o texto, mas não para vocês, mas sim para suas duplas. Vamos

13

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


ver se vocês conseguem se comunicar bem!”. Deixe o texto com eles, se
for possível, imprima várias cópias. Diga a eles que os deixará a vontade
para ler enquanto você vai à outra sala explicar a dinâmica para os
outros participantes.

Ao voltar para a sala, certifique-se que ninguém da outra turma que


ficou de ler o texto escute o que você irá dizer para estes que estavam
aguardando. Explique para eles qual desafio você deixou para os outros.
Porém, você lançará outro desafio para eles: diga que eles NÃO devem
prestar atenção ao que os colegas vão falar. Que eles sejam desatentos
e insensíveis com o falar da sua dupla. Eles podem puxar assunto com
outra pessoa, ficar mexendo no celular ou interrompendo a fala do
colega. A ideia é deixar sua dupla furiosa porque ele estará tentando
contar a história, mas seu colega não está colaborando. Peça que eles
sejam discretos e interpretem bem, para que o pessoal não descubra
logo a pegadinha.

Retorne para a outra sala, diga que já explicou a dinâmica para o


restante da turma e libere-os para irem direto aos colegas contar a
história. O exercício começa e vai haver muito barulho na turma. Os que
tentam contar a história vão começar a reclamar. Você também deve
mostrar desinteresse. Deixe eles se irritarem. Quando passar uns dois a
três minutos, peça silêncio e recupere a atenção de todos.

Pergunte aos contadores se consideram que sua dupla está preparada


para responder as perguntas. Eles dirão, com certeza, que não estão, e
irão fazer reclamações que havia muito barulho e sua dupla não estava
interessada em ouvi-lo. Nesse momento você entrega o jogo, diz que
eles participaram de uma pegadinha, pois você tinha instruído a turma a
não prestar atenção neles.

Reflita sobre as sensações que eles tiveram em não serem ouvidos


depois de se dedicarem tanto a aprender o conteúdo. Faça suas
observações.

14

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Sugestão de texto:

"Um fósforo, uma bala de menta, uma xícara de café e um jornal."

Um homem dirigia há horas e, cansado da estrada, resolveu procurar um hotel


ou uma pousada para descansar. Em poucos minutos, avistou um luminoso com o
nome “Hotel Veneza”. Quando chegou à recepção, o hall do hotel estava iluminado
com uma suave e agradável luz. Atrás do balcão, uma moça de rosto sorridente o
cumprimentou com amabilidade:

— “Bem vindo ao Veneza!”.

Apenas três minutos após esta saudação, o hóspede já se encontrava


confortavelmente instalado no seu quarto e impressionado com os procedimentos:
tudo muito rápido e prático.
No quarto, uma discreta mordomia: uma cama impecavelmente limpa, uma
lareira e sobre a lareira um fósforo na posição exata de ser riscado. Era demais para
ele.
Aquele homem que queria apenas um quarto para passar a noite começou a
pensar que estava com muita sorte. Tomou um banho e se vestiu para o jantar. (A
moça da recepção já havia feito seu pedido no momento do registro). A refeição foi tão
deliciosa como tudo o quanto havia experimentado naquele hotel até então.
Assinou a conta e retornou ao seu quarto. Fazia muito frio e ele estava ansioso
para acender a lareira e aquecer o quarto. Qual não foi sua surpresa ao entrar no
quarto! Alguém havia se antecipado a ele, pois já havia um lindo fogo crepitante na
lareira. A cama já estava preparada com os travesseiros arrumados e uma bala de
menta encima de cada um deles. Que noite agradável aquela.
Na manhã seguinte, o hóspede acordou com um estranho borbulhar. Saiu da
cama para investigar. Simplesmente uma cafeteira ligada por um timer automático,
estava preparando o seu café. Junto à cafeteira um bilhete: “Tenha um ótimo dia e um
bom apetite”

Em seguida, ele ouviu um leve toque na porta. Ao abrir, havia um jornal. “Mas
como pode?” Perguntou, “é o meu jornal preferido!” Então se lembrou de que a
recepcionista havia lhe perguntado sobre o jornal de sua preferência. Estava atônito.
O cliente deixou o hotel encantado! Feliz por ter encontrado um lugar tão
acolhedor e inesquecível. Mas o que é mesmo que o hotel havia feito de tão especial?
Apenas lhe ofereceram um fósforo, uma bala de menta, uma xícara de café e um
jornal; além das atitudes, é claro…".

15

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Gerenciando conflitos
Tempo médio 15 minutos
Material Tiras de papel de um tamanho que
possa circular a cabeça de um adulto.
Grampeador.
Quantidade de pessoas 04 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Treinar as pessoas para saberem
conversar sobre assuntos delicados
uns com os outros, buscando um bom
entendimento. Se soubermos
conversar com as pessoas de forma
educada e estivermos dispostos a
ouvir abertamente os feedbacks,
podemos resolver muitos conflitos.

Prepare anteriormente as tiras de papel que serão utilizadas para fixar


na cabeça dos participantes. Você poderá fixá-las circulando o papel ao
redor da cabeça e grampeando as pontas. No meio de cada tira de papel
estará escrita uma frase, que represente algo delicado sobre outra
pessoa. Essas frases serão fictícias, só a fim de exercício. Segue alguns
exemplos: Faço brincadeiras de mau gosto; tenho mau hálito; meu
atraso atrapalha a equipe; sou muito desorganizado; sou muito
grosseiro; meu pessimismo e mau humor deixa a equipe desconfortável.
Preparar os papéis segundo o modelo abaixo:

Faço brincadeiras de mau gosto

O papel será fixado na pessoa desta maneira

16

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


No momento da aplicação você não poderá deixar o que está escrito no
papel a mostra para os participantes. Eles não poderão saber o que será
colocado na cabeça deles.

Você dará a seguinte instrução: “Irei fixar um papel na cabeça de cada


um, onde neste papel terá um defeito fictício. Não é defeito seu, é
apenas um exemplo para exercitarmos a comunicação e gerenciamento
de conflitos. Vocês irão se dividir em duplas. Depois que eu distribuir os
papéis para todos, vocês irão dar o feedback para seu colega da frente a
respeito do defeito que está escrito, fazendo de conta que é o defeito
dele que você está tentando ajudá-lo a superar. A ideia é vocês
exercitarem a comunicação na hora de falar sobre assuntos delicados
com outras pessoas".

Ou seja, o participante vai ler o que está escrito na cabeça do colega da


frente e vai aconselhá-lo a melhorar naquele quesito. Depois eles
invertem o papel. Neste aconselhamento é quando cada um vai saber o
que está escrito em sua cabeça, porque até então você deixou
escondido.

Telefone mudo
Tempo médio 15 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 04 a 10 pessoas
Reflexão/objetivo Exercitar especialmente a
comunicação não verbal e interação
do grupo.
Organizar as pessoas da seguinte maneira:
Vanessa
Você

17

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Você mostrará para Vanessa (exemplo) uma frase escrita, que diz
respeito a uma situação qualquer. Esta situação ela deverá fazer a
mímica para o próximo da fila. Então Vanessa pede para o próximo da
fila ficar de frente com ela para ver sua mímica. Em nenhum momento
eles estarão autorizados a falar. Depois que Vanessa terminar, o
próximo deverá chamar o seguinte para se virar, e ele irá fazer a mímica
conforme entendeu. Vanessa não poderá ajudar mais. E assim segue até
chegar ao último. Neste momento você perguntará a última pessoa o
que ela conseguiu entender com a mímica. Portanto é igual à
brincadeira do telefone sem fio, porém em vez de ser falando ao ouvido,
será através de mímica.

Sugiro você criar situações a serem feitas a mímica que tenham a ver
com o contexto e realidade do grupo, ou dentro da temática que você
quer debater com eles.

Sem ver, sem andar, sem falar.


Tempo médio 40 minutos
Material Dois tapetes, faixas e fitas adesivas.
Quantidade de pessoas 06 a 15 pessoas
Reflexão/objetivo Fortalecer a comunicação,
entrosamento e trabalho em equipe.
Quanto mais sintonia a equipe tiver,
mais preparada ela estará para
superar os desafios e alcançar o
objetivo.
Preparar a sala com três quadrados no chão, feito com giz ou fitas
adesivas. Cada quadrado deve ter o tamanho suficiente para caber as
pessoas confortavelmente dentro dele.

18

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Você dividirá a equipe em três grupos, cada grupo ficará em um
quadrado distinto. O primeiro grupo é os “sem enxergar”, o segundo
grupo é o “sem andar”, e o terceiro grupo é o “sem falar”. O grupo de
pessoas sem enxergar e sem andar devem ter a mesma quantidade de
pessoas. Exemplo: Se você tiver 13 pessoas, deixe quatro “sem
enxergar”, quatro “sem andar” e cinco “sem falar”.

Grupo dos “sem


enxergar” Tapetes

Grupo dos “sem


andar”

Grupo dos “sem


falar”

Use faixas nos olhos para deixar um grupo sem enxergar, fitas adesivas
ou cordas para juntar as pernas do outro grupo para dificultar seu
caminhar, e também fita adesiva para fechar as bocas dos que não
poderão falar.

Com os grupos já divididos, cada um em seu quadrado, você vai


entregar o seguinte texto para os “sem falar”:

19

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Olá equipe “sem falar”! Seu objetivo nesta dinâmica é trazer os “sem enxergar” e “sem
andar” para o seu quadrado. Para isto, os “sem enxergar” devem pegar os dois tapetes
que estão do lado do quadrado deles e utilizar como passarela para chegarem ao
quadrado dos “sem andar”. Quando todos os “sem enxergar” estiverem no quadrado
dos “sem andar”, eles vão se preparar para virem para o seu quadrado. Contudo,
deverá vir um “sem enxergar” e um “sem andar” juntos. Assim que todos estiverem no
seu quadrado, a brincadeira se encerra. Regras: Vocês não poderão falar uma palavra
sequer, somente gestos; você tem 30 minutos para concluírem a tarefa; durante a
travessia, os integrantes não poderão pisar fora do tapete, se não, deverão voltar para
o quadrado de origem; o “sem andar” não pode atravessar sozinho, somente
acompanhado por um “sem enxergar”, nem pode tocar no tapete, só os “sem enxergar”
que podem.

Esteja sempre observando para ninguém descumprir as regras, como


também os motive a fazer o melhor possível.

20

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


6

DINÂMICA DE COMPROMETIMENTO

Comprometer-se é fazer todo o possível para os resultados serem


alcançados. Você pode ajudar a equipe a entender que se arregaçarmos
as mangas poderá ter um saldo muito positivo, o qual beneficiará a
todos.

Imitando o líder
Tempo médio 15 minutos
Material Caixa de som e música
Quantidade de pessoas 08 a 50 pessoas
Reflexão/objetivo Refletir sobre estarmos dispostos a
nos comprometer com os desafios, se
entregando e dando o melhor de si.
Fortalecer de forma bem humorada a
integração do grupo.

É necessário ter espaço no ambiente para que as pessoas possam andar


em círculo, sem interrupção de cadeiras. Você instruirá seu grupo a
todos seguirem o comando do líder, imitando todos os movimentos do
corpo que ele fizer. Eles revezarão na liderança. Você pode escolher o
primeiro líder. Ao iniciar a música, o líder deve começar a andar rápido e
fazer o movimento que ele quiser, e o restante do grupo deve imitá-lo
fielmente. Depois de 30 segundos, você informa que o líder deve ir para
o final da fila e quem estiver logo atrás dele será o novo líder. Portanto,
deixe cada um exercer a liderança por 30 segundos. Se tiver um grupo
muito grande, não precisa todos ocupar a liderança, mas sim umas 8 a
10 pessoas. Esteja sempre estimulando com animação para o grupo se
soltar e os líderes capricharem nos movimentos. Assim será muito mais
divertido e desafiador.

21

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


7

DINÂMICA DE COOPERAÇÃO

Bambolê teimoso
Tempo médio 10 minutos
Material Bambolês
Quantidade de pessoas 05 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Observar como as pessoas se
comportam em uma atividade em
grupo. Às vezes ficamos criticando a
atitude do outro, mas não
percebemos que há momentos que
agimos da mesma maneira.

O ideal é você ter a quantidade de bambolês que possa posicionar cinco


pessoas em cada um, mas se não for possível, você com um bambolê
em mãos, convida cinco voluntários para realizar a dinâmica, e o
restante do grupo fica como observador.

Cada subgrupo vai receber seu bambolê e deverá segurá-lo na ponta do


dedo indicador, na altura média do tórax deles. Observar a figura
abaixo:

22

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


O objetivo dos subgrupos é descerem o bambolê até o chão, sem
ninguém tirar o dedo, mantendo a mesma velocidade e altura. Vão
descer todos juntos! Cinco minutos são suficientes para aplicação.

O interesse que acontece nesse exercício é que o grupo fica tão tenso
com medo de alguém ficar com o dedo fora, que ou ficam estáticos,
sem sair de lugar, ou começam a subir o bambolê, em vez de descer. É
possível observar algumas pessoas “mandando” os outros abaixarem o
dedo, enquanto eles ficam estáticos. Você pode observar nesta dinâmica
quem possui perfil de liderança, ou aqueles que gostam de apontar
falhas dos outros, mas que não observam suas próprias falhas. Enfim,
vários comportamentos você poderá observar neste exercício.

Todos no bambolê
Tempo médio 15 minutos
Material Seis bambolês e música
Quantidade de pessoas 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a cooperação entre o grupo,
onde a prioridade é todos se
manterem unidos. Por vezes, parece
impossível manter a união, mas se
houver esforço, conseguimos
qualquer coisa.

Coloque as pessoas em círculo, e no meio dele distribua os bambolês no


chão. Diga que quando a música começar todos devem se encaminhar
imediatamente para dentro do bambolê. É necessário que, pelo menos,
um pé esteja dentro dele. Incentive uns a ajudarem os outros. Inicie a
primeira rodada tocando a música. Certifique-se que, pelo menos, um
pé de todos esteja dentro de um dos bambolês. Pare a música e peça
para que retornem aos seus lugares.

Retire um bambolê. Diga que agora, cada vez mais, vai ficar mais
complicado e apertado. Segue a segunda rodada e repita o exercício até
que reste apenas um bambolê. Seja bastante motivador e animado para

23

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


que seu grupo possa se divertir enquanto aprende a cooperar uns com
os outros.

Dança da cadeira diferente


Tempo médio 10 minutos
Material Cadeiras e música
Quantidade de pessoas 06 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a cooperação entre o grupo,
onde a prioridade é todos se
manterem unidos.

Atenção! Esta dinâmica só deverá ser realizada com equipes que tenham
intimidade uns com os outros, onde não haja problema em um sentar
no colo do outro.

Organize a sala com cadeiras que tenha uma a menos que a quantidade
de participantes. Porém, a instrução para o grupo será diferente do que
a brincadeira que todos conhecem. Você vai dizer que quando a música
parar de tocar, todos devem sentar nas cadeiras, não pode ficar
ninguém de fora. Isso implica que pode compartilhar a cadeira, ou
sentar no colo do colega. Eles devem agir com cooperação e não
competição.

Você vai fazer várias rodadas, onde em cada uma tira-se uma cadeira,
mas todos permanecem participando. Se você tiver 20 pessoas, por
exemplo, faça até que restem apenas cinco cadeiras. Não precisa deixar
até que sobre uma cadeira, a não ser que você tenha poucas pessoas
participando.

24

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


8

DINÂMICAS DE CONFRATERNIZAÇÃO

O que desejo para este grupo


Tempo médio Até 30 minutos
Material Duas cartolinas verdes, duas folhas de
emborrachado (ou qualquer outro
papel similar), cola, tesoura,
impressão de palavras positivas.
Quantidade de pessoas 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Confraternizar com a equipe levando-
os a desejarem coisas positivas para a
turma como um todo para o próximo
período que eles estão iniciando.

A proposta deste material é montar uma árvore de natal, assim a


dinâmica fica perfeita para este período. Mas você pode ficar a vontade
se não quiser fazer. Se você quiser fazer de modo bem mais simples, é
só realizar a atividade em um quadro.

Contudo, caso você queira montar conforme sugerido, então, prepare a


árvore de natal de aproximadamente um metro de altura com as
cartolinas verdes. Com os emborrachados, você desenhará círculos de
10 cm de largura, onde representarão as bolas de enfeite da árvore.
Nestas bolas você colará papéis com palavras escritas. Em cada bola,
uma palavra.

Segue algumas sugestões de palavras: amor, união, crescimento,


fartura, sucesso, saúde, produtividade, contribuição, aprendizado,
paciência, Deus, força.

25

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Deixe algumas bolas com espaço em branco, porque pode ser que
algumas pessoas queiram escolher uma palavra que não está dentre as
que você apresentou.

Posicione a árvore à frente e deixe as bolas em uma mesa, bem visível


para todos. Peça que eles venham, de um por um, escolham uma das
palavras expostas, ou escrevam uma palavra numa bola em branco, que
seja algo que ele deseja para toda a equipe nesse novo ciclo que se
inicia. Se a equipe for muito grande, peça que eles sejam breves na
explicação. Ajude-os a colar as bolas na árvore.

Lembrando os bons momentos


Tempo médio Até 30 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 05 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a lembrança dos bons
momentos que a equipe viveu no ano
presente. Proporcionar o
compartilhamento.

Forme grupos de quatro ou cinco pessoas. Peça que compartilhem os


melhores acontecimentos do ano, o que de bom aconteceu durante o
período que eles estiveram juntos. Esta tarefa pode durar dez minutos.

Quando encerrar o tempo, peça que cada grupo escolha uma destas
histórias contadas, e que realizem uma encenação sobre ela para o
restante da equipe. Disponibilize mais dez minutos para eles planejarem
e ensaiarem. Depois organize a turma e peça que cada grupo vá a frente
e encene a história que eles escolheram.

26

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


O que foi bombom nesse ano
Tempo médio Até 20 minutos
Material Caixa de bombom
Quantidade de pessoas 10 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a lembrança dos bons
momentos que a equipe viveu no ano
presente. Proporcionar o
compartilhamento.

O exercício pode começar por você. Esteja com a caixa de chocolate em


mãos, retire um e diga o que você achou que foi bombom este ano e
que você deseja que se repita no próximo ano. Passe a caixa de
chocolate para outra pessoa que fará o depoimento dela. A caixa
passará por todos até que todo mundo tenha a oportunidade de deixar
seu depoimento e retirar seu chocolate.

Amigo declarado
Tempo médio Até 30 minutos
Material Brindes
Quantidade de pessoas 05 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Influenciar para que as pessoas
reconheçam umas as outras,
especialmente pelo trabalho que elas
vêm desempenhando. Momento
também de autoestima.

Deixe os brindes à mostra e diga que agora vocês brincarão de amigo


declarado. Pode iniciar por você. Então, você pega um dos brindes e diz
que vai escolher uma pessoa para presentear e dizer por que está
presenteando ela. Informe que todos terão a oportunidade de fazer o
mesmo. Inicie a brincadeira, presenteie alguém, depois esta mesma
pessoa continuará a brincadeira. Em alguns grupos as pessoas gostam
de presentar alguém que já foi escolhido, isso acontece quando alguém
se destacou naquele grupo. Fique à vontade se quiser permitir. Mas caso

27

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


permita, é interessante ter mais brindes do que pessoas. Só encerre a
brincadeira quando se certificar que todos foram presenteados.

Réveillon Dinâmico
Tempo médio De 10 em 10 minutos
Material Bolas de assopro, chocolates.
Quantidade de pessoas 05 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Realizar diversas atividades lúdicas
para aquecer a chegada do ano novo.

Esta dinâmica é mais apropriada para ambiente familiar. Se vocês


estiverem em local com muito barulho é possível que você não consiga
ter a atenção das pessoas.

Preparar anteriormente seis bolas de assopro, onde cada uma terá


dentro dela um papel com uma atividade a ser realizada pela turma em
conjunto. Encha as bolas e escreva com lápis pilot: na primeira “23:00”,
na segunda “23:10”, na terceira “23:20" e assim sucessivamente, de 10
em 10 minutos até chegar em 23:50. Pendure essas bolas em algum
lugar que seja visível para todos.

As 23:00 horas, reúna a família e amigos e diga a eles que a partir de


agora a cada 10 minutos vocês farão uma atividade diferente para
aguardar o ano novo com mais entusiasmo.

Sugestões de atividades:

23:00 horas – Fazer uma oração

23:10 horas – Dizer três coisas boas que aconteceram neste ano

23:20 horas – “Faça um pedido”. O que você deseja de bom para a


pessoa que está do seu lado direito. Comece por você.

23:30 horas - “Caça ao tesouro”. Deixe bombons ou chocolates


escondidos em vários locais da casa e instrua as pessoas a encontrá-los.

28

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


23:40 horas - “Se enfeite para o réveillon”. Disponha de vários adereços
ou tinta facial para que as pessoas fiquem enfeitadas para esperar a
contagem regressiva.

23:50 - “Preparando os copos” - Cada uma prepara seu copo para fazer
um brinde e neste brinde cada um completa a frase: que o próximo ano
seja um ano de…

Pronto! Vocês estarão aquecidos para fazer a contagem regressiva e


trocar muitos abraços e beijos.

29

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


9

CONFIANÇA

De olhos fechados
Tempo médio Até 15 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 05 a 60 pessoas
Reflexão/objetivo Exercitar a confiança uns nos outros.
Mostrar como ficamos tensos quando
estamos dependendo de outras
pessoas. Estimular ajudar o colega
que está nos entregando a confiança
dele.

Dividir a turma em equipes de cinco ou seis pessoas. Cada equipe fará


um círculo e um dos participantes deve ir para o centro. Pedir que o
participante do centro feche os olhos, deixe os pés colados um no outro
e braços cruzados. Peça que ele comece a relaxar e se deixe cair para
qualquer um dos lados que os colegas irão segurá-lo. Ele vai ficar tipo
um boneco “João bobo”, indo pra lá e pra cá, sendo jogado
delicadamente pelos colegas.

Fique atento se o participante não está abrindo as pernas para se apoiar.


Estimule-o a confiar nos colegas e reforce com os outros que estejam
atentos para apoiar o amigo que está aos cuidados deles.

Deixe o participante por uns trinta segundos, depois peça para eles
trocarem, permitindo que todos da equipe tenham a oportunidade de
ficar no centro.

30

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


10

CRIANÇAS

Caça às massinhas
Tempo médio Até 25 minutos
Material Massinha de modelar e bombons
Quantidade de pessoas 01 a 15 crianças, de 3 a 6 anos.
Reflexão/objetivo Desenvolver a coordenação motora
fina da criança, a curiosidade e
conquistar aquilo que quer.

Prepare anteriormente bombons enrolados em massinhas de modelar.


Vá para um lugar amplo e esconda os bombons em vários lugares. O
comando para as crianças será fazerem uma busca pelos bombons que
estão escondidos. Quando todos os bombons forem encontrados, reúna
toda a turma para realizar o momento de tirar os bombons de dentro da
massinha.

Futebol bem diferente


Tempo médio Até 15 minutos
Material Um grande tecido (TNT) e uma bola
Quantidade de pessoas 06 a 20 crianças, de 5 a 10 anos.
Reflexão/objetivo Quebra-gelo, mas pode se refletir
com elas a respeito da cooperação em
equipe.

31

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Prepare o tecido da seguinte maneira:

Fazer duas circunferências, do tamanho um pouco maior que a bola, nas


extremidades do tecido. Organize a turminha em duas equipes e
coloque uma delas segurando todo o lado esquerdo do tecido, e a outra
equipe segurando todo o lado direito. Quando você jogar a bola no
centro do tecido, cada equipe deverá tentar fazer gol na circunferência
que está do outro lado.

Quando me sinto
Tempo médio Até 15 minutos
Material Imagens de emojis, papéis e canetas.
Quantidade de pessoas 04 a 15 crianças de 7 a 11 anos, ou
adolescentes.
Reflexão/objetivo Oferecer oportunidade para crianças e
adolescentes falarem sobre suas
emoções.

Prepare os emojis da: alegria, tristeza, raiva e medo. Deixe-os visíveis


para o grupo na parede ou num quadro. Abaixo de cada emoji será
colado os papéis das situações que serão escritas pelos próprios
participantes.

Distribua as folhas e canetas para eles. Apresente cada emoção por vez,
pedindo que, por exemplo, escreva no papel uma situação que deixam
eles alegres. Eles farão individualmente e a resposta você cola abaixo do
emoji da alegria. Depois pergunte sobre o que os deixa tristes, com
raiva e com medo. A medida que eles forem escrevendo e comentando,
você vai colando a resposta abaixo da emoção correspondente. Faça
suas considerações de acordo com o que for vivenciado na dinâmica.

32

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


11

CHÁ DE FRALDAS

Mistério da fralda
Tempo médio Até 15 minutos
Material Fraldas descartáveis e chocolates
Quantidade de pessoas 04 a 10 pessoas
Reflexão/objetivo Brincar com as convidadas do chá de
fraldas.

Selecione chocolates bem populares e cada um você vai espalhar no


interior de uma fralda, de maneira que vai parecer cocô. Esconda o
papel do chocolate em algum lugar externo da fralda, onde só você veja,
para depois conferir qual chocolate está espalhado naquela fralda.

Sugestão de chocolates: Batom garoto, chokito, diamante negro, sonho


de valsa, charge, prestígio, BIS.

Antes de apresentar o desafio, deixe as fraldas escondidas. Se você


preparar seis fraldas, por exemplo, peça que venha a frente seis pessoas
apaixonadas por chocolate. Quando estas pessoas estiverem localizadas
na frente, diga a elas que o desafio será colocá-las para experimentar
chocolates conhecidos e elas tentarem adivinhar qual é. Depois que elas
tiverem topado o desafio e estiverem animadas para comer chocolate,
você revela que eles estão em um lugar inusitado e revela as fraldas.
Entregue uma fralda para cada participante, e de uma por uma você
espera ela experimentar e dizer qual chocolate está melado na fralda.
Confira se está correto com o papel que você deixou discretamente em
algum lugar da fralda, e se ela acertar, você pode dar outro chocolate
fechado como brinde. Se preferir, pode aplicar uma prenda com aquelas
que errarem ou se recusarem a comer o que tem na fralda.

33

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


12

DEBATER TEMAS ESPECÍFICOS

Descascando a cebola
Tempo médio Até 30 minutos
Material Folhas de papel e música
Quantidade de pessoas 08 a 25 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar de forma criativa o
debate e compartilhamento de
opiniões.

Prepare antecipadamente perguntas a respeito do tema que você quer


conversar com sua equipe. Escreva cada pergunta em papéis diferentes.
Estes papéis devem ser de tamanhos diferentes, do bem pequeno até
uma folha inteira. Amasse o menor papel, depois amasse o segundo,
estando com o primeiro dentro dele. Assim você fará várias camadas,
como se fosse uma cebola.

Posicione as pessoas em círculo e entregue a cebola de papel para uma


delas. Você explicará que quando a música começar a tocar, a cebola
deverá passar de mão em mão. Quando parar a música, a pessoa que
estiver com a cebola, deverá tirar a primeira camada, ler a pergunta que
está nela e dar sua opinião. Fica aberto para outras pessoas fazerem
suas contribuições também. Finalizou a primeira pergunta, segue a
música e o descascar até que todas as perguntas sejam feitas.

34

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Sorteie a letra
Tempo médio Até 30 minutos
Material Letras do alfabeto
Quantidade de pessoas 08 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar de forma criativa o
debate e compartilhamento de
opiniões.

Organize letras do nosso alfabeto, seja de papel ou de brinquedo.


Defina perguntas a respeito do tema que você quer debater com a
equipe, onde a resposta possa ser dada em uma palavra. Exemplo:

 Qual habilidade mais importante de bom líder?

 O que uma família precisa para ser feliz?

 Como agradar a Deus?

 Diga uma característica de uma equipe excelente?

A regra será você pedir para cada participante sortear uma letra e
responder a sua pergunta com uma palavra que inicie com a letra que
ele sorteou. As letras K, W e Y podem servir como coringa, sendo
substituída por qualquer outra letra que o participante quiser para
responder a pergunta. Se o participante tiver dificuldade para
responder, estimule os outros para ajudá-lo.

35

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


13

DIFERENÇAS INDIVIDUAIS

É natural que haja desentendimentos em situações em que pessoas


estejam reunidas, pois a diferença de personalidade, temperamento e
opiniões podem gerar algum desconforto. Quando realizamos dinâmicas
para falar sobre diferenças, podemos enfatizar que lidar com pessoas
diferentes é necessário, e pode ser até bem positivo se soubermos
conviver com os outros de forma sadia, valorizando os pontos positivos
do nosso colega.

Receita de monstrinho
Tempo médio Até 15 minutos
Material Folhas e canetas
Quantidade de pessoas 04 a 50 pessoas
Reflexão/objetivo Destacar que somos diferentes, que
mesmo vivendo experiências
parecidas, temos cada um nossa
forma particular de respondê-las.

Distribua folhas e canetas, caso eles não tenham. Informe ao grupo que
eles farão um desenho e que procurem fazer da melhor forma possível.
Para fazer o desenho, eles deverão seguir o passo-a-passo que você irá
falar sobre o desenho. Peça que eles se concentrem no desenho deles,
evitando olhar para o do colega.

A instrução do desenho é a seguinte: (Para cada tópico que você ler


abaixo, dê um intervalo de 10 segundos aproximadamente para que
eles desenhem).

36

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


 Vamos desenhar agora um belo monstro! Faça uma cabeça grande
na parte de cima da folha;
 Desenhe olhos grandes e bem vivos;
 Faça um nariz pontiagudo e empinado;
 Contorne uma boca grande e cheia de dentes;
 Capriche nos dois pares de chifres;
 Desenhe um tórax gordo e desengonçado;
 Coloque braços para cima e mãos abertas;
 Faça as pernas afastadas uma da outra;
 Coloque muito pelo no corpo do seu monstro;
 Escolha um nome legal para seu mostro.

Peça para que as pessoas possam olhar os monstros dos seus vizinhos.

Depois reflita com eles que mesmo você fornecendo as mesmas


instruções para todos, no final, surgiram desenhos bem diferentes uns
dos outros. Ou seja, somos seres singulares. Ora, somos melhores em
alguns aspectos, ora, os outros são melhores. E é isso que nos torna
especiais.

Jogo da linha
Tempo médio Até 15 minutos
Material Uma fita ou faixa de cor
Quantidade de pessoas 08 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Refletir sobre como podemos ser
parecidos e diferentes ao mesmo
tempo. Abordar questões onde haja
diferentes opiniões.

Dinâmica inspirada em um exercício feito pela professora Erin Gruwell,


interpretada pela atriz Hilary Swank no filme “Escritores da Liberdade”.

. Separe o grupo, colocando metade dele ao seu lado direito e a outra


metade ao lado esquerdo. Coloque a fita ou faixa pregada ao chão,
entre um grupo e outro.

37

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Elabore perguntas ou situações anteriormente. Você pedirá ao grupo
que caso eles concordem com a afirmação ou pergunta que você fizer,
eles devem pisar na linha, caso não concordem, permaneçam no seu
lugar.

Você pode elaborar perguntas simples do cotidiano, só para depois


refletir sobre as semelhanças e diferenças que temos. Porém, fica muito
interessante abordar uma temática em particular e fazer perguntas a
respeito dela, ou falar de situações para perceber com quantas pessoas
naquele grupo a situação já aconteceu. Se for este o caso, inicie com
perguntas ou situações leves, ou até mesmo engraçadas, para quebrar o
gelo, depois você pode ir aprofundando mais em assuntos sérios.

38

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


14

ENTROSAMENTO

Onde eu estou?
Tempo médio Até 15 minutos
Material Papéis e canetas
Quantidade de pessoas 04 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Aproximar as pessoas e proporcionar
um momento de aproximação entre
elas.

Realizar esta dinâmica com pessoas que conheçam umas as outras.

Peça que todos escrevam o nome em um pedaço de papel, dobrem, e


entreguem a você. Ponha os papéis numa caixa, misture e peça para
cada um tirar um papel e ver o nome que está escrito.

O objetivo a ser realizado é que todos escrevam numa folha de papel,


com letras grandes, características que conheça desta pessoa que foi
sorteada. Disponha de folhas e canetas, como também cinco minutos
para realização. Deixe tocando uma música ao fundo.

Quando encerrar o tempo, peça que as pessoas circulem pela sala


deixando a mostra o papel que escreveram e tentem identificar quem foi
a pessoa que escreveu características sobre ela. Ela vai tentar descobrir
lendo os papéis dos outros, e não perguntando. Deixe cinco minutos
para eles circularem.

Depois peça para eles se formarem em círculo e pergunte quem


conseguiu se achar de acordo com as características expostas pelos
colegas. Deixe as pessoas indicarem o palpite delas e certifique com

39

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


quem escreveu se está correto. Depois façam o debate se ficaram
surpresos sobre as características apontadas pelos colegas.

Dança em grupo
Tempo médio Até 15 minutos
Material Diversos estilos de músicas
Quantidade de pessoas 15 a 50 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar a sintonia e
entrosamento do grupo, como
perceber como cada grupo tem um
ritmo diferente.

Realize esta dinâmica em uma sala com bastante espaço. Distribua a


equipe em grupos de cinco a sete pessoas. Cada grupo deve
permanecer em círculo e de mãos dadas.

Informe que você irá reproduzir várias músicas, e a cada estilo de


música, eles devem dançar conforme a música tocada, mas sem soltar
as mãos. Diga também que vez em quando você irá pedir que pessoas
troquem de grupo. Exemplo: troquem duas pessoas. Daí duas pessoas
de cada grupo sai e vão para outro grupo. E quando os novos
integrantes chegarem ao novo grupo, devem se adaptar ao ritmo e
coreografia que o grupo está fazendo.

Realize o exercício por uns dez minutos, trocando músicas e sugerindo


pessoas mudarem de grupo.

40

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


15

FAMÍLIA

Cuidando do filho
Tempo médio Até 15 minutos
Material Bolas de assopro
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Levar os pais a refletirem o limite
entre deixar os filhos fazerem o que
quiserem e a superproteção.

O ideal é fazer esta dinâmica com os pais e filho juntos, mas também
pode ser feita só com os pais. Se os filhos estiverem presentes, o pai
deve fazer dupla com ele. Se tiver dois filhos, fica um filho de um lado e
outro filho do outro. Se tiver três, faz com os mais velhos de lado, e o
caçula no colo, se não houver restrição de saúde do pai. Se for um
momento só com os pais, peça para eles se formarem em duplas.

Entregue para cada dupla uma bola de assopro. Se houver trio, entregue
duas bolas para eles. Peça para que eles encham as bolas e amarre-as.
Posicione os participantes lado a lado na sala. Esta sala deve ter espaço
suficiente para todos poderem atravessar livremente. Oriente que eles
suspendam a bola entre a perna de um e a perna do outro. O objetivo é
fazerem uma corrida em duplas, com a bola sem cair, indo até o final da
sala e retornando ao seu ponto de partida. Se a bola cair, deve retornar
ao ponto de partida e reiniciar.

Depois que você realizar esta competição e parabenizar os vencedores,


debata sobre a relação entre pais e filhos. Leve-os a imaginar que a bola
representa o filho, sendo que é necessário haver um equilíbrio, não o

41

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


sufocando, se não a bola estoura, nem soltar, se não elas se perdem.
Debatam sobre o assunto.

Pais comprometidos
Tempo médio Até 15 minutos
Material Bolas de assopro e barbante
Quantidade de pessoas 08 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Fortalecer o comprometimento dos
pais na educação dos filhos.

Organize as pessoas em círculo e proponha fazer a brincadeira da teia


humana. Você entrega o barbante a uma pessoa, pede para que se
apresente e fale qual seu compromisso para melhorar na educação que
ela oferece para seus filhos. Quando terminar a fala, segura a ponta do
barbante e o joga para outra pessoa do círculo. O próximo participante
responde a mesma pergunta, segura a parte do barbante que está com
ele e joga o barbante para outra pessoa. Assim segue até que todos
tenham a oportunidade de falar e está segurando uma parte do
barbante. Vá acompanhando o processo e certifique-se que o barbante
não fique frouxe, mas bem firme.

Quando a teia estiver bem esticada, diga que vai jogar três bolas de
assopro e eles devem ficar jogando elas para cima com a teia, sem
deixar as bolas caírem no chão. Faça esse exercício por uns dois
minutos.

Depois que terminar, sente com eles e debatam sobre o desafio de


educar crianças e adolescentes. Lembrando que na brincadeira, as bolas
representam os filhos, e o barbante todas as coisas que elas se
comprometeram em fazer para oferecer o melhor para eles.

42

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Casos de família
Tempo médio Até 30 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Gerar debate sobre situações comuns
entre as famílias brasileiras.

Convide voluntários para realizarem uma encenação só de gestos


referente a situações que eles vão analisar se acontece com as famílias
brasileiras. Posteriormente vocês compartilharão suas opiniões e
dúvidas sobre os casos.

Cada encenação pode necessitar de número de participantes diferentes.


Então, por exemplo: digamos que você quer que encenem um filho
chegando tarde em casa, enquanto a mãe está muito preocupada.
Portanto, para esta, você chamará duas pessoas.

Só mostre a cena para as pessoas que forem encenar, pois o desafio


será o restante da equipe adivinhar o que está acontecendo, pois os
atores devem permanecer mudos, só encenar com gestos.

Sugestões de situações a serem encenadas:

 O filho chegando em sua casa com a namorada para dormir com


ele, e os pais não permitem, gerando uma discussão com o jovem.

 Mostrar um momento comum da família, onde todos ficam no


celular e não há interação.

 O filho, ou filha, conta para os pais que é homossexual.

Faça quantas encenações você achar necessárias.

43

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Vamos falar sobre família
Tempo médio Até 30 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Gerar debate sobre valores que eles
consideram prioridade.

Se tiver mais de oito pessoas na equipe, divida em grupos de quatro ou


cinco. Para cada grupo, você vai entregar uma pergunta para eles
debaterem entre si, depois vai ser aberto para compartilharem no
grande grupo o que eles discutiram.

Sugestões de perguntas:

 O que eu posso fazer para minha família ser mais feliz?

 Quais valores são fundamentais em uma família?

 Quais os maiores desafios das famílias na atualidade?

 De que maneira a tecnologia pode ser um aliado ou inimigo para a


família?

Ofereça dez minutos para cada grupo debater sua pergunta. Depois
peça para todos formarem um grande círculo e cada grupo por vez
apresenta sua pergunta e faz seus comentários. Deixe o debate aberto.

Dia das mães


Tempo médio Até 20 minutos
Material Folhas vermelhas.
Quantidade de pessoas 05 a 50 pessoas
Reflexão/objetivo Oportunizar as mães a falarem sobre
seus sentimentos a respeito da
maternidade.

Preparar moldes de coração com as folhas, e na parte de trás da folha,


escrever uma pergunta ou frase a ser continuada pela mãe.

44

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Sugestões de perguntas:

 Qual a maior dificuldade de ser mãe?

 Qual a melhor parte da maternidade?

 O que foi de mais engraçado que aconteceu com meu filho?

 Ser mãe é…

 Meu conselho para as novas mães é…

 Uma mãe para não enlouquecer deve…

 O que eu deveria ter feito antes de ser mãe?

 O que eu quero fazer agora que sou mãe?

 Defina seu filho em uma palavra.

 Ser mãe é padecer no paraíso?

Coloque as mães em círculo, deixe os corações numa caixinha e você


pode utilizar uma música para ir passando-a, e quando a música parar,
você pede para a mãe que estiver com a caixinha tirar a pergunta e
responder.

Dia dos namorados


Tempo médio Até 20 minutos
Material Papéis e canetas
Quantidade de pessoas 03 a 05 casais
Reflexão/objetivo Testar o quanto casal se conhece de
forma divertida.

Elabore perguntas sobre casais. Umas três perguntas para cada casal.
Exemplo:

 Qual o prato preferido dele (a)?

 Que música marcou o relacionamento de vocês?

45

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


 O que irrita ele (a)?

 O que deixa ele (a) mais relaxado (a)?

 Que lugar do mundo ele (a) gostaria de conhecer?

 Qual foi o último presente que você deu a ele (a)?

Chame um casal por vez e faça as perguntas. Primeiro o marido deve


responder em relação à esposa, e ela registra sua resposta, para depois
você conferir se está correta. Depois você faz para ela, e ele deixa
escrita a resposta para conferir. Faça perguntas extras, para caso haja
empate entre os casais. Se for possível, prepare algum brinde para o
casal vencedor.

46

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


16

GRATIDÃO

A gratidão é um dos sentimentos mais nobres e que gera a base de uma


vida com satisfação e felicidade. Em qualquer momento você pode
oportunizar a equipe a registrar os acontecimentos mais felizes ou
reconhecer as bênçãos que o dia-a-dia pode nos fornecer.

Bola da gratidão
Tempo médio Até 20 minutos
Material Uma bola, papel.
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar momento de gratidão.
Com certeza sempre teremos motivos
para sermos gratos, nem que seja
pelas coisas mais simples, mas que
são fundamentais para nossa vida.

Escreva em papéis vários motivos de gratidão. Eis algumas sugestões:

Família, saúde, trabalho, livramento, boa notícia esta semana, mudança,


filhos, fato engraçado, reencontro, etc.

Pregue com fita adesiva estes papéis em uma bola de futebol, vôlei ou
basquete.

Organize as pessoas em círculo e jogue a bola para um dos


participantes, pedindo a ele que escolha um dos motivos de gratidão
expostos na bola e faça seu comentário. Quando terminar, ele mesmo
joga a bola para outra pessoa que fará a mesma coisa. Segue-se até que
todos tenham a oportunidade de escolher seu motivo de gratidão e
falar.

47

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


17

IDOSOS

A terceira idade é um período ainda muito discriminado e mal


compreendido. Na verdade, essa bela fase, apesar de haver limitações,
não impede que os idosos possam sonhar, desejar e se divertir com
aqueles que são mais achegados.

O idoso é uma pessoa como outra qualquer, com emoções e


necessidades. As dinâmicas podem ser um ótimo instrumento para o
facilitador fortalecer a autoestima do grupo e a socialização entre eles,
tendo em vista que muitos vivem uma vida de muita solidão.

Conhecendo e aprendendo
Tempo médio Até 20 minutos
Material Uma bola
Quantidade de pessoas 04 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar de forma divertida a
aproximação entre a turma da terceira
idade.

Pedir para que a turma se coloque em círculo (pode ser sentados).

O objetivo é passar a bola e sempre que alguém pegar na bola deve


falar alguma curiosidade sobre sua vida. Deixa uma música animada
tocando ao fundo, mas não muito alto. A bola deve ser jogada
aleatoriamente, não necessariamente para a pessoa do lado. Diga que
pode ser jogada para pessoas que já responderam, assim fica o desafio
de ter que falar outra curiosidade sobre si. Participe da brincadeira
também.

48

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Ao finalizar pergunte o que mais chamou atenção deles a respeito de
algum colega específico.

Meus sonhos
Tempo médio Até 40 minutos
Material Cartolinas, revistas, cola, tesoura,
lápis hidro cor
Quantidade de pessoas 04 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Levar os idosos a sonharem e
acreditarem na realização deles.

Para realizar esta dinâmica, é importante você ter pessoas te auxiliando,


especialmente se for um grupo grande de idosos.

Distribua os materiais e peça para o grupo pensar nos sonhos que eles
ainda querem realizar. Eles devem procurar imagens nas revistas que
lembrem esses sonhos que eles pensaram. A partir daí, disponibilize
vinte minutos para eles cortarem as figuras e colarem nas cartolinas. Se
não acharem imagens que os identifique, podem desenhar ou escrever.

Depois que os trabalhos estiverem prontos, organize-os em círculo e


instrua para que cada um apresente seus sonhos. Finalize reforçando
que eles devem acreditar que podem realizar qualquer sonho, que eles
merecem. Não há limite de idade para fazer coisas incríveis!

49

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


18

IGREJA

Tirando as brechas
Tempo médio Até 10 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 12 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Refletir que não podemos dar espaço
para as influências negativas do
mundo. Reforçar através da oração e
da palavra de Deus.

Formar um círculo. Orientar que uma pessoa fique dentro do círculo e


outra fora dele (Se o grupo for muito grande, você pode colocar duas ou
três pessoas dentro e fora). Pedir que as pessoas que formam o círculo
fiquem bem juntas e de braços enlaçados. O objetivo da pessoa que
está de fora do círculo é tentar entrar nele para tocar na pessoa que está
dentro. E o objetivo do círculo é “proteger” a pessoa de dentro, não
deixando a de fora invadir.

Reflita comparando a pessoa de fora com tudo que há de má influência


no mundo que prejudique um servo de Deus, e o círculo representando
a Palavra e o relacionamento que devemos ter com o Senhor.

50

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Ser moldado por Deus
Tempo médio Até 30 minutos
Material Massa de modelar
Quantidade de pessoas 03 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Falar como seria maravilhoso se
permitíssemos ser moldados por
Deus, segundo a vontade Dele.

Disponibilize a massa de modelar para os participantes e peça que eles


montem o que quiserem com ela, soltando a criatividade. Coloque uma
música suave ao fundo. Disponibilize dez minutos para a realização.

Quando finalizarem, faça um momento de socialização, onde


rapidamente eles apresentem o que montaram com a massa. Depois os
questione o seguinte:

 A massa reclamou quando vocês estavam amassando ela?

 No nosso crescimento espiritual com Deus, estamos sendo pedra,


que é rígida, ou como a massa, que se permite ser moldada?

 Será que estamos sendo como vasos na mão do oleiro?

 Vocês percebem que se permitirmos ser moldados por Deus, Ele


pode fazer uma obra linda através das nossas vidas?

Ouvindo a voz de Deus


Tempo médio Até 10 minutos
Material Venda para os olhos e copos
descartáveis.
Quantidade de pessoas 08 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Refletir que vale muito mais a pena
ser orientado pela voz de Deus.

51

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Convide alguém para ser voluntário de um desafio que vai exigir que ele
seja um bom ouvinte. Direcione esta pessoa para que ela saia da sala,
não vendo, nem ouvindo o que você fará com a equipe que ficar.

Quando a pessoa se retirar, distribua os copos pela sala, os quais


servirão de obstáculos para o voluntário tentar atravessar sem tocar em
nenhum. Diga à equipe que ele vai fazer a travessia duas vezes. Na
primeira, todos devem gritar ao mesmo tempo, atrapalhando, mais do
que ajudando na travessia do colega. Na segunda vez, somente uma
pessoa deve falar, orientando da melhor forma possível seu colega para
que ele chegue ao outro lado com sucesso.

Vá até o voluntário, venda os olhos dele e traga-o de volta para a sala.


Diga que seu desafio é atravessar a sala que está cheia de obstáculos,
tomando cuidado para não esbarrar em nenhum deles. Diga que os
colegas irão tentar ajuda-lo. Dê o sinal de largada. Como falado
anteriormente, na verdade, os colegas irão atrapalhar, gritando todos ao
mesmo tempo, não oferecendo ajuda útil. Deixe passar um minuto.

Quando encerrar o tempo, ou a pessoa tiver falhado algumas vezes,


encerre a primeira etapa. Leve o voluntário para o início do percurso e
peça que ele escolha uma pessoa do grupo que ele tem confiança. Esta
pessoa que ele escolher será a única que irá falar no intuito de ajuda-lo
a chegar ao final da trilha.

Depois de escolhida a pessoa como guia, peça que ela seja bem
cuidadosa para facilitar a jornada do amigo que o escolheu, e informe
ao restante do grupo que não podem falar, nem fazer nenhum tipo de
som, para não atrapalhar.

Dê o comando para iniciarem e vá fiscalizando se o voluntário realmente


está com os olhos fechados.

Na reflexão, faça a comparação


desta voz guia na segunda
rodada como a voz de Deus.

52

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


19

LIDERANÇA

Escravos de Jó
Tempo médio Até 20 minutos
Material Canetas ou copos
Quantidade de pessoas 04 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Identificar quem são as pessoas que
tem perfil de líder no grupo. O líder
instrui seu grupo para o trabalho em
equipe.

Para realizar esta dinâmica é necessário que pelo menos duas pessoas
da equipe saibam cantar a música Escravos de Jó e fazer o comando
dela. Depois que organizar sua equipe sentada em círculo, distribua
uma caneta ou um copo para cada um. Diga que vão brincar de Escravos
de Jó e que o ideal é que vocês só terminem quando conseguir fazer em
perfeita sintonia.

Observe as pessoas que tomam iniciativa para ensinar os outros.


Geralmente neste caso, os líderes naturais são aqueles que conhecem a
brincadeira, mas podem surgir outros líderes, que são aqueles que
estão começando a aprender, mas toma a iniciativa de ajudar o grupo a
acertar.

53

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Tempestade de ideias
Tempo médio Até 30 minutos
Material Pacotes de pipoca e jujuba, papéis e
canetas.
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Ensinar aos líderes uma ferramenta
para captar soluções de sua equipe.

Pedir para a equipe se dividir em grupos de 4,5 ou seis pessoas.

Para cada grupo, entregue um pacote de pipoca e de jujuba. Diga que


eles devem experimentar os produtos e relacionar todas as melhorias
que os produtos precisam, tanto na embalagem, quanto no sabor. Peça
que eles não façam julgamentos entre si sobre as ideias propostas, mas
que fiquem com a mente livre para anotar todas as ideias que vierem à
mente. Conceda dez minutos para a aplicação.

Quando finalizar o tempo, peça para cada grupo socializar as ideias


deles. Parabenize pela criatividade que eles tiveram e questione se
aquelas ideias iriam ser úteis para as empresas que fabricaram os
produtos. Eles vão afirmar que sim. Reforce que ouvir as ideias e
opiniões da equipe pode contribuir para a resolução dos desafios do
trabalho. Instrua os líderes a executar este exercício com sua equipe,
apontando as situações de trabalho deles que precisam de soluções.

Exercitando o feedback
Tempo médio Até 30 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 04 a 10 pessoas
Reflexão/objetivo Oferecer a oportunidade de a equipe
exercitar fazer o feedback e saber
ouvir o feedback dos outros.

54

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Ofereça para cada integrante um tema simples e diga que eles devem
fazer uma rápida apresentação sobre o tema para os outros. Deixe cinco
minutos para eles se prepararem, depois inicie as apresentações.

Ao final de cada apresentação, o restante do grupo deve emitir críticas


construtivas sobre a desenvoltura do colega que estava apresentando.
Peça que o apresentador só ouça, evitando ficar dando justificativas
quando alguém apontar alguma falha que precisa ser melhorada.

Depois que todos se apresentarem e ouvirem as críticas dos colegas,


questione-os sobre o que sentiram ao serem criticados, e como foi ter
que criticar o colega na frente dele.

Reflita sobre estas emoções, e que, como líderes, precisamos estar


dispostos a saber ser sinceros com a equipe para que façamos
correções e avancemos; como também refletir que precisamos estar
abertos para ouvir críticas ao nosso respeito, e ter maturidade para
entender que há momentos que erramos e que é bom quando alguém
está nos ajudando a melhorar.

Montando com fósforos


Tempo médio Até 30 minutos
Material Caixas de fósforos
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Exercitar a liderança, comunicação e
trabalho em equipe. Se trabalharmos
em parceria, podemos alcançar os
melhores resultados.

Divida sua equipe em grupos de quatro ou cinco pessoas e para cada


grupo entregue uma caixa de fósforos. Você deve ter preparado
anteriormente dois modelos de desenho formado com fósforo.

55

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Este modelo pode estar dentro de uma caixa fechada, ou você pode
montar numa tela de computador e deixar acessível apenas para os
líderes de cada equipe visualizar.

Peça que cada grupo escolha um líder. Informe que os líderes terão o
desafio de somente eles visualizarem o modelo de um desenho feito
com palitos de fósforo e transmitir verbalmente as características para o
grupo, onde este deverá montar um desenho igual ao modelo, mesmo
sem eles terem a oportunidade de olhar. Farão somente com as
descrições que o líder der. Importante: os líderes devem manter as
mãos para trás, jamais devem tocar nos palitos, nem dar dicas com
gestos manuais, apenas com sua fala.

O desafio durará apenas dois minutos. Os líderes podem olhar o modelo


sempre que quiser, contando que mantenha as mãos para trás.

Quando encerrar o tempo, verifiquem qual equipe chegou mais próxima


ao modelo. Questione com os grupos quais dificuldades eles tiveram, se
os líderes foram eficientes na comunicação e estímulo. Pergunte aos
líderes o que eles acharam da sintonia da equipe. Faça você também
suas observações.

56

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


20

MOTIVAÇÃO

Dinâmicas de motivação tem o objetivo de levar as pessoas a


acreditarem nos seus sonhos, reconhecerem seu valor pessoal, ou gerar
alegria e energia no grupo. Aproveite o espaço para encorajar seu time,
superando o pensamento negativo e mantendo o foco para realizar
grandes objetivos.

Sonhos voando
Tempo médio Até 10 minutos
Material Bolas de assopro e papéis
Quantidade de pessoas Sem limites de pessoas
Reflexão/objetivo Estimular as pessoas a não desistirem
de seus sonhos, mesmo que haja
dificuldades e imprevistos.

Em uma sala ampla, posicione as pessoas em círculo. Entregue a todos


uma bola e um pequeno pedaço de papel. Peça que eles escrevam no
papel um sonho muito importante que eles querem realizar em breve.
Não precisam assinar o papel. Deixe tocando uma música inspiradora
enquanto eles escrevem.

Instrua que eles dobrem o papel e coloquem-no dentro da bola que


você entregou, encham-na e amarrem. Quando todos estiverem com
suas bolas de assopro enchidas e amarradas, peça que eles fiquem em
pé e comecem a jogar as bolas uns para os outros. Enfatize que eles
devem jogar seus sonhos que estão nas bolas pra bem longe e possam
brincar, trocando as bexigas que estarão soltas no ar, tentando não
deixa-las caírem no chão.

57

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Toque uma música bem animada enquanto eles fazem isso. Depois de
um minuto, instrua que eles peguem uma bola qualquer, estourem-na e
leiam o sonho que está no papel. Pergunte se o sonho que eles têm em
mãos é o que eles escreveram. A maioria certamente estará com o
sonho de outra pessoa. Pergunte para estes: Por que vocês abriram mão
tão facilmente dos seus sonhos?

Eles vão justificar que fizeram isso porque você pediu. Daí vem sua
reflexão, que muitas vezes abrimos mão dos nossos sonhos e objetivos
por causa dos outros, seja porque você assume resolver a vida da outra
pessoa, ou seja, pelas críticas. E quando isto acontece, outras pessoas
acabam realizando aquilo que nós gostaríamos, e por vezes, chegamos
a sentir até inveja, porque o outro foi capaz de fazer e conquistar, e nós
não. Motive dizendo que eles podem ser diferentes a partir de agora,
sendo fiéis aos seus projetos e não permitindo que nada os tire do foco.

Imitando animais
Tempo médio Até 30 minutos
Material Imagens de animais
Quantidade de pessoas 04 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Destacar os pontos positivos dos
integrantes da equipe.

Tenha em mãos imagens de animais que simbolicamente possam


representar características da personalidade humana. Exemplo: formiga,
cachorro, leão, águia, tubarão, etc. Se sua equipe for pequena, selecione
a quantidade de animais que sirva para cada pessoa ficar com um. Se
tiver muitas pessoas, cada animal pode ficar com uma dupla ou trio.

Coloque as imagens dentro de uma caixa e peça para que os


participantes tire uma delas (sem saber qual animal está tirando).

Para quebrar o gelo, peça que cada um, ou se for o caso, a dupla ou
trio, possam ir a frente imitar o animal sorteado para ver se outros

58

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


adivinham que animal é. Depois que adivinharem, a ou as pessoas que
estiverem com esse animal deveram dizer se aquele animal tem alguma
característica que lembre algo da personalidade deles. Exemplo: quem
tiver com a formiga pode dizer que ele é semelhante a ela por saber
trabalhar em equipe. A pessoa que estiver com o leão pode achar que é
faminto por sucesso, etc.

É um momento de autoconhecimento, para que eles lembrem-se dos


aspectos positivos que possuem, e com certeza, você e a equipe,
confirmarão com eles.

Você tem fome de que?


Tempo médio Até 40 minutos
Material Cartolinas, revistas, cola, tesoura, som
Quantidade de pessoas 06 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Captar os anseios e desejos dos
participantes e encorajá-los,
motivando a lutar pelo que eles
querem.

Distribua o material para os participantes e faça a seguinte pergunta:


Vocês tem fome de que? Quais são seus maiores desejos? O que vocês
gostariam que estivesse acontecendo na sua vida agora?

Peça que eles respondam essas perguntas através de imagens das


revistas que simbolizem suas respostas. Enquanto eles procuram
imagens nas revistas, deixe tocando no som a música “Você tem fome
de quê?” dos Titãs.

Vinte minutos é o suficiente para montarem suas cartolinas. Depois


organize a turma para que eles apresentem sua produção
individualmente. Se você tiver uma turma acima de vinte pessoas, você

59

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


pode dividir em pequenas equipes, onde cada equipe divide a cartolina e
apresentam juntos.

Montanha russa
Tempo médio Até 10 minutos
Material Som, data show.
Quantidade de pessoas Sem limites de pessoas
Reflexão/objetivo Animar o grupo e refletir que a vida
tem altos e baixos.

Peça que todos fiquem em pé e convide-os para brincar de montanha


russa. Ensaie com eles os movimentos antes de você passar o vídeo com
a música.

Os movimentos são:

 “fecha a catraca” – junta os braços na cintura com as mãos


fechadas.
 “sobe a montanha” – coloca os braços pra cima três vezes
 “Cai para a direita” – joga os braços e o corpo para a direita
 “Cai para a esquerda” – joga os braços e corpo para a esquerda
 “Faz o looping” – ajoelha, depois joga os braços e o corpo pra
frente.

A coreografia é fazer essa sequência acima uma vez lentamente e


depois duas vezes rapidamente, seguindo a música e imagens do vídeo
que você pode acessar neste link abaixo:

https://goo.gl/1zk5RD

Ensaie antes sozinho em casa.

60

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


21

MUDANÇAS

Mudanças são necessárias para nossa evolução, porém mudar não é


nada fácil, pois gera desconforto à nossa mente, a qual terá que sair do
plano automático para criação de novos padrões. Dessa maneira, nos
mantemos, muitas vezes, na zona de conforto, e na mesmice
eternamente. Através desta dinâmica, você pode refletir com sua equipe,
todos os benefícios de se gerar uma mudança.

Tá na hora de mudar
Tempo médio Até 20 minutos
Material Folhas, lápis e borracha.
Quantidade de pessoas 04 a 60 pessoas
Reflexão/objetivo Enfatizar que muitas vezes ficamos
presos a velhos hábitos que já não
fazem mais sentido. Estimulá-los a
gerar mudanças, fazer as coisas de
uma nova maneira.

Entregar duas folhas e um lápis para cada um dos participantes. Pedir


que em uma folha eles desenhassem qualquer coisa que eles
costumavam desenhar quando eram crianças. Deixe cinco minutos para
eles realizarem a tarefa. Quando finalizar, confira questionando se o
desenho está igual ao que faziam quando eram crianças.

Proponha a eles que na segunda folha desenhem novamente a mesma


temática, só que de uma forma completamente diferente. Que sejam

61

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


criativos e inovadores, fazendo o mesmo trabalho, porém de uma nova
forma. Ofereça mais cinco minutos para a nova produção.

Depois que terminarem, peça que avaliem as diferentes entre os


desenhos. A partir deste momento você deverá fazer a reflexão sobre a
importância e desafios das mudanças.

62

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


22

NEGOCIAÇÃO

Vamos trocar?
Tempo médio Até 20 minutos
Material Canetas azul e vermelha
Quantidade de pessoas 10 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Exercitar a capacidade de influência e
comunicação em uma negociação.

Formar a equipe em duplas. Para cada dupla, entregar uma caneta azul
e outra vermelha. Quem ficar com a caneta vermelha deverá tentar
convencer ao seu colega que está com a caneta azul a trocar de caneta
com ele. O que está com a caneta azul irá avaliar se troca ou não,
baseado na avaliação que ele fizer positiva ou negativo dos argumentos
utilizados pelo outro colega.

Reflita que negociar significa buscar o ganha-ganha, ou seja, os dois


lados saem ganhando.

63

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


23

PLANEJAMENTO

A cada novo ciclo do trabalho, vale avaliar quais acertos e quais


melhorias podem ser feitas. Por outro lado, nenhum grande projeto
poderá ter sucesso se não houver um bom planejamento para direcionar
as tarefas e minimizar os erros.

Daqui pra frente


Tempo médio Até 40 minutos
Material Cartolinas, revistas, cola, tesoura,
canetas.
Quantidade de pessoas 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Avaliar o quanto a equipe desenvolveu
até o momento, e o que precisa
melhorar.
Formar grupos de até sete participantes. Distribua os materiais para
cada grupo. Peça que seja escrito na cartolina as seguintes perguntas
(você pode mudar as perguntas, dependendo de como queira direcionar
a avaliação e planejamento):

O que deu certo este ano que precisa Quais serão nossas três principais
ações para ter um ano de sucesso?
Permanecer no próximo ano?

Qual a minha responsabilidade para Que resultados vamos alcançar este


com o sucesso da empresa? ano?

64

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Eles devem procurar imagens nas revistas que representem as respostas
deles para tais questões abordadas, e colá-la no quadrante
correspondente a pergunta. Vinte minutos são suficientes para
elaborarem os cartazes. Depois abra o grande círculo e peça para cada
grupo apresentar o que elaboraram.

65

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


24

SELEÇÃO DE EMPREGO

O objetivo de um processo seletivo é identificar, dentre os candidatos


presentes, quais os que mais se aproximam do perfil desejado pela
empresa. Portanto, a fase das dinâmicas deve contribuir para que o
selecionador observe as caraterísticas que os candidatos demonstrarão,
e assim, ele possa realizar uma avaliação mais criteriosa, somando com
as informações adquiridas na entrevista e em outros testes avaliativos.

Fábrica de envelopes
Tempo médio Até 30 minutos
Material Envelopes: tamanho pequeno; folhas;
tesouras e cola.
Quantidade de pessoas 04 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Identificar em um processo seletivo
características dos candidatos, tais
como: liderança, comunicação,
organização, planejamento, trabalho
em equipe, etc.

Forme equipes de três a cinco pessoas cada. Entregue para cada equipe
um envelope, dez folhas, uma tesoura e uma cola. Diga que o objetivo
da dinâmica é que eles fabriquem dez envelopes, o mais rápido possível
e o mais parecido com o modelo entregue a eles. Disponibilize de cinco
minutos para que eles apenas planejem a execução porque você dará
apenas três minutos para a realização. Enquanto eles planejam não
podem fazer nada ainda com as folhas, só quando for dado o segundo
tempo.

66

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Finalizado o tempo do planejamento, certifique-se que todos estão
prontos e daí você inicia os três minutos para a fabricação dos
envelopes.

Esteja atento ao comportamento dos participantes, pois é daí que você


observará quem são os candidatos que tem as características que você
precisa para a vaga em questão.

Venda-me se for capaz


Tempo médio Até 30 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 04 a 10 pessoas
Reflexão/objetivo Observar o potencial para vendas dos
candidatos.

Relacione produtos que, a primeira vista, parece ser muito difícil de


vender. Cada candidato sorteará o nome de um desses produtos e
elaborará uma propaganda, no intuito de tentar te vender este produto.
Exemplo de produtos: uma máquina de datilografia, enciclopédia de
papel, roupa com tamanho quatro vezes maior do que o comprador usa,
curso para aprender Latim, espetinho de escorpião, etc.

Deixe dez minutos disponíveis para eles preparem seus argumentos.


Encerrado o tempo, peça para cada um apresentar seus respectivos
produtos. Entre na brincadeira, fique surpreso quando falarem algo
interessante, faça perguntas, diga que vai pensar se vai querer o
produto, etc. A apresentação não precisa encerrar com uma “venda” do
produto, fica só na apresentação.

67

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


25

TRABALHO EM EQUIPE

Quanto mais complexo um trabalho, maior se torna a necessidade de


haver um time para conquista de resultados positivos. Trabalhar em
equipe significa somar os talentos, onde todos têm um mesmo objetivo
em comum, e trabalharão em parceria para chegar a este resultado tão
esperado.

Mais rápido
Tempo médio Até 10 minutos
Material Uma bola e cronômetro
Quantidade de pessoas 10 a 100 pessoas
Reflexão/objetivo Pensar em estratégias para a equipe
conseguir ser mais ágil, trabalhando
em parceria.

Coloque as pessoas em círculo e em pé. Entregue a bola para um dos


participantes. Diga que o objetivo é a bola passar de mão em mão até
voltar a primeira pessoa que estava com ela, o mais rápido possível. Se a
bola cair, volta para o início. Lembrar que todos devem tocar na bola.

Faz a primeira vez e você informa quanto tempo eles levaram para
completar a volta da bola.

Desafie-os a fazer novamente, porém, em menos tempo. Depois que


fizerem, registre se conseguiram realizar em menos segundos.

68

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Parabenize, caso tenham conseguido, mas diga que você acredita que
eles conseguem fazer mais rápido ainda. Brinque que eles conseguirão
bater o recorde mundial. Faça a terceira vez e informe em quantos
segundos eles atravessaram a bola.

Faça com que eles percebam que às vezes usamos desculpas para
justificar nossa falta de ação, mas o exercício mostra que se nos
esforçarmos, iremos conseguir naturalmente melhores resultados.

Presi
Tempo médio Até 15 minutos
Material Nenhum
Quantidade de pessoas 06 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Exercitar a sincronia entre a equipe.
Para um trabalho ficar perfeito,
precisa do comprometimento de
todos. Este exercício serve como
quebra gelo também.

Posicione as pessoas em círculo e sentadas. Você também deve


participar para poder ensinar o comando. Diga que vocês vão fazer
parte de uma nova empresa, onde a pessoa a sua esquerda é o
Presidente, na esquerda dele está o vice-presidente, e logo a esquerda
do vice está o tesoureiro. Eles devem ser chamados de “presi, vice e
teso” respectivamente. A pessoa ao lado esquerdo do tesoureiro se
chama “um”, a partir dai segue a numeração até a ultima pessoa que é
você. Exemplo: se tem dez pessoas na equipe, se chamarão: Presi, vice,
teso, um, dos, três, quatro, cinco, seis e sete.

O objetivo é todos em conjunto fazer um comando que você vai ensinar,


aonde um irá chamando o outro, sem parar o comando. A pessoa que
errar, seja a fala, ou o ritmo das mãos, deverá se levantar e ir ocupar o
último lugar, e todos os outros que estiverem atrás deste que errar

69

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


subirá de posição. Exemplo com grupo de dez pessoas: o número cinco
errou, então ele se levanta, senta ao seu lado direito (já que você era o
último), daí ele passa a ser o sete, enquanto você será o seis e quem era
seis passa a ser o novo cinco.

O objetivo de todos é chegarem à presidência.

Infelizmente, não tem como eu te explicar o comando a ser executado


escrevendo aqui. Para aprender você precisa acessar o link do vídeo no
youtube onde faço a aplicação com uma turma.

Acesse aqui: https://goo.gl/zSiEgy

Quando for iniciar prepare o cronômetro para a brincadeira durar 15


minutos. Quando o alarme tocar ao final, quem estiver na presidência é
o vencedor.

Pessoa, casa, terremoto.


Tempo médio Até 15 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas 20 a 60 pessoas
Reflexão/objetivo Fortalecer a cooperação e trabalho em
equipe. Serve também como quebra
gelo.

Peça às pessoas que se formem em trio. Duas devem se dar as mãos e a


outra fica no meio deles. As pessoas de mãos dadas representam a casa.
Você vai informar que quando você gritar terremoto, as casas devem
soltar uma das mãos e as pessoas que estão no meio devem trocar de
casa. Quando chegar um novo integrante em cada casa, ela se fecha
novamente com as mãos.

Depois do terremoto e da mudança das pessoas, você deve desfazer um


dos trios e dizer que eles agora são pessoas desabrigadas em busca de

70

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


uma casa nova, e que quando você gritar terremoto, eles devem correr
para entrar em outra casa.

Toda vez, depois que você gritar terremoto, você deve desfazer uma
casa. Dessa maneira, cada vez mais haverá pessoas entrando nas casas,
ficando elas mais e mais apertadas.

Faça várias rodadas até que se torne impossível caberem mais pessoas
dentro das casas.

Segure o papel
Tempo médio Até 15 minutos
Material Uma folha de papel
Quantidade de pessoas 06 a 50 pessoas
Reflexão/objetivo Proporcionar a sintonia do grupo.
Refletir sobre a necessidade de
estarem concentrados no trabalho
para que funcione bem, assim como
estarem dispostos a contribuírem uns
com os outros.

Em uma sala espaçosa, coloque as pessoas em círculo e de pé.


Posicione-se no centro do círculo com uma folha. Informe que você vai
gritar o nome de uma das pessoas do grupo e jogar o papel para cima.
Esta pessoa que foi chamada deverá correr para segurar a folha antes
que esta caia no chão. Se a folha cair, a pessoa que foi chamada deve
rasga-la ao meio e continuar a brincadeira com a metade da folha. Caso
a pessoa consiga segurar a folha, ela continuará o jogo com a folha
inteira.

Segue o jogo da mesma forma, a pessoa que está no centro grita o


nome de outro integrante, e este deve tentar agarrá-la antes que
chegue ao chão.

71

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


O jogo prossegue até que a folha fique bem pequena, impossibilitando
que seja jogada. Ou caso a equipe tenha muito sucesso e a folha não
caia muitas vezes no chão, faça dez rodadas.

Virando espelho
Tempo médio Até 10 minutos
Material Som e música
Quantidade de pessoas 08 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a aproximação e empatia
entre a equipe.

Dividir a equipe em dois círculos, com a mesma quantidade de pessoas,


sendo que um círculo ficará dentro de outro. As pessoas do círculo de
dentro devem ficar de frente, rosto a rosto, para as pessoas do círculo
de fora.

A partir deste momento todos devem permanecer em silêncio. A


dinâmica precisa de concentração, eles irão se comunicar apenas por
gestos, olhando nos olhos, sem falar nenhuma palavra.

Coloque uma música suave. Peça que a pessoa de fora comece a fazer
movimentos e a pessoa de dentro deve imitá-lo. Deixe passar uns vinte
segundos. Depois, peça que as pessoas de fora deem um passo a direita
para ficar de frente a outra pessoa. Agora eles irão fazer movimentos
para outras pessoas.

Inicialmente, as pessoas costumam rir bastante, mas à medida que


forem se concentrando no exercício, irão levar mais a sério e algumas
podem até chorar por conseguirem se conectar umas as outras.

Incentive se olharem nos olhos e se concentrarem na pessoa que está a


sua frente.

72

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


26

VALORES ÉTICOS

Refletir sobre valores éticos é deixar claro quais são princípios que
fazem parte da personalidade da equipe, direcionando suas decisões e
ações. Para que qualquer objetivo seja alcançado, é necessário que os
valores sejam respeitados, se não, não vale a pena a conquista.

Pirâmide dos valores


Tempo médio Até 40 minutos
Material Cartolinas ou folhas, e canetas.
Quantidade de pessoas 08 a 35 pessoas
Reflexão/objetivo Estimular a equipe a discutir sobre
quais são os valores mais importantes
que o time deve praticar.

Divida a equipe em grupos de quatro a sete pessoas. Entregue para cada


grupo seis tiras retangulares de cartolina ou folhas, e canetas. Peça que
cada grupo defina quais são os seis valores que eles consideram
fundamentais em seu meio. Cada valor deve ser escrito em uma das
tiras. Depois que escolherem os seis valores, eles devem selecionar em
equipe, qual o valor prioritário, quais os dois muito importantes, e os
três importantes. Ao escolher a ordem de importância dos valores, eles
devem montar uma pirâmide da seguinte maneira como o exemplo
abaixo:

73

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Prioritário
Comprometimento
Muito importantes
Respeito Apoio mútuo
Honestidade União Sinceridade
Importantes

Disponibilize de dez minutos para eles realizarem a tarefa. Depois você


abre o grande grupo, para cada um apresentar suas pirâmides e vocês
debaterem os resultados. Você pode ajudar o grande grupo a escolher
dentre todas as opiniões quais os seis valores mais importantes da
equipe como um todo e reforçar a aplicação dos mesmos.

74

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


27

QUEBRA-GELO

Este é o tema mais comum em dinâmicas de grupo. Nele é possível


iniciar um evento, ou energizar a equipe quando estiverem no meio de
uma aula, ou em qualquer situação que você sinta a necessidade de
mudar a atmosfera, oferecendo um ambiente mais descontraído e
alegre. A única observação que deixo é que tenham cuidado para não
fazer nada que constranja as pessoas. A ideia não é deixa-las
desconfortáveis, mas a vontade.

1,2,3
Tempo médio Até 10 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas A partir de quatro pessoas
Reflexão/objetivo Divertir e falar sobre entrosamento no
trabalho em equipe.

Instrua as pessoas a ficar em duplas, um de frente para o outro em pé. É


necessário que você faça o exercício com um voluntário ou assistente
para eles entenderem o comando.

Explique que um dos dois deve dizer o número “um”, depois o outro diz
o número “dois”, e logo em seguida o que falou “um” fala o número
“três”, dai em seguida também o que tinha falado “dois” agora fala “um”
e assim segue. Vai ser uma brincadeira de bate e volta. Eles devem dizer
os números repetindo várias vezes até que você peça para pararem.

75

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


1

2
3

1
2

Enfatize que eles devem falar bem rápido, e um em seguida do outro.

Deixe-os realizarem a atividade durante uns quarenta a sessenta


segundos.

Interrompa-os e diga que irá aumentar o desafio. Agora, toda vez que
alguém for falar o número “um”, esta pessoa deve bater palma
simultaneamente à fala, e os outros números fala normalmente, sem
nenhum movimento extra.

Deixe mais um minuto para realizarem.

Interrompa novamente para passar outro desafio. Desta vez, quando for
falar o número “um” bate palma de novo, e quando falar o número
“dois” dê um pulo. Disponibilize outro minuto para tentarem.

Na terceira interrupção, você vai dizer que para finalizar, eles devem
fazer o mesmo desafio com os números um e dois, e ao dizer o número
“três”, é para girar em torno de si mesmo.

76

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Lembre-se sempre de fazer você primeiro, para que eles possam
compreender.

Deu a louca no grupo


Tempo médio Até 05 minutos
Material Folhas
Quantidade de pessoas De 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Fazer as pessoas rirem bastante.

Preparar anteriormente ações que cada um do grupo deve fazer


imediatamente, quando pegar o papel. Cada ação desta você escreverá
em um pedaço de papel, dobrará todas e irá pôr numa caixa, deixando-
a no centro da sala.

Deixe o grupo em círculo e é importante que a sala tenha espaço para


eles poderem se movimentar.

Diga ao grupo que quando você autorizar, todos devem ir, ao mesmo
tempo, pegar um pedaço de papel e cada deve fazer o que pede no
papel imediatamente. Peça que eles se comprometam em fazer a ação
sem constrangimento. Esse momento vai ser de bastante descontração.

Deixe um minuto para eles executarem o comando que sortearam.


Coloque uma música animada para facilitar a descontração.

Segue algumas sugestões de ações que você pode colocar para eles
realizarem:

1. Dê as mãos com duas pessoas e não largue;

2. Faça o "bate aqui" ou "chega batendo" com todo mundo;

3. Parabenize três pessoas com muito entusiasmo, por qualquer razão;

4. Dê a volta na sala pulando num pé só;

77

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


5. Atrapalhe a pessoa que estiver pulando num pé só;

6. Proteja a pessoa que estiver pulando num pé só;

7. Diga para 3 pessoas porque você gosta dela;

8. Dê uma de médico, peça para dizerem "33", um de cada vez;

9. Chame alguém para gritar "Gerônimo" com você em voz alta;

10. Imite um foguete sendo lançado e peça para alguém adivinhar o que é;

11. Chamar alguém para brincar de pedra, papel e tesoura com você;

12. Cruzar os braços com outra pessoa, ambos de costas, e darem uma volta
na sala;

13. Imitar um chimpanzé;

14. Chamar as pessoas para jogarem vôlei com você sem bola;

15. Diga que alguém está com piolho e comece a procurar na cabeça dessa
pessoa;

16. Abrace alguém pela cintura e não largue;

17. Chame alguém para cantar "O sapo não lava o pé" com você;

18. Imitar a pessoa que está imitando um chimpanzé.

Se você tiver um grupo grande, pode repetir esses comandos sugeridos


duas ou três vezes, dependendo da quantidade de pessoas que você
tenha participando.

Dinâmica do anel
Tempo médio Até 10 minutos
Material Um anel
Quantidade de pessoas De 06 a 20 pessoas
Reflexão/objetivo Usar como quebra-gelo

78

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Peça que as pessoas fiquem em círculo e com as palmas das mãos
unidas.

Deixe suas mãos da mesma maneira, porém com um anel dentro delas.
Informe que você vai passar suas mãos por entre as mãos de todos e vai
deixar o anel da mão de um dos participantes. Ninguém deve comentar
nada a respeito se está com o anel ou não.

O objetivo da dinâmica é depois que você passar por todos, eles


tentarem adivinhar com quem está o anel. Inclusive a pessoa que estiver
com o anel deve fazer de conta que não está com ele e blefar.

Um fala de cada vez, seguindo a ordem da fila. Quando a última pessoa


der sua sugestão, a pessoa que estiver com o anel, o mostra. Você pode
oferecer uma premiação para caso alguém acerte, e caso isso aconteça,
pode ser feita uma prenda com a pessoa que ficou com o anel, pelo fato
dela não ter conseguido disfarçar que não estava com o anel.

Carro desgovernado
Tempo médio Até 10 minutos
Material Sem material
Quantidade de pessoas De 06 a 40 pessoas
Reflexão/objetivo Divertir a equipe

79

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


Posicionar as pessoas em círculo e sentadas. O objetivo é que todo o
grupo imite o som de um carro acelerando. Segue em sentido horário,
um por um, fazendo o som do carro acelerando. Porém, a qualquer
momento, quem quiser, pode fazer o som do carro freando. Quando
isto acontecer, o sentido inverte, passando a seguir no anti-horário.

Para fazer o som do carro acelerando, grita “bruum”, e o som do carro


freando “ihiii”.

Inicia a dinâmica por você, imitando o carro acelerando, os outros


devem falar em seguida o mais rápido possível. Qualquer pessoa, de
repente, pode fazer o som do carro freando, e, portanto, a pessoa que
tinha acabado de fazer o som do carro acelerando, deve fazer
novamente, porque agora mudou o sentido da corrida. Sigam
acelerando, até que qualquer pessoa aleatoriamente que quiser fazer o
freio, muda, de novo, o sentido. Ou seja, sempre que alguém frear será
invertido o sentido da corrida.

A corrida deve ser feita bem rápida. Se qualquer pessoa ficar na dúvida
e demorar, já perdeu. Reinicia com esta pessoa que perdeu. Pode ser
aplicada uma prenda com quem errou, mas ninguém sai da brincadeira.
Você pode estabelecer um tempo de duração para o exercício.

Mensagem especial
Tempo médio Até 30 minutos
Material Frases motivacionais
Quantidade de pessoas De 10 a 30 pessoas
Reflexão/objetivo Gerar compartilhamento, diálogo e
risadas com a equipe.

Prepare anteriormente mensagens motivacionais em papéis. Pode ser


frases de estímulo conhecidas de algumas celebridades. Antes das

80

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272


pessoas chegarem à sala, coloque uma mensagem por cadeira. É
interessante que você tenha mais mensagens diferentes do que pessoas,
porque à medida que elas forem chegando, podem escolher em qual
cadeira vão sentar, dependendo da frase que se identificam.

Quando todos chegarem, e cada um estiver com sua frase na mão, peça
que eles formem equipes de quatro ou cinco pessoas cada, e
compartilhem entre eles as frases que escolheram.

Instrua as equipes para escolherem uma frase apenas que representa o


sentimento do grupo. Quando eles escolherem esta frase, devem
montar uma encenação que interprete a ideia desta frase. Ou seja,
depois eles irão fazer a interpretação para as outras equipes assistirem.

Disponibilize dez minutos para eles compartilharem e prepararem a


encenação. Depois abra o grande círculo e cada equipe fará sua
apresentação.

FIM

81

Licensed to joao luis pinheiro de souza. - hipnocaragua@gmail.com - HP17915887744272