Você está na página 1de 20

Folha de Cálculo REH - ITeCons

Versão V3.11 de 2 de maio de 2018

Nome: Bruno Costa


Identificação do Perito Qualificado
Nº de usuário: PQ647

Identificação Geográfica

Identificação Geográfica do Edifício ou Fração Autónoma

Código do Ponto de Entrega (CPE)

Código Postal 8125 - 001 Concelho Loulé


Inserir fotografia

Artéria Urbanização Al-Sakia fachada.jpg


(Tamanho máximo de 150KB, formato jpg)

Aplicável nº de Porta? Sim Aplicável Alojamento? Sim

Nº de Porta Lote LHM4 Alojamento R/C Drt

Coordenadas GPS

Latitude 37.078962 Longitude -8.080535

Natureza da Emissão

Qual a data de início do processo de licenciamento ou autorização de edificação? Anterior a 4 de julho de 2006

Tipo de Certificado Certificado Contexto de Certificado Existente Definição do Enquadramento Existente anterior ao DL79/2006 ou DL80/2006, conforme aplicável

Identificação do Imóvel

Identificação do Imóvel

Tipo de Imóvel Fração Autónoma (com PH constituída) Tipo de Fração Privado

Nome do Empreendimento / Designação Comercial

Identificação Registral
Folha de Cálculo REH - ITeCons

Conservatória Omissa? Não Conservatória única? Sim Número da Conservatória

Conservatória Registo Predial de Loulé Sob o nº 4680

Identificação Fiscal

Freguesia QUARTEIRA Cód. de Freguesia 080805

Nº Artigo Matricial 11505 Fração BB

Identificação Municipal

Aplicável Nº do Processo Municipal? Não


Nº do Processo Municipal Data de registo

Aplicável Nº de Alvará / Autorização de Construção Não


Nº de Alvará / Autorização de Construção Data de Alvará / Autorização de Construção?

Proprietário/Promotor

Nome Nuno Miguel Salgado Marques da Silva Estrangeiro? Não

Artéria Urb. Al-sakia - lote 4 Bloco B - R/C Dtº, Semino

Código Postal 8125 - 303

Aplicável nº de Porta? Sim Aplicável Alojamento? Sim NIF 219130060


Nº de Porta Lote 4 Alojamento R/C Dtº

Telefone 936731811 e-mail Não dispõe Sim NOTA: O Email do Proprietário deverá ser preenchido obrigatoriamente, caso se pretenda utilizar
os dados do proprietário para faturação.

Técnico responsável pelo Projeto

Nome do Técnico

Ordem Profissional Nº de Membro

Empresa ao serviço da qual interveio neste projecto


Folha de Cálculo REH - ITeCons

Técnico responsável pela Obra

Nome do Técnico

Ordem Profissional Nº de Membro

Empresa ao serviço da qual interveio nesta obra

Visita

Data da Visita 10/02/2020 Hora Início 15:00 Hora Fim 16:00

Não Declaração relativa ao processo de certificação


O Perito Qualificado foi acompanhado na visita para efeitos de verificação
da qualidade do processo do SCE. Escolher ficheiro declaração.pdf Tamanho máximo de 1MB, formato PDF (segundo o modelo aprovado pela ADENE)

Certificado anterior

Código do CE anterior

Características do Imóvel

Localização geográfica do edifício

Altitude (m) 23 Altitude normalmente entre 0 e 588 m

Distância à costa Inferior a 5km Edifício situado no interior de uma zona urbana

Características do Edifício

Ano de construção conhecido? Sim Ano de construção 2003

Período de Construção Posterior a 1990 Posterior a 1990

Tipo de utilização Habitação Nº total de pisos que constitui o edifício 3

Possui elevador? Sim

Características da Fração
Folha de Cálculo REH - ITeCons

Área útil de pavimento (m2) 101,18 Pé-direito médio ponderado (m) 2,61 ROADMAP 2016

Tipologia T2 Tipologia fiscal T3 Inércia Térmica Média

Nº de pisos da fração 1 Situação da fração face a outras frações Sobre garagem

Caract. restantes
Descrição sucinta 1214
Fracção de habitação localizada no R/C de um edifício multifamiliar composto por três pisos, localizado em Fonte Santa, concelho de Loulé, numa zona não abrangida por gás natural. O imóvel possui fachadas orientadas a Nordeste,
Sudeste, Noroeste e Sudoeste e existem obstáculos/edifícios que provocam sombreamento. A rugosidade é do tipo I – Edificios situados no interior de uma zona urbana. A fracção autónoma é de tipologia T2, composta por uma sala,
uma cozinha, despensa, dois quartos, um escritório e duas instalações sanitárias, apresenta inércia térmica média e a ventilação processa-se de forma natural. Como sistema de arrefecimento e aquecimento encontra-se instalado
um sistema multi-split. O sistema de produção de águas quentes sanitárias é um esquentador a gás butano.

Levantamento Dimensional

Área Pé Direito Volume Área Pé Direito Volume


Tabela 1. Divisão
(m2) (m)
% Área
(m3)
Divisão
(m2) (m)
% Área
(m3)

146 Sala 25,30 2,64 25,0 66,79


Cozinha 12,06 2,63 11,9 31,71
Despensa 3,23 2,63 3,2 8,50
Instalação sanitária 1 4,45 2,20 4,4 9,79
Instalação sanitária 2 4,41 2,62 4,4 11,56
Quarto 1 15,60 2,61 15,4 40,71
Quarto 2 13,02 2,62 12,9 34,10
Escritório 14,32 2,63 14,2 37,66
Circulação 8,79 2,63 8,7 23,12

TOTAL 101,175 2,609 100,0 263,94

Envolvente exterior

Paredes Exteriores - Soluções correntes e pontes térmicas planas

Optar pela regra de simplificação relativa ao cálculo do sombreamento? Sim

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 2Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

Parede Exterior -
185 Solução Corrente
Tipo 1
Parede simples ou dupla rebocada (posterior a 1960)
Folha de Cálculo REH - ITeCons

U
Identificação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a Solução Incorpora
Tabela 3 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
Existente? intervenção? PTP's?
(W/m2.˚C)

Parede Exterior - Parede exterior em alvenaria de tijolo cerâmico rebocada de ambos os lados com argamassa de cimento, pintada de cor clara e perfazendo uma espessura
227 PDE1
Tipo 1 aproximada de 0,32m.
1,04 Sim PDE1

Área a deduzir U U U
Designação do Tipo de Qual a solução corrente Área Fachada Área Efectiva
Tabela 4 Solução
Orientação
adjacente associada? (m2)
(Vãos, PTP, …) Cor
Ventilada?
Grau de ventilação Emissividade Solução
(m2)
referência máximo
(m2) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

279 PDE1 Nordeste 1,58 0,00 Clara Não 1,04 1,58 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudeste 13,20 2,70 Clara Não 1,04 10,50 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudeste 9,42 0,46 Clara Não 1,04 8,96 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudoeste 9,26 2,71 Clara Não 1,04 6,55 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudeste 4,79 0,00 Clara Não 1,04 4,79 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudoeste 7,91 1,57 Clara Não 1,04 6,34 0,50 - PDE1 -

PDE1 Noroeste 4,01 0,00 Clara Não 1,04 4,01 0,50 - PDE1 -

PDE1 Sudoeste 8,93 2,71 Clara Não 1,04 6,21 0,50 - PDE1 -

PDE1 Noroeste 10,13 0,46 Clara Não 1,04 9,67 0,50 - PDE1 -

PDE1 Noroeste 6,05 0,46 Clara Não 1,04 5,59 0,50 - PDE1 -

PDE1 Noroeste 8,55 1,50 Clara Não 1,04 7,05 0,50 - PDE1 -

PDE1 Noroeste 4,21 0,00 Clara Não 1,04 4,21 0,50 - PDE1 -

(continuação)

Pala vertical à esquerda Pala vertical à Sombreamento


Designação do Tipo de Pala horizontal α
Tabela 4.1 Solução °
βesq direita na est. de
° βdir ° arrefecimento
Sombreamento
333 PDE1
Normal/Standard
Sombreamento
PDE1
Normal/Standard
Folha de Cálculo REH - ITeCons

PDE1 Sem Sombreamento

Sombreamento
PDE1
Normal/Standard
Sombreamento
PDE1
Normal/Standard

PDE1 Sem Sombreamento

Sombreamento
PDE1
Normal/Standard
Sombreamento
PDE1
Normal/Standard

PDE1 Sem Sombreamento

PDE1 Sem Sombreamento

PDE1 Sem Sombreamento

PDE1 Sem Sombreamento

U U U
Designação do Tipo de Área Total
Tabela 4.2 Solução
Tipo de Solução Áreas por orientação (m2)
(m2)
Solução referência máximo
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
386 PDE1
Parede Exterior - N NE E SE S SO O NO
75,46 1,04 0,50 -
Tipo 1 0,00 1,58 0,00 24,25 0,00 19,10 0,00 30,53

Pavimentos Exteriores - Soluções correntes e pontes térmicas planas

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 5Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

490

U desc.
Identificação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a
Tabela 6 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
Existente? intervenção?
(W/m2.˚C)

512

Qual a solução U desc. U U


Designação do Tipo de Área
Tabela 6.1 Solução
corrente adjacente
(m2)
Solução referência máximo
associada? (W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

534

Coberturas Exteriores - Soluções correntes e pontes térmicas planas


Folha de Cálculo REH - ITeCons

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 7Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

580

U asc. U desc.
Designação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a
Tabela 8 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução Solução
Existente? intervenção?
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

602

Qual a solução Revestimento Grau de U asc. U desc. U U


Designação do Tipo de Área Total
Tabela 8.1 Solução
corrente adjacente
(m2)
Cor com caixa-de-ar ventilação Emissividade (II) Solução Solução referência máximo
(I)
associada? ventilada? (W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

624

Vãos Envidraçados Exteriores

Optar pela regra de simplificação relativa ao cálculo do sombreamento dos vãos envidraçados? Sim

Identificação do Tipo de
Tabela 9 Solução
Tipo de Janela Tipo de solução caixilharia 1 Tipo de solução caixilharia 2

Envidraçado Exterior -
672 Tipo 1
Simples Caixilharia metálica sem corte térmico com vidro duplo

Designação do Tipo de Zona ampliada


Tabela 10 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Tipo de Protecção Descrição da Protecção
ou Existente?
Sujeita a intervenção?

Envidraçados em vidro duplo com 4 mm + 4 mm, lâmina de ar de 6 mm, colocados em caixilharia do


Envidraçado Com proteção pelo
694 VE1
Exterior - Tipo 1
tipo “correr”. Os caixilhos dos vãos envidraçados são em alumínio, sem corte térmico e sem
exterior
Protecção solar exterior em persianas de réguas plásticas de cor clara.
classificação de permeabilidade ao ar.

(continuação)

FS Global Prot.
Designação do Tipo de Uwdn Classe da Fracção Envidraçada URef Área Umáx
Tabela 11 Solução (W/m2.˚C)
g^,vi g^,T Perm.
Caixilharia
Tipo de Vidro
Fg (W/m2.˚C) (m2) (W/m2.ºC)
g^Tp
Folha de Cálculo REH - ITeCons

728 VE1 3,10 0,78 0,04 0,78 2 Duplo 2,80 15,28 -

Área de
Vão Envidraçado Área do
Designação do tipo de Área envidraçada Permeabilidade da Classe gT envidraçados do
Tabela 12 ID vão Divisão
solução
Orientaçao
(m2)
à Face Exterior
Caixa de Estore SEEP
ID SEEP
corrigido
compartimento
compartimento
gTmax Aenv < 5% Apav
da Parede? que serve (m2)
que serve (m2)

760 1 Sala VE1 Sudeste 5,41 Não Perm. Alta 0,03 25,30 5,41 - Não

2 Escritório VE1 Sudeste 0,46 Não Perm. Alta 0,04 14,32 3,17 - Não

3 Escritório VE1 Sudoeste 2,71 Não Perm. Alta 0,03 14,32 3,17 - Não

4 Quarto 2 VE1 Sudoeste 1,57 Não Perm. Alta 0,04 13,02 1,57 - Não

5 Quarto 1 VE1 Sudoeste 2,71 Não Perm. Alta 0,03 15,60 3,17 - Não

6 Quarto 1 VE1 Noroeste 0,46 Não Perm. Alta 0,04 15,60 3,17 - Não

7 Instalação sanitária 2 VE1 Noroeste 0,46 Não Perm. Alta 0,04 4,41 0,46 - Não

8 Cozinha VE1 Noroeste 1,50 Não Perm. Alta 0,04 12,06 1,50 - Não

(continuação)

Sombreamento ESTAÇÃO DE AQUECIMENTO ESTAÇÃO DE ARREFECIMENTO


Arrefecimento
= Pala vertical à Pala vertical à Pala vertical à Pala vertical à Sombreamento Sombreamento
Obstrução do Horizonte
Tabela 12.1 ID vão Sobreamento
αh 0
Pala horizontal α 0 esquerda direita Pala horizontal α 0 esquerda direita na estação de na estação de
Aquecimento? βesq 0 βdir 0 βesq 0 βdir 0 aquecimento arrefecimento
Sombreamento
815 1 Sem Sombreamento
Normal/Standard

2 Sem Sombreamento Sem Sombreamento


Sombreamento Sombreamento
3
Normal/Standard Normal/Standard

4 Sem Sombreamento Sem Sombreamento


Sombreamento Sombreamento
5
Normal/Standard Normal/Standard

6 Sem Sombreamento Sem Sombreamento

7 Sem Sombreamento Sem Sombreamento

8 Sem Sombreamento Sem Sombreamento

Vãos Opacos Exteriores

Tabela 13 Identificação do Tipo de Solução Tipo de Solução


Folha de Cálculo REH - ITeCons

Vão opaco exterior - Tipo Não aplicável

U
Designação do Tipo de
Tabela 14 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
(W/m2.˚C)

872

Pala vertical à U U U
Designação do Tipo de Área Pala vertical à Condições de sombreamento na estação
Tabela 15 Solução
Orientação Cor
(m2)
Pala horizontal α
esquerda βesq
direita
de arrefecimento
Solução referência máximo
βdir (W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

894

Envolvente em contato com o solo

Considerar a simplificação relativa ao cálculo da transmissão pelos elementos em contacto


Não Qual o valor da condutibilidade térmica do solo λ? W/(m.°C)
com o solo?

Pavimentos Térreos

Identificação do Tipo de
Tabela 16 Solução
Tipo de Solução

966

Pavimentos Enterrados

Identificação do Tipo de
Tabela 17 Solução
Tipo de Solução

991

Rf Perímetro Espessura da
Área U URef
Tabela 17.2 Designação Profundidade, Z (m)
(m2) 2 Exposto parede exposta w
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
(m .°C/W)
P (m) (m)

###

Paredes Enterradas
Folha de Cálculo REH - ITeCons

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 18Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

###

Identificação do Tipo de Área Total Zona ampliada ou Sujeita a Solução Incorpora


Tabela 18.1 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada
(m2) Existente? intervenção? PTP's?

###

Rw Rf Espessura da
Área U URef
Tabela 18.2 Designação Profundidade, Z (m)
(m2)
parede exposta w
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
(m2.°C/W) (m2.°C/W) (m)

###

Pontes Térmicas Lineares Exteriores

Cálculo das pontes térmicas lineares de acordo com a metodologia simplificada? Sim

Sistema de
TIPO DE LIGAÇÃO Comp. Ψ calculado Ψ Ψ REF
Tabela 19 Cálculo de acordo com? Informações adicionais isolamento nas
ENTRE ELEMENTOS B (m) (W/m.°C) (W/m.°C) (W/m.°C)
paredes

Fach. com pavimento


### sobre o exterior ou ENU
32,94 Isol. sob/sobre o pavimento? Sem isolamento 0,70 0,5

Fachada com pavimento


17,64 - 0,70 0,5
intermédio

Fachada com varanda 15,30 - 0,70 0,5

Duas paredes verticais


15,74 - 0,50 0,4
em ângulo saliente

Fachada com caixilharia 45,34 Isol. contacta com a caixilharia? Não contacta 0,30 0,2

Zona da caixa de estores 9,75 - 0,30 0,2

- - -

(VIII) Note-se que, em ligações de fachada com pavimento intermédio ou varanda os valores tabelados do coeficiente de transmissão térmica linear Ψ apresentados dizem respeito a METADE da ligação global, correspondendo apenas à perda no andar superior ou no andar inferior.

Identificação do Tipo de Comprimento Psi solução Psi referência


Tabela 19.1 Solução
Tipo de Solução Método
(m) (w/m.˚C) (w/m.˚C)

### PTLE1 Fachada com pavimento sobre o exterior ou local não aquecido Valores Tabelados 32,94 0,70 0,50
Folha de Cálculo REH - ITeCons

PTLE2 Fachada com pavimento de nível intermédio Valores Tabelados 17,64 0,70 0,50

PTLE3 Fachada com varanda Valores Tabelados 15,30 0,70 0,50

PTLE4 Duas paredes verticais em ângulo saliente Valores Tabelados 15,74 0,50 0,40

Fachada com caixilharia e o isolante térmico da parede não


PTLE5 Valores Tabelados 45,34 0,30 0,20
contacta com a caixilharia

PTLE6 Zona de caixa de estores Valores Tabelados 9,75 0,30 0,20

Envolvente Interior

Definição da Envolvente Interior

Aplicação da regra de simplificação relativa à determinação do coeficiente de redução de perdas de ENU? Sim

Cálculo do btr de acordo Volume do ENU


Tabela 20 ESPAÇO NÃO-ÚTIL
com a norma 13789?
btr calculado Ai/Au
m3
Ventilação btr

### Edifício Adjacente - - - 0,60

Garagem 0,80

Caixa de escada 0,80

2,20

Paredes interiores - Soluções correntes, pontes térmicas planas e vãos opacos

Parede Interior, Ponte


Identificação do Tipo
Tabela 21Térmica Plana ou Vão de Solução
Tipo de Solução
Opaco?

Parede Interior -
### Solução Corrente
Tipo 1
Parede simples ou dupla rebocada (posterior a 1960)

U
Designação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a Solução Incorpora
Tabela 22 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
Existente? intervenção? PTP's?
(W/m2.˚C)

Parede Interior - Parede interior em contacto com espaços não-úteis, nomeadamente espaços comuns do prédio, rebocada de ambos os lados, perfazendo uma espessura
### PDI1
Tipo 1 aproximada de 0,15m
1,65 Sim PDI1
Folha de Cálculo REH - ITeCons

U
Designação do Tipo de Qual a solução corrente Área Área envidraçada Área Efectiva URef UMáx
Tabela 23 Solução
Espaço não útil
adjacente associada? (m2) (m2)
btr Solução
(m2) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
(W/m2.˚C)

### PDI1 Caixa de escada 29,45 0,00 0,80 1,65 29,45 0,50 - Sim

Tab U
Designação do Tipo de URef UMáx
ela Solução
btr Área por btr (m2) Solução
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
23. (W/m2.˚C)
### PDI1 0,80 29,45 1,65 0,50 -

Pavimentos Interiores - Soluções correntes e pontes térmicas planas

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 24Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

Pavimento Interior -
### Solução Corrente
Tipo 1
Pavimento sem isolamento térmico

U
Designação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a
Tabela 25 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
Existente? intervenção?
(W/m2.˚C)

Pavimento Interior - Laje de pavimento sobre espaço não útil, com estrutura em laje maciça, acabamento superior em mosaico cerâmico e rebocado com argamassa de cimento na face
### PVI1
Tipo 1 inferior.
2,25 PVI1

Designação do Tipo de Qual a solução corrente Área Total Udesc URef UMáx
Tabela 26 Solução
Espaço não útil
adjacente associada? (m2)
btr
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

### PVI1 Garagem 101,2 0,80 2,25 0,40 -

Tab
U U U
ela Designação do Tipo de Área Total
Solução referência máximo
btr
26. Solução (m2)
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
1
Folha de Cálculo REH - ITeCons

### PVI1 0,80 101,18 2,25 0,40 -

Coberturas Interiores - Soluções correntes e pontes térmicas planas

Solução corrente ou Identificação do Tipo


Tabela 27Ponte Térmica Plana? de Solução
Tipo de Solução

###

U
Designação do Tipo de Zona ampliada ou Sujeita a
Tabela 28 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Solução
Existente? intervenção?
(W/m2.˚C)

###

PREENCHER APENAS PARA O CASO DE COBERTURAS EM DESVÃO

Designação do Tipo de Qual a solução corrente Área Total Cor da cob. Grau de Udescendente U URef UMáx
Tabela 29 Solução
Espaço não útil
adjacente associada? (m2) Exterior ventilação (X)
Emissividade (XI)
(W/m².°C)
btr
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C) (W/m2.˚C)

###

Vãos Envidraçados Interiores

Tabela 30 Tipo de Solução Tipo de Janela Tipo de solução caixilharia 1 Tipo de solução caixilharia 2

###

Designação do Tipo de Uwdn URef Zona ampliada


Tabela 31 Solução
Tipo de Solução Descrição Detalhada Tipo de Protecção Descrição da Protecção
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C) ou Existente?
Sujeita a intervenção?

###

Vão Envidraçado URef


Designação do Tipo Área Uwdn
Tabela 32 Localização
de Solução
Espaço não útil
(m2)
Orientação à Face Exterior Tipo de Vidro btr
(W/m2.˚C) (W/m2.˚C)
da Parede?

###

Pontes Térmicas Lineares Interiores

Cálculo das pontes térmicas lineares de acordo com a metodologia simplificada? Sim
Folha de Cálculo REH - ITeCons

Comp. Sistema de
TIPO DE LIGAÇÃO Cálculo de acordo Ψ calculado Ψ Ψ REF
Tabela 33ENTRE ELEMENTOS Espaço não útil B (XIV)
com? (W/m.°C)
Informações adicionais isolamento nas
(W/m.°C) (W/m.°C)
(m) paredes

Fach. com pavimento


### sobre o exterior ou ENU
Garagem 11,18 Isol. sob/sobre o pavimento? Sem isolamento 0,70 0,50

Fachada com pavimento


Caixa de escada 11,18 - 0,70 0,5
intermédio

Duas paredes verticais


Caixa de escada 5,26 - 0,50 0,4
em ângulo saliente

- - -

Comprimento Psi solução Psi referência


Tabela 33.1
Designação da Solução Espaço não útil btr Tipo de Solução Método
(m) (w/m.˚C) (w/m.˚C)

Fachada com pavimento sobre o exterior ou local não


### PTLI1 Garagem 0,8
aquecido
Valores Tabelados 11,18 0,70 0,50

PTLI2 Caixa de escada 0,8 Fachada com pavimento de nível intermédio Valores Tabelados 11,18 0,70 0,50

PTLI3 Caixa de escada 0,8 Duas paredes verticais em ângulo saliente Valores Tabelados 5,26 0,50 0,40

Ventilação

Método de cálculo Segundo a EN 15242 e Despacho 15793-K Efetuar o cálculo no separador "CalculoVentilacao"

Sistema de Ventilação Não cumpre a norma 1037-1

Arrefecimento noturno com abertura das janelas? Não

Rph Estimada (h-1) Rph mínimo (h-1) Rph, i (h-1) Rph, v (h-1)
0,60 0,40 0,60 0,60

Descrição da Solução de Ventilação Caract. restantes 221

O sistema de ventilação processa de forma natural. O edifício possui aberturas de admissão de ar na fachada. As condutas de ventilação natural asseguram o escoamento de
ar de admissão e exaustão. Os vãos envidraçados face ao seu modo de abertura não permitem efetuar o arrefecimento noturno.

Sistemas Técnicos

Existem Sistema Técnicos? Sim


Folha de Cálculo REH - ITeCons

O edifício dispõe de abastecimento de combustível líquido ou gasoso? Não Tipologia de abstecimento

Isolamento térmico na tubagem de distribuição de AQS com resistência térmica ≥ 0,25 m3.°C/W? Não

Os chuveiros ou sistemas de duche possuem certificado de eficiência hídrica com rótulo A ou superior? Não

Produção Total
Nº de unidades Foi possível aceder
Tabela 34
Identificação do Sistema Fonte de Energia Tipo de Equipamento
iguais
Marca Gama Modelo
ao equipamento?
Descrição Específica do Equipamento de Energia Fotografia do sistema
(kWh/ano)

Esquentador da marca Junkers, a gás butano com uma eficiência de 0,85


### Sistema 1 Gás Butano Esquentador 1 Junkers Não (85%), com a potência de 18,6 kW. O sistema encontra-se em
funcionamento e em bom/razoável estado de conservação.

Sistema multi-split, composto por 4 unidades interiores, instalados nos


quartos, na sala e escritório. O controlo dos equipamentos é efectuado
Sistema 2 Electricidade Multi-Split (ar-ar) 1 Acson Não 3945,79
através de termóstatos instalados nos aparelhos. O sistema apresenta-se
em bom estado de manutenção.

Sistema 3

O edifício tem exposição solar adequada? Não Produtividade de referência (kWh/m2)

Electricidade, Gás (natural, propano, butano), Gasóleo, Biomassa (sólida, líquida, gasosa)

Perda Perda
Eficiência do Idade Eficiência do Consumo Energia Parcela das
Funcionamento (perfil de Potência Informação sobre Fracção servida Eficiência de EREN Estática Estática
Tabela 35
Identificação do Sistema Função
consumo) (kW) eficiência?
Equipamento
(0 a 1)
do Equipamento
referência (kWh/ano)
Final
(QPR Solução) (QPR Máximo)
necessidades
Nominal/Sazonal sistema (0 a 6) (kWh/ano) (0 a 1)
kWh/24h kWh/24h

Águas Quentes
### Sistema 1
Sanitárias
Durante todo o ano 18,6 Sim 0,85 1,00 0,85 0,89 - 2330,67 1,00

Sistema 2 Aquecimento 1,54 Sim 3,43 1,00 3,43 3,40 3945,79 1624,74 1,00

Sistema 2 Arrefecimento 1,63 Sim 3,21 1,00 3,21 3,00 0,00 0,01 1,00

- -

Rever valor das parcelas afectas a cada função!

Solar, Eólica, Hídrica, Geotérmica


Folha de Cálculo REH - ITeCons

Produtividade de Parcela das


Parcela afecta à Produtividade Rendimento Rendimento Parcela das
Potência EREN EREN ext Área Total de referência Produtividade Caudal Médio necessidades de
Tabela 36
Identificação do Sistema Função
(kW) (kWh/ano)
Função
(kWh/ano) Coletores (m2)
(kWh/m2)
(kWh/m2) (Wh/Wp) (m3/s)
Nominal Nominal necessidades
energia eléctrica
(0 a 1) Coletores Turbina Gerador (0 a 1)
Coletores (0 a 1)

### - - -

Informação adicional - sistemas técnicos

Data de instalação Registo de


Designação Comercial do Telefone do Data da
Tabela 37
Identificação do Sistema Equipamento/
Instalador Instalador
Email do Instalador manutenção do
Manutenção
Relatório de manutenção
Sistema sistema?

### Sistema 1 Não

Sistema 2 Não

Balanço energético

Indicadores energéticos

Sigla Descrição Valor Referência

Nic Necessidades nominais anuais de energia útil para aquecimento (kWh/m2.ano) 55,06 25,51

Nvc Necessidades nominais anuais de energia útil para arrefecimento (kWh/m2.ano) 7,85 18,97

Qa Energia útil para preparação de água quente sanitária (kWh/ano) 1783 1783 Ntc/Nt

Wvm Energia elétrica necessária ao funcionamento dos ventiladores (kWh/ano) 0,00 1,16

Eren Energia produzida a partir de fontes renováveis para usos regulados (kWh/ano) 3946 0

Energia produzida a partir de fontes renováveis para produção de AQS (kWh/ano)


Eren AQS 0 0 Classe Energética
(para efeito de verificação do requisito mínimo)

Eren,ext Energia produzida a partir de fontes renováveis para outros usos (kWh/ano) 0,00

Ntc Necessidades nominais anuais globais de energia primária (kWhep/m2.ano) 63,18 54,37
C
Indicadores de desempenho Potencial para a identificação de Medidas de Melhoria
AVALIAÇÃO DO POTENCIAL PARA A IDENTIFICAÇÃO DE MEDIDAS DE MELHORIA
Folha de Cálculo REH - ITeCons

[alínea b) do ponto 4. do Despacho n.º 7113/2015 de 29 de Junho]


Valor de Referência Valor do Edifício Verde (superior a 30%) - Elevado potencial de melhoria
Renovável (%)
(kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano) Amarelo (entre 0% e 30%) - Algum potencial de melhoria Simulação em
Vermelhor (inferior a 0%) - Não existe potencial de melhoria Solução Inicial curso
Variação das necessidades de energia útil utilizando os Aquecimento
Aquecimento 7,50 55,06 70,83 73,2% 73,2%
valores de referência do coeficiente de transmissão
Arrefecimento 6,32 0,00 0,00 térmica (UREF) Arrefecimento -50,7% -50,7%
AQS 19,80 23,04 0,00 Aquecimento 73,0% 73,0%
Variação das necessidades de energia final utilizando
os valores de referência para os sistemas técnicos:
Arrefecimento 0,0% 0,0%
Energia Renovável (%) 49,94 Emissões de CO2 (t/ano) 0,98 AQS 14,0% 14,0%

Dados Climáticos

Graus-dia 767

Zona Climática de Inverno I1 Zona Climática de Verão V3

Temperatura Média Exterior Inverno (˚C) 12,0 Temperatura Média Exterior Verão (˚C) 23,1

Duração da estação de aquecimento (meses) 4,8 Duração da estação de arrefecimento (meses) 4,0

Indicadores de aquecimento

2 Paredes (W/°C) 3 PTP (W/°C) 4 Portas (W/°C) 6 PTL (W/°C)


Hext Henu;adj Hecs Hext Henu;adj Hext Henu;adj Hext Henu;adj
105,94 52,53 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00 70,51 14,63

1 Coberturas (W/°C) 5 Pavimentos (W/°C) 7 Vãos envidraçados (W/°C) 8 Renovação de Ar (W/°C)


Hext Henu;adj Hext Henu;adj Hecs Hext Henu;adj Hve
0,00 0,00 0,00 182,12 0,00 47,37 0,00 53,86

Indicadores de arrefecimento

Vãos Envidraçados Ganhos Internos


Paredes (kWh) Coberturas Portas (kWh) 9
(kWh) (kWh)

Qsol,v EXT Qsol,v EXT Qsol, Desv Qsol,v EXT Qsol,v EXT Qint,v
645,40 0,00 0,00 0,00 1069,77 1184,96

Medidas de Melhoria

Medidas de Melhoria? Sim


Folha de Cálculo REH - ITeCons

Nic Qa/Ap Ntc


0 55,06 Nvc (kWh/(m 2.ano) 7,85 17,62 63,18
(kWhep/(m2.ano)
C
(kWh/(m 2.ano) (kWh/(m 2.ano)
Solução Inicial Classe Energética
Ni Nv Qa/Ap ref. Nt
25,51 18,97 17,62 54,37
2
(kWh/(m .ano) 2
(kWh/(m .ano) 2
(kWh/(m .ano) (kWhep/(m2.ano)

Os dados inseridos neste cálculo correspondem à: Solução Inicial

Nic Qa/Ap Ntc


55,06 Nvc (kWh/(m 2.ano) 7,85 17,62 63,18
(kWhep/(m2.ano)
C
(kWh/(m 2.ano) (kWh/(m 2.ano)
Medida de Melhoria Classe Energética
Ni Nv Qa/Ap ref. Nt
25,51 18,97 17,62 54,37
(kWh/(m 2.ano) (kWh/(m 2.ano) (kWh/(m 2.ano) (kWhep/(m2.ano)

Gravar/Editar
Carregar Simulação
Simulação

Identificação da Medida Medida Custo estimado Redução Anual da


Medida de Melhoria Descrição sucinta da medida Período de Novo Ntc
de Melhoria e Classe Classe Energética Descrição detalhada da medida proposta considerada no de investimento Fatura Energética Novo Nt (kWh/m2.ano)
associada a … proposta retorno (anos) (kWh/m2.ano)
energética recálculo? (€) (€/ano)

Isolamento térmico em paredes A proposta será da colocação de placas de isolamento térmico do tipo lã mineral
Medida de Melhoria
1 C Envolventes Opacas -
Paredes
exteriores - aplicação pelo interior
com revestimento leve
com 4 cm de espessura nas paredes exteriores,colocadas pelo interior e com
acabamento interior em revestimento leve - placas de gesso laminado.
Sim 4450,00 55,00 80,9 53,27 55,61

A aplicação de 4 cm de isolamento térmico no pavimento interior em contacto


Isolamento térmico de pavimentos com a garagem, do tipo poliestireno extrudido – “Roofmate SL-A”. A proposta
Medida de Melhoria
2 C Envolventes Opacas -
Pavimentos
interiores - aplicação sobre a laje de
pavimento
será da colocação das placas de isolamento sobre o pavimento existente,
seguindo-se posteriormente os trabalhos de assentamento de uma betonilha
Sim 5100,00 50,00 102,0 54,37 56,53

armada e do novo pavimento.


Folha de Cálculo REH - ITeCons

A proposta será da colocação de placas de isolamento térmico do tipo lã mineral


Isolamento térmico em paredes
Medida de Melhoria
3 C Envolventes Opacas -
Paredes
interiores - aplicação pelo interior
com revestimento leve
com 4 cm de espessura nas paredes interiores, em contacto com espaços não
úteis, nomeadamente espaços comuns do prédio,colocadas pelo interior e com
acabamento interior em revestimento leve - placas de gesso laminado.
Sim 1500,00 30,00 50,0 54,37 59,16

Substituição e/ou instalação de


Substituição do chuveiro existente por chuveiro com eficiência hídrica com
Medida de Melhoria
4 C Sistemas Técnicos - Água chuveiros ou sistemas de duche com
Quente Sanitária certificação e rotulagem associada,
com elevada eficiência hídrica
rótulo A ou superior. Esta alteração conduz à utilização de menor quantidade de
água sem sacrifício do conforto.
Sim 300,00 40,00 7,50 54,37 60,88

Aquecimento Arrefecimento Águas Quentes Sanitárias


Quantidade
Identificação da Medida Nic Nvc Qa Emissões de CO2
Valor de Valor de Total
de Melhoria (kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano) Valor do Edifício Valor de Referência Valor do Edifício Valor do Edifício (t/ano)
Referência Renovável (%) Renovável (%) Referência Renovável (%) (m2; ml; kW; l)
(kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano)
(kWh/m2.ano) (kWh/m2.ano)
Medida de Melhoria 1 44,67 6,85 1783 7,06 44,67 70,83 6,32 0,00 0,00 19,80 23,04 0,00 89 0,87

Medida de Melhoria 2 34,36 10,83 1783 7,50 34,36 70,83 6,32 10,83 68,83 19,80 23,04 0,00 102 0,88

Medida de Melhoria 3 49,54 8,52 1783 7,50 49,54 70,83 6,32 0,00 0,00 19,80 23,04 0,00 30 0,92

Medida de Melhoria 4 55,06 7,85 1605 7,50 55,06 70,83 6,32 0,00 0,00 19,80 20,73 0,00 2 0,94

Identificação da Medida
de Melhora (Outros ENR TER ACU PAT QAI SEG FIM REN VIS
Benefícios)

Medida de Melhoria 1

Medida de Melhoria 2

Medida de Melhoria 3

Medida de Melhoria 4

INDICADORES Valor de
Valor do Edifício
Custo Total Estimado de Investimento (€) 11350,00 Nic (kWh/m2.ano) 21,42 Classe Energética DE Referência Renovável (%)
(kWh/m2.ano)
DESEMPENHO (kWh/m2.ano)
Impacto das Medidas de
Melhoria
Folha de Cálculo REH - ITeCons

Impacto das Medidas de


Melhoria Poupança Total da Fatura Energética (€/ano) 150,00 Nvc (kWh/m2.ano) 10,85 Aquecimento 7,50 21,42 70,83
Nt (kWh/m2.ano)
Ntc (kWh/m2.ano)
54,37
44,80
Qa (kWh/ano)
Emissões de CO2 (t/ano)
1604,67
0
B- Arrefecimento
AQS
6,32
19,80
10,85
20,73
68,83
0,00

Documentos

Documentos

RELATÓRIO DO PROCESSO DE CERTIFICAÇAO FOLHAS DE CÁLCULO


Relatório do perito Folha de cálculo regulamentar
Escolher ficheiro Relatorio de Peritagem.pdf Tamanho máximo de 3 MB, formato pdf Escolher ficheiro Relatorio_Manual.pdf Tamanho máximo de 1.5 MB, formato pdf

Levantamento Folha de cálculo da ventilação


Escolher ficheiro envolvente.pdf Tamanho máximo de 2 MB, formato pdf Escolher ficheiro CalculoVentilacao.pdf Tamanho máximo de 1.5 MB, formato pdf

Termo de Responsabilidade Relatório SCE.ER


Tamanho máximo de 2 MB, formato pdf Tamanho máximo de 1 MB, formato pdf

OUTROS DOCUMENTOS E FOTOGRAFIAS Adicionar/Remover

Notas e Observações

Caract. restantes
1607
Os documentos entregues ao PQ foram:
- Caderneta predial urbana
- Certidão de registo da conservatória
- Planta de Arquitectura

A documentação de suporte utilizada foi o DL 118/2013 na sua actual redação e respectivas alterações, ITE50, ITE54.

Referência – 3298_2002

Para mais informações ou dúvidas relativas ao presente Certificado Energético por favor contactar o Eng. Bruno Sousa Costa, tlm.: 919052505 e email: info@bscprojectos.com.