Você está na página 1de 64

GUIA DE BOLSO

Microfones. Sistemas sem fio. Monitores sem fio


INTRODUCTION

O que o termo “Performance Lendária” significa para a Shure.


Nós acreditamos que a frase “Performance Lendária” não deve ser usada de
maneira banal. Na Shure, nós levamos essa conotação muito a sério e usamos
nossas vitórias do passado como uma fundação e um mapa para nosso futuro.

Nós começamos pensando em performance e como isso se relaciona com nossos


produtos. Trabalhamos duro para assegurar que eles mantenham o máximo padrão
de qualidade, confiabilidade e durabilidade.

Além disso, estamos conscientes de nosso papel como líderes no mercado. Nós
temos o comprometimento em desenvolver produtos que irão proporcionar amanhã
a mesma qualidade e confiabilidade que proporcionam hoje.

Nós também levamos em consideração nossa performance no contexto de nossos


relacionamentos. Permitir que outros consigam usufruir de seus respectivos
potenciais nos motiva a proporcionar o melhor serviço, suporte e treinamento
possível. Tendo isso em mente, nós escutamos de perto nossos clientes, tomamos
o máximo de cuidado para que possamos atingir suas necessidades e desejos e
dividimos nosso conhecimento com todos.

Enfim, nossa história de mais de 83 anos foi construída sobre uma base de
performances lendárias, diversificadas e aclamadas e todas as nossas atividades
giram em torno de otimizar a sua performance.

A Shure tem o Know-how


Para praticamente qualquer aplicação existente, há um microfone e um sistema
sem fio Shure especialmente projetado. Esse guia dá uma idéia geral de como
microfones, sistemas sem fio e monitores sem fio funcionam, além de mostrar o
que você deve considerar para escolher o melhor produto para sua aplicação e como
configurá-lo e utilizá-lo.

3
Microfones com fio
O básico 7
Tipo de transdutor 8
Padrão polar/direcionalidade 9
Resposta de freqüência 10

Como escolher o microfone certo 11


O que você quer captar? 11
Em que ambiente você pretende usar o microfone? 11
Você prefere som natural ou otimizado
para determinada aplicação? 12

Aplicação e posicionamento 13
Fala e canto 13
Instrumentos elétricos 13
Instrumentos acústicos 14

Visão geral dos microfones com fio da Shure 18


Visão geral do microfone 18
Guia de aplicação 20

Microfones sem fio


O básico 23
Componentes 24
Princípios de RF 26
Um pouco sobre legalidade 26

Como escolher o microfone certo 27


Em quais aplicações devo usar sistema sem fio? 27
Quantos sistemas sem fio podem ser usados simultaneamente? 28

Aplicação e posicionamento 29
Caminho do sinal entre transmissor e receptor 29
Posicionamento da antena e do receptor 30
Alimentação 31
Configuração 32

Visão geral dos sistemas sem fio Shure 36


Sistemas sem fio 36
Opções de microfones 38
4
índice

Monitoração sem fio


O básico 45
O que é monitoração? 45
As vantagens da monitoração sem fio 45
Onde posso usar monitoração sem fio? 46
Modos de monitoração sem fio 47

Como escolher o sistema de monitoração certo 49


Estéreo ou mono? 49
Você se movimenta muito enquanto toca? 49
Você pode dividir seu monitor com outros
ou precisa de um individual? 50
Quantos canais podem ser operados simultaneamente? 50

Aplicação e posicionamento 51
Informações de RF 51
Configuração 52

Visão geral de sistemas de monitoração sem fio 54


Sistemas PSM 54
Fones de ouvido 56

Apêndice

Glossário 60
Informação 63

5
Microfones com fio

Microfones com fio


O Básico
Microfones são usados onde quer que o som da voz ou de um instrumento precisa
ser reforçado – seja no palco, no show, no ensaio, em apresentações, palestras,
gravações em casa ou em um estúdio.

Três características técnicas principais diferenciam um microfone do outro. Essas


características são importantes para que você possa fazer a melhor escolha de
acordo com sua necessidade:

Tipo de transdutor
Como um microfone capta fisicamente o som e o converte em sinal elétrico?

Padrão polar / direcionalidade


De que direção o microfone capta o som?

Resposta de freqüência
O nível de saída e a sensibilidade é igual em todas as freqüências?

7
Tipo de transdutor
O transdutor é o coração do microfone, pois é ele que converte o som em sinal
elétrico. Os dois tipos mais comuns de transdutor são Dinâmico e Condensador.

Microfones Dinâmicos Microfones Condensadores


Os microfones dinâmicos utilizam um Microfones condensadores são
diafragma, uma bobina e um imã. A baseados em uma montagem com um
bobina é cercada por campo magnético diafragma e uma placa carregados
e fixada na parte traseira do diafragma. eletricamente, formando um capacitor
O movimento da bobina em seu sensível ao som. Quando o diafragma
campo magnético gera o sinal elétrico vibra ao receber um som, o espaço
correspondente ao som captado. entre ele e a placa também muda,
variando a capacitância do captador e,
Microfones dinâmicos têm construção então, produzindo sinal elétrico.
simples, sendo mais baratos e
resistentes. Podem trabalhar com altos Todos os microfones condensadores
níveis de pressão sonora e são não precisam de alimentação, seja bateria
sofrem alterações devido à temperatura ou Phantom Power de uma mesa. Os
e/ou umidade. condensadores são mais sensíveis
e proporcionam som mais natural e
suave, especialmente nas freqüências
altas.

8
Microfones com fio

Padrão polar / direcionalidade


O padrão polar é a sensibilidade que determinado microfone tem ao som conforme a
direção e o ângulo no qual o som chega a ele, ou seja, é como o microfone “ouve” o som
de direções diferentes. Os tipos mais comuns de direcionalidade são:

Omnidirecional
O microfone omnidirecional tem saída, ou
sensibilidade, igual em todos os ângulos,
ou seja, capta o som igualmente de todas
as direções. Por isso, esse microfone não
precisa ser apontado em determinada
direção, o que é muito útil especialmente em
microfones lapelas. Uma desvantagem é que
um microfone omni não pode ser direcionado
de maneira a não captar sons indesejados,
como o PA, o que pode causar microfonia.

Cardióide
Um microfone cardióide tem máxima
sensibilidade na parte frontal e mínima na parte
traseira. Ele isola os sons ambientes indesejados
e é muito mais resistente à microfonia do que
os microfones omnidirecionais. Isso faz dele
uma escolha excelente para palcos com muito
ruído e muito volume.

Supercardióide
Os microfones supercardióides oferecem
faixa de captação mais estreitas se
comparados aos cardióides e excelente
rejeição de ruído ambiente. Mas eles
também têm uma pequena captação
na parte traseira. Por isso, é importante
posicionar os monitores corretamente.
Supercardióides são ideais quando é
necessária a captação de fontes de áudio
sozinhas em ambientes muito barulhentos, pois são muito resistentes à microfonia.

9
Resposta de Freqüência
A resposta de freqüência é o nível de saída ou sensibilidade de um microfone sobre sua
faixa de operação, da freqüência mais grave à mais aguda.
Geralmente, um microfone se encaixa em uma das duas abaixo:

Resposta de freqüência flat Resposta de freqüência ajustada


Todas as faixas de freqüência audíveis A resposta de freqüência ajustada
(20Hz a 20kHz) têm o mesmo nível de é geralmente utilizada para reforçar
saída. Isso é ideal onde é necessária uma fonte sonora em uma aplicação
a captação natural e sem mudança do específica. Por exemplo, um microfone
som original, como em uma gravação. deve ter um aumento nas faixas de 2 a
8kHz para aumentar a inteligibilidade
do vocal ao vivo.

INFO: Efeito de proximidade


Todo microfone direcional (ex: cardióide, supercardióide) tem o famoso
“efeito de proximidade”. O efeito acontece quando um microfone é
aproximado da fonte sonora, aumentando os graves e “esquentando” o
som. Cantores profissionais geralmente trabalham com esse efeito.
Para conhece-lo melhor, experimente aproximar e afastar o microfone de
sua boca conforme canta.

10
Microfones com fio

Como escolher o microfone certo


O que você quer captar?
O critério mais importante para escolher o microfone certo é a aplicação.
Você vai usá-lo para cantar, falar ou captar um instrumento? Microfones
Dinâmicos são geralmente os preferidos para vozes altas, guitarras ampli-
ficadas e baterias.

Microfones Condensadores proporcionam som mais natural e detalhado e


são, portanto, a melhor escolha para captação de instrumentos acústicos
como violão, metais, bateria (overhead) e vocais delicados. Especialmente
em estúdios, uma reprodução natural é desejável, então os condensadores
são a escolha ideal para gravação.

Se um microfone condensador é sua primeira escolha, lembre-se que seu


mixer deve fornecer Phantom Power, ou você precisará comprar um micro-
fone condensador que aceita bateria.

Em que ambiente você pretende usar o microfone?


O microfone será usado em um palco, em uma sala de conferência ou em
um estúdio de gravação? O ambiente de uso influencia na direcionalidade
do microfone.

Microfones omnidirecionais proporcionam a reprodução de som mais na-


tural, porém são mais sensíveis à microfonia. São a melhor escolha para
gravação ou apresentações onde PAs pequenos serão utilizados.

Nos palcos com PAs grandes e monitores, você não vai encontrar micro-
fones omnidirecionais, mas microfones cardióides e supercardióides. Ao
captar o som na parte frontal e isolar os sons laterais indesejados e o
ruído ambiente, esses microfones unidirecionais minimizam a chance de
microfonia.

11
Você prefere som natural ou otimizado para determinada aplicação?
Dependendo do uso do microfone e do ambiente onde é usado, a resposta de fre-
qüência flat ou ajustada pode ser a melhor opção.

Um microfone com resposta de freqüência ajustada (ex: PG58, SM58, Beta 58A)
destaca as freqüências de voz sem necessidade de ajustes no mixer. Se o objetivo é
a reprodução do som sem qualquer mudança ou realce, um microfone com resposta
flat é a melhor opção (ex: PG81, KSM137). Em estúdios você vai encontrar, na
grande maioria, microfones com resposta de freqüência flat.

12
Microfones com fio

Sprache Snare
Aplicação e posicionamento
Fala e canto
Aplicação Resposta desejada Posicionamento
Gesang Bass
Fala

Som natura 10-50 cm


Mínimo ruído de distância da boca, Toms
Gitarre
das letras P e S. levemente virado para
um dos lados do rosto.

Sprache Snare

Canto
Piano
Som robusto < 10 cm HiHat
Graves fortes, máxima de distância da boca,
isolação de outras apontado diretamente
fontes sonoras. para a boca.

Gitarre Toms

Gesang Bass

Instrumentos Elétricos Becken


Blasinstrumente
Guitarra Elétrica

Mais ataque 2 cm
de distância do alto-falante,
centralizado e apontando para
Piano o cone do alto-falante. HiHat

Sprache
Ataque suave 2 cm Snare
de distância do alto-falante,
apontando para a área mais
E-Gitarre Percussion
externa do falante.

Ataque médio 10-15 cm


away from speaker, directly
in front of speaker cone.

Blasinstrumente Becken

Gitarre Toms
13
Instrumentos Acústicos
Aplicação Resposta desejada Posicionamento

Violão

Mais grave 20 cm
melhor posição quando há da saída da saída de áudio.
problemas de microfonia ou
vazamento de áudio.

Grave muito forte 10 cm


Som completo. da saída de áudio.

Quente, suave 10-15 cm


Menos detalhes. da ponte.

15 cm Natural 15 cm
Bem balanceado, do violão, na direção
levemente brilhante. da ponte.

14
Sprache Microfones com fioSnare

Sprache Snare

Instrumentos Acústicos
Aplicação Resposta desejada Posicionamento

Gitarre Toms
Piano

Natural, brilhante 2-15 cm


acima da abertura, sobre as
Gitarre cordas agudas.Melhor posição Toms
quando apenas um microfone
é utilizado.

Natural, balanceado 2-15 cm


acima da abertura, um
Piano microfone sobre as cordas HiHat
graves e outro sobre
as cordas agudas
para criar o estéreo.

Piano HiHat
Instrumentos de Sopro

Brilhante 15-60 cm
Som limpo. do instrumento e direcionado
Blasinstrumente para a saída de áudio. Becken

Blasinstrumente Becken

E-Gitarre Percussion

E-Gitarre Percussion

15
Instrumentos Acústicos
Aplicação Resposta desejada Posicionamento

Bumbo

Ataque forte 3-7 cm


potentes, máxima da pele batedeira,
pressão sonora. levemente fora do centro.

Ataque médio 20-30 cm


Som balanceado. da pele batedeira, apontando
para o ponto onde a pele sofre
as batidas.
Bass
Ataque suave 5-8 cm
Som balanceado da pele externa apontando
e ressonante. para o meio da pele
(só em bumbos com pele
de resposta).

Bass
Caixa
Bass
Snare
Ataque forte 2-7 cm
Batida seca. da pele batedeira apontando
para a pele.

Snare

Snare
Toms Toms

Ataque médio 2-7 cm


Som cheio, balanceado. acima das peles apontando
para a pele.
Pode ser um mic por tom
ou um mic por par de toms.
Toms

Toms
HiHat

16
HiHat Microfones com fio
Bass
Bass

Instrumentos Acústicos
Aplicação Resposta desejada Posicionamento

Becken
Percussão
Snare
Snare forte
Ataque 2-7 cm
Som natural. acima da pele apontando
para ela.

Percussion

Toms
Chimbal
Toms

Natural 3-15 cm
apontando para o chimbal
de cima para baixo.

HiHat
HiHat
Pratos (Overhead)

Natural 30-100 cm
acima do baterista.

Becken
Becken

Percussion 17
Visão geral dos microfones com fio Shure
Visão Geral

Performance Gear SM
A linha de entrada da Shure. Microfones de Performance Lendária.

Ideal para uso no dia a dia e para ensaios. Para uso em bares e em turnês.
Cabos, suportes e travas inclusos. O equipamento mais usado em palcos
Chaves liga/desliga para maior controle no mundo.
no palco. Microfones resistentes para qualquer
situação.

PG48 SM48
PG58 SM58®
PG57 SM86
PG81 SM87A
PG52 SM57
PG56 SM81
SM94

dinâmico flat cardióide omnidirecional


condensador ajustado supercardióide bidirecional

18
WIRED MICROPHONEs

Beta KSM
A primeira escolha das bandas profissionais. Microfones condensadores premium.

Padrões polares consistentes para máximo Ampla resposta de freqüência.


ganho antes da microfonia. Trabalha com altos níveis de SPL.
Saída com nível alto e qualidade de estúdio, Ampla faixa dinâmica e baixo ruído.
mesmo com muita pressão sonora.
KSM9 oferece máximo ganho antes
Shock-mount pneumático para mínimo ruído da microfonia.
de manuseio.
Beta 58A KSM9
Beta 87A KSM27
Beta 87C KSM32
Beta 53 KSM44
Beta 54 KSM109
Beta 57 KSM137
Beta 98S KSM141
Beta 98H/C
Beta 52A
Beta 56A
Beta 91

19
Guia de Aplicação
Performance Gear
A linha de entrada da Shure.

Os exemplos abaixo mostram em negrito as escolhas mais comuns


para as aplicações (além de outras opções).

Dinâmico PG58 | PG48

Condensador ---
Canto Headset PG30

Coral PG81

Violão PG81

Metais
Instrumentos PG57 | PG58

Acústicos Piano PG81

Cordas PG81

Guitarra
Instrumentos PG57

Elétricos Baixo PG52 | PG57 | PG56

Bumbo PG52

Caixa PG57

Bateria & Percussão Chimbal PG81

Tom Tom PG56 | PG57

Overhead PG81

20
WIRED MICROPHONEs

SM Beta KSM
Microfones de Performance A primeira escolha das bandas Microfones condensadores
Lendária. profissionais. premium.

SM58® | SM48 Beta 58A ---

SM86 | SM87A Beta 87A | Beta 87C KSM9 | KSM44 I KSM32 I KSM27

WH30 | WH20 Beta 54 | Beta 53 ---

SM81 | SM94 --- KSM141 | KSM137 I KSM109

SM81 | SM94 Beta 57A KSM137 | KSM109 I KSM141

SM57 | SM58® Beta 98H/C KSM32 | KSM27 I KSM44

SM81 | SM94 Beta 91 KSM141 | KSM137 I KSM109

SM81 | SM94 Beta 57A KSM137 | KSM141 I KSM109

SM57 | SM7B Beta 57A KSM27 | KSM32 I KSM44

SM57 Beta 52A | Beta 56A I Beta 57A KSM27 | KSM32 I KSM44

SM57 Beta 52A | Beta 91 ---

SM57 Beta 57A | Beta 98D/S ---

SM81 | SM94 Beta 98S KSM137 | KSM141 I KSM109

SM57 Beta 56A | Beta 98D/S ---

SM81 | SM94 --- KSM137 | KSM32 I KSM109

21
Microfones sem fio

Microfones sem fio


O Básico

Os microfones com fio convertem o som em sinal elétrico, o qual é enviado para
o sistema de áudio através de um cabo. Palcos com muitos cabos de microfones
utilizados para vocais, amplificadores, microfonar bateria e outros instrumentos
podem se tornar uma armadilha perigosa de fios e limita a performance e a liberdade
de movimento dos músicos e cantores.

Sistemas de microfones sem fio convertem o sinal de áudio criado pelos microfones
em sinais de rádio, os quais são transmitidos pelo ar para o receptor e depois
através do sistema de áudio. Isso elimina a necessidade de cabos e você não
precisa mais ficar preso só até onde seu cabo chega ou ficar desviando de dezenas
de cabo no palco.

Com os avanços e melhoras contínuas na qualidade de áudio e na confiabilidade,


os sistemas de microfone sem fio estão mais baratos e mais populares do que
nunca. O potencial desses sistemas vai muito além do palco; você pode encontrar
sistemas sem fio em academias, escolas, casas de culto, salas de convenção e
apresentação – em qualquer lugar onde um artista ou apresentador precisa de
liberdade de movimento.

23
Componentes
Um sistema de microfone basicamente tem dois componentes: um transmissor
e um receptor. O som é basicamente influenciado pela cápsula do microfone. O
sistema sem fio não deve afetar o áudio.

Transmissor
Dois tipos de transmissores – bastão ou bodypack – enviam o som, sem fio, para o
receptor sem fio próximo à mesa de som:

Bastão de mão
O microfone tipo bastão (de mão) integra o transmissor no corpo do
microfone, então as duas funções são contidas em uma só. Algo especial
em todos os sistemas sem fio Shure é a possibilidade de substituir a cápsula
por outro modelo, escolhendo a melhor opção conforme a aplicação.

Bodypack
Microfones de lapela, headsets e cabos de guitarra devem ser
conectados a um transmissor tipo bodypack para que o sinal de áudio
seja enviado. Discretos e leves, os bodypacks podem ser fixados na
roupa ou na correia da guitarra.

Microfones headset: Resistentes, confortáveis e de fácil posicionamento,


os microfones headset garantem captação de áudio excelente para
usuários que se movimentam muito.

Mirofones de lapela: Uma grande quantidade de tamanhos e opções


combinam descrição e qualidade de áudio superior. Os microfones
lapela garantem áudio profissional, limpo e claro para aplicações de fala
e discurso.

Microfones de instrumento com clip: Uma solução versátil para


instrumentos de alto volume como metais, flautas e percussão. O clip
de fixação e a haste tipo gooseneck garantem posicionamento preciso
e seguro.

Cabo para guitarra/baixo: Conecta sua guitarra ou baixo no bodypack para


funcionar sem fio.

24
Microfones sem fio

Receptor
Receptores sem fio processam os sinais enviados de um transmissor sem fio tipo
bodypack ou de mão e os converte em sinais elétricos. O sinal, então, é enviado
através do cabo para a mesa de som ou o amplificador.

INFO: Receptor Diversity


O receptor diversity tem duas antenas separadas para garantir máxima recepção
do sinal. Se um sinal sem fio se torna muito ruim ou com muito ruído em uma
antena, a segunda antena passa a receber, cortando o sinal da primeira. Todos os
produtos sem fio Shure têm recepção diversity para maximizar a confiabilidade,
especialmente se comparado a sistemas de uma antena.

25
Princípios de RF
Todo microfone sem fio transmite e recebe o som em uma freqüência de rádio
específica conhecida como freqüência de operação. A parte crucial na escolha de
um sistema sem fio é a freqüência correta de operação. Você não pode combinar
diferentes sistemas com diferentes freqüências arbitrariamente ou os microfones
vão “brigar” entre eles e todos terão ruídos e quedas de sinal. Também não é
possível utilizar dois sistemas sem fio na mesma freqüência e no mesmo lugar ou
dois transmissores com um só receptor ao mesmo tempo. Alguns sistemas mais
avançados oferecem grandes quantidades de freqüência de trabalho, flexibilidade e
a habilidade de combinar mais receptores e transmissores para que mais microfones
possam funcionar.

Para facilitar a vida do usuário, a Shure oferece sistemas com freqüências pré-
configuradas para uso de múltiplos usuários. Além disso, muitos sistemas sem fio
Shure automaticamente escaneiam o ambiente em busca de freqüências livres.

Um pouco sobre legalidade


As freqüências de operação de um sistema de microfone sem fio é apenas uma
parte do espectro de RF como um todo, que inclui outros sistemas sem fio como TV,
celulares, telefones sem fio, radio e outros. Cada país tem suas freqüências para
microfone sem fio pré-definidas. Os sistemas sem fio Shure estão pré-programados
para utilizar as freqüências permitidas por lei no Brasil. Se você tiver qualquer
dúvida sobre a legalidade de seu produto Shure ou quiser mais informações a
respeito, visite www.shure.com.br ou www.pridemusic.com.br.

26
Microfones sem fio

Como escolher o sistema sem fio certo


Em qual aplicação o sistema sem fio será utilizado?
Para praticamente toda aplicação há uma configuração de sistema sem fio
disponível. A escolha da melhor para você depende de como você vai querer utilizar
o sistema.

Aplicação Configuração
Canto Transmissor de mão

Dançarino que canta, tecladista, baterista, Headset & Bodypack


instrutor de ginástica, instrutor de dança

Ator, apresentador, padres e pastores Microfone de lapela & Bodypack

Percussão, metais Microfone de clipe & Bodypack

Guitarra, baixo Cabo de instrumento & Bodypack

A aplicação é apenas um fator na escolha do sistema sem fio. Também devem ser
considerados o formato e tamanho do microfone e o padrão polar, pois esses fatores
determinam como o microfone vai reproduzir o som ao vivo.

Por exemplo, se você é um cantor que usa monitores de palco em alto volume, você
vai preferir um transmissor de mão com padrão polar cardióide ou supercardióide
para minimizar a chance de microfonia. Se você tende a cantar em baixo volume ou
em tons muito graves, um microfone condensador ajuda a produzir um som mais
claro e natural. Se você já está acostumado a algum microfone Shure com fio (ex:
SM58), o ideal é escolher a mesma cápsula para seu microfone sem fio.

Para apresentações em teatro, microfones de lapela ou headset com cápsulas


omnidirecionais são adequadas, já que retornos de chão raramente são utilizados
nesse tipo de aplicação. Esses microfones são os menos sensíveis a ruídos de
respiração e garantem som mais natural – o que é particularmente bom para
aplicações de fala.

27
Quantos sistemas sem fio podem ser usados simultaneamente?
Cada sistema sem fio tem uma quantidade máxima de canais que podem ser
utilizados simultaneamente. Se você está operando apenas um sistema em um só
local, você pode escolher qualquer sistema sem fio disponível.

Antes de escolher um sistema sem fio, você deve considerar quantos sistemas
podem ser acrescentados futuramente em seu setup. Isso inclui monitores de
ouvido sem fio. Se você escolher um sistema com um número máximo de 4 canais
compatíveis, você pode ter problemas em breve. Sistemas melhores permitem 8, 12
ou mais canais serem operados ao mesmo tempo sem interferência. Por isso, você
deve considerar o máximo número de canais que você vai usar ao mesmo tempo
antes de comprar.

Se você for utilizar mais de um sistema ao mesmo tempo, você deve escolher
cuidadosamente as freqüências para evitar interferências de RF. Se os sistemas
forem da mesma marca e modelo, geralmente não há problemas, já que as
freqüências são programadas em grupos compatíveis entre si. Com sistemas
diferentes uns dos outros, essa compatibilidade é mais complicada. Sistemas com
funções de auto-seleção de freqüência ajudam a achar as freqüências corretas e
evitar interferências.

Se você tiver problemas para encontrar as freqüências corretas, entre em contato


através do site www.shure.com.br.

28
Microfones sem fio

Aplicação e Posicionamento
Caminho do sinal entre transmissor e receptor
O sinal do transmitor irradia em todas as direções, não só em uma direção. Isso
causa reflexões em paredes, no teto e no chão que chegam atrasadas em relação
ao sinal principal, que vai direto até o receptor. Com receptores de uma só antena,
os famosos não-diversity, sinais refletidos e diretos podem se cancelar, causando
perda de sinal.

Receptores diversity, com duas antenas, trabalham melhor em longas distâncias e


sinais mais refletidos. Eles também são mais confiáveis em configurações onde não
há uma linha direta para o sinal entre o transmissor e o receptor.

SLX

SLX

Diversity

Não-Diversity

29
Posicionamento da antena e do receptor
Posicione o receptor corretamente
Receptores não só são sujeitos a interferências de fontes externas que usam sinal
de rádio, mas também a outros aparelhos eletrônicos, então sempre deixe o receptor
a uma distância de pelo menos 30 a 50cm de CD players, notebooks e outros
equipamentos eletrônicos.

Posicione as antenas corretamente


Idealmente, as antenas devem ser posicionadas acima do público ou de qualquer
outra obstrução de maneira que o transmissor e o receptor “se vejam”. Quando
receptores são colocados em racks, as antenas devem ficar no painel frontal ou
posicionadas acima do rack. Em receptores diversity, as antenas devem ter um
ângulo de 45º entre si para otimizar a recepção. Em aparelhos com antenas
destacáveis, o ideal é manter uma distância mínima de 40cm entre as antenas.

O uso do divisor de antenas


Se você utiliza mais de um sistema sem fio e faz shows ou performances em
locais diferentes é mais conveniente ter os receptores em um case. Contudo, isso
compromete a performance do receptor sem fio já que as antenas estão muito
próximas umas das outras. Em sistemas mais avançados, é possível remover a
antena e usar um divisor de antenas. O divisor de antena precisa de apenas um par
de antena principal e distribui o sinal a vários receptores, proporcionando um RF
mais confiável. Com 4 ou mais receptores no rack, é recomendável o uso do divisor
de antenas.

30
Microfones sem fio

Alimentação
Diferente dos microfones com fio, os transmissores sem fio precisam de pilhas ou
bateria, portanto é importante verificá-las regularmente.

É possível utilizar pilhas recarregáveis, desde que acima de 2500 mAh. Infelizmente,
as baterias recarregáveis existentes no mercado não oferecem a capacidade
necessária, portanto as baterias alcalinas são a melhor opção.

31
Configuração
Cantor
Transmissor de mão

Sinal para PA

Sinal de RF
transmitido
para o receptor

Sinal para a mesa


de som (mixer)

Receptor

32
Microfones sem fio

Apresentador

Microfone
de lapela
Sinal para PA

Transmissor
Bodypack

Sinal para a mesa


de som (mixer)

Sinal de RF
transmitido
para o receptor

Receptor

33
Guitarrista

Sinal para PA Transmissor


Bodypack

Sinal de RF
transmitido
para o receptor

Sinal para a mesa Cabo para o


de som (mixer) Bodypack

Receptor

34
Microfones sem fio

Saxofonista

Sinal para PA

Microfone
para
instrumento Transmissor
Bodypack

Sinal para a mesa


de som (mixer)

Sinal de RF
transmitido
para o
Receptor receptor

35
Visão geral dos sistemas sem fio Shure
Sistemas sem fio

Performance Gear PGX


Wireless
Som lendário.
A linha de entrada sem fio da Shure Muito simples.

PG58, SM58®, SM86,


Configurações de mão PG58
Beta 58A

Sistemas compatível por banda Até 4 Até 8

Freqüências selecionáveis 10 Até 90

Recursos de auto-configuração Não Scan/ Sync

Audio Reference Companding Não Sim

Antenas inclusas Interna ¼ de onda Fixa ¼ de onda

Opções avançadas de antena Não Não

Hardware de Rack Opcional (URT) Opcional (URT)

Case para transporte Opcional Case para todo o sistema

Visor do transmissor LEDs multicoloridos LEDs multicoloridos

Visor do receptor LEDs multicoloridos LEDs multicoloridos

Alimentação e rendimento Bateria 9V (8h) pilhas AA (8h)

36
Microfones sem fio

SLX® ULX UHF-R


A solução sem fio perfeita! Solução sem fio sofisticada Premier, networkable
profissional! wireless technology. Do More.

SM58®, SM86, Beta 58A, SM58®, SM86, SM87A, Beta 58A, SM58®, SM86, SM87A, Beta 58A,
Beta 87A, Beta 87C Beta 87A, Beta 87C Beta 87A, Beta 87C, KSM9

Até 12 Até 20 Até 47

Até 960 Até 1440 Até 3000

Scan/ Sync Scan/ Group Scan Scan/ Group Scan/ Sync

Sim Sim Sim

Destacável ¼ de onda Remoteável ½ onda Remoteável ½ onda

Sim Sim Sim

Incluso Incluso Incluso

Opcional Opcional Case do transmissor

LCD + LEDs LCD + LEDs LCD Multifunção + LEDs

LCD + LEDs LCD + LEDs LCD Multifunção + LEDs

2 pilhas AA (8h) Bateria 9V (8h) 2 pilhas AA (8h)

37
Opções de microfones

Microfones de mão sem fio – opções de cápsula

PG588 SM58®

Microfone robusto ajustado para a O lendário microfone Shure para voz projetado
freqüência de voz e backing vocal. para máxima clareza vocal. O microfone mais
usado em todo o mundo.

60 Hz - 15 kHz* 50 Hz - 15 kHz*

PGW PGX PGX SLX ULX UHF-R

Beta 58A8 Beta 87A

Um dos mais utilizados por vocalistas por Qualidade de estúdio para vocalistas.
sua resposta de freqüência estendida. Garante resposta de freqüência ajustada
Máxima isolação dos ruídos do palco. para voz e homogênea, garantindo cada
detalhe.

50 Hz - 16 kHz* 50 Hz - 20 kHz*

PGX SLX ULX UHF-R SLX ULX UHF-R

dinâmico condensador cardióide supercardióide

38
Microfones sem fio

SM86 SM87A

Microfone para vocal ajustado para Microfone sensível para vocal ajustado para
reprodução de voz quente e encorpada. reprodução precisa de voz e filtro anti-pop de
3 estágios e padrão polar curto.

50 Hz - 18 kHz* 50 Hz - 18 kHz*

PGX SLX ULX UHF-R ULX UHF-R

Beta 87C KSM9

O microfone para vocal Beta 87C oferece Microfone que captura os mínimos detalhes
resposta extremamente encorpada e suave, vocais com articulação clara e precisa,
com som muito natural. O padrão polar muita flexibilidade e extrema naturalidade.
cardióide compensa a isolação associada ao Oferece consistência excepcional em todas as
uso de monitores sem fio. freqüências, proporcionando máximo ganho
antes da microfonia e minimizando o efeito de
proximidade.

50 Hz - 20 kHz* 50 Hz - 20 kHz*

SLX ULX UHF-R UHF-R


* A freqüência final depende do sistema sem fio.

39
Microfones Headset

WH20 PG30

Resistente com microfone ajustável tipo


Compacto e resistente com microfone
gooseneck.
ajustável tipo gooseneck.

50 Hz - 15 kHz* 50 Hz - 20 kHz*

Preto Preto

Beta 53 Beta 54

Cápsulas intercamibáveis para diferentes Rejeição de ruídos superior, máximo ganho


respostas de freqüência. antes da microfonia.
20 Hz - 20 kHz* 20 Hz - 20 kHz*
Preto ou Cor de Pele (WBH53) Preto ou Cor de Pele (WBH54)

40
Microfones sem fio

WH30 WCM16

Resistente com microfone ajustável tipo


Alta rejeição de ruídos do ambiente.
gooseneck.

40 Hz - 20 kHz* 50 Hz - 18 kHz*

Preto Preto

Cardióide
Countryman WCE6 Supercardióide
Omnidirecional
Hipercardióide

Dinâmico
Condensador

Todos os headsets mostrados estão disponíveis


Combina máxima qualidade de áudio e em versão com fio.
mínima visibilidade.
30 Hz - 20 kHz* * A freqüência final depende do sistema sem fio.

Preto, Cor de Pele ou Bege (WCE6i)

41
Lapela Sem Fio e Microfones de Instrumento

PG185 WL93

Compacto e resistente. Disponível com dois tamanhos de cabos.

50 Hz - 20 kHz* 50 Hz - 20 kHz*

Preto Preto ou Cor de Pele

WL185 WL50

Cápsulas intercambiáveis para diferentes


Duas versões com sensibilidade diferente.
padrões polares.
50 Hz - 17 kHz* 20 Hz - 20 kHz*
Preto Preto, Cor de Pele ou Branco

dinâmico cardióide omnidirecional


condensador supercardióide hipercardióde

42
Microfones sem fio

WL183 WL184

Cápsulas intercambiáveis para diferentes Cápsulas intercambiáveis para diferentes


padrões polares. padrões polares.
50 Hz - 17 kHz* 50 Hz - 17 kHz*

Preto Preto

WL51 Beta 98H/C

Microfone versátil para instrumentos de


Mínima visibilidade.
percussão e metais.
20 Hz - 20 kHz* 20 Hz - 20 kHz*
Preto ou Branco Preto

Todos os microfones de lapela mostrados estão * A freqüência final depende do sistema sem fio.
disponíveis em versão com fio.

43
Monitoração Sem Fio

Monitoração Sem Fio


O básico
O que é monitoração
Para entender a monitoração sem fio é necessário entender o que é monitoração é
porque ela é necessária. Monitoração nada mais é do que poder ouvir (monitorar)
sua performance enquanto você está no palco, então você saberá exatamente o
que você e os outros músicos estão fazendo no palco.

A monitoração começou nos anos 60. Conforme as bandas de rock tocavam cada
vez mais alto, descobriram que se todos os membros do grupo pudessem se
ouvir, eles tocavam melhor. Isso foi possível enviando mixagens específicas para
caixas no chão (retornos de chão). Esses foram os primeiros monitores, mas eram
barulhentos, pesados e centralizados em um lugar só do palco.

Hoje em dia, os sistemas de monitor sem fio permitem que você ouça só o que
quer ouvir sem afetar o que os outros ouvem. Esses sistemas são confortáveis,
portáteis e substituem os monitores de chão por pequenos fones encaixados em
sua orelha.

As vantagens da monitoração sem fio


A monitoração convencional precisa de caixas grandes e pesadas no palco. A
monitoração in-ear proporciona um método mais preciso e confortável:

Qualidade de áudio: Usando fones, você pode ouvir a mixagem mais claramente em volumes
mais baixos, ter melhor fidelidade sonora e menos interrupções de ruídos externos.

Além disso, o som fica melhor também para o público, já que você vai eliminar as microfonias
e o ruído resultante dos retornos de chão não é captado pelos microfones no palco.

Mobilidade: Retornos de chão centralizam o som em um lugar. Com o monitor sem


fio, os alto-falantes estão em suas orelhas, ou seja, onde você estiver no palco, vai
se ouvir perfeitamente.

Portabilidade: Um sistema de monitor sem fio inteiro cabe em uma maleta e você
pode levar onde quer que vá. Os retornos de chão além de barulhentos são pesados,
grandes e ocupam um grande espaço no palco.

45
Onde posso usar monitoração sem fio
Em geral, você pode usar monitores sem fio em qualquer aplicação onde a
monitoração é necessária.

Ao vivo, no palco – Bandas geralmente tocam em lugares diferentes e com os


monitores sem fio podem mixar seu próprio monitor. Além disso, a facilidade de
transporte conta muito.

Rehearsal rooms – Os monitores sem fio tornam até as piores salas em excelentes
lugares para ensaio. Você não só pratica mais, como também reduz o volume da voz
e a quantidade de equipamento.

Estúdio – Durante a gravação é indispensável o uso de monitores e os músicos


podem ajustar o volume individualmente. Além disso, os fones in-ear proporcionam
maior conforto e melhor visual do que os fones convencionais.

Músicos Eruditos – A captação de instrumentos acústicos quando existem monitores


de chão é extremamente complicada e frequentemente se ouvem microfonias.
Com monitores sem fio, os músicos que tocam música clássica podem se ouvir
perfeitamente sem comprometer o que a platéia ouve.

Teatro e apresentações – Para artista de teatro, quanto menos equipamento no


palco; melhor! Utilizando monitores sem fio, atores, apresentadores e a equipe
podem ouvir não só o que falam ou cantam, como também instruções da equipe
que está fora de cena.

Transmissão – Além das vantagens sonoras, os sistemas de monitor sem fio ajudam
repórteres e apresentadores a se isolarem de ruídos externos. Além disso, podem
ouvir instruções e transmissões via satélite sem risco de microfonia.

46
Monitoração Sem Fio

Modos de monitoração sem fio


Assim como nos microfones, existem duas maneiras de monitorar: com ou sem fio.
Ambos sistemas contam com componentes que se complementam para que você
possa ouvir a monitoração em seu ouvido. Os componentes são:

Fones de ouvido (in-ear) – Monitores in-ear compactos, estéreo e de alta


fidelidade.

Receptor Bodypack – Discretos e compactos, lhe dão total controle e ca-


bem no bolso.

Transmissor – Modula o áudio e o envia sem fio para


o receptor.

Mixer – Permite controles mais avançados.

47
Monitoração in-ear com fio
Se você fica a maior parte do tempo em um só lugar, como um baterista,
tecladista ou backing vocal, os sistemas com fio são uma excelente opção.
Eles são mais baratos e não ocupam freqüências sem fio.

Um sistema de monitoração com fio inclui um bodypack leve e pequeno e


um par de fones de ouvido. O Bodypack é conectado ao mixer diretamente
com um cabo. O músico ouve a monitoração através dos fones.

Monitoração sem fio


A monitoração sem fio oferece total liberdade de movimento no palco para
o músico.

Assim como na monitoração com fio, na monitoração sem fio o músico usa
um Bodypack preso no cinto, na alça da guitarra ou no bolso. A mixagem
aqui não é recebida por um cabo, mas por freqüências de rádio, o que exige
um transmissor para enviar o sinal conectado ao mixer através de um cabo.

Monitoração híbrida
Alguns poucos Bodypacks (como o Shure P2R) são unidades híbridas,
ou seja, são receptores capazes de trabalhar com ou sem fio. Você pode,
inclusive, começar trabalhando com fio e, quando seu orçamento permitir,
comprar o transmissor e passar a trabalhar sem fio. Você usa em qualquer
uma das configurações!

Existem também variações que vão além de combinar o uso com ou sem
fio. Um baterista, por exemplo, pode receber a monitoração sem fio e
acrescentar um “clique” conectado diretamente no bodypack.

48
Monitoração Sem Fio

Como escolher o sistema de monitoração certo


Estéreo ou mono?
A monitoração convencional é basicamente mono. Com a monitoração in-ear é
possível a mixagem em estéreo. Em mono, ambos os fones (esquerda e direita)
reproduzem o mesmo áudio, enquanto que em estéreo você ouve o som de monitor
mais preciso, completo e fiel possível.

Entretanto, nem todos os músicos necessitam de estéreo e alguns preferem mono,


já que o sinal não “vira” conforme a movimentação de palco. Já para um pianista,
por exemplo, o estéreo é uma grande vantagem para ouvir o som mais natural
possível. Existem sistemas mono e estéreo no mercado e os sistemas estéreo podem
ser usados em mono também.

Os sistemas estéreo Shure oferecem um recurso exclusivo chamado MixMode. Esse


recurso é um modo de dois canais permitindo o controle de dois sinais separados
(o vocal e a banda, por exemplo) enquanto você ouve os dois sinais nos dois lados
do fone ao mesmo tempo.

Você se movimenta muito?


Não – Se você fica a maior parte do tempo em um só lugar, como um baterista,
tecladista ou backing vocal, os sistemas com fio são uma excelente opção. Eles são
mais baratos e não ocupam freqüências sem fio.

Sim – Se você precisa de liberdade de movimento, escolha o sem fio e deixe os


cabos para trás. Você vai ouvir a mixagem com qualidade em qualquer lugar do
palco.

49
Você pode dividir seu monitor com outros ou precisa de um
individual?
Posso dividir – Com a mixagem sem fio dividida, cada membro da banda usando
um receptor Bodypack pode receber o mesmo sinal de um só transmissor. É uma
maneira mais econômica de monitoração sem fio para a banda.

Não posso dividir – Em uma banda ou grupo, músicos geralmente preferem ouvir a
monitoração conforme suas preferências. Geralmente, cada músico quer se ouvir em
um volume um pouco maior do que o resto da banda. Os sistemas com fio oferecem
isso, mas para sistemas sem fio é necessário um transmissor e um receptor para
cada um. Se os músicos preferem a mixagem em mono, não é necessário o uso
de tantos transmissores. Um exemplo é um cantor e um guitarrista: no L temos a
guitarra e no R temos o vocal. Cada um deles pode mixar através do MixMode para
obter sua própria combinação de guitarra/vocal.

Quantos canais podem ser operados simultaneamente?


Não importa se são sistemas de monitoração sem fio ou de microfone sem fio,
freqüências de rádio (RF) devem ser cuidadosamente escolhidas. Para uma
configuração fácil todos os sistemas de monitoração sem fio Shure têm freqüências
pré-selecionadas compatíveis, ou seja, podem ser operadas simultaneamente sem
interferências. Todos os sistemas têm um número máximo de canais compatíveis e
esse número define qual é o sistema certo para você. Além disso, você também deve
considerar os sistemas de microfone sem fio usados ao mesmo tempo.

50
Monitoração Sem Fio

Aplicação e posicionamento
Informações de RF
A configuração e o uso de sinais de RF são os mesmos para transmissores fixos com
receptores móveis (como em um sistema de monitor sem fio) e receptores fixos e
transmissores móveis (como em sistemas de microfones sem fio).

INFO: Receptor tipo Bodypack


Na maioria dos casos, receptores tipo Bodypack não são diversity (com uma
antena). Sistemas diversity precisam de um mínimo de 40cm entre as antenas
e se essa distância for menor, o sistema apresenta problemas. A melhora em
performance não é tão significativa para valer o custo muito mais alto de um
receptor diversity. Além disso, um corte de freqüência não é tão crítico como
em um microfone sem fio.

Lembre-se que se as antenas estiverem muito próximas, elas causam interferências.


Reduzindo o número de antenas transmissoras próximas, você reduz as chances de
interferência. Similares a divisores de antena nos sistemas de microfone sem fio,
os combinadores de antena servem para reduzir o número de antenas transmissoras
de monitores sem fio.

ATENÇÃO:
Transmissores de monitores sem fio e de microfones sem fio interagem entre
si! Por isso, uma distância mínima de 3m é recomendada. A melhor maneira
de separar esses sistemas é usar racks separados.

51
Configurações
Vocalista (sem fio)

Fones de ouvido

Sinal de RF enviado
ao receptor

Mixagem (mono,
estéreo
Receptor Bodypack ou MixMode)
sem fio

Mesa de som

Sinal de Entrada

52
Monitoração Sem Fio

Guitarrista (com fio)

Mixagem transmitida via cabo


para o Bodypack Fones de ouvido

Mesa
de som
Receptor
Bodypack
com fio

Sinal da Guitarra

53
Visão geral de sistemas de monitoração sem fio
Sistemas PSM

PSM 200
A linha de entrada com todos
os recursos.

Modo de audição Mono

Sistemas compatíveis por banda Até 4

Entradas no transmissor 2 XLR/P10 Combo (Mic/Line)

Saídas no transmissor 2 XLR

Opção de Bodypack com fio Sim

Controle de mixagem pessoal No transmissor

Antena remoteável no transmissor Não

Duração da bateria Com fio 6h / Sem fio 4h

54
Monitoração Sem Fio

PSM 400 PSM 700


Para maior versatilidade O sistema de monitor mais usado
e controle. pela indústria.

Mono, Estéreo ou MixMode Mono, Estéreo ou MixMode


Até 8 Até 16
2 P10 Combo (Line) 2 XLR/P10 Combo (Line)

2 P10 / Saída de fone P2 2 P10 / Saída de fone P2 e P10

Sim Não
No receptor No receptor
Sim Sim
Com ou Sem fio 8h Sem fio 6h

55
Fones de ouvido
Especificamente projetado para uso com sistemas de monitoração sem fio

SCL2 SCL3
Fones Fones

MicroFalantes Dinâmicos MicroFalantes de faixa


garantem som full range. mais ampla para resposta
de freqüência estendida.

105 dB SPL/mW 115 dB SPL/mW


Impedância 16 Ω 26 Ω
22 Hz - 17.5 kHz 25 Hz - 18.5 kHz
30 g 28 g
157 cm 141 cm 141 cm 157 cm 157 cm
Opções de Cor Transparente Preto Preto Branco Cinza

56
Monitoração Sem Fio

SCL4 SCL5
Fones Fones

MicroFalantes de alta MicroFalantes de alta


definição com Bassport definição com crossover
para agudos detalhados e em linha para som
graves potentes. incrívelmente puro.

109 dB SPL/mW 122 dB SPL/mW


29 Ω 110 Ω
22 Hz - 19 kHz 20 Hz - 18.5 kHz
31 g 31 g
141 cm 157 cm 155 cm
Preto Branco Transparente

57
Personal Audio
Projetados para melhor resposta com Mp3 Players e outros aparelhos portáteis.

SE110 SE210
Fones Fones

MicroFalantes balanceados MicroFalantes de alta


para áudio otimizado. definição para som full
range.

113 dB SPL/mW 114 dB SPL/mW


Impedância 27 Ω 26 Ω
22 Hz - 17.5 kHz 25 Hz - 18.5 kHz
30 g 30 g
45/ 136 cm* 45/ 136 cm*
Opções de Cor Preto / Branco Preto / Branco

* modular cable

58
Monitoração Sem Fio

SE310 SE420 SE530


Fones Fones Fones

MicroFalantes de Alta MicroFalantes Duplos MicroFalantes Triplos


Definição e Tecnologia TruAcoustic com tweeter TruAcoustic com tweeter e
Tuned BassPort e falante para graves, dois falantes para graves,
médios e agudos definidos. médios e agudos definidos,
além de grave potente.

111 dB SPL/mW 109 dB SPL/mW 119 dB SPL/mW


28 Ω 22 Ω 36 Ω
22 Hz - 19 kHz 20 Hz - 19 kHz 18 Hz - 19 kHz
28 g 31 g 30 g
45/ 136 cm* 45/ 136 cm* 68/ 136 cm*
Preto / Branco Preto / Branco Bronze

59
Apêndice
Glossário
Circuito Balanceado / Desbalanceado
Uma saída desbalanceada carrega o sinal em um só condutor (além do terra).
Interferências no cabo (como ruídos de um cabo de força próximo, por exemplo) são
audíveis. No sinal balanceado, a saída carrega o sinal através de dois condutores
(além do terra). O sinal em cada condutor é o mesmo, porém com polaridade
diferente. Uma entrada de microfone balanceada amplifica apenas a diferença
entre os dois sinais e rejeita qualquer parte do sinal que seja a mesma nos dois
condutores.

Cardióide
Veja pág 9

Microfone Condensador
Veja pág 8

Diversity
Veja pág 25

Microfone Dinâmico
Veja pág 8

Faixa Dinâmica [dB]


A faixa dinâmica entre o próprio ruído e o máximo nível de pressão sonora (SPL).
Dentro dessa faixa o microfone pode captar perfeitamente.

Microfone Condensador de Eletreto


A cápsula do microfone (membrana e placa) de um microfone condensador precisa
de tensão de polarização para carregar o elemento condensador. Em um eletreto (um
material polarizado sinteticamente) anexado à placa, não é necessário fornecer a tensão
polarizadora externamente. Contudo, um microfone condensador de eletreto também
precisa de alimentação (bateria ou Phantom Power) para o pré-amplificador.

Feedback (Microfonia)
Durante a operação normal de qualquer sistema de áudio, o som produzido pelas
caixas acústicas pode ser captado pelos microfones, reentrando no sistema e
se tornando amplificado. Em dado momento isso pode causar um ruído agudo
conhecido como microfonia ou feedback.

60
Apêndice

Resposta de Freqüência
Veja pág 10

Impedância [Ω]
Em um circuito elétrico, a oposição ao fluxo de corrente alternada, medida em
Ohms. Quanto mais baixa a impedância, maior o fluxo de corrente no microfone. A
impedância de saída de um microfone deve ser muito menor do que a impedância
da entrada de microfone de uma mesa de som.

MixMode
Veja pág 49

Omnidirecional
Veja pág 9

Freqüência de Operação
Veja pág 26

Phantom power
Todos os microfones condensadores necessitam de Phantom Power. Os 48V (às
vezes 12V) são fornecidos pela maioria das mesas de som através do cabo de
microfone. Alguns condensadores podem ser operados com bateria, sendo a escolha
ideal para mesas sem Phantom Power.

Efeito de Proximidade
Veja pág 10

Próprio Ruído [dB]


O próprio-ruído ou ruído equivalente é o nível de ruído que cria a mesma tensão
de saída que o microfone produz quando não há som. Este é o ponto mais baixo
da faixa dinâmica de um microfone e é muito importante durante gravações,
especialmente em baixos volumes.

Sensibilidade [mV/Pa] ou [dB/Pa]


A saída elétrica que um microfone produz para dada pressão sonora. Na maioria
dos casos a sensibilidade é medida com uma pressão sonora de 94dB (1 Pascal).
Quanto mais alta a sensibilidade, mais alto o “volume” do microfone.

61
Diafragma pequeno / Diafragma grande
Esses termos são usados para microfones condensadores. Um diafragma grande
tem o diâmetro maior que 1 polegada (2,54cm). Microfones de diafragma grande
são populares para gravação já que acrescentam harmônicos ao som que deixam a
voz mais suave. Diafragmas pequenos têm resposta de freqüência flat e soam mais
naturais. Por isso ambos são populares para gravação de instrumentos.

Supercardióide
Veja pág 9

THD – Total Harmonic Distortion (Distorção Harmônica Total [%]


A distorção harmonica total, ou THD, de um sinal é a medição da distorção harmô-
nica presente e é definida pela taxa da soma das potências de todos os componen-
tes harmônicos à potência principal.

Tipo de Transdutor
Veja pág 8

Para saber mais


Visite www.shure.com.br.

62
Apêndice

Informação
Contato
Distribuidor Exclusivo para o Brasil: Assistência Técnica:
Pride Music Cesetec
R. Pedro Cacunda, 400 R. Pedro Cacunda, 400
São Paulo – SP – CEP 02046-090 São Paulo – SP – CEP 02046-090

Tel: (11) 2975-2711 Tel: (11) 2971-1641


Fax: (11) 2973-1050 Fax: (11) 2971-2933
E-mail: shure@shure.com.br E-mail: shure@shure.com.br

A Shure contra a falsificação


Você sabia que muitos modelos populares da Shure, incluindo
SM58 e Beta 58A, são copiados, fabricados e vendidos
ilegalmente pelo mundo como sendo microfones autênticos da
Shure?

Apesar das semelhanças superficiais com os produtos Shure


autênticos, os produtos falsificados utilizam materiais de
baixíssima qualidade e não são confiáveis. Além disso, são
menos resistentes e têm péssima qualidade de áudio e de performance. Produtos
falsificados também não são cobertos pela garantia Shure.

Enquanto a Shure toma diversas ações para coibir a falsificação e proteger você,
consumidor, existem algumas ações que você pode tomar para reduzir muito as
chances de ser enganado e comprar um produto falsificado:

• Seja um comprador atento. Familiarize-se com os sinais de produtos


falsificados, atente para preços incrivelmente baixos – especialmente na internet
e, sempre que possível, verifique atentamente o produto antes de comprá-lo.
• Compre somente de revendedores autorizados. Você pode achar uma lista de
revendedores autorizados em www.shure.com.br.

63
Europe, Middle East, Africa: United States: Asia, Pacific:
Shure Europe GmbH Shure Incorporated Shure Asia Lim
Wannenäckerstr. 28 5800 West Touhy Avenue Unit 301, 3rd F
74078 Heilbronn, Germany Niles,Exclusivo
Distribuidor IL 60714-4608
para oUSA
Brasil: Citicorp Centr
R. Pedro Cacunda, 400 18, Whitfield R
Phone: 49-7131-7214-0 São Paulo Phone:
– SP 1-847-600-2000
– CEP 02046-090 Causeway Bay
Fax: 49-7131-7214-14 Tel: (11)Fax:
2975-27111-847-600-1212
Email: info@shure.de Fax: (11)Email: info@shure.com
2973-1050 Phone: 852-28
E-mail: shure@shure.com.br Fax: 852-28
Email: info@sh
www.shure.com.br © 2007 Shure Europe GmbH AL1646SE

Você também pode gostar