Você está na página 1de 2

Gmail - Fwd: posição do Bruno https://mail.google.com/mail/u/0?ik=7b2ac1af7b&view=pt&search=all&...

rui34santos <rui34santos@gmail.com>

Fwd: posição do Bruno


Joana Santos <joanaasantos10@gmail.com> 26 de junho de 2018 às 21:31
Para: "Dr. Rui Santos" <rui34santos@gmail.com>

De: Américo Flor Marques <marques1948@gmail.com>


Data: 18 de junho de 2018, 11:43:11 WEST
Para: <geral@scimob.pt>
Cc: <joanaasantos10@gmail.com>
Assunto: RE: posição do Bruno

Exmos senhores

Em face da ausência de resposta ao mail anterior junto carta de Bruno marques

Sem outro assunto

Cumprimentos

Américo Marques

De: Américo Flor Marques [mailto:marques1948@gmail.com]


Enviada: quinta-feira, 17 de maio de 2018 17:51
Para: geral@scimob.pt
Cc: joanaasantos10@gmail.com
Assunto: posição do Bruno

Olá Boa tarde

Respondendo ao solicitado pela Sra. Mónica venho comunicar a posição do Bruno Marques

O Bruno, após negociação com a vossa agencia, comprou na vossa empresa uma casa para habitação e duas
garagens.

Deste negocio consta no contrato de compra e venda, a casa de habitação e duas garagens devidamente
identificadas.

Na escritura publica consta a casa para habitação e duas garagens identificadas com o valor de € 5000.00 cada

1 de 2 15-12-2018, 16:01
Gmail - Fwd: posição do Bruno https://mail.google.com/mail/u/0?ik=7b2ac1af7b&view=pt&search=all&...

Temos assim que o Bruno é dono de uma casa de habitação e duas garagens.

No dia da escritura publica a anterior proprietária entregou ao Bruno várias chaves e talvez ou não por
esquecimento não entregou as chaves das garagens.

O Bruno enquanto proprietário dos três imóveis pagou todas as suas obrigações legais, nomeadamente o IMI,
mas, nunca mais se lembrou de pedir as chaves das garagens, cuja responsabilidade é da anterior proprietária que
as devia ter entregue no dia da escritura.

Entretanto mais de um ano depois a anterior proprietária através da Agencia veio reclamar que afinal não tinha
vendido as garagens e que as pretendia de volta.

O Bruno, como não tem vagar, nem disposição para aturar este tipo de coisas passou a tarefa ao Pai.

E assim na qualidade de representante do Bruno venho reafirmar o que já disse aos responsáveis da Agencia:

1. O Bruno é para todos os efeitos o legitimo proprietário das duas garagens como consta do contrato de
promessa de compra e venda e na escritura publica realizada no conservatório do concelho do Seixal.

2. A anterior proprietária das garagens deveria, como era sua obrigação, ter entregue as chaves das garagens ao
Bruno no dia da escritura publica, mas em vez disso vem agora dizer que não vendeu as garagens.

3. O Bruno, mantendo a posição de que é o legitimo proprietário das garagens, esta disponível para uma
transação que represente o retorno do valor pago pelas garagens €10000.00.

4. O Bruno, como a anterior proprietária não pagou os valores acordados do condomínio e valor consta como
divida da sua casa e faz falta ao condomínio, admite nesta transação assumir a regularização dessa divida.

5. A não ser possível esta transação, exige da anterior proprietária a entrega das chaves o mais breve possível
para poder colocar em venda as referidas garagens

Sem outro assunto

Américo Marque

Sem vírus. www.avast.com

Carta do Bruno.pdf
445K

2 de 2 15-12-2018, 16:01