Você está na página 1de 28

O MAIS ANTIGO JORNAL PORTUGUÊS ANO CLXXXV .

Nº 20840
FUNDADO EM 1835 SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020
POR MANUEL ANTÓNIO DIÁRIO
DE VASCONCELOS
DIRETOR
PAULO SIMÕES

0,90 €
IVA inc.

www.acorianooriental.pt

Empresas precisam de apoio


à dimensão da catástrofe
Raquel Franco, gerente da Autatlantis, considera ser necessário garantir injeção de capital a fundo perdido nas empresas para
manter o tecido empresarial nos Açores, sobretudo na área do turismo, que foi afetado pela pandemia do Covid-19 PÁGINAS 2E3

PUB

Desporto
Pedida reabertura Povoação reduziu número Adeptos
do posto de saúde de beneficiários do RSI virtuais PÁGINA 5

de São Vicente apoiam


Casa do Povo de São Vicente alerta para a necessidade
Santa Clara
de retomar cuidados de saúde de proximidade PÁGINA 8 à distância PÁGINA 19

Carlos Furtado PPM contra Luís Soares


eleito líder distribuição vence
do Chega de dividendos Regional de
nos Açores na EDA Xadrez online
PÁGINA 7 PÁGINA 8 PÁGINA 22

PUB PUB
2 Regional
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Entrevista

Raquel Franco Gerente da rent-a-car Autatlantis alerta para a necessidade


de serem definidas regras para a chegada de turistas aos Açores e defende
a necessidade das verbas provenientes da Europa serem aplicadas a fundo
perdido para garantir manutenção do tecido empresarial

“Esperamos
medidas
de apoio
à dimensão
de uma catástrofe”

LUÍS PEDRO SILVA


Raquel Franco considera que a Região
lsilva@acorianooriental.pt mos a tentar perceber qual será o cami- off, porque não temos trabalho. Não existe pode beneficiar do turismo
nho deste setor. Não se trata de uma em- procura, porque vivemos do turismo e es- de natureza e isolamento, mas precisa
Como é que a empresa Autatlantis presa, mas de um setor. tamos numa fase com poucos voos. de definir regras de entradas dos turistas
e o setor das rent-a-car foi abalado Estamos a aguardar as próximas Vamos esperar para ver como vai ser
com a pandemia do Covid-19? orientações para perceber se ainda po- a resposta do turismo a partir de julho. Será necessário antecipar as me-
Na primeira quinzena de março tive- deremos ter alguma atividade em julho, O setor do turismo precisa de planea- didas para garantir a vinda de turis-
mos a constatação que estávamos pe- agosto e setembro. mento, porque os operadores necessi- tas no pico do Verão?
rante uma pandemia e decidirmos en- Aceitamos que esta é a realidade e esta- tam de saber as regras. Estamos num Comercialmente podemos ter ima-
cerrar ao público no dia 18 de março, mos a adaptar para sobreviver. Ainda te- processo de indefinições a falar de gens fantásticas e pacotes turísticos mag-
passando a trabalhar em serviços míni- mos uma grande parte da empresa em lay- questões regionais, porque é a reali- níficos, mas é preciso haver uma defini-
mos. Precisamos de recorrer ao lay-off e dade que conhecemos melhor, mas es- ção da entrada dos turistas.
começamos a viver de cancelamentos. tamos a falar de uma esfera nacional e As pessoas precisam de ganhar con-


Nos últimos 15 dias de março, abril e internacional. Muitos mercados ain- fiança para virem aos Açores. Mais do
maio apenas tivemos cancelamentos e da não definiram a política de entra- que o preço é preciso garantir a segu-
sem a perspetiva de qualquer faturação. das e saídas de turistas. Existe um ce- rança para ir do ponto A ao ponto B.
A partir de junho, com a reabertura do É preciso uma definição, nário de desconhecimento pleno. É preciso uma definição, porque a au-
espaço aéreo regional, começou a haver Alguns países estão a procurar imple- sência de definição também provoca a
uma dinâmica mínima, muito baixa.
porque a ausência de mentar medidas, mas não sabemos ausência de procura. O turismo não rea-
Nem quando o meu pai abriu a empre- definição também provoca qual é a fórmula secreta. Sabemos que ge a surpresas. Hoje para conseguirmos
sa há 32 anos tivemos uma atividade a ausência de procura. precisamos de garantir a segurança da ter algum mercado em julho precisamos
com esta dimensão reduzida. O turismo não reage população residente e dos turistas. de definir as regras nos próximos dias.
Na prática, estamos perante uma rea- Com o cenário atual de indefinições o É preciso dizer como vão funcionar as
lidade que desconhecemos. Tínhamos a surpresas número de reservas deve ser reduzido? regras à chegada aos Açores, qual será o
uma estrutura montada para o que se No mercado regional já percebemos teste de controlo sanitário.
esperava que fosse o melhor ano de sem- É importante os turistas que as pessoas circulam livremente Antigamente ,as pessoas pegavam
pre. Era isso que se percebia pelo nú- entre as ilhas, mas quando passamos no telemóvel e marcavam uma viagem
mero de reservas, sendo que esta ideia é
perceberem que podem para o mercado nacional ainda exis- de férias, mas agora sentem muitas
consensual em todo o setor. visitar um destino de te uma definição. Isso faz com que dúvidas e procuram obter informação
A nossa empresa opera em seis ilhas e natureza, com todas as continuem a existir poucas reservas de forma clara. Se existirem dúvidas,
estava preparada para continuar a cres- estruturas de saúde para ou nenhumas. os turistas vão para outros locais.
cer em 2020. Perante esta situação, de O mês de junho é perdido, porque na Sabemos que é preciso garantir o equi-
forma responsável, mantivemos toda a garantir uma resposta eficaz ausência de informação as pessoas não líbrio de um processo seguro para os re-
estrutura da empresa, mas agora esta- se deslocam. sidentes e para quem chega aos Açores.
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Regional 3

EDUARDO RESENDES


O turismo cresceu muito na Re-
gião ao longo dos últimos cinco anos.
Acredita que o interesse dos turis-
O turismo vai precisar de tas vai-se manter quando passar esta
uma discriminação situação da pandemia?
positiva, porque todos os Quero acreditar que sim. Sou uma pes-
soa que gosta de ver sempre o copo meio
outros setores vão começar cheio. Esta pandemia teve uma escala
a reabilitar, mas vamos mundial, com impactos económicos as-
continuar sem turistas sustadores. Isso vai retirar rendimento
e capacidade às famílias para viajar.
O ciclo de voltar ao normal vai ser lon-
Esperamos que a Europa go e vai existir um filtro. Em todas as cri-
garanta apoios a fundo ses existem líderes que se destacam e es-
perdido para reduzir o tratégias vitoriosas. Acho que as pessoas
vão começar a analisar mais informação
impacto desta pandemia. antes de escolher um destino de viagem,
Nós vamos ter o pior ano enquanto no passado entravam dentro de
de sempre da empresa uma low-cost e decidiam passar um fim
de semana num determinado destino.
Provavelmente, agora vão começar a
manos. O pagamento dos carros impli- ponderar mais o local das viagens. Con-
ca pagamentos regulares, que qualquer sidero que temos vantagens competiti-
pessoa consegue imaginar. vas, porque o nosso destino garante to-
Tivemos de recorrer às linhas de cré- das as estruturas. Agora precisamos de
dito disponibilizadas pelo governo, mas aproveitar o nosso potencial.
esperamos que esses apoios sejam a fun- Apontar a uma recuperação total
do perdido. Esperamos que a Europa ga- dentro de dois ou três anos é fazer
ranta apoios a fundo perdido para re- futurologia?
duzir o impacto desta pandemia. Nós Neste momento ninguém consegue
vamos ter o pior ano de sempre da his- ver nada sobre o futuro. Não sabemos se
tória da empresa. esta pandemia se vai tornar numa gripe
Este não é o cenário de abertura de convencional. Como vai ser o próximo
uma empresa e a procurar crescer no ano? Também não sei. Acho que não será
mercado. Ficamos a zero. igual a 2019, mas acredito que vai exis-
Se os turistas sentem a falta de de- tir um reajustamento dos mercados.
finição de regras os empresários pro- Estávamos a crescer junto do merca-
curam ainda conhecer os apoios com do americano, mas neste momento é um
que podem contar para garantir o fu- mercado que está parado.
turo deste setor? A Região deve manter a aposta
O Governo reagiu muito rapidamen- nos mesmos mercados ou procurar
Agora é importante definir uma estraté- medos das viagens em avião, desde que se te e disponibilizou o lay-off e linhas de outros turistas?
gia que permita minimizar os riscos. É utilizem as máscaras, mas até isso acon- apoio, mas agora precisamos de passar Devemos ter cuidado com os merca-
evidente que vão surgir problemas, mas tecer as pessoas podem optar por fazer via- para a fase seguinte. O turismo vai pre- dos que trabalhamos e estarmos aten-
isso também vai acontecer no mundo in- gens de carro, em destinos mais próximos. cisar de uma discriminação positiva, tos aos mercados emergentes. A Região
teiro. Precisamos é de conseguir identi- A Região nunca foi um destino de porque todos os outros setores vão co- depende muito da aviação, pela sua lo-
ficar e isolar os casos que surgirem. massas e agora esta situação veio provar meçar a reabilitar, mas vamos continuar calização, por isso não deve perder de
Enquanto empresária, necessita isso. Nós podemos garantir um turismo sem turistas. Vamos ter um ano pela vista o mercado americano. Quando di-
que o governo defina as regras para o de natureza, sem uma grande concen- frente com este cenário e esperamos que zemos a um americano que está a cin-
setor, para que o turismo consiga tração de turistas, que representa uma o governo ajuste as medidas, conti- co horas de uma ilha que tem aquilo que
atrair visitantes? vantagem competitiva. nuando com o lay-off para manter os re- valoriza é uma enorme vantagem com-
O setor do turismo não vive sem pla- Ser uma região live de Covid é ótimo cursos humanos, e garanta um apoio a petitiva. Este não é um destino massi-
neamento e sem um definição clara do para os residentes, mas estamos perante fundo perdido nas linhas de crédito. ficado e oferece umas férias diferentes
destino. Hoje precisamos de comunicar uma pandemia e não podemos ficar assim Caso contrário, vamos perder tecido em- ao turista americano.
de forma clara para ter frutos para ama- até ao resto da vida. É importante os tu- presarial numa proporção muito alta. O mercado da Europa, por força das
nhã. Podemos aceitar procedimentos mais ristas perceberem que podem visitar um Acreditamos que a ajuda da Europa circunstâncias da pandemia, deve ser
ou menos conservadores, mas é preciso destino de natureza, com todas as estru- deverá ser distribuída e canalizada para o preferencial nesta fase. Vamos pre-
definir as regras. Só desta forma podemos turas de saúde para garantir uma respos- as empresas. cisar de ajustar as estratégias de acor-
transmitir aos clientes e operadores. Sem- ta eficaz, em caso de necessidade. Essa será a única forma de manter do com as preferências dos mercados
pre que existe um maior esclarecimento Este é um ano perdido para as em- os postos de trabalho? emissores.
das regras, há uma reação do mercado. presas ligadas ao turismo. Como se Sim, mas também das estruturas das Como é que a sua empresa está a
A ausência de casos de Covid-19 e consegue planear a sustentabilidade empresas. Nós estávamos num cená- preparar a segurança dos clientes?
estarmos ligados a um turismo de na- de uma empresa com o atual cenário? rio em que as empresas investiram, mes- Durante o período em que estávamos
tureza são fatores que podem contri- Não se planeia. Ajusta-se e revê-se mo que tivessem colocado capital pró- sem atividade preparamos um conjun-
buir para a vinda de turistas? tudo. As empresas em janeiro estavam prio, também recorreram ao crédito to de procedimentos, em toda a cadeia
Esses fatores são positivos, mas a ne- dimensionadas para responder a uma bancário. As empresas têm despesas fi- da empresa, que garante que o cliente
cessidade de deslocação de avião condi- expectativa de mercado, mas não esta- xas mensais, mas se não tiverem recei- tem um carro desinfetado e devida-
ciona a vinda de turistas, porque as pes- vam dimensionadas para uma situação tas, cria-se um ciclo económico muito mente higienizado. Todos os balcões es-
soas precisam de se sentirem seguras a de receitas a zero. difícil. É preciso uma injeção de capi- tão protegidos, cumprindo as orienta-
entrar num avião. Foi necessário recorrer aos lay-off para tal a fundo perdido, porque senão vamos ções da Direção Regional de Saúde.
A Organização Mundial de Saúde veio garantir a continuidade de postos de tra- levar muitos anos a pagar o crédito. Es- Ainda oferecemos ao cliente um kit de
dizer que a contaminação, em contacto balho. As empresas deste setor tem uma peramos medidas de apoio à dimensão desinfeção para sentir toda a segurança. Fi-
com superfícies, pode ser desmitificada estrutura de gastos fixos muito elevada, de uma catástrofe e não apenas crédito zemos formações internas para que os pro-
em breve. Esta situação reduz muito os porque não vive apenas de recursos hu- para pagar no futuro. cedimentos sejam cumpridos à risca. Ƈ
4 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Regional 5

ARQUIVO AO / EDUARDO COSTA ARQUIVO AO / EDUARDO RESENDES

A Pordata, base de dados da Fundação Francisco


Manuel dos Santos, fez o retrato da Povoação a
partir de 54 factos estatísticos, como forma de
assinalar o respetivo feriado municipal.

DIREITOS RESERVADOS
Povoação com bastante
mento Local e os estabeleci-
mentos de Turismo no Espaço
Rural.
O conjunto de indicadores

menos beneficiários de RSI


que permite conhecer melhor
a Povoação no contexto do país
dá a saber que neste concelho
(com uma área de cerca de
110.30 km2 e constituído, além
Beneficiários do RSI passaram de 1.172 em 2010 para 772 em 2018. 895 euros é quanto ganham das lombas, pelas freguesias de
Povoação, Furnas, Nossa Se-
em média os trabalhadores por conta de outrem, 272 euros abaixo do ganho médio nacional nhora dos Remédios, Ribeira
ARQUIVO AO / RUI JORGE CABRAL
PAULO FAUSTINO
Quente, Água Retorta e Faial
pfaustino@acorianooriental.pt morreram 50 pessoas e que, da Terra), por cada mil resi-
por cada cem residentes, ha- dentes, 11 são estrangeiros e que
Na Povoação o número de be- via 14 jovens com menos de 15 895 euros é quanto ganham, em
neficiários do Rendimento So- anos, 70 adultos e 16 idosos média, os trabalhadores por
cial de Inserção (RSI) caiu de com 65 ou mais anos. conta de outrem - 272 euros
1.172 em 2010 para 772 em Baseado em mais de vinte abaixo do ganho médio a nível
2018, o mesmo acontecendo ao fontes oficiais, “O Retrato do nacional (dados do último ano
nível do universo de empresas Município de Povoação com 54 disponível).
durante aquele espaço de tem- Factos Estatísticos” permite De acordo com a mesma fon-
po: de 568 para 481. comparar, de forma simples e te, o valor médio da avaliação
A informação está patente no imediata, vários indicadores, de bancária da habitação foi, em
retrato estatístico que a Porda- diferentes temas, e a sua evolu- 2018, de 966 euros por metro
ta, base de dados da Fundação ção em quase uma década. quadrado, 226 euros inferior
Francisco Manuel dos Santos, O levantamento feito pela à média nacional.
fez da Povoação e que o divul- Pordata indica que a Povoação No mesmo ano, a publica-
gou para assinalar o respetivo acompanha a tendência de ção enfatiza que a Câmara
feriado municipal, comemora- grande subida que se verifica na Municipal apresentou um sal-
do na passada sexta-feira. Região em matéria de resíduos do financeiro positivo supe-
O documento aponta para urbanos recolhidos seletiva- rior a meio milhão de euros.
uma descida também signifi- mente por habitante (de 1,4 kg Sete por cento das despesas da
cativa no que respeita ao nú- Igreja de Nossa Senhora do Rosário foi a primeira da ilha a ser construída em 2010 para 63,9 kg em autarquia foram destinadas à
mero de alunos matriculados 2018). cultura e ao desporto, valor su-
nos ensinos pré-escolar, básico atualmente com 5.975 habi- cem jovens, passando a ser 110 Subida exponencial nota-se perior ao de 2010 (4% do to-
e secundário: passaram de 1.317 tantes, não passou desperce- idosos por cada cem jovens em igualmente no número de alo- tal das despesas), enquanto
em 2010 para 1.102 em 2018. bido um envelhecimento da 2018, ainda assim menos 47 jamentos turísticos: no espaço que 2% destinaram-se ao am-
Na parte da ilha de São Mi- população no período em idosos do que a média nacio- de 8 anos passaram de 4 para biente, 6 pontos percentuais
guel onde desembarcaram os questão. Tanto assim é que em nal. Neste último ano refira- 17, incluindo, a partir de 2018, abaixo do valor registado a ní-
seus primeiros povoadores , 2010 havia 80 idosos por cada se que nasceram 43 bebés e as novas unidades de Aloja- vel nacional (8%).Ƈ
6 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Regional 7

“Quanto mais nos atacam, mais Organizações


ambientais
nós crescemos e ganhamos” pedem limites
de pesca
André Ventura, líder do Chega, esteve nos Açores para participar na I Convenção Regional
Um grupo de Organizações
do partido que elegeu Carlos Furtado para presidente da estrutura regional do partido Não Governamentais de Am-
EDUARDO COSTA
LUSA
biente (ONGA) apelou aos go-
Açoriano Oriental as “tarefas concluídas”, ha- vernantes europeus para que
vendo agora que fazer chegar estabeleçam limites de pesca e
O presidente do Chega, André a mensagem aos cidadãos. minimizem os impactos da ati-
Ventura, considerou que a es- O dirigente máximo do Che- vidade no mar profundo, dada
querda política tem medo do ga criticou o preço “vergo- a vulnerabilidade das espécies
seu partido porque este “che- nhoso” das ligações aéreas en- e escassez de ‘stocks’.
ga ao seu eleitorado” típico, tre as várias ilhas, o serviço dos O apelo das organizações tem
nomeadamente os trabalha- CTT na região e lamentou ain- por base um parecer científico
dores e defensores dos direi- da os índices de desemprego. publicado na quarta-feira, pelo
tos dos animais. A I Convenção Regional do Conselho Internacional para a
“Somos a direita que toca no Chega/Açores elegeu Carlos Exploração dos Mares (CIEM),
eleitorado deles [da esquerda], Furtado para presidente da e que confirma que a maioria
que fala nos trabalhadores com estrutura e José Pacheco para das populações de peixes de
convicção, nos animais com secretário-geral. profundidade na área da União
convicção”, declarou Ventura, Carlos Furtado foi dirigente Europeia (UE) permanece em
em Ponta Delgada, no encer- do PSD, tendo concorrido à au- condições preocupantes e sem
ramento da I Convenção Re- tarquia micaelense da Lagoa dados suficientes para uma ava-
gional do Chega/Açores. nas autárquicas de 2017, aban- liação adequada.
donando o partido já este ano. Num comunicado conjunto,
“As próximas eleições de ou- as ONGA Birdwatch Ireland,
Carlos Furtado foi tubro serão determinantes Dutch Elasmobranch Society,
eleito presidente para o garante da democracia” Ecologistas en Acción, Funda-
nos Açores, considerou o res- ció ENT, Oceana, Our Fish,
da estrutura regional André Ventura lançou as bases do Chega nos Açores ponsável, criticando o PS, que Sciaena e Seas At Risk apelaram
e José Pacheco para é poder na região desde 1996. aos governos europeus que “es-
secretário-geral é exemplo disso. Sabiam que ia e ganhamos. A diferença é que Participaram na convenção tabeleçam limites de pesca para
haver menos verbas para os no nosso caso não são crenças do Chega/Açores cerca de 30 essas populações que não exce-
Açores e ainda assim viabiliza- absolutas. É a crença do povo açorianos. dam os pareceres científicos,” e
ram o Orçamento” do Estado português”. A acompanhar André Ven- que adotem “uma abordagem
O deputado foi crítico para para 2020, disse o parlamentar. Sobre os Açores, que terão tura na deslocação aos Aço- precaucional” visando minimi-
com a “bipolaridade política” da E prosseguiu: “Nós somos eleições regionais este ano, res, que se prolonga até do- zar os impactos negativos da
esquerda, que “diz na rua” uma como aquelas seitas religiosas: André Ventura assinalou que mingo, está o vice-presidente pesca naqueles ecossistemas.
coisa e no parlamento uma ou- fortíssimos. Quanto mais nos o efetivar dos órgãos do parti- do Chega Diogo Pacheco de Em causa, segundo as ONGA,
tra. “O que se passa nos Açores atacam, mais nós crescemos do não representa que estejam Amorim. Ƈ está “a grande vulnerabilidade
das espécies e habitats do mar
PSD/A
profundo”, e o facto de a maioria

Bolieiro defende uma nheiro público, como solução


para resolver os problemas e
forma de perpetuação no po-
dos ‘stocks’ de profundidade na
Europa estarem “esgotados ou
em condições desconhecidas, o
‘mudança qualitativa’ der”, salientou em nota.
Para José Manuel Bolieiro, os
que também coloca em risco a
viabilidade das comunidades

para os Açores Açores “têm sido igualmente de-


ficitários na criação de políticas
públicas apoiadas no conheci-
piscatórias que delas dependem”.
No documento, as ONGA
apelam aos governantes euro-
mento empírico, isto é, nos da- peus que respeitem os princí-
Líder do PSD/Açores política que potencie o valor de dos concretos reveladores da pios da Política Comum das
quer uma “mudança cada uma das nossas ilhas”. realidade das nossas ilhas”. Pescas (PCP), ao estabelecer os
“É preciso um governo que O presidente do PSD/Açores limites de pesca para as unida-
qualitativa” para a Região
assuma a missão Açores e um defendeu que deve haver “uma des populacionais de profun-
nas próximas eleições, compromisso com cada ilha”, forte aposta no desenvolvimen- didade para 2021 e 2022 de
assente numa política afirmou Bolieiro, ressalvando to dos territórios, mas que tem de acordo com os pareceres pro-
que potencie o valor que, nas próximas eleições, “não ser acompanhado pela proximi- duzidos pelo CIEM.
das ilhas bastará uma alternância de- dade do poder”, advogando que “a “A Estratégia de Biodiversi-
mocrática, aliás muito impor- Bolieiro quer uma “mudança” relação dos órgãos de governo pró- dade da UE 2030 reconhece
CAROLINA MOREIRA
tante, mas também uma mu- prio com o poder local deve ser va- que as pescarias selvagens são o
carolinamoreira@acorianooriental.pt dança efetiva de governação, ta, “não podemos continuar a lorizada, em sintonia e com igual- principal fator de perda de bio-
uma verdadeira de alternativa”, ter uma governação manipula- dade de tratamento”, afirmou. diversidade no mar, o que reduz
O presidente do PSD/Açores, defendeu enquanto participa- dora”, já que “a manipulação Bolieiro defendeu ainda, a resiliência do oceano face ao
José Manuel Bolieiro, defendeu va na sétima edição do Con- desmerece a democracia e a li- em comunicado, “um refor- aquecimento global”, refere An-
este fim de semana uma “mu- gresso da Cidadania dedicada berdade das pessoas e das ins- ço de meios para a capacida- drea Ripol, técnica de políticas
dança qualitativa” para a Re- à Ilha Terceira. tituições quando a estratégia é de instalada em cada uma das de pesca da Seas At Risk, citada
gião assente “numa estratégia Segundo o social-democra- tão só ligada à aposta no di- nossas ilhas”. Ƈ no comunicado. Ƈ LUSA
8 Regional AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Pedida Octávio Torres revela que


durante os últimos três me-
ses a Casa do Povo e Junta de
PSP faz detenções por furtos
na Lagoa e Ribeira Grande
reabertura do Freguesia disponibilizaram
uma viatura para transportar
os utentes ao Posto de Saú-
de das Capelas, que foi o úni-
A Divisão Policial de Ponta Del-
gada anunciou a detenção de
colher matéria probatória que
permita esclarecer cabalmente

posto de saúde co serviço de saúde de proxi-


midade a funcionar na costa
sul do concelho de Ponta Del-
dois homens suspeitos da prá-
tica de crimes contra o patri-
mónio nos concelhos da Lagoa
os contornos da atividade ilí-
cita”, esclareceu a PSP.
Na Ribeira Grande foi deti-

de São Vicente gada, acrescentando que foi


assegurada a entrega de re-
ceitas médicas a todos os
utentes com dificuldades de
e Ribeira Grande.
Os elementos da esquadra da
PSP da Lagoa detiveram, em fla-
grante delito, um homem de 27
do um homem de 36 anos, pela
presumível autoria do crime
de furto em estabelecimento
comercial.
mobilidade. anos, na freguesia do Rosário pela “O detido foi intercetado nas
Casa do Povo de São Vicente Ferreira alerta O presidente da Casa do presumível autoria do crime de imediações de um estabeleci-
para a necessidade de garantir cuidados Povo entende ser necessário furto no interior de residência. mento de restauração e bebidas
de saúde de proximidade para a população garantir uma resposta de cui- “O detido é ainda suspeito da localizado no centro da cidade
dados de proximidade e apon- prática de diversos ilícitos da de Ribeira Grande, após, atra-
DIREITOS RESERVADOS ta uma solução para a gestão mesma natureza ocorridos re- vés de arrombamento, ter re-
dos recursos humanos. centemente no concelho de La- tirado do seu interior uma má-
“É do nosso conhecimento goa, prosseguindo as devidas quina de venda de tabaco”,
que em apenas duas freguesias investigações no sentido de re- indicou a PSP. Ƈ LPS
da costa norte foram colocados
cinco médicos no dia 2 de ju- MARCO PIMENTEL

nho. Havendo uma gestão mais


criteriosa, esses mesmos pro- PPM vai
fissionais podiam ser distribuí-
dos mesmo que em alguns dias tentar travar
da semana nos vários postos de
saúde, cobrindo toda a costa distribuição
norte do concelho”, sinalizou.
Octávio Torres admite que a
prioridade do executivo re-
de dividendos
Posto de Saúde fde São Vicente Ferreira encerrado há três meses
gional seja garantir a reaber-
tura da economia, promoven-
na EDA
LUÍS PEDRO SILVA
do o regresso dos turistas, mas
lsilva@acorianooriental.pt “Numa freguesia com mais de alerta ser necessário salva- O deputado Paulo Estêvão do
2.600 pessoas, não é com- guardar os cuidados de saúde PPM anunciou que vai entre-
O presidente da Casa do Povo de preensível que após a fase mais da população residente. gar hoje na Assembleia Legis-
São Vicente Ferreira, Octávio Tor- crítica da pandemia, não sejam “Também queremos voltar a lativa dos Açores um projeto
res, considera ser urgente garan- salvaguardados os mais varia- receber os turistas, mas não es- de resolução para impedir a
tir a reabertura do posto de saú- dos cuidados de saúde de pro- quecendo primeiro os que cá re- distribuição de dividendos no Paulo Estêvão apresenta
de na freguesia, que foi encerrado ximidade, tão apregoados pelo sidem e necessitem de cuidados grupo EDA. hoje projeto de resolução
devido às medidas de contenção Governo Regional”, afirma o re- permanentes e de proximidade A proposta do PPM pre-
da pandemia do Covid-19. presentante desta instituição. de saúde”, vincou. Ƈ tende que o Parlamento dos lhões de euros provenientes
Açores recomende ao Gover- do esforço dos consumidores
no Regional que transmita residentes no território na-
Marinha resgata iate com tripulante orientações, a quem repre-
senta a Região nas reuniões
cional. No mesmo período, a
EDA distribuiu 115,5 milhões
de acionistas da EDA e no de euros de dividendos aos
a bordo que estava à deriva que se refere à questão da dis-
tribuição dos dividendos para
seus acionistas, sendo que
sensivelmente metade desse
MARINHA
propor a não distribuição de valor foi parar ao cofre dos
A Marinha Portuguesa resga- 20h00, quando chegou o alerta dividendos. grupos privados”, assinalou.
tou um veleiro de bandeira ho- proveniente do Centro de Busca A medida deverá ser im- Na opinião do deputado do
landesa, o “BEAU4”, com um e Salvamento de Den Helder. plementada nos exercícios fi- PPM “sem as verbas prove-
tripulante a bordo, que se en- O veleiro, onde viajava um nanceiros de 2020 a 2024, nientes da convergência ta-
contrava à deriva a sudoeste da holandês de 53 anos, encontra- devendo o representante da rifária, que são pagas pelos
ilha do Faial, com problemas no va-se à deriva a cerca de 160 mi- Região “votar contra qual- consumidores de energia elé-
motor e mastro danificado. lhas náuticas (cerca de 260 qui- quer proposta de distribuição trica residentes no território
Segundo um comunicado o lómetros) a sudoeste da ilha do de dividendos, apresentada nacional, a EDA teria soma-
Centro de Coordenação de Bus- Faial, com problemas no motor por outros acionistas ou pelo do cerca de 645 milhões de
ca e Salvamento Marítimo de e mastro danificado. Conselho de Administração euros de prejuízo no período
Ponta Delgada e o navio patru- O navio patrulha oceânico da EDA”. considerado nos números
lha oceânico “Setúbal” conse- deslocou-se ao local, onde pres- Paulo Estêvão pretende re- anteriores”.
guiram conduzir o veleiro com tou auxílio na reparação do mo- formular a gestão de dividen- Por este motivo, Paulo Estê-
o tripulante a bordo para o por- tor do iate e, posteriormente, dos da EDA, porque conside- vão, refere ser inaceitável “que as
to comercial da ilha do Faial. efetuou o seu acompanhamen- ra que a empresa apenas verbas provenientes do esforço
A operação de resgate termi- to até à ilha do Faial. O “Setú- obteve lucros à custa de trans- de solidariedade realizado pelos
nou este sábado com a chegada bal” é comandado pelo capi- ferências efetuadas ao abrigo consumidores residentes no ter-
do veleiro ao Faial, sempre acom- tão-de-fragata Rui Zambujo da convergência tarifária. ritório nacional vão parar, em
panhado pelo “Setúbal”, mas teve Marinha garantiu apoio Madeira e dispõe de uma guar- “A EDA recebeu, entre parte, aos cofres de poderosos
início quinta-feira, cerca das a tripulante de iate à deriva nição de 45 elementos. Ƈ LUSA 2006 e 2019, cerca de 871 mi- grupos privados”. Ƈ LPS
AÇORIANO ORIENTAL . SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Publicidade 9
10 Regional AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

ARQUIVO AO / EDUARDO RESENDES

Linha de Apoio
Psicológico
Covid-19 Açores
termina hoje
Governo Regional decidiu suspender hoje
o funcionamento da Linha de Apoio Psicológico
Covid-19 Açores devido à situação da pandemia
CAROLINA MOREIRA
carolinamoreira@acorianooriental.pt suspensão resulta da “progres-
siva retoma dos serviços de
O Governo Regional anun- apoio psicológico/saúde men-
ciou que a Linha de Apoio tal, bem como da atual situação
Psicológico Covid-19 Açores epidemiológica da Covid-19 nos
deverá, a partir de hoje, sus- Açores, que se traduz numa
pender o seu funcionamento, maior estabilidade e seguran-
tendo em conta a atual situa- ça para a população”, pode ler-
ção “estável” da pandemia vi- se no documento. Linha de Apoio Psicológico Covid-19 Açores ajudou cerca de 200 pessoas ao longo de dois meses
vida na Região. Refira-se que a Linha de
Em comunicado do GACS, Apoio Psicológico funcionou meadamente medicina fami- gião, a quem se juntaram 14 nha de Apoio ao Estudante
o executivo ressalva que “a Li- durante cerca de dois meses, liar, psicologia clínica, pe- alunos finalistas da licencia- Deslocado para o encaminha-
nha de Apoio Psicológico Co- tendo apoiado “aproximada- dopsiquiatria e psiquiatria”, tura em Psicologia da Uni- mento de situações entre cada
vid-19 Açores, criada a 23 de mente duas centenas de pes- ressalva o comunicado do versidade dos Açores e que uma delas, consoante a tipo-
abril com o número verde soas, proporcionando-lhes GACS. deram apoio à linha no ‘back logia de chamadas recebidas.
800 296 296, e exclusiva- primeiros socorros psicoló- A este serviço estiveram office’, não fazendo atendi- Segundo a nota do executi-
mente destinada a prestar gicos, aconselhamento e afetos 33 psicólogos, maiori- mento telefónico. vo regional, a partir de hoje, se-
apoio psicológico aos açoria- acompanhamento psicológi- tariamente com especialida- Esta linha esteve em articu- rão retomados os canais habi-
nos, suspende o seu funcio- co regular, bem como enca- de na área da psicologia clí- lação com a Linha de Apoio tuais de atendimento das
namento” a partir de hoje. minhamento para serviços de nica, provenientes de Não Médico, a Linha de Saú- situações até aqui tratadas atra-
Segundo a nota, a decisão de saúde especializados, no- diversas instituições da Re- de Açores, a Linha RIAC e a Li- vés desta linha de apoio. Ƈ

ARQUIVO AO

Zonas balneares de Ponta Delgada Época balnear


abre a 20
são vigiadas a partir de hoje de junho
ARQUIVO AO / EDUARDO RESENDES

tarquia de Ponta Delgada sa- em Vila Franca


lienta que, “no sentido de ga-
rantir a sua e a segurança dos
do Campo
outros”, durante esta época bal-
near, é recomendada uma dis- A abertura da época balnear no
tância mínima de 1,5 metros en- concelho de Vila Franca do
tre utentes no areal/solário e Campo vai ter lugar a 20 de ju-
uma distância de três metros nho, estando previsto o seu tér-
entre chapéus de sol. mino a 13 de setembro.
Além disso, a Câmara Mu- Segundo o comunicado da au- Vila Franca vai reforçar
nicipal aconselha que as es- tarquia, as praias de Água d’Alto, os nadadores-salvadores
tadias nas zonas balneares se- Prainha, Corpo Santo e Vinha
jam de curta duração, sendo d’Areia estarão vigiadas, sendo que a época balnear este ano será
cumprida a etiqueta respira- que, atendendo à Covid-19, a Câ- atípica, haverá algumas orienta-
tória e que hajam cuidados re- mara Municipal irá reforçar, ções e regras a cumprir nas praias
Nadadores-salvadores estarão de serviço das 9h30 às 19h00 dobrados para não ficarem re- sempre que possível, os postos do concelho, por forma a que seja
síduos fora dos contentores de praia na Praia de Água d’Alto garantida a segurança sanitária
As zonas balneares conces- Cal, os Poços das Capelas/São ou baldes do lixo. e na Vinha d’Areia, de forma a de todos os banhistas, pelo que é
sionadas ao município de Vicente Ferreira, os Poços Sul O comunicado adianta ainda “manter uma maior extensão de importante ter atenção às infor-
Ponta Delgada passam a ser dos Mosteiros e a praia dos que, “devido aos constrangi- praia vigiada, para que os uten- mações e sinalética existentes e
vigiadas a partir de hoje, di- Mosteiros passam a dispor do mentos associados à pandemia, tes se possam estender por todo ao seu cumprimento, de acordo
vulgou a Câmara Municipal habitual serviço dos nadado- este ano, excecionalmente, é o areal, cumprindo o distancia- com a circular nº 1/2020 da Di-
em comunicado. res-salvadores todos os dias, proibida a realização de ativi- mento social, com segurança”. reção Regional dos Assuntos do
Assim, a praia das Milícias, das 9h30 às 19h00. dades desportivas nestas zonas” A autarquia de Vila Franca do Mar”, pode ler-se na nota de im-
a praia do Pópulo, a Forno da Em nota de imprensa, a au- balneares. Ƈ CM Campo frisa ainda que, “dado prensa. Ƈ CM
Classificados 11
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Precisa-se cozinheiro/a expe- convívio inesquecível, sem Brazuca linda cheirosa e gos-
VEICULOS
riente para reforço de pes- enganos 920039127 tosa,31 anos.Rabo de cora-
VENDE-SE soal ção, mamas bem duras,cin-
Telefone.: 965831121 tura fina.
Cheguei Anne: rosto
Tudo nas calmas
lindo,cinturinha, bumbum e
920164470
IMOBILIÁRIO seios perfeitos,beleza natu-
ral, massagens e brinquedi-
ARRENDA-SE
nhos. 911 805 516
Laura ! Boa Fêmea. Cheia de
Aluga-se quartos em Ponta amor pra dá, posições pican-
Patrícia um vulcão na cama,
Delgada 912 577 001 tes, oralzinho molhado e
loira completa, mamas XXL,
guloso.
Vende-se PEUGEOT 407 madura completa, brinque-
Massg. Relax e prostática.
1.6D de 2006 com um T0 e quarto mobilado, dos, massagens prostáticas e
964 102 105
único dono... o carro está Internet despesas incluí- corporais 911 5388 86
impecável, com apenas das em Ponta Delgada
966 682 255 / 965 110 979

Mestre MANÉ
135000 kms.Uma oportu-
nidade única de adquirir
um 407por 5.499 euros. Aluga-se casa em Ponta
910 084 075 Delgada com três aparta- MESTRE DOS MESTRES
mentos, situado na rua Especialista em todos os trabalhos, é um astrólogo MESTRE MALAM
Hintze Ribeiro, Matriz.
Contacto: 917 342 060 experiente e aconselha rapidamente sobre todos os Grande cientista, espiritualista e curandeiro. Conhecimento
DIVERSOS seus problemas, tais como: e poderes absolutos de magia negra e branca.
RELAX Conhecedor dos casos mais desesperados, ajuda a resolver
AMOR, NEGÓCIOS, FAMÍLIA, DROGA, etc... qualquer problema grave ou de difícil resolução com rapi-
Senhor carente de sexo deseja dez, eficácia e sabedoria em curto prazo como por exem-
Não perca tempo e contate o Mestre Mané
contactar mulheres que gos- Olá amores sou Cris estou de plo: amor, saude, negócios, invejas, doenças espirítuias,
tam de sexo compromisso volta, mais safada que antes, dependência de vicios.
sigilo absoluto. Somente fetiches acessórios 29 anos, Lê a sorte, dá provisão de vida e futuro pelo bom espírito e
mulheres. 912 826 355 venha se deliciar. Liga-me 937 375 966 forte talismã. Faz trabalho à distância.Considerado como
um dos melhores profissionais do pais, tendo dado resulta-
garanto que o prazer será
nosso.
920 231 223 dos seguros e eficazes.
EMPREGO
933411214 CONSULTAS DAS 9 ÁS 21 HORAS, TODOS OS DIAS
OFERTA RESULTADOS EM 48HORAS
Após a consulta Pagamento após o resultado.
Precisa-se empregado mesa- 1ª vez loira, olhos claros 22 verá a honestidade TELM:964 295 681 / 913 557 388
bar, falar inglês. Futuro anos, corpo escultural, do meu trabalho Rua Coronel Chaves, nº106, Ponta Delgada
Gerente 917 342 060 namoradinha dos sonhos,
12 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Regional 13

ASSEMBLEIA GERAL
Sistema de informação
ADIAMENTO E MARCAÇÃO DE NOVA DATA
cadastral irá permitir
VENDA EM HASTA PÚBLICA DE UM IMÓVEL DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES,
NA ILHA DAS FLORES
1 – Descrição sucinta do objeto do procedi+mento: conhecimento “rigoroso”
Vai à venda em hasta pública, no estado em que se encontra, o imóvel abaixo identificado, no local, data
e hora indicados.
2 – Indicações adicionais:
Este anúncio, além das publicações no Jornal Oficial da Região Autónoma dos Açores e num jornal de grande
A secretária regional da Energia, Am- plataforma de articulação do cidadão
circulação, é afixado na Direção Regional do Orçamento e Tesouro, sita à Rua Dr. José Bruno Tavares Carreiro, biente e Turismo, Marta Guerreiro, com a administração pública no âmbi-
nº 6 - 7º Piso, em Ponta Delgada, na Direção de Serviços do Património, sita à Avenida Infante D. Henrique, afirmou que o Governo dos Açores pre- to do cadastro predial”, pode ler-se no
n.º 38 – 1º Andar, em Ponta Delgada, nos Serviços da Ilha das Flores da Vice-Presidência do Governo Regional, tende implementar um Sistema de Re- comunicado.
sita na Rua Dr. Armas da Silveira, nº 1, 9970-331 Santa Cruz das Flores, na Delegação da ilha das Flores da colha e Gestão de Informação Cadas- Marta Guerreiro adiantou ainda que
Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas, sita na Praça Marquês de Pombal, 9970-314 Santa Cruz tral (SiRGIC) “desburocratizado e que serão constituídos “gabinetes de apoio
das Flores, nos Serviços de Finanças e nas Câmaras Municipais da ilha das Flores, na Junta de Freguesia da
localização do imóvel, e ainda, na Delegação da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.
retrate, de forma fidedigna, a realida- em todas as ilhas, com equipamento dis-
3 - Elementos do imóvel a alienar: de física das propriedades, permitindo ponível para o acesso à plataforma, ga-
alcançar um conhecimento rigoroso do rantindo também a presença de, pelo
território, essencial ao desenvolvi- menos, um técnico que prestará o apoio
mento sustentável dos Açores”. necessário aos utilizadores”.
Ouvida na Comissão de Assuntos Par- Por outro lado, a secretária regio-
lamentares, Ambiente e Trabalho da As- nal evidenciou que, com este diploma,
sembleia Legislativa Regional, a gover- é possível contemplar “o procedimen-
nante frisou que o cadastro predial to de identificação e reconhecimento
“assume-se como uma ferramenta fun- da situação de prédio rústico ou mis-
damental no apoio à decisão das polí- to sem dono conhecido”, prevendo ain-
4 - Local, data e hora limite para entrega das propostas: ticas públicas e de grande importância da “a publicitação e ampla divulgação
As propostas de aquisição devem ser entregues por mão própria ou dar entrada por correio, sob registo, até às
nas atividades de planeamento e gestão, do SiRGIC e das medidas a adotar para
15:00 horas do dia 16 de julho de 2020, nos Serviços da ilha das Flores da Vice-Presidência do Governo Regional,
sita na Rua Dr. Armas da Silveira, nº 1, 9970-331 Santa Cruz das Flores,também na mesma hora e data. no que respeita ao uso e ocupação do ter- a identificação da estrutura fundiária
5 - Modo de apresentação das propostas: ritório”, adianta a nota do GACS. junto dos municípios e freguesias e da
5.1 - As propostas devem ser apresentadas em sobrescrito fechado, identificando-se no exterior do Na sua intervenção, a governante sa- população em geral, bem como junto
mesmo o proponente e o imóvel a que respeita, que, por sua vez, é encerrado num segundo sobrescrito lientou que a iniciativa legislativa em das comunidades açorianas no exte-
dirigido ao presidente da comissão e endereçado ao serviço onde é realizada a praça. apreciação “estabelece o procedimen- rior”, disse na audição.
5.2 - A proposta a apresentar deve indicar um valor para arrematação do imóvel superior à base de lici- to de representação gráfica georrefe- Marta Guerreiro referiu ainda que o
tação, em conformidade com o ponto 7.2.
5.3 – A proposta é acompanhada de um cheque de montante correspondente a 5% do valor da pro-
renciada dos prédios, que compreende modelo de recolha e gestão de informa-
posta, emitido à ordem da Direção Regional do Orçamento e Tesouro. um mecanismo de composição admi- ção cadastral proposto foi apresentado
6 – Local, data e hora do início e funcionamento da praça: nistrativa de interesses em situações de e objeto de apreciação pelo Conselho Re-
6.1 - A praça terá lugar no próximo dia 17 de julho de 2020, pelas 10:00 horas, no salão nobre da Câmara Municipal conflito entre proprietários”. gional do Ambiente e do Desenvolvi-
de Santa Cruz das Flores, sito na rua Senador André de Freitas, 9970-320 Santa Cruz das Flores, salvo se, por Neste âmbito, “cria a plataforma ele- mento Sustentável (CRADS) e a ante-
razões de força maior, a praça deverá efetuar-se 24 horas ou 48 horas após a data inicial e no mesmo local. trónica de informação cadastral, que proposta de decreto legislativo regional
6.2 - Na praça pode licitar qualquer interessado, mesmo que não tenha apresentado proposta.
7 - Critério de adjudicação:
constitui o elemento central do SiR- esteve em consulta pública pelo perío-
7.1 - O imóvel será adjudicado pelo preço mais alto, sendo aberta licitação entre os concorrentes e todos os GIC, agregando a informação georre- do de 30 dias, de 16 de janeiro a 16 de fe-
presentes que estejam interessados em participar no ato público, tenham ou não apresentado proposta. ferenciada relacionada com os prédios, vereiro de 2020, no Portal do Governo
7.2 – O valor mínimo dos lanços é o indicado no quadro supracitado no ponto 3. ao mesmo tempo que funciona como (LegisGRA). Ƈ CM
8 - Modalidades de pagamento admitidas:
8.1 – O pagamento do preço é efetuado a pronto.
8.2 - O adjudicatário provisório deve, de imediato, efetuar o pagamento de 10 % do valor da adjudicação.
8.3 - A quantia remanescente é liquidada no prazo de 30 dias, a contar da data da notificação da adju-
dicação definitiva. PSD quer domínio do Forte de São
9 - Impostos e emolumentos devidos:
9.1 - No prazo de 10 dias, a contar da adjudicação provisória, o adjudicatário deverá comprovar o pagamen-
to do imposto de selo e do imposto municipal sobre a transmissão onerosa de imóveis que forem devidos.
João Baptista cedido à Região
9.2 – Deverá, ainda, apresentar documento que comprove a sua situação regularizada relativamente a
contribuições para a Segurança Social, bem como documento que comprove a sua situação regulariza- O PSD/Açores reivindica a desafetação ramente que a sua reabilitação não é mi-
da relativamente a impostos devidos em Portugal. do domínio público marítimo do Forte nimamente prioritária para o Estado”,
10 - Consulta das peças do procedimento: de São João Baptista da Praia Formosa, pelo que é urgente “que faça parte dos
As peças do procedimento poderão ser consultadas na Direção de Serviços do Património, nas horas de
expediente, das 9:00 às 12:30 e das 14:00 às 17:30 horas, podendo ainda ser obtida informação através
em Santa Maria, do Estado para a Região, imóveis de interesse cultural e turísti-
do telefone 296301100, ou para o email: maria.lm.cordeiro@azores.gov.pt Poderão, ainda, ser consul- com vista à sua reabilitação e classifica- co de Santa Maria, devendo a Região
tadas, nos Serviços de Ilha das Flores da Vice-Presidência do Governo, sita na Rua Dr. Armas da Silveira, ção como imóvel de interesse público. predispor-se a reabilitá-lo, permitindo
nº 1, 9970-331 Santa Cruz das Flores, para o telefone 292592846, ou para o email: isabel.am.frei- Em comunicado, a deputada marien- a sua fruição pública pela população re-
tas@azores.gov.pt, no mesmo horário. se Elisa Sousa recomenda ao Governo Re- sidente e pelos visitantes”, afirma.
gional “uma articulação com o Governo Em comunicado, a deputada subli-
da República no sentido de garantir que nha que o Forte “pode não resistir aos
o imóvel seja cedido como património da próximos eventos meteorológicos ad-
Região, numa iniciativa que é de interes- versos” e que a prova disso aconteceu em
se público e se enquadra na promoção 2011 quando “ruiu parte da estrutura,
cultural e turística dos Açores”, adianta. no lado oeste, devido ao mau tempo”.
Segundo a social-democrata, a forti- Para Elisa Sousa, esta situação é
ficação foi “objeto de campanhas de inaceitável, já que “campanhas de
prospeção arqueológica desde 2008”, prospeção arqueológica desenvolvi-
mas o “abandono total a que tem estado das no Forte de São João Baptista le-
sujeita “tem levado à sua degradação vantam a possibilidade de aquela ser
cada vez mais acentuada”, frisa em nota. mesmo a mais antiga estrutura de for-
Elisa Sousa considera que “o atual es- tificação no arquipélago, remontan-
tado de conservação do Forte prova cla- do ao século XVI”, destaca. Ƈ CM
14 Opinião
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

De raça Seguramente
Açoriano
Contra o assalto à política e con- tras virtudes, credenciadas na no seio do espaço da representação
sequente degredo em “… for- expressão latina: nisi utile est (…) ” entenda-se a orquestração com
mas do tédio” como lhe chamou quod facimus stulta est gloria, o fim “do lugar do poder”.
o escritor argentino Jorge Luis “se o que fazemos não é útil, vã São estimuladas as arruadas da vio-
LINHA DE
Borges. Pode ser de género mi- é a glória”. lência, contra a pessoa, contra a pro- HORIZONTE
santropo, na horda sedentária Pura ascendência colonial priedade privada e contra o patrimó- JOSÉ SAN-BENTO
com macho polígamo em seita ÁGORA dos sentidos: Boom, nio cultural, e à espreita está, um certo DEPUTADO NA
GERALDO ALRAA PELO PS/A
religiosa, ou em condução in- PESTANA boom… interpretado por exoesqueleto anti-racista, exímio no
dustriosa para catar, quem oiça John Lee Hooker. Oiçam a oportunismo escondido atrás de ma-
umas rábulas, sobre o Império e composição da obra de arte, riolas, de deslocar do contexto históri- No passado dia 21 de maio, o Go-
história de África e demais en- de raça, função didática de co, de desligar o psiquismo da época, verno Regional lançou uma cam-
gajamentos de grupelhos à turba, trans- vida e de génio e da narrativa em obviamente, e dissimular a incapaci- panha publicitária, em várias pla-
formada em massa informe, demolidora, harmonia, antes da distopia merce- dade de assumir e esclarecer o racialis- taformas digitais e nos órgãos de
de deixar boquiabertos os nossos ante- nária impor a ‘contextualização’, mo de diferenças oposto à ideologia da comunicação social regionais, a
passados neandertais, já então, com com bula, por que será aprovada, exclusão, submissão e extermínio, e a apelar ao consumo de produtos e
comportamentos mais éticos na ativação em nome da não-discriminação. controlar os atos individuais de “polí- serviços açorianos.
do (HPA) hipotalâmico pituitário adre- A questão explorada até ao nojo, tica de terra queimada”. O Governo dos Açores agiu
nal – muito interessante, mesmo. A ora- pautada na banalidade da violência, De raça devemos continuar, ante a com rapidez e determinação, no
ção que se segue, é diferente! exercida por representantes do Esta- manigância dos laboriosos da igno- início de março, na execução de
Em, Escuta Zé Ninguém, de Wilhelm do, gratuita, desproporcionada, ilegal rância, como forma de proteger a rea- um plano de emergência sanitá-
Reich, as pessoas escolhem ‘sempre’ o e assassina, é em retrospetiva, a fa- lidade multiétnica e multirreligiosa, e ria para enfrentar a pandemia.
pior. Porém, a Academia das Ciências de lência técnica do Estado-administra- avisar ainda do que são os preconcei- Em simultâneo, foram imple-
Lisboa, no dicionário da Língua Portu- ção. Não há memória de se fundar a tos antropológicos. O Padre António mentadas inúmeras medidas
guesa, convenção editada em 2001 a igualdade, de joelhos. A genuflexão, Vieira conheceu-os em vida, os “per- para apoiar as empresas, salvar
que se juntou o Instituto de Camões, no para além de demagogia, adulação, turbadores dos tronos” e os “amotina- empregos e garantir rendimen-
vocábulo, raça, sublimado por Camões, encena o pró-forma de adiamento, dores dos povos” e depois de morto tos aos trabalhadores. Só para a
não nos surpreende a declaração, [To- instante primordial, da negação em continuam a perseguir esse embaixa- preservação do emprego foram
dos os seres humanos, sem distinção de Zizek, da “parapolítica: a tentativa dor do “prodígio da grande literatura”. mobilizados, numa primeira
raça ou sexo, têm direito a uma vida para despolitizar a política (traduzi- De raça pelos valores humanistas. fase, mais de cem milhões de
condigna.]. Conjugada com, “ser de boa la em lógica de polícia): procura-se “Depende de como se comercializa a euros.
índole” “distinção” “charme” determina- aceitar o conflito político, mas refor- Língua”, diz o meu filho. Ƈ Na fase que atravessamos na
ção, firmeza, boa ascendência, entre ou- mulando-o como uma competição, geraldopestana12@gmail.com luta contra a pandemia é neces-
sário manter o controlo sanitá-
rio mas necessitamos de relan-

Marcelo, uma história de desamor çar, de forma segura, a economia


da Região.
Numa circunstância em que,
por mais alguns meses, o turismo
Tal como em todos os dias lembrados e olhando para trás, não posso da coisa estar resolvida, já proveniente do exterior não po-
dignos de comemoração oficial, pese não assumir que o entusias- pôde marcar presença… derá assumir o seu contributo
embora a falta de dignidade com que mo sentido por esta sua anti- Dizia aquele que quis ser o determinante para a dinamiza-
muitas vezes a própria da comemora- ga aluna aquando do anuncio Presidente de todos os portu- ção económica regional, a aposta
ção é feita, foi com interesse que me da sua candidatura a Belém gueses que ”os políticos fize- no consumo interno é o caminho
propus a acompanhar a cerimónia do não mais encontrou paralelo ram uma trégua de dois meses certo.
passado 10 de junho. Desde logo, con- nem justificação ao longo do POLÍTICA unindo-se no essencial”. E Os Açores contam com um sector
BRITES
tava com um convidado de referência exercício do mandato. Não BALDAYA bem. Já a sua trégua de um primário e com um sector agroin-
que muito admiro. Depois porque, me choca a coisa dos afetos e CUNHA mandato inteiro, não serviu o dustrial com grande peso económi-
JURISTA
apesar de a desilusão gradual relativa- da presença constante, ainda país, não serviu todos os portu- co e fortemente exportador.
mente ao Presidente da República, se que possa tender para o ridí- gueses e claramente não serviu A opção pelo consumo interno
há coisa que Marcelo tem é ser um culo, na medida em que os reconheço os açorianos. Serviu o Governo e a es- não resolverá todos os problemas
orador de excelência e, goste-se mais como genuínos. Contudo, o desencan- querda que o sustenta. Espero, por isso, com que a economia regional se de-
ou menos do género, sempre nos brin- to foi crescendo ao longo destes quase e para bem de um debate útil e esclare- fronta mas é expetável que o efeito
dou com discursos de Estado gerado- cinco anos, quase sempre motivado cedor que urge, que surjam novas op- de mitigação das dificuldades seja
res de sentimentos de esperança e de pela permissividade para com o Go- ções à direita, apesar de o desfecho da relevante.
orgulho nacional, como foram os pro- verno, muito além do necessário para eleição ser conhecido. Em nome da plu- Nas atuais circunstâncias, to-
feridos aquando da declaração do Es- a estabilidade que se propôs assegurar, ralidade tão necessária em democracia. dos temos de fortalecer o nosso
tado de Emergência e da respetiva re- e culminou com o seu desempenho, Por fim, e contrastando com um dis- sentido de responsabilidade par-
novação. Desta vez, nem isso o safou. por ação e omissão, durante a pande- curso vazio que exigia coragem para a tilhada. Não apenas nos cuidados
Ao contrário de outras comemora- mia. Aquela bizarra quarentena vo- mudança sem indicar um rumo, numa a ter na luta contra a pandemia
ções recentes – desde o inusitado 25 luntária só quebrada por acenos à va- intervenção soberba, dizia o Cardeal mas também nos nossos padrões
de abril, passando pelo inenarrável 1 randa (vergonha alheia…) seria Tolentino de Mendonça, relembrando de consumo, até porque os pro-
de maio, até ao pobrezinho 1 de junho sintomática da sua gestão da crise: Simone Weil, que “podemos amar pela dutos e serviços açorianos são
– não discuto o formato utilizado no não dando as caras quando era preciso força ou amar pela fragilidade, mas bons e recomendam-se.
Dia de Portugal, que me pareceu ade- e aparecendo quando não o era. quando é o reconhecimento da fragili- O desafio está lançado. Todos os
quado às circunstâncias atuais, sendo E nós, açorianos, sabemo-lo bem: dade a inflamar o nosso amor, a cha- açorianos têm um papel muito im-
comedido mas sem ferir a solenidade zero a dizer quanto aos voos da TAP ma deste é muito mais pura.” Esta ver- portante a desempenhar. Aposte e
da efeméride. Desta feita, o problema para a Região, solidariedade zero rela- dade vale para todas as formas de consuma o que é nosso. Faça turis-
foi mesmo o da falta de mensagem da tivamente aos nossos doentes e estu- amar, aplicando-se inclusive, como mo nos Açores. Compre o que é
primeira figura da nação. E custa-me dantes, mas para vir de passeio de fal- bem fez o poeta Tolentino, ao amor “Seguramente Açoriano”. Ƈ
dizê-lo, confesso. Custa-me porque, con passar a tarde ao Nordeste, depois pelo país. Assim o saibamos fazer.Ƈ sanbento@hotmail.com
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Opinião 15

Retratos do Corvo - XII


A festa do Espírito Santo na aos doentes, aos viúvos e aos saberem quantos quilos de carne cada da em tabuleiros vermelhos, transporta-
ilha do Corvo remonta re- enlutados. A «Missa Solene» família deseja adquirir. dos por jovens para as casas das pessoas
monta aos primórdios do po- acontecia às 10 horas e integra- Na Quinta-Feira anterior ao Domin- que a tinham arrolado. A acompanhar
voamento da ilha e tem carac- va o sacerdote que transporta- go da Festa, sempre acompanhados estes tabuleiros seguiam outros de cor
terísticas muito próprias. va a Coroa, os Mordomos, os pelas Insígnias do Divino Espírito San- branca, onde as pessoas colocavam um
A sua organização está a car- Cabeças. A Banda Filarmónica to, os Mordomos, os Cabeças e muitos pão que era, posteriormente, depositado
go de dois Mordomos e sete CULTURA Lira Corvense e um grande nú- outros devotos, deslocavam-se em ro- na Casa do Espírito Santo, benzido e dis-
FERNANDO
Cabeças, escolhidos através de ANTÓNIO mero de fiéis completavam a maria para a Cruz do Rego D’Água, lo- tribuído pela população.
um sorteio efectuado entre os MENDONÇA Procissão, formando um imen- cal onde era escolhido o gado que, pos- Intimamente ligada à parte religiosa
PIMENTEL
homens adultos da ilha. Os FRAGA so mar de veneração, respeito e teriormente, havia de ser abatido, está a profana, que constitui momentos
Mordomos são os responsá- ESCRITOR adoração pela Terceira Pessoa cortado e vendido à população. de grande diversão e alegria. Segundo os
veis máximos por toda a orga- da Santíssima Trindade. No Sábado, logo pela manhã, de- relatos orais, a Festa sempre se realizou no
nização da Festa, os Cabeças colaboram A carne e o pão constituem desde sem- pois de ser benzida pelo sacerdote, largo do Outeiro. Nos seus primórdios
e auxiliam nas várias tarefas inerentes pre um dos momentos mais simbólicos, era distribuída pela população. consistia apenas na distribuição de pão
às festividades, de forma a que tudo apreciados e característicos das Festas. Todas estas cerimónias eram acompa- pelas famílias mais carenciadas e pelas
corra com o maior brio possível. No Domingo anterior ao da Festa, é feito nhadas pelas Insígnias do Divino Espírito crianças. Com o passar dos anos, o pão foi
No início, no dia da Festa eram ce- o «Rol da Carne», tradição que ainda se Santo, nomeadamente, a Coroa e as Ban- substituído pela massa sovada e pelas ros-
lebradas duas missas: a «Missa Pri- mantém. Os Mordomos, os Cabeças e al- deiras. Durante vários anos, a distribuição quilhas. A partir dos finais dos anos ses-
meira» e a «Missa Solene». guns fiéis, sempre acompanhados pela desta carne também era um dos momen- senta do século passado, começaram a
A chamada «Missa Primeira» era rea- Coroa, por algumas Bandeiras e pela tos de grande alegria e convívio, principal- surgir as arrematações, a Quermesse com
lizada logo ao amanhecer. Uma missa Banda Filarmónica Lira Corvense, per- mente entre as crianças e adolescentes. o bazar, onde eram vendidas as sortes que
sem festejos, destinada aos mais idosos, correm todas as habitações da vila para A carne, depois de benzida, era coloca- faziam as delícias das crianças. Ƈ

Diga Leitor
Que não veja nosso coração, mas sim, trans- ajuda a caminhar, nos devolve a procurarei estar alegre e feliz, ain- a reconstrução do mundo. E foram
formar este momento bem ne- alegria, o sentido da vida, com da que, por dentro, continue a muitas as coisas que ruíram pela
as aparências, gro, num momento de espe- um coração renovado repleto de pensar como será o futuro para base. Temos os pés de barro. Mas
rança. Amor e dor são caras da confiança e de esperança. Jesus todos nós. Estranho será não par- graças a Deus, há pessoas excelen-
mas o Coração mesma moeda. Que este tempo ama-nos sempre na alegria e na ticipar fisicamente nas cerimó- tes por esse mundo fora, e tantas
nos fortaleça na caminhada, não tristeza, transformando o mal nias comunitárias da Semana vezes tão perto de nós, com pure-
desistindo da bondade do Se- em bem, mas precisa da nossa Santa. Não nos reunirmos em fa- za e simplicidade de coração que
nhor, da Sua caridade, do Seu ajuda. Todos temos uma missão mília. Bem sei que somos acom- irão dar o seu valioso contributo,
Momentos difíceis, estes que amor. Também pedimos o dom a cumprir, para a qual fomos panhados pelo Santo Padre, que nesta já almejada reconstrução.
atravessamos. Forçosamente o da luz para entendermos as ra- criados. nos faz sentir particularmente A minha neta liga-me via Skype.
nosso coração chora perante a zões desta pandemia. Não po- Hoje levantei-me bem cedo. próximos e amparados, neste Há 3 semanas fechada em casa
nossa impotência em colocar demos perder a fé, deixar apa- Faz-me bem ouvir a missa em di- mundo sofredor. O dia primave- sem sair, como tantas outras crian-
termo a todo o sofrimento pro- gar a chama da nossa alma. A reto, às 6H00 transmitida da ril, indiferente ao sofrimento, ças, algo impaciente, mas confor-
vocado pela expansão da pan- vida não constitui uma peça Casa de Santa Marta, no Vatica- continua a desabrochar, qual rosa mada, exibe uns passos de dança,
demia Covid-19. Bem sei que se num qualquer jogo de xadrez, no. Fui depois à varanda. O dia com um cheiro perfumado in- recordando-me que não posso
tenta desesperadamente en- mas sim, um lugar onde procu- despontava. Que silêncio ensur- tenso, parecendo querer recordar sair de casa, que começa a Sema-
contrar uma solução através de ramos ser merecedores de um decedor a que nos habituámos que a vida continua ajustada aos na Santa. Quer vir a minha casa.
uma vacina. Que se tomam di- bilhete rumo à eternidade atra- nos últimos tempos, unicamen- novos tempos que requerem uma Graças a Deus, que as novas tec-
ferentes medidas preventivas vés do amor ao próximo e a Deus te quebrado pelo transitar de al- adaptação consentida interior- nologias têm o condão de nos aju-
e de resposta aos diferentes pro- sobre todas as coisas. E não po- gum carro. Ninguém da rua. Os mente em prol do bem comum, dar a quebrar algum isolamen-
blemas que vão surgindo. Mas demos forçosamente esconder aviões, que passavam com regu- ou seja, o confinamento em esta- to. Também a acompanhar em
não nos encontrávamos, de o nosso coração, numa qualquer laridade, também não se vislum- do de emergência. casa as cerimónias da Semana
todo, preparados para enfren- caixa, bem fechada à chave e es- bravam. Olhei em frente na dire- Os gestos e orações do Papa Santa diretamente do Vaticano
tar tão grande pandemia a nível condida, para não sentirmos e ção do café que costumava Francisco comovem-nos. Também ou do nosso país.
mundial bem como as suas con- não sofrermos com o que se pas- frequentar, onde às vezes ia mes- os gestos de solidariedade a dife- O futuro a Deus pertence!
sequências a diferentes níveis. sa diariamente à nossa volta. mo escrever. Agora encontra-se, rentes níveis surpreendem-nos Santa Maria, Estrela-do-mar
Acredito que junto de Cristo e Nestes momentos, se possível, como todos os outros fechado. Es- pela enorme generosidade e soli- na tempestade, daí saúde aos
de Sua Mãe, sairemos vencedo- torna-se importante ter ao nos- tranha é a vida. Choro interior- dariedade confortando os nossos corpos, esperança a quem a
res da Morte. Não podemos per- so lado uma pessoa em quem mente. Permitam-me este desa- corações. E teremos forçosamen- perdeu, conforto aos corações
der a fé nem deixar apagar o confiamos, que nos ampara e bafo. Logo, logo, sorrirei e te de dar as mãos, solidários, para atribulados! Ƈ MARIA HELENA PAES
Os textos enviados para publicação nas rubricas “Diga Leitor” e “Carta ao Diretor” devem indicar nome, morada e telefone. Não publicamos os artigos assinados com pseudónimos ou iniciais. O Açoriano Oriental reserva-se
ao direito de selecionar ou resumir por razões de espaço ou clareza. Rua Dr. Bruno Tavares Carreiro, 34/36 - 9500-055 Ponta Delgada - São Miguel - Açores. Email: acorianooriental@acorianooriental.pt

Coordenadores Editoriais: CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO: Chefe de Departamento Financeiro: Eusébio Simão Governo dos Açores
Luís Pedro Silva C.P.: 5155A; Paula Gouveia C.P.: 3785A Daniel Proença de Carvalho (Presidente) Diretor de Publicidade: António Filinto Esta publicação é apoiada pelo
Editores de fecho de Edição: Guilherme Pinheiro, Pedro Gonçalves de Melo, Departamento de Produção: Amândio Botelho (Chefe); PROMEDIA - Programa Regional
Ana Carvalho Melo, CP: 5068A; Ana Paula Fonseca C.P.: 1886; Paulo Rego e Afonso Camões (Administradores). Carlos Sousa (Designer); Eduardo Resendes (Fotografia). de Apoio à Comunicação Social Privada
Paulo Faustino C.P.: 7749; Rui Jorge Cabral C.P.: 4288A Matriculada na Conservatória do Registo Publicidade: Paulo Jorge (Chefe de Equipa de Vendas).
Editor de fecho de Desporto: Arthur Melo C.P.: 2401A; Comercial de Ponta Delgada
Coordenadora AOonline e Revista Açores: Capital Social € 500.000 - NIPC 512 042 640 Impressão: Coingra, Lda. Sede: Parque Industrial da Ribeira
Ana Carvalho Melo, CP: 5068A; Grande - Lote 33 9600-499 Ribeira Grande - S. Miguel - Açores.
Serviço de Apoio Editorial: Maria Cordeiro (Secretariado Sede do Editor | Sede da Redação: Distribuição: Notícias Direct e CTT Porte Pago
de Redação e Planeamento). Rua Dr. Bruno Tavares Carreiro, 34/36 Depósito Legal n.º 136635/99
9500-055 - Ponta Delgada, São Miguel - Açores Registo ERC n.º 106992 (Açoriano Oriental)
Telef.: 351 296 202 800 (geral) e n.º 219668 (Açormedia, S.A.) - ISSN 0874 - 8705
Diretor Editorial: Paulo Simões C.P.: 8136 ESTATUTO EDITORIAL: www.acorianooriental.pt/pagi- Fax: 351 296 202 825 Detentores com mais de 5% do Capital Social:
na/estatuto-editorial Email: Administração: acormedia@acorianooriental.pt Global Notícias-Media Group, S.A. (90%), António Lourenço de Melo (10%) Membro honorário Insígnia Medalha de Ouro
PROPRIEDADE: AÇORMEDIA, COMUNICAÇÃO MULTIMÉDIA Redação: acorianooriental@acorianooriental.pt Tiragem média diária abril de 2020: 4030 exemplares da Ordem do Infante Autonómica do Município
E EDIÇÃO DE PUBLICAÇÕES, S.A. Dom Henrique de Mérito Cívico de Ponta Delgada
16 Amnistia Internacional
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Dois minutos para


os direitos humanos
1. ESTADOS UNIDOS 2. HUNGRIA
DA AMÉRICA A pandemia de COVID-19 está a agravar o
problema da desigualdade de género no
O sistema policial necessita de reformas
mercado laboral, com as mulheres a so-
que garantam o respeito pelos direitos
frerem níveis ainda mais altos de insegu-
humanos em qualquer circunstância. Há
rança e discriminação. Mães obrigadas a
registo de violações de direitos humanos
abandonar os empregos para tratar dos
com uma frequência chocante, particu-
filhos, devido ao encerramento das es-
larmente contra minorias étnicas e ra-
colas, ou contratos rescindidos a grávi-
ciais e, especialmente, contra america-
das são algumas das situações regista-
nos negros. Entre as alterações pedidas
das. Geralmente, existe o receio de
está a limitação do uso da força letal,
retaliações, quando este tipo de casos é
que só deve ser utilizada como último
relatado a nível interno ou através de
recurso, de forma a evitar mortes como
vias legais externas.
a de George Floyd.

3. PORTUGAL 4. NIGÉRIA 5. ETIÓPIA


A Amnistia Internacional lançou uma cam- A Nigéria corre o risco de perder uma gera- Violações sexuais, execuções extrajudi-
panha de venda de máscaras comunitárias ção devido ao fracasso em proteger as ciais, detenções e prisões arbitrárias ou ca-
certificadas, com uma componente solidá- crianças que vivem no nordeste do país. A sas incendiadas são algumas das graves
ria de apoio a famílias sem possibilidades região tem sido devastada pelas atrocida- violações de direitos humanos cometidas
de adquirir estes dispositivos de proteção. des do Boko Haram, como ataques a esco- pelas forças de segurança da Etiópia, em
Por cada três máscaras compradas na loja las, recrutamento de crianças-soldado e resposta a ataques de grupos armados e
online, a organização conseguirá angariar casamentos forçados de meninas. Muitos episódios de violência com motivações
fundos para doar uma e continuar o seu menores que escapam dos territórios con- étnicas, em Amhara e Oromia. A Amnistia
trabalho pelos direitos humanos. Ana Rita trolados pelo grupo acabam em situação Internacional defende que as autoridades
Clara, Dino D’Santiago, Ivo Canelas e Susa- de deslocados ou são detidos arbitraria- devem parar imediatamente com estes
na Arrais estão entre as personalidades mente pelo exército, em condições que atos brutais e garantir que os responsáveis
que se juntaram à iniciativa. equivalem a tortura ou outros maus-tratos. enfrentam a justiça.
AÇORIANO ORIENTAL . SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Publicidade 17
18 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL

ARTE
A. SIMÕES FUNERÁRIA
desde 1998
* CAMPAS EM MÁRMORE / GRANITO
* JAZIGOS * IMAGENS
Grande variedade de modelos

Armazéns nos Valados - Seguimento da R. António de Medeiros e Almeida, Lotes 360 e 361
www.asimoesacores.com - 919 237 974 - 926 576 232
email: asimoesmp@sapo.pt
Tampos de cozinha Soleiras Lareiras
Escadarias Recuperadores de calor Salamandras
Desporto 19
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

ARQUIVO AO/JOSÉ SENA GOULÃO

“Muro social”, com


centena de fotos dos
familiares dos atletas,
adeptos, e sócios,
passou no início e
intervalo do jogo

olharem para a bancada virtual


e conseguirem ver e saber que
nós estamos ali apoiar, penso
que pode dar uma motivação
extra”, diz o terceirense a resi-
dir em São Miguel.
O futebol, diz, “é festa, é alegria,
amizade, família, convívio e isso
só se torna verdadeiramente es-
pecial ao vivo e não atrás de um
computador”, mas “foi bonito po-
der estar a ver em simultâneo di-
versos adeptos a sofrer, a feste-
jar... E principalmente no fim do
jogo com Braga, de estarmos to-
dos juntos a cantar”. Valquírio
Barcelos sublinha o facto da apli-
cação permitir que os adeptos co-
muniquem entre si como um
ponto positivo.
Já Frederico Lopes reconhe-
ce que, se ao vivo “o espetácu-
A saída de Marco Pereira aos pés de Wilson Eduardo, sob o olhar atento dos adeptos do Santa Clara (ao fundo) que seguiam o jogo por videochamada lo é maior e vive-se tudo à flor
da pele”, na bancada virtual há

Adeptos virtuais carregam


o conforto de casa, pois nalguns
estádios “às vezes estamos mais
expostos aos elementos e infe-
lizmente as condições ainda

equipa mesmo à distância


não são as melhores”.
Ambos os adeptos com quem
o Açoriano Oriental falou são
unânimes em aceitar a decisão
do Santa Clara em jogar em
Portugal Continental. Se Val-
Futebol. Foram vinte e festejaram em sua casa como se estivessem no estádio. A bancada quírio Barcelos elogia-a e ape-
virtual criada na Cidade do Futebol aproximou os adeptos açorianos do Santa Clara lida-a de “altruísmo” a postura
do clube, Frederico Lopes real-
NUNO MARTINS NEVES
ça a questão de saúde pública,
nunomneves@acorianooriental.pt Braga. E esta terça-feira, no em- Para Valquírio Barcelos, ha- “Obviamente que não é o sem esquecer as debilidades do
bate com o Portimonense, o ce- bitué nas bancadas do Estádio mesmo sentimento de estar a Estádio de São Miguel.
Como se faz para tornar um lo- nário vai repetir-se. de São Miguel, o ledwall insta- ver um jogo nas bancadas e dos “Se o nosso campo ainda não
cal mais parecido com o nosso “Eu quero acreditar que o lado pela FPF “nunca poderá jogadores não poderem sentir possui as devidas condições res-
lar? Para o Santa Clara, que des- nosso apoio teve influência no substituir os adeptos” ao vivo, e ouvir os cânticos ou as palmas ta-nos apenas aceitar. Contu-
de junho fez da Cidade do Fu- resultado”, diz Frederico Lopes, mas aplaude a ideia do Santa - que é, para mim, é a essência do, penso que o clube devia dar
tebol a sua “casa longe de casa”, um dos que acompanhou a par- Clara e da federação. do futebol - mas os jogadores prioridade à construção de um
passou por levar elementos de- tida da 25.ª jornada através da estádio próprio”.
DIREITOS RESERVADOS
corativos que aproximasse a aplicação Zoom. Para este mi- Certo é que o campo número
realidade da sede da Federação caelense a trabalhar na Irlan- 1 da Cidade do Futebol será o
Portuguesa de Futebol (FPF) da, a solução encontrada foi quartel-general dos encarna-
ao Estádio de São Miguel. Mas uma “bela cena”: a trabalhar dos de Ponta Delgada até ao fi-
em dia de jogo, a solução en- fora da Região, é quase sempre nal do campeonato e onde irá
contrada foi a que a pandemia à distância que acompanhe as realizar os últimos quatro jogos
por Covid-19 tornou vulgar: as incidências do clube de coração. que faltam na condição de visi-
videochamadas. “Foi importante estarmos tado. E também é certo que tan-
Através de um gigantesco com o clube mesmo à distân- to Frederico Lopes quanto Val-
ecrã LED de 98 metros de lar- cia. O Santa clara tem tido quírio Barcelos -e os restantes
gura e 3 de altura, os apoian- sempre o cuidado de mostrar adeptos - vão puxar pela gar-
tes do Santa Clara “fintaram” uma identidade açoriana e ganta e apoiar o seu clube, rumo
a distância e “deram um nó” aos não micaelense, fechada e à manutenção.
jogos à porta fechada. De 10 em bairrista. Foi bom podermos Além da bancada virtual, o
10 minutos, os 20 adeptos que retribuir, já para não falar que Santa Clara criou um “muro so-
quiseram assistir ao jogo e abrir para quem como eu está fora cial”, com uma centena de fotos
as portas da sua casa assistiram de casa esta é uma maneira de dos familiares dos atletas, adep-
à épica reviravolta dos açoria- vivermos e sentirmos a nossa tos, e sócios, que passou no iní-
nos na receção ao Sporting de Região”, explicou. Ecrã da bancada virtual tem 98 metros de largura por 3 de altura cio e intervalo do jogo. Ƈ
20 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Desporto 21

FC Porto defende liderança


que igualou pontualmente os
‘arsenalistas’, volta a jogar em
casa, na quinta-feira, perante
o Tondela, que, na retoma, ‘ar-

da I Liga no reduto
rancou’ uma igualdade sem go-
los na Luz e bateu o lanterna-
vermelha Aves por 2-0.
Para o embate face ao conjun-

do lanterna-vermelha Aves
to do espanhol Natxo González,
14.º colocado, com 29 pontos,
o Sporting não tem uma peça
importante no ataque, o argen-
tino Luciano Vietto, a contas
com uma luxação no ombro di-
Futebol. Jornada 27 começa hoje, com o Gil Vicente a viajar até ao Funchal, e termina reito, sofrida face aos pacenses.
sexta-feira, com dois dérbis minhotos: Guimarães - Moreirense e Famalicão - Braga Quando aos outros jogos, de
uma ronda que se volta a divi-
JOSE COELHO/POOL dir por cinco dias, as ‘hostilida-
des’ abrem na segunda-feira,
com a receção do Marítimo ao
Gil Vicente, duas equipas que
ainda não conseguiram vencer
desde o recomeço da prova.
Na terça-feira, e além da des-
locação do líder à Vila das
Aves, realiza-se, na Cidade do
Futebol, em Oeiras, o embate
entre o Santa Clara e o aflito
Portimonense, duas equipas
que não sabem o que é perder
desde a interrupção, devido à
pandemia de covid-19.
Para o dia seguinte, está mar-
cado novo teste à crise do Ben-
fica e igualmente a receção do
Paços de Ferreira ao Belenen-
ses SAD, que não perde há seis
encontros.
Na quinta-feira, o ‘rei’ dos em-
pates (12) na I Liga, o Vitória de
Setúbal, e que vem de uma série
de quatro igualdades, desloca-
se ao Bessa para medir forças
com o Boavista, antes da rece-
ção do Sporting ao Tondela.
A ronda encerra em Famali-
cão, numa sexta-feira em que
também acontece um dérbi mi-
nhoto, no Estádio D. Afonso
Depois do triunfo suado frente ao Marítimo, os azuis e brancos isolaram-se na liderança, beneficiando ainda do empate do Benfica em Portimão Henriques, entre Vitória e Mo-
LUSA
reirense, sétimo e nono, com 39
acorianooriental@acorianooriental.pt jogos sem ganhar. A última vi- do, após o 1-0 no reduto do Mo- malicão, quinto, que é a única e 33 pontos, respetivamente.
tória (2-1) aconteceu em 02 de reirense, e terão de fazê-lo com equipa que ganhou as duas
O FC Porto defende na terça- fevereiro, na Madeira. uma defesa remodelada, face ao partidas desde o regresso. Programa da 27.ª jornada:
feira a liderança da I Liga por- O treinador Sérgio Conceição castigo de André Almeida e às A formação de João Pedro Segunda-feira, 15 junho
tuguesa de futebol no reduto do não vai poder contar com o cas- lesões de Grimaldo, que só vol- Sousa tem sido a equipa sensa- Marítimo - Gil Vicente, 18:00
lanterna-vermelha Desportivo tigado Alex Telles, um jogador ta em 2020/21, e Jardel. ção do campeonato, que já lide- Terça-feira, 16 junho
das Aves, numa 27.ª ronda em que tem sido preponderante na Nos últimos quatro jogos no rou, e iguala os ‘arsenalistas’ em Santa Clara - Portimonense,
que, um dia depois, um Benfica equipa ‘azul e branca’, com oito campeonato, o ‘onze’ de Bruno caso de triunfo, sendo que, na 18:00 (Cidade do Futebol)
em ‘crise’ visita Vila do Conde. golos anotados e cinco assis- Lage, que venceu 18 dos pri- primeira volta, empatou 2-2 na Desportivo das Aves - FC Por-
De regresso aos triunfos na tências na I Liga. Marcano está meiros 19, empatou consecu- ‘pedreira’, pelo que ficaria com to, 20:15
última ronda (1-0 ao Maríti- fora até final da época. tivamente com Moreirense (1- vantagem no confronto direto. Quarta-feira, 17 junho
mo), depois de um empate, an- Os portistas até podem am- 1) e em Setúbal (1-1), mesmo Por seu lado, e após o triunfo Paços de Ferreira - Belenenses
tes da paragem devido à co- pliar a margem de dois pontos com dois penáltis a favor em pela margem mínima (1-0) face SAD, 18:00
vid-19 (1-1 com o Rio Ave), e de vantagem sobre o Benfica, cada jogo, e, pós retoma, com ao Paços de Ferreira, o Sporting, Rio Ave - Benfica, 20:15
uma derrota, depois (1-2 em Fa- segundo classificado, que se Tondela (0-0) e em Portimão Quinta-feira, 18 junho
malicão), os ‘dragões’ tentam, desloca ao reduto do Rio Ave, (2-2), onde chegou ao interva- Na terça-feira, Boavista - Vitória de Setúbal,
no mínimo, manter a distância depois de quatro empates con- lo a vencer por 2-0. 18:00
para os campeões. secutivos na prova e uma série Muitos pontos abaixo, na
Santa Clara pode dar Sporting - Tondela, 20:15
A tarefa não se afigura difícil, de 10 jogos em todas as provas luta pelo último lugar do pódio, um passo decisivo Sexta-feira, 19 junho
já que o FC Porto defronta o úl- só com um triunfo, o pior re- o Sporting de Braga, que per- para a manutenção, Vitória de Guimarães - Morei-
timo colocado, com 13 pontos, gisto desde 2007/08. deu os dois jogos pós retoma, caso vença rense, 18:00
a 12 da ‘salvação’, e que vem de Os ‘encarnados’ enfrentam defende na sexta-feira o ter- Famalicão - Sporting de Braga,
cinco derrotas seguidas e sete um sexto classificado moraliza- ceiro lugar no reduto do Fa- o Portimonense 20:15. Ƈ
22 Desporto AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

FPF

terminado antes de a federa-


ção voltar atrás”, sublinhou o
dirigente.
Bruno Mão de Ferro
Sustentando que existem “vá-
rias decisões administrativas
arbitrárias” a afetar emblemas
eleito presidente
de diversos escalões, o presi-
dente da Olhanense SAD con-
vidou “todos esses clubes afe-
do SC Angrense
tados a juntarem-se ao protesto
contra as ilegalidades que estão
a ser cometidas”. Futebol. Foi uma assembleia- rada, destacando o saldo
Segundo Luís Torres, à exce- geral concorrida aquela que na positivo que transita para a
ção do Praiense, cujos represen- sexta-feira, dia 12 de junho, ele- nova época. Os documentos fo-
tantes não podem viajar dos Aço- geu os novos órgãos sociais do ram aprovados, por unanimi-
res, estarão presentes dirigentes, Sport Clube Angrense para o dade, pelos sócios, refere a nota
jogadores e adeptos dos outros biénio 2020/2022. Cerca de do clube terceirense, enviado às
cinco emblemas, em número li- 400 associados dos encarnados redações.
mitado devido às normas para da Rua de São João elegeram Seguiu-se o ato eleitoral e na
evitar a propagação da covid-19. Bruno Mão de Ferro como novo primeira intervenção como pre-
De recordar que o clube da presidente da direção, que terá sidente eleito, Bruno Mão de
Praia da Vitória encontra-se a Avelino Luís Gonçalves e Mi- Ferro realçou como princípios
ser gerido por uma comissão guel Sousa à frente da Mesa da orientadores para os próximos
administrativa, depois de Assembleia Geral e do Conse- dois anos a “continuidade do
Ação de protesto vai decorrer às portas da Cidade do Futebol Marco Monteiro e mais dez lho Fiscal, respetivamente. trabalho desenvolvido na for-
elementos da sua direção te- Miguel Borba, que conduziu mação e a promoção de ações

Clubes do CdP rem apresentado a demissão


na última assembleia-geral do
emblema terceirense.
os destinos do clube enquanto
presidente da comissão admi-
nistrativa, apresentou o relató-
para que o SC Angrense possa
reforçar a sua posição de coleti-
vidade de referência no despor-

protestam na “Estamos a planear quantas


pessoas cada clube levará até à
Cidade do Futebol, sabendo que
rio e contas da última tempo- to açoriano”, lê-se na nota. Ƈ NMN
SC ANGRENSE

Cidade do Futebol vamos respeitar integralmente


todas as diretrizes de distan-
ciamento social e higienização.

antes do jogo Para mostrar o nosso desagra-


do, de forma simbólica, não são
precisas 10 mil pessoas”, referiu

do Santa Clara o líder da SAD algarvia.


Esta é “apenas mais uma
ação” na luta para reverter uma
situação que o dirigente da SAD
Futebol. Os seis clubes que estão contra do Olhanense considera “ilegal”,
estando por decidir o recurso
o fim antecipado do Campeonato que os clubes apresentaram no
de Portugal marcam nova ação de protesto Conselho de Justiça da FPF em
relação à decisão da direção em
LUSA
reunião de 14 de maio.
acorianooriental@acorianooriental.pt indicando para a promoção à Nessa data, a direção da fe- Bruno Mão de Ferro fez o seu primeiro discurso como dirigente
II Liga os líderes da Série A deração anulou a decisão de 02
Seis clubes do Campeonato de e B, respetivamente Vizela e de maio de promover Vizela e
Portugal que estão contra o fim Arouca, os dois clubes com Arouca, as duas equipas do Ukra quer Luís Soares
antecipado da prova marca- mais pontos à data da sus- Campeonato de Portugal com
ram um protesto para terça- pensão da prova, em março. mais pontos, ao segundo esca- continuar vence Regional
feira em frente à Cidade do Fu-
tebol, que prometem concluir
A data de terça-feira, 16 de ju-
nho, foi escolhida de forma sim-
lão, mas aprovou um adita-
mento regulamentar que lhe em São Miguel de xadrez online
antes da partida Santa Clara- bólica por Fafe, Lusitânia de permitiu, em consequência,
Portimonense, da I Liga. Lourosa, Praiense, Benfica e indicar a subida dos mesmos Futebol. O extremo Ukra de- Xadrez. Luís Soares foi o gran-
“O nosso protesto está mar- Castelo Branco, Olhanense e dois conjuntos. monstrou vontade de conti- de vencedor do Campeonato Re-
cado para as 17:00 [hora de Lis- Real SC, para demonstrar que “A própria federação, ao anu- nuar no Santa Clara na próxi- gional Individual de Rápidas
boa] e será efetuado em frente “era possível” efetuar os jogos lar as decisões de 02 de maio, ma temporada, afirmando que On-line (CRIRO), e não José
à sede da Federação Portugue- do ‘play-off ’ do Campeonato de reconheceu que estava a co- se sente bem nos Açores. Guerra, como erroneamente foi
sa de Futebol [FPF], do lado Portugal. meter uma ilegalidade”, frisou Em entrevista ao Canal 11, o titulado na primeira página da
contrário ao campo. E termi- “Era uma das datas que es- Luís Torres. Ƈ avançado de 32 anos mostrou edição de domingo do jornal
nará antes do jogo arrancar tava prevista pela FPF para a estar rendido aos encantos do Açoriano Oriental. Luís Soares,
[18:00, hora dos Açores]. Não realização dos encontros de arquipélago. “Estou feliz e sin- atleta do Núcleo Sportinguista
haverá qualquer coincidência ‘play-off ’ de subida à II Liga Fafe, Lusitânia de to-me muito bem. Estou sem- de São Miguel, conquistou 12,5
de horários entre o protesto e o com os oito clubes que ocu- pre a dizer aos meus amigos pontos, em 14 possíveis, ficando
jogo”, disse à agência Lusa o pavam os dois primeiros lu-
Lourosa, Praiense, para virem conhecer os Açores à frente de José Guerra, do Clu-
presidente da Olhanense SAD, gares de cada série. O facto de Benfica de Castelo porque vale a pena. Tenho mais be Operário Desportivo, segun-
Luís Torres. haver um jogo na Cidade do Branco, Olhanense e um ano de contrato e é aqui que do classificado. Aos visados e à
A FPF decidiu, em maio, Futebol nesse dia mostra que Real são os clubes que quero ficar”. Em duas épocas, Associação de Xadrez da Região
concluir de forma antecipada era possível realizar os nossos Ukra já fez 44 jogos pelo Santa Autónoma dos Açores as nossas
o Campeonato de Portugal, encontros, como estava de- vão estar em protestar Clara, marcando um golo. Ƈ NMN desculpas pelo lapso. Ƈ NMN
Informações úteis 23
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Transportes Farmácias Bilheteiras Sorte


COLISEU MICAELENSE TOTOLOTO LOTARIA CLÁSSICA
MOVIMENTO MARÍTIMO PONTA DELGADA 3.ª a 6ª das 13h00 às 19h00 Sorteio de 08 de junho (semana 23)
Sorteio de 10 de junho (sorteio 48)
VIEIRA E BOTELHO Sábado das 14h00 às 19h00
Terça a sábado das 14h00 às 19h00 16 26 35 40 45 + 12 1ºPrémio 59804 €1.200.000,00
MUTUALISTA Rua de S.João
Nos dias de espectáculo das 13h00 2ºPrémio 17448 €120.000,00
CORVO - Em Lisboa Telefone: 296 282037
às 22h00 - Telefone: 296 209 502 3ºPrémio 43247 €60.000,00
FURNAS - Em Lisboa RIBEIRA GRANDE EUROMILHÕES
TRANSINSULAR TEATRO MICAELENSE
CENTRAL Sorteio de 12 de junho (sorteio 47)
MONTE BRASIL - Em viagem de Lis- Terça a sábado das 14h00 às 19h00
Rua de São Francisco Nos dias de espectáculo das 16h30 LOTARIA POPULAR
boa para Ponta Delgada, chegando hoje NÚMEROS: 2 24 39 45 46
Telefone: 296 473135 às 21h30 - Telefone: 296 308 350 Sorteio de 11 de junho (semana 24)
MONTE DA GUIA - Em viagem de ESTRELAS: 4 8 1ºPrémio 78120 50.000,00
VILA DO PORTO TEATRO RIBEIRAGRANDENSE
Ponta Delgada para Lisboa e Leixões, ABÍLIO BOTELHO Seg. a sex. - 09h00 às 17h00, 2ºPrémio 68520 6.000,00
M1LHÃO
chegando hoje Rua Teófilo Braga ininterruptamente 3ºPrémio 12705 3.000,00
Sorteio de 12 de junho (sorteio 24)
MALENA – Em Ponta Delgada Telefone: 296 882236 Telefone: 296 470 340/296 474 100 4ºPrémio 10706 1.500,00
SÃO JORGE - Em Ponta Delgada NÚMEROS: TQB 30112
Série Premiada: 1.ª
GSLINES
INSULAR - Em viagem de Ponta Del- Telefones úteis
gada para Lisboa, chegando amanhã Museus
LAURA S - Em Ponta Delgada, lar-
gando para Horta
296 205 500 296 629 757 MUSEU CARLOS MACHADO MUNICIPAL NORDESTE
PSP Serviço (DE 1 DE OUTURO A 31 DE MARÇO) De 2.ª a 6.ª feira das
PARECE MACHADO Ponta Delgada S.O.S. Mulher Terça a domingo, das 09h30 às 17h00 08h30 às 12h30 e das 13h30 às 16h30
Sem interrupção para almoço.
BAÍA DOS ANJOS - Em Ponta Delgada
Inclui feriados. Encerra às segundas. MUSEU DO TRIGO
296 306 580 296 285 399 DA POVOAÇÃO
MOVIMENTO AÉREO GNR APAV PÓLO MUSEOLÓGICO DO De 3ª a sexta das 09h00 às 17h00
Ponta Delgada Ponta Delgada COLISEU MICAELENSE sábado, domingo e feriados
SATA AIR AZORES Visita sujeita a marcação das 11h00 às 16h00
Aeroporto de Ponta Delgada prévia - 296209505
PARTIDAS: Às 07h05 para Santa 296 301 301 808 246 024 NÚCLEO MUSEOLÓGICO
Maria; 07h15 para Terceira; 09h00 Bombeiros Linha MUSEU HEBRAICO SAHAR HAS- DO PRESÉPIO
para Horta; Ponta Delgada Saúde Açores SAMAIM DE PONTA DELGADA - De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 13h30
CHEGADAS: De Santa Maria 08h25; PORTAS DO CÉU (SINAGOGA) 14h30 às 18h00
Segunda a Sexta, das 13h00 às 16h30 Sábado e domingo: Encerrado
da Terceira às 12h15, 17h15, 19h20
296 203 000 296 249 220 MUNICIPAL DA NÚCLEO ETNOGRÁFICO
Aeroporto da Terceira Hospital Centro de Saúde RIBEIRA GRANDE DO CABOUCO
PARTIDAS: Às 08h25 para São Jor- Ponta Delgada de Ponta Delgada Segunda a sexta das 09h00 às 17h00
De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 13h30
ge; às 10h20 para Corvo; às 12h15, MUSEU VIVO 14h30 às 18h00
17h15, 20h00 para Ponta Delgada; às Sábado e domingo: Encerrado
10h20 para Graciosa; às 15h10 para
296 281 777 296 205 246 DO FRANCISCANISMO
Segunda a sexta das 09h00 às 17h00
Pico; às 17h10 para Horta Marinha - Salvamento Polícia Marítima MERCEARIA CENTRAL
CHEGADAS: Às 07h55 de Ponta Ponta Delgada Ponta Delgada CASA DO ARCANO CASA TRADICIONAL
RIBEIRA GRANDE De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 13h30 e
Delgada; às 09h50 de S.Jorge; às Segunda a sexta das 09h00 às 17h00 das 14h30 ás 18h00
11h45 da Graciosa; às 16h45 do Pico
Missas Santa Clara 3ª a 6ª às 18.00; sábado Sábado e domingo: Encerrado
MUSEU DA EMIGRAÇÃO
Aeroporto da Horta 18.00; domingo 12.30; Clínica do Bom AÇORIANA
PONTA DELGADA Jesus sábado às 17h00, Domingo às Segunda a sexta das 09h00 às 17h00 MUSEU MILITAR DOS AÇORES
PARTIDAS: Às 10h30 para Flores; Sábado das 10h00/13h00 e das De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 18h00
às 13h35 para Ponta Delgada; às Matriz de 2ª a 6ª 12h30, 18h30; sábado 09h00; Saúde - Arrifes sábado 18h00;
12h30; domingo 10h00, 12h00, 17h00; domingo 08h00, 12h00; Capela de São 14h00/17h00 sábado e domingo das 10h00 às 13h30
18h45 para Terceira e das 14h00 às 18h00
Santuário do Santo Cristo 2ª a 6ª João de Deus -Fajã de Baixo sábado
CHEGADAS: De Ponta Delgada às CENTRO DE ARTES Encerrado aos Feriados
08h00; domingo 08h00, 12h00; S. Pe- 17h30; domingo 10h30; Nossa Senhora CONTEMPORÂNEAS
10h00, 14h25; da Terceira às 17h45; dro 2ª a 6ª 19h00; sábado 19h00; domin- da Oliveira - Fajã de Cima Terça a sexta
do Corvo às 13h05 De terça a domingo das 10h00 às NÚCLEOS MUSEOLÓGICOS
go 10h00, 11h00, 12h15, 19.00; Imacula- às 09h30; sábado 19h30; domingo 18h00 RIBEIRA CHÃ
do Coração de Maria 2ª a 6ª 18h00; 11h00; Nossa Senhora dos Anjos - Fajã
SATA INTERNACIONAL PDL - CASA DOS VULCÕES Visita Guiada: 2ª a 6ª das
sábado 17h30; domingo 10h00; S. José de Baixo 2.ªs a 6.ªs 19.00; sábado 18.30;
AZORES AIRLINES Atalhada, Rosário, 9560 Lagoa 09h00 às 12h00 e das 14h00 às 17h00
2ª a 6ª 18h30; sábado 18h00; domingo domingo 09h00, 11h30, 18h30; Hospital
11h00, 18h00; Nª Srª de Fátima Lagedo Domingo 10h30; Nossa Senhora das COLEÇÃO VISITÁVEL
Aeroporto de Ponta Delgada MUSEU DO TABACO A MAIA
2ª , 4.ª e 6.ª às 19h00, sábado às 21h00; Mercês - Bairros Novos 4ª feira 19h00; DA MATRIZ DE LAGOA
De segunda a sexta feira
PARTIDAS: Às 08h40, 15h55 para domingo às 12h00; Capela da Casa de sábado 16h00; domingo às 11h00; Nª Srª
das 09h00 às 17h00; De 3ª a 6ª feira das 10h00 às 13h30
Lisboa; às 09h05 para Funchal Saúde de Nossa Senhora da Concei- das Neves - Relva sábado 19h00; do- 14h30 às 18h00.
sábado às 12h00 e das 12h30 às 17h00
CHEGADAS: Às 07h45, 17h55 de ção 3.ª e 6.ª às 17h30; domingo 10h30; mingo 12.00 Sábado: 10h00 às 13h30
Lisboa; às 13h55 do Funchal MUNICIPAL VILA FRANCA
DO CAMPO CENTRO CULTURAL DA CALOURA
Bibliotecas De 3ª a 6ª feira das 09h00 às 12h30 De 2.ª feira a sábado
das 10h30 às 12h30 e das 13h30
e das 14h00 às 17h00; sábado
PÚBLICA E ARQUIVO DE P. DELGADA MUNICIPAL DE VILA FRANCA e domingo das 14h00 às 17h00 às 17h30
De 2ª a 6ª feira das 09h00 às 19h00 De 2ª a 6ª feira das 08h30 às 16h30
MUNICIPAL DE PONTA DELGADA MUNICIPAL DA POVOAÇÃO
De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 18h00 De 2ª a 6ª feira das 09h00 às 17h00
ARQUIVO MUN. DE PONTA DELGADA CENTRO DE MONITORIZAÇÃO
De 2ª a 6ª feira das 08h45 às 12h30 E INVESTIGAÇÃO DAS FURNAS
e das 13h45 às 16h15 16 de setembro a 14 de junho: De 3ª a do-
CENTRO MUNICIPAL DE CULTURA mingo das 09h30 às 16h30 e das 13h30 às
2.ª feira das 09h00 às 17h00; 17h00; 15 de junho a 15 setembro: De se-
de 3.ª a 6.ª feira das 09h00 às 19h00 gunda a domingo das 10h00 às 18h00
e sábado MORADA DA ESCRITA CASA
das 10h00 às 17h00 ARMANDO CÔRTES RODRIGUES
MUNICIPAL DA RIBEIRA GRANDE Horário: das 14h00 às 17h00 (terça, quar-
De 2ª a 6ª feira das 09h00 às 17h00 ta, sexta e sábado). E ncerrada:
ARQUIVO MUNICIPAL domingo, segunda e quinta
DE RIBEIRA GRANDE MUNICIPAL TOMAZ BORBA VIEIRA
De 2ª a 6ª feira das 09h00 às 17h00 De 2ª a 6ª feira das 10h00 às 13h30
MUNICIPAL DANIEL DE SÁ - R. GRANDE e das 14h30 às 18h00
De 2ª a 6ª feira das 09h00 às 17h00 sábado e domingo: encerrado
24 Passatempos
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

Grau de dificuldade fácil Grau de dificuldade médio


Sudoku Sudoku
1111197
Infantil
1111167
Completar
a grelha de
Completar
forma a que
a grelha de
cada linha, cada
forma a que
coluna e cada
cada linha, cada
uma das caixas
coluna e cada
3x3 contenham
uma das caixas
todos os
3x3 contenham
números de 1 a 9.
todos os
números de 1 a 6.

KRAZYDAD.COM

Palavras cruzadas Pintar Soluções


HORIZONTAIS: 1. Unidade do sistema C.G.S. VERTICAIS: 1. Machadinha. Estrume de plan- SUDOKUS 1111140
de medida de luminância. Carvalho. 2. Ave tas marinhas, usado no adubo das vinhas. 2.
pernalta corredora que se assemelha à aves- Tempo Médio de Greenwich. Pessoa ou coisa
truz. Trabalho penoso. Rio da Suíça. 3. Curso de género feminino de que se fala. Órgão ex-
Geral. Mamífero herbívoro (perissodáctilo) do cretor que tem a função de formação da urina.
Sudoeste africano que se desloca geralmente 3. Dirigia-se. Amerício (s.q.). Breve. 4. Inflama-
em grandes manadas. Acento tónico. 4. Que ção da bochecha. 5. Excluí. Nome da letra M.
tem anis. 5. Move os remos. Gesto com a mão, Contr. dos pron. me e a. 6. Figura musical equi-
com os olhos ou com a cabeça. 6. Artigo anti- valente a metade da semicolcheia. Perante. 7.
go. A ti. Parte mais larga da enxada. Computa- Batráquio anfíbio aquático, anuro, da família
dor Pessoal (sigla). 7. Em grau mais elevado, dos ranídeos. Automóvel Clube de Portugal.
no alto. Suster-se e deslocar-se no ar. 8. Pes- Considerado. 8. Que se pode conceber. 9. Tou-
soa que usa bens ou serviços públicos. 9. cinho magro, fumado ou não. Aqueles. A mim.
Nome da letra R. Sinal gráfico que serve para 10. Latitude (abrev.). Espécie de capa sem man-
nasalar a vogal a que se sobrepõe. Lantânio gas, que é usada em actos solenes pelos mem-
(s.q.). 10. Unidade binária de quantidade de in- bros de irmandades e confrarias religiosas.
formação. Medicina (abrev.). Matemática Canção. 11. Entre os Gregos, na mitologia, era o
(abrev.). 11. Terra que se amontoa em volta das filho de Vénus e deus do Amor. Habitante ou
árvores. Detesta. natural da Croácia.

SUDOKUS 1111111

Os, Me. 10. Lat, Opa, Lai. 11. Eros, Croata.


Fusa, Ante. 7. Rã, ACP, Tido. 8. Ideável. 9. Bacon,
3. Ia, Am, Curto. 4. Gnatite. 5. Bani, Eme, Ma. 6.
VERTICAIS: 1. Secure, Seba. 2. TMG, Ela, Rim.
Erre, Til, La. 10. Bit, Med, Mat. 11. Amota, Odeia.
6. El, Te, Pá, PC. 7. Acima, Voar. 8. Utentes. 9.
Aar. 3. CG, Gnu, Icto. 4. Anisado. 5. Rema, Aceno.
HORIZONTAIS: . 1. Stilb, Roble. 2. Ema, Afã,
PALAVRAS CRUZADAS:

Horóscopo
Carneiro 21/03 a 20/04 Caranguejo 21/06 a 22/07 Balança 23/09 a 23/10 Capricórnio 21/12 a 19/01
Mostre os seus sentimentos Hoje poderá sentir-se nostál- Evite conflitos. Se quer evi- Desfrutará de momentos
sem receios. O amor é para ser vivido gico e triste. Telefone a um amigo tá-la, acalme-se. Sente o estômago muito românticos. Tendência para
intensamente. Se anda com dores para distrair-se. Proteja os olhos co- frágil? Experimente sumo de melão dores de estômago. Tome chá de
nos ossos experimente tomar um mendo cenouras. Uma dieta rica em ou de maçã, que ajudam a deixá-lo hortelã. Sempre que possa, ponha
suplemento de cálcio. vitaminas faz milagres por si! mais resistente. algum dinheiro de parte.
Touro 21/04 a 20/05 Leão 23/07 a 22/08 Escorpião 24/10 a 21/11 Aquário 20/01 a 19/02
Deixe as preocupações de Vai passar momentos bastan- É importante que esteja pre- Alguém pode ser cruel consi-
lado e dê mais atenção à família. Cui- te agradáveis junto da pessoa amada. sente nos encontros de família. Po- go. Proteja-se. Dias melhores virão.
dado com os excessos alimentares. Evite abusar dos doces. Previna a dia- dem estar a sentir a sua falta. Para É o momento ideal para iniciar um
POR MARIA HELENA MARTINS Pode ter uma crise de fígado. Prote- betes. Bom período para fazer uma recuperar o apetite inclua manjeri- regime alimentar. Coma mais fruta
TARÓLOGA ja-se de promessas falsas. aplicação financeira. cão na dieta. e legumes.
TEL. 210 929 000
SITE: www.mariahelena.pt Gémeos 21/05 a 20/06 Virgem 23/08 a 22/09 Sagitário 22/11 a 20/12 Peixes 20/02 a 20/03
EMAIL: mariahelena@mariahelena.pt Reveja as suas convicções e Andará mais carente. Seja Pense nos sentimentos da Se conhecer alguém novo,
BLOG: http://concultoriodeastrolo-
gia.blogs.sapo.pt
evite o colapso da sua vida senti- sincero com a pessoa amada. É pessoa amada. Evite atitudes egoís- tenha o cuidado de não avançar sem
Facebook: http://www.facebook.com/ mental. Para tratar a retenção de lí- aconselhável que faça exames de ro- tas. Lute contra os pensamentos ne- certezas. Para levantar a auto-esti-
MariaHelenaMartinsMHM quidos tome chá de freixo. Esforce- tina. Mais vale prevenir do que reme- gativos. Zele pelo seu bem-estar. ma faça exercício físico. Evite con-
se para fazer um pé-de-meia. diar! Seja mais cauteloso. fiar demasiado em certas pessoas.
AÇORIANO ORIENTAL . SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 Publicidade 25
26 Publicidade SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020 . AÇORIANO ORIENTAL
Meteo&Tv 27
AÇORIANO ORIENTAL
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

PUB

Q. Minguante Lua Nova Q. Crescente Lua Cheia


13/07 23/06 01/07 05/07 Sol
Nascer do Sol Pôr do Sol
às 06h20 às 21h06

Humidade prevista Índice UVA Marés


para hoje amanhã Efetivo de ontem 8 Hoje Baixa-mar às 04h22 e 16h37 Amanhã Baixa-mar às 05h11 e 17h28
73% 76 % Previsto para hoje 6 Preia-mar às 10h36 e 22h48 Preia-mar às 11h25 e 23h35

Grupo Ocidental Grupo Central Grupo Oriental


16/19 15/20 14/21
18 18 19

Céu geralmente muito nublado. Períodos de céu muito nublado com Períodos de céu muito nublado, com
Períodos de chuva e aguaceiros. abertas. boas abertas a partir da manhã.
Vento nordeste fresco a muito Períodos de chuva e aguaceiros por ve- Períodos de chuva e aguaceiros por
fresco (30/50 km/h) com rajadas zes FORTE. Possibilidade de trovoadas. vezes FORTE na madrugada e ma-
nhã. Possibilidade de trovoadas.
até 65 km/h. Vento do quadrante leste moderado a
Vento do quadrante sul moderado a
Mar cavado a grosso. fresco (20/40 km/h) por vezes fresco (20/40 km/h) com rajadas até 65
Ondas nordeste 2 a 3 metros. muito fresco (40/50 km/h) com raja- km/h, tornando-se fraco (05/10 km/h).
das até 75 km/h. Mar cavado, tornando-se encrespado.
INFORMAÇÃO DO IMPA Mar cavado. Ondas do quadrante sul de 1 a 2 metros.
Ondas nordeste de 2 a 3 metros.
Frente Frente Frente Frente Isóbaras Alta Baixa
Fria Quente Oclusa Estacionária Pressão Pressão

PUB PUB

99.4
08.30 Português - 1.º e 2.º anos 05.30 Bom Dia Portugal 06.00 Zig Zag 05.00 Edição da Manhã 06.00 Notícias
09.00 Hora da Leitura - 09.00 Praça da Alegria 12.00 Os Daltons 08.00 Alô Portugal 07.00 Diário da Manhã 07.00 Noticiario Nacional
1.º e 2.º anos 12.00 Jornal da Tarde 12.40 Chovem Almôndegas 09.00 O Programa da Cristina 09.14 Você na TV! 07.30 Sintese de Noticias
09.30 Português - 3.º e 4.º anos 13.30 À Roda da Alimentação 12.55 Folha de Sala 12.00 Primeiro Jornal 12.00 Jornal da Uma Nacionais
10.00 Matemática - 3.º e 4.º anos Conheça os hábitos ali- 13.00 Sociedade Civil 13.15 Linha Aberta 13.45 Destinos Cruzados 07.40 Revista de Imprensa
10.42 Zig Zag mentares dos portugueses 14.00 A Fé dos Homens 14.15 Amor Maior 15.15 A Tarde é Sua Regional, Nacional
10.56 As Aventuras do Xavier e perceba as principais 14.30 E2 - Escola Superior 15.00 Júlia 17.22 Ver P’ra Crer e Internacional
11.00 Aprender em Casa preocupações necessárias. de Comunicação Social Júlia Pinheiro vai revelar 18.00 Big Brother - Diário 07.48 Meteorologia
13.00 Jornal da Tarde - Açores 13.45 Mesa Portuguesa... 15.00 Quando os Marsupiais histórias de vida extraordi- 18.57 Jornal das 8 08.00 Noticiário Regional
13.20 RTP3 / RTP Açores Com Estrelas Voam: As Florestas de nárias que tocam, inspiram 20.45 Quer o Destino 08.20 Negocios e Empresas
16.00 Noticias do Atlântico- Com Certeza! Eucaliptos e prometem instalar-se na Vitória fecha a mala de via- 08.30 Sintese de Noticias
Açores 14.15 A Nossa Tarde da Austrália memória dos portugueses. gem, tenta ligar a Maria, Nacionais
16.30 70x7 Emoções transparecem a 16.00 Espaço Zig Zag Chegou a altura de dar voz mas ela não atende, e sen- 08.35 A Opinião de Pedro Tadeu
17.00 Açores Hoje partir de histórias de vida 19.40 Conta um Conto a testemunhos inéditos, te-se mais abandonada que 09.00 Noticiário Regional
17.47 A Conversa dos Outros de pessoas que se superam 19.50 Crias com rosto... e nome próprio nunca. Ana percebe que 10.00 Noticiario Nacional
18.17 Rumos perante adversidades 19.55 Banda Zig Zag 17.00 Amor à Vida Lucas não está entusias- 11.00 Noticiario Nacional
18.50 Os Nossos Dias 16.30 Portugal em Direto 20.00 The Athena Telenovela mado com o casamento, 12.00 Noticiario Nacional
19.33 Voz do Cidadão 18.00 O Preço Certo 20.30 Jornal 2 18.10 Quem Quer Namorar ele confirma, mas vai man- 12.25 Negocios em Português
19.50 Em Busca do Museu 18.59 Telejornal 21.06 Folha de Sala com o Agricultor? ter o casamento. Maria fica 12.30 Noticiario Regional
Desconhecido 20.00 Joker 21.12 A Diplomata 18.57 Jornal da Noite triste por Vitória ter arran- 13.15 Governo Sombra
20.00 Telejornal Açores 21.00 Prós e Contras 22.15 Visita Guiada Informação atualizada jado desculpas para não a 14.00 Noticiario Nacional
20.43 As Rotas da Escravatura Prós e Contras é um pro- 22.40 Sono de Inverno 20.50 Nazaré ajudar com a herança, Vitó- 16.20 Bolsa/Reuters
21.37 Portugal Extraordinário grama televisivo de debate Aydin, um ex-ator, opera 21.30 Terra Brava ria pede desculpa e pede à 16.30 Sintese de Noticias
22.01 Atlântida Madeira 2020 que passa na RTP1. Tem um pequeno hotel em Ana- Telenovela irmã para ir ter consigo. Nacionais
23.33 Palcos Agora quase 2 horas de duração, e tolia, uma região da Capa- 22.15 Quem Quer Namorar Maria indica que ao menos 16.45 Negocios e Empresas
00.00 Noticias do Atlântico- serve para debater os te- dócia, com sua jovem espo- Com o Agricultor? ali tem comida e roupa la- 18.00 Noticiario Nacional
Açores mas mais importantes da sa Nihal... 22.25 Amor de Mãe vada e despedem-se.
00.30 Rumos actualidade de Portugal 23.15 Ben Harper em Concerto 23.20 Passadeira Vermelha 21.30 Espírito Indomável
01.02 Açores Hoje 22.45 Grandes Invenções 23.45 As Grandes Mentiras 00.35 Quem Quer Namorar 22.37 Big Brother - Extra
01.50 Volta ao Mundo 23.00 E a Noite a Cair da História Com o Agricultor? 23.37 Big Brother
PUB PUB PUB
PUB
SEGUNDA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2020

www.acorianooriental.pt
Email: acorianooriental@acorianooriental.pt | Telefone: + 351 296 202 800 | FAX: + 351 296 202 826
PUB

PUB DIREITOS RESERVADOS

Desconfinações

LANA-CAPRINA
JOÃO BRUTO
DA COSTA
DEPUTADO NA
ALRAA PELO PSD/A

Com a crise sanitária da CO-


VID-19 veio a crise económica e
com ela a crise social que já não
era de menosprezar nos Açores.
Para que as consequências
na economia e no aumento da
pobreza não fossem mais se-
veras, era essencial adotar
medidas extraordinárias de
apoio e mitigação dos efeitos
da paragem forçada a que fo-
mos obrigados.
Nessa medida, não podia a
política deixar de fazer o seu tra-
balho, também ele mais exigen-
VILA FRANCA DO CAMPO te e com empenho redobrado de
Nem as recomendações de distanciamento social impede o estacionamento em cima do passeio atenção aos problemas surgidos
Acusação de e aos que se agravaram.
Vê-se por aí quem, do lado
abuso sexual instalado e conformado, prefe-

na ilha Terceira Açores completam quatro dias risse que as oposições não con-
tribuíssem, não alertassem e

O Ministério Público deduziu


sem casos positivos de Covid-19 não redobrassem esforços para
que as insuficiências não fos-
uma acusação pública para jul- sem graves e para que não fi-
gamento, em Tribunal Coleti- Os Açores completaram ontem O Conselho do Governo dos boratórios que fazem esse tes- casse tudo na dependência do
vo, contra um arguido suspeito quatro dias sem casos positivos Açores decidiu, entretanto, te nessas duas ilhas”, declarou o poder, ou de mão estendida.
da prática do crime de abuso se- da covid-19, tendo sido realiza- manter a exigência de teste à secretário regional adjunto da Este é um tempo em que
xual de crianças, e por crime de das 367 análises, nas últimas 24 covid-19 à chegada ao arqui- Presidência para os Assuntos não nos podemos dar por
fotografias ilícitas. horas, nos dois laboratórios de pélago, até 01 de julho, mas nas Parlamentares, Berto Messias. vencidos nesta luta desi-
“O arguido está sujeito a referência da região, anunciou ilhas de São Miguel e Tercei- Desde 17 de maio que os Açores gual. Mesmo fora dos habi-
medidas de coação de termo hoje a Autoridade Regional de ra e o resultado passará a ser deixaram de exigir o cumpri- tuais palcos da política im-
de identidade e residência e Saúde. De acordo com o comu- conhecido em 12 horas. mento de quarentena obrigató- põe-se não cruzar os braços
de proibição de contactos, por nicado, a região “não apresen- “O tempo que medeia o mo- ria à chegada à região, sendo a e lutar pelos direitos das
qualquer meio, com a criança ta neste momento qualquer mento de recolha de amostras e medida substituída pela reali- nossas gentes. Os que prefe-
e família desta”, revelou uma caso positivo ativo de infeção a obtenção do resultado do tes- zação de testes à covid-19, caso riam que a pandemia fizesse
nota divulgada pela Procura- pelo novo coronavírus SARS- te é, no caso das ilhas de São Mi- os passageiros não tivessem rea- esquecer velhas promessas
doria do Ministério Público CoV-2, sendo que até à data fo- guel e Terceira, de cerca de 12 lizado um teste nas 72 horas an- por cumprir talvez devam
dos Açores Ƈ LPS ram detetados 147 casos”. horas, uma vez que existem la- teriores ao embarque. Ƈ LUSA desconfinar-se do poder. Ƈ
PUB PUB

Você também pode gostar