Você está na página 1de 102

Treinamento

InteliGen-NT
Módulo para paralelismo com rede
e entre grupos-geradores
1. Site ComAp
• Visão Geral

Informações sobre produtos Downloads Nome de usuário Senha Cadastro


1. Site ComAp
• Manuais

• Application Guide (Guia de aplicações)


Visão geral do controlador e várias aplicações.
• Reference Guide
Manual de cada aplicação realizada pelo controlador.
• SPTM (Single Parallel to Mains application)
• MINT (Multiple application with Internal control loops)
• SPI (Single Parallel Island application)
• COMBI (Combinations SPI, SPTM and MINT)
• COX (Cooperation with External Supervisory Control System)
• Installation Guide (Guia de instalação)
Descreve a instalação física de um controlador, incluindo acessórios e módulos de extensão.
• Communication Guide (Guia de comunicações)
Descreve as interfaces de comunicação e os módulos de comunicação.
• Troubleshooting Guide (Guia de soluções)
Descreve problemas típicos durante a instalação.
• Operation Guide (Guia de operações)
Descreve a operação da IHM do controlador.
Modo OFF / MAN / AUT / TEST
2. Softwares
• InteliMonitor
Exportar dados para Excel: Monitor => Export Data => Escolher tipo de dado (Setpoint, History ou Values) => Save
2. Softwares
• GenConfig
3. IG-NT
• IHM
Falha da rede Tensão da rede presente

Botão de partida do gerador

Botão de parada do gerador

Botão de reset de falha

Botão de reset de alarme sonoro


Falha do gerador
Tensão do gerador presente
Botão para abrir/fechar
disjuntor do gerador

Botão para abrir/fechar


disjuntor da rede

Basic Settings: Local buttons Status do disjuntor da rede Status do disjuntor do gerador
• Ativa botões da IHM, externos ou ambos.
Basic Settings: DspBackLightTO Ajuste do contraste
• Tempo para desligar backlight.
Basic Settings: DispBklStrtOff
• Desliga backlight durante partida.
BI: Access Lock
4. Aplicação SPTM
• Parâmetros básicos

Vff=1,73.Vfn
P=1,73.Vff.In (kVA)
P=1,73.Vff.In.cos(fi) (kW)

Basic Settings: Gear Teeth


• Gear Teeth = 0 - leitura de RPM pela frequência da
tensão gerada.
4. Aplicação SPTM
• Medição de tensão e corrente

TENSÃO TENSÃO
04 fios do gerador e 04 fios do gerador e
04 fios da rede ou do barramento 03 fios da rede ou do barramento

TENSÃO CORRENTE
03 fios do gerador e • Use cabo de 2,5mm2
03 fios da rede ou do barramento • Use transformadores de 5A
4. Aplicação SPTM
• Entradas e saídas binárias

12 Saídas binárias que


enviam sinal negativo
quando estão em nível
lógico 1

12 Entradas binárias
ativadas pelo
negativo da bateria
4. Aplicação SPTM
• Configuração dos contatores / disjuntores

BO: GCB close/open BO: GCB OFF coil


BO: MCB close/open BO: MCB OFF coil
• Comando contínuo: nível lógico 1 para fechar • Comando de pulso (2s) para abrir o disjuntor
e nível lógico 0 para abrir (bobina de fechamento).
BO: GCB ON coil GCB – disjuntor do gerador
BO: GCB UV coil
BO: MCB ON coil BO: MCB UV coil MCB – disjuntor da rede
• Comando de pulso (2s) para fechar o • Comando para bobina de mínima tensão
disjuntor (bobina de abertura)
4. Aplicação SPTM
• Configuração dos contatores / disjuntores

BI: GCB feedback


BI: MCB feedback
• Feedback dos disjuntores para indicar se
estão fechados ou abertos.
• GCB Fail BI: GCB disable
• MCB Fail BI: MCB disable
BI: GCB fdb neg • Bloqueia o fechamento do GCB e/ou MCB
BI: MCB fdb neg
• Mesma função do feedback porém invertida
5. Partida e Parada do motor
• Procedimento de partida
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Motor parado (sem alarme)


BO: READY // BO: NOT READY
BI: STARTBLOCKING
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Shutdown Prestart - Motor parado iniciando seqüência Prestart


(alarme) Engine Params: Prestart Time
BO: PRESTART
BI: PRESTARTBYPASS

Shutdown -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

(Start fail) Cranking - Motor está arrancando


BO: STARTER  Engine Params: MaxCrank Time/ Crank Attempts/ CrnkFail Pause
BO: FUEL SOLENOID
Engine Params: Fuel Solenoid
Engine Params: FuelSol offset
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Condições de partida:
• RPM do motor > Engine Params : Starting RPM
Não OU • Pressão do óleo > Engine Params : Starting Oil P + Função Oil Press
• Engine Params : D+ Function = ENABLED = ATIVADO
Sim • Tensão do gerador > 25% Vnom Condição de uso do sinal D+:
• BI: RUN INDICATION 1,2 ou 3 = ATIVADO
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
•ENABLED: para saber se o motor está em funcionamento ou
IDLE - Motor está rodando em marcha lenta para detectar falha de carregamento da bateria
Engine Params : Idle Time • Sem proteção elétrica •CHRGFAIL: para detectar falha de carregamento da bateria
BO: IDLE/NOMINAL • Não controla tensão
•DISABLED : não será usado
BI: NOMINAL SPEED (funciona apenas 5s após início do Idle)
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Condições de estabilização:
Não Intervalo de tempo para estabilização de tensão e freqüência
Engine Params : Min Stab Time
• Atua proteções elétricas
Sim Engine Params : Max Stab Time
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Running - Motor está rodando na velocidade nominal sem carga


BO: RUNNING
BO: READY FOR LOAD
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
5. Partida e Parada do motor
• Procedimento de parada

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Running - Motor em funcionamento na velocidade nominal


BO: READY FOR LOAD
BO: RUNNING
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Cooling – Motor está em resfriamento na velocidade nominal ou marcha lenta.


Engine Params: Cooling speed
Engine Params: Cooling time
Engine Params: CoolDnAfterBOC
Engine Params: Cooldown optim
BO: COOLING
BO: IDLE/NOMINAL
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Condições para Stop:


• RPM = 0
• Freqüência = 0
Não • Pressão do óleo < Starting Oil P
E
• Tensão < 15 VAC
Sim • D+ = DESATIVADO
• BI: RUN INDICATION 1, 2 e 3 = DESATIVADO
Engine Params: Stop time
BO: FUEL SOLENOID - desliga
Shutdown BO: STOP SOLENOID
(Stop fail) BO: STOP PULSE (1s de duração)
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

After Cooling - Motor parado (sem alarme) – ainda resfriando


Engine Params: AfterCoolTime
BO: COOLING PUMP – desliga
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ready - Motor parado (sem alarme) – pronto para partir novamente


Engine Params: Prelubr time
Engine Params: Prelubr pause
BO: PRELUBR PUMP
BO: READY
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Atividade 01: Partida e parada do gerador

1. Configurar os parâmetros necessários para realizar 4 tentativas de partida, com intervalo de 5s


(Observe o comportamento da saída Prestart até o item 6);
2. Manter RPM abaixo do Starting RPM;
3. Manter a pressão do óleo abaixo do Starting OilP;
4. Manter o D+ desativado;
5. Manter a tensão do gerador abaixo de 25% da tensão nominal;
6. Fazer o reconhecimento da partida pelos parâmetros dos itens 2 ao 5 e também pela entrada
binária Run Indication 1;
7. Configurar o Idle time com 10s e observar a saída Idle/Nominal;
8. Configurar o tempo de resfriamento em 15s e a velocidade do resfriamento em Idle. Observe a
saída Idle/Nominal.
9. Deixar uma das condições de parada ativa e verificar o que ocorre. Mude a condição e faça o
teste novamente, até testar todas as condições.
Atividade 02: Funcionamento dos disjuntores

1. Configurar as saídas GCB ON coil, GCB OFF coil, MCB ON coil, MCB OFF coil;
2. Configurar as entradas MCB disable e GCB disable;
3. Verificar o comportamento do controlador nas situações de discordância
entre o comando e o feedback;
4. Verificar o funcionamento das entradas MCB disable e GCB disable.
6. Proteções
• Proteções elétricas do gerador – Gener Protect
ANSI 59 – Sobre tensão ANSI 47 – Rotação de fase
• Gen > V BOC
• Gen > V Sd ANSI 50 – Sobre corrente instantânea
• Gen V del • Ishort
• BOC L1, L2 ou L3 over • Ishort del
• Sd L1, L2 ou L3 over • BOC ShortCurr
• BOC L12, L23 ou L31 over ANSI 51 – Sobre corrente temporizada
• Sd L12, L23 ou L31 over • 2Inom del
ANSI 27 – Sub tensão • BOC IDMT
• Gen < V BOC ANSI 46 – Desbalanço de corrente
• Gen V del • Gen I unbal
•BOC L1, L2 ou L3 under • Gen I unb del
• Sd L1, L2 ou L3 under • Gen I unbal
• BOC L12, L23 ou L31 under ANSI 32 – Sobre carga
• Sd L12, L23 ou L31 under • OverldStrtEval
ANSI 47 – Assimetria de tensão • 2POvrldStEvDel
• Gen V unbal • BOC Overload
• Gen V unb del ANSI 50N+64 – Fuga à terra
• Gen V unbal • EarthFaultCurr
ANSI 81H – Sobre freqüência • EthFltCurr del
• Gen > f • EarthFaultCurr
• Gen f del ANSI 32R – Potência Reversa
• BOC fgen over • Reverse Power
ANSI 81L – Sub freqüência • ReversePwr del
• Gen < f • BOC ReversePwr
• Gen f del Potência mínima para assumir carga
• BOC fgen under • Min power PtM
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Criar a curva dos sensores que serão usados
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Ajustar a Entrada analógica com o Sensor configurado
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir o tipo de proteção da entrada analógica
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir o tipo de proteção da entrada analógica
Tipos de proteções – TIPO 01 – BO: CommonAlLev 1 (alarmes amarelos)
Warning Alarm list, histórico e saídas binárias (BO: Common Wrn)
Alarm Only Alarm list e saídas binárias (BO: Common Al)
HistRecOnly Histórico e saídas binárias (BO: Common Hst)
AL indication Alarm list (desaparece automaticamente)
A+H Indication Alarm list e histórico (desaparece automaticamente)
Tipos de proteções – TIPO 02 – BO: CommonAlLev2 (alarmes vermelhos)
Shutdown Desligamento imediato (BO: Common Sd).
Slow stop Realiza a seqüência de parada normal (BO: Common Stp).
Off Load Abre o GCB e mantém o gerador em funcionamento por 60 segundos
(BO: Common Ofl).
BrkOpen&CoolDn Abre o GCB e entra em resfriamento (BO: Common BOC).
Mains Protect Abre o MCB ou o GCB (se não houver MCB) e não aparece na Alarm list
(BO: Common MP).
Sd Override Desligamento imediato, não é afetada pela BI SD OVERRIDE.
BI: SD OVERRIDE – Ignora todas as proteções exceto Emergency Stop,
Overspeed, Mains Protect e proteções configuradas como Sd Override
(Common SdOvr).
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir quando ativar a proteção da entrada analógica

Quando ativa
Over limit Acima do limite
Under limit Abaixo do limite
Uner limit + Fls Acima do limite + falha de leitura do sensor
Over limit + Fls Abaixo do limite + falha de leitura do sensor
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir limites da proteção

Proteções internas do controlador:


• Batt > V (Sobre tensão da bateria)
• Batt < V (Sub tensão da bateria)
BO: BATTERY VOLT
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir bloqueios das proteções

Tipos de bloqueios
All the time Proteção ativa por todo o tempo
RunOnlyBlkDel1,2,3 Atraso 01, 02 ou 03 da proteção após o arranque do motor
Force Block 1,2,3 Tempo 01, 02 ou 03 de liberação da proteção após desativar entrada binária Force Block
El. Prot Ativa a proteção junto com as proteções elétricas após o tempo de estabilização.
6. Proteções
• Proteções Mecânicas – Engine Protect

Parâmetros configuráveis:
• Horn Timeout – tempo de alarme sonoro ativo
BO: HORN

Parâmetros configuráveis:
• RunOnlyBlkDel 1,2,3 – tempo de atraso da proteção
• BinInp Delay 1,2,3 – tempo de atraso da entrada binária
• ForceBlock 1,2,3 Del – tempo de atraso da proteção
• ResetActAlarms – Reseta alarmes ativos
BI: FAULT RESET
Proteções internas do controlador:
• Overspeed ANSI 12 (Sobre velocidade)
BO: OVERSPEED

Parâmetros configuráveis:
• Service time 1,2,3,4 – horas de manutenção
BO: WRN SERVICE T1+2
BO: WRN SERVICE T3+4
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir dimensão do sensor
• Definir faixa do gráfico de barras na IHM (0% a 100%)
• Definir offset do sensor
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Definir função da entrada analógica (sensor)
BO: OIL PRESS
Utilizar pressão do óleo como
parâmetro de
reconhecimento de partida do
motor.

BO: WATER TEMP


Utilizar temperatura como
parâmetro para função de
aquecimento com carga.

BO: FUEL LEVEL


Utilizar nível de combustível
para proteção de consumo de
combustível.

Consumo de combustível acima do configurado.


Engine Params: MaxFuel Drop (%/h)
Wrn FuelTheft
6. Proteções
• Proteções pelas entradas analógicas
• Instalação do sensor
Sensor Resistivo com 2 fios Sensor Resistivo com 1 fio

Sensor Corrente Sensores Tensão e Resistivo

Obs.: Os sensores PT 100/1000 e Ni600 tem que ser configurados como resistivos
6. Proteções
• Visualização das entradas analógicas
6. Proteções
• Proteções pelas entradas binárias

Nome
Tipo de proteção
Contato NA ou NF
Bloqueio da proteção
Atraso da entrada binária

Entradas binárias com função especial – para proteção:


BI: EMERGENCY STOP = Botão de Emergência = Shutdown
BI: SD OVERRIDE = ignora todas as proteções, exceto:
• Overspeed
• Emergency stop
• Proteções configuradas como Sd override
6. Proteções
• Visualização das entradas binárias
6. Proteções
• Visualização das saídas binárias
6. Proteções
• Proteções Elétricas da Rede – Mains Protect
Mains Protect (Proteções da Rede):
ANSI 59 – Sobre tensão
• Mains > V MP
• Mains V del
ANSI 27 – Sub tensão
• Mains < V MP
• Mains V del
ANSI 47 – Assimetria de tensão
• Mains V unbal
• Mains V unb del
ANSI 81H – Sobre freqüência
• Mains > f
• Mains f del
ANSI 81L – Sub freqüência
• Mains < f
• Mains f del
ANSI 78 – Vector shift
• VectorS Prot
• VectorS CB Sel
• VectorS limit
ANSI 81R - Variação de frequência (ROCOF)
• ROCOF Win
• ROCOF df/dt
ANSI 25 – Verificação de sincronismo
ANSI 47 – Rotação de fase
Média de tensão
• Mains Avg>V MP
Alarmes MP (MainsProtect) = abre MCB ou GCB
6. Proteções
• Criação de novas proteções
6. Proteções
• Criação de novas proteções
Valores para criação de novas proteções
Gener Values: Mains Values: Sync/Load Ctrl:
Act Power Mains Freq ActPwrReq
Act Pwr L1 Mains V L1-N SpdRegOut
Act Pwr L2 Mains V L2-N Speed Request
Act Pwr L3 Mains V L3-N SpeedReq RPM
React Power Mains V ReqEngineSpeed
React Pwr L1 Mains V L1-L2
React Pwr L2 Mains V L2-L3
React Pwr L3 Volt/PF Ctrl:
Mains V L3-L1
Appar Pwr VoltRegOut
Mains V unbal
Appar Pwr L1
Im3/Earth FC
Appar Pwr L2 Force Value:
P Mains
Appar Pwr L3 ExtValue1
Q Mains
Pwr Factor ExtValue2
Mains PF
Pwr Factor L1 ExtValue3
Pwr Factor L2 Object PF
ExtValue4
Pwr Factor L3 MaxVectorS
Gen Freq Mains Avg V1
Analog CU:
Gen V L1-N Mains Avg V2
Ubat
Gen V L2-N Mains Avg V3
CPU Temp
Gen V L3-N ROCOF
D+
Gen V Max ROCOF
Gen V L1-L2
Statistics:
Gen V L2-L3 Engine Values:
Num starts
Gen V L3-L1 RPM
NumUnscStarts
Gen Curr L1
Service Time 1
Gen Curr L2
Gen Curr L3 Service Time 2
Gen V unbal Service Time 3
Gen I unbal Service Time 4
Slip Freq TotalDownTime
Angle DnTimeReqToRun
6. Proteções
• Criação de novas proteções

Bloqueio da proteção

Mensagem no histórico
Gravação no histórico

Grupo de proteção

Escolha do valor a ser monitorado Quando ativa


Limites do parâmetro
Tipo de proteção
Atividade 03: Criação de proteção analógica e binária

1 – Criar na entrada analógica 3, a proteção para nível de combustível,


configurar os níveis de Warning e Shutdown ;
2 – Configurar uma entrada binária como alarme de Warning e testar as
funções RunOnlyBlk del, Force Block, El. Prot. e Sd Override.
3 – Criar uma proteção de alta temperatura da CPU.
7. Falha da rede
• AMF Settings (Automatic Mains Fail)
Process control: MF Start enable = (YES/NO)
AMF Settings: MCB Opens On AMF Settings: MCB Opens On
MAINSFAIL GEN RUNNING
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rede presente. Rede presente.


BO: MAINSPARAMS OK BO: MAINS PARAMS OK
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
BO: MCB CLOSE/OPEN -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Fecha Não Falha de Rede?


Não Falha de Rede? Proteções Elétricas da Rede
Proteções Elétricas da rede Sim -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sim -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AMF Settings: EmergStartDel
AMF Settings:
BO: MCB CLOSE/OPEN abre
MCB Close Del -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AMF Settings: EmergStartDel
Sim Rede voltou?
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Sim Não
Rede voltou?
Inicia procedimento de partida do GG.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Não -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Inicia procedimento de partida do GG. Gerador em funcionamento.


BO: MCB CLOSE/OPEN abre
AMF Settings: FwRet break
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

BO: GCB CLOSE/OPEN fecha BO: GCB CLOSE/OPEN fecha


GG assume a carga GG assume a carga
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

RetFromIsland = RetFromIsland = RetFromIsland = RetFromIsland =


AUTO MANUAL AUTO MANUAL
- Controlador - Controlador - Controlador - Controlador
continua em vai para o modo continua em vai para o modo
AUT MAN AUT MAN
8. Retorno da rede
• AMF Settings: RetFromIsland = AUTO

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Rede fora e GG com carga


Módulo em modo AUT
BO: GEN PARAMS OK
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Não
Rede voltou?
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
ReturnWithIntr = DISABLE Sim
(carga permanece com o GG) AMF Settings: Mains ret Del
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A transferência será em rampa?


Não
Process control: Synchro enable (NONE/FORWARD/REVERSE/BOTH)
Process control: Parallel enable (YES/NO)
Sim -------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

ReturnWithIntr = ENABLE Não Sincronizou?


(transferência aberta)
AMF Settings: ReturnWithIntr (ENABLE/DISABLE)
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Sim
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

BO: GCB CLOSE/OPEN abre


BO: MCB CLOSE/OPEN fecha
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Transferência em rampa
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
AMF Settings: FwRet break
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
BO: GCB CLOSE/OPEN abre
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
BO: MCB CLOSE/OPEN fecha
Inicia procedimento de parada do GG.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Inicia procedimento de parada do GG.


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Atividade 04: Teste da função AMF

1 – Mostrar o funcionamento do parâmetro MF Start Enable.


2 – Mostrar as funções dos parâmetros (ReturnWithIntr, RetFromIsland, MCB
Opens On) do menu AMF Settings. Valores para teste:
- Breaker Overlap: 5 seg.
- FwRet break: 3 seg.
- MCB close del: 3 seg.
- EmergStart del: 10 seg.
9. Controle de velocidade
• Sync/Load ctrl
Configurando a interface com o regulador de velocidade
PWM: 500 - 3000 Hz/ 5V /15mA (máx)
1- Sync/Load ctrl: SpdGovPWM rate

VoutR: +/- 10 Vcc via 10kΩ


2- Sync/Load ctrl: SpeedRegChar
- Positive: aumenta a tensão para aumentar a velocidade
- Negative: aumenta a tensão para diminuir a velocidade
Vout: +/- 10 Vcc
3- Sync/Load ctrl: SpeedRegChar
- Positive: aumenta a tensão para aumentar a velocidade
- Negative: aumenta a tensão para diminuir a velocidade

4 – Saídas Binárias: Speed dn e Speed up


Sync/Load ctrl: TauSpeedActuat

5 – Motor Eletrônico
Através dos valores: SpdRegOut (V), Speed request (%) e
SpeedReq RPM (RPM).
9. Controle de velocidade
• Sync/Load ctrl
Controlando a velocidade em vazio
Ativação do loop de controle de frequência:
-Sync/Load Ctrl: Freq reg loop
• All the time (SPTM, SPI): funciona sem carga e
em ilha;
• Sync only: funciona somente durante o
sincronismo;
• GCB Open (MINT, COX): funciona sem carga.

Valor padrão com o loop desativado:


-Sync/Load Ctrl: Speed gov bias
• Esse valor deve representar a velocidade nominal
do grupo gerador.

Limites de controle de velocidade:


-Sync/Load Ctrl: SpeedGovLowLim
-Sync/Load Ctrl: SpeedGovHiLim
• Wrn SpdRegLim
Controle do loop de controle de frequência:
-Sync/Load Ctrl: Freq gain
• Freq gain = 0 – desativa loop de controle
-Sync/Load Ctrl: Freq int
9. Controle de velocidade
• Sync/Load ctrl
Visualizando o controle de velocidade

1 – IHM

2 – Values 3 – Histórico
(InteliMonitor)
10. Controle de tensão
• Volt/PF ctrl
Configurando a interface com o regulador de tensão

Volt/PF ctrl: AVRRegChar


- Positive: aumenta a tensão para aumentar a tensão
- Negative: aumenta a tensão para diminuir a tensão

Saídas Binárias: AVR dn e AVR up


Sync/Load ctrl: TauVoltActuat
10. Controle de tensão
• Volt/PF ctrl
Controlando a tensão em vazio

Valor padrão do controle de tensão:


-Volt/PF Ctrl: AVR Dcout bias
• Esse valor deve representar a tensão nominal do
grupo gerador.

Limites de controle de tensão:


• Definido pelo potenciômetro do IG-AVRi
Wrn VoltRegLim

Loop de controle de tensão:


-Volt/PF Ctrl: Voltage gain
• Voltage gain = 0 – desativa o loop de controle
-Volt/PF Ctrl: Voltage int
10. Controle de tensão
• Volt/PF ctrl
Visualizando o controle de tensão

1 – IHM

2 – Values 3 – Histórico
(InteliMonitor)
11. Sincronismo

Loop de controle:
-Sync/Load Ctrl: Freq gain
-Sync/Load Ctrl: Freq int
-Sync/Load Ctrl: Angle gain

Parâmetros de reconhecimento de sincronismo:


-Sync/Load Ctrl: Voltage window
-Sync/Load Ctrl: Phase window
-Sync/Load Ctrl: Dwell Time
-Sync/Load Ctrl: Sync Timeout
• Wrn Sync fail
• Wrn RSync fail

Sincronismo com diferença de fase:

-Sync/Load Ctrl: GtoM AngleReq


Atividade 05: Regulação de velocidade e regulação de tensão

1. Colocar o parâmetro Freq reg loop em All the time e Speed gov bias em 0V, com
SpeedGovHiLim em 10V e SpeedGovLowLim em -10V;
2. Mude o valor do parâmetro Nominal RPM para 1700 e verifique o
comportamento do SRO no Values do InteliMonitor (ou na IHM) de acordo com a
alteração do ganho (Freq gain) até ocorrer a falha WrnSpdRegLim;
3. Mude o valor do parâmetro Nominal RPM para 1900 e verifique o
comportamento do SRO no Values do InteliMonitor (ou na IHM) de acordo com a
alteração do ganho (Freq gain) até ocorrer a falha WrnSpdRegLim;
4. Altere o parâmetro SpeedRegChar para NEGATIVE e repita os passos anteriores.
O que mudou?
5. Coloque o parâmetro AVRDcout bias em 50% e mude o valor do parâmetro
GenNomV para 200V e verifique o comportamento do VRO no Values do
InteliMonitor (ou na IHM) de acordo com a alteração do ganho (Voltage gain) até
ocorrer a falha WrnVoltRegLim;
6. Coloque o parâmetro AVRDcout bias em 50% e mude o valor do parâmetro
GenNomV para 240V e verifique o comportamento do VRO no Values do
InteliMonitor (ou na IHM) de acordo com a alteração do ganho (Voltage gain) até
ocorrer a falha WrnVoltRegLim;
7. Altere o parâmetro AVRRegChar para NEGATIVE e repita os passos 5 e 6. O que
mudou?
12. Paralelismo com a rede
• Assumindo e devolvendo carga

Início da rampa:
-Sync/Load Ctrl: RampStartLevel

Velocidade de rampa:
-Sync/Load Ctrl: Load Ramp

Loop de controle de carga:


-Sync/Load Ctrl: Load gain
• Load gain = 0 – desativa o loop de controle
-Sync/Load Ctrl: Load int

Abertura do GCB na devolução de carga:


-Sync/Load Ctrl: GCB open level
-Sync/Load Ctrl: GCB open del
-AMF Settings: BreakerOverlap
• Tempo máximo em que MCB e GCB permanecem fechados juntos
12. Paralelismo com a rede
• Visualizando a rampa de carga pela IHM
Potência reativa da rede
Potência ativa do gerador Potência ativa da rede Corrente da rede
Fator de potência do gerador

Potência aparente do gerador


Potência reativa do gerador Fator de potência da rede

Potência ativa da carga


Fator de potência da carga

Potência ativa da rede Potência ativa do gerador


Fator de potência da rede Fator de potência do gerador
12. Paralelismo com a rede
• Visualizando a rampa de carga pelo InteliMonitor

Potência ativa do gerador

Potência reativa do gerador

Potência aparente do gerador

Fator de potência do gerador

Potência reativa da carga Potência ativa da carga

Potência ativa da rede Fator de potência da carga


Potência reativa da rede

Fator de potência da rede


12. Paralelismo com a rede
• Visualizando a rampa de carga pelo histórico
12. Paralelismo com a rede
• Baseload

Process Control: Baseload


• Potência fixa para o gerador
Process Control: Load ctrl PtM = BASELOAD
Process Control: Export Limit
• Proteção contra exportação de potência para rede
Process Control: Import Load
• Valor da proteção de exportação de potência para rede
12. Paralelismo com a rede
• Baseload Externo

Process Control: Load ctrl PtM = ANEXT BASELOAD


Process Control: Export Limit
• Proteção contra exportação de potência para rede
Process Control: Import Load
• Valor da proteção de exportação de potência para rede

Função da entrada analógica: LdCtrl:AnExBld


• Potência fixa para o gerador
12. Paralelismo com a rede
• Import/Export

Process Control: Import Load


• Potência fixa para a rede
Process Control: Load ctrl PtM = IM/EX
Process Control: I/E Pm meas = IM3 CT INPUT ou ANALOG INPUT
• Leitura de potência ativa da rede;
• IM3 CT INPUT: usando TC na fase T da rede;
• ANALOG INPUT: usando entrada analógica com função LdCtrl:I/E-Pm
12. Paralelismo com a rede
• Controle do fator de potência

Process Control: Base PF


• Fator de potência fixo para o gerador
Process Control: PF ctrl PtM = BASE PF

Loop de controle de fator de potência


Volt/PF Ctrl: PF gain
• PF gain = 0 – desativa o loop de controle de fator de potência
Volt/PF Ctrl: PF int

Process Control: Import PF


• Fator de potência fixo para a rede
Process Control: PF ctrl PtM = IM/EX
Process Control: I/E Qm meas = IM3 CT INPUT ou ANALOG INPUT
• Leitura de potência reativa da rede;
• IM3 CT INPUT: usando TC na fase T da rede;
• ANALOG INPUT: usando entrada analógica com função PFCtrl:I/E-Qm
12. Paralelismo com a rede
• Warming

Engine Params: Warming load


• Potência fixa para aquecimento.
Engine Params: Warming temp
• Temperatura em que o gerador deve sair do regime de
aquecimento.
Engine Params: Max warm time
• Tempo máximo para aquecimento.
12. Paralelismo com a rede
• Peak Shaving

Process Control: PeakLevelStart


• Potência da carga (Object Load) para partida automática do
gerador após tempo de confirmação.
Process Control: PeakLevelStop
• Potência da carga (Object Load) para parada automática do
gerador após tempo de confirmação.
Process Control: PeakAutS/S del
• Tempo de confirmação de partida e parada automática por
nível de potência da carga (Object Load).
• Se PeakAutS/S del = 0 – a função Peak Shaving é desativada
13. Modo TEST

BI: Remote TEST


• Realiza a partida do gerador e ele permanece em
funcionamento, mas sem carga.
BI: Test on load
• Realiza a transferência de toda a carga da rede para o gerador,
sem a necessidade de falha da rede;
• WrnTstOnldFail

AMF Settings: ReturnTo mains


• DISABLED (obrigatório para Test on load): se a rede voltar
durante um teste, o gerador permanece com carga em modo
TEST até que o tirem desse modo.
• ENABLED: se a rede voltar durante um teste, a carga será
retransferida para a rede e o gerador permanecerá em
funcionamento sem carga no modo TEST.
AMF Settings: Breaker overlap
• Tempo mínimo que o MCB e o GCB permanecem fechados
juntos.

Exemplo de aplicação: Horário de ponta


• Horário de ponta = Remote TEST + Test on load
14. Aplicação MINT
• Mudando da aplicação SPTM para MINT

5. Carregar o programa no controlador


1. Abrir o arquivo MINT 2. Arquivo MINT 4. Inserir o controlador correto

3. Escolher o controlador correto


14. Aplicação MINT
• Parâmetros básicos
15. Comunicação CAN entre controladores
• Configuração e instalação da CAN2

A comunicação CAN entre controladores utiliza a CAN2

Utilização da comunicação entre controladores:


• Divisão de potência ativa e de potência reativa (Load Sharing);
• Troca de dados necessários para o gerenciamento de potência
(Power Management);
• Entradas e saídas virtuais;
• Sincronização de parâmetros (Parâmetros com #);
• Paralelismo de múltiplos geradores com a rede (Comunicação
com IM-NT).

Dongle – IGS-NT-LSM+PMS
• Habilita a divisão de potência ativa e de ptência reativa (Load Sharing);
• Habilita o gerenciamento de potência (Power Management).

Comms Settings: CAN bus mode


• 32C: comunicação até 32 controladores com comprimento máximo de 200m;
• 8C: comunicação até 8 controladores com comprimento máximo de 900m.
Comms Settings: CAN2emptDetect
• Detecção de outros controladores na CAN2;
• CAN2 bus empty.
15. Comunicação CAN entre controladores
• Configuração e instalação da CAN2

Para utilização da CAN2 é necessário endereçar os controladores:


Comms Settings: Contr. Address Controladores de 1 a 16 Controladores de 17 a 32
• Os controladores precisam ter endereços diferentes.

Pwr management: Control group


Controladores de 1 a 16 Controladores de 17 a 32
do mesmo grupo do mesmo grupo
Atividade 06: Verificação do paralelismo de 2 grupos
geradores

1. Passar dois IG-NT para a configuração MINT;


2. Ligar a CAN2 entre eles;
3. Instalar o dongle nos controladores (com os controladores desligados);
4. Verificar se os controladores estão comunicando entre si: fisicamente e pela
CAN16/CAN32;
5. Verificar os valores REG16/REG32 e alterar o valor Control group para 2 em um dos
controladores. O que ocorreu?
6. Voltar ao valores originais do Control group.
7. Mudar algum parâmetro com # em um dos controladores e verificar se houve a
mudança no outro.
16. Local Baseload

Process Control: LocalBaseload


• LocalBaseload = OFF – o gerador participa do processo de divisão de carga
17. Load Sharing
• Divisão de potência ativa (kW) e reativa (kVAr)

Grupos geradores de potências iguais, dividem a potência ativa igualmente.


Exemplo:
G1 = 500 kW Carga = 900 kW G1 = 300 kW
G2 = 500 kW G2 = 300 kW
G3 = 500 kW Load Sharing G3 = 300 kW

Grupos geradores de potências diferentes dividem a potência ativa proporcionalmente.


Exemplo:
G1 = 500 kW Carga = 900 kW G1 = 450 kW
G2 = 250 kW G2 = 225 kW
G3 = 250 kW Load Sharing G3 = 225 kW
Loop de controle de divisão de potência ativa:
Sync/Load ctrl: LS gain
Sync/Load ctrl: LS int
Grupos geradores de potências iguais, dividem a potência reativa igualmente.
Grupos geradores de potências diferentes dividem a potência reativa proporcionalmente.
Loop de controle de divisão de potência reativa:
Volt/PF Ctrl: VS gain
Volt/PF Ctrl: VS int
18. Power Management
• Load Reserve
•BI: Sys start/stop
• Partida do sistema
•BI: Load res 2,3 e 4
• Seleção do Load Reserve ativo
•Pwr Management: Pwr management
• Habilita o gerenciamento de potência
•Pwr Management: #Pwr mgmt mode
• kW, kVA ou %
•Pwr Management: Priority
• Geradores diferentes podem ter a mesma prioridade
•Pwr Management: #SysAMFstrtDel
• Tempo para iniciar a partida do sistema
•Pwr Management: #SysAMFstopDel
• Tempo para iniciar a parada do sistema
•Pwr Management: #LoadRes Strt1
• Reserva de carga para partida do gerador de maior
prioridade
•Pwr Management: #LoadRes Stop1
• Reserva de carga para parada do gerador de menor
prioridade
•Pwr Management: #NextStrt Del
• Tempo para partida do gerador de maior prioridade
•Pwr Management: #NextStop Del
• Tempo para parada do gerador de menor prioridade
BO: Syst res OK
• Indicação se o sistema atende a reserva de carga
18. Power Management
• Load Reserve
18. Power Management
• Load Reserve

Prioridade do gerador
Reserva atual
Load reserve start
Load reserve stop
Reserva atual (em %)
Load reserve start (em %)
Load reserve stop (em %)

Potência reativa total no barramento


Potência ativa total no barramento
Potência nominal total no barramento
18. Power Management
• Equalização de horas

Pwr Management: #PriorAutoSwap = RUN HOURS EQU


Pwr Management: Priority ctrl
• Pelo menos um controlador deve ser o mestre
Pwr Management: RunHoursBase
• RunHoursBase = Ponto inicial para função
Pwr Management: #RunHrsMaxDiff
• Máxima diferença de horas para ocorrer a troca de prioridade
Pwr Management: Control group
• Os geradores devem fazer parte do mesmo grupo
18. Power Management
• Demanda de carga

Pwr Management: #PriorAutoSwap = LD DEMAND SWAP


• Máximo 3 geradores
• Os geradores devem ser endereçados de 1 a 3.
Pwr Management: Priority ctrl
• Pelo menos um controlador deve ser o mestre
Pwr Management: #PwrBandContr1, 2, 3 e 4
• Bandas de potência definidas pela potência nominal de cada gerador. 1<2<3<4
Pwr Management: #PwrBnChngDlUp
Pwr Management: #PwrBnChngDlDn
• Tempo de ativação da banda de potência
Pwr Management: Control group
• Os geradores devem fazer parte do mesmo grupo
19. Outras funções do IG-NT
• Load Shedding e Load Recon (Conexão e desconexão de cargas)

Load Shedding: Ld shed active


• DISABLE: desativada;
• ISLAND ONLY: a função funciona somente com GCB fechado e
MCB aberto;
• ISL+TRIP PARAL: fecha todas as saídas se a rede falhar durante
um paralelismo, e funciona como o modo anterior;
• ALL THE TIME: funciona todo o tempo
Load Shedding: Ld shed level
Load Shedding: Ld shed del

BO: Load shed 1, 2 e 3


19. Outras funções do IG-NT
• Load Shedding e Load Recon (Conexão e desconexão de cargas)

Load Shedding: AutoLd recon


• DISABLED: reconexão de cargas manual através da entrada
binária ManualLdRecon;
• ENABLED: reconexão de cargas automática.
Load Shedding: Ld recon level
Load Shedding: Ld recon delay

BI: ManualLdRecon
19. Outras funções do IG-NT
• Timer

• São 16 timers no total;


• BO: TimerAct 1-4;
• BO: TimerAct 5-8;
Timer desativado • BO: TimerAct 9-12;
• BO: TimerAct 13-16;
• BI: Timer Block 1-16.

Timer programado para ocorrer uma só vez

Timer programado para repetir diariamente,


podendo pular um número definido de dias e os
finais de semana
19. Outras funções do IG-NT
• Timer

Timer programado para repetição semanal podendo


pular um número definido de semanas e podendo
escolher quais dias da semana ocorrerá a repetição

Timer programado para repetição mensal podendo


pular um número definido de meses e podendo
escolher quais dias do mês ocorrerá a repetição
19. Outras funções do IG-NT
• Force Value

• São 16 Force Value;


• A configuração deve ser
feita pelo GenConfig na aba
Setpoints;
Valor do Force Value • Nem todos os parâmetros
do controlador admitem
Adicionar Force Value
Entrada binária que Force Value;
ativará Force Value • Um mesmo parâmetro
pode ter mais de um Force
Value com prioridade para
o de menor índice.
Botão de configuração do Force Value
19. Outras funções do IG-NT
• Remote Switch

BO: RemoteControl 1
BO: RemoteControl 2
BO: RemoteControl 3
BO: RemoteControl 4
BO: RemoteControl 5
BO: RemoteControl 6
BO: RemoteControl 7
BO: RemoteControl 8

Através do InteliMonitor, você pode ativar as saídas binárias RemoteControl para


controlar processos externos ou até mesmo ativar entradas binárias do controlador
através do VPIO (entradas e saídas virtuais).
19. Outras funções do IG-NT
• VPIO (Entradas e saídas virtuais)

Inserir VPIO
Caminho para VPIO

Número do VPIO

Adição de telas no IG-NT para o VPIO

O número máximo de VPIO é 4, sendo que cada um contém 8 entradas binárias


virtuais e 8 saídas binárias virtuais
19. Outras funções do IG-NT
• VPIO (Entradas e saídas virtuais)
19. Outras funções do IG-NT
• SHBIN e SHBOUT (Entradas e saídas binárias compartilhadas virtuais)
• SHAIN e SHAOUT (Entradas e saídas analógicas compartilhadas virtuais)
Inserir SHBIN/SHBOUT
Caminho para SHBIN/SHBOUT Inserir SHAIN/SHAOUT
Caminho para SHAIN/SHAOUT

Número do SHBIN/SHBOUT/SHAIN/SHAOUT
Proteção em caso de falha de comunicação

Adição de telas no IG-NT para o SHBIN/SHBOUT/SHAIN


O número máximo de SHBIN/SHBOUT é 6, sendo que cada um contém 8 entradas binárias virtuais compartilhadas
(SHBIN) ou 8 saídas binárias virtuais compartilhadas (SHBOUT). O número máximo de SHAIN/SHAOUT é 2, sendo que
cada um contém 4 entradas analógicas virtuais compartilhadas (SHAIN) ou 4 saídas analógicas compartilhadas virtuais
(SHAOUT).Um mesmo SHBOUT/SHAOUT só pode ser configurado em um controlador, por outro lado um mesmo
SHBIN/SHAIN pode ser configurado em vários controladores.
19. Outras funções do IG-NT
• SHBIN e SHBOUT (Entradas e saídas binárias compartilhadas virtuais)
19. Outras funções do IG-NT
• PLC
19. Outras funções do IG-NT
• PLC

Portas AND e OR
• Podem ter até 8 entradas;
• Pode inverter as entradas e a saída;

Portas XOR e RS
• Somente 2 entradas;
• Pode inverter as entradas e saída;

Comparador de histerese
• Entrada analógica para comparação;
• 2 valores de limite da histerese.
19. Outras funções do IG-NT
• PLC

Funcionamento da entrada Reset

Utilização do Pulse on edge


19. Outras funções do IG-NT
• PLC

Nome da saída do PLC

Conecta a saída do PLC


ào destino escolhido

Destino da saída do PLC


20. InteliMains NT
• Visão Geral

Basic Settings: Local buttons


Basic Settings: DispBakLightTO
20. InteliMains NT
• Parâmetros básicos
21. Proteções do InteliMains NT
• Proteções da rede
Mains Protect (Proteções da rede):
ANSI 59 – Sobre tensão ANSI 51 – Sobre corrente temporizada
• Mains > V MP • Mains2Inom del
• Mains V del • Mns2Inom prot
• MP L1, L2 ou L3 over • MPR Imains IDMT
• MP L12, L23 ou L31 over ANSI 46 – Desbalanço de corrente
ANSI 27 – Sub tensão • Mains I unbal
• Mains < V MP • Mains Iunb del
• Mains V del • Mains I unbal
• MP L1, L2 ou L3 under ANSI 32 – Sobre carga
• MP L12, L23 ou L31 under • Mns2POvrldProt
ANSI 47 – Assimetria de tensão • OverldStrtEval
• Mains V unbal • 2POverldStEvDel
• Mains Vunb del • MPR Pmains IDMT
• Mains V unbal ANSI 78 – Vector shift
ANSI 81H – Sobre freqüência • VectorS Prot
• Mains > f • VectorS CB Sel
• Mains f del • VectorS limit
• MP fmns over ANSI 81R - Variação de frequência
ANSI 81L – Sub freqüência (ROCOF)
• Mains < f • ROCOF Win
• Mains f del • ROCOF df/dt
• MP fmns under Média de tensão
• Mains Avg>V MP
ANSI 47 – Rotação de fase
21. Proteções do InteliMains NT
• Proteções do barramento

Bus Protect (Proteções do barramento):


ANSI 59 – Sobre tensão
• Bus > V
• Bus V del
ANSI 27 – Sub tensão
• Bus < V
• Bus V del
ANSI 47 – Assimetria de tensão
• Bus V unbal
• Bus V unb del
ANSI 81H – Sobre freqüência
• Bus > f
• Bus f del
ANSI 81L – Sub freqüência
• Bus < f
• Bus f del
ANSI 47 – Rotação de fase
22. Paralelismo
• Controle de MGCB
ProcessControl: Soft Unload
• Define como será determinado quando o MGCB abrirá durante a
devolução de carga para rede.
• STANDARD: sem uso de TC auxiliar, para aplicações com uma só
rede;
• AuxCTGen: uso de TC auxiliar no barramento, para aplicações
com mains de uma rede;
• AuxCTLoad: uso de TC auxiliar na carga, para aplicações com
mains de uma rede

ProcessControl: Synchro enable


• Define em quais disjuntores haverá sincronização.
ProcessControl: MGCBparalClose
• YES: o MGCB fecha antes dos geradores, assim os geradores
sincronizam direto com a rede;
• NO: o MGCB fecha somente após os geradores (suficiente para
atender o Load Reserve) sincronizarem no barramento;
• MCB CLOSED: o MGCB fecha após o MCB com 5s de atraso. O
MGCB fecha somente se o barramento estiver com 0V e os GCBs
abertos.
22. Paralelismo
• Baseload

ProcessControl: #SysBaseload
• Potência fixa para os geradores do sistema
ProcessControl: MLoad ctrl PtM = SYSBLD->LS
ProcessControl: Export Limit
• Proteção contra exportação de potência para rede
ProcessControl: Import Load
• Valor da proteção de exportação de potência para rede

AI: MLC:AnExSysBld
ProcessControl: MLoad ctrl PtM = ANEXTSYSBLD->LS
ProcessControl: Export Limit
• Proteção contra exportação de potência para rede
ProcessControl: Import Load
• Valor da proteção de exportação de potência para rede
22. Paralelismo
• Import/Export

ProcessControl: I/E-Pm meas


• Define se a potência da rede será definida pelos TCs ou entrada
analógica
ProcessControl: MLoad ctrl PtM = IMP/EXP
ProcessControl: Import Load
• Valor da proteção de exportação de potência para rede

AI: MLC:AnExI/E
ProcessControl: MLoad ctrl PtM = ANEXT IMP/EXP
22. Paralelismo
• Controle do fator de potência

ProcessControl: #SysPwrFactor
• Fator de potência fixo para o grupo de geradores
ProcessControl: #SysPFCtrl PtM = BASE PF

ProcessControl: Import PF
• Fator de potência fixo para a rede
ProcessControl: #SysPFCtrl PtM = VSharing
ProcessControl: PF ctrl PtM = IM/EX
ProcessControl: I/E Qm meas = CT INPUTS ou
ANALOG INPUT

AI: MPF: AnExI/E


• Fator de potência fixo para a rede
ProcessControl: #SysPFCtrl PtM = VSharing
ProcessControl: PF ctrl PtM = ANEXT IM/EX
ProcessControl: I/E Qm meas = CT INPUTS ou
ANALOG INPUT
22. Paralelismo
• Partida e parada dos grupos geradores

1) Criação de saída virtual (SHBOUT) no IM-NT

2) Designação da função Sys start/stop à saída SHBOUT 1.1


22. Paralelismo
• Partida e parada dos grupos geradores

3) Criação de entrada virtual (SHBIN) em cada IG-NT

4) Designação da função Sys start/stop à entrada SHBIN 1.1 de cada IG-NT


22. Paralelismo
• Feedback do MCB para os geradores

1) Criação do feedback no PLC do IM-NT

2) Designação da saída do PLC à saída virtual (SHBOUT)


22. Paralelismo
• Feedback do MCB para os geradores

3) Designação da função MCB Feedback à entrada virtual (SHBIN) dos geradores


Atividade 07: Utilizando o CLP e Force Value

1. Criar uma lógica para ativar o gerador no horário de ponta (seg. à sex. das 17:30 às
20:30). Bloquear a partida do gerador no dia 25/12 e 01/01. Configurar uma chave
para desabilitar o horário de ponta e outra chave para teste com carga.
2. Criar uma saída binária para pré-aquecimento, que ligue a resistência de
aquecimento em 30ºC e desligue em 50ºC. Os valores de ativação e desativação da
resistência deverão ser configuráveis via IHM.
3. Configurar uma chave que mude os valores nominais de tensão e corrente para 380V
e 440V.
23. Comunicação
• Comunicação padrão

RS-232
Comms settings: RS232(1) Mode
• DIRECT: comunicação com InteliMonitor e GenConfig;
• MODEM (HW): comunicação com modem GSM;
• MODEM (SW): comunicação com modem GSM;
• MODBUS-DIRECT: comunicação Modbus.

Comms settings: RS232(1)MBCSpd


• Velocidade da comunicação Modbus
• Comprimento máximo: 10 m

Valores Modbus:
GenConfig => File => Generate Cfg Image

Módulos de extensão de comunicação


I-LB+: Comunicação via RS232, RS485 ou
USB com vários controladores através de RS-485
uma interface. Comms settings: RS485(1)conv
IG-IB: Comunicação via Ethernet/Internet • ENABLED: comunicação DIRECT e MODBUS
com um ou vários controladores (IG-IB/32) • DISABLED: comunicação com IG-Display
• Possui jumper de 120Ω nas terminações.
através de uma interface RJ45 • Comprimento máximo: 1 km.
23. Comunicação
• I-LB+

Permite a comunicação com até 32 grupos geradores, através de uma interface


RS232, RS-485 ou USB.
RS485

CAN para comunicação


com os controladores

RS232

USB
23. Comunicação
• IG-IB

Ethernet/Internet
Interface RJ45

Interface para
configuração do IG-IB
através do programa Dongle para comunicação
IB-Config com mais de um controlador

CAN para comunicação


com os controladores
23. Comunicação
• WebSupervisor
24. Extensão de entradas e saídas

IGS-PTM
• 8 entradas binárias;
• 8 saídas binárias;
• 4 entradas analógicas – 0-250V/0-100mA/0-20mA;
• 1 saída analógica – 0-20mA.

IS-AIN8
• 8 entradas analógicas: 0-2400 Ω/0-20mA/0-2,5V

IS-BIN16/8
• 16 entradas binárias;
• 8 saídas binárias.

IGL-RA15
• Anunciador remoto;
• 15 LEDs.
I-AOUT8
• 8 saídas analógicas: 0-20mA/0-10V/PWM (1,2 kHz)