Você está na página 1de 5

A Cultura na Sociologia

1) Introdução

2) Cultura Popular

3) Preconceitos culturais

4) Exercícios

Vídeo-aula

Aula 1: O que é cultura?4m09s

Aula 1: O que é cultura?

1 de 1

Introdução

Na Antropologia e em outras Ciências Sociais entende-se por cultura toda


expressão artística, musical, literária, tradições, gastronomia, de crenças,
costumes, da linguagem falada e escrita, religião, mitos, rituais, e ainda o
conjunto de leis e moral de um determinado povo, sociedade ou
civilização.

O conceito de cultura é, portanto, ampliado e não diz respeito somente às


formas de arte e comportamentos de um determinado grupo social ou às
expressões artísticas eruditas. Cultura são todas as expressões artísticas
de qualquer grupo social.

O gosto por determinado tipo de arte e música, as tradições, crenças e


costumes são passadas aos grupos por meio da escola, do convívio social
ou pela família.

A cultura é aprendida ao longo dos anos e transmitida de geração em


geração. As expressões e afinidades por determinados tipos artísticos,
musicais e literários podem mudar ao longo da vida.

Cultura Popular

Cultura popular são as tradições, crenças e costumes construídos e


compartilhados por um povo. A cultura popular pode ser nacional ou
regional.

O carnaval é uma expressão de cultura popular nacional, pois é conhecido


em todo país e fora dele inclusive, e as festas ocorrem em todo território
nacional. A festa de Parintins, por sua vez, é de caráter regional e ocorre
somente na cidade de Parintins, Amazonas.
A gastronomia e escolhas alimentares também se manifestam em aspecto
nacional e regional. A mistura de arroz e feijão, a feijoada e a caipirinha
são pratos e uma bebida que representam a cultura nacional.

A cuca, o tucupi e o acarajé, por exemplo são expressões gastronômicas


das regiões Sul, Norte e Nordeste, respectivamente, e representam
expressões locais e particularidades regionais dentro do território
brasileiro.

A língua falada e escrita também é uma forma de expressão da cultura de


um país, de uma sociedade. No Brasil, embora a língua oficial e mais
falada seja o português, o idioma apresenta particularidades,expressões e
sotaques de acordo com a região do país observada.

Desde a chegada dos portugueses em 1500, a cultura popular brasileira foi


sendo formada com a miscigenação entre as culturas portuguesas e
indígenas. Posteriormente foram incorporados elementos das culturas
negras e outras culturas europeias.

As nações são um conjunto de diferentes elementos culturais e que


formam as diferentes culturas nacionais.

As expressões culturais de uma sociedade não são estáticas: elas se


alteram e se renovam ao longo dos anos. Novos elementos simbólicos são
incorporados. As expressões musicais, artísticas e literárias, por exemplo,
sofrem alterações e espelham o cotidiano da sociedade e geração em que
foram produzidas.

Preconceitos culturais

A definição corriqueira de cultura, geralmente, não é tão ampla e


abrangente. Muitas vezes, cultura é entendida como manifestações
apreciadas por indivíduos com acesso à educação formal ou como
expressões artísticas eruditas e de difícil alcance das camadas mais
populares.

O conceito de cultura abrange as manifestações artísticas, musicais e


literárias eruditas, mas não é excludente. Todo tipo de expressão artística
de um povo é cultura e está ligada a realidade social do espaço em que
vivem.

Por isso, tanto música clássica quanto rap ou funk são considerados
cultura. Do mesmo modo, exposições de arte e cinema alternativo são
consideradas manifestações culturais, assim como novelas ou programas
de humor.

A valorização de determinadas manifestações está ligada ao preconceito e


exclusão social de determinados grupos. Grupos socialmente excluídos,
ou considerados fora dos padrões impostos pela sociedade, também têm
suas formas de expressão culturais marginalizadas e consideradas de
menor importância e relevância.

O entendimento de cultura como todo o conjunto de expressões,


costumes e linguagens citados colabora para a não marginalização de
expressões culturais ligadas a determinados grupos.