Você está na página 1de 13

4

Música de: 5
fA VÉÜwx|ÜÉ, SCS
Invocação inicial
Todos de pé.

  
O Presidente: P. M. Luís

     
+ Deus, vinde em nos - so au - xí - lio.
Glória ao Pai e
    
ao Filho e ao Espí - ri - to San - to.
   
      
R/.Senhor, socorrei_nos e sal-vai - nos.
como era no princípio, agora e sem- pre. A - men. A -le- lu - ia.
HINO
 
Estrofes - Cantabile
         


P    
O - DER e
  
gló - ria do Es - pí

- ri - to,

       
Fe - li - zes to - dos os Már - ti - res:
         
     

   
A car - ne sa - cri - fi - ca da
 
-

          
Por Deus há - de res - sur - gir.
2. 4.
Iguais ao grãos que se enterram Feliz quem dá sem medida,
Para serem nosso pão, Até dar a vida à morte.
Seu corpo se une ao de Cristo, Em Deus liberto, o seu rosto
Oferta das nossas mãos. No rosto de Deus se espelha.

3. 5.
Seu sangue se junta ao Sangue É vã a carne sem alma,
De Cristo que nos redime. É cinza espalhada ao vento.
É seiva ardente escorrendo Na Cruz, Senhor, sobrevive
Das mesmas veias rasgadas. A glória dos nossos corpos.
6 S. INÊS, virgem e mártir
6. 7.
Morrendo nos vossos Mártires, Glória a Deus, Pai de bondade
Em todos viveis, Senhor. E a Jesus Cristo, Senhor
Neles a Igreja se exalta E ao Espírito Santo
Com a força do Espírito. No tempo e na eternidade.


     
A - men.
Todos se sentam.
Salmodia
  
      
ANT. 1
  
   
N EM a - me - a - ças nem ca - rí - cias pu -
         


      
de - ram ven - cer es - ta vir - gem de Cris - to.

  
Salmo 114
 
          

Amo
 
o Se - nhor,
 
porque ouviu a voz da mi -nha súpli - ca.

       
Ele me a - ten - deu, no dia em que O in - vo - quei.

Apertaram-me os laços da morte, *


caíram sobre mim as angústias do além, +
vi-me na aflição e na dor.
Então invoquei o nome do Senhor: *
«Senhor, salvai a minha alma».

Justo e compassivo é o Senhor, *


o nosso Deus é misericordioso.
O Senhor guarda os simples: *
estava sem forças e o Senhor salvou-me.
Vésperas 7
Volta, minha alma, ao teu descanso, *
porque o Senhor foi bom para contigo.
Livrou da morte a minha alma, *
das lágrimas os meus olhos, da queda os meus pés.

Andarei na presença do Senhor *


sobre a terra dos vivos.
(Esta estrofe canta-se com a melodia
do1.º e 4.º membros.)

  
         
ANT. 2
 
S Ó
 
a E - le guar - do
     
fi - de - li - da - de,

         
só a E -le en- tre -go a mi - nha vi - da.
Salmo 115
   
Confiei no Senhor, mesmo quando dis - se:
  
«Sou um homem de todo infe - - liz».
  
Na minha perturbação excla - - mei:
   
«É falsa toda a segurança dos ho - mens».
Como agradecerei ao Senhor *
tudo quanto Ele me deu?
Elevarei o cálice da salvação, *
invocando o nome do Senhor.

Cumprirei as minhas promessas ao Senhor *


na presença de todo o povo.
É preciosa aos olhos do Senhor *
a morte dos seus fiéis.
8 S. INÊS, virgem e mártir
Senhor, sou vosso servo, filho da vossa serva: *
quebrastes as minhas cadeias.
Oferecer-Vos-ei um sacrifício de louvor, *
invocando, Senhor, o vosso nome.

Cumprirei as minhas promessas ao Senhor *


na presença de todo o povo,
nos átrios da casa do Senhor, *
dentro dos teus muros, Jerusalém.

   
              
ANT. 3

B EN - DI - TO se - ja Deus, Pai do meu Se - nhor



Je - sus

    ‹          
  
Cris - to, que pe - lo seu Fi lho deu a vi -
   
-

        
tó - ria a es - ta su - a ser - va.
Cântico
Ap 4,11; 5,9.10.12
  
        
Sois dig - no, Senhor, nos - so Deus,
 
     
de receber a honra, a glória e o po - der,
porque fizestes todas as coisas, *
e pela vossa vontade existiram e foram criadas.

Sois digno de receber o livro e abrir suas páginas seladas, *


porque fostes imolado,
e nos resgatastes para Deus com o Vosso Sangue, *
homens de toda a tribo, língua, povo e nação,
e fizestes de nós, para Deus, um reino de sacerdotes, *
que reinarão sobre a terra.
Vésperas 9
É digno o Cordeiro que foi imolado *
de receber o poder e a riqueza, a sabedoria e a força, +
a honra, a glória e o louvor.

LEITURA BREVE 1 Pedro 4, 13-14


ARÍSSIMOS, alegrai-vos na medida em que participardes nos
C sofrimentos de Cristo, a fim de que possais também alegrar-vos
e exultar no dia em que se manifestar a sua glória. Felizes de vós, se
sois ultrajados pelo nome de Cristo, porque o Espírito de glória, o
Espírito de Deus, repousa em vós.

RESPONSÓRIO BREVE
V/. O Senhor a escolheu e a predestinou.
R/. O Senhor a escolheu e a predestinou.
V/. Deus fê-la morar no seu templo santo.
R/. O Senhor a escolheu e a predestinou.
V/. Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
R/. O Senhor a escolheu e a predestinou.

Cântico Evangélico
Todos de pé.
À enunciação do Magnificat todos se benzem. (Cf. Cap. V nº 266 b) - IGLH)

         
           
ANT.
   
S    
AN -TA I - NÊS,de mãos es -ten - di - das,o - ra - va di - zen - do:
‹    
                  ‹ 

   
A-ju - dai- me,Pai san - to. A-go -ra es - tou per -to de Vós, Se -
    
      
    

  
nhor, a quem tan -to a - mei e a quem bus - quei tão ar - den - te -
   
         
‹
men - te, e a quem bus - quei tão ar - den - te - men - te.
10 S. INÊS, virgem e mártir
Lc 1, 46-55  
     
  
+ A minha alma glorifica o Se - nhor
   
     
 
e o meu espírito se alegra em Deus, meu Sal - va - dor.
Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: *
de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações.
O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: *
Santo é o seu nome.

A sua misericórdia se estende de geração em geração *


sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do seu braço *
e dispersou os soberbos.

Derrubou os poderosos de seus tronos *


e exaltou os humildes.
Aos famintos encheu de bens *
e aos ricos despediu de mãos vazias.

Acolheu a Israel, seu servo, *


lembrado da sua misericórdia,
como tinha prometido a nossos pais, *
a Abraão e à sua descendência para sempre.

PRECES
Nesta hora em que o Rei dos Mártires ofereceu a Sua vida
na Última Ceia e a entregou na cruz, dêmos-Lhe graças dizendo:
      
          
Nós Vos glo - ri - fi - ca - mos, Se - nhor.

Nós Vos damos graças, Senhor, princípio


e exemplo de todo o martírio,
– porque nos amastes até ao fim:
Vésperas 11

Nós Vos damos graças, Senhor, porque viestes chamar os


pecadores arrependidos
– para os prémios da vida eterna:

Nós Vos damos graças, Senhor, porque destes à Igreja,


como sacrifício para a remissão dos pecados,
– o Sangue da nova e eterna aliança:

Nós Vos damos graças, Senhor, porque nos fizestes,


pela vossa graça,
– perseverar na fé durante este dia:

Nós Vos damos graças, Senhor, porque associastes


à vossa morte neste dia
– muitos dos nossos irmãos:

Pai nosso

ORAÇÃO
EUS eterno e omnipotente, que escolheis os mais frágeis do mundo
Dpara confundir os fortes, concedei que, celebrando o martírio de
Santa Inês, imitemos a constância da sua fé. Por Nosso Senhor Jesus
Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.
12 S. INÊS, virgem e mártir
Vésperas 13
V/. Vós sois o Pão vivo que desceu do Céu. Aleluia.
R/. Para dar a vida ao mundo. Aleluia.

BENDITOS
Bendito seja Deus.
Bendito o Seu santo Nome.
Bendito Jesus Cristo, Verdadeiro Deus e Verdadeiro Homem.
Bendito o nome de Jesus.
Bendito o Seu sacratíssimo Coração.
Bendito o Seu preciosíssimo Sangue.
Bendito Jesus no Santíssimo Sacramento do altar.
Bendito o Espírito Santo Paráclito.
Bendita a excelsa Mãe de Deus, Maria Santíssima.
Bendita a Sua santa e Imaculada Conceição.
Bendita a Sua gloriosa Assunção.
Bendito o nome de Maria, Virgem e Mãe.
Bendito São José, seu Castíssimo Esposo.
Bendito Deus, nos seus Anjos e nos seus Santos.
Cântico Final
14
15