Você está na página 1de 33

17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 1 de 33

DOM2771

ANO VIII – Nº DOM2771 – PARNAMIRIM, RN, 17 DE MAIO DE 2019 – R$ 0,50

I – A qualificação profissional dos profissionais da saúde com


vistas ao aperfeiçoamento da qualidade e produtividade dos
serviços públicos prestados à sociedade pelos Servidores da
Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de Parnamirim,
Estado do Rio Grande do Norte;
II – A valorização dos profissionais da saúde; e
III – a remuneração compatível com a natureza da função,
complexidade, atribuições, exigências técnicas e de
conhecimentos para a investidura no respectivo cargo.

Art.3º - A Gestão dos cargos do Plano de Cargos, Carreiras e


Lei Complementar nº 0149/2019.
Vencimento – PCCV tem por finalidade precípua:
Sanciono a presente Lei Complementar com veto.
I – Determinar e classificar os cargos integrantes da estrutura
organizacional da instituição;
Gabinete Civil, Parnamirim/RN, 15 de Maio de 2019; 130ª da
II – Estabelecer normas de progressão e promoção;
República.
III – Fixar critérios e procedimentos voltados a disciplinar,
________________________ administrar e desenvolver o corpo de pessoal da instituição, no
que tange à política de cargos, carreiras e vencimentos; e
Prefeito IV – Fixar critérios específicos para a instituição da revisão
anual dos vencimentos dos profissionais da saúde.
Dispõe sobre a criação do Plano de Cargos, Carreiras e
Vencimento dos profissionais da saúde efetivos da Art.4º - A carreira dos profissionais da saúde da Secretaria Municipal de
Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim/RN, e dá Saúde Parnamirim é estruturada em Grupos Ocupacionais, Cargos
outras providências. Públicos, Níveis e Classes, na forma dos Anexos I e II desta Lei
Complementar.
O PREFEITO MUNICIPAL DE PARNAMIRIM, ESTADO DO
RIO GRANDE DO NORTE: Art.5º - No âmbito do Sistema Único de Saúde, o Plano de Cargos,
Carreiras e Vencimento dos profissionais da saúde da Secretaria
Faço saber que o Poder Legislativo decreta e eu sanciono a seguinte Municipal de Saúde de Parnamirim deverá observar os seguintes
Lei Complementar: princípios:

I – da universalidade dos planos de carreiras, entendendo-se por


este que os planos deverão abarcar todos os profissionais da
CAPÍTULO I saúde dos diferentes órgãos e instituições integrantes do Sistema
Único de Saúde;
DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
II – da equivalência dos cargos ou empregos, compreendendo
isto a correspondência dos cargos criados nas três esferas de
Art.1º - Esta Lei Complementar institui o Plano de Cargos, Carreiras e
governo no que se refere à denominação, à natureza das
Vencimento – PCCV dos profissionais da saúde da Secretaria Municipal
atribuições e à qualificação exigida para o seu exercício;
de Saúde de Parnamirim/RN.
III – do concurso público de provas ou de provas e títulos,
Parágrafo único. O regime jurídico dos cargos definidos por significando este à única forma de ingresso no serviço, para o
esta Lei Complementar, é o Estatutário, instituído pela Lei exercício de cargo ou emprego e acesso à carreira;
Orgânica do Município de Parnamirim/RN. IV – da mobilidade, entendida está como garantia de trânsito dos
profissionais da saúde pelas diversas esferas de governo, sem
Art.2º - O Plano de Cargos, Carreiras e Vencimento dos profissionais da perda de direitos e da possibilidade de desenvolvimento na
saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim, de que dispõe a carreira;
presente Lei, fixa as diretrizes básicas da política de pessoal do órgão, a V – da flexibilidade, importando este na garantia de permanente
estrutura de cargos que compõem o seu quadro de pessoal e os adequação do plano de carreiras às necessidades e à dinâmica do
respectivos níveis e classes de remuneração, objetivando: Sistema Único de Saúde;
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 1 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 2 de 33
DOM2771

VI – da gestão partilhada das carreiras, entendida como garantia VI – NÍVEL: é a graduação ascendente do cargo na carreira;
da participação dos profissionais de saúde, através de VII – CLASSE: é a referência de vencimento básico que indica a
mecanismos legitimamente constituídos, na formulação e gestão posição do servidor na escala de vencimento da carreira, fixada
do seu respectivo plano de carreiras; no quadro de vencimento dos servidores ocupantes de cargo de
VII – das carreiras como instrumento de gestão, entendendo-se provimento efetivo da Secretaria de Saúde da Prefeitura
por isto que o plano de carreiras deverá se constituir num Municipal de Parnamirim, de acordo com os critérios temporais
instrumento gerencial de política de pessoal integrado ao e avaliação de desempenho.
planejamento e ao desenvolvimento organizacional; VIII – CARREIRA: é a trajetória do trabalhador desde o seu
VIII – da educação permanente, importando este o atendimento ingresso no cargo ou emprego até o seu desligamento, regida por
da necessidade permanente de oferta de educação aos regras específicas de ingresso, desenvolvimento profissional,
trabalhadores do SUS; remuneração e avaliação de desempenho;
IX – da avaliação de desempenho, entendido como um processo IX - VENCIMENTO: retribuição pecuniária básica, devida pelo
pedagógico focado no desenvolvimento profissional e exercício do cargo/função, fixada e alterada exclusivamente por
institucional; e, Lei;
X – do compromisso solidário, no qual o plano de carreiras é um X - REMUNERAÇÃO: vencimento do cargo/função acrescido
ajuste firmado entre gestores e profissionais da saúde em prol da das vantagens pecuniárias permanentes, das vantagens
qualidade dos serviços, do profissionalismo e da adequação pecuniárias variáveis e das vantagens pecuniárias temporárias,
técnica do profissional às necessidades dos serviços de saúde. excetuando as verbas de natureza indenizatória;
XI – VERBA DE NATUREZA INDENIZATÓRIA: Parcela
Art.6º - Para os efeitos desta Lei, considera-se os seguintes conceitos: eventual ou transitória, recebida pelo servidor em função do seu
ofício, a título de contraprestação por despesas extraordinárias
I – Sistema Único de Saúde (SUS) é o conjunto de ações e não abrangidas pela remuneração mensal, e realizadas no
serviços de saúde prestados por órgãos e instituições públicas interesse do serviço, não incorporável ao vencimento do servidor
federais, estaduais e municipais, da Administração direta e para qualquer efeito.
indireta e das fundações mantidas pelo Poder Público. Inclusas
neste conceito as instituições de controle de qualidade, pesquisa a. DIÁRIA: indenização paga ao servidor público que se desloca
e produção de insumos, medicamentos, sangue, hemoderivados temporariamente para prestação do serviço público. As diárias
e equipamentos para saúde; são pagas para que o servidor possa arcar com as despesas de
II – PROFISSIONAIS DA SAÚDE: são todos aqueles que acomodação, alimentação e locomoção urbana. (Adicionado
detém formação profissional, técnica ou acadêmica com pela Emenda nº04/2019).
reconhecimento legal, para o desempenho de atividades ligadas
diretamente ao cuidado ou ações de saúde; b. AJUDA DE CUSTO: Trata-se de indenização paga para o
III – CARGO PÚBLICO: é a unidade básica de atribuição servidor público que se desloca da sede, de forma permanente,
prevista na estrutura organizacional da Instituição, de natureza no interesse da administração pública, com mudança de
permanente, denominação específica e número certo, criada por domicílio, vedado o duplo pagamento de indenização, a qualquer
Lei e ocupada por um servidor público a quem são cometidos tempo, no caso de o cônjuge ou companheiro que detenha
deveres e responsabilidades substancialmente idênticos quanto à também a condição de servidor, vier a ter exercício na mesma
natureza do trabalho e ao grau de complexidade da atividade sede.(Adicionado pela Emenda nº04/2019).
exercida;
IV – ATRIBUIÇÕES: são os conjuntos de atividades, inerentes c. TRANSPORTE: É indenização paga ao servidor público que
a um cargo ou função, necessárias para a execução de um realiza despesa com utilização de meio próprio de locomoção
serviço; para a execução de serviços públicos externos, por força das
V – GRUPO OCUPACIONAL: é o conjunto de cargos atribuições próprias do cargo. (Adicionado pela Emenda
agrupados segundo o grau de instrução formal exigido para a nº04/2019).
investidura de seus ocupantes, compreendendo:
XII - ATO DE CORRELAÇÃO: ato administrativo de
a) Grupo de Nível Médio (GNM): constituído dos cargos cujo adequação e posicionamento do servidor em exercício, e na
provimento exige, do ocupante, escolaridade em Nível de Ensino inatividade, na nova tabela de classes e níveis.
Médio Completo podendo ser exigida formação especializada, XIII – ENQUADRAMENTO: é o ato pelo qual se estabelece a
experiência, titulação e registro profissional específico, segundo posição do trabalhador em um determinado cargo ou emprego,
a natureza, o grau de responsabilidade e a complexidade das classe e padrão de vencimento ou de salário, em face da análise
atribuições inerentes a cada cargo; de sua situação jurídico funcional;

b) Grupo de Nível Superior (GNS): constituído dos cargos cujo


provimento exige, do ocupante, diploma de conclusão de ensino
superior, podendo ser exigida formação especializada, CAPÍTULO II
experiência, titulação e registro profissional específico, segundo
DOS PRINCÍPIOS BÁSICOS DO SUS
a natureza, o grau de responsabilidade e a complexidade das
atribuições inerentes a cada cargo. Art.7º - As ações e serviços públicos de saúde e os serviços privados
contratados ou conveniados que integram o Sistema Único de Saúde -
c) Grupo de Nível Superior Médico (GNSM): constituído do
SUS são desenvolvidos de acordo com as diretrizes previstas no Art.198
cargo cujo provimento exige, do ocupante, diploma de conclusão
da Constituição Federal, obedecendo ainda aos seguintes princípios:
de ensino superior em medicina, podendo ser exigida formação
especializada, experiência, titulação e registro profissional I - universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os
específico, segundo a natureza, o grau de responsabilidade e a níveis de assistência;
17/05/2019 complexidade das atribuições inerentes ao cargo.
Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 2 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 3 de 33
DOM2771

II - integralidade de assistência, entendida como um conjunto DO INGRESSO


articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e
curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em Art.11 - O ingresso nos cargos de provimento efetivo da carreira dos
todos os níveis de complexidade do sistema; profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim
III - preservação da autonomia das pessoas na defesa de sua dar-se-á, inicialmente, através da aprovação prévia em concurso público
integridade física e oral; de provas ou de provas e títulos, observando-se o grau de instrução
IV - igualdade da assistência à saúde, sem preconceitos ou exigido e atendimento dos requisitos estabelecidos no perfil do cargo,
privilégios de qualquer espécie; constante do Anexo II.
V - direito à informação, às pessoas assistidas, sobre sua saúde;
VI - divulgação de informações quanto ao potencial dos serviços Parágrafo único. O ingresso dar-se-á no primeiro Nível “1”,
de saúde e a sua utilização pelo usuário; Classe “A”, do grupo ocupacional previsto para o respectivo
VII - utilização da epidemiologia para o estabelecimento de cargo, conforme determinado no quadro de Vencimentos
prioridades, a alocação de recursos e a orientação programática; definida no Anexo I, observando-se os dispositivos previstos na
VIII - participação da comunidade; Lei Orgânica do Município de Parnamirim, Estado do Rio
IX - descentralização político-administrativa, com direção única Grande do Norte.
em cada esfera de governo:

a) ênfase na descentralização dos serviços para os municípios; CAPÍTULO VII

DA GESTÃO DA CARREIRA
b) regionalização e hierarquização da rede de serviços de saúde.

X - integração em nível executivo das ações de saúde, meio Art.12 - Compete à Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim a
ambiente e saneamento básico; gestão da Carreira dos profissionais da saúde efetivos da Secretaria de
XI - conjugação dos recursos financeiros, tecnológicos, Saúde da Prefeitura Municipal de Parnamirim, Estado do Rio Grande do
materiais e humanos da União, dos Estados, do Distrito Federal Norte de que trata esta Lei.
e dos Municípios na prestação de serviços de assistência à saúde
da população;
XII - capacidade de resolução dos serviços em todos os níveis CAPÍTULO VIII
de assistência; e
XIII - organização dos serviços públicos de modo a evitar DO ENQUADRAMENTO
duplicidade de meios para fins idênticos.
Art.13 - Os profissionais da saúde integrantes do Quadro de Pessoal da
Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim podem optar pelo
enquadramento decorrente da aplicação desta Lei Complementar ou pela
CAPÍTULO III permanência nos atuais cargos públicos de que são titulares, até o
respectivo desligamento.
DAS ATRIBUIÇÕES DOS PROFISSIONAIS
§1º. O enquadramento é exclusivo para o profissional efetivo da saúde,
Art.8° - Os profissionais da saúde no desempenho das suas funções, de
lotado, relotado e redistribuído na Secretaria Municipal de Saúde de
acordo como que preceitua a legislação em vigor, bem como as normas e
Parnamirim até a publicação desta Lei Complementar e dá-se mediante
diretrizes estabelecidas no anexo II.
opção expressa do servidor, a ser formalizada por requerimento, no prazo
de cento e vinte dias, a partir da publicação desta Lei Complementar.
CAPÍTULO IV
§2º. Para fins de enquadramento dessa norma serão consideradas a carga
DO QUADRO DE PESSOAL horaria e a função, efetivamente, desempenhada pelos profissionais de
saúde.
Art.9° - O quadro permanente de profissionais da saúde da Secretaria
Municipal de Saúde de Parnamirim compreende: os cargos de §3º. Para fins de enquadramento inicial dos profissionais da saúde em
provimento efetivo, estruturados em grupos ocupacionais, níveis de níveis e classes desta Lei, serão computados o tempo de serviço,
vencimento e classes, de acordo com a escolaridade, natureza, grau de efetivamente prestado, ao município, e os títulos já adquiridos e
complexidade e responsabilidade das respectivas atividades e as concluídos, ficando dispensado para tanto, os critérios de desempenho e
qualificações exigidas para o seu desempenho, que estão relacionados avaliação, utilizando como parâmetro para inserção do profissional da
nos Anexo I e II; saúde, os quadros dos anexos IV e V, da presente norma.

§4º. O prazo para enquadramento de possíveis servidores retardatários


será reaberto por mais cento e vinte dias, após um ano, a contar da data
CAPÍTULO V referência do enquadramento.

DA CARREIRA §5º. VETADO.

Art.10 - A carreira dos profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Art. 14 - Os profissionais da saúde, lotados na Secretaria Municipal de
Saúde de Parnamirim, é organizada em grupos ocupacionais, classes e Saúde de Parnamirim, até a publicação desta Lei Complementar, são
níveis, na forma do Anexo I e II desta Lei Complementar. enquadrados de acordo com o disposto no Anexo III, desta Lei, da
seguinte forma:

I - os cargos públicos preexistentes de nível médio, em cargos


17/05/2019 CAPÍTULO VI Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN
efetivos do Grupo de Nível Médio (GNM); Página 3 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 4 de 33
DOM2771

II - os cargos públicos preexistentes de nível superior, em cargos Art.17 - O servidor tem o prazo de 2 anos, a contar da data da publicação
efetivos do Grupo de Nível Superior (GNS). do resultado, para recorrer da decisão que originou o seu enquadramento.
III - os cargos públicos preexistentes de médico, em cargos
efetivos do Grupo de Nível Superior Médico (GNSM). Art.18 - Na hipótese de redução do vencimento-base dos ocupantes dos
cargos da Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim, resultante dos
§1°. A hierarquização no Grupo Ocupacional se dá mediante o cômputo enquadramentos previstos nesta Lei Complementar, a diferença será paga
do tempo de serviço efetivo prestado, exclusivamente, no serviço público a título de vantagem pessoal nominalmente identificada.
municipal da Prefeitura Municipal de Parnamirim, à razão de uma classe
a cada dois anos, desde que aprovado em avaliação de desempenho, §1º. A vantagem pessoal nominalmente identificada será calculada a
posicionando o servidor, mediante enquadramento, na ordem de “A” a partir da diferença existente entre o vencimento percebido pelo servidor e
“P”, de forma subsequente, respeitando a posição atual. o nível de vencimento resultante do enquadramento.

§2°. As frações de tempo de serviço não utilizadas na hierarquização do §2º. No valor do vencimento anterior, para fins de verificação da
servidor serão consideradas como cumprimento parcial do interstício para ocorrência de redução prevista no caput deste artigo, não se incluem os
os fins de progressão. valores pagos a título de adicional pelo exercício de atividade penosa,
insalubre ou perigosa, adicional por serviço extraordinário, adicional por
§3°. O tempo de serviço público para efeito de hierarquização é tempo de serviço, adicional noturno, vantagens incorporadas pelo
computado até o último dia anterior à data da vigência da presente Lei servidor, ou qualquer outra gratificação prevista em anterior a esta.
Complementar.
Art.19 - O enquadramento dos atuais profissionais da saúde da
Art. 15 - Para efeito de hierarquização, não será considerado como de Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim, nos cargos públicos
efetivo exercício no cargo, o tempo relativo a: previstos neste Plano de Cargos, Carreiras e Vencimento obedece ao
disposto nos Anexos I, III e IV e V desta Lei Complementar.
I - faltas injustificadas;
II - gozo de licença para trato de interesses particulares; Art.20 - O cômputo do tempo de serviço público efetivo municipal, para
III - afastamento sem remuneração para acompanhar cônjuge ou efeito de hierarquização, posicionará o servidor no vencimento
companheiro; correspondente ao Grupo Ocupacional a que pertença o cargo público,
IV - suspensão disciplinar; conforme Anexo I, desta Lei Complementar.
V - prisão decorrente de decisão judicial;
VI – Cessão de servidor para Órgão ou Entidade não integrante
do Sistema Único de Saúde – SUS;
VII – Período de vacância decorrente da assunção de outro cargo
CAPÍTULO IX
público inacumulável.

Art.16 - Fica instituída a Comissão Permanente do Plano de Cargos, DAS FORMAS DE DESENVOLVIMENTO NA CARREIRA
Carreiras e Vencimento, composta por sete membros titulares, sendo três
Art.21 - O desenvolvimento dos profissionais da saúde na carreira dar-
indicados pela Secretaria Municipal de Saúde, dois profissionais
se-á, exclusivamente, pela mudança de nível e classe, mediante promoção
indicados pelos sindicatos de classe, um representante do Conselho
por capacitação profissional ou progressão por mérito profissional, após
Municipal de Saúde e o titular da pasta na condição de presidente.
o cumprimento de interstício mínimo exigido, salvo se houver resíduos
§1° O presidente da Comissão Permanente do Plano de Cargos, de tempo de serviços decorrentes do enquadramento do servidor neste
Carreiras e Vencimentos será o titular da secretaria municipal de saúde; Plano de Cargos, Carreira e Vencimento - PCCV.

§1º. A Progressão por mérito Profissional é a mudança de classe de


§2° A Comissão Permanente do Plano de Cargos, Carreiras e
Vencimentos, tem as seguintes atribuições: vencimento imediatamente subsequente, a cada 2 (dois) anos de efetivo
exercício, desde que o servidor apresente resultado fixado em programa
I – propor normas regulamentadoras desta Lei relativas às de avaliação de desempenho, respeitando a ordem de classe de “A” a “P”.
diretrizes gerais, ingresso, progressão, capacitação e avaliação de
desempenho; §2º. O servidor que fizer jus à Promoção por Capacitação será
II - elaborar os instrumentos necessários aos procedimentos de posicionado no nível subsequente, de acordo com anexo V, mantendo-se
enquadramento e providenciar e coordenar o recolhimento das na classe de vencimento que já estava enquadrado.
informações pertinentes sobre a situação funcional dos
Art.22 - O desenvolvimento funcional dar-se-á por promoção vertical,
servidores;
caracterizada pela movimentação do servidor de um nível de vencimento
III - analisar as informações recolhidas para efeito de
para outro imediatamente superior, dentro do mesmo Grupo Ocupacional
identificação da situação funcional correspondente ao Plano de
ou por progressão horizontal, caracterizada pela movimentação do
Cargos, Carreiras e Remuneração;
servidor da classe em que se encontra para a imediatamente superior, sem
IV - elaborar e encaminhar a proposta final de enquadramento à
que haja a mudança de sua categoria funcional.
deliberação do Titular da Secretaria Municipal de Saúde de
Parnamirim; Art.23 - Para efeito de progressão funcional, não será considerado como
V – examinar os casos omissos referentes ao Plano de Cargos, de efetivo exercício no cargo, o tempo relativo a:
Carreiras e Vencimentos, encaminhando-os à apreciação dos
órgãos competentes; I - faltas injustificadas;
II - licença para tratamento de interesses particulares;
§3º. A Comissão Permanente do Plano de Cargos, Carreiras e III - afastamento sem remuneração para acompanhar cônjuge ou
Vencimentos terá mandato de dois anos.
companheiro;
17/05/2019
IV - suspensão disciplinar;
Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 4 de 33
DOM2771 V - prisão decorrente de decisão judicial.
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 5 de 33
DOM2771

Art.24 - A progressão por Mérito Profissional, dar-se-á mediante a I - para o regime de trabalho (RT) de vinte horas semanais, o
movimentação do servidor, dentre a classe de vencimento de “A” a “P”, limite de horas trabalhadas em regime de plantão é de setenta e
imediatamente subsequente ao que se encontra, pertencente ao mesmo duas horas mensais;
Grupo Ocupacional, após resultado favorável obtido em Avaliação de II - para o regime de trabalho (RT) de trinta horas semanais, o
Desempenho. limite de horas trabalhadas em regime de plantão é de cento e
oito horas mensais.
Art.25 - A Promoção por Capacitação Profissional dar-se-á mediante a III - para o regime de trabalho (RT) de quarenta horas semanais,
movimentação do servidor de um nível para o outro, sem mudança do o limite de horas trabalhadas em regime de plantão é de cento e
Grupo Ocupacional ou Classe, desde que seja comprovada a respectiva quarenta e quatro horas mensais.
certificação de conclusão de curso de educação formal superior, IV – para o regime de trabalho (RT) de vinte e quatro horas
legalmente reconhecido, exigido para o cargo de que é titular, conforme semanais dos técnicos em radiologia, o limite de horas
Anexo V. trabalhadas em regime de plantão é de noventa e seis horas
mensais.
Art.26 – VETADO.
Art.32 - Fica instituído o plantão eventual, remunerado como serviço
complementar, para atender a situações excepcionais e temporárias de
CAPÍTULO X necessidades do serviço, respeitando o limite máximo de quarenta e oito
horas por servidor, conforme os valores previstos na Lei 922, de 04 de
DA AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO
julho de 1997, com suas alterações.
Art.27 - A Avaliação de Desempenho tem por objetivo aferir o
Art.33 - Os profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Saúde de
desempenho dos profissionais da saúde quanto a sua eficiência e
Parnamirim, somente podem ser cedidos, mediante autorização do Chefe
efetividade, bem como contribuir para a implementação de ações
Executivo, para outro órgão ou instituição do Sistema Único de Saúde,
gerenciais aptas a subsidiar a política de aperfeiçoamento profissional e
nas seguintes hipóteses:
desenvolvimento dos profissionais da Secretaria Municipal de Saúde de
Parnamirim, com vistas à excelência dos serviços prestados. I - para exercer cargo em comissão ou função de direção, chefia
ou assessoramento e mandato classista;
Art.28 – VETADO.
II - para exercer as funções do cargo ou emprego no qual é
investido no órgão ou instituição cedente.

CAPÍTULO XI §1º Na hipótese do inciso I, o ônus da remuneração é do órgão ou


instituição cessionário, exceto para mandato classista que não perceberá
DA GESTÃO DO TRABALHO perdas de vencimentos nem vantagens.

Art.29 - Os profissionais da saúde integrantes do quadro de pessoal da §2° O servidor cedido nos termos deste artigo, com ônus da remuneração
Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim cumprem um dos para o órgão cedente, somente percebe o vencimento básico do seu cargo
seguintes regimes de trabalho (RT): e as vantagens pessoais.

I - regime de trabalho (RT) de vinte horas e ou quarenta §3º. Os profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Saúde de
semanais, para o profissional médico com carga horária diária de Parnamirim, somente podem ser cedidos para órgãos ou entidades não
quatro horas completas, de acordo com o Anexo I desta Lei; componentes do Sistema Único de Saúde com o ônus da remuneração
II – regime de trabalho (RT) de quarenta horas semanais, com para o órgão ou entidade cessionário, exceto para mandato classista.
carga horária diária de oito horas completas em dois turnos de
quatro horas, com intervalo entre turnos, de acordo com o
Anexo I desta Lei; CAPÍTULO XII
III – regime de trabalho (RT) de vinte e quatro horas semanais
DAS VANTAGENS REMUNERATÓRIAS
para o Técnico em Radiologia;
Art.34 - O vencimento dos profissionais da saúde do Quadro de Pessoal
§1º. Os servidores do grupo de nível superior podem pleitear redução de
da Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim são os constantes do
carga horária para vinte horas ou trinta horas semanais, ou seu retorno a
Anexo I desta Lei.
carga horária originária, com vencimentos proporcionais à jornada de
trabalho atribuída, sendo discricionário o acatamento da solicitação, de §1º O vencimento básico dos profissionais da saúde integrantes da
acordo com a necessidade da Gestão. carreira encontra-se hierarquizado em níveis e classes, na ordem
crescente, observado o respectivo quadro de vencimento, conforme
§2º. Os profissionais da saúde que tenham redução de jornada prevista
Anexo I.
na Lei Complementar nº092/2015 como também nas Leis constantes no
ANEXO II, que estejam no efetivo cumprimento das atividades §2º Os valores constantes na Tabela de Vencimento Básico dos
correspondentes ao benefício, será enquadrado para fins desta norma, de profissionais da saúde, serão acrescidos das vantagens pecuniárias a que
acordo com a jornada fixada no vinculo funcional. (Modificado pela tiver direitos previstos na Lei Orgânica Municipal de Parnamirim, no que
Emenda nº01/2019). couber, com as alterações asseguradas em legislação específica.
Art.30 - Fica instituída a jornada de trabalho de doze horas diárias §3º. Fica assegurado aos profissionais da saúde ocupantes dos cargos de
completas em regime de plantão, com intervalo obrigatório de 36 horas, provimento efetivo dos níveis 1,2,3,4 e 5 do Grupo Ocupacional Saúde
entre as jornadas. Pública, da Secretaria Municipal de Saúde do município de Parnamirim-
RN, o percentual de 20% (vinte por cento) a título de diferença, quanto
Art.31 - O máximo de hora trabalhada em regime de plantão é limitado
17/05/2019 Diário Oficial do Municípioaodevalor pecuniário existente entre cada Nível, conforme Página
Parnamirim/RN os termos
5 de 33
pelo regime de trabalho (RT) dos servidores. DOM2771 previstos no Anexo I desta Lei Complementar.
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 6 de 33
DOM2771

§4º. Fica assegurado aos profissionais da saúde ocupantes dos cargos de III – Desempenhar com zelo e presteza os trabalhos de que
provimento efetivo das classes de “A” a “P” do Grupo Ocupacional forem incumbidos;
Saúde Pública, da Secretaria Municipal de Saúde do município de IV – Tratar com urbanidade os companheiros de trabalho e as
Parnamirim-RN, o percentual de 3% (três por cento) a título de diferença, partes, atendendo-as sem preferências pessoais;
quanto ao valor pecuniário existente entre cada classe, conforme os V – Providenciar para que esteja sempre em ordem, no
termos previstos no Anexo I desta Lei Complementar. assentamento individual, sua declaração de família;
VI – Manter espírito de solidariedade e de colaboração com os
§5º. O menor vencimento atribuído aos cargos de provimento efetivo da companheiros de trabalho;
carreira não será inferior ao salário-mínimo vigente no país. VII – Apresentar-se convenientemente trajado em serviço ou
com uniforme que for determinado em cada caso;
§6º. As verbas destinadas à progressão e à promoção deverão ser objeto VIII – Guardar sigilo sobre os assuntos da repartição e sobre os
de previsão em Lei Orçamentária. despachos, decisão e providências;
IX – Representar a seu chefe imediato sobre todas as
irregularidades de que tiver conhecimento, ocorridas na
CAPÍTULO XIII
repartição em que servir, ou às autoridades superiores, por
DOS DIREITOS intermédio do respectivo chefe, quando este não tomar em
consideração sua representação;
Art.35 - São direitos dos profissionais da saúde: X – Zelar pela economia do material do Município e pela
conservação do que for confiado à sua guarda e utilização;
I - ambiente de trabalho adequado, material e equipamentos XI – Atender prontamente, com preferência sobre qualquer outro
adequados e suficientes para exercer, com eficiência, as suas serviço:
atribuições;
II - remuneração baseada na titulação e avaliação de a) às requisições para a defesa da Fazenda Pública;
desempenho;
III - participação no planejamento de programas, reuniões, b) à expedição das certidões requeridas para defesa de direitos;
conselhos, comissões de saúde;
XII – apresentar relatórios ou resumos de suas atividades, nas
IV -percepção integral de seus vencimentos quando convocados
hipóteses e prazos previstos em lei, regulamento ou regimento;
para serviços de suporte em saúde no órgão central da Secretaria
XIII – sugerir providências tendentes à melhoria e
Municipal de Saúde.
aperfeiçoamento do serviço.
V - contínuo processo de atualização, aperfeiçoamento e
especialização profissional;
VI - período reservado a estudos, planejamento e avaliação,
incluído na jornada de trabalho; CAPÍTULO XV
VII- a progressão e promoção funcional baseada na habilitação,
titulação, avaliação de desempenho; DAS RESTRIÇÕES
VIII - respeito às especificações de suas funções;
IX - afastamento para participação em cursos de qualificação Art.37 - Ao funcionário é vedado:
profissional, com ônus para o erário municipal desde que
contemplem as necessidades da saúde e, sem ônus, nos demais I – Referir-se, de modo depreciativo, pela imprensa, em
casos. informação, parecer ou despacho, às autoridades e a atos da
X - afastamento para ocupar cargo em diretoria de entidades de administração pública, podendo, porém, em trabalho assinado,
classe da categoria de saúde, sem prejuízo dos seus vencimentos apreciá-la do ponto de vista doutrinário ou de organização de
e vantagens. serviço, com o fito de colaboração e cooperação;
XI - retorno à sede da Secretaria Municipal de Saúde quando o II – Retirar, sem prévia autorização da autoridade competente,
afastamento do profissional da saúde ocorrer para: qualquer documento ou objeto da repartição;
III – Atender, com frequência, pessoas na repartição, para tratar
a) gozo de licença por interesse particular; de assuntos particulares;
IV – Vale-se do cargo para lograr proveito pessoal;
b) integrar cargo eletivo de diretoria de entidade de classe. V – Coagir ou aliciar subordinados com objetivo de natureza
partidária;
c) frequentar cursos de pós-graduação. VI – Praticar a usura em qualquer de suas formas;
VII – Pleitear como procurador ou intermediário, junto às
repartições públicas municipais, salvo quando se tratar de
percepção de vencimento ou vantagens de parente até 2º grau;
VIII – Receber propinas, comissões, presentes e vantagens de
CAPÍTULO XIV
qualquer espécie, em razão das atribuições;
DOS DEVERES IX – Empregar material do serviço público em serviços
particulares;
Art.36 - São deveres do funcionário: X – Cometer a pessoa estranha à repartição, fora dos casos
previstos em lei, o desempenho de encargo que lhe competir ou a
I – Comparecer à repartição nas horas de trabalho ordinário e nas seus subordinados;
de trabalho extraordinário quando devidamente convocado, XI – Exercer atribuições diversas das de seu cargo ou função,
executando os serviços que lhe competirem; ressalvados os casos previstos em lei ou regulamento.
II – Cumprir as ordens superiores, exceto quando forem
17/05/2019
manifestamente ilegais; Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 6 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 7 de 33
DOM2771

CAPÍTULO XVI cargos de Médico Proctologista;

DAS DISPOSIÇÕES TRANSITÓRIAS E FINAIS cargos de Médico Pneumologista;

Art.38 – Compõem o Quadro de Pessoal da Secretaria Municipal de cargos de Médico Pediatra Neonatal;
Saúde do Município de Parnamirim os seguintes grupos de cargos
públicos de provimento efetivo (Modificado pela Emenda nº01/2019): cargos de Médico Pediatra;

a. Grupo de Nível Médio cargos de Médico Otorrinolaringologista;

cargos de Auxiliar de Enfermagem (Adicionado pela cargos de Médico Ortopedista e Traumatologista;


Emenda nº02/2019).
cargos de Médico Oftalmologista;
cargos de Técnico de Saúde Bucal de ESF;
cargos de Médico Obstetra;
cargos de Técnico de Enfermagem de ESF;
cargos de Médico Nefrologista;
cargos de Técnico em Radiologia;
cargos de Médico Neurologista Pediátrico;
cargos de Técnico em Nutrição e Dietética;
cargos de Médico Neurologista;
cargos de Fiscal da Vigilância Sanitária (nível médio);
cargos de Médico Mastologista;
cargos de Técnico em Higiene Dental;
cargos de Médico Infectologista;
cargos de Técnico em Enfermagem;
cargos de Médico Geriatra;
cargos de Técnico em Laboratório;
cargos de Médico Gastroenterologista;
cargos de Agente de Controle de Zoonoses;
cargos de Médico Ginecologista;
cargos de Agente de Combate às Endemias;
cargos de Médico Endocrinologista Infantil;
cargos de Agente Comunitário de Saúde;
cargos de Médico Endocrinologista;
cargos de Agente Social;
cargos de Médico Dermatologista;

cargos de Médico Especialista em Cardiograma e


b. Grupo de Nível Superior Ergometria;

cargos de Odontólogo/Cirurgião-Dentista ESF; cargos de Médico Cardiologista;

cargos de Enfermeiro de ESF; cargos de Médico Cirurgião Pediátrico;

cargos de Médico de ESF; cargos de Médico Cirurgião Geral;

cargos de Tecnólogo em Radiologia; cargos de Médico Cardiologista;

cargos de Terapeuta Ocupacional; cargo de Médico Alergologista;

cargos de Psicólogo; cargos de Médico Angiologista;

cargos de psicopedagogo; cargos de Médico Anestesiologista;

cargos de pedadogo; cargos de Médico Clínico;

cargos de Nutricionista; cargos de Fonoaudiólogo;

cargos de Médico Veterinário; cargos de Fisioterapeuta;

cargos de Médico Ultrassonografia; cargos de Farmacêutico Bioquímico;

cargos de Médico Urologista; cargos de Farmacêutico;

cargos de Médico Reumatologista; cargos de Enfermeiro;

cargos de Médico Radiologista; cargos de Educador Físico;

cargos de Médico Psiquiatra; cargos de Cirurgião Dentista Pediátrico;


17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 7 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 8 de 33
DOM2771

cargos de Cirurgião Dentista Necessidades Especiais; Geral do Poder Executivo do Município de Parnamirim, Estado do Rio
Grande do Norte, a ser aplicado sobre o vencimento básico de cada
cargos de Cirurgião Dentista Protesista; Grupo Ocupacional a partir de 01 de julho de 2019, sobre os valores
constantes do Anexo I; desde de que a prefeitura tenha atingindo os 46,8
cargos de Cirurgião Dentista Periodontista; do limite de alerta constante no termo de ajustamento de gestão – TAG
2017.
cargos de Cirurgião Dentista Endodontista;
§1º. A implantação de que trata o caput deste artigo, uma vez não
cargos de Cirurgião Dentista Buco Maxilar;
atingido o limite de alerta, de que trata o Termo de Ajustamento de
cargos de Cirurgião Dentista; Gestão – TAG 2017, fica suspenso até o atingimento desta meta,
devendo ser implantando no mês subsequente.
cargos de Auditor de Saúde;
§2º. A promoção por capacitação profissional só ocorrerá um ano após a
cargos de Fiscal da Vigilância Sanitária (nível superior); efetivação do PCCV e dos compromissos assumidos pelo Termo de
Ajustamento de Gestão – TAG 2017.
cargos de Assistente Social;
Art.44 - A lotação dos cargos públicos de provimento efetivo de que
Parágrafo Único – O cargo de técnico em radiologia terá trata essa Lei Complementar será feita exclusivamente na SESAD de
garantidos os seguintes direitos: Parnamirim, e será fixada mediante ato do chefe do Executivo Municipal.

a. Carga horária semanal de 24 h; Art.45 - A lotação dos cargos públicos de provimento efetivo de que
trata esta Lei Complementar será feita exclusivamente na Secretaria
b. Férias semestrais de 20 dias; Municipal de Saúde de Parnamirim, e será fixada mediante ato do Chefe
do Executivo Municipal, de acordo com as necessidades do serviço.
c. Adicional de insalubridade de 40 %.
Art.46 - Nenhuma redução de vencimento pode resultar da aplicação
Art.39 - Caberá à Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim instituir desta Lei, sendo assegurada, na forma de Vantagem Pessoal
o Plano de Desenvolvimento Institucional que contemplará o Plano de Nominalmente Identificada, a parcela correspondente à diferença
Desenvolvimento dos integrantes deste Plano de Cargos, Carreira e
eventualmente obtida, a qual é atualizada exclusivamente pelos índices
Vencimento mediante a execução de cursos de capacitação para os
gerais de reajuste dos servidores Públicos Municipais.
servidores ocupantes de cargos de provimento efetivo, de forma a aferir-
lhes a aptidão e o potencial de trabalho, transmitindo conhecimentos, Art.47 - As providências que se fizerem necessárias à implementação
métodos e técnicas, objetivando a habilitação para o adequado desta Lei Complementar serão custeadas com recursos oriundos de
desempenho de suas atribuições. dotações orçamentárias.

Art.40 - O Plano de Desenvolvimento dos integrantes do Plano de Art. 48 - O cargo de auxiliar de enfermagem, fica equiparado para fins
Cargos, Carreira e Vencimentos deverá conter: de implantação desta lei, ao cargo de Técnico de Enfermagem.

I - Dimensionamento das necessidades institucionais, com Art.49 - As despesas decorrentes da aplicação desta Lei Complementar
definição de modelos de alocação de vagas que contemplem a correrão por conta das dotações próprias da Secretaria Municipal de
diversidade da instituição; Saúde de Parnamirim, constantes do Orçamento Anual do Município.
II - Programa de Educação Permanente; e
III - Programa de Avaliação de Desempenho. Art.50 - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação, revogado as
disposições em contrário.
Art.41 - Os profissionais da saúde da Secretaria Municipal de Saúde de
Parnamirim, que estejam em estágio probatório, deverão ser submetidos à
avaliação específica para efetivação no cargo, só farão jus à primeira Parnamirim/RN, 15 de Maio de 2019.
progressão por Mérito Profissional após cumprido do estágio probatório.
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA
Art.42 - Os servidores da Secretaria de Saúde da Prefeitura Municipal de
Parnamirim, Estado do Rio Grande do Norte, que tenham tempo de Prefeito Municipal
serviço público municipal superior a 3 (três) anos, estarão aptos a
participar da primeira promoção por Capacitação profissional, desde que
preencha os demais requisitos estabelecidos no art. 25, desta Lei
ANEXO I
Complementar. (Modificado pela Emenda nº03/2019).

Art.43 - Os efeitos financeiros decorrentes da implantação desta Lei


Complementar decorrerão de recursos assegurados pelo Orçamento

17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 8 de 33


DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 9 de 33
DOM2771

RT: 40h (Legislação – Conselho Nacional de Assistência Social


(CNAS) - 3/9)
ANEXO II
ATRIBUIÇÕES: Desenvolver atividades de cuidados básicos
PERFIL DOS CARGOS EFETIVOS DO QUADRO essenciais para a vida diária e instrumentais de autonomia e participação
PERMANENTE DE PESSOAL DA SECRETARIA DE SAÚDE social dos usuários, a partir de diferentes formas e metodologias,
DA PREFEITURA MUNICIPAL DE PARNAMIRIM, ESTADO contemplando as dimensões individuais e coletivas; desenvolver
DO RIO GRANDE DO NORTE. atividades para o acolhimento, proteção integral e promoção da
autonomia e autoestima dos usuários; atuar na recepção dos usuários
PERFIL DOS PROFISSIONAIS DA SAÚDE DO MUNICÍPIO possibilitando uma ambiência acolhedora; identificar as necessidades e
DE PARNAMIRIM/RN demandas dos usuários; Apoiar os usuários no planejamento e
organização de sua rotina diária; Legislação – Conselho Nacional de
CARGOS NÍVEL MÉDIO
Assistência Social (CNAS), Apoiar e monitorar os cuidados com a
CARGO: Agente Social moradia, como organização e limpeza do ambiente e preparação dos
alimentos; apoiar e monitorar os usuários nas atividades de higiene,
17/05/2019
REQUISITO: Diário Oficial do Municípioorganização, alimentação e lazer; Apoiar e acompanhar os usuários
de Parnamirim/RN Página 9 em
de 33
DOM2771 atividades externas; desenvolver atividades recreativas e lúdicas;
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 10 de 33
DOM2771

potencializar a convivência familiar e comunitária; estabelecer e, ou, ATRIBUIÇÕES: Coletar o material biológico empregando técnicas e
potencializar vínculos entre os usuários, profissionais e familiares; apoiar instrumentações adequadas para testes e exames de Laboratório de
na orientação, informação, encaminhamentos e acesso a serviços, Análises Clínicas; atender e cadastrar pacientes; proceder ao registro,
programas, projetos, benefícios, transferência de renda, ao mundo do identificação, separação, distribuição, acondicionamento, conservação,
trabalho por meio de articulação com políticas afetas ao trabalho e ao transporte e descarte de amostra ou de material biológico; preparar as
emprego, dentre outras políticas públicas, contribuindo para o usufruto amostras do material biológico para a realização dos exames; auxiliar no
de direitos sociais; contribuir para a melhoria da atenção prestada aos preparo de soluções e reagentes; executar tarefas técnicas para garantir a
membros das famílias em situação de dependência; apoiar no integridade física, química e biológica do material biológico coletado;
fortalecimento da proteção mútua entre os membros das famílias; proceder a higienização, limpeza, lavagem, desinfecção, secagem e
contribuir para o reconhecimento de direitos e o desenvolvimento integral esterilização de instrumental, vidraria, bancada e superfícies; auxiliar na
do grupo familiar; apoiar famílias que possuem, dentre os seus membros, manutenção preventiva e corretiva dos instrumentos e equipamentos do
indivíduos que necessitam de cuidados, por meio da promoção de Laboratório de Análises Clínicas; organizar arquivos e registrar as cópias
espaços coletivos de escuta e troca de vivência familiar; participar das dos resultados, preparando os dados para fins estatísticos; organizar o
reuniões de equipe para o planejamento das atividades, avaliação de estoque e proceder ao levantamento de material de consumo para os
processos, fluxos de trabalho e resultado. diversos setores, revisando a provisão e a requisição necessária; Seguir
os procedimentos técnicos de boas práticas e as normas de segurança
biológica, química e física, de qualidade, ocupacional e ambiental;
guardar sigilo e confidencialidade de dados e informações conhecidas em
CARGO: Agente de Controle de Zoonoses decorrência do trabalho.
REQUISITO:

RT: 40h (PORTARIA Nº 1.138, DE 23 DE MAIO DE 2014)


CARGO: Técnico em Nutrição e Dietética
ATRIBUIÇÕES: Desenvolvimento e execução de atividades, ações e REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Nutrição Registro no CRN
estratégias relacionadas a animais de relevância para a saúde pública; (Conselho Regional Nutrição)
desenvolvimento e execução de ações, atividades e estratégias de
educação em saúde visando à guarda ou à posse responsável de animais RT: 40h (RESOLUÇÃO CFN N° 312/2003)
para a prevenção das zoonoses; coordenação, execução e avaliação das
ações de vacinação animal contra zoonoses de relevância para a saúde ATRIBUIÇÕES: Atividades em Unidade de Alimentação e Nutrição
pública, normatizadas pelo Ministério da Saúde, bem como notificação e (UAN) que prestem atendimento a populações sadias, tais como
investigação de eventos adversos temporalmente associados a essas restaurantes industriais e comerciais, hotéis, cozinhas experimentais,
vacinações; realização de diagnóstico laboratorial de zoonoses e creches, escolas e supermercados: acompanhar e orientar as atividades de
identificação das espécies de animais, de relevância para a saúde pública; controle de qualidade em todo processo, desde recebimento até
recomendação e adoção de medidas de biossegurança que impeçam ou distribuição, de acordo com o estabelecido no manual de boas práticas
minimizem o risco de transmissão de zoonoses e da ocorrência de elaborado pelo nutricionista responsável técnico, atendendo às normas de
acidentes causados por animais peçonhentos e venenosos relacionados à segurança alimentar; acompanhar e orientar os procedimentos culinários
execução das atividades de vigilância de zoonoses dispostas neste artigo; de pré-preparo e preparo de refeições e alimentos, obedecendo às normas
desenvolvimento e execução de ações, atividades e estratégias de controle sanitárias vigentes; conhecer e avaliar as características sensoriais dos
da população de animais, que devam ser executadas em situações alimentos preparados de acordo com o padrão de identidade e qualidade
excepcionais, em áreas determinadas, por tempo definido, para o controle estabelecido; acompanhar e coordenar a execução das atividades de
da propagação de zoonoses de relevância para a saúde pública; coleta, porcionamento, transporte e distribuição de refeições, observando o per
recebimento, acondicionamento, conservação e transporte de espécimes capita e a aceitação do cardápio pelos comensais; Supervisionar as
ou amostras biológicas de animais para encaminhamento aos atividades de higienização de alimentos, ambientes, equipamentos e
laboratórios, com vistas à identificação ou diagnóstico laboratorial de utensílios visando à segurança alimentar e difundindo as técnicas
zoonoses de relevância para a saúde pública; gerenciamento de resíduos sanitárias vigentes; orientar funcionários para o uso correto de uniformes
de serviços de saúde gerados pelas ações de vigilância de zoonoses de e de Equipamento de Proteção. Individual (EPI) correspondentes à
relevância para a saúde pública; recolhimento e transporte de animais, atividade, quando necessário; participar de programas de educação
quando couber, de relevância para a saúde pública; Recepção de animais alimentar para a clientela atendida, conforme planejamento previamente
vivos e de cadáveres de animais quando forem de relevância para a saúde estabelecido pelo nutricionista; realizar pesagem, mensuração e outras
pública; manutenção e cuidados básicos de animais recolhidos em técnicas definidas pelo nutricionista, para concretização da avaliação
estabelecimento responsável por vigilância de zoonoses pertencente ao nutricional e de consumo alimentar; colaborar com as autoridades de
Sistema Único de Saúde (SUS), observando normatização vigente fiscalização profissional e/ou sanitária; participar de pesquisas e estudos
quanto aos prazos estipulados de permanência do animal, quando houver; relacionados à sua área de atuação; coletar dados estatísticos relacionados
destinação adequada dos animais recolhidos; e investigação, por meio de aos atendimentos e trabalhos desenvolvidos na Unidade de Alimentação
necrópsia, coleta e encaminhamento de amostras laboratoriais ou outros e Nutrição (UAN); colaborar no treinamento de pessoal operacional;
procedimentos pertinentes, de morte de animais suspeitos de zoonoses de observar a aplicação das normas de segurança ocupacional; auxiliar no
relevância para saúde pública. controle periódico dos trabalhos executados; zelar pelo funcionamento
otimizado dos equipamentos de acordo com as instruções contidas nos
seus manuais; controlar programas de manutenção periódica de
funcionamento e conservação dos equipamentos; Participar do controle
CARGO: Técnico em Laboratório
de saúde dos colaboradores da Unidade de Alimentação e Nutrição
(UAN); desenvolver juntamente com o nutricionista campanhas
REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Laboratório Registro no
educativas para o cliente; elaborar relatórios das atividades
CRF (Conselho Regional Farmácia)
desenvolvidas.
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 10 de 33
RT: 40h (RESOLUÇÃO Nº 485 DE 21 DE AGOSTO DE 2008) DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 11 de 33
DOM2771

CARGO: Técnico em Saúde Bucal ATRIBUIÇÕES: Execução das técnicas: a) radiológica, no setor de
diagnóstico; b) radioterápica, no setor de terapia; c) radioisotópica, no
REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Saúde Bucal Registro no setor de radioisótopos; d) industrial, no setor industrial; e) de medicina
CRO (Conselho Regional Odontologia) nuclear. Executar exames radiológicos, sob a supervisão do médico
radiologista, posicionando adequadamente o paciente e acionando o
RT:40h aparelho de raios-X, para atender a requisições médicas; selecionar os
filmes a serem utilizados, atendendo ao tipo de radiografia requisitada
ATRIBUIÇÕES: Participar do treinamento e capacitação de Auxiliar
pelo médico, para facilitar a execução do trabalho; colocar os filmes no
em Saúde Bucal e de agentes multiplicadores das ações de promoção à
chassi, posicionando-os e fixando letras e números radiopacos no filme,
saúde; participar das ações educativas atuando na promoção da saúde e
para bater as chapas radiográficas; preparar o paciente, fazendo-o vestir
na prevenção das doenças bucais; participar na realização de
roupas adequadas e livrando-o de qualquer jóia ou objeto de metal, para
levantamentos e estudos epidemiológicos, exceto na categoria de
assegurar a validade do exame; colocar o paciente nas posições corretas,
examinador; ensinar técnicas de higiene bucal e realizar a prevenção das
medindo as distâncias para focalização da área a ser radiografada, para
doenças bucais por meio da aplicação tópica do flúor, conforme
obter chapas mais nítidas; acionar o aparelho de raios X, observando as
orientação do cirurgião-dentista; fazer a remoção do biofilme, de acordo
instruções de funcionamento, para provocar a descarga de radioatividade
com a indicação técnica definida pelo cirurgião-dentista; supervisionar,
sobre a área a ser radiografada; encaminhar o chassi com o filme à
sob delegação do cirurgião-dentista, o trabalho dos auxiliares de saúde
câmara escura, utilizando passa-chassi ou outro meio, para ser feita a
bucal; realizar fotografias e tomadas de uso odontológicos
revelação do filme; registrar o número de radiografias realizadas,
exclusivamente em consultórios ou clínicas odontológicas; Inserir e
discriminando tipos, regiões e requisitantes, para possibilitar a elaboração
distribuir no preparo cavitário, materiais odontológicos na restauração
de boletim estatístico; controlar o estoque de filmes, contrastes e outros
dentária direta, vedado o uso de materiais e instrumentos não indicados
materiais de uso no setor, verificando e registrando gastos, para
pelo cirurgião-dentista; proceder à limpeza e à anti-sepsia do campo
assegurar a continuidade dos serviços; manter a ordem e a higiene no
operatório, antes e após atos cirúrgicos, inclusive em ambientes
ambiente de trabalho, seguindo normas e instruções, para evitar
hospitalares; remover suturas; aplicar medidas de biossegurança no
acidentes; operar máquinas reveladoras automáticas para revelação,
armazenamento, manuseio e descarte de produtos e resíduos
fixação e secagem de chapas radiográficas; realizar as demais atividades
odontológicos; realizar isolamento do campo operatório; exercer todas as
inerentes à profissão.
competências no âmbito hospitalar, bem como instrumentar o cirurgião-
dentista em ambientes clínicos e hospitalares; quando integrante de
equipe da Estratégia de Saúde da Família, tem as atribuições definidas
pela Portaria GM/MS nº 2.488/2011 CARGO: Técnico de Farmácia

REQUISITO: Ensino médio + Técnico em Farmácia.

CARGO: Técnico em Enfermagem RT:40h

REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Enfermagem. ATRIBUIÇÕES: Exercer as tarefas de organização do ambiente de
trabalho observando as boas práticas na dispensação de medicamentos de
RT:40h
farmácia; auxiliar nas atividades desempenhadas pelo profissional
Farmacêutico nos estabelecimentos de; zelar pela ética profissional e
ATRIBUIÇÕES: Exercer atividades de nível médio, envolvendo
comercial na dispensação de produtos prescritos pelos profissionais
orientação e acompanhamento do trabalho de enfermagem em grau
habilitados da área de saúde; sob supervisão de farmacêutico, participar
auxiliar, cabendo-lhe assistir ao enfermeiro: a) no planejamento,
de campanhas educacionais de saúde e de vacinação, orientar e auxiliar a
programação, orientação e supervisão das atividades de assistência de
população em casos de vacinações, epidemias ou calamidades públicas.
enfermagem; b) na prestação de cuidados diretos de enfermagem a
(CTASP, 2011)
pacientes em estado grave; c) na prevenção e controle das doenças
transmissíveis em geral em programas de vigilância epidemiológica; d) na
prevenção e controle sistemático da infecção hospitalar; e) na prevenção e
controle sistemático de danos físicos que possam ser causados a CARGOS NÍVEL SUPERIOR
pacientes durante a assistência à saúde; f) na execução dos programas e
nas atividades de assistência integral à saúde individual e de grupos CARGO: Médico/ Médico Especialista
específicos, particularmente daqueles prioritários e de alto risco, bem
como nos programas de higiene e segurança do trabalho e de prevenção REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
de acidentes e de doenças profissionais e do trabalho; executar atividades Medicina Registro no CRM – Conselho Regional de Medicina/
de assistência de enfermagem, excetuadas as privativas do enfermeiro, Especialidade.
previstas legalmente; integrar a equipe de saúde; executar outras tarefas
RT:20h/40h
de mesma natureza ou nível de complexidade associado à sua
especialidade ou ambiente; Participar de comissões técnicas quando
ATRIBUIÇÕES: Exercer atividades profissionais da área da Saúde
necessário.
correspondentes à sua especialidade, tais como diagnósticos, prescrição
de medicamentos, tratamentos clínicos preventivos ou profiláticos,
exames pré-admissionais de candidatos nomeados para cargos públicos
CARGO: Técnico em Radiologia na Administração Municipal, perícias para fins de concessão de licenças
e aposentadorias, observadas as normas de segurança e higiene do
REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Radiologia Registro no trabalho; executar atividades de vigilância à Saúde; participar do
CRTR (Conselho Regional de Técnicos em Radiologia) planejamento, coordenação e execução de programas, estudos, pesquisas
e outras atividades de saúde; participar do planejamento da assistência à
RT: 24h semanais
17/05/2019 Diário Oficial do Municípiosaúde,
de Parnamirim/RN Página 11 de 33
articulando-se com as diversas instituições para implementação
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 12 de 33
DOM2771

das ações integradas; participar do planejamento, elaboração e execução


de programas de treinamentos em serviço e de capacitação de recursos CARGO: Enfermeiro
humanos; participar e realizar reuniões e práticas educativas junto à
comunidade; Integrar equipe multiprofissional, promovendo a REQUISITOS: Curso superior de graduação em Enfermagem, com
operacionalização dos serviços, para assegurar o efetivo atendimento às registro no Conselho Regional competente
necessidades da população; quando integrante de equipe da Estratégia de
Saúde da Família, tem as atribuições definidas pela Portaria GM/MS nº RT:40h
2.488/2011; realizar as demais atividades inerentes à profissão.
ATRIBUIÇÕES: Direção do órgão de enfermagem integrante da
estrutura básica da instituição de saúde pública, e chefia de serviço e de
unidade de enfermagem; organização e direção dos serviços de
CARGO: Médico Veterinário enfermagem e de suas atividades técnicas e auxiliares; planejamento,
organização, coordenação, gerenciamento, execução e avaliação dos
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em serviços da assistência de enfermagem; consultoria, auditoria e emissão
Medicina Veterinária Registro no CRMV – Conselho Regional de de parecer sobre matéria de enfermagem; consulta de enfermagem;
Medicina Veterinária / Especialidade. prescrição da assistência de enfermagem; cuidados diretos de
enfermagem a pacientes graves com risco de vida; cuidados de
RT: 20/40h (LEI No 5.517, DE 23 DE OUTUBRO DE 1968.) enfermagem de maior complexidade técnica e que exijam conhecimentos
científicos adequados e capacidade de tomar decisões imediatas; Como
ATRIBUIÇÕES: A prática da clínica em todas as suas modalidades; a integrante de equipe de saúde da família: participação no planejamento,
direção dos hospitais para animais; a assistência técnica e sanitária aos execução e avaliação da programação de saúde; participação na
animais sob qualquer forma; o planejamento e a execução da defesa elaboração, execução e avaliação dos programas assistenciais de saúde;
sanitária animal; a direção técnica sanitária dos estabelecimentos prescrição de medicamentos previamente estabelecidos em programas de
industriais e, sempre que possível, dos comerciais ou de finalidades saúde pública e em rotina aprovada pela instituição de saúde; participação
recreativas, desportivas ou de proteção onde estejam, permanentemente, em projetos de construção ou reforma de unidades de internação;
em exposição, em serviço ou para qualquer outro fim animais ou participação na elaboração de medidas de prevenção e controle
produtos de sua origem; a inspeção e a fiscalização sob o ponto de vista sistemático de danos que possam ser causados aos pacientes durante a
sanitário, higiênico e tecnológico dos matadouros, frigoríficos, fábricas assistência de enfermagem; Participação na prevenção e controle das
de conservas de carne e de pescado, fábricas de banha e gorduras em que doenças transmissíveis em geral e nos programas de vigilância
se empregam produtos de origem animal, usinas e fábricas de lacticínios, epidemiológica; prestação de assistência de enfermagem à gestante,
entrepostos de carne, leite peixe, ovos, mel, cera e demais derivados da parturiente, puérpera e ao recém-nascido; participação nos programas e
indústria pecuária e, de um modo geral, quando possível, de todos os nas atividades de assistência integral à saúde individual e de grupos
produtos de origem animal nos locais de produção, manipulação, específicos, particularmente daqueles prioritários; acompanhamento da
armazenagem e comercialização; a peritagem sobre animais, identificação, evolução e do trabalho de parto; execução e assistência obstétrica em
defeitos, vícios, doenças, acidentes, e exames técnicos em questões situação de emergência; participação em programas e atividades de
judiciais; as perícias, os exames e as pesquisas reveladores de fraudes ou educação sanitária, visando à melhoria de saúde do indivíduo, da família
operação dolosa nos animais inscritos nas competições desportivas ou e da população em geral; participação nos programas de treinamento e
nas exposições pecuárias; o ensino, a direção, o controle e a orientação aprimoramento de pessoal de saúde, particularmente nos programas de
dos serviços de inseminação artificial; a regência de cadeiras ou educação continuada; participação na elaboração e na operacionalização
disciplinas especificamente médicos veterinários, bem como a direção das do sistema de referência e contra-referência do paciente nos diferentes
respectivas seções e laboratórios; a direção e a fiscalização do ensino da níveis de atenção à saúde; participar do processo de territorialização e
medicina veterinária, bem, como do ensino agrícola médio, nos mapeamento da área de atuação da equipe, identificando grupos, famílias
estabelecimentos em que a natureza dos trabalhos tenha por objetivo e indivíduos expostos a riscos, inclusive aqueles relativos ao trabalho, e
exclusivo a indústria animal; a organização dos congressos, comissões, da atualização contínua dessas informações, priorizando as situações a
seminários e outros tipos de reuniões destinados ao estudo da Medicina serem acompanhadas no planejamento local; realizar o cuidado em saúde
Veterinária, bem como a assessoria técnica do Ministério das Relações da população adscrita, prioritariamente no âmbito da unidade de saúde,
Exteriores, no país e no estrangeiro, no que diz com os problemas no domicílio e nos demais espaços comunitários (escolas, associações
relativos à produção e à indústria animal; as pesquisas, o planejamento, a entre outros), quando necessário; realizar ações de atenção integral
direção técnica, o fomento, a orientação e a execução dos trabalhos de conforme a necessidade da saúde da população local, bem como as
qualquer natureza relativos à produção animal e às indústrias derivadas, previstas nas prioridades e protocolos da gestão local; garantir a
inclusive as de caça e pesca; o estudo e a aplicação de medidas de saúde integridade da atenção por meio da realização de ações de promoção à
pública no tocante às doenças de animais transmissíveis ao homem; a saúde, prevenção de agravos e curativas; e da garantia de atendimento da
avaliação e peritagem relativas aos animais para fins administrativos de demanda espontânea, da realização das ações programáticas e de
crédito e de seguro; a padronização e a classificação dos produtos de vigilância à saúde; garantir a qualidade do registro das atividades nos
origem animal; a responsabilidade pelas fórmulas e preparação de rações sistemas nacionais de informação na Atenção Básica; planejar, gerenciar,
para animais e a sua fiscalização; a participação nos exames dos animais coordenar e avaliar ações desenvolvidas pelos ACS (Agente Comunitário
para efeito de inscrição nas Sociedades de Registros Genealógicos; os de Saúde); realizar palestras e ministrar cursos de prevenção a doenças
exames periciais tecnológicos e sanitários dos subprodutos da indústria quando solicitado pela Secretaria de Saúde ou pela Secretaria de
animal; as pesquisas e trabalhos ligados à biologia geral, à zoologia, à Educação; organizar e realizar grupos de apoio e orientação (Diabetes
zootecnia bem como à bromatologia animal em especial; a defesa da Mellitus, Hipertensão Arterial, gestantes, idosos, etc.) de acordo com a
fauna, especialmente o controle da exploração das espécies animais necessidade. Gerenciar a unidade como um todo (materiais,
silvestres, bem como dos seus produtos; os estudos e a organização de equipamentos e equipe); realizar visitas domiciliares. Prestar acolhimento
trabalhos sobre economia e estatística ligados à profissão; a organização e assistência humanizados ao paciente e familiares. Realizar a coleta do
da educação rural relativa à pecuária. exame citopatológico de colo uterino. Supervisionar, coordenar e realizar
atividades de educação permanente dos Agentes Comunitários de Saúde,
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 12 de 33
DOM2771equipe de enfermagem e limpeza; realizar as demais atividades inerentes à
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 13 de 33
DOM2771

profissão; participação em comissões técnicas quando se fizer necessário; para atender aos dispositivos legais; analisar produtos farmacêuticos
conforme protocolo estabelecido pelas instituições. Participar de acabados e em fase de elaboração, ou seus insumos, valendo-se de
campanha e mutirões voltados para a saúde. métodos químicos, para verificar qualidade, teor, pureza e quantidade de
cada elemento; fazer análises clínicas de exsudatos e transudatos
humanos, como sangue, urina, fezes, liquor, saliva e outros, valendo-se
de diversas técnicas específicas, para complementar o diagnóstico de
CARGO: Assistente Social doenças; assessorar autoridades superiores, preparando informes e
documentos sobre legislação e assistência farmacêutica, a fim de fornecer
REQUISITOS: Curso superior de graduação em Serviço Social
subsídio para a elaboração de ordens de serviço, portarias, pareceres e
(Modificado pela Emenda nº01/2019)
manifestos; realizar análises clínicas, seguindo os programas de saúde
RT:40H (Modificado pela Emenda nº01/2019) pública. Realizar as demais atividades inerentes à profissão.

ATRIBUIÇÕES: Elaborar, implementar, executar e avaliar políticas


sociais junto a órgãos da administração pública, direta ou indireta,
CARGO: Psicólogo
empresas, entidades e organizações populares; elaborar, coordenar,
executar e avaliar planos, programas e projetos que sejam do âmbito de REQUISITOS: Curso superior de graduação em Psicologia, com
atuação do Serviço Social com participação da sociedade civil; registro no Conselho Regional competente
encaminhar providências, e prestar orientação social a indivíduos, grupos
e à população; orientar indivíduos e grupos de diferentes segmentos RT:40h (Classificação Brasileira de ocupações – CBO – Ministério do
sociais no sentido de identificar recursos e de fazer uso dos mesmos no Trabalho)
atendimento e na defesa de seus direitos; planejar, organizar e administrar
benefícios e Serviços Sociais; planejar, executar e avaliar pesquisas que ATRIBUIÇÕES: Estudam, pesquisam e avaliam o desenvolvimento
possam contribuir para a análise da realidade social e para subsidiar ações emocional e os processos mentais e sociais de indivíduos, grupos e
profissionais; prestar assessoria e consultoria a órgãos da administração instituições, com a finalidade de análise, tratamento, orientação e
pública direta e indireta, empresas privadas e outras entidades, com educação; diagnosticam e avaliam distúrbios emocionais e mentais e de
relação às matérias relacionadas no inciso II deste artigo; prestar adaptação social, elucidando conflitos e questões e acompanhando o(s)
assessoria e apoio aos movimentos sociais em matéria relacionada às usuários (s) durante o processo de tratamento ou cura; investigam os
políticas sociais, no exercício e na defesa dos direitos civis, políticos e fatores inconscientes do comportamento individual e grupal, tornando-os
sociais da coletividade; planejamento, organização e administração de conscientes; desenvolvem pesquisas experimentais, teóricas e clínicas e
Serviços Sociais e de Unidade de Serviço Social; realizar estudos sócio- coordenam equipes e atividades de área e afins.
econômicos com os usuários para fins de benefícios e serviços sociais
junto a órgãos da administração pública direta e indireta, empresas
privadas e outras entidades.
CARGO: Educador Físico

REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em


Educação Física Registro no CREF – Conselho Regional de Educação
Física
CARGO: Farmacêutico/Bioquímico
RT:40h
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
Farmácia/Bioquímica Registro no CRF – Conselho Regional de Farmácia ATRIBUIÇÕES: Desenvolver atividades físicas e práticas corporais
junto à comunidade; veicular informação que visam à prevenção,
RT:40h minimização dos riscos e proteção à vulnerabilidade, buscando a
produção do autocuidado; incentivar a criação de espaços de inclusão
ATRIBUIÇÕES: Desempenho de funções de dispensação ou social, com ações que ampliem o sentimento de pertinência social nas
manipulação de fórmulas magistrais e farmacopeicas; realizar atividades comunidades, por meio de atividade física regular, do esporte e lazer, das
inerentes à profissão em: a) Depósitos de produtos farmacêuticos de práticas corporais; proporcionar Educação Permanente em Atividade
qualquer natureza; b) Farmácia Municipal; c) Farmácia Itinerante; Física/ Práticas Corporais nutrição e saúde, discussão de caso e demais
Verificação técnica de empresas, estabelecimentos, setores, fórmulas, metodologias da aprendizagem em serviço, dentro de um processo de
produtos, processos e métodos farmacêuticos ou de natureza Educação Permanente; articular ações, de forma integrada às ESF, sobre
farmacêutica com o objetivo de qualificar fornecedores, realizando o conjunto de prioridades locais em saúde que incluam os diversos
inspeção em suas dependências se necessário; direção, assessoramento, setores da administração pública; contribuir para a ampliação e a
responsabilidade técnica e o desempenho de funções especializadas valorização da utilização dos espaços públicos de convivência como
exercidas em: a) órgãos ou laboratórios de análises clínicas ou de saúde proposta de inclusão social; identificar profissionais e/ou membros da
pública ou seus departamentos especializados; executar tarefas diversas comunidade com potencial para o desenvolvimento do trabalho em
relacionadas com a composição e fornecimento de medicamentos e outros práticas corporais; capacitar os profissionais, inclusive os Agentes
preparados semelhantes, valendo-se de técnicas e aparelhos especiais e Comunitários de Saúde – ACS, para atuarem como facilitador-monitores
baseando-se em fórmulas estabelecidas, para atender a receitas médicas e no desenvolvimento de Atividades Físicas/Práticas Corporais;
odontológicas; fazer a manipulação dos insumos farmacêuticos, como supervisionar de forma compartilhada, e participativa, as atividades
medição, pesagem e mistura, utilizando instrumentos especiais e fórmulas desenvolvidas pelas ESF na comunidade; promover ações ligadas à
químicas, para atender à produção de remédios e outros preparados; Atividade Física/Práticas Corporais junto aos demais equipamentos
subministrar produtos médicos e cirúrgicos, seguindo o receituário públicos presentes no território; articular parcerias com outros setores da
médico, para recuperar ou melhorar o estado de saúde de pacientes; área adstrita, junto com as ESF e a população, visando ao melhor uso dos
controlar entorpecentes e produtos equiparados, anotando sua venda em espaços públicos existentes e a ampliação das áreas disponíveis para as
17/05/2019 Diário Oficial
mapas, guias e livros, segundo os receituários devidamente do Municípiopráticas
preenchidos, de Parnamirim/RN
corporais; promover eventos que estimulem ações que Página 13 de 33
valorizem
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 14 de 33
DOM2771

Atividade Física/Práticas Corporais e sua importância para a saúde da preparações, mantendo-as atualizadas; implantar e supervisionar as
população. atividades de pré-preparo, preparo, distribuição e transporte de refeições
e/ou preparações; elaborar e implantar o Manual de Boas Práticas
específico da UAN, mantendo-o atualizado; elaborar e implantar os
Procedimentos Operacionais Padronizados (POP) específicos da
CARGO: Fisioterapeuta Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN), mantendo-os atualizados;
promover periodicamente o aperfeiçoamento e atualização de
REQUISITOS: Curso superior de graduação em Fisioterapia, com
funcionários por meio de cursos, palestras e ações afins; promover
registro no Conselho Regional competente.
programas de educação alimentar e nutricional para clientes/usuários;
RT:40h (Modificado pela Emenda nº01/2019) elaborar relatórios técnicos de não conformidades e respectivas ações
corretivas, impeditivas da boa prática profissional e que coloquem em
ATRIBUIÇÕES: Planejar, organizar, executar e avaliar ações risco a saúde humana, encaminhando-os ao superior hierárquico e às
preventivas e curativas visando a reabilitação; diagnostico dos distúrbios autoridades competentes, quando couber; prestar atendimento, por meio
cinéticos-funcionais, prognóstico, prescrição, elaboração de plano de de cardápio específico, aos clientes/usuários com doenças e deficiências
tratamento, intervenção, reavaliar o paciente e dar alta; desenvolver associadas à nutrição, bem como aos portadores de necessidades
competências e habilidades inerentes ao seu perfil profissional com especiais, visando o direito humano à alimentação adequada e saudável;
responsabilidade ética e autonomia, reavaliar o paciente para conotar promover a redução das sobras, restos e desperdícios; monitorar as
recuperação, fazendo a integração médico/paciente através de sugestões, atividades de seleção de fornecedores e procedência dos alimentos;
alterações na conduta de tratamento e encaminhamento para alta participar do planejamento e supervisão de estágios para estudantes de
definitiva; fazer estudos junto a equipe técnica para definir melhor graduação em nutrição e de curso técnico em nutrição e dietética e
atuação para integração do indivíduo na sociedade; promover educação permanente para profissionais de saúde, desde que sejam
capacitações; assessorar autoridades superiores em assuntos de preservadas as atribuições privativas do nutricionista; estabelecer e
fisioterapia, preparando informes, documentos, laudos técnicos, executar protocolos técnicos do serviço, segundo níveis de assistência
encaminhamentos e pareceres; fornecer dados estatísticos e apresentar nutricional, de acordo com a legislação vigente; elaborar o diagnóstico de
relatórios de suas atividades e executar outras atividades compatíveis com nutrição; elaborar a prescrição dietética, com base nas diretrizes do
o cargo. diagnóstico de nutrição e considerando as interações drogas/nutrientes e
nutrientes/nutrientes; registrar em prontuário dos
clientes/pacientes/usuários a prescrição dietética e a evolução nutricional,
de acordo com protocolos preestabelecidos pela Unidade de Nutrição e
CARGO: Fonoaudiólogo Dietética (UND); realizar orientação nutricional na alta dos
clientes/pacientes/usuários, estendendo-a aos cuidadores, familiares ou
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em responsáveis, quando couber; orientar e supervisionar a distribuição de
Fonoaudiologia Registro no CREFONO – Conselho Regional de dietas orais e enterais, verificando o percentual de aceitação, infusão e
Fonoaudiologia tolerância da dieta; interagir com nutricionistas responsáveis pela
produção de refeições, definindo procedimentos em parceria; elaborar
RT: 40h (Classificação Brasileira de ocupações – CBO – Ministério
relatórios técnicos de não conformidades, impeditivas da boa prática
do Trabalho)
profissional e que coloquem em risco a saúde humana, encaminhando-os
ATRIBUIÇÕES: Realizam tratamento fonoaudiológico para prevenção, ao superior hierárquico e às autoridades competentes, quando couber;
habilitação e reabilitação de pacientes e clientes aplicando protocolos e solicitar exames laboratoriais necessários ao acompanhamento
procedimentos específicos de fonoaudiologia. Avaliam pacientes e dietoterápico, de acordo com protocolos preestabelecidos pela Unidade
usuários; realizam diagnóstico fonoaudiológico; orientam usuários, de Nutrição e Dietética (UND); prescrever suplementos nutricionais, bem
familiares, cuidadores e responsáveis; atuam em programas de como alimentos para fins especiais e fitoterápicos, em conformidade com
prevenção, promoção da saúde e qualidade de vida; exercem atividades a legislação vigente, quando necessário; promover ações de educação
técnico-científicas através da realização de pesquisas, trabalhos alimentar e nutricional para clientes/pacientes/usuários, cuidadores,
específicos, organização e participação em eventos científicos. familiares ou responsáveis; realizar e divulgar estudos e pesquisas
relacionados à sua área de atuação, promovendo o intercâmbio técnico-
científico; participar do planejamento e supervisão de estágios para
estudantes de graduação em nutrição e de curso técnico em nutrição e
CARGO: Nutricionista dietética e programas de aperfeiçoamento para profissionais de saúde,
desde que sejam preservadas as atribuições privativas do nutricionista;
REQUISITO: Curso superior de Nutrição participar do processo de acreditação hospitalar e da avaliação da
qualidade em serviços de Nutrição Clínica; integrar a Equipe
RT:40h Multiprofissional de Terapia Nutricional (EMTN), quando houver,
conforme legislação vigente; interagir com a equipe multiprofissional,
ATRIBUIÇÕES: Planejar, organizar, controlar, supervisionar, executar
definindo com esta, sempre que pertinente, os procedimentos
e avaliar serviços de alimentação e nutrição; elaborar e/ou participar de
complementares à prescrição dietética; desenvolver ações de alimentação
estudos dietéticos, de programas e cursos relacionados com alimentação e
e nutrição, conforme diretrizes das políticas e programas públicos e
nutrição; prestar assistência dietoterápica hospitalar e ambulatorial e
normas legais vigentes; coordenar e avaliar a implantação do Sistema de
participar de programas de educação e vigilância em saúde. Elaborar os
Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN); promover a articulação do
cardápios de acordo com as necessidades nutricionais, com base no
setor saúde com instituições, escolas e sociedade civil organizada para
diagnóstico de nutrição da clientela, respeitando os hábitos alimentares
desenvolvimento de ações de alimentação e nutrição e de Segurança
regionais, culturais e étnicos; elaborar informação nutricional do cardápio
Alimentar e Nutricional (SAN).
e/ou preparações, contendo valor energético, ingredientes, nutrientes e
aditivos que possam causar alergia ou intolerância alimentar; coordenar
as atividades de recebimento e armazenamento de alimentos, material de
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 14 de 33
higiene, descartáveis e outros; elaborar e implantar fichas técnicas das DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 15 de 33
DOM2771

CARGO: Pedagogo CARGO: Fiscal de Vigilância Sanitária

REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em REQUISITOS: Curso Superior


Pedagogia.
RT: 40h
RT: 40h
ATRIBUIÇÕES: Compatibilização dos territórios de atuação das
ATRIBUIÇÕES: Planejar, implementar e avaliar programas e projetos equipes, com a gradativa inserção das ações de Vigilância em Saúde nas
educativos em diferentes espaços organizacionais; gerir o trabalho práticas das equipes de Saúde da Família; planejamento e programação
pedagógico e a prática educativa em espaços escolares e não escolares; integrados das ações individuais e coletivas; monitoramento e avaliação
avaliar e implementar nas instituições de ensino as políticas públicas integrada; reestruturação dos processos de trabalho com a utilização de
criadas pelo Poder Executivo; elaborar, planejar, administrar, coordenar, dispositivos e metodologias que favoreçam a integração da vigilância,
acompanhar, inspecionar, Supervisionar e orientar os processos prevenção, proteção, promoção e atenção à saúde, tais como linhas de
educacionais; realizar o recrutamento e a seleção nos programas de cuidado, clínica ampliada, apoio matricial, projetos terapêuticos,
treinamento em instituições de natureza educacional e não educacional; protocolos e entre outros; e educação permanente dos profissionais de
desenvolver tecnologias educacionais nas diversas áreas do saúde, com abordagem integrada nos eixos da clínica, vigilância,
conhecimento promoção e gestão; a vigilância da situação de saúde da população, com a
produção de análises que subsidiem o planejamento, estabelecimento de
prioridades e estratégias, monitoramento e avaliação das ações de saúde
pública; a detecção oportuna e adoção de medidas adequadas para a
CARGO: Psicopedagogo resposta às emergências de saúde pública; a vigilância, prevenção e
controle das doenças transmissíveis; a vigilância das doenças crônicas
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
não transmissíveis, dos acidentes e violências; a vigilância de populações
Pedagogia.
expostas a riscos ambientais em saúde; a vigilância da saúde do
RT: 40h (Código de Ética da Associação Brasileira de Psicopedagogia) trabalhador; vigilância sanitária dos riscos decorrentes da produção e do
uso de produtos, serviços e tecnologias de interesse a saúde; e outras
ATRIBUIÇÕES: Participar de equipe multiprofissional em diagnóstico ações de vigilância que, de maneira rotineira e sistemática, podem ser
e intervenção das dificuldades dos estudantes encaminhados; realizar desenvolvidas em serviços de saúde públicos e privados nos vários
diagnóstico e intervenção das dificuldades de aprendizagem dos níveis de atenção laboratórios, ambientes de estudo e trabalho e na
estudantes encaminhados pelas escolas, creches e órgãos públicos; própria comunidade.
orientar pais e professores na condução das ações propostas aos
estudantes com dificuldades de aprendizagem, adequando-a
individualmente; realizar, em parceria com a coordenação e direção,
CARGO: Terapeuta Ocupacional
encontros com pais e professores para discutirem e planejarem
mecanismos de intervenção que favoreçam o processo de aprendizagem REQUISITOS: Formação em Curso superior de graduação em Terapia
da comunidade envolvida; acompanhar a indicação e o processo de Ocupacional Registro no CREFITO – Conselho Regional de Fisioterapia
inclusão do aluno com atendimento psicopedagógico dos centros e Terapia Ocupacional.
multiprofissionais; participar de equipe multiprofissional em diagnóstico
e intervenção das dificuldades de aprendizagem em adultos da RT: 40h (Modificado pela Emenda nº01/2019)
comunidade; detectar dificuldades de aprendizagem em adultos que
procuram os Centros; realizar intervenção com as dificuldades de ATRIBUIÇÕES: Realiza intervenções e tratamento de pacientes e
aprendizagem dos adultos nesses Centros; planejar junto à equipe, ações clientes utilizando procedimentos específicos de terapia ocupacional e
para a integração e desenvolvimento do adulto em seu ambiente de ortóptica. Avaliam funções e atividades; analisam condições dos
trabalho e de estudo, quando for o caso; realizar trabalho pacientes e clientes; Realizam diagnósticos. Atuam na orientação de
psicopedagógico com idosos, preparando-os para as novas e necessárias pacientes, clientes, familiares, cuidadores e responsáveis. Desenvolvem,
aprendizagens nessa faixa etária; realizar avaliação diagnóstica ainda, programas de prevenção, promoção de saúde e qualidade de vida.
institucional com o objetivo de levantar as necessidades e prioridades da
instituição; avaliar a dinâmica das instituições quanto ao seu
funcionamento e organização, verificando se os seus planos de ação
CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista + Especialidades
atendem às suas necessidades e se estão em articulação com o projeto
político – educacional do sistema de ensino do qual faz parte; considerar
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
as características das regiões ou instituições quanto ao seu contexto
Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia/
sócio-econômico-cultural, ao desenvolver o planejamento, organização e
Com Especialização.
controle de estratégias para se atingir as metas propostas de qualidade
nos processos do ensinar e do aprender; analisar e incentivar mudanças RT: 40h
estruturais nas instituições, objetivando a melhoria das relações da
aprendizagem entre todos os seus membros; instrumentalizar as equipes ATRIBUIÇÕES: Exercer as atividades privativas de Odontólogo,
gestoras dos diferentes níveis administrativos com métodos e estratégias conforme regulamentação da profissão; prescrever e aplicar
de atuação, considerando a importância do suporte técnico e afetivo especialidades farmacêuticas de uso interno e externo, indicadas em
contínuo; criar ações preventivas para promover a aprendizagem de Odontologia; proceder à perícia odontológica em sede administrativa;
qualquer modalidade, com o olhar multidisciplinar dirigido ao sujeito que aplicar anestesia local e truncular; coordenar as atividades de laboratório
aprende e ao que ensina. de prótese, aparelhagem e instalação adequadas para pesquisas e análises
clínicas, relacionadas com os casos específicos de sua especialidade, bem
como aparelhos de Raios X, para diagnóstico, e aparelhagem de
17/05/2019 Diário Oficial do Municípioodontologia; realizar palestras e ministrar cursos de saúde
de Parnamirim/RN bucal
Página 15 dee33
DOM2771 prevenção de doenças relacionadas à sua área quando solicitado pela
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 16 de 33
DOM2771

Secretaria de Saúde; quando integrante de equipe da Estratégia de Saúde CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista + Especialidades
da Família, tem as atribuições definidas pela Portaria GM/MS nº
2.488/2011; Realizar pareceres sobre casos atendidos. REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia/
Com Especialização em Endodontia

CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista + Especialidades RT: 40h

REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em ATRIBUIÇÕES: Exercer as atribuições dispostas na Legislação
Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia/ específica da profissão de Odontólogo Cirurgião Endodontista; realizar
Com Especialização em Periodontia. procedimentos conservadores da vitalidade pulpar; procedimentos
cirúrgicos no tecido e na cavidade pulpares; procedimentos cirúrgicos
RT: 40h paraendodônticos; e tratamentos dos traumatismos dentários;

ATRIBUIÇÕES: Exercer as atribuições dispostas na Legislação


específica da profissão de Odontólogo Cirurgião Periodontista;
desenvolver avaliação diagnóstica e planejamento do tratamento; CARGO: Enfermeiro ESF
avaliação da influência da doença periodontal em condições sistêmicas;
controle dos agentes etiológicos e fatores de risco das doenças dos REQUISITOS: Curso superior de graduação em Enfermagem, com
tecidos de suporte e circundantes dos dentes e dos seus substitutos; registro no Conselho Regional competente
procedimentos preventivos, clínicos e cirúrgicos para regeneração dos
RT:40h
tecidos periodontais e Peri implantares; planejamento e instalação de
implantes e restituição das estruturas de suporte, enxertando materiais
ATRIBUIÇÕES: Realizar atenção à saúde aos indivíduos e famílias
naturais e sintéticos; e, procedimentos necessários à manutenção de
vinculadas às equipes e, quando indicado ou necessário, no domicílio
saúde;
e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, associações entre
outras), em todos os ciclos de vida; realizar consulta de enfermagem,
procedimentos, solicitar exames complementares, prescrever medicações
CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista + Especialidades conforme protocolos, diretrizes clínicas e terapêuticas, ou outras
normativas técnicas estabelecidas pelo gestor federal, estadual, municipal
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em ou do Distrito Federal, observadas as disposições legais da profissão;
Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia/ realizar e/ou supervisionar acolhimento com escuta qualificada e
Com Especialização em Protesista. classificação de risco, de acordo com protocolos estabelecidos; realizar
estratificação de risco e elaborar plano de cuidados para as pessoas que
RT: 40h possuem condições crônicas no território, junto aos demais membros da
equipe; realizar atividades em grupo e encaminhar, quando necessário,
ATRIBUIÇÕES: Exercer as atribuições dispostas na Legislação
usuários a outros serviços, conforme fluxo estabelecido pela rede local;
específica da profissão de Odontólogo Cirurgião protesista; realizar
planejar, gerenciar e avaliar as ações desenvolvidas pelos
diagnóstico, prognóstico, tratamento e controle dos distúrbios crânio
técnicos/auxiliares de enfermagem, ACS e ACE em conjunto com os
mandibulares e de oclusão, através da prótese fixa, da prótese removível outros membros da equipe; Supervisionar as ações do técnico/auxiliar de
parcial ou total e da prótese sobre implantes; atividades de laboratório enfermagem e ACS; implementar e manter atualizados rotinas, protocolos
necessárias à execução dos trabalhos protéticos; procedimentos e técnicas e fluxos relacionados a sua área de competência na UBS; e exercer outras
de confecção de próteses fixas, removíveis parciais e totais como
atribuições conforme legislação profissional, e que sejam de
substituição das perdas de substâncias dentárias e paradentárias,
responsabilidade na sua área de atuação.
procedimentos necessários ao planejamento, confecção e instalação de
próteses sobre implantes; e, manutenção e controle da reabilitação;

CARGO: Técnico e/ou Auxiliar de Enfermagem ESF

CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista + Especialidades REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Enfermagem.

REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em RT: 40h


Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia/
Com Especialização em Pacientes com Necessidades Especiais. ATRIBUIÇÕES: Participar das atividades de atenção à saúde
realizando procedimentos regulamentados no exercício de sua profissão
RT: 40h na UBS e, quando indicado ou necessário, no domicílio e/ou nos demais
espaços comunitários (escolas, associações, entre outros); realizar
ATRIBUIÇÕES: Exercer as atribuições dispostas na Legislação procedimentos de enfermagem, como curativos, administração de
específica da profissão de Odontólogo Cirurgião Especialista em medicamentos, vacinas, coleta de material para exames, lavagem,
pacientes com necessidades especiais; prestar atenção odontológica aos preparação e esterilização de materiais, entre outras atividades delegadas
pacientes com graves distúrbios de comportamento, emocionalmente pelo enfermeiro, de acordo com sua área de atuação e regulamentação; e
perturbados; prestar atenção odontológica aos pacientes que apresentam exercer outras atribuições que sejam de responsabilidade na sua área de
condições incapacitantes, temporárias ou definitivas a nível ambulatorial, atuação.
hospitalar ou domiciliar; e, aprofundar estudos e prestar atenção aos
pacientes que apresentam problemas especiais de saúde com repercussão
na boca e estruturas anexas;

17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 16 de 33


DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 17 de 33
DOM2771

CARGO: Médico ESF REQUISITOS: Ensino médio + Técnico em Saúde Bucal Registro no
CRO (Conselho Regional Odontologia)
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em
Medicina Registro no CRM – Conselho Regional de Medicina/ RT: 40h
Especialidade.
ATRIBUIÇÕES: Realizar a atenção em saúde bucal individual e
RT: 40h coletiva das famílias, indivíduos e a grupos específicos, atividades em
grupo na UBS e, quando indicado ou necessário, no domicílio e/ou nos
ATRIBUIÇÕES: Realizar a atenção à saúde às pessoas e famílias sob demais espaços comunitários (escolas, associações entre outros),
sua responsabilidade; realizar consultas clínicas, pequenos procedimentos segundo programação e de acordo com suas competências técnicas e
cirúrgicos, atividades em grupo na UBS e, quando indicado ou legais; coordenar a manutenção e a conservação dos equipamentos
necessário, no domicílio e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, odontológicos; acompanhar, apoiar e desenvolver atividades referentes à
associações entre outros); em conformidade com protocolos, diretrizes saúde bucal com os demais membros da equipe, buscando aproximar e
clínicas e terapêuticas, bem como outras normativas técnicas integrar ações de saúde de forma multidisciplinar; apoiar as atividades
estabelecidas pelos gestores (federal, estadual, municipal ou Distrito dos ASB e dos ACS nas ações de prevenção e promoção da saúde bucal;
Federal), observadas as disposições legais da profissão; realizar participar do treinamento e capacitação de auxiliar em saúde bucal e de
estratificação de risco e elaborar plano de cuidados para as pessoas que agentes multiplicadores das ações de promoção à saúde; participar das
possuem condições crônicas no território, junto aos demais membros da ações educativas atuando na promoção da saúde e na prevenção das
equipe; encaminhar, quando necessário, usuários a outros pontos de doenças bucais; participar da realização de levantamentos e estudos
atenção, respeitando fluxos locais, mantendo sob sua responsabilidade o epidemiológicos, exceto na categoria de examinador; realizar o
acompanhamento do plano terapêutico prescrito; Indicar a necessidade de acolhimento do paciente nos serviços de saúde bucal; fazer remoção do
internação hospitalar ou domiciliar, mantendo a responsabilização pelo biofilme, de acordo com a indicação técnica definida pelo cirurgião-
acompanhamento da pessoa; planejar, gerenciar e avaliar as ações dentista; realizar fotografias e tomadas de uso odontológico
desenvolvidas pelos ACS e ACE em conjunto com os outros membros exclusivamente em consultórios ou clínicas odontológicas; inserir e
da equipe; e exercer outras atribuições que sejam de responsabilidade na distribuir no preparo cavitário, materiais odontológicos na restauração
sua área de atuação. dentária direta, sendo vedado o uso de materiais e instrumentos não
indicados pelo cirurgião-dentista; auxiliar e instrumentar o cirurgião-
dentista nas intervenções clínicas e procedimentos demandados pelo
mesmo; realizar a remoção de sutura conforme indicação do Cirurgião
CARGO: Odontólogo; Cirurgião Dentista ESF
Dentista; executar a organização, limpeza, assepsia, desinfecção e
REQUISITOS: Formação em curso superior de graduação em esterilização do instrumental, dos equipamentos odontológicos e do
Odontologia Registro no CRO – Conselho Regional de Odontologia. ambiente de trabalho; proceder à limpeza e à antissepsia do campo
operatório, antes e após atos cirúrgicos; aplicar medidas de biossegurança
RT:40h no armazenamento, manuseio e descarte de produtos e resíduos
odontológicos; processar filme radiográfico; selecionar moldeiras;
ATRIBUIÇÕES: Realizar a atenção em saúde bucal (promoção e preparar modelos em gesso; manipular materiais de uso odontológico;
proteção da saúde, prevenção de agravos, diagnóstico, tratamento, exercer outras atribuições que sejam de responsabilidade na sua área de
acompanhamento, reabilitação e manutenção da saúde) individual e atuação.
coletiva a todas as famílias, a indivíduos e a grupos específicos,
atividades em grupo na UBS e, quando indicado ou necessário, no
domicílio e/ou nos demais espaços comunitários (escolas, associações
CARGO: Agente Comunitário de Saúde
entre outros), de acordo com planejamento da equipe, com resolubilidade
e em conformidade com protocolos, diretrizes clínicas e terapêuticas, bem
REQUISITO: Ensino médio completo
como outras normativas técnicas estabelecidas pelo gestor federal,
estadual, municipal ou do Distrito Federal, observadas as disposições RT: 40h
legais da profissão; realizar diagnóstico com a finalidade de obter o perfil
epidemiológico para o planejamento e a programação em saúde bucal no ATRIBUIÇÕES: O Agente Comunitário de Saúde tem como atribuição
território; realizar os procedimentos clínicos e cirúrgicos da AB em saúde o exercício de atividades de prevenção de doenças e de promoção da
bucal, incluindo atendimento das urgências, pequenas cirurgias saúde, a partir dos referenciais da Educação Popular em Saúde, mediante
ambulatoriais e procedimentos relacionados com as fases clínicas de ações domiciliares ou comunitárias, individuais ou coletivas,
moldagem, adaptação e acompanhamento de próteses dentárias desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do SUS que
(elementar, total e parcial removível); coordenar e participar de ações normatizam a saúde preventiva e a atenção básica em saúde, com objetivo
coletivas voltadas à promoção da saúde e à prevenção de doenças bucais; de ampliar o acesso da comunidade assistida às ações e aos serviços de
acompanhar, apoiar e desenvolver atividades referentes à saúde com os informação, de saúde, de promoção social e de proteção da cidadania, sob
demais membros da equipe, buscando aproximar saúde bucal e integrar supervisão do gestor municipal. A utilização de instrumentos para
ações de forma multidisciplinar; realizar supervisão do técnico em saúde diagnóstico demográfico e sociocultural da comunidade de sua atuação;
bucal (TSB) e auxiliar em saúde bucal (ASB); planejar, gerenciar e A execução de atividades de educação para a saúde individual e coletiva;
avaliar as ações desenvolvidas pelos ACS e ACE em conjunto com os o registro para fins exclusivos de controle e planejamento das ações de
outros membros da equipe; realizar estratificação de risco e elaborar saúde, de nascimento, óbitos, doenças e outros agravos à saúde; o
plano de cuidados para as pessoas que possuem condições crônicas no estímulo a participação da comunidade nas políticas públicas como
território, junto aos demais membros da equipe; e exercer outras estratégia da conquista de qualidade de vida; realização de visitas
atribuições que sejam de responsabilidade na sua área de atuação. domiciliares periódicas para monitoramento de situações de risco à
família; participação em ações que fortalecem os elos entre o setor saúde
e outras políticas públicas que promovam a qualidade de vida. As demais
17/05/2019
CARGO: Técnico em Saúde Bucal Diário Oficial do Municípioatribuições em conformidade com a Política Nacional de Atenção
de Parnamirim/RN PáginaBásica
17 de 33
DOM2771 vigente.
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 18 de 33
DOM2771

da comunidade assistida às ações e aos serviços de informação, de saúde,


de promoção social e de proteção da cidadania, sob supervisão do gestor
CARGO: Agente de Combate às Endemias municipal. As demais atribuições em conformidade com a Política
Nacional de Atenção Básica vigente.
REQUISITO: Ensino médio completo
ANEXO III
RT: 40h
CORRELAÇÃO ENTRE OS CARGOS PÚBLICOS DE
ATRIBUIÇÕES: O Agente de Combate às Endemias como atribuição o
PROVIMENTO EFETIVO VINCULADOS AO QUADRO DE
exercício de atividades de prevenção de doenças e de promoção da saúde,
PESSOAL DA SECRETARIA DE SAÚDE DA PREFEITURA
a partir dos referenciais da Educação Popular em Saúde, mediante ações
MUNICIPAL DE PARNAMIRIM, ESTADO DO RIO GRANDE
domiciliares ou comunitárias, individuais ou coletivas, desenvolvidas em
DO NORTE.
conformidade com as diretrizes do SUS que normatizam a saúde
preventiva e a atenção básica em saúde, com objetivo de ampliar o acesso

GRAU DE GRUPO GRAU DE


CATEGORIA FUNCIONAL NÍVEL CATEGORIA FUNCIONAL
INSTRUÇÃO OCUPACIONAL INSTRUÇÃO

Ensino Médio
Agente Comunitário de Saúde Médio Nível Médio Agente Comunitário de Saúde GNM
Completo

Ensino Médio
Agente de Combate às Endemias Médio Nível Médio Agente de Combate às Endemias GNM
Completo

Ensino Médio
Fiscal de Vigilância Sanitária Médio Nível Médio Fiscal de Vigilância Sanitária GNM
Completo

Ensino Médio
Técnico de Enfermagem Médio Nível Técnico Técnico em Enfermagem GNM
Completo

Ensino Médio
Técnico de Radiologia Médio Nível Técnico Técnico em Radiologia GNM
Completo

Técnico em Laboratório de Análises Técnico em Laboratório de Ensino Médio


Médio Nível Técnico GNM
Clínicas Análises Clínicas Completo

GRAU DE GRUPO GRAU DE


CATEGORIA FUNCIONAL NÍVEL CATEGORIA FUNCIONAL
INSTRUÇÃO OCUPACIONAL INSTRUÇÃO

Ensino Superior Ensino Superior


Assistente Social Superior Assistente Social GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Bioquímico Superior Farmacêutico Bioquímico GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Dentista Superior Cirurgião Dentista / área GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Enfermeiro Superior Enfermeiro / área GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Farmacêutico Superior Farmacêutico GNS
Completo Completo
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 18 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 19 de 33
DOM2771

Ensino Superior Ensino Superior


Farmacêutico Bioquímico Superior Farmacêutico Bioquímico GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Fiscal de Vigilância Sanitária Superior Fiscal da Vigilância Sanitária / área GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Fisioterapeuta Superior Fisioterapeuta GNS
Completo Completo

Fonoaudióloga Superior Ensino Superior Fonoaudióloga GNS Ensino Superior

Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Nutricionista Superior Nutricionista / habilitação GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Psicólogo Superior Psicólogo / área GNS
Completo Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Terapeuta Ocupacional Superior Completo Terapeuta Ocupacional GNS Completo

Ensino Superior Ensino Superior


Médico Superior Completo Médico / área GNSM Completo

RIO GRANDE DO NORTE PARA FINS DE


ANEXO IV ENQUADRAMENTO INICIAL AO PCCV

TABELA DE HIERARQUIZAÇÃO PELO TEMPO DE EFETIVO


SERVIÇO PÚBLICO DA SECRETARIA DE SAÚDE DA
PREFEITURA MUNICIPAL DE PARNAMIRIM, ESTADO DO

Tempo de Serviço Municipal Classe

De 0 anos a menor do que 2 anos A

De 2 anos a menor do que 4 anos B

De 4 anos a menor do que 6 anos C

De 6 anos a menor do que 8 anos D

De 8 anos a menor do que 10 anos E

De 10 anos a menor do que 12 anos F

De 12 anos a menor do que 14 anos G

17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 19 de 33


De 14 anos a menor do queDOM2771
16 anos H
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 20 de 33
DOM2771

De 16 anos a menor do que 18 anos I

De 18 anos a menor do que 20 anos J

De 20 anos a menor do que 22 anos K

De 22 anos a menor do que 24 anos L

De 24 anos a menor do que 26 anos M

De 26 anos a menor do que 28 anos N

De 28 anos a menor do que 30 anos O

De 30 anos em diante P

DO NÍVEL DE ENQUADRAMENTO, PARA O NÍVEL


ANEXO V IMEDIATAMENTE SUPERIOR

QUADRO DE PERCENTUAIS DE INCENTIVO À


QUALIFICAÇÃO –

Percentuais de incentivo
NÍVEL Nível de escolaridade formal superior ao previsto para o exercício do cargo (*)
Área de Conhecimento com correlação direta

I Ensino Médio Completo -

II Curso de Graduação Completo 20%

III Especialização, superior ou igual a 360h 20%

IV Mestrado 20%

V Doutorado 20%

73, da Lei Orgânica do Município de Parnamirim e em conformidade às


(*) Curso reconhecido pelo Ministério da Educação disposições das Leis Complementares Nºs. 022, de 27 de fevereiro de
2007; 030, de 12 de maio de 2009 e 0144, de 31 de dezembro de 2018 e
alterações posteriores,

RESOLVE:

Art. 1º. Nomear ITAMAR DOMINGUES CRUZ, para exercer o


cargo em comissão de Assessor Técnico Nível I, lotado na Secretaria
PORTARIA Nº. 1282, de 14 de maio de 2019. Municipal de Educação e Cultura – SEMEC.

O Prefeito do Município de Parnamirim/RN, no uso de suas Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.
atribuições legais que lhe são conferidas nos incisos Diário
17/05/2019 XII e XIV, dodoartigo
Oficial Município de Parnamirim/RN Página 20 de 33
DOM2771 Publique-se. Cumpra-se.
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 21 de 33
DOM2771

ROSANO TAVEIRA DA CUNHA II - Fiscalizar se a contratada mantém durante a vigência do


Pregão Eletrônico, as condições de habilitação para contratar
Prefeito com a Administração Pública, apresentando sempre que exigido
os comprovantes de regularidade fiscal;
*REPUBLICADA POR INCORREÇÃO
III - Acompanhar o pagamento dos produtos efetivamente
fornecidos;
IV - Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a
ser solicitados pela CONTRATADA, durante o prazo de
vigência do Pregão Eletrônico, facilitando a obtenção dos dados
técnicos necessários à elaboração dos documentos
PORTARIA Nº. 1284, de 15 de maio de 2019.
imprescindíveis ao cumprimento das obrigações assumidas pela
CONTRATADA;
O Prefeito do Município de Parnamirim/RN, no uso de suas
V - Autorizar o acesso dos empregados da CONTRATADA às
atribuições legais que lhe são conferidas nos incisos XII e XIV, do artigo
instalações da CONTRATANTE, sempre que se fizer
73, da Lei Orgânica do Município de Parnamirim e em conformidade às
necessário, exclusivamente para o fornecimento do material;
disposições das Leis Complementares Nºs. 022, de 27 de fevereiro de
VI - Notificar à CONTRATADA, quando da ocorrência e/ou
2007; 030, de 12 de maio de 2009 e 0144, de 31 de dezembro de 2018 e
anormalidades relacionadas com a execução da ordem de
alterações posteriores,
serviço, que resultem na inexecução parcial ou total do objeto do
Pregão Eletrônico, para que sejam adotadas as providências
RESOLVE:
cabíveis;
Art. 1º. Conceder à Servidora AMANDA DE MENDONÇA, mat. VII - Rejeitar, no todo ou em parte, serviço ou fornecimento
8394, a Função Gratificada II – FG2, lotada na Secretaria Municipal de executado em desacordo com o Pregão Eletrônico;
Saúde – SESAD. VIII - Anotar em registro próprio todas as ocorrências
relacionadas com a execução do contrato, determinando o que
Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. for necessário à regularização das faltas ou defeitos observados;
IX - Manter o Chefe de Gabinete informado de todas as
Publique-se. Cumpra-se. ocorrências relativas ao Pregão Eletrônico, para adoção do
procedimento administrativo próprio, quando ocorrer a
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA inexecução parcial ou total da referida Ata, nos termos dos arts.
77 e 78, e atendidos os requisitos do art. 87 e seguintes, todos da
Prefeito
Lei de Licitações.

Art. 3º - A atribuição do Fiscal de Ordens de Compras não será


remunerada.
PORTARIA N° 018, de 16 de maio, de 2019.
Art. 4º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.
O Secretário Chefe do Gabinete Civil, no uso de suas atribuições
legais, e de acordo com o Art. 67, da Lei Federal n° 8.666/93,

Resolve: WOLNEY FREITAS DE AZEVEDO FRANÇA

Art.1º - Designar o servidor RANNIER DE LIRA, matrícula 4712, Secretário Chefe do Gabinete Civil
para, sem prejuízo de suas atribuições, exercer a função de Fiscal das
Ordens de compras, provenientes do Gabinete Civil, oriundas do Pregão
Eletrônico abaixo especificado:
PORTARIA Nº. 1285, de 15 de maio de 2019.

O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM/RN, no uso


das atribuições legais e de conformidade a Lei nº 1.638, de 25 de
Pregão Empresa
OBJETO novembro de 2013,
Eletrônico Contratada
RESOLVE:

Art. 1º. Conceder à Ouvidora do Município, DIVINA MARTA


COMERCIAL
Aquisição de material de RODRIGUES, o valor de R$ 885,00 (oitocentos e oitenta e cinco reais),
J.A. LTDA
41/2018 expediente para atender as correspondente a 1 ½ (uma e meia) diária de viagem a João Pessoa/PB,
CNPJ: Nº necessidades de diversas que ocorrerá nos dias 28 e 29 de maio do corrente ano, para custear as
01.653.918/0001- secretarias do município. despesas decorrentes da referida viagem, a fim de participar do III
00 Encontro Paraibano de Ouvidorias Públicas e Privadas.

Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 2° O Fiscal de Ordens de Compras possui competência para: Publique-se. Cumpra-se.

I - Acompanhar a execução objeto do Pregão Eletrônico, tendo ROSANO TAVEIRA DA CUNHA


em vista garantir que estejam de acordo com as normas nele
17/05/2019 estabelecidas; Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN
Prefeito Página 21 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 22 de 33
DOM2771

PORTARIA Nº. 1286, de 15 de maio de 2019. Art. 2º. Esta Portaria retroage seus efeitos a dezenove de dezembro, de
dois mil e dezoito.
O Prefeito do Município de Parnamirim/RN, no uso de suas
atribuições legais que lhe são conferidas no inciso XII, do artigo 73, da Art. 3º. Fica revogada a Portaria nº 1217, de 19 de dezembro de dois mil
Lei Orgânica do Município de Parnamirim/RN, e nos termos do Art. 1º e dezoito.
da Lei nº 1.471, de 03 de dezembro de 2009, alterada pela Nº 1.752, de
30 de novembro de 2015, bem como demais dispositivos legais Publique-se. Cumpra-se.
aplicáveis ao presente caso;
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA
Resolve:
Prefeito
Art. 1º. Conceder aos servidores, abaixo listados, a Gratificação de
Urgência e Emergência, lotados no Hospital Maternidade Divino Amor -
HMDA, da Secretaria Municipal de Saúde – SESAD, abaixo listados:
PORTARIA Nº.1294, de 16 de maio de 2019.

O Prefeito do Município de Parnamirim/RN, no uso de suas


MATRÍCULA SERVIDOR atribuições legais que lhe são conferidas nos incisos XII e XIV, do artigo
73, da Lei Orgânica do Município de Parnamirim e em conformidade às
disposições das Leis Complementares Nºs. 022, de 27 de fevereiro de
1566 ELIZAMA BORGES DA COSTA SOUZA 2007; 030, de 12 de maio de 2009 e 0144, de 31 de dezembro de 2018 e
alterações posteriores,

MARIA DAS GRAÇAS JANUÁRIO DO Resolve:


1997
NASCIMENTO
Art. 1º. Nomear DALVANEIDE ALVES DE LIMA BARBALHO,
para exercer o cargo em comissão de Diretora de Escola, Porte I, lotada
3893 MARIA GORETE GOMES DA SILVA na Secretaria Municipal de Educação e Cultura – SEMEC.

Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.


KÁTIA SUELY LIMA NASCIMENTO DE
4423 Publique-se. Cumpra-se.
ANDRADE

4502 LUCIENE DA COSTA ROSANO TAVEIRA DA CUNHA

Prefeito
4506 ALZENIDE VIANA DA SILVA

Art. 2º. Esta portaria retroage seus efeitos a 01 de janeiro de dois mil e
dezoito.
PORTARIA Nº.1295, de 16 de maio de 2019.
Art. 3º. Fica revogada a Portaria nº 1217, de 19 de dezembro de dois mil
e dezoito. O Prefeito do Município de Parnamirim/RN, no uso de suas
atribuições legais que lhe são conferidas nos incisos XII e XIV, do artigo
Publique-se. Cumpra-se. 73, da Lei Orgânica do Município de Parnamirim e em conformidade às
disposições das Leis Complementares Nºs. 022, de 27 de fevereiro de
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA
2007; 030, de 12 de maio de 2009 e 0144, de 31 de dezembro de 2018 e
alterações posteriores,
Prefeito
Resolve:

Art. 1º. Nomear JACIARA PINTO CARNEIRO, para exercer o


PORTARIA Nº. 1287, de 15 de maio de 2019.
cargo em comissão de Assessora Técnica Nível I, lotada na Secretaria
O PREFEITO MUNICIPAL DE PARNAMIRIM/RN, no uso de Municipal de Educação e Cultura – SEMEC.
suas atribuições legais que lhe são conferidas no inciso XII, do artigo 73,
Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.
da Lei Orgânica do Município de Parnamirim/RN, e nos termos do Art.
1º da Lei nº 1.471/2009, alterada pela Nº 1.549, de 21 de setembro de
Publique-se. Cumpra-se.
2011, bem como demais dispositivos legais aplicáveis ao presente caso;
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA
Resolve:
Prefeito
Art. 1º. Conceder à servidora SANDRA CRISTINA GUSTAVO
GUILHERME DO NASCIMENTO, Matrícula nº 1567, a Gratificação
de Urgência e Emergência, lotada no Hospital Maternidade Divino Amor
17/05/2019
- HMDA, vinculada à Secretaria Municipal de SaúdeDiário Oficial do Município de Parnamirim/RN
– SESAD. Página 22 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 23 de 33
DOM2771

PORTARIA Nº. 1296, de 16 de maio de 2019. Art.1º - Designar a servidor JEISON MARTINS GALVÃO, matrícula
Nº 29360, CPF n° 017.024.024-01, para, sem prejuízo de suas
O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM/RN, no uso atribuições, exercer a função de Fiscal do Contrato abaixo listado,
das atribuições legais e de conformidade a Lei nº 1.638, de 25 de celebrado pela Prefeitura Municipal de Parnamirim, através da Secretaria
novembro de 2013, Municipal da Administração e dos Recursos Humanos – SEARH:

Resolve:

Art. 1º. Conceder à Servidora da Secretaria Municipal de Assistência CONTRATO CONTRATADO OBJETO
Social Habitação e Regularização Fundiária – SEMAS, BRUNA
MICHELE PESSOA RIBEIRO, o valor de R$ 1.770,00 (mil,
setecentos e setenta reais), correspondente a 03 (três) diárias de viagem a COMPANHIA DE
Balneário Camboriú/SC, que ocorrerá no período de 21 a 24 de maio do SEGURO
Contratação de empresa prestadora de
corrente ano, para custear as despesas decorrentes da referida viagem, a PREVIDÊNCIA SUL –
serviços de cobertura securitária
fim de participar do XV SEMINÁRIO BRASILEIRO DE PREVISUL
05/2019-SEARH (seguro), para os estagiários
ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL E FAMILIAR. SEGURADORA
remunerados e não remunerados do
Município de Parnamirim.
Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. CNPJ: 92.751.213/0001-
73
Publique-se. Cumpra-se.

ROSANO TAVEIRA DA CUNHA Art. 2° - O fiscal do contrato possui competência para:


Prefeito
a. Acompanhar a execução objeto do Contrato, tendo em vista
garantir que estejam de acordo com as Normas nele
estabelecidas;
PORTARIA Nº. 1297, de 16 de maio de 2019. b. Fiscalizar se a Contratada mantém durante a vigência do
Contrato, as condições de habilitação para contratar com a
O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM/RN, no uso Administração Pública, apresentando sempre que exigido os
das atribuições legais e de conformidade a Lei nº 1.638, de 25 de comprovantes de regularidade fiscal;
novembro de 2013, c. Acompanhar o pagamento dos produtos efetivamente
fornecidos;
Resolve: d. Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a ser
solicitados pela CONTRATADA, durante o prazo de vigência
Art. 1º. Conceder à Servidora da Secretaria Municipal de Assistência do Contrato, facilitando a obtenção dos dados técnicos
Social Habitação e Regularização Fundiária – SEMAS, RAISSA DE necessários à elaboração dos documentos imprescindíveis ao
OLIVEIRA FERNANDES, o valor de R$ 1.770,00 (mil, setecentos e cumprimento das obrigações assumidas pela CONTRATADA;
setenta reais), correspondente a 03 (três) diárias de viagem a Balneário e. Autorizar o acesso dos empregados da CONTRATADA às
Camboriú/SC, que ocorrerá no período de 21 a 24 de maio do corrente instalações da CONTRATANTE, sempre que se fizer
ano, para custear as despesas decorrentes da referida viagem, a fim de necessário, exclusivamente para o fornecimento do material;
participar do XV SEMINÁRIO BRASILEIRO DE f. Notificar à CONTRATADA, quando da ocorrência e/ou
ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL E FAMILIAR. anormalidades relacionadas com a execução do Contrato, que
resultem na inexecução parcial ou total do objeto do contrato,
Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação.
para que sejam adotadas as providências cabíveis;
g. Rejeitar, no todo ou em parte, serviço ou fornecimento executado
Publique-se. Cumpra-se.
em desacordo com o Contrato;
ROSANO TAVEIRA DA CUNHA h. Anotar em registro próprio todas as ocorrências relacionadas
com a execução do contrato, determinando o que for necessário à
Prefeito regularização das faltas ou defeitos observados;
a. Manter o Secretário Municipal da Administração e dos Recursos
Humanos informado de todas as ocorrências relativas ao
Contrato, para adoção do procedimento administrativo próprio,
quando ocorrer a inexecução parcial ou total do contrato, nos
termos dos arts. 77 e 78, e atendidos os requisitos do art. 87 e
seguintes, todos da Lei de Licitações.

Art. 3º - A atribuição do Fiscal de Contratos Administrativos não será


remunerada.

PORTARIA N° 21/2019 – GAB/SEARH, de 16 de maio de 2019. Art. 4° - Esta portaria entra em vigor na data da sua publicação.

A SECRETÁRIA MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO E DOS MARA TATYANE GERMANO CÂMARA FONSECA


RECURSOS HUMANOS, no uso de suas atribuições legais, e de
Secretária Municipal da Administração e dos Recursos Humanos
acordo com o Art. 67 da Lei Federal n° 8.666/93,

RESOLVE:
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 23 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 24 de 33
DOM2771

eventual contratação de empresa especializada em instalação,


desinstalação, manutenção preventiva e corretiva, com fornecimento de
peças, carga de gás e demais insumos, relativamente aos aparelhos
condicionadores de ar de janela, bem como Split, instalados nos setores
MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM das diversas secretárias e Órgãos da Prefeitura de Parnamirim/RN,
conforme indicado no quadro Resultado da Adjudicação.
EXTRATO DO TERMO DE ADJUDICAÇÃO

PREGÃO ELETRÔNICO SRP – Nº 09/2019


Resultado da Adjudicação

TERMO DE ADJUDICAÇÃO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº


09/2019 Lote adjudicado para: POLYCLIMA – AR CONDICIONADO &
REFRIGERAÇÃO LTDA
Aos 16 (dezesseis) dias do mês de maio do ano de dois mil e dezenove, a
pregoeira adjudica ao licitante vencedor ao respectivo lote cujo objeto
formação de registro de preços, pelo prazo de 12 (doze) meses, para

Lote 01 Descrição Valor total (R$)

Contratação de empresa especializada em instalação, desinstalação, manutenção preventiva e corretiva,


com fornecimento de peças, carga de gás e demais insumos, relativamente aos aparelhos
condicionadores de ar de janela, bem como Split, instalados nos setores das diversas secretárias e
Órgãos da Prefeitura de Parnamirim/RN

Valor global (R$) (Um milhão, duzentos e trinta e um mil, duzentos e cinqüenta reais) 1.231.250,00

MARA TATYANE GERMANO CÂMARA FONSECA


Renata Kenny de Souza Rodrigues
Secretária de Administração e dos Recursos Humanos
Pregoeira/PMP/SEARH

MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM

EXTRATO DO TERMO DE HOMOLOGAÇÃO

PREGÃO ELETRÔNICO – Nº 05/2019

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO
CONVITE
ACOLHO a adjudicação da Pregoeira, no julgamento do Processo
Licitatório nº 201826211801, na modalidade Pregão Eletrônico nº A Secretaria Municipal de Tributação de Parnamirim/RN- SEMUT,
05/2019, do tipo Menor Preço por Lote, que tem por objeto formação de na forma da lei, com fulcro no art. 53, III da Lei nº 951/97, e
registro de preços, pelo prazo de 12 (doze) meses, para futura aquisição considerando a impossibilidade da intimação pessoal por qualquer outro
de refeição do tipo Executivo (quentinha e lanches). meio indicado nos incisos I e II do referido artigo, determina a intimação
dos incluídos na relação abaixo, a comparecer na sede deste órgão-
HOMOLOGO a presente licitação às empresas MEIODIA situado à Rua Cícero Fernandes Pimenta, 312, Santos Reis- com a
REFEIÇÕES INDUSTRIAIS LTDA - CNPJ nº 10.328.834/0001-84 finalidade de regularizar sua situação -fiscal, inclusive através de
e NOBRE SABOR REFEIÇÕES EIRELI – CNPJ: parcelamento, sob pena de não fazendo e decorrido trinta (30) dias da
24.201.145/0001-19, e DETERMINO que sejam adotadas as medidas publicação deste, encaminharemos os débitos, sem mais aviso, aos
cabíveis para contratação das referidas empresas. setores correspondentes, com o intuito de tomar as providências cabíveis.

Parnamirim/RN, 14 de maio de 2019

Parnamirim, 15 de maio de 2019. Ana Marilia Avelino Bento

Coordenadora de Receita Mobiliária


17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 24 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 25 de 33
DOM2771

AUTO DE INFRAÇÃO/ NOTIFICAÇÃO NOME DO INTERESSADO/CNPJ

4.01036/18-9 AVANT CONSTRUÇÕES E SERVIÇOS EIRELI – ME

RUA DR. CARLOS MATHEUS, 233 – MONTE CASTELO – PARNAMIRIM/RN – CEP:


ENDEREÇO:
59146-210

5.00273/18-9 G D DE LIMA INFORMÁTICA ME

RUA PROF. ELIAH MAIA DO REGO, 02 – COHABINAL – PARNAMIRIM/RN – CEP:


ENDEREÇO:
5915-000

5.00028/19-2 GR – PROJETO CONSTRUÇÕES, INSTALAÇÕES GERAIS LTDA

ENDEREÇO: RUA DOS CAICOS, 01 – VIDA NOVA – PARNAMIRIM/RN – CEP: 59.147-398

4.00846/18-7 JOAB MADRUGA

ENDEREÇO: AV. PRES. GETULIO VARGAS, 395 – CENTRO – PARNAMIRIM/RN – CEP: 59.140-270

4.00845/18-0 JOAB MADRUGA

ENDEREÇO: AV. PRES. GETULIO VARGAS, 395 – CENTRO – PARNAMIRIM/RN – CEP: 59.140-270

5.00242/16-0 JOSE AVILA LUCIO RIBEIRO – ME

RUA SÃO PEDRO, 7 – SÃO VICENTE – NOVA ESPERANÇA – PARNAMIRIM/RN –


ENDEREÇO:
CEP: 59.150-000

5.00033/19-6 JOSE EDMILSON DE SOUZA

RUA DORADO, 373 – PARQUE DAS NAÇÕES – PARNAMIRIM/RN – CEP: 59.158-


ENDEREÇO:
760

5.00270/18-0 W L FERNANDES REPRESENTAÇÕES

AV. PREF. MILTON DANTAS DE MEDEIROS, 416 – CS 12 – PARQUE DAS NAÇÕES


ENDEREÇO:
– PARNAMIRIM/RN –CEP: 59.158-170

A SECRETÁRIA MUNICIPAL DE SAÚDE do município de


Parnamirim/RN, no uso das atribuições legais que lhe são conferidas e,
de acordo com o Art. 67 da Lei Federal nº 8.666/93, e;

Considerando a formalização dos contratos de locação de imóveis


urbanos para a Secretaria Municipal de Saúde.

Portaria nº 106/2019-GCC/SESAD de 17 deDiário


maio Oficial
de 2019 RESOLVE:
17/05/2019 do Município de Parnamirim/RN Página 25 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 26 de 33
DOM2771

Art. 1º - Art. 1º - Designar o servidor Adriano Carlos Cunha de Luiz Cláudio Fernandes de Melo, matrícula 7.031, CPF 358.270.764-
Andrade, matrícula 31.461, CPF 026.831.334-21, para sem prejuízo de 49;
suas atribuições, exercer a função de Gestor e Fiscal Substituto dos
contratos abaixo citados, nos impedimentos legais e eventuais do titular

CONTRATO LOCATÁRIO OBJETO DO IMÓVEL

EDILSA DE OLIVEIRA COSTA


067/2017 CENTRO MUNICIPAL DE REABILITAÇÃO
CPF:354.158.004-68

KERGINALDO FRANCISCO DE LIRA CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE NOVA


069/2017
PARNAMIRIM
CPF: 064.134.124-53

IVANETE DOS SANTOS GOMES SERVIÇO DE ATEND. ESPECIALIZADO EM IST/AIDS E


070/2017
HEPATITES VIRAIS - SAE
CPF:503.167.534-91

MARIA LENICE DE SOUSA LEITE


072/2017 CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE SANTOS REIS
CPF:024.728.034-86

ADRIANA BEZERRA LEMOS UNID. BASICA DE SAÚDE DE


073/2017
CPF:032.305.434-08 BELA PARNAMIRIM

JOSEFA LÚCIA BELCHIOR DA SILVA UNID. BASICA DE SAÚDE DE


074/2017
CPF:150.825.204-15 COHABINAL

VALMIR DE OLIVEIRA
075/2017 CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE COHABINAL
CPF:043.976.814-49

JURACY DE ARAÚJO LIRA BEZERRA


CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE ROSA DOS
076/2017
VENTOS
CPF:939.964.461-87

NIZIA FERNANDES DANTAS


077/2017 CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE EMAUS
CPF:466.060.094-72

JOSÉ ALFERES BEZERRA DE CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DE PASSAGEM


078/2017
MEDEIROSCPF:179.381.471-68 DE AREIA

MARIA DAS GRAÇAS DE LIMA COSTA UNID. BASICA DE SAÚDE DE


079/2017
CPF:074.725.374-97 PARQUE DE EXPOSIÇÕES

FRANCISCO FERREIRA DE LIMA UNID. BASICA DE SAÚDE DE


080/2017
CPF:096.885.871.68 PIRANGI DO NORTE

17/05/2019 Diário
JOÃO MARIA Oficial do Município de Parnamirim/RN
DE PONTES Página 26 de 33
081/2017 DOM2771 CENTRO AVANÇADO DE SAÚDE ESCOLAR - CASE
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 27 de 33
DOM2771

CPF:929.408.388-87

083/2017 MARIA RISALVA CRUZ UNID. BASICA DE SAÚDE DO

CPF:063.477.384-49 CENTRO

JORGE LUIZ BARRETO DA COSTA


084/2017 CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL CAPS III
CPF:289.307.114-72

AIRENE JOSÉ DE AMARAL DE PAIVA


087/2017 CENTRAL MUNICIPAL DE REGULAÇÃO
CPF:702.345.404-78

ORLANDO MONTEIRO DE MELO


088/2017 GALPÃO REGINAL DA GESTÃO DE UBSS
CPF:094.810.104-06

RIELSON BATISTA DE SOUZA JUNIOR


122/2017 UNIDADE DE ACOLHIMENTO INFANTO JUVENIL
CPF:517.956.202-34

OTONIEL GOMES DE CASTRO


123/2017 CASA DE APOIO A LEISHMANIOSE DO CENTRO
CPF:043.877.164-87

LILIAN CHRISTINA RODRIGUES DE MAGALHÃES - CASA MAMÃE FELIZ DA MATERNIDADE DO DIVINO


136/2017
CPF:877.842.464-04 AMOR

EDSON RIBEIRO MARINHO


072/2018 CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL CAPS II
CPF:039.390.734-15

MARIA LUIZA FERNANDES DE


118/2018 CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL CAPS i
OLIVEIRACPF:503.159.274-53

IRENILDE PADILHA SIQUEIRA


119/2018 CASA DE COMBATE AS ENDEMIAS DO CENTRO
CPF:297.242.444-15

JOÃO EMMANUEL ABDON GOSSON CENTRAL DE ABASTECIMENTO FARMACÊUTICO -


121/2018
CAF
CPF:012.022.604-97

GERALDO MAGELA DE ALBUQUERQUE CENTRO ESPECIALIZADO EM TRAT. DE ULCERAS


123/2018
CPF:000.683.894-00 CRONICAS - CETUC

SEBASTIÃO RONALDO MARTINS CRUZ CENTRO DE APOIO AO SERVIÇO DE ATENDIMENTO


086/2019
MÓVEL DE URGÊNCIA - SAMU
CPF: 214.396.054-91

Acompanhar a execução objeto do contrato, tendo em vista


Art. 2º - Ao Fiscal do contrato cabem as seguintes competências: garantir que estejam de acordo com as normas nele estabelecidas;
Fiscalizar se a contratada mantém durante a vigência do contrato,
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 27 de 33
DOM2771 as condições de habilitação para contratar com a Administração
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 28 de 33
DOM2771

Pública apresentando, sempre que exigido, os comprovantes de Art. 7º - Esta portaria entra em vigor, a partir de sua publicação no
regularidade fiscal; Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN, com efeitos retroativos
Acompanhar o pagamento dos produtos efetivamente ao dia 01 de maio de 2019.
fornecidos;
Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a ser ELISABETE CARRASCO
solicitados pela contratada, durante o prazo de vigência do
contrato, facilitando a obtenção dos dados técnicos necessários à Secretária Municipal de Saúde
elaboração dos documentos imprescindíveis ao cumprimento das
obrigações assumidas pela contratada;
Autorizar o acesso dos empregados da contratada às instalações
da contratante, quando se fizer necessário, realização de entrega
de materiais e/ou prestação de serviços;
Notificar a contratada, quando da ocorrência e/ou anormalidades
relacionadas com a execução do contrato, que resultem na
inexecução parcial ou total do objeto do contrato, para que sejam MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM
adotadas as providências cabíveis; LICITAÇÃO N° 026/2019
Rejeitar, no todo ou em parte, serviço ou fornecimento executado PREGÃO ELETRÔNICO
em desacordo com o contrato;
O Município de Parnamirim, por intermédio de sua Pregoeira, torna
Anotar em registro próprio todas as ocorrências relacionadas
público que realizará licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO,
com a execução do contrato, determinando o que for necessário à
cujo objeto é a Aquisição de equipamentos médicos para atender as
regularização das faltas ou defeitos observados;
necessidades da Secretaria Municipal de Saúde de Parnamirim nas
Art. 3º - Ao Gestor do contrato cabem as seguintes competências: Unidades Básicas de Saúde, Unidade de Pronto Atendimento, Hospitais,
Hospital e Maternidade do Divino Amor e Serviços Especializados. A
Sugerir eventuais modificações contratuais; sessão de disputa será no dia 29 de maio de 2019, às 10:00 horas,
Comunicar a falta de materiais e recusar o serviço se for o caso, horário de Brasília. O Edital encontra-se à disposição dos interessados no
subsidiado pelas anotações do fiscal do contrato; site: www.licitacoes-e.com.br com nº de identificação: 766927.
Manter o(a) Secretário(a) da respectiva pasta, informado(a) de Informações poderão ser obtidas pelo Telefone: (84) 3645-3303
todas as ocorrências relativas ao contrato, com o auxílio do
Fiscal do contrato para adoção do procedimento administrativo Parnamirim/RN, 15 de maio de 2019
próprio, quando ocorrer a inexecução parcial ou total do contrato
AYLEIDE SAHVEDRO T. E S. DE LIMA
nos termos dos Arts. 77 e 78, e atendidos os requisitos do Art.
Pregoeira/SESAD
87 da Lei nº 8.666/93.
Assinar o Relatório de Acompanhamento da Execução dos
Serviços Contratados / Recebimento de Materiais, conforme
orientações da administração;

Art. 4º - Em respeito ao princípio da segregação de funções, o servidor


ora designado não se enquadra nas seguintes situações de impedimento:

Se responsável pela execução do próprio contrato; EXTRATO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N° 28/2019
Figurar como pregoeiro ou ser membro de comissão de licitação; - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 008/2019. Espécie: Ata de Registro
Possuir condição que enseje conflito de interesses que importem de Preços. Objeto: Formação de Registro de Preços referente a
em óbice à designação como Gestor de Contrato. aquisição de material de consumo para os profissionais do programa de
combate as endemias. Vigência: 06/05/2019 a 05/05/2020; Modalidade
Art. 5º - Na ausência justificada do fiscal ou gestor do contrato, o chefe de Licitação: Pregão Eletrônico para Registro de Preços Nº 008/2019;
imediato ou Coordenador do setor encontra-se autorizado a atestar as Processo Nº 20182829701; Contratada: INTERJET COMERCIAL
notas fiscais / faturas, devendo este estar ciente da prestação do serviço / LTDA: Lotes 4, 7 e 14 no valor global de R$ 12.672,00 (doze mil,
recebimento do material. seiscentos e setenta e dois reais). Fundamento legal: Decreto Municipal
Nº 5.864/2017 e Lei Nº 10.520/2002. Signatários: Elisabete Carrasco -
Art. 6º - As funções de fiscal e gestor de contrato administrativo não Secretária Municipal de Saúde e Leonice Rodrigues Scarpato pela
serão remuneradas; empresa.

EMPRESA: INTERJET COMERCIAL LTDA

CNPJ: 59.403.410/0001-26 Telefone: (11) 5632-4300 e-mail: contato@interjet.com.br

Endereço: Rua Sobrália, 422, Vila Géa, São Paulo/SP.

Item Especificações dos produtos Quantidade Unidade Marca Valor Unit. (R$)
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 28 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 29 de 33
DOM2771

04 Escala métrica 02m max - Poliestireno em nylon resistente a água. 200 UND INT 10,16

07 Bacia plástica pequena - 15cm de diâmetro e 4cm de profundidade nas


cores amarela. branca e azul. 400 UND INT 4,10

14 Tubo eppendorff 1,0ml 80000 UND ALFA 0,12

f) Notificar à CONTRATADA, quando da ocorrência e/ou


anormalidades relacionadas com a execução do Contrato, que
resultem na inexecução parcial ou total do objeto contrato, para
que sejam adotadas as providências cabíveis;
g) Rejeitar, no todos ou em parte, serviço ou fornecimento
executado em desacordo com o Contrato;
h) Anotar em registro próprio todas as ocorrências relacionadas
PORTARIA N° 030, de 14 de maio de 2019. com a execução do contrato, determinando o que for necessário à
regularização das faltas ou defeitos observados;
A secretária ELIENAI DANTAS CARTAXO, no uso de suas i) Manter a Secretária Municipal de Assistência Social informada
atribuições legais, e de acordo com o Art. 67 da Lei Federal n° 8.666/93, de todas as ocorrências relativas ao Contrato, para adoção do
RESOLVE: procedimento administrativo próprio, quando ocorrer à
inexecução parcial ou total do contrato nos termos dos art. 77 e
Art. 1°. Designar o servidor JANDERSON RIBEIRO DE SOUZA 78, e atendido os requisitos do art. 87 e seguintes, todos da Lei
SILVA, matrícula N° 8452 para, sem prejuízo de suas atribuições, de Licitações.
exercer a função de Fiscal do Contrato na Secretaria Municipal de
Assistência Social, Habitação e Regularização Fundiária abaixo listado, Art.3°. A atribuição do Fiscal de Contrato não será remunerada.
celebrado(s) pela Prefeitura Municipal de Parnamirim/RN: Art. 4°. Esta portaria entra em vigor, na data de sua publicação,
retroagindo seus efeitos a 11 de março de 2019.

Ordem de Compra Empresa Objeto ELIENAI DANTAS CARTAXO


Aquisição de matérias de Secretária Municipal de Assistência Social,
ETIBRAS BJK IND. DE expedientes destinados a todas Habitação e Regularização Fundiária
79/2019 ETIQUETAS E as secretarias municipais para o
SUPRIMENTOS LTDA exercício de 2019.

Aquisição de matérias de PORTARIA N°031, de 14 de maio de 2019.


R. CLEAN expedientes destinados a todas
81/2019
COMERCIAL EIRELI as secretarias municipais para o A secretária ELIENAI DANTAS CARTAXO, no uso de suas
exercício de 2019. atribuições legais, e de acordo com o Art. 67 da Lei Federal n° 8.666/93,
RESOLVE:
Aquisição de matérias de
RADIANY F. expedientes destinados a todas
80/2019 Art. 1°. Designar a servidor SONIA MARIA BEZERRA DE
MALHEIRO - ME as secretarias municipais para o
exercício de 2019.
OLIVEIRA, matrícula N° 4413 para, sem prejuízo de suas atribuições,
exercer a função de Gestor de Contrato na Secretaria Municipal de
Assistência Social, Habitação e Regularização Fundiária abaixo listado,
Art. 2°. O fiscal de contratos possui competência para:
celebrado pela Prefeitura Municipal de Parnamirim/RN:
a) Acompanhar a execução objeto do Contrato, tendo em vista
garantir que estejam de acordo com as Normas nele
estabelecidas; Contrato Empresa Objeto
b) Fiscalizar se a contratada mantém durante a vigência do Aquisição de matérias de
ETIBRAS BJK IND. DE
Contrato, as condições de habilitação para contratar com a expedientes destinados a todas
79/2019 ETIQUETAS E
administração Pública, apresentando sempre que exigido os as secretarias municipais para o
SUPRIMENTOS LTDA
comprovantes de regularidade fiscal; exercício de 2019.
c) Acompanhar o pagamento dos produtos efetivamente Aquisição de matérias de
fornecidos; R. CLEAN COMERCIAL expedientes destinados a todas
d) Prestar as informações e os esclarecimentos que venham a ser 81/2019
EIRELI as secretarias municipais para o
solicitados pela CONTRATADA, durante o prazo de vigência exercício de 2019.
do Contrato, facilitando a obtenção dos dados técnicos
necessários à elaboração dos documentos imprescindíveis ao Aquisição de matérias de
cumprimento das obrigações assumidas pela CONTRATADA; RADIANY F. expedientes destinados a todas
80/2019
e) Autorizar o acesso dos empregados da CONTRATADA às MALHEIRO - ME as secretarias municipais para o
instalações da CONTRATANTE, sempre que se fizer exercício de 2019.
necessário, exclusivamente para o fornecimento do material;
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 29 de 33
DOM2771Art. 2°. O Gestor do(s) Contrato(s) possui competência para:
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 30 de 33
DOM2771

a) Tratar com o contratado, exigindo que este cumpra com o que EXTRATO DA DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 011/2019 –
foi pactuado; CONTRATANTES: MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM através da
b) Sugerir eventuais modificações contratuais; SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL,
c) Comunicar a falta de materiais e recusar o serviço se for o HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA -
caso, subsidiado pelas anotações do fiscal do contrato SEMAS/DINARTE ANDRADE DE LIMA - OBJETO: Locação do
respectivo; imóvel situado na Rua Luzia Bezerra de Lima, nº 980, Rosa dos Ventos,
d) Formalizar os termos aditivos e apostilamentos relativos à Parnamirim/RN – para funcionamento do Serviço de Convivência e
alteração no projeto, prorrogação dos prazos, a publicação dos Fortalecimento de Vínculos - FNAS; VALOR GLOBAL: 42.840,00
extratos, a verificação da manutenção das condições de (Quarenta e dois mil e oitocentos e quarenta reais). VIGÊNCIA: 12
habilitação, informar dotações orçamentárias entre demais (doze) meses – RECURSOS: 02.071 – Fundo Municipal de Assistência
providências afins; Social, 08.122.0033.2066 – Serviço de Proteção Social Básica, Elemento
e) Manter a Secretária da respectiva pasta, informada de todas as de Despesa: 3.3.90.36 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa Física –
ocorrências relativas ao Contrato, com o auxílio do Fiscal do Fonte: 13110000 – Transferência de Recursos do Fundo Municipal de
Contrato, para adoção do procedimento administrativo próprio, Assistência Social – FNAS - FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 24,
quando ocorrer à inexecução parcial ou total do contrato nos inciso X, da Lei Nº 8.666/93 e suas alterações posteriores.
termos dos art. 77 e 78, e atendido os requisitos do art. 87 e
seguintes, todos da Lei de Licitações. Parnamirim/RN, 08 de maio de 2019.
Art. 3°. Em respeito ao princípio da segregação de funções, o
servidor ora designado não se enquadra nas seguintes situações ELIENAI DANTAS CARTAXO
de impedimento: Secretária Municipal de Assistência Social,
a) Ser responsável pela execução do próprio contrato; Habitação e Regularização Fundiária
b) Figurar como pregoeiro ou ser membro de comissão de
licitação;
c) Possuir condição que enseje conflito de interesses que
importem em óbice à designação como Fiscal de Contrato.
EXTRATO DO CONTRATO Nº 017/2019 – QUE ENTRE SI
Art. 4°. A atribuição do Gestor do Contrato não será remunerada, nem CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE
poderá ser recusada, salvo nos casos de impedimento legal. PARNAMIRIM, ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE
ASSISTÊNCIA SOCIAL, HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO
Art. 5°. Esta portaria entra em vigor, na data de sua publicação, FUNDIÁRIA – SEMAS E O META COMERCIAL EIRELI –
retroagindo seus efeitos a 11 de março de 2019. CNPJ: 20.139.294/0001-44 – REPRESENTANTE LEGAL:
CLAUDIA CAMILO DA SILVA – OBJETO: Constitui objeto deste
ELIENAI DANTAS CARTAXO instrumento a aquisição de material de consumo (cama, mesa e banho),
Secretária Municipal de Assistência Social, destinados a Secretaria de Assistência Social, Habitação e Regularização
Habitação e Regularização Fundiária Fundiária - SEMAS do município de Parnamirim/RN, que se faz
necessário para o bom funcionamento e exercício das atribuições das
secretarias interessadas, conforme especificações contidas na Ata de
registro de preços nº 09/2019, Processo Licitatório nº
20183013791/2018, Pregão Eletrônico n° 73/2018. VALOR: 13.905,00
(Treze mil novecentos e cinco reais). VIGÊNCIA: 12/04/2019 a
31/12/2019 – RECURSOS: As despesas decorrentes deste Contrato
serão custeadas com Recursos Financeiros Próprios e Federais, e a
EXTRATO DO CONTRATO Nº 032/2019 – QUE ENTRE SI seguinte Dotação Orçamentária: 02.071 – Fundo Municipal de
CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE Assistência Social; 08.122.0002.2822 - Manutenção do Fundo
PARNAMIRIM, ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE Municipal de Assistência Social; 08.122.0002.2068 – Serviço de
ASSISTÊNCIA SOCIAL, HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO Proteção Social de Alta Complexidade, 08.244.0033.2067 - Serviço de
FUNDIÁRIA – SEMAS E O DINARTE ANDRADE DE LIMA – Proteção Social Especial de Média Complexidade; Natureza da Despesa:
CPF – 281.754.684-91 – OBJETO: Locação do imóvel situado na Rua 3.3.90.30 – Material de Consumo; Fontes: 13900000 – Outros Recursos
Luzia Bezerra de Lima, nº 980, Rosa dos Ventos, Parnamirim/RN – para Vinculados a Assistência Social; 13110000 – Transferências de Recursos
funcionamento do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos. do Fundo Nacional de Assistência Social – FNAS.–
VALOR: 42.840,00 (quarenta e dois mil oitocentos e quarenta reais). FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 23 da Lei Nº 5.864/2017 e suas
VIGÊNCIA: 08/05/2019 a 08/05/2020 – RECURSOS: As despesas alterações posteriores.
decorrentes deste Contrato serão custeadas com Recursos Federal, e a
seguinte Dotação Orçamentária: 02.071 – Fundo Municipal de Parnamirim/RN, 12 de abril de 2019.
Assistência Social; 08.122.0033.2066 – Transferência de Recursos do
Fundo Municipal de Assistência Social - FNAS; Natureza da Despesa: ELIENAI DANTAS CARTAXO
3.3.90.36 – Outros Serviços de Terceiros - PF; Fontes: 13110000 – Secretária Municipal de Assistência Social,
Transferências de Recursos do Fundo Nacional de Assistência Social – Habitação e Regularização Fundiária
FNAS.– FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 23 da Lei Nº
5.864/2017 e suas alterações posteriores.

Parnamirim/RN, 08 de maio de 2019.


ELIENAI DANTAS CARTAXO EXTRATO DO CONTRATO Nº 018/2019 – QUE ENTRE SI
Secretária Municipal de Assistência Social, CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE
17/05/2019 Habitação e Regularização Fundiária PARNAMIRIM, ATRAVÉS
Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN DA SECRETARIA MUNICIPAL
Página 30DE
de 33
DOM2771ASSISTÊNCIA SOCIAL, HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 31 de 33
DOM2771

FUNDIÁRIA – SEMAS E O R. CLEAN COMERCIAL EIRELI –


CNPJ: 26.728.117/0001-80 – REPRESENTANTE LEGAL: JOSÉ
DOS SANTOS ANES – OBJETO: Constitui objeto deste instrumento EXTRATO DO PRIMEIRO TERMO ADITIVO AO CONTRATO
a aquisição de material de consumo (cama, mesa e banho), destinados a Nº 11/2018 - SEMAS – CONTRATANTES: MUNICÍPIO DE
Secretaria de Assistência Social, Habitação e Regularização Fundiária - PARNAMIRIM através da SECRETARIA MUNICIPAL DE
SEMAS do município de Parnamirim/RN, que se faz necessário para o ASSISTÊNCIA SOCIAL, HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO
bom funcionamento e exercício das atribuições das secretarias FUNDIÁRIA - SEMAS/ DAYANA PRISCILLE PERREIRA DE
interessadas, conforme especificações contidas na Ata de registro de ARAUJO - OBJETO: O presente instrumento tem por objetivo o
preços nº 08/2019, Processo Licitatório nº 20183013791/2018, Pregão Aditamento do Contrato de locação do imóvel situado na Rua Pedro
Eletrônico n° 73/2018. VALOR: 5.556,00 (cinco mil quinhentos e Bezerra Filho, nº 55, Santos Reis - Parnamirim/RN, para funcionamento
cinqüenta e seis reais). VIGÊNCIA: 12/04/2019 a 31/12/2019 – da CENTRAL DE ATENDIMENTO SOCIAL- CAS, Conforme ofício
RECURSOS: As despesas decorrentes deste Contrato serão custeadas nº 0469 /2018 - GS/SEMAS. VALOR MENSAL: 5.850,00 (Cinco mil,
com Recursos Financeiros Próprios e Federais, e a seguinte Dotação oitocentos e cinqüenta reais). VIGENCIA: 01/05/2019 a 30/04/2020 –
Orçamentária: 02.071 – Fundo Municipal de Assistência Social; RECURSOS: Recursos Financeiros Próprios, Dotação Orçamentária:
08.122.0002.2822 - Manutenção do Fundo Municipal de Assistência 02.071 – Fundo Municipal de Assistência Social, 08.244.033.2071 –
Social; 08.122.0002.2068 – Serviço de Proteção Social de Alta Apoiar e Aprimorar a Gestão do CADúnico/Bolsa Família- IGD PBF,
Complexidade, 08.244.0033.2067 - Serviço de Proteção Social Especial Elemento de Despesa: 3.3.90.36 – Outros Serviços de Terceiros – Pessoa
de Média Complexidade; Natureza da Despesa: 3.3.90.30 – Material de Física – FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 24, inciso X, da Lei Nº
Consumo; Fontes: 13900000 – Outros Recursos Vinculados a 8.666/93 e suas alterações posteriores.
Assistência Social; 13110000 – Transferências de Recursos do Fundo
Nacional de Assistência Social – FNAS.– FUNDAMENTAÇÃO Parnamirim/RN, 26 de ABRIL de 2019.
LEGAL: Art. 23 da Lei Nº 5.864/2017 e suas alterações posteriores.
ELIENAI DANTAS CARTAXO
Parnamirim/RN, 12 de abril de 2019. Secretária Municipal de Assistência Social,
Habitação e Regularização Fundiária
ELIENAI DANTAS CARTAXO
Secretária Municipal de Assistência Social,
Habitação e Regularização Fundiária

EXTRATO DO CONTRATO Nº 019/2019 – QUE ENTRE SI


CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE
PARNAMIRIM, ATRAVÉS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE O Conselho Municipal de Saúde de Parnamirim vem informar o
ASSISTÊNCIA SOCIAL, HABITAÇÃO E REGULARIZAÇÃO calendário mensal biênio 2019/2021 das reuniões ordinárias e mesa
FUNDIÁRIA – SEMAS E O CRPM COMÉRCIO DE TECIDOS diretora
E SERVIÇOS DE CONFECÇÕES EIRELI – CNPJ:
15.133.337/0001-44 – REPRESENTANTE LEGAL: CARLA CALENDÁRIO MENSAL DAS REUNIÕES ORDINÁRIAS
ROSELY PEREIRA MENEZES – OBJETO: Constitui objeto deste
BIÊNIO 2019/2021
instrumento a aquisição de material de consumo (cama, mesa e banho),
destinados a Secretaria de Assistência Social, Habitação e Regularização
Fundiária - SEMAS do município de Parnamirim/RN, que se faz
necessário para o bom funcionamento e exercício das atribuições das REUNIÃO ORDINÁRIA MÊS DIA
secretarias interessadas, conforme especificações contidas na Ata de
registro de preços nº 10/2019, Processo Licitatório nº
20183013791/2018, Pregão Eletrônico n° 73/2018. VALOR: 13.725,00 101ª ABRIL 15
(treze mil setecentos e vinte e cinco reais). VIGÊNCIA: 12/04/2019 a
31/12/2019 – RECURSOS: As despesas decorrentes deste Contrato
serão custeadas com Recursos Financeiros Próprios e Federais, e a 102ª MAIO 20
seguinte Dotação Orçamentária: 02.071 – Fundo Municipal de
Assistência Social; 08.122.0002.2822 - Manutenção do Fundo
Municipal de Assistência Social; 08.122.0002.2068 – Serviço de 103ª JUNHO 17
Proteção Social de Alta Complexidade, 08.244.0033.2067 - Serviço de
Proteção Social Especial de Média Complexidade; Natureza da Despesa:
3.3.90.30 – Material de Consumo; Fontes: 13900000 – Outros Recursos 104ª JULHO 15
Vinculados a Assistência Social; 13110000 – Transferências de Recursos
do Fundo Nacional de Assistência Social – FNAS.–
FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Art. 23 da Lei Nº 5.864/2017 e suas 105ª AGOSTO 19
alterações posteriores.

Parnamirim/RN, 12 de abril de 2019. 106ª SETEMBRO 16

ELIENAI DANTAS CARTAXO


17/05/2019 Secretária Municipal de Assistência Social, 107ª
Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN OUTUBRO Página21
31 de 33
Habitação e Regularização Fundiária DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 32 de 33
DOM2771

108ª NOVEMBRO 18

109ª DEZEMBRO 16

110ª JANEIRO 20

111ª FEVEREIRO 17

112ª MARÇO 16
Portaria nº 164/2019 - DRH

CALENDÁRIO MENSAL DAS REUNIÕES DA MESA


O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE
DIRETORA
PARNAMIRIM/RN, no uso de suas atribuições legais e dentro das
BIÊNIO 2019/2021 prerrogativas existentes.

RESOLVE:

Art. 1º - Nomear, Hallana Aline Teixeira de Melo, para o cargo de


MÊS DIA
Assistente de Gabinete de Vereador – Símbolo – AGV, existente nesta
Casa, com lotação no gabinete do Vereador Abidene Salustiano da Silva.
ABRIL 08 Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação,
retroagindo seus efeitos a partir do dia 02 de maio de 2019, revogados as
disposições em contrário.
MAIO 14
Art. 3º - Publique-se e cumpra-se.

JUNHO 10 Gabinete da Presidência, 03 de maio de 2019.

Irani Guedes de Medeiros


JULHO 08
Presidente

AGOSTO 12

SETEMBRO 09 Portaria nº 165/2019 - DRH

O PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE


OUTUBRO 14 PARNAMIRIM/RN, no uso de suas atribuições legais e dentro das
prerrogativas existentes.

NOVEMBRO 11 RESOLVE:

Art. 1º - Nomear, Amadeu Paiva Costa, para o cargo de Consultor


DEZEMBRO 09 Legislativo de Gabinete de Vereador – Símbolo – CLG, existente nesta
Casa, com lotação no gabinete do Vereador Abidene Salustiano da Silva.

JANEIRO 13 Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação,


retroagindo seus efeitos a partir do dia 02 de maio de 2019, revogados as
disposições em contrário.
FEVEREIRO 10
Art. 3º - Publique-se e cumpra-se.

Gabinete da Presidência, 03 de maio de 2019.


MARÇO 09
Irani Guedes de Medeiros

Parnamirim/RN, 15 de Maio de 2019 Presidente

FERNANDO MAYCON DANTAS DE QUEIROZ

Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Parnamirim/RN


17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 32 de 33
DOM2771
17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 33 de 33
DOM2771

Art. 4º. A medalha representativa da “Comenda” será entregue sempre


acompanhada do Diploma de Condecoração, assinado pela Mesa
Diretora.

Art. 5º. A confecção do diploma em tamanho A4, terá seu texto grafado
Resolução nº08 /2019
em fonte itálica e com as palavras destacadas “Diploma do Mérito Ana
Institui no âmbito da Câmara Municipal de Parnamirim a Neri”, com as margens emolduradas com cores pertencentes ao brasão ou
Comenda do Mérito Ana Neri em homenagem aos profissionais bandeira do Município de Parnamirim, acondicionado em pasta própria.
constantes na equipe de enfermagem, alusiva ao 12 de maio,
Art. 6°. A medalha será cunhada no mesmo tamanho das medalhas
dia mundial da enfermagem no município de Parnamirim, e dá
oficiais do Estado do Rio Grande do Norte, com diâmetro de 06 (seis)
outras providências.
centímetros, terá em seu interior a inscrição “Comenda do Mérito Ana
A MESA DIRETORA DA CÂMARA MUNICIPAL DE Neri” e o nome do Município de Parnamirim.
PARNAMIRIM/RN:
Art. 7º. A outorga da “Comenda do Mérito Ana Neri” dar-se-á em
Faz saber, que a Câmara Municipal aprovou e eu seu Presidente sessão solene, pela Câmara Municipal.
promulgo a presente Resolução:
Art. 8°. As despesas decorrentes da aplicação desta resolução, correrão
Art. 1º. Fica instituído, no âmbito da Câmara Municipal de Parnamirim, por conta de dotações orçamentarias próprias, consignadas anualmente
a comenda do mérito Ana Neri, a ser outorgada à pessoa física e no orçamento da Assessoria de Imprensa e Comunicações da Câmara
instituições jurídicas, por meio de seu representante legal ou indicado, Municipal.
que tenham se destacado por suas relevantes ações prestadas no âmbito
Art. 9°. Esta resolução entrará em vigor na data de sua publicação,
do Município de Parnamirim/RN.
revogadas as disposições em contrário.
Art. 2º - A comenda do mérito Ana Neri será concedida, anualmente, no
Parnamirim/RN, 16 de maio de 2019.
dia 12 de maio, dia mundial da enfermagem.

Art. 3º - A proposição para a concessão da Comenda a que se refere o


artigo 1°, desta Resolução, será feita mediante projeto de decreto Irani Guedes de Medeiros
legislativo, acompanhada dos seguintes documentos:
Presidente
I. Currículo do homenageado ou histórico de atuação da instituição
indicada; Rogério César Santiago
II. Justificativa da homenagem, contendo as ações praticadas, além
da documentação comprobatória das atividades realizadas. Vice - Presidente

§1°. Fica estipulado o limite de dezoito homenageados pela Câmara


Municipal, em cada sessão legislativa, mediante apreciação e aprovação Vandilma Maria de Oliveira Gustavo Negócio de Freitas
pelo pleno da Câmara Municipal.
1º Secretario 2º Secretário
§2°. A comenda não poderá ser concedida a uma pessoa física ou
jurídica, mais de uma vez.

17/05/2019 Diário Oficial do Município de Parnamirim/RN Página 33 de 33


DOM2771