Você está na página 1de 20

Dimensionamentos de Condutos

Norma Vigente: ABNT NBR 15465:2007 em substituição a norma NBR 6150:80.

I - Eletrodutos rígidos de PVC - NBR 6150:1980

*
Conforme Ademaro Cotrim, Instalações Elétricas, 4 ed., 2006, p. 264

II - Resumo da norma ABNT NBR 15465:2007


Tabela – Espessuras máximas em mm dos Eletrodutos Plásticos (ABNT NBR 14465:2007)
Diâmetro nominal Eletrodutos Rígidos Eletroduto
DN Soldável Roscável Flexível
16 ----- ----- 2,8
20 2,0 2,7 2,8
25 2,2 2,8 3,3
32 2,6 3,2 3,8
40 3,0 3,5 4,7
50 3,7 3,7 -----
60 4,0 3,8 -----
75 4,9 4,5 -----
85 5,5 4,8 -----
110 6,9 5,8 -----
Obs.: Valores calculados a partir das tabelas 4, 5, A.3 e A.4.
III - Coletânea de Eletrodutos
TIGRE
NOV/2007
TIGRE
JAN/2005

MAR/2007
TIGRE
MAR/2007
ABR/2006

- PLASTUBOS

Utilizados pelo setor elétrico, os eletrodutos são aplicados de forma externa ou interna nas
edificações prediais e industriais, para a passagem de fios e cabos elétricos. São produzidos
com pontas roscáveis e/ou soldáveis e com PVC anti-chamas, conferindo mais segurança e
qualidade para a construção.

* A garantia só terá validade se os produtos forem utilizados dentro de cada especificação


e observados os procedimentos corretos da instalação.
EXEMPLOS NUMÉRICOS

Exemplo 1
Determinar o diâmetro mínimo do eletroduto flexível corrugado (Tigreflex reforçado) de uma
linha interna de comprimento de 10 m contendo uma curva 90°, capaz de conter os condutores (fios
sólidos BWF 750 V da CORFIO) de três circuitos monofásicos com condutores de 1,5 mm 2 (circuito
1), 2,5 mm 2 (circuito 2) e 4 mm 2 (circuito 3) de uma mesma instalação. O condutor de proteção
destes circuitos é de 4 mm 2 .
1. Diâmetro externo dos condutores [5, Produtos-Fio sólido BWF 750 V-Dados Construtivos
deste produto-Diâmetro externo nominal (mm)]
Condutor de 1,5 mm 2 ⇒ Dexterno = 2,76 mm ;
Condutor de 2,5 mm 2 ⇒ Dexterno = 3,35 mm ;
Condutor de 4 mm 2 ⇒ Dexterno = 3,83 mm ;
2. Seção externa dos condutores mm 2
( )
S condutores = N conturores × π × Dexterno / 4 []:
2

( )
Dois condutores de 1,5 mm ⇒ 2 × π × 2,76 2 / 4 = 11,97 mm 2 ;
2

Dois condutores de 2,5 mm ⇒ 2 × (π × 3,35 / 4) = 17,63 mm


2 2 2

Três condutores de 4 mm ⇒ 3 × (π × 3,83 / 4 ) = 34,56 mm ;


;
2 2 2

Total dos condutores no eletroduto: 64,16 mm 2 .


3. Critério da taxa máxima de ocupação do eletroduto
3 ou mais condutores ⇒ Taxa ocupação = 40 % [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120].
4. Seção interna mínima do eletroduto
2
S int eletroduto = S condutores / Taxaocupação máx = 64,16 / 0, 40 = 160,4 mm .
5. Diâmetro interno mínimo do eletroduto
Dint mín eletroduto = 4 × S int eletroduto / π = 4 × 160,4 / π = 14,29 mm .
6. Diâmetro nominal do eletroduto Tigreflex reforçado
Dint eletroduto ≥ Dint mín eletroduto ⇒ Eletroduto DN20 com diâmetro interno de 15,4 mm , pois,
15,4 > 14,29 [6, Tigreflex Reforçado-Ficha técnica disponível.pdf-Tabela de dimensões].
7. Critério da distância máxima de trechos contínuos da tubulação
Linha interna, trecho contínuo ⇒ d máxima = 15 m [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120];
Redução por curva de 90° = 3m [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120];
Distância máxima permitida: d permitida = d máxima − N curvas * 3 = 15 − 1 × 3 = 12 m;
Critério atendido, pois, d trecho ≤ d permitida , ou melhor, 10 < 12.
8. Taxa de ocupação real do eletroduto
S int eletroduto = π * Dint eletroduto / 4 = π × 15,4 2 / 4 = 186,27 mm 2 ;
2

S condutores = 64,16 mm 2 ;
S condutores 64,16
Taxa de ocupação efetiva percentual= × 100 = × 100 = 34,4 %.
S int eletroduto 186, 27
Exemplo 2
Determinar o diâmetro mínimo do eletroduto plástico rígido (Eletroduto de PVC Rígido
Roscável da TIGRE) de uma linha externa subterrânea de comprimento de 28 m contendo duas curvas
de 90°, capaz de conter os condutores unipolares (cabo flexível de potência 0,6/1 kV da CORFIO) de
um circuito alimentador trifásico quatro fios (3F+N) com cabos de 35 mm 2 . O condutor de proteção
deste circuito é de 16 mm 2 .
1. Diâmetro externo dos condutores [5, Produtos-Cabo Flexível de Potência 0,6/1 kV-Dados
Construtivos Cabos Unipolares-Diâmetro externo nominal (mm)]
Cabo 1 x 35 mm 2 ⇒ Dexterno = 12,45 mm ;
Cabo 1 x 16 mm 2 ⇒ Dexterno = 9,40 mm ;
2. Seção externa dos condutores mm 2
( )
S condutores = N conturores × π × Dexterno / 4 :
2

(
Quatro condutores de 35 mm ⇒ 4 × π × 12,45 2 / 4 = 486,95 mm 2 ;
2
)
(
Um condutor de 16 mm ⇒ 1 × π × 9,40 / 4 = 69, 40 mm 2 ;
2 2
)
Total dos condutores no eletroduto: 556,35 mm 2 .
3. Critério da taxa máxima de ocupação do eletroduto
3 ou mais condutores ⇒ Taxa ocupação = 40 % [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120].
4. Seção interna mínima do eletroduto
2
S int eletroduto = S condutores / Taxaocupação máx = 556,35 / 0, 40 = 1.390,88 mm .
5. Diâmetro interno mínimo do eletroduto
Dint mín eletroduto = 4 × S int eletroduto / π = 4 × 1390,88 / π = 42,08 mm .
6. Diâmetro nominal do eletroduto de PVC Rígido Roscável da TIGRE
Dint eletroduto ≥ Dint mín eletroduto ⇒ Eletroduto 2” (DN60) com diâmetro interno de 52,8 mm , pois,
52,8 > 42,08 [6, Eletroduto Roscável-Ficha técnica disponível.pdf-Tabela de dimensões].
7. Critério da distância máxima de trechos contínuos da tubulação
Linha eterna, trecho contínuo ⇒ d máxima = 30 m [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120];
Redução por curva de 90° = 3m [NBR 5410:2004, item 6.12.11.6, p.120];
Distância máxima permitida: d permitida = d máxima − N curvas * 3 = 30 − 2 × 3 = 24 m;
Critério não atendido, pois, d trecho > d permitida , ou melhor, 28 < 24;
8. Alternativas possíveis para solucionar o não atendimento do critério do item anterior
a) Criar uma caixa de passagem intermediária (não adotado);
b) Adotar eletroduto de tamanho nominal imediatamente superior para cada 6 m ou fração de
aumento da distância máxima calculada pelo critério da taxa de ocupação [NBR 5410:2004,
item 6.12.11.6, p.120]. Adotou-se, então, eletroduto 2,5” (DN75) com diâmetro interno de
67,1 mm . Dessa forma:
• Nova distância máxima permitida: d ' permitida = d permitida + 6 = 24 + 6 = 30 m;
• Critério atendido, pois, d trecho ≤ d ' permitida , ou melhor, 28 < 30;
9. Taxa de ocupação real do eletroduto
S int eletroduto = π * Dint eletroduto / 4 = π × 67,12 / 4 = 3.536,18 mm 2 ;
2

S condutores = 556,35 mm 2 ;
S condutores 556,35
Taxa de ocupação efetiva percentual= × 100 = × 100 = 15,7 %.
S int eletroduto 3.536,18
Bibliografia
1. CREDER, Hélio. Instalações Elétricas. Coordenação da revisão técnica e atualização: Luiz
Sebastião Costa. 15. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2007. 428p.
2. Freitas, P. C. F. de. Instalações Elétricas de Baixa Tensão. Revisão de Victor de Paula e Silva.
Uberlândia: UFU, 2007. 96 p. Apostila.
3. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 5410 – Instalações elétricas de
baixa tensão. Rio de Janeiro: ABNT, 2004. 209 p.
4. ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 15465 – Sistemas de eletrodutos
plásticos para instalações elétricas de baixa tensão – Requisitos de desempenho. Rio de Janeiro:
ABNT, 2007. 37 p.
5. CORFIO. Produtos. INTERNET. Disponível em: <http://www.corfio.com.br/>. Acesso em: 12 jan.
2008.
6. TIGRE. Eletricidade. INTERNET. Disponível em: <http://www.tigre.com.br/>. Acesso em: 12
jan. 2008.