Você está na página 1de 79

Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Visto
A Directora do Serviço Provincial de
Assuntos Sociais

_______________________
Munira Abubacar Bin Abudou
/Médica de Clínica Geral Principal/

REPÚBLICADEMOÇAMBIQUE
MINISTÉRIO DO GENERO,CRIANCA E ACÇÃOSOCIAL
INSTITUTONACIONALDEACÇÃOSOCIAL

DELEGAÇÃO DE NACALA

RELATORIO DO 1º SEMESTRE 2020

Nacala, Junho de 2020

0
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Conteúdo
LISTA DE SÍGLAS E ABREVIATURAS ...................................................................................................................3

RESUMO ........................................................................................................................................................................5

1. INTRODUÇÃO ....................................................................................................................................................7

2. DESENVOLVIMENTO DOS PROGRAMAS ..................................................................................................8

2.1. PROGRAMA SUBSÍDIO SOCIAL BÁSICO (PSSB) ..............................................................................8


2.1.1. Motivos de Cessação .........................................................................................................................11
2.1.2. Localização dos beneficiários ..........................................................................................................13
2.1.3 Expansão do Programa .............................................................................................................................13
2.1.3 Evolução do Programa.................................................................................................................16
2.1.5 Visitas de renovação dos beneficiários do programa Subsidio Social Básico ...................18
2.1.6 APOIO PSICOSSOCIAL ..........................................................................................................................20
2.17 Divulgação do Programa Subsídio Social Básico .....................................................................20
2.1.8 Componente do Subsídio para Criança ...................................................................................20
2.8.1.2 Localização dos beneficiários assistidos ...............................................................................24
2.2 PROGRAMA APOIO SOCIAL DIRECTO (PASD) ......................................................................................24
2.2.1 Atendimento Prolongado ..........................................................................................................................25
2.2.1.1 Principais Actividades Desenvolvidas........................................................................ 25
2.2.1.2 Motivos de Cessação................................................................................................. 28
2.2.1.3 Expansao do Programa.............................................................................................. 31
2.2.1.4 Evoluçâo do Programa ..............................................................................................32
2.2.1.5 Localização dos beneficiarios Atemdidos................................................................ 33
2.2.2 Atendimento pontual ...........................................................................................................................33
2.2.2.1 Principais Actividades Desenvolvidas........................................................................ 34
2.3 PROGRAMA DE ATENDIMENTO EM UNIDADES SOCIAIS (PAUS) ....................................................38
2.3.1 ATENDIMENTO INSTITUCIONAL ......................................................................................................39
2.3.1.2 Pricinpais Actividades Desenvolvidas........................................................................... 39
2.3.1.3 Motivos de Cessação...................................................................................................... 43
2.3.1.4 Evoluçâo do Programa................................................................................................... 44
2.3.1.5 Localizacao dos Utentes das Unidades Sociais............................................................. 45
2.4 PROGRAMA DE SERVIÇOS SOCIAIS DE ACÇÃO SOCIAL ...................................................................................46
2.4.1 Orientaçâo e Reunificação Familiar................................................................................. 46
2.4.2 Principais Actividades Desenvovidas no âmbito da Orientacao Social.......................... 46
2.4.3 Principais Actividades Desenvolvidas no âmbito da reunificação familiar..........................47
2.2.4 Atendimento Institucional............................................................................................ 48
2.4.4.1 Serviços de Informação e Orientação Social................................................................ 49

1
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.4.4.2 Implementação de projectos de geração de alimentos nas Unidades Sociais................ 51


2.5. PROGRAMA ACÇÃO SOCIAL PRODUTIVA (PASP) ..............................................................................52
2.6 Acções Desenvolvidas no Âmbito do COVID-19................................................................ 54
3. DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL.......................................................................................................58

3.1 REPARTIÇÃO DOS RECURSOS HUMANOS ........................................................................................................58


3.1.1 Administração e Gestão do Pessoal ...............................................................................................58
3.1.2 Formação................................................................................................................................................61
3.1.2.1 Cursos de Curta Duração............................................................................................ 61
3.1.2.2 Cursos de Longa Duração........................................................................................... 62
3.2 REPARTIÇÃO DE PLANIFICAÇÃO E ESTATÍSTICA...............................................................................64
3.2.1 Apresentação das principais actividades realizadas .................................................................64
3.3 REPARTIÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS ................................................................................66
3.3.1 Apresentação das principais actividades realizadas .................................................................66
3.3.2 Apresentação dos gastos efectuados com despesas de funcionamento ............................66
3.3.3 Apresentação dos gastos do Orçamento do PSSB com outros programas implementados
e diversos .........................................................................................................................................................68
3.4 Gestão Patrimonial ..................................................................................................................................71
3.4.1 Actividades realizadas pelo sector do Património ......................................................................72
3.5 UGEA .................................................................................................................................................................72
3.6 Repartição de Assistencia Social......................................................................................... 73
3.6.1 Apresentação das principais actividades realizadas ...........................................................73
3.6.2 Programa Subsídio Social Básico................................................................................. 73
3.6.2 Programa Apoio Social Directo ........................................................................................................74
3.6.4 Repartição de Programas de Desenvolvimento............................................................. 74
3.6.4.1 Apresentação das principais actividades realizadas................................................... 74
3.6.4.2 Gestão Tecnica de Programas de Desenvolvimento..................................................75
4. CONSTRANGIMENTOS .................................................................................................................................75

5. PERSPECTIVAS GERAIS ..............................................................................................................................76

6.CONCLUSÃO..........................................................................................................................................................77

2
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

LISTA DE SÍGLAS E ABREVIATURAS

AFC Agregados Familiares Chefiados


COV Criança Òrfã e Vulnerável
AF Agregado Familiar
PI Pessoa Idosa
PCD Pessoa com deficiência
HIV Vírus de Imunodeficiência Humana
SIDA Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
CA Centro de Acolhimento
CAV Centro de Apoio à Velhice
CT Centro de Trânsito
PI Pessoa Idosa
PCD Pessoa com deficiência
CCAF Criança Chefe de Agregado Familiar
PVHS Pessoa Vivendo Com HIV e SIDA
CAFSIT Chefe de Agregado Familiar em Situação Temporária de
Incapacidade para o Trabalho
PCDCA Pessoa Com Doença Crónica Acamada
TARV Tratamento Antirretroviral
HIV Vírus de Imunodeficiência Humana
EP1 Ensino Primário do 1o Grau
EP2 Ensino Primário do 2o Grau
F Feminino
MGCAS Ministério do Género, Criança e Acção Social
INAS Instituto Nacional de Acção Social
FUNIBER Fundação Iberoamericana
M Masculino
T Total
PASD Programa Apoio Social Directo
EP1 Ensino Primário do 1o Grau
PASP Programa Acção Social Produtiva
PSSAS Programa Serviços Sociais de Acção Social

3
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

PAUS Programa de Atendimento em Unidades Sociais


PSSB Programa Subsídio Social Básico
MOI Mão-de-Obra- Intensiva
AT Autoridade Tributária
NUIT Número Único de Identificação Tributária
PES Plano Económico e Social
RPE Repartição de Planificação e Estatística
RAS Repartição de Assistência Social
RRH Repartição de Recursos Humanos
RPD Repartição de Programas de Desenvolvimento
SCRP Sector de Cooperação e Relações Públicas
SIGEDAP Sistema de Gestão de Desempenho de Administração
Pública
SNAE Sistema Nacional de Arquivo do Estado
UGEA Unidade Gestora de Aquisições

4
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

RESUMO

O presente resumo espelha de forma concisa as actividades desenvolvidas em todas Repartições


da Delegação: RAF, RRH, RPE, RPA, RA e RPD; suas metas, execução e seu respectivo
desempenho. A Delegação possui na sua área de jurisdição 6 distritos, nomeadamente: Nacala,
Nacala-à-Velha, Mossuril, Memba, Eráti e Ilha de Moçambique. As actividades da Delegação
estão centradas nos seguintes grupos alvos: crianças em situações difíceis, Pessoas com
Deficiência (PCD), Pessoas Idosas, Pessoas com Doenças Crónicas e Degenerativas, Mulheres
Chefes de Agregado Familiar e outros grupos vulneráveis, incluindo pessoas vivendo com HIV e
SIDA. Em termos de metas referentes aos programas e o grau do cumprimento do plano no
presente. De uma meta geral de 38.015 beneficiários (21.921 do PSSB, 7.930 do Subsídio para
criança, 396 do PASD, 45 do PSSAS, 550 do PAUS, 6.311 do PASP-MOI e 862 do PASP-TPI.
Foram atendidos 35.861 beneficiários, sendo 14.831 do sexo masculino e 21.030 do feminino, dos
quais 19.819 no PSSB, 7.791 do Subsídio para criança, 673 no PASD, 22 no PSSAS(
orientações/reunificações), 297 no PAUS e 7.259 do PASP. Cessaram 1.213 beneficiários, sendo
559 do sexo masculino e 654 do feminino, por diversos motivos. Até ao período em análise, os
programas contam com 34.648 beneficiários, sendo 14.272 do sexo masculino e 20.376 do
feminino, dos quais 19.143 do PSSB, 7.461 do Subsídio para criança, 466 do PASD, 22 do
PSSAS, 297 do PAUS e 7.259 do PASP, equivalente à 91,14% do plano. Destacar que, os
programas registam um impacto positivo na vida dos beneficiários, na medida em que estes
conseguem satisfazer algumas necessidades básicas na família e na comunidade e para o país
em geral. No âmbito dos Recursos Humanos, a Delegação conta com um efectivo de 34
funcionários e 7 agentes do Estado, sendo 23 do sexo masculino e 18 do feminino. Dos 7
agentes do Estado, 1 é Agente de serviço com contrato indeterminado, 3 são assistentes sociais,
2 são contabilistas 1 é planificadora, contratados pelo INAS-Central para coordenar as actividades
dos programas, sendo 3 no PASP e igual número no PSSB-SC. Igualmente, conta com 222
permanentes, sendo 152 do sexo masculino e 70 do feminino, colaboradores dos programas nos
distritos sob jurisdição da Delegação. Conta-se com 3 funcionários-estudante do ensino superior.

Até ao presente semestre, a Delegação teve uma disponibilidade orçamental no valor de


161.555.713,74 (cento e sessenta e um milhões, quinhentos e cinquenta e cinco mil, setecentos e
treze meticais e setenta e quatro centavos), para a cobertura das despesas dos programas e
salários. Deste valor, foram gastos 118.893.095,05 (cento e dezoito milhões, oitocentos e
noventa e três mil, novecenta e cinco meticais e cinco centavos). Feitos os gastos, registou-se

5
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

um saldo no valor de 42.662.618,69 (quarenta e dois milhões, seiscentos e sessenta e dois mil,
seiscentos e dezoito meticais e sessenta e nove centavos).

6
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

1. INTRODUÇÃO

O Ministério do Género, Criança e Acção Social (MGCAS), através do seu braço executor,
Instituto Nacional de Acção Social (INAS) tem envidado esforços, implementando
programas de assistência directa à pessoas em situação de pobreza, incapacitadas para
o trabalho e Programa de Acção Social Produtiva para pessoas em situação de pobreza e
com capacitadas para o trabalho.

Igualmente, tem direccionado esforços na capacitação institucional, desde o


fortalecimento dos recursos humanos, materiais, financeiros e outros que tornam possível
o desenvolvimento das suas actividades.

A principal atenção está centrada nos seguintes grupos alvos: crianças em situações
difíceis, Pessoas com Deficiência (PCD), Pessoas Idosas (PI), Pessoas com Doenças
Crónicas e Degenerativas, Mulheres Chefes de Agregado Familiar e outros grupos
vulneráveis, incluindo pessoas vivendo com HIV e SIDA.

O presente relatório visa apresentar o balanço das actividades realizadas até ao mês de
Junho de 2020, tendo como base as metas e orçamentos do Plano Económico e Social
(PES-20). O relatório procura abordar de forma descritiva o grau de cumprimento das
actividades, as metas alcançadas, os constrangimentos enfrentados na implementação,
as conclusões e as perspectivas para o período seguinte.

7
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2. DESENVOLVIMENTO DOS PROGRAMAS

O presente relatório apresenta as principais actividades desenvolvidas no âmbito da


implementação de cada programa até ao mês de Junho de 2020.

2.1. PROGRAMA SUBSÍDIO SOCIAL BÁSICO (PSSB)


Actividades desenvolvidas

Este programa consiste na prestação de assistência directa aos indivíduos em situação


de pobreza e incapacitados para o trabalho, através da atribuição de um subsídio mensal
a cada agregado familiar.

Dos 21.921 beneficiários da meta para 2020, foram atendidos 19.819 beneficiários,
sendo 8.502 são chefiados por homens e 11.317 chefiados por mulheres,
correspondentes a 42,90% e 57,10%, respectivamente. Destes, cessaram 676
beneficiários, dos quais 300 do sexo masculino e 376 do feminino. Até ao período em
análise, o programa conta com 19.143 agregados familiares existentes correspondente à
87,33% do plano.

Dos 19.143 beneficiários existentes, 8.202 são chefiados por homens e 10.941 chefiados
por mulheres, correspondentes a e 42,85 e 57,15%, respectivamente.

Relativamente aos ingressos no programa, até ao período em análise, houve registo de


398 novos ingressos, sendo 175 do sexo masculino e 223 do feminino.

8
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro 1: Beneficiários atendidos por mês, no período (Jan-Jun/20)


Mês Beneficiários Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Existentes no (B) (C=A+B) (D) E=C-D)
período anterior
(A)
M F T M F T M F T M F T M F T
Jan 8.327 11.094 19.421 0 0 0 8.327 11.094 19.421 180 167 347 8.147 10.927 19.074
Fev 8.147 10.927 19.074 0 0 0 8.147 10.927 19.074 0 0 0 8.147 10.927 19.074
Mar 8.147 10.927 19.074 0 0 0 8.147 10.927 19.074 0 0 0 8.147 10.927 19.074
Abr 8.147 10.927 19.074 175 223 398 8.502 11.317 19.819 300 376 676 8.202 10.941 19.143
Mai 8.202 10.941 19.143 0 0 0 8.202 10.941 19.143 0 0 0 8.202 10.941 19.143
Jun 8.202 10.941 19.143 0 0 0 8.202 10.941 19.143 0 0 0 8.202 10.941 19.143
Total 8.327 11.094 19.421 175 223 398 8.502 11.317 19.819 300 376 676 8.202 10.941 19.143
Fonte: e-inas, Mapas de pagamento do PSSB, referentes aos meses de Dez/2019 e Jun/2020

De acordo com o quadro 2, constata-se que o grupo alvo Pessoa Idosa foi o mais
atendido na ordem de 96,53%, enquanto o grupo alvo Pessoa com Doença Crónica e
Degenerativa foi o menos atendido na ordem de 0,40%.

Em relação ao ingresso dos beneficiários no programa, houve registo maior percentagem


de Pessoas Idosas na ordem de 98,24% e menor na Pessoa com Deficiência na ordem
de 1,76%, de acordo com o quadro 2.

No que se refere aos beneficiários cessantes, destaca-se o grupo alvo pessoa idosa que
teve maior número de cessantes na ordem de 92,16%; contra 2,22% da Pessoa com
Deficiência.

9
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro 2: Beneficiários atendidos por grupo alvo, no período (Jan- Jun/20)

Beneficiários
Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Grupo existentes no
(B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
Alvo período anterior (A)
M F Total M F Tot M F Total M F Tot M F Total
al al
Pessoa
Idosa 7.932 10.779 18.711 171 220 391 8.103 10.999 19.102 262 361 623 7.841 10.638 18.479
Pessoa
com 351 245 596 4 3 7 355 248 603 12 3 15 343 245 588
deficiênc
ia
Pessoa
c/doença 44 70 114 0 0 0 44 70 114 26 12 38 18 58 76
crónica e
degener
ativa
Crianças 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Chefes
de AF
(12-18
anos)
Chefes 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
de AF
em
situação
temporár
ia de
incapaci
dade
para o
trabalho
Pessoas 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
idosas
acamada
s
Pessoas 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
com
doença
crónica
acamada
s
Total 8.327 11.094 19.42 175 223 398 8.50 11.317 19.81 300 376 676 8.202 10.941 19.143
1 2 9

10
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro 3: Beneficiários atendidos por distrito, no período (Jan-Jun/20)


Benef. Existentes no Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Distrito período anterior (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
(A)

M F T M F T M F T M F T M F T
Nacala 2.462 3.489 5.951 168 208 376 2.630 3.697 6.327 122 239 361 2.508 3.458 5.966
Erati 1.439 2.020 3.459 7 15 22 1.446 2.035 3.481 7 9 16 1.439 2.026 3.465
Memba 1.395 1.781 3.176 0 0 0 1.395 1.781 3.176 47 31 78 1.348 1.750 3.098
Mossuril 1.438 1.654 3.092 0 0 0 1.438 1.654 3.092 51 49 100 1.387 1.605 2.992
Nacala- 1.104 1.352 2.456 0 0 0 1.104 1.352 2.456 11 12 23 1.093 1.340 2.433
a-
Velha

Ilha de 489 798 1.287 0 0 0 489 798 1.287 62 36 98 427 762 1.189
Moçamb
ique
Total 8.327 11.094 19.421 175 223 398 8.502 11.317 19.819 300 376 676 8.202 10.941 19.143
Fonte: e-inas, Mapas de pagamento do PSSB, referentes aos meses de Dez/2019 e Jun/2020

2.1.1. Motivos de Cessação

De um total de 676 beneficiários cessantes, dos quais 300 do sexo masculino e 376 do
feminino, registou-se 442 por morte, 121 por mudança de residência e 35 por
transferência para outros programas e 78 por acumulação de faltas (vide o quadro nº4).
Dentre os motivos de cessação, a maior incide por morte com 65,38%, e menor por
transferência para outros programas equivalente a 5,18%.

11
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº 4: Motivos de cessação por grupo alvo e género, no período (Jan- Jun/2020)
Grupo Alvo Morte Melhoria das Mudança Transf. Outros Acumulação de Total geral
condições da de Programas faltas
situação residência
Económica
M F T M F T M F T M F T M F T M F M+F
Pessoa 182 246 413 0 0 0 50 68 108 0 0 0 30 47 77 262 361 623
Idosa
(PI)
Pessoa com Deficiência 9 2 11 0 0 0 2 1 3 0 0 0 1 0 1 12 3 15
(PCD)
Pessoa com 1 2 3 0 0 0 0 0 0 25 10 35 0 0 0 26 12 38
Doença Crónica
e degenerativa
(PCDC)
Crianças Chefes de AF 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
(12-18 anos)
Chefes de AF em situação 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
temporária de incapacidade
para o trabalho
Pessoas Idosas Acamada 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

Pessoas com Doença 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0


Crónica Acamada
TOTAL 192 250 442 0 0 0 52 69 121 25 10 35 31 47 78 300 376 676
Fonte: RAS

12
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.1.2. Localização dos beneficiários

O quadro a seguir ilustra a localização dos beneficiários do programa e seus graus


percentuais de atendimento por distrito.

Quadro A: Localização dos beneficiários do programa, número de beneficiarios atendidos


por distrito.

Distrito Nº de beneficiários atendidos no programa


Nacala 5.966
Eráti 3.465
Memba 3.098
Mossuril 2.992
Nacala-à-Velha 2.433
Ilha de Moçambique 1.189
Total 19.143

2.1.3 Expansão do Programa

Em relação a expansão do programa, de referir que o programa abrangeu em todas


sedes dos distritos, postos administrativos e localidades. Para o presente semestre, não
houve expansão do programa, em virtude de ter se recebido a comunicação de metas e
orçamentos do ano, tardiamente.

Pelo facto de não ter havido expansão, por motivos anteriorres, o quadro a seguir ilustra
dados nulos.

13
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº5: Beneficiários abrangidos no âmbito da expansão do programa

Grupo Data Distrito Posto Localidade Povoado Benefic. Total


Alvo (refere Administrativo
nte ao

pagam
ento
M F T
na
zona
de
expans
ão)
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
com
deficiênc
ia
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
com
deficiênc
ia
Pessoa 0 0 0
Idosa Nacala-à-
Pessoa Velha 0 0 0
com
deficiênc
ia
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Subtota
l1
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
com
deficiênc

14
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

ia Eráti
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
acamad
a
Pessoa 0 0 0
c.
Deficiên
cia
Pessoa 0 0 0
Idosa
Subtota 0 0 0
l2
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa Memba
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Subtota
l3
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
com
deficiênc Mossuril
ia
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
Idosa
Pessoa 0 0 0
com
deficiênc
ia
Subtota 0 0 0

15
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

l4
Total 0 0 0
geral
Fonte: RAS

O quadro a seguir ilustra valores gastos com beneficiários, encargos administrativos e o


número de beneficiários assistidos por sexo, até o mês de Junho/2020, nos distritos sob
jurisdição da Delegação.

Quadro nº 6: Pagamentos efectuados, no âmbito do PSSB (Jan-Jun/20)


Mês Valor gasto Gastos Total Número de beneficiários
com administrativos C=A+B) pagos Obs.
beneficiários (B)
(A) M F M+F
Dezembro 10.683.800,00 0,00 10.683.800,00 8.147 10.927 19.074
Janeiro 10.683.800,00 547.160,00 11.230.960,00 8.147 10.927 19.074
Fevereiro 10.686.340,00 489.659,86 11.175.999,86 8.202 10.941 19.143
Março 10.686.340,00 684.879,08 11.371.219,08 8.202 10.941 19.143
Abril 10.686.340,00 1.670.062,02 12.356.402,02 8.202 10.941 19.143
Maio 10.686.340,00 1.475.693,58 12.162.033,58 8.202 10.941 19.143
Junho ------------------ 3.688.686,28 3.688.686,28 8.202 10.941 19.143
Total 64.112.960,00 8.556.140,82 72.669.100,82 8.202 10.941 19.143
Fonte: RAF

De acordo com quadro 6, foi feita a conclusão da transferência do subsídio aos


beneficiários do programa referente ao mês de Dezembro de 2019, que não foi realizada
no respectivo ano por insuficiência de fundo e as transferências referentes aos meses de
Janeiro à Maio do ano em curso, estando em processo as transferências referentes aos
meses de Junho à Julho do ano em curso.

2.1.3 Evolução do Programa

De acordo com os dados do quadro nº 7, durante o período em análise, a Delegação teve


grau de cumprimento do planificado na ordem de 87,33%. De salientar que o atendimento
aos grupos alvo Pessoa Idosa atingiu maior grau de cumprimento do plano em relação
aos restantes grupos alvos, na ordem de 87,69%. Em contra partida, o atendimento ao

16
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

grupo alvo Pessoa com Doença Crónica e Degenerativa atingiu menor grau de
cumprimento na ordem de 64,96%.

Comparativamente ao igual período do ano passado, neste o programa, registou-se um


decrescimento na ordem de 1,43%. No entanto, o grupo alvo da Pessoa Idosa destacou-
se com maior crescimento na ordem de - 1,21% e menor na no grupo alvo Pessoa com
doença crónica e degenerativa -33,33%.

Quadro 7: Grau de cumprimento do planificado no Programa Subsídio Social


Básico e a respectiva taxa de crescimento em relação ao mesmo período do ano
transacto

Grupo Período igual do ano transacto Igual período em análise Taxa de


alvo (2019) (2020) cresciment
Meta Atendid Grau de Meta Atendi Grau de o (%)
recondu os cumpriment (D) dos cumpriment G=E-
zida o da € o da meta (B/B*100)
meta(%) (%)
(C=B/A*100) F=E/D*100)
Pessoa 18.589 18.653 +100 21.074 18.479 87,69 -1,21
idosa
Pessoa
com 605 577 95,37 705 588 83,40 -1,91
deficiênci
a
Pessoa
com 117 114 97,44 117 76 64,96 -33,33
doença
crónica e
degenerat
iva

17
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Crianças 0 0 0 5 0 0 0
Chefes de
AF
(12-18
anos)
Chefes de
AF em
situação
temporári 0 0 0 0 0 0
a de 0
incapacid
ade para
o trabalho
Pessoas 110 77 0 10 0 0 0
idosas
acamadas
Pessoas 0 0 0 10 0 0 0
com
doença
crónica
acamadas
TOTAL 19.421 19.421 100 21.921 19.123 87,33 -1,43
Fonte: RAS

2.1.5 Visitas de renovação dos beneficiários do programa Subsidio Social Básico

Durante o período em análise, não foi realizada visitas domiciliárias, conforme ilustra o
quadro 8. Poderão ser realizadas a posterior.

18
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº 8: Visitas de renovação e número de beneficiários abrangidos no período


(Jan- Jun/20)

Data de Distrito Posto Localidade Beneficiários


N/O visita Admin.
M F T
1 Nacala N/A 0 0 0
1 ------ Memba N/A 0 0 0
------ 0 0 0
Subtotal 0 0 0
…………………………………………………………………..
1 Nenhum 0 0 0
2 Nenhum 0 0 0
1 Nenhum 0 0 0
2 Eráti Nenhum 0 0 0
3 ------------- Nenhum 0 0 0
4 Nenhum 0 0 0
5 Nenhum 0 0 0
6 Nenhum 0 0 0
Subtotal …………………………………………………………………. 0 0 0
1 Nenhum 0 0 0
2 Nenhum 0 0 0
3 ------ Mossuril Nenhum 0 0 0
4 Nenhum 0 0 0
5 Nenhum 0 0 0
6 Nenhum 0 0 0
7 Nenhum 0 0 0
Nenhum 0 0 0
Subtotal …………………………………………………………………. 0 0 0
Total ……………………………………………………………………… 0 0 0
Fonte: RAS

Em relação as visitas com vista a integração de novos ingressos ao programa, durante o


período em análise, não foram realizadas visitas de candidatos ao programa, devido a
exiguidade orçamental.

19
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.1.6 APOIO PSICOSSOCIAL

Quadro nº 9: Sessões de Apoio Psicossocial realizadas no período (Jan-Junho/20)


Grupo alvo Local Matéria Razões que Resultados Atendidos
abordada ditaram a obtidos M F T
intervenção
Necessidad Prevenção Beneficiários
Beneficiários Todos e dos da informados 14.272 20.376 34.648
do PSSB, distritos de beneficiário contaminaç sobre a
PSSB-SC jurisdição s do ão da existencia da
da programa doença pandemia e
PAUS Delegação aderirem as as
PASD, medidas respectivas
PSSAS e preventivas medidas de
PASP anunciadas prevenção.
pelo
Governo
em
relalação o
COVID-19
TOTAL ………………………………………………………………………
14.272 20.376 34.648

Fonte: RAS

2.1.7 Divulgação do Programa Subsídio Social Básico

Durante o período em análise, a Delegação divulgou a necessidade dos beneficiarios


apresentarem documentos nos postos de pagamnto, permanentemente. Foi igualmente
divulgado aos beneficiários com agregados elegíveis e indocumentados, para tratarem os
documentos de identificação, com vista a serem integrados no programa.

2.1.8 Componente do Subsídio para Criança

O Subsídio para Criança é uma componente do Programa Subsídio Social Básico que
consiste na transferência monetárias por tempo determinado, para apoiar as famílias a
melhorar a alimentacao e cuidados das crianças de 0-24 meses. O receptor do subsídio é
o cuidador (a) ou seu substituto.

20
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Esta componente abrange os Distritos de Nacala-à-Velha e Ilha de Moçambique, com


uma meta global de 7.930 beneficiários, sendo 4.500 para o Distrito de de Nacala-a-
Velha e 3.430 para Ilha de Moçambique.

De uma meta geral de 7.930, foram assistidos 7.791 beneficiários, sendo 2.486 do sexo
masculino e 5.305 do feminino. Cessaram 330 beneficiários, sendo 165 do sexo
masculino e 175 do feminino.

Actualmente o programa conta com 7.461 beneficiários, correspondente à 94,09% do


planificado.

Dos 7.461 beneficiários existentes, 2.331 são do sexo masculino e 5.130 do feminino,
correspondentes à 31,24% e 68,76 %, respectivamente.

Actividades desenvolvidas

Até ao período em análise, foram desenvolvidas as seguintes actividades:


 Capacitação em matéria de gestão de casos à 55 permanentes, sendo 26 do sexo
masculino e 29 do feminino, no Distrito de Nacala-à-Velha;
 Transferências monetárias aos beneficiários da componente, referentes aos
meses de Setembro, Outubro, Novembro e Dezembro de 2019;
 Distribuição de 28 bicicletas à igual número de permanentes do sexo feminino que
trabalham no âmbito da componente do Subsídio para criança de 0-2 anos, dos
quais 25 no Distrito de Nacala-à-Velha e 3 no Distrito da Ilha de Moçambique.

As imagens ilustram as activividades realizadas, no âmbito do Subsídio para Criança,


durante o período em análise.

21
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 1: Capacitacao de permanentes do Subsídio para Criança de 0-2 anos de idade, em materia de
gestão de cuidados, na Vila do Distrito de Nacala-à-Velha.

Figura 2: Transferências monetarias aos beneficiarios do Subsidio de Criança, referentes aos meses de
Setembro a Dezembro de 2019, no,Distrito da Ilha de Moçambique.

Figura 3: Transferências monetarias aos beneficiarios do Subsidio de Criança, referentes aos meses de
Setembro a Dezembro de 2019, na Vila do Distrito de Nacala-à-Velha.

22
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

O quadro que se segue ilustra o número debeneficiários novos ingressos, assistidos,


cessantes e existentes até Junho de 2020.

Beneficiários
existentes no período Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Grup anterior (trimestre,
o semestre e anual) (A) (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
Alvo M F T M F T M F T M F T M F T
Cria 1.52 4.36 5.89 961 938 1.89 2.48 5.30 7.79 155 175 330 2.331 5.130 7.46
nças 5 7 2 9 6 5 1 1
de
(0-2
anos
)
Tota 1.52 4.36 5.89 961 938 1.89 2.48 5.30 7.79 155 175 330 2.331 5.130 7.46
l 5 7 2 9 6 5 1 1
Fonte: RAS

O quadro a seguir ilustra número de beneficiários novos ingressos, assistidos, cessantes


e existentes, por distrito, até Junho de 2020.

Beneficiários
existentes no período Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Distrito anterior (trimestre,
semestre e anual) (A) (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)

M F T M F Total M F Total M F T M F Total


Nacala- 1.10 3.264 4.36 511 100 611 1.6 3.36 4.98 28 32 60 1.588 3.33 4.92
¬a- 5 9 16 4 0 2 0
Velha
Ilha de 420 1.103 1.52 450 838 1288 870 1.94 2.81 12 17 27 743 1.79 2.54
Moçam 3 1 1 7 5 0 8 1
bique
Total 1.52 4.367 5.89 961 938 1.89 2.4 5.30 7.79 15 17 33 2.331 5.13 7.46
5 2 9 86 5 1 5 5 0 0 1
Fonte: RAS

Dos 330 cessantes, 258 são por motivos de serem desconhecidos 51 por repetição de
nomes e 21 falecidos.

23
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.1.9 Localização dos beneficiários assistidos

O quadro a seguir ilustra a localização a meta, número de beneficiários abrangidos e grau


de cumprimento da meta por distrito, pela componente do Subsídio para Criança até
Junho de 2020.

Distrito Meta Realização Grau de


cumprimeto do
plano (%)
Nacala-à-Velha 4.500 4.920 +100
Ilha de Moçambique 3.430 2.541 74,08
Total 7.930 7.461 94,09

2.2 PROGRAMA APOIO SOCIAL DIRECTO (PASD)

O Programa Apoio Social Directo (PASD) consiste no apoio material e psico-social a


indivíduos ou grupo de indivíduos em situação de pobreza, com limitações em resolver as
situações socio-económicas.

Para o presente exercìcio económico foi planificada uma meta de 2019 de 396 agregados
familiares, sendo, 316 em cabaz alimentar, 60 em meios de compensação e 20 em outros
apoios.

Dos 396 beneficiários da meta, foram atendidos 673 beneficiários, sendo 330 chefiados
por homens e 343 por mulheres, correspondentes a 48,82% e 51,18%, respectivamente.
Destes, cessaram 207 beneficiários, dos quais 104 do sexo masculino e 103 do feminino.
Até ao período em análise, o programa conta com 466 agregados familiares existentes
correspondente à +100% do plano.

24
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Dos 466 beneficiários existentes, 226 são do sexo masculino e 240 do feminino,
correspondentes a 48,50% e 51,50%, respectivamente.

Dos 466 beneficiários, 435 foram assistidos em cabaz alimentar e substitutos de leite, 13
em meios de compensação e 18 em outros apoios.

O maior atendimento incide sobre assistência em substitutos de leite e cabazes


alimentares, dada a crescente demanda nesta componente.

De uma meta de 316 beneficiarios planificados para assistência em cabaz alimentar e


substitutos de leite, foram atendidos 435 beneficiàrios, sendo 207 do masculino e 228 do
feminino, correspondentes à 47,59% e 52,41%, respectivamente.

De uma meta de 60 beneficiários planificados para meios de compensação, foram


atendidos 13 beneficiários, sendo 7 do sexo masculino e 6 do feminino, correspondentes
à 53,85% e 46,15%, respectivamente.

De uma meta de 20 beneficiários destinados à outros apoios, foram assistidos 18


beneficiários, sendo 12 do sexo masculino e 6 do feminino, correspondentes à 60% e
40%, respectivamente.

O programa compreende 2 componentes, sendo apoio multiforme e transferências sociais


no contexto do pós-emergência.

A Delegação implementa a componente apoio multiforme, através de atendimento


prolongado e pontual.

2.2.1 Atendimento Prolongado


2.2.1.1. Principais actividades desenvolvidas
De uma meta de 316 beneficiarios planificados para assistência em cabaz alimentar e
substitutos de leite, foram atendidos 435 beneficiàrios, sendo 207 do masculino e 228 do

25
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

feminino, correspondentes à 47,59% e 52,41%, respectivamente. Esta subida no


atendimento deve-se a maior procura pela assistência neste âmbito.

No quadro a seguir a seguir estão ilustrados beneficiários assistidos, no âmbito do apoio


prolongado
Quadro nº11: Distribuição dos beneficiários existentes no Programa Apoio Social
Directo até Junho/2020

Beneficiários
existentes no Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Grupo Alvo período anterior
(trimestre, semestre (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
e anual) (A)
M F Tota M F Tota M F Tot M F Tot M F Total
l l al al
Crianças 135 154 289 155 14 302 290 301 591 10 96 200 186 205 391
desnutridas 7 4
(0-2 anos)
Crianças 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
desnutridas
com mais de 2
anos
Crianças de 9 18 27 2 0 2 11 18 29 0 7 7 11 11 22
mães que
não podem
amamentar
PVHS em 7 9 16 2 3 5 9 12 21 0 0 0 9 12 21
TARV
Criança 0 0 0 1 0 1 1 0 1 0 0 0 1 0 1
Chefe de
Agregado
Familiar
Total Geral 151 181 332 160 15 310 311 331 642 10 103 207 207 228 435
0 4
Fonte: RAS

Como ilustra o quadro nº11, constata-se que os agregados familiares chefiados por
crianças desnutridas (0-2 anos) constitui o grupo alvo mais atendido, até o período em
análise, na ordem de 89,89% e o menor do grupo alvo é da Criança Chefe de Agregado
Familiar, correspondente a 0,23%.

No tocante aos beneficiários novos ingressos, se registou 331 beneficiários, sendo 167 do
sexo masculino e 154 do feminino, correspondentes à 50,45% e 49,55%, respectivamente.

26
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Dos 331 candidatos, 310 foram visitados no âmbito de cabaz alimentar e substitutos de leite
e 21 em meios de compensação.

Em relação aos beneficiários cessantes, registou-se 207 cessantes, sendo 104 do sexo
masculino e 103 do feminino, correspondentes à 50,24% e 49,76%, respectivamente.

Quadro nº12: Distribuição dos beneficiários atendidos até Junho/2020 (cabaz alimentar).
Pessoa com Mul Adolescentes
Deficiência Pessoa Idosa Criança her Total Geral
Grupo Alvo M F Tot M F Tot M F Total M F Tot M F Total
al al al
Crianças 0 0 0 0 0 0 11 11 22 0 0 0 0 11 11 22
de Mães
que não
podem
amamenta
r
Crianças 0 0 0 0 0 0 186 205 391 0 0 0 0 186 205 391
desnutrida
s (0-2
anos)
Crianças 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
desnutrida
s (0-2
anos)
TOTAL 0 0 0 0 0 0 197 216 413 0 0 0 0 197 216 413
Fonte:RAS

Segundo o quadro nº 13, o Distrito de Nacala apresenta maior número de atendidos na


ordem de 43,68%, enquanto que o Distrito de Memba apresenta menor número de
beneficiários atendidos na ordem de 3,91%.

Quadro 13: Beneficiários atendidos por Distrito durante o período (Jan- Jun/20)
Beneficiários Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Distrito existentes no (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
ano anterior
(A)
M F T M F T M F T M F T M F T
Nacala 81 104 185 69 48 117 150 152 302 63 49 112 87 103 190
Eráti 10 16 26 25 17 42 35 33 68 15 10 25 20 23 43

27
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Ilha de
Moçambique 20 18 38 22 34 56 42 52 94 9 11 20 33 41 74
Mossuril 16 8 24 16 34 50 32 42 74 8 9 17 24 33 57
Memba 10 21 31 8 6 14 18 27 43 8 20 28 10 7 17
Nacala-à- 14 14 28 20 11 31 34 25 59 1 4 5 33 21 54
Velha
Total Geral 151 181 332 160 150 310 311 331 642 104 103 207 207 228 435
Fonte: RAS

Figura 3: Momentos de distibuicao de cabaz alimentar à crianca com problemas nutricionais na Delegação,
no Distrito de Nacala

2.2.1.2 Motivos de cessação

Até ao período em análise, cessaram 207 beneficiarios, sendo 104 do sexo masculino e
103 do feminino, correspondentes à 50,24% e 49,76%, respectivamente.

A seguir ilustra-se um quadro dos beneficiários redistribuídos por grupos alvo e motivos
de cessação.

28
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº 14: Distribuição dos beneficiários cessantes de acordo com os motivos


da cessação até Junho/2020
Grupo Sexo Morte Melhoria Melh Fim do Fim da Crianças Criança Tran Muda
alvo do oria período incapaci chefe de s que sferê nça
estado do (6 dade agregado atingira ncia de
de saúde estad meses), para o familiar, ma para resid
o de trabalho que idade o ência
nutri atendim ou do atingiram superio PSS
ciona ento de período a idade ra2 B-cr
l pessoa de superior anos
vivendo assistên a 18
com cia. anos.
HIV e
SIDA.
Pessoa M 0 0 Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Xxxxxxx 0 0
Idosa xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Xxxxxxx
(acamad F 0 0 Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0 0
a)

0 0 0 0 0 0 0 0 0
Subtotal
Pessoa M 0 0 0 0 0 0 0 0 0
com Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
doença xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
crónica xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Degener F 0 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0 0 0
ativas xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
(acamad xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
os)
0 0 0 0 0 0 0 0
Subtotal
Pessoa M xxxxxxxxxxxxxxxx Xxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0
vivendo xxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
com HIV F xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
e Sida xxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
em xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0
tratament xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
o anti- xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
retroviral xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
até 6 xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx
meses xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Subtotal xxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0

Agregad M 1 xxxxxxxx 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxx Xxxxxxxxx 98 5 0


os 1 xxxxxxxx 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx 90 2 3
familiares F xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx
com xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx

29
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

crianças xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx


em xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx
situação xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxx
de xxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxx
desnutriç xxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxx
ão aguda
2 0 0 0 0 0 188 7 3
Subtotal
Crianças M 0 0 0 0 0 0 0 0 0
impedida F 0 0 0 0 0 0 7 0 0
s de T 0 0 0 0 0 0 7 0 0
amament
ar
Crianças M 0 0 0 Xxxxxxxxxxxxxxxxxx -------------- 0 0 0
gémeas F 0 0 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxx -------------- 0 0
Subtotal xxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxx
Xxxxxxxxxxxxxxxxx
Xxxxxxxxxxxxxxxxx
0 0 0 0 0 0 0
xxxxxxxxxxxxxxxxxx
M 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Vítimas
de F 0 0 0 0 0 0 0 0
incidente

0 0 0 0 0 0 0 0 0
Subtotal
Agregad M 0 0 Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0 0 0 0
os xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
familiares F 0 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0 0
chefiados xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 0 0
por xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
crianças xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
de 12 a xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
18 anos xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
0 0 xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Subtotal xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
0 0 0 0
Total de 1 0 0 0 0 0 98 5 0
masculinos
Total de 1 0 0 0 0 0 97 2 3
femininos

TOTAL GERAL 2 0 0 0 0 0 195 7 3


Fonte: RAS

30
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.2.1.3 Expansão do Programa

O programa abrange em todos distritos, Postos Administrativos e em algumas localidades


de jurisdição da Delegação. Não houve previsão de expansão, no período em análise,
conforme se pode observar no quadro nº 15.

Quadro nº 15: Locais de expansão do programa por grupo alvo, no período


(Jan˗Jun/2020)
Grupo alvo Distrito Post. Localidade F M Total
Administrativo
Agregados
familiares chefiados ________ _______ _______
por crianças de 12 0 0 0
a 18 anos
Agregados
familiares com _________ ________ _______ 0 0 0
crianças em
situação de
desnutrição aguda
Chefes de
agregados
familiares em
situação temporária ________ ________ ________ 0 0 0
de incapacidade
para o trabalho
atem 1 ano e 6
meses.
Pessoa Idosa ________ ________ ________ 0 0 0
(acamada).
Pessoa com
doença Crónica e _______ ________ ________ 0 0 0
Degenerativas
(acamadas)
Pessoas vivendo
com HIV e SIDA _______ ________ ________
em tratamento anti- 0 0 0
retroviral até 6
meses
Crianças Órfãs e _______ ________ ________ 0 0 0
Vulneráveis
Mulheres grávidas ________ ________ _______ 0 0 0
e mal nutridas
Pessoa com ________ _________ ________ 0 0 0
deficiência _________ _________ _________ 0 0 0
0 0 0

31
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

_________ _________ _________ 0 0 0


Total Geral ……………………………………………………………………. 0 0 0
Fonte: RAS

2.2.1.4 Evolução do Programa

Quadro nº 5: Comparação do grau de cumprimento do planificado em relação ao


igual período do ano transacto e cálculo da taxa de crescimento
Ano 2019 Ano 2020

Grupo alvo Meta Atendi Grau do Meta Ate Grau de Taxa de


Sex (A) dos cumprim (D) ndi cumprim cresciment
o (B) ento da dos ento da o (%)
meta(%) (E) meta(%) (G=E-
(C=B/A*1 (F=E/D*10 B)/B*100)
00) 0)
Crianças de M 26 26 100 26 11 42 -57,69
mães que não F 21 21 100 21 11 52,38 -47,62
podem
amamentar
47 47 100 47 22 46,81 -53,19
Subtotal
Crianças M 131 129 98,47 131 186 +100 44,19
desnutridas (0-2
anos) 138 155 +100 138 105 76,09 -32,26
F

Subtotal T 269 284 +100 269 391 +100 +37,68


Crianças M 0 0 0 0 0 0 0
desnutridas com 0 0 0 0 0 0 0
mais de 2 anos F
Subtotal T 0 0 0 0 0 0 0
Criança Chefe M 0 0 0 0 1 0 0
de Agregado 0 0 0 0 0 0 0
Familiar F
T 0 0 0 0 1 0 0
Pessoa Vivendo M 0 0 0 0 9 0 0
com HIV em F 0 0 0 0 12 0 0
TARV
Subtotal T 0 0 0 0 21 0 0
Total de masculinos 157 142 90,45 157 207 +100 +45,77
Total de femininos 159 174 +100 159 228 100 +31,03
TOTAL 316 316 100 316 435 +100 +37,66
GERAL…………
Fonte: RAS

Durante o período em análise, a Delegação conta com um grau de cumprimento do plano


reconduzido na ordem de +100%, no âmbito de atendimento prolongado e um

32
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

crescimento de +37,66%, comparativamente ao mesmo período do ano passado, devido


a integração adicional de Pessoas Vivendo com HIV em TARV, no último trimestre do ano
passado, no Distrito de Nacala.

2.2.1.5 Localização dos beneficiários atendidos

O quadro a seguir ilustra a localização dos 435 beneficiários existentes no programa, em


função da meta e o grau de cumprimento da meta reconduzida por distrito.

Quadro B:Localização dos beneficiários existentes no programa, em função do grau


do grau de cumprimento da meta por Distrito
Distrito Meta Nº de beneficiários Grau
atendidos no percentual de
programa cumprimento
da meta (%)
Nacala 139 190 +100
Ilha de 42 74 +100
Moçambique
Mossuril 33 57 +100
Nacala-à-Velha 27 54 +100
Eráti 43 54 +100
Nacala-à-Velha 27 27 100
Memba 32 17 -53,13
Total 316 435 +100%
Fonte: RAS

2.2.2 Atendimento pontual

Esta componente consiste em conceder material ou pagamento de serviço perante


infortúnio que agravam a situação de vulnerabilidade, como a disponibilização de meios
de compensação, vestuário, apoio alimentar, pagamento de serviço de transporte e outros

33
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

conforme as necessidades. Este apoio pode ser também direccionado para situações de
reintegração familiar e morte.
2.2.2.1 Principais actividades desenvolvidas

No âmbito de apoio pontual, durante o período em análise, nesta componente, a


Delegação atendeu 31 beneficiários, sendo 12 do sexo masculino e 19 do feminino,
correspondentes à 38,31% e 61,69%, respectivamente.

O quadro a seguir ilustra o ponto de situação dos meios de compensação alocados por
distrito e sexo.

Quadro C: Meios de compensação distribuídos por Distrito e sexo, no período (Jan-


Jun/2020)
Tipo de meios de compensação atribuídos
Distrito Bengalas Muletas Triciclos Cadeiras Canadianas Total
brancas de roda
M F T M F T M F T M F T M F T M F T
Nacala 0 0 0 0 0 0 3 1 4 4 4 8 0 0 0 7 5 12
Eráti 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Memba 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Nacala-a- 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Velha
Mossuril 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Ilha de 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1 1 0 0 0 0 1 1
Moçambiqu
e
Total geral 0 0 0 0 0 0 3 1 4 4 5 9 0 0 0 7 6 13
Fonte: RAS

34
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 4: Cerimónia de distribuição de meios de compensação às Pessoas com Deficiência

Quadro nº 16: Beneficiários atendidos no âmbito de apoio pontual no período (Jan-


Jun/2020)
GRUPO ALVO SEXO Urn Material Vestuári Enxov Meio de Material de Tolal
a escolar o al compensa construção
ção
Criança Orfã e M 0 2 0 1 0 0 3
Vulnerável F 0 4 0 2 0 0 6
Subtotal 0 6 0 3 0 0 9
Pessoa com M 0 1 0 0 7 1 8

35
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Deficiência F 0 0 0 0 6 0 6
Subtotal 0 1 0 0 13 1 14
Pessoa M 0 0 0 0 0 1 1
vivendo com F 0 0 0 0 0 0 0
HIV e Sida em Subtotal 0 0 0 0 0 1 1
tratamento anti-
retroviral até 6
meses
Agregados M 0 2 0 0 0 0 0
familiares com F 0 0 0 0 0 0 0
criança em 0 2 0 0 0 0 0
situação de Subtotal
desnutrição
aguda
Crianças M 0 0 0 3 0 0 0
trigémeas F 0 0 0 0 0 0 0
0 0 0 3 0 0 0
Subtotal
Pessoa com M 0 0 0 0 0 0 0
deficiência F 0 0 0 0 0 0 0
Subtotal 0 0 0 0 0 0 0
COVs M 0 4 0 1 0 0 5
F 0 3 0 2 0 0 5
Subtotal 0 7 0 3 0 0 10
Agregados M 0 0 0 0 0 0 0
familiares F 0 0 0 0 0 0 0
chefiados por Subtotal 0 0 0 0 0 0 0
crianças de 12
a 18 anos
Total de masculino 0 5 0 4 7 3 19
Total de feminino 0 4 0 2 6 0 12
Total geral 0 9 0 6 13 3 31
Fonte: RAS

O quadro a seguir ilustra o ponto de situação de meios de compensação alocados por tipo
e sexo.

Quadro nº 17: Tipos de meios de compensação distribuídos pela Delegação período


(Jan-Jun/2020)
Tipos de meio Pessoa idosa Pessoa com Crianças TOTAL
de Deficiência
compensação M F T M F T M F T M F T
Triciclos 0 0 0 3 1 4 0 0 0 3 1 4
Óculos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Canadianas 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Muletas 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

36
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Prótese 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Andarilhos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Bengala Branca 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Cadeira de roda 0 0 0 2 2 4 2 3 5 4 5 9
Total 0 0 0 5 3 8 2 3 5 7 6 13
Fonte: RAS

No concernente a construção de casas, neste período não se entregou nenhuma casa,


pelo facto de não ter sido alocado alguma verba para o efeito.

Quadro nº18: Casas entregues pela Delegação no período (Jan- Jun/2020)


Distrito Padm Local Casa construídas com Casa construídas com
. Orçamento do ano anterior Orçamento do presente ano
Nº de Nº de Nº de Nº de Nº de Nº de
casas em casas casas casas em casas casas
construçã concluída entregue construçã concluída entregues
o (não s e não s no o (não s e não no
concluída entregue presente concluída entregue presente
s) s ano s) s ano
Nacala ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
Nacala- ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
a-Velha
Mossuril ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
Ilha de ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
Moç
Memba ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
Eráti ---------- -------- 0 0 0 0 0 0
Total ……………… 0 0 0 0 0 0
Fonte: RAS

Quadro nº19: Casas entregues pela Delegação por grupo alvo no período
(Jan˗Jun/2020)
Distrito Padm Local. Pessoa Pessoa com Crianças Total
Idosa Deficiência
M F T M F T M F T M F T
Nacala Não Não 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Nacala-à- Planificado Planificado 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Velha
Mossuril 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Ilha de 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Moç.
Memba 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Eráti 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

37
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Total …………….…………………… 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Fonte: RAS

Quadro A: Visitas domiciliárias realizadas no PASD, até Junho de 2020

Distrito Grupo Alvo


COV Crianças Crianças Crianças c. Pessoas Total
Desnutridas Impedidas Deficiência Adultas
com
Deficiência
M F T M F T M F T M F T M F T M F T

Nacala 15 12 27 52 32 84 2 4 6 3 1 4 4 4 8 76 53 129
Nacala 6 0 6 13 10 23 1 1 2 0 0 0 0 0 0 20 11 31
Velha
Mossuril 7 10 17 9 24 33 0 0 0 0 3 3 0 2 2 16 39 55
Memba 0 0 0 8 6 14 0 0 0 0 0 0 0 0 0 8 6 14
Erati 11 3 14 13 13 26 1 1 2 0 0 0 0 2 2 25 19 44
Ilha de 5 3 8 17 31 48 0 0 0 0 1 1 0 1 1 22 36 58
Mocambiqu
Total 44 28 72 112 116 228 4 6 10 3 5 8 4 9 13 167 164 331

2.3 PROGRAMA DE ATENDIMENTO EM UNIDADES SOCIAIS (PAUS)

Estes serviços, consistem no acolhimento e atendimento institucional em Infantários,


Centros de Apoio a Velhice, Centros Trânsitos, Centros Abertos e Centros de Pessoas
com Deficiência aguda desamparada, bem como providenciar a orientação e a
reunificação familiar dos grupos mais vulneráveis, desamparados e vivendo em situação
de pobreza.

38
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.3.1 ATENDIMENTO INSTITUCIONAL


2.3.1.2 Principais acções desenvolvidas

Nesta componente consiste no atendimento e acolhimento em Unidades Sociais Públicas,


nomeadamente: Infantários, Centros de Apoio a Velhice, Centros de Trânsitos, Centros de
Acolhimento á Crianças e de Pessoas com Deficiência Aguda e Desamparadas A
Delegação tem uma Unidade Social denominada Centro Aberto Triângulo, localizado no
Distrito de Nacala, com uma capacidade de atendimento de 300 beneficiários.

Para o presente ano, foi planificado um atendimento de 550 beneficiários. No entanto, até
ao período em análise, foram assistidos e existem actualmente 297 beneficiários,
correspondente à 54% do planificado.

Dos 297 beneficiários assistidos, sendo 128 do sexo masculino e 169 do feminino,
correspondentes à 43,09 % e 56,91%, respectivamente.

Dos 297 beneficiários que frequentam no centro, 20 beneficiários são formados, sendo
13 do sexo masculino e 7 do feminino, correspondentes à 65% e 35 %, respectivamente.
Destes 6 foram formados em cestaria e 11 em corte costura 3 croché. Além dos
beneficiários foram formadas 2 funcionárias em corte e costura, para a formaçao e
acompanhamentos dos beneficiários formandos, nesta área.
Durante o período em análise, foram desenvolvidas as seguintes actividades:
Realização de encontros com agentes económicos, singularmente, no Distrito de Nacala,
para divulgar sobre a existência do centro e sensibilizar-lhes sobre a nacessidade de
canalizar seus apoios, como estratégia de combate a mendicidade ao nível da cidade,
como forma de garantir uma assistência segura e digna as pessoas praticantes da
mendicidade;
 Encontro com os beneficiarios do Centro Aberto, para abordar acerca do
funcionamento do mesmo e auscultar as preocupacoes dos respectivos
beneficiários;
 Palestras aos beneficiários sobre as medidas de prevenção do COVID-19, no
âmbito do Estado de Emergência;
39
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Sensibilização aos beneficiários, no âmbito de interrupção das actividades do


Centro devido a pandemia do COVID-19;
 Distribuição mensal de cesta básica aos beneficiários do Centro Aberto, como
medida e contenção da pandemia;
 Produção de máscaras para distribuir as pessoas em risco de contaminação do
COVID-19, com destaque os beneficiários dos programas, no âmbito das medidas
do Estado de Emergência.

Figura 5: Beneficiários do centro aberto do Triângulo, fazendo máscaras, no âmbito da prevenção do


COVID-19

Figura 6: Vista parcial do Centro Aberto do Triangulo, no Distrito de Nacala


F

40
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 7: Beneficiários do Centro Aberto do Triângulo, no decurso de actividades ocupacionais.

Figura 8: Alguns bens produzidos pelos beneficiários do Centro Aberto do Triângulo, até 1 trimestre de
2020

Quadro nº 20: Utentes atendidos nas Unidades Sociais por grupo alvo no período
(Jan- Jun/2020)
Beneficiários Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Tipo de existentes no ano (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
Unidade anterior
Social (A)
M F T M F T M F T M F T M F T
Criança 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
em
situação
difícil
Pessoas 90 101 191 2 2 4 92 103 195 0 0 0 92 103 195
idosas
Pessoas 30 58 88 1 2 3 30 58 88 0 0 0 31 60 91
com
deficiênc
ia

41
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Pessoas 2 8 10 0 1 1 2 9 11 0 0 0 2 9 11
com
doença
crónica
Repatria 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
dos
Pessoas 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
vítimas
de
violência
e/ou
tráfico
Populaç 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
ão
vivendo
na rua e
em
process
o de
reunifica
ção
Total 125 164 289 3 5 8 128 169 297 0 0 0 128 169 297
Geral
Fonte: RAS

Quadro nº 21 : Distribuição dos utentes atendidos por Unidade Social no período


(Jan- Jun/2020)
Beneficiários Ingressos Atendidos Cessantes Existentes
Tipo de existentes no ano (B) (C=A+B) (D) (E=C-D)
Unidade anterior
Social (A)
M F T M F T M F T M F T M F T
Centro Aberto 125 164 289 3 5 8 128 169 297 0 0 0 128 169 297
Infantário 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Centro de 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Apoio à Velhice
Centro de 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Acolhimento
da Criança
Centro Aberto 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Centro de 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pessoas com
Deficiência
aguda
desamparada

42
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Total Geral 125 164 289 3 5 8 128 169 297 0 0 0 128 169 297
Fonte: RAS

2.3.1.3 Motivos de cessação

Durante o período em análise, não se registou nenhum beneficiário cessante.

Quadro nº 22: Distribuição dos utentes cessantes por unidades e motivo de


cessação no período (Jan-Jun/2020)
Unidade Sex Mort Reunificaçã Adopçã Maior Mudança Tota
Social o e o o idade(indíviduo de l
Familiar s que passam a residênci
ter vida própria) a
Infantário M 0 0 0 0 0 0
F 0 0 0 0 0 0
M +F 0 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0
Apoio à F 0 0 0 0 0 0
Velhice M +F 0 0 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0
Acolhimento F 0 0 0 0 0 0
da Criança M +F 0 0 0 0 0 0
Centro M 0 9 0 0 0 0
Aberto F 0 7 0 0 0 0
M +F 0 16 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0
Pessoas com F 0 0 0 0 0 0
Deficiência M +F 0 0 0 0 0 0
aguda
desamparad
a
Total de homens 0 0 0 0 0
Total de mulheres 0 0 0 0 0
Total Geral 0 0 0 0 0
Fonte: RAS

43
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

2.3.1.4 Evolução do Programa

Durante o período em análise, registou-se cumprimento do planificado na ordem de 54%


e um crescimento de 0%, pelo facto do Centro Aberto do Triângulo ter inicado com as
suas actividades em 21 de Agosto do ano passado.

Quadro nº 23: Comparação do grau de cumprimento do planificado em relação ao


igual período do ano transacto e cálculo da taxa de crescimento
Ano 2019 Ano 2020
Unidade Sexo Meta Atendid Grau do Meta Atendidos Grau do Taxa
Cumprim Cumpri
Social (A) os (D) (E) De
ento mento
(B) da meta da meta Crescimen
(%) (%)
to
(C=B/A*1 (C=B/A*
00) (G=(E-
100)
B)/B*100
Centro M 0 0 0 258 128 49,61 0
Aberto F 0 0 0 292 169 57,88 0
M +F 0 0 0 550 297 54 0
Infantário M 0 0 0 0 0 0 0
F 0 0 0 0 0 0 0
M +F 0 0 0 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0 0
Apoio à F 0 0 0 0 0 0 0
Velhice M +F 0 0 0 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0 0
Acolhime F 0 0 0 0 0 0 0
nto M +F 0 0 0 0 0 0 0
da
Criança
Centro M 0 0 0 0 0 0 0
Aberto F 0 0 0 0 0 0 0
M +F 0 0 0 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0 0 0 0

44
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Pessoas F 0 0 0 0 0 0 0
com M +F 0 0 0 0 0 0 0
Deficiênci
a aguda
desampa
rada
Total de homens 0 0 258 128 49,61 0
Total de mulheres 0 0 292 169 57,88 0
Total Geral 0 0 550 297 54 0
Fonte: RAS

2.3.1.5 Localização dos utentes das Unidades Sociais

Os beneficiários em referência são atendidos no Centro Aberto do Triângulo, Distrito de


Nacala, no âmbito de combate a mendicidade.

Figura 9: Distribuição de kits alimentares e sabâo distribuidos aos beneficiários do Centro Aberto do Triângulo

45
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 10: kits alimentares e sabâo distribuidos aos beneficiários do Centro Aberto do Triângulo

2.4 Programa de Serviços Sociais de Acção Social


2.4.1 ORIENTAÇÃO E REUNIFIÇÃO FAMILIAR

Consiste no desenvolvimento de acções direccionadas ao combate à mendicidade,


vadiagem e ao fenómeno da criança da e/na rua e, a informação e orientação social à
pessoa em situação de pobreza e vulnerabilidade.

No âmbito da reunificação e orientação social, foram atendidos 22 beneficiários,


correspondentes à 48,89 % dos 45 previstos no plano.

Dos 22 assistidos, 12 são do sexo masculino e 10 do feminino, correspondentes à


54,55% e 45,45 %, respectivamente.

Dos 22 assistidos, 16 foram atendidos na compontente Orientação Social e 6 na


Reunificação Familiar, correspondentes à 72,73% e 27,27%, respectivamente.

2.4.2 Principais actividades desenvolvidas no âmbito da Orientação Social

Para assistência em outras instituições, foram encaminhados 16 utentes, correspondente


à 53,33% dos 30 previstos no plano.

46
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Dos 16 beneficiários orientados, 9 são do sexo masculino e 7 do feminino,


correspondentes à 56,25 % e 43,74, respectivamente.

No âmbito da orientação social, com vista ao combate da mendicidade, foram


encaminhadas 7 crianças vulneráveis, sendo 5 sexo masculino e 2 do feminino. O quadro
a segui ilustra as crianças orientadas, no âmbito da mendicidade.

Quadro nº24: Beneficiários atendidos no âmbito de orientação social com vista ao


combate da mendicidade, até Junho de 2020

Sexo PCD Pessoas Pessoa Pessoa Criança Total


Idosas com com na rua
ORIENTAÇÃO doença deficiência
Crónica
M 0 0 0 0 5 5
F 0 0 0 0 2 2
Total 0 0 0 0 7 7
Fonte: RAS

2.4.3 Principais actividades desenvolvidas no âmbito da reunificação familiar

Para o presente ano, foi planificado o atendimento de 15 beneficiários. Até ao presente


período, foram assistidas 6 beneficiários,correspondente à 40% do planificado.

Dos 6 beneficiários assistidos, 3 são do sexo masculino e igual número do feminino,


correspondentes à 50% cada.

Os beneficiários foram renificadas nos seguintes moldes:


 Uma criança do sexo masculino, foi reunificada na família própria, na Vila de
Namapa, Distrito de Erati, em coordenacao com SDSMAS de Nacala-a-Velha e
Erati. Trata-se uma criança, fugitiva do Infantario Provincial de Nampula, achada
pela Policia da Republica de Mocambique do Distrito de Nacala-a-Velha,
proveniente da Cidade de Nampula; e

47
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 5 crianças perdidas reunificadas, 2 do sexo masculino e 1 do feminino, nas suas


próprias famílias, no Distrito de Nacala.

O quadro a seguir ilustra os beneficiários reunificados por grupo alvo e sexo e a forma de
reunificação familiar.

Quadro nº25: Beneficiários atendidos no âmbito da reunificação familiar (Jan-


Jun/2020)
Sex Doente Pessoa Criançan Pesso Tota
o s Com a rua a l
Mentais Deficiênci Idosa
a
Famílias M 0 0 3 0 3
próprias F 0 0 3 0 3
Subtotal 0 0 6 0 6
REUNIFICAÇÃ Família M 0 0 0 0 0
O acolhedor F 0 0 0 0 0
FAMILIAR a
Subtotal 0 0 0 0 0
Total masculino 0 0 3 0 3
Total feminino 0 0 3 0 3
TOTAL 0 0 6 0 6
Fonte: RAS

2.4.4 Atendimento Institucional

No âmbito do atendimento institucional, a Delegação possui uma unidade social, em


funcionamento, localizada no Distrito de Nacala.

A unidade social sob gestão da Delegação, em funcionamento, é de regime aberto, não


oferece condições para acomodação. Os utentes que não podem ser reunificados nas
famílias, ao nível dos distritos de jurisdição, são encaminhados para as Unidades Sociais
de regime fechado, na cidade de Nampula, e dos outros pontos do país, para os passos
subsequentes, dependendo da especifidade de cada caso.

48
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº26: Utentes que foram encaminhados nas Unidades Sociais por não ter se
conseguido a reunificação familiar até ao mês de Junho de 2020

Unidade Sexo Pessoa Criança Pessoa Total


Social Idosa na rua com
Deficiência
Infantário M 0 0 0 0
F 0 0 0 0
Subtotal 0 0 0 0
INSTITUICIONAL ………………..
(para casos de Centro de M 0 0 0 0
indíviduos que Apoio à F 0 0 0 0
não se conseguiu
Velhice
a sua
reunificação e Subtotal 0 0 0 0
foram ……………….
encaminhados Centro de M 0 0 0 0
nas Unidades Trânsito F 0 0 0 0
Sociais) Subtotal 0 0 0 0
Centro de M 0 0 0 0
Acolhimento F 0 0 0 0
Subtotal 0 0 0
Total masculino 0 0 0 0
Total feminino 0 0 0 0
Total 0 0 0 0
Fonte: RAS

2.4.4.1 SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO E ORIENTAÇÃO SOCIAL

Consiste na providência de informação e encaminhamento das pessoas pobres e


vulneráveis aos diferentes benefícios e serviços implementados pelos outros sectores no
âmbito da segurança social básica.

Para o presente exercício económico, foi planificado o atendimento de 30 beneficiários.

Até ao período em análise, foram atendidos 16 beneficiários, correspondentes à 53,33 %


dos 30 planificados. Dos beneficiários orientados socialmente, 9 são do sexo masculino e
7 do feminino, correspondentes à 43,75% e 56,25%, respectivamente.

49
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

O quadro a seguir ilustra o número de beneficiáriosatendidos nesta componente,


encaminhados para os diferentes serviços, por sector e sexo, no âmbito da Segurança
Social Básica.

Quadro nº27: Pessoas encaminhadas para diferentes benefícios e serviços


implementados pelos outros sectores no período em análise

Grupo Gén Saúde Conselho Registo Infant. CAV Govern INSS Rádio PRM T
alvo ero Autárquico Civil Provin o do
Nacala cial Distrito
de
Nacala
Pensio M 0 0 0 0 0 0 1 0 0 1
nista F 0 0 0 0 0 0 1 0 0 1
(Pessoa T 0 0 0 0 0 0 2 0 0 2
Idosa)
Pesso M 1 0 0 0 0 0 0 0 0 1
a com F 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Deficiê T 1 0 0 0 0 0 0 0 0 1
ncia
Doent M 1 0 0 0 0 0 0 0 0 1
es F 2 0 0 0 0 0 0 0 0 2
mentai T 3 0 0 0 0 0 0 0 0 3
s
Criança M 0 0 0 0 0 0 0 5 0 5
s órfãs F 0 0 0 0 0 0 0 2 0 2
e T 0 0 0 0 0 0 0 7 0 7
Vulnera
veis
Pesssoa M 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
vivendo F 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
com T 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
HIV e
SIDA
em
TARV

Pesso M 0 0 0 0 0 0 1 0 0 1
a
Idosa F 1 0 0 0 0 0 1 0 0 2
T 1 0 0 0 0 0 2 0 0 3

50
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Mulher M 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
es F 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Chefe
s de T 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Famili
as
Crianç M 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
as
Chefe F 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
s de
Famili T 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
as que
atingir
am 18
anos
de
idade
Adoles M 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
cente
F 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

T 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

Total de 2 0 0 0 0 0 2 5 0 9
masculinos
Total de 3 0 0 0 0 0 2 2 0 7
femininos
Total 5 0 0 0 0 0 4 7 0 16
……………
Fonte: RAS

2.4.4.2 IMPLEMENTAÇÃO DE PROJECTO DE GERAÇÃO DE ALIMENTO NAS


UNIDADES SOCIAIS

Para o auto sustento das unidades sociais, os utentes devem ser orientados pela
Delegação para implementar produção de produtos.

A Delegaçáo tem um Centro Aberto, onde os beneficiários desenvolvem a cestaria,


croché, corte e costura, para o auto sustento da Unidade Social.

51
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº28: Utentes que praticam actividades de produção nas Unidades Sociais
no período (Jan- Jun/2020)
Sexo Pessoa Idosa Pessoa com Mae de Total
com Doença crianças
Deficiência Crónica gemeas
desnutridas
Utentes M 3 10 0 0 13
que F 0 6 0 1 7
praticam
actividades
Total 3 16 0 1 20
Tipos de projecto: Cestaria, Croché,
corte e costura.
Tipo e quantidades de bens
produzidos:

37 cestos, 4 esteiras, 1 corda de cambala,


1 alcofa, 11 jogos de aventais, 18 sacos
de pão,1 saia a capulana, uniforme
escolar ( 13 camisas, 21 saias, 16 calças)
e 2 jogos de croché), 10 toalhas de mesa
e 3 lenções (mocume), 1500 máscaras
Local de venda (Centro Aberto)
Rendimentos : 9.605,00
Fonte: RAS

Os artigos produzidos são vendidos, no Centro Aberto.

Dos 9.605,00 (nove mil, seiscentos e cinco meticais) provenientes da venda dos bens
produzidos, foram gastos para aquisição de medicamento para assistência de um
beneficiário e material de trabalho. Deste gasto, se registou um remanescente no valor
de 6.555,00 (seis mil, quinhentos e cinquenta e cinco meticais).

2.5. PROGRAMA ACÇÃO SOCIAL PRODUTIVA (PASP)

O Programa Acção Social Produtiva (PASP) tem por objectivo criar oportunidades de
auto-sustento para indivíduos vivendo em situação de pobreza, com capacidade para o
trabalho, através da realização de trabalhos públicos com uso de mão-de-obra intensiva e
sua integração em actividades de apoio à iniciativas de geração de rendimento.

52
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

O Programa subdivide-se em duas componentes, sendo: Projectos com Mão -de -Obra
Intensiva (MOI) e Projectos de Trabalhos Públicos Inclusivos (TPI).

Para o presente ano, a Delegação planificou o atendimento de 7.173 beneficiários, sendo


6.311 da componente da Mão -de -Obra Intensiva (MOI) e 862 da Componente de
Trabalhos Públicos Inclusivos, destes 3.045 na MOI e 862 na TPI para o Distrito de Eráti e
3.266 na MOI do Distrito de Memba.

No entanto, até ao período em análise, o programa assistiu 7.259 beneficiários, sendo


6.397 beneficiários da componente MOI e 862 da TPI, dos quais 3.373 do sexo
masculino e 3.886 do feminino, dos quais 6.397 de Trabalhos Públicos Intensivos e 862
de Trabalhos Públicos Inclusivos, correspondente à +100% dos 7.173 planificados. Dos
beneficiários assisdos, 2.984 são da Componente MOI, 862 da TPI do Distrito de Eráti e
3.413 da componente MOI do Distrito de Memba.

O quadro 29 ilustra os números de beneficiários existente no programa, na componente


de MOI, até ao período em análise.

Quadro nº 29: Beneficiários atendidos por grupo alvo, no âmbito da Mão- de -Obra
Intensiva (MOI) até Junho/2020
Delegação Grupo alvo Meta Atendidos
M F T Grau de
cumprimento
da meta (%)
AF chefiados por 5.046 1.770 2.271 4.041 80,68
mulheres na situação
Nacala- de vulnerabilidade
Porto AF com pessoa com 38 20 15 35 92,10
Deficiência
AF com pessoa com 19 0 0 0 0
doença crónica e
degenerativa
AF com pessoa Idosa 1.150 1.127 1.094 2.221 +100
AF com crianças em

53
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

situação de desnutrição 47 0 0 0 0
Famílias de
acolhimento em 11 0 0 0 0
situação de pobreza e
vulnerabilidade
Subtotal 1……………………………… 6.311 3.017 3.380 6.397 +100
Fonte: RPD

Quadro B: Beneficiários existentes e grau de cumprimento da meta por Distrito, no


âmbito de Trabalhos Públicos com Uso de mão-de-obra Intensiva (MOI) até
Junho/2020
MOI
Delegação Distrito Meta M F T Grau de
cumprimento
da meta (%)
Nacala Eráti 3.045 1.387 1.597 2.984 97,99
Memba 3.266 1.630 1.783 3.413 +100
Total ---------------------------------- 6.311 3.017 3.380 6.397 +100
Fonte: RPD

Quadro C: Beneficiários existentes por Distrito, no âmbito de Trabalhos Públicos


Inclusivos até Junho/2020
TPI
Delegação Distrito Meta M F T Grau de
cumprimento
da meta (%)
Nacala Eráti 862 356 506 862 100
Fonte: RPD

2.6 ACÇÕES DESENVOLVIDAS NO ÂMBITO DO COVID-19

Durante o período da vigência do Estado de Emergência, a Delegação levou a cabo as


seguintes actividades:
 Inquerito à 69.584 pessoas em risco de contaminação do COVID-19, dos quais
56.403 no Distrito de Nacala e 13.181 no Distrito da Ilha de Moçambique para
serem assistidas no âmbito do Programa Apoio Social Directo pôs Emergência;

54
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Sensibilização aos funcionários e beneficiários dos programas sobre as medidas


de prevenção do COVID-19;
 Higienização de equipamentos informáticos, mobiliário e portas, usados pela
Delegação;
 Rotatividade dos funcionários, na Delegação;
 Sensibilização aos beneficiários do Centro Aberto do Triângulo a produzirem
máscaras de protecção contra a infecção do COVID-19;
 Distribuição de cesta básica aos beneficiários do PAUS, no âmbito do
encerramento do Centro Aberto do Triângulo;
 Aquisição de 5000 máscaras e produtos de desinfecção para beneficiários;
 Aquisição de máscaras e produtos de desinfecção para 41 funcionários;
 Distribuição de mascaras doadas pela Associação de Naturais e Amigos de
Mogovolas às pessoas em risco de infecção do COVID-19, no Distrito de Nacala;
 Distribuição de máscaras doadas pela Associação de Naturais e Amigos de
Mogovolas, à 276 pessoas em rísco de propagação do COVID-19, dos quais 199
do sexo feminino e 77 do masculino, nos Bairros do Triângulo e de Quissimajulo,
no Distrito de Nacala;
 Distribuição de produtos alimentares e máscaras doados pelo agente económico
“Sport Market” à 350 Pessoas com Deficiência, sendo 117 do sexo masculino e
233 do feminino, no Distrito de Nacala, no Centro Aberto do Triângulo;

55
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 11: Sessão de sensibilização dirigida pela Exma Sra. Directora Geral do INAS para os candidatos ao
PASD pôs Emergência, no âmbito do COVID-19, no Bairro Murrupelane, Posto Administrativo de Muanona,
Distrito de Nacala

Figura 12: Distribuição doadas pela Associaçao Associação de Naturais e Amigos de Mogovolas,de
máscaras as pessoas

Figura 13: Higienização das mãos e de mobiliário na Delegação

56
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 14: Distribuição de cesta básica de produtos alimentares e máscaras à 350 pessoas em risco de
contaminação do COVID-19”, no âmbito do COVID-19.

57
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

3. DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL
3.1 Repartição dos Recursos Humanos
3.1.1 Administração e Gestão do Pessoal

Actualmente, a Delegação conta com um efectivo de 34 funcionários e 7 agentes do


Estado, dos quais 18 do sexo feminino e 23 do masculino, conforme ilustra o quadro 32.

O quadro a seguir ilustra a redistribuição de funcionários por repartição.

Repartição Sexo
M F T
Direcção 0 1 1
RRH 2 0 2
RA 1 2 3
RPE 2 3 5
RAF 11 5 16
RPD 2 2 4
RAS 5 5 10
Total 23 18 41
Fonte: RRH

Dos 16 funcionários afectos na Repartiçao de Adminitraçao e Finanças, 5 são da


Contabilidade, 2 Agentes Tècnicos (motoristas), 2 da Secretaria, 2 do Património, 3
Agentes de Serviço, dos quais 1 acamado.

Dos 4 funcionários afectos na Repartição de Programas de Desenvolvimento, 2 sáo


Assistentes Sociais, um afecto no Distrito de Memba e a outra no Distrito de Eráti.

Quadro nº 32: Número de funcionários e agentes por níveis académicos


Nível académico Nomeados Contratados Total
M H T M H T M H T
Doutoramento 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Mestrado 1 0 1 0 0 0 1 0 1
Licenciatura 8 8 16 1 2 3 9 10 19
Bacharel 0 0 0 0 0 0 0 0 0

58
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Médio Técnico Profissional 0 1 1 0 0 0 0 1 1


Médio Geral 6 9 15 0 0 0 6 9 15
Básico Técnico 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Básico Geral 1 0 1 0 0 0 1 0 1
EP2 1 2 3 0 1 1 1 3 4
EP1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Total Geral 17 20 35 1 3 4 18 23 41
Fonte: RRH

Segundo o quadro nº 32, dos 7 contratados, 3 são do sexo masculino e 4 do feminino; 1 é


agente de serviço com contrato indeterminado; 1 assistente social, 1 contabilistas e 1
planificadora, para coordenarem as actividades da componente do Subsídio para Criança,
nos Distritos da Ilha de Moçambique e Nacala-à-Velha; 2 assistentes e 1 contabilista para
coordenarem as actividades do PASP, nos Distritos de Memba e Eráti, contratados pelo
órgão central do INAS.

Até ao período em análise, a Delegação conta com um universo de 222 permanentes,


sendo 70 do sexo feminino e 152 do masculino, segundo ilustra o quadro a seguir.

Distrito Sexo Total


M F
Nacala 40 0 40
Nacala-a-Velha 26 35 61
Mossuril 21 6 27
Ilha de Moçambique 7 4 11
Memba 28 14 42
Eráti 30 11 41
Total 152 70 222

59
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Dos permanentes ilustrados no quadro anterior, 35 coordenam actividades do Programa


Subsìdio Social Básico, na componente do Subsídio para Criança, sendo 32 no Distrito de
Nacala-à-Velha e 3 na Ilha de Moçambique.

Quadro nº 33: Número de intervenientes e colaboradores da Delegação por nível


académico
Activistas Permanentes Totais
M H T M H T M H T
Licenciatura 0 0 0 0 1 1 0 1 1
Médio Técnico Profissional 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Médio Geral 0 0 0 8 5 13 8 5 13
Básico Técnico 0 0 0 0 1 1 0 1 1
Básico Geral 0 0 0 13 15 28 13 15 28
EP2 0 0 0 49 97 146 49 97 146
EP1 0 0 0 0 34 34 0 34 34
Sem nível 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Total Geral 0 0 0 70 152 216 70 152 222
Fonte: RRH

No concernente aos actos administrativos, até ao período em análise, não foi tramitado
nenhum acto. Todos funcionários previstos para este acto beneficiaram-se no ano
passado. Para o presente ano, esta previsto apenas uma mudança de carreira de Técnica
Superior em Administraçao N1 para Especialista.

O quadro a seguir ilustra o ponto de situação da Delegação atinente aos actos


administrativos.

Quadro 34: Nível de realização de progressões, mudança de carreira e admissões


Progressões Promoções Mudança de Total
Carreira Carreira
H M T H M T H M T H M T
Técnico Superior N1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

60
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

para C1
Técnico Superior N1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
para C2/C3
Técnico Sup Adm. 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pública N1
Técnico E-1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Técnico C 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Técnico C3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Téc. Prof.Ad.Pública C2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Téc. Prof.Ed.Infância A3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Assistente Técnico A3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Agente de Serviço 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Agente Técnico U2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Agente de Serviço U3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Auxiliar Administrativo U3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Auxiliar 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Total Geral 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Fonte: Dados recolhidos a partir da Repartição de Recursos Humanos

3.1.2 Formação
3.1.2.1 Curso de curta duração

Durante o periodo em análise, foi realizada uma capacitação em matéria de Sistema de


Monitoria e Avaliação, ministrada por técnicos do Ministério do Género, Criança e Acção
Social em Coordenação com o Serviço Distrital de Saúde, Mulher e Acção Social, onde
participou um técnico de planificação da Delegação, no Distrito de Nacala.

61
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro: Funcionários que participaram na capacitação de curta duração, matéria


abordada e sua duração, até Junho/2020
Participante Tipo de Materia Duração Ministrante
Capacitação Abordada
M F T Sistema de Procedimentos 7 dias MGCAS e
Monitoria e de SDSMAS-
Avaliação preenchimento Nacala
de modelos de
dados dos
programas
1 0 1

3.1.2.2 Curso de longa duração

A Delegação conta com 3 funcionários estudantes, do sexo masculino, conforme ilustra o


quadro a seguir.

Quadro E: Número de trabalhadores estudantes durante o período em análise


Nº Nível/ Institui- Período Não Dura- Tipo Fonte
Curso estudante Classe Ção Frequênc Bolsei ção de de
s ia ro bolsa financia
M F T -mento

Mestrado 1 0 1 1º ano FUNIBER à Não 2 anos Próprio


em distância
Gestão de
RHGC
Licenciatu 1 0 1 3º ano ISCED à Não 4 anos Próprio
ra em distância
Contabilid

62
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

ade e
Auditoria
Licenciatu 1 0 1 4º ano UCM presencial Não 4 anos Próprio
ra em
Direito
Total 3 0 3
Fonte: RRH

Para além das formações com funcionários, igualmente, foram capacitados 55


permanentes, sendo 1 do sexo masculino e 27 do feminino, em matéria de gestão de
casos da componente do Subsidio para Criança de 0-2 anos, no Distrito de Nacala-a-
Velha.

a) Actividades realizadas
Até ao período em análise, foram desenvolvidas as seguintes actividades:
 Elaboração do mapa de efectividade dos funcionários da Delegação, de Janeiro à
Maio do ano corrente;
 Elaboração de efectividade dos assistentes sociais e envio ao INAS-central, para
os devidos efeitos, até Maio de 2020;
 Emissão de propostas para transferências de salários e estímulos de funcionários
referentes aos meses de Janeiro à Maio de 2020;
 Actualização de dados no istema e-CAF, referente a mudanças de carreira para 11
funcionários;
 Tramitação de processos administrativos para efeitos de pedido de pagamento de
subsídio funeral para 2 funcionários;
 Actualização de transferências de orgânicas para 2 funcionários;
 Organização do arquivo segundo o SNAE;
 Processamento de subsídio de funeral, subsídio por morte e fixação de pensão de
sobrevivência de 2 funcionários que perderam seus ente-queridos, aguardando a
dotação orçamental no sistema;
 Elaboração de plano de mudança de carreira de uma funcionária, Técnica Superior
em Administração Publica N1 para Especialista.

63
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Elaboração de plano de prova de vida dos funcionários da Delegação, referente ao


ano de 2020;
 Elaboração dos planos mensais da repartição;
 Elaboração de plano de férias, referente ao ano de 2020; e
 Elaboração de termo de contrato para 222 permanentes, no âmbito dos programas,
sendo 152 do sexo masculino e 70 do feminino, afectos nos Distritos de Nacala,
Nacala-à-Velha, Memba, Mossuril, Eráti e Ilha de Moçambique.

3.2 REPARTIÇÃO DE PLANIFICAÇÃO E ESTATÍSTICA


3.2.1 Apresentação das principais actividades realizadas

Até ao período em análise, a repartição levou a cabo as seguintes actividades:


 Elaboração do PES/2020;
 Elaboração de informes semanais reportando actividades de impacto, relatórios
períodicos, referentes aos 1⁰ trimestre e Semestre do ano corrente;
 Elaboração de calendário anual de sessão do Colectivo da Delegação;
 Elaboração de 3 sínteses e as respectivas matrizes de recomendações dos
Colectivos de Delegação;
 Actualização de dados de beneficiários do Programa Subsídio Social Básico e
Subsídio para Criança de 0-2 anos, no sistema e-inas;
 Participação num encontro de planificadores, promovido pela Direcção Provincial
do Género Criança e Acção Social, destinado a elaboração conjunta do Cenário
Fiscal de Médio Prazo (2020-2022), Balanço do Plano Quinquenal do Governo
(2015- 2019) e PES/2020, do sector ao nível da província;
 Participação na troca de experiãncia, no âmbito da Planificação e Estatística, de
um técnico do sexo masculino, na Delegação da Beira, Província do Sofala;
 Processamento e impressão de mapas de pagamento para beneficiários do
Programa Acção Social Produtiva, na componente de Mão-de-obra Intensiva,
referentes aos meses de Novembro à Dezdembro de 2019 e Janeiro do ano
corrente, do Programa Subsídio Social Basico, referentes aos meses de Novembro
à Dezembro de 2019 e Janeiro à Maio do ano corrente da componente do Subsídio

64
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

para criança de 0-2 anos de idade, referentes aos meses de Setembro à Dezembro
de 2019 e Janeiro do ano corrente, no âmbito do e-INAS;
 Acompanhamento dos processos de pagamento do PSSB e PASP; e
 Acompanhamento de distribuição de cabazes alimentares e substitutos de leite, no
âmbito do PASD;
 No âmbito dos programas e eventos, captação de imagens relativas ao processo
das actividades de impacto, com destaque para os programas, reuniões e visitas
externas, nos meses de Dezembro/2019 à Maio do ano corrente;
 Organização e participação nas cerimónias do dia 08 de Março, dia internacional
da mulher, no Distrito de Nacala;
 Recepção da Exma. Senhora Directora Geral do INAS, no âmbito de visita de
acompanhamento às actividades de inquérito de candidatos ao Programa Apoio
Social Directo- Pôs Emergência, no contexto das medidas de prevenção do COVID-
19, a luz do decreto presidencial; e
 Recepção e acomodação de diversas visitas, em missão de serviço, na Delegação;
 Recepção de equipe da UNICEF, no âmbito do acompanhamento das actividades
do Subsídio para Criança de 0- 2 anos.

A imagem a seguir ilustra o encontro tido com a equipe da UNICE, no âmbito do balanço
das actividades realizadas na componente do Subsídio para Criança de 0- 2 anos, na
Delegação.

65
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Figura 15: Encontro com a equipe técnica da UNICEF, na Delegação

3.3 REPARTIÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS


3.3.1 Apresentação das principais actividades realizadas

Durante o período em análise, a Repartição de Administração/ Finanças realizou as


seguintes actividades:
 Escrituração de livros obrigatórios de controlo bancário, requisições externa e
requisição interna, controlo orçamental e outros;
 Pagamento de valores destinados aos beneficiários do PSSB, PASD, PAUS, PASP
e respectivos encargos administrativos, referente ao período em análise;
 Organização de diversos processos de conta relativos às despesas da Delegação,
respeitante ao período em análise;
 Elaboração de conta gerência referente ao ano de 2019;
 Elaboração de relatórios financeiros de Janeiro à Maio de 2020; e
 Participação na troca de experiencia em matéria de Administração e Finanças de 4
funcionários, sendo 2 do sexo masculino e igual número do feminino, na Delegação
da Beira, Província do Sofala.

3.3.2 Apresentação dos gastos efectuados com despesas de funcionamento

Durante o período em análise, conforme o quadro 35, a Delegação recebeu o comunicado


de 265.478.332,43 ( duzentos e sessenta e cinco milhões, quatrocentos e setenta e oito
mil, trezentos e trinta e dois meticais, quarenta e três centavos). No entanto foi
disponibilizado um orçamento no valor de 161.555.713,74 (cento e sessenta e um
milhoes, quinhentos e cinquenta e cinco mil, setecentos e treze mil e setenta e quatro
centavos). No entanto foram gastos 118.893.095,05 ( cento e dezoito milhoes, oitocentos
e noventa e três mil, noventa e cinco meticais e cinco centavos), desta despesa, registiou-
se um saldo no valor de 42.662.618,69 (quarenta e dois milhões, seiscentos e sessenta e
dois mil, seiscentos e dezoito meticais e sessenta e nove centavos).

66
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Quadro nº 35: Orçamento de funcionamento, durante o período em análise


Código Designação Valor Valor Redistribuição/Refo Saldo Final
Planificado Disponibilizado rço
Refor Dedução
ço
I Despesas 161.555.713,74 0,00 0,00 0,00
correntes
II Despesas 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00
com
pessoal
III Salários e 0,00 3.168.302,09 0,00 0,00 3.168.302,09
Remuneraç
ões
112 Outras 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00
despesas
com
pessoal

12 Bens e 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00


Serviços
121 Bens 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00

122 Serviços 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00

112099 Investiment 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00


o
14 Transferên 0,00 158.387.411,65 0,00 0,00 158.387.411,65
cias
Correntes
Bolsas de 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00
Estudo
17 Exercícios 0,00 0,00 0,00 0,00 0,00
findos
Total 161.555.713,74 0,00 161.555.713,74
Fonte: RAF

67
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

3.3.3 Apresentação dos gastos do Orçamento do PSSB com outros programas


implementados e diversos
 Fundo de Programas

Para o presente exercício económico, a Delegação foi comunicado um montante no valor


de 262.310.030,34 (duzentos e sessenta e dois milhões, trezentos e dez mil, trinta
meticais, trinta e quatro centavos). No entanto foram disponibilizados 161.555.713,74
(cento e sessenta e um milhoes, quinhentos e cinquenta e cinco mil, setecentos e treze
mil e setenta e quatro centavos). Deste montante, foi gasto 118.893.095,05 ( cento e
dezoito milhões, oitocentos e noventa e tres mil, noventa e cinco meticais e cinco
centavos). Deste montante, registou- se um saldo no valor de 42.662.618,69 (quarenta
e dois milhões, seiscentos e sessenta e dois mil, seiscentos e dezoito meticais e sessenta
e nove centavos).

 Programa Subsídio Social Básico

Para execução deste programa, a Delegação foi comunicado o valor de 151.204.060,00 (


cento e cinquenta e um milhões, duzentos e quatro mil, sessenta meticais). No entanto,
foram disponibilizados 94. 782.816,36 (noventa e quatro milhões, setecentos e oitenta e
dois mil, oitocentos e dezasseis meticais, trinta e seis centavos), proveniente do
Orçamento do Estado. No entanto, foram gastos 72.669.100,82 ( setenta e dois milhões,
seiscentos e sessenta e nove mil e cem meticais e oitenta e dois centavos). Dado que as
actividades estão em processo de realização, até ao período em análise, o saldo é de
22.113.715,54 (vinte e dois milhões, cento e treze mil, setecentos e quinze meticais e
cinquenta e quatro centavos).

68
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Programa Apoio Social Directo

Para a execução das actividades deste programa, foi comunicado um fundo na ordem
15.216.205,34 (quinze milhões,duzentos e dezasseis mil, duzentos e cinco meticais e
trinta e quatro centavos), proveniente do Orçamento do Estado. No entanto, gastou-se
877.948,34 (oitocentos e setenta e sete mil, novecentos e quarenta e oito meticais, trinta e
quatro centavos) e registou-se um saldo no valor de 14.338.257,00 (catorze milhões,
trezentos e trinta e oito mil e duzentos e cinquenta e sete meticais).

 Programa de Atendimento em Unidades Sociais (PAUS)

Para esta rubrica, foi comunicado o valor de 7.547.460,00 ( sete milhões, quinhentos e
quarenta e sete mil, quatrocentos e sessenta meticais ). No entanto, foram alocados
4.642.133,83 (quatro milhões, seiscentos e quarenta e dois mil, cento e trinta e tres
meticais e oitenta e tres centavos). No entanto, foi gastos 776.703,77(setecentos e
setenta e seis mil e setecentos e tres meticais e setenta e sete centavos). Deste gasto,
registou-se um saldo no valor de 3.865.440,06 ( tres milhões, oitocentos e sessenta e
cinco mil, quatrocentos e trinta meticais e seis centavos).

 Fundo para Programa Acção Social Produtiva (MOI) e TPI

Nesta componente, ate o presente ano, foi comunicado o montante de 36.157.500,00 (


trinta e seis milhões, cento e cinquenta mil, quinhentos meticais). No entanto ade
27.718.591,12 (vinte e sete milhões, setecentos e dezoito mil, quinhentos e noventa e um
meticais e doze centavos), proveniente do fundo do Banco Mundial. No entanto, foram
gastos 25.599.829,03 (vinte e cinco milhões, quinhentos e noventa e nove mil, oitocentos
e vinte e nove meticais e tres centavos). Dado que as actividades estão em processo de
realização, até ao período em análise, o saldo é de 2.119.122,09 ( dois milhões, cento e
dezanove mil, cento e vinte e dois meticais e nove centavos ).

69
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Orçamento dos parceiros do Programa Subsídio Social Básico

Até ao período em análise, na Componente do Subsídio para Criança, a Delegação foi


comunicado o valor de 16.027.305,00 (dezasseis milhões, vinte sete mil, trezentos e cinco
meticais), proveniente do fundo da UNICEF. No entanto, foram gastos 15.801.211,00 (
quinze milhões, oitocentos um mil, duzentos e onze meticais), para efeitos de pagamento
aos beneficiários e gastos administrativos, referentes aos meses de Maio, Junho, Julho e
Agosto; retroativos de Fevereiro, Março, Abril, e Junho do ano corrente. Deste montante
registou-se um saldo no valor de 226.094,00 ( duzentos e vinte seis mil, noventa e quatro
meticais.

Diversos

 Fundo de funcionamento

Com este fundo realizam-se despesas com Salários e Remunerações, Outras Despesas
com Pessoal, Transferências correntes e Bens e Serviços através das transferências
directa do e-SISTAFE.

 Salário
Até ao período em análise, foram gastos 3.168.302,09 ( tres milhões, cento e sessenta e
oito mil, trezentos e dois meticais e nove centavos).

 Despesas com pessoal


Até ao período em análise, não foi disponibilidade nenhum montante nesta rubrica.

 Outras despesas com pessoal


Até ao período em análise, não foi disponibilizado nenhum montante nesta rubrica.

 Bens e serviços

Até ao período em analise, não foi disponibilizado nenhum montante nesta rubrica.

70
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Fundo de investimento

Até ao período em analise, ainda não foi comunicado um orçamento para fazer face a
esta rubrica.

3.4 Gestão Patrimonial


Aquisições feitas:
a) Nenhum equipamento;
b) Consumíveis:combustíveis e l ubrificantes e material de escritório;
c) Nenhum infra-estrutura;
d) Nenhum meio de transporte.

i. Viaturas, motorizadas e bicicletas existentes e ou adquiridas

A Delegação foi alocado 4 motos, do tipo 125, marca Honda, modelo XL e 2 viaturas
para fazer face as actividades dos programas.

ii. Estado de Conservação (em circulação, avariada ou acidentada);


Meios de Transporte sob tutela da Delegação.

a) A Delegação possui os seguintes bens:


b) Meios de transporte: 4 viaturas e 7 motos em circulação;
c) Equipamento: 2 fotocopiadoras e 17 computadores operacionais;

iii. Outros
Infra-estruturas sob tutela da Delegação
a) Uma casa em processo de reabilitação, para transformar-se em Centro Trânsito de
Nacala;
b) Uma residência para função de Delegado em estado razoável;
c) Um escritório em estado razoável;

71
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

d) Instalações para funcionamento de um centro aberto, no Posto Administrativo de


Namapa, no Distrito de Eráti em mau estado; e
e) Centro Aberto do Triângulo, no Distrito de Nacala.

3.4.1 Actividades realizadas pelo sector do Património

Durante o período em análise, o sector do património desenvolveu as seguintes


actividades:
 Submissão de manutenção e reparação de 2 viaturas (Land Cruser, modelo HZ,
matricula ADQ 507MC e Nissan, modelo Hard board, matricula AEI 058 MP;
 Gestão e controle de combustíveis e lubrificantes;
 Actualização do manifesto de 2 viaturas e aquisiçâo de manifestos de 2 viaturas
(novas) doadas pela UNICEF, Land Cruzer, modelo HZ e Toyota Hilux ;
 Actualização do inventário de bens patrimoniais sob gestão da Delegação;
 Elaboração de propostas de pagamento de serviços (água, energia e
comunicação);
 Actualização de seguro de 4 viaturas, Nissan, modelo Hard board, matricula AEI
058 MP e Land Cruzer;
 Pagamento de seguro de 2 viaturas (novas) doadas pela UNICEF, no âmbito do
Subsídio Criança de 0-2 anos de idade, sendo 1Toyota Land Cruzer matricula ALL
609 NP, modelo HZ e 1 Toyota ,matricula Hilux ALL 597 NP;
 elaboração de abate e criação de avaliação de bens obsoletos, sob gestáo da
Delegação; e
 actividades rotineiras.

3.5 UGEA

Até ao período em análise, foram feitos lançamentos e abertura de 7 concursos,


nomedamente:

 Fornecimento de combustíveis e lubrificantes;


 Fornecimento de material de escritório;
72
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Fornecimento de leite fresco para pagadores;


 Aquisição de 4 cadeiras de roda para crianças;
 Aquisição de material de construção;
 Aquisição de material escolar; e
 Aquisição de tecidos, para o projecto de corte e costura, no Centro Aberto do
Triangulo.

No âmbito de renovação
Foram renovados 2 contratos, nomeadamente:
 Fornecimento de de géneros alimentícios e produtos de limpeza; e
 Prestação de Serviços de Segurança.

3.6 Repartição de Assistência Social

3.6.1 Apresentação das principais actividades realizadas

3.6.2 Programa Subsídio Social Básico

Durante o período em análise, nesta componente, a Delegação realizou as seguintes


actividades:
 Elaboração de planos de actividades;
 Pagamento de subsídio aos beneficiários do programa, referentes aos meses de
Dezembro de 2019, Janeiro à Maio de 2020;
 Elaboração de informações propostas para o desenvolvimento de actividades do
programa;
 Peritagem de mapas de pagamento do programa;
 Sensibilização aos beneficiários sobre os procedimentos de terciarização;
 Elaboração de requisições diversas para o funcionamento do programa;
 Revisão de beneficiários activos e cessantes nos mapas de pagamento;
 Organização de arquivo do programa, incluindo dos beneficiários; e
 Elaboração de relatórios de pagamento.

73
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

.A imagem a seguir ilustra o decurso das transferências monetárias aos beneficiários do


programa, no Distrito de Nacala.

3.6.2 Programa Apoio Social Directo

Durante o período em análise, nesta componente, a Delegação realizou as seguintes


actividades:
 Elaboração de planos de actividades;
 Elaboração de mapas de distribuição de distribuição de diversos apoios, referentes
aos meses de Janeiro à Maio de 2020;
 Peritagem de mapas de distribuição do programa;
 Elaboração de requisições de artigos diversos;
 Elaboração de informações propostas para o desenvolvimento de actividades do
programa;
 Visitas domiciliárias de candidatos ao programa;
 Distribuição de meios de compensação, material de escolar e de construção,
enxoval e substitutos de leite e cabaz alimentar aos beneficiários dos programas;
 Revisão de processos de beneficiários activos, no âmbito do apoio prolongado;
 Organização de arquivo do programa, incluindo dos beneficiários; e
 Elaboração de relatórios de actividades.

3.6.4 Repartição de Programas de Desenvolvimento


3.6.4.1 Apresentação das principais actividades realizadas
 Elaboração de planos de actividades;
 Peritagem de mapas de pagamento;
 Elaboração de requisições de artigos diversos;
 Distribuição de materiais de trabalho aos Serviços Distritais de Saúde, no âmbito
do programa;
 Pagamento aos beneficiarios do PASP, nos Distritos de Memba e Eráti, referentes
aos meses de Outubro à Dezembro de 2019 e Janeiro de 2020;
 Sensibilização aos beneficiários sobre os procedimentos de terciarização;

74
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

 Controle das efectividades dos beneficiários do PASP, produzidas pelos distritos


abrangidos pelo programa, nomeadamente, Memba e Eráti;
 Elaboração de relatórios de actividades; e
 Elaboração de relatórios de actividades.

3.6.4.2 Gestão técnica de programas de desenvolvimento

Na gestão técnica, a Delegação conta com a coordenação com os Governos dos


distritos abrangidos pelo programa, nomeadamente, Memba e Eráti.

Os governos desenham projectos efectuam o recrutamento, elaboração de efectividades


para o efeito de compilção de presenças dos beneficiários nos locais de trabalho.

A Delegação coordena o processo de procurement para aquisição de material de


trabalho, responsabiliza-se pelo acompanhamento do funcionamento do programa,
análise das efectividades, elaboração dos mapas de pagamento e transferências
monetárias sociais.

4. CONSTRANGIMENTOS

Durante o período em análise, a Delegação deparou-se com os seguintes


constrangimentos:
 Deficiente importação de beneficiários para o e-INAS que criou e continua criando
dificuldade na localização (re) alocação de beneficiários, em alguns
bairros/povoados por posto de pagamento, requisição de fundos, emissão de
cheques e pagamento de beneficiários;
 Existência de crianças inscritas com nomes repetidos, falecidas e desconhecidas,
dificultando o alcance das metas dos beneficiários na componente do Subsídio
para Criança, nos Distritos da Ilha de Moçambique e de Nacala-à-Velha: e
 Exiguidade de recursos humanos para fazerem face às atribuições da Delegação.

75
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

5. PERSPECTIVAS GERAIS

Para o próximo período, mediante a dotação orçamental, perspectiva-se a realização das


seguintes actividades:
 Continuar a articular com técnicos do órgão do central do INAS, por forma a
identificar e transferir beneficiários dispersos para os respectivos bairros/povoados
por posto de pagamento, com vista ao alcance das metas nos programas, no
âmbito do e-INAS;
 Através do Orgao Central, continuar articular com o parceiro UNICEF no sentido de
autorizar novas inscrições com vista ao cumprimento das metas;
 Mobilizar funcionários de outras instituições, ao nível dos outros distritos e
províncias, por forma a responder cabalmente as atribuições da Delegação.

76
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

6. CONCLUSÃO

Das actividades levadas a cabo durante o período em análise, cujos resultados foram
apresentados nas diferentes áreas, mostram que esforços estão sendo envidados para a
melhoria do desempenho institucional, assim como para a satisfação das necessidades
básicasdos beneficiários e seus dependentes.

No cômputo geral, da meta geral de 38.015 beneficiários (21.921 do PSSB, 7.930 do


Subsídio para Criança, 396 do PASD, 45 do PAUS, 6.311 do PASP(MOI) e 862 do
PASP (TPI ), foram atendidos 35.861 beneficiários, sendo 14.831 do sexo masculino e
21.030 do feminino, dos quais 19.819 no PSSB, 7.791 do Subsídio para criança, 673 no
PASD, 22 nas orientações/reunificações familiares, 7.259 do PASP e 297 no PAUS.
Cessaram 1.213 beneficiários, sendo 559 do sexo masculino e 654 do feminino, por
diversos motivos. Até ao período em análise, os programas contam com 34.978
beneficiários, sendo 14.427 do sexo masculino e 20.551 do feminino, dos quais 19.143
do PSSB, 7.461 do Subsídio para criança, 466 do PASD, 22 do PSSAS, 297 do PAUS e
7.259 do PASP, equivalente à 91,14% do plano.

Ao nível dos programas, pode-se destacar o Programa Subsídio Social Básico, incluindo a
componente do Subsídio para Criança que conta com a existência de 26.604
beneficiários, correspondente à 89,12% do plano anual. Esta em curso a integração de
novos ingressos a partir da lista de espera para o alcance das metas.

Portanto, a implementação dos Programas de Segurança Social Básica contribui para a


melhoria do estado nutricional, aquisição de alguns bens que possam suprir as
necessidades básicas dos beneficiários e seus dependentes. O Programa Acção Social
Produtiva promove a cultura de trabalho, produção de renda e auto-estima.

77
Relatório balanço de actividades da Delegação de Nacala(Janeiro-Junho/2020)

Nacala, 21 de Junho de 2020


A Delegada
________________________________
Hortência Alfredo Novela
/Técnica Sup. em Admin. Pública N1/

78