Você está na página 1de 6

CIÊNCIAS HUMANAS

E SUAS TECNOLOGIAS
Frente: Atualidades
EAD – ATUALIDADES
Professor(a): Adriano Bezerra

AULA 09

Assunto: O espantoso crescimento chinês

Esse milagre econômico pode ser explicado pela conjugação


de diferentes fatores, como a abertura da economia para a entrada
Resumo Teórico de empresas transnacionais, através da criação das ZEE’s (zonas
econômicas especiais); maciços investimentos em infraestrutura, com
a construção de rodovias, ferrovias, aeroportos, hidrelétricas (Três
Gargantas, a maior do mundo); controle estatal sobre os salários, com
O espantoso crescimento chinês regras trabalhistas flexíveis, reduzindo o custo de mão de obra, fazendo
dos produtos chineses os mais baratos do mundo; investimentos
• Raio X da China em 2011 nas áreas de mineração, principalmente de minério de ferro, carvão
mineral e petróleo.
População 1,3 bilhão Todo esse crescimento econômico traz consigo graves
PIB total US$ 7,0 trilhões problemas ambientais, pois a utilização em larga escala de combustíveis
PIB per capita US$ 5,2 mil fósseis, em particular o carvão mineral, tem reduzido a qualidade do
ar nas grandes cidades, bem como os resíduos industriais lançados
Reservas internacionais US$ 2,1 trilhões indiscriminadamente nos cursos d’água, que fazem dos rios chineses
Saldo comercial US$ 155,1 bilhões os mais poluídos do mundo
Inflação 5,4%
Crescimento Demográfico
FMI E OCDE

Ano Mundo Ano Mundo


CASAQUISTÃO
MONGÓLIA Tajiquistão 1 AD 300 000 1970 3 692 492

CORÉIA
1000 310 000 1975 4 068 109
MAR
Luda DO DO JAPÃO
Uzbequistão
Quirgistão
Tangshan NORTE 1750 791 000 1980 4 434 682
Tianjin
Tajiquistão
Turquimenistão Yantai CORÉIA 1800 978 000 1985 4 830 979
CHINA DO
Gingdao
AFEGANISTÃO Xangai
SUL
1850 1 262 000 1990 5 263 593
MAR DA
Hangzhou
CHINA 1900 1 650 000 1995 5 674 380
PAQUISTÃO ORIENTAL
NEPAL Fuzhou
BUTÃO Xiaman
Taipé 1950 2 518 629 2000 6 070 581
Bangladesh Shantou
Trópico de câncer Shenzhen TAIWAN
ÍNDIA Zhuhai (FORMOSA) 1955 2 755 823 2005 6 453 628
MANMA Hong Kong
LAOS Hainan 1960 3 021 475 2011 7 bilhões
Tailândia
ZEEs (Zonas Econômicas Especiais) VIETNÂ FILIPINAS 1965 3 334 874 2050 9,5 bilhões
CAMBOJA

No início do século XX, a população já somava 1,6 bilhão de


Desde o final da década de 1970, as profundas mudanças indivíduos, com predomínio da população rural. Durante o mesmo
ocorridas na economia chinesa, que introduziu o sistema de século, dois fenômenos demográficos alteraram de forma significativa
economia de mercado, tornaram esse país uma das nações mais a demografia mundial. O Baby Boom (1945/60), que ocorreu no
dinâmicas no processo de mundialização da economia, com pós-Segunda Guerra Mundial, na Europa e Estados Unidos, culminou
um crescimento médio de 9% ao ano. Segundo estimativas da no nascimento expressivo de crianças. Contudo, o fenômeno que mais
OMC, o PIB chinês alcançou em 2012 a impressionante cifra de contribuiu para o aumento populacional foi a explosão demográfica,
US$ 8,28 trilhões ou 51,93 trilhões de iuanes, o que corresponde a sobretudo nos países do Terceiro Mundo (América Latina, África e Ásia),
15% da economia global. A balança comercial chinesa apresentou que, nas décadas de 50, 60 e 70, devido à Revolução médico-sanitária,
um superavit comercial de US$ 240 bilhões com exportações de apresentaram taxas de crescimento demográfico em torno de 2,5%.
US$ 1,90 trilhão e importações de US$ 1,66 trilhão. Ao desbancar o A ONU realizou, no Egito (1994), a Conferência Internacional sobre
Japão, tornou-se a segunda maior economia, superada apenas pelos População e Desenvolvimento (CIPD), onde alertou sobre os riscos
Estados Unidos. decorrentes da explosão demográfica.

F B O NLINE.COM.BR OSG.: 122779/17

//////////////////
Módulo de Estudo

Em 1999, o planeta atingiu a marca de seis bilhões de Saudita, Argentina, Austrália, Coreia do Sul, Indonésia, México
habitantes. Nessa ocasião, a Organização das Nações Unidas (ONU) e Turquia). Esse grupo de países vem ganhando força nos fóruns
escolheu uma criança (Adnan Nevic) nascida na Bósnia como internacionais de decisão e consulta. ALLAN, R. Crise global.
representante simbólico dessa marca. Já em outubro de 2011,
nasceu nas Filipinas Danica May Camacho, que agora representa, Disponível em:http://conteudoclippingmp.planejamento.gov.br.
Acesso em: 31 jul. 2010.
oficialmente, o habitante de número 7 bilhões do planeta.
A distribuição de toda essa população, através dos continentes e países,
Entre os países emergentes que formam o G-20, estão os
apresenta grandes contrastes. A Oceania possui apenas 28 milhões
chamados BRIC (Brasil, Rússia, Índia e China), termo criado em
de habitantes, enquanto a Ásia possui cerca de 60% da população
2001 para referir-se aos países que
global, sobretudo em países de superpopulação como China e Índia,
A) apresentam características econômicas promissoras para as
que, juntas, somam mais de 2,5 bilhões de pessoas. As Américas e
próximas décadas.
Europa concentram 25% da população mundial, enquanto a África
B) possuem base tecnológica mais elevada.
possui 15% das pessoas do mundo. Devido à política do filho único,
C) apresentam índices de igualdade social e econômica mais
implantada pelo governo chinês (1979), a Índia deverá se tornar, até
acentuados.
2050, a nação mais populosa do globo com 1,6 bilhão, se forem
D) apresentam diversidade ambiental suficiente para impulsionar
mantidas as atuais taxas.
a economia global.
E) possuem similaridades culturais capazes de alavancar a
BRICS economia mundial.
ruskpp/123RF/Easypix

03. O conceito de BRIC foi criado por Jim O’Neil, economista chefe do
Banco de Investimentos Goldman Sachs em 2001. Com relação
ao BRIC, é correto afirmar:
A) BRIC é uma sigla que se refere às iniciais dos países que a
compõem: Brasil, Rússia, Índia e Cuba.
B) O Fundo Monetário Brasileiro estima que os países que integram
o BRIC serão responsáveis por apenas 21% do crescimento
econômico mundial devido à crise de 2008.
C) Além do BRIC, o Brasil participa também do IBAS, organização
dos países: Indonésia, Brasil e África do Sul, com vistas a
melhorar a integração cultural entre esses países.
A sigla foi criada por Jim O’Neill para designar um conjunto D) Líderes do BRIC assinaram um acordo em 2010 que deverá
de países (Brasil, Rússia, Índia, China e mais tarde a África do Sul) facilitar o financiamento de obras e projetos nestas nações
em um estudo de 2001 para o banco de investimento Goldman priorizando as áreas de energia e infraestrutura.
Sachs. São países emergentes que reúnem várias características, E) O BRIC é uma organização fundada pelo Brasil, que prevê a
como um crescimento econômico elevado. Ao contrário do que união de determinados países com o objetivo de unificar as suas
algumas pessoas possam pensar, esses países não compõem respectivas moedas, fortalecendo-os no mercado internacional.
um bloco econômico, apenas compartilham de uma situação
econômica com índices de desenvolvimento parecidos. Na última 04. Observe a tabela e compare a evolução das exportações brasileiras
reunião desse grupo, realizada em 2013, os seus membros para blocos econômicos, em valores totais (US$), e quantidade
decidiram criar um Banco para prover o maior desenvolvimento. em toneladas (ton), nos períodos de 12 meses, jun/mai 2000/01
Se forem mantidas as atuais projeções, os países do BRICS estarão na e 2010/11.
liderança da economia mundial até 2020, com o PIB chinês superando a
economia dos EUA e o Brasil, tornando-se a quinta potência econômica 2000/01 2010/11
do globo. Descrição do Bloco US$ * US$ *
mil ton $/ton mil ton $/ton
Milhões % milhões %
Países em
22.129 38 89.870 246 128.268 57 313.520 409
desenvolvimento

Exercícios Países
34.491 60 163.090 211 92.022 41 207.440 444
desenvolvidos

Ásia (excl. Oriente


6.479 11 78.357 83 63.267 28 279.666 226
Médio)
01. Uma das principais mudanças no contexto internacional
contemporâneo que se relaciona com as reformas propostas pelos América Latina e
14.591 25 24.015 608 52.146 23 42.248 1.234
Caribe
BRICS está indicada em
A) afirmação da multipolaridade União Europeia - UE 15.494 27 96.837 160 48.281 22 105.404 458
B) proliferação de armas atômicas
China, Hong Kong e
C) hegemonia econômica dos E.U.A. 1.976 3 24.623 80 37.625 17 190.663 197
Macau
D) diversificação dos fluxos de capitais
Estados Unidos 14.218 25 24.041 591 21.404 10 23.174 924

02. (Enem/2010) O G-20 é o grupo que reúne os países do G-7, os *Percentual sobre o total da exportação brasileira para os blocos indicados.
mais industrializados do mundo (EUA, Japão, Alemanha, França,
(Carta Capital. Exportações brasileiras para os principais blocos econômicos,
Reino Unido, Itália e Canadá), a União Europeia e os principais ano XVI, n° 651, junho de 2011. Adaptado.
emergentes (Brasil, Rússia, Índia, China, África do Sul, Arábia

F B O NLINE.COM.BR 2 OSG.: 122779/17

//////////////////
Módulo de Estudo

A respeito da evolução das exportações brasileiras, pode-se afirmar 06.


que
A) a China, Hong Kong e Macau, em porcentagem sobre o
valor total das exportações, passaram de 3% (2000/01) para
17% (2010/11), trazendo os maiores ganhos comerciais nos
períodos.
B) a participação em valor dos países desenvolvidos vem
diminuindo, passando de 60% no primeiro período para 41%
no segundo, sendo acompanhada pela queda do valor da
tonelada exportada.
C) a maioria das exportações brasileiras atuais destina-se aos
países em desenvolvimento, que lideram tanto em valor do
total exportado quanto em quantidade exportada.
D) o mais importante parceiro comercial na balança das
exportações brasileiras são os Estados Unidos, apresentando
um desempenho crescente em valor do total exportado e em Adaptado de www.economist.com
toneladas.
E) os blocos analisados mantiveram o mesmo ritmo de participação A imagem anterior, publicada na capa da revista americana
nas exportações brasileiras durante a década analisada. The Economist, em março de 2009, apresenta, de forma
caricaturada, a visão de mundo da atual elite chinesa.
05. Em relação ao jogo geopolítico internacional no atual século, o De acordo com essa perspectiva, a China face ao restante do
presidente norte-americano George W. Bush vem encontrando mundo poderia ser percebida como
dificuldades em manter o equilíbrio entre os interesses dos EUA A) pátria do isolacionismo, em divergência com os problemas
comerciais da União Europeia e com a integração política na
com o das potências emergentes na Ásia, como acontecia no
África.
período da Guerra Fria. Na charge, vê-se o desequilíbrio atual B) território da democracia, em desacordo com as ambiguidades
devido ao(à) políticas das nações desenvolvidas e com o autoritarismo do
antigo terceiro-mundo.
C) nação urbanizada, em contraposição com a decadência parcial
do setor imobiliário americano e com a ruralização dos países
africanos e latino-americanos.
D) potência emergente, em contraste com o relativo declínio das
demais potências econômicas e com a insignificância dos países
subdesenvolvidos.

07. (...) Para os mais velhos, Mao é um constrangimento. É raro


encontrar quem o defenda. Ao fim da viagem, quando eu já
me conformava com o ritmo lento e as respostas esquivas dos
chineses, testemunhei a única reação direta, quase intempestiva,
de um professor de Economia da Universidade de Tsing-Hua,
Denggao Long. Ao indagar se as mudanças na China mostravam
uma verdadeira revolução de Deng, Long deu um pulo na cadeira
www.coxandforkun.com e até arriscou o inglês: “Revolução? Não! Reforma.” Eu sorri, e
ele continuou: “Revolução, nunca mais na China. A Revolução
A) crescimento geopolítico da China continental na Ásia, impondo Cultural foi uma tragédia, um erro (...)”.
uma recomposição territorial com Taiwan (China insular), país Revista Época, 06/2008
formado pela ruptura ideológica ocorrida, no território chinês, Que aspecto da Revolução Cultural Chinesa, ocorrida entre
após a revolução socialista de Mao tsé Tung, em 1949. as décadas de 1960/1970, justificaria a afirmação destacada
B) crescimento militar de Taiwan na Ásia, o que afasta o país chinês no trecho anterior? Assinale a alternativa que responde,
nacionalista da China Socialista continental, país menos bélico corretamente, à questão.
e voltado para as questões de organização supranacional da A) A Revolução Cultural agiu em favor da burocratização do
nova ordem mundial. Estado Chinês e da planificação excessivamente centralizada
C) redução da influência norte-americana na Ásia devido ao da economia.
crescimento econômico, financeiro e militar chinês continental, B) No plano econômico, a Revolução Cultural atrasou o avanço
o que culminará com a retomada de Hong Kong (“o pé tecnológico do país, entre outros aspectos, devido às inúmeras
esquerdo de George W. Bush”, na charge), nas próximas perseguições a intelectuais, cientistas e educadores.
décadas. C) Por meio da mudança de mentalidade, o governo maoísta
D) perda da hegemonia norte-americana na Ásia, no atual pretendia consolidar os ideais revolucionários burgueses, em
século, frente ao fortalecimento dos NIC’s (New Industrialized detrimento da massa camponesa.
Countries), o que afasta Taiwan da China continental, país que D) A Revolução Cultural combateu, duramente, o isolamento
é o maior aliado norte-americano no continente. tradicional da cultura chinesa, valorizando o cosmopolitismo
E) possível interferência militar norte-americana na China e a inovação criadora trazida pelo Comunismo.
continental, que vem ameaçando invadir Taiwan caso esse país E) Defendendo uma revolução proletária urbana, nos moldes
chinês insular continue a se afastar dos objetivos de integração da Revolução Russa, Mao Tse-tung precisou usar de extrema
propostos pela APEC (Asia-Pacific Economic Cooperation), violência para conter a participação da massa camponesa, o
bloco econômico do qual participam os EUA. que resultou em massacre.
OSG.: 122779/17
3 F B O N L I NE .C O M . B R
//////////////////
Módulo de Estudo

08. Questiona-se atualmente qual o fôlego do desenvolvimentismo O território em questão, o Sinkiang ou Xinjiang, é uma região
do peculiar socialismo chinês e se suas reformulações econômicas A) onde a heterogeneidade é uma questão de somenos, pois o
exigirão iguais mudanças políticas, dando os contornos a uma domínio da etnia han elimina o risco de conflitos.
verdadeira glasnost chinesa. B) pela qual, por causa da escassez de recursos minerais, o
interesse do governo central da China é diminuto.
VICENTINO, Cláudio e SCALZARETTO, Reinaldo. Cenário Mundial:
a nova ordem internacional. São Paulo: Scipione, 1992. C) cuja principal atividade, o pastoreio, impede o contato entre
as etnias e mantém a paz local.
Tomando como referência a citação anterior, assinale a alternativa D) onde se notam conflitos de ordem étnica; as demais regiões
correta. apresentam harmonia.
A) Embora sejam reconhecidos os avanços no plano econômico, E) onde as riquezas minerais e energéticas levaram o governo
politicamente, o governo chinês mantém o centralismo e o central chinês a introduzir grupos da etnia han para dividir a
autoritarismo, tal como se verificou em Pequim no massacre população e impor seu domínio.
da Praça da Paz Celestial. Naquele momento, os estudantes
lutavam contra a influência cultural norte-americana, contra
as privatizações e pelo fortalecimento do Partido Comunista 11. Desde, pelo menos, a década de 1980, a China vem ganhando
Chinês. espaço no comércio mundial. No início do século XXI, ela até pode
B) A base das reformas econômicas na China, a partir da década ser denominada a “oficina do mundo”, tamanha a participação
de 1980, foi a criação de uma economia mercantil planificada, dos produtos fabricados na China no comércio mundial. Dentre as
com investimentos na importação de tecnologia e abertura razões para o sucesso desse país no comércio mundial, destaca-se
para empresas estrangeiras, aproveitando o potencial da farta A) a exploração intensiva dos recursos naturais abundantes no
mão de obra e do excelente mercado consumidor. seu território, principalmente o minério de ferro e o petróleo,
C) Em função da supervalorização da mão de obra, com os altos que permite ao país ser autossuficiente e ainda exportar para
salários pagos aos operários chineses, e da concorrência da os países desenvolvidos.
exportação de produtos agrícolas feita por Taiwan, os produtos
B) o moderno sistema de produção agrícola, desenvolvido a partir
chineses ficaram restritos ao comércio com o sudeste asiático.
D) A devolução de Hong Kong pelos ingleses à China foi fruto de da coletivização na época da revolução comunista, baseado
intensos conflitos que envolveram recentemente os dois países, no uso intensivo de máquinas e fertilizantes, com a produção
culminando com a implantação de eleições livres e a formação voltada para a exportação.
de uma bolsa de valores naquela região. C) a especialização da indústria chinesa em bens de capital,
como máquinas e equipamentos, pois são setores que exigem
09. Em relação às características populacionais da República Popular menores investimentos de capital e maior utilização de mão
da China, podemos afirmar que de obra barata e pouco qualificada.
A) as maiores densidades de habitantes ocorrem nas montanhas D) criação das Zonas Econômicas Especiais (ZEE): áreas destinadas
e nos planaltos interiores, devido às inundações frequentes nas à atração de empresas multinacionais através de incentivos para
planícies e deltas do leste do país. a exportação, como isenção de impostos e infraestrutura de
B) os indivíduos jovens sofrem redução percentual em sua
transportes e telecomunicações.
composição, cresce a participação de adultos e idosos,
distribuindo-se a maior parte dos habitantes pela zona urbana
(57,7% – cerca de 800 milhões em 2012). 12. (Unifor) A China explica que o seu sistema econômico adapta
C) sua população ativa está ligada ao setor secundário da mecanismos de mercado ao socialismo, por meio da forte presença
economia após as profundas alterações dos últimos anos. do Estado que fomenta a economia e o desenvolvimento social.
D) há uma relativa homogeneidade na distribuição espacial da Um capitalismo controlado pelo Partido Comunista.
população, pois o número excessivo de habitantes forçou a
ocupação integral de seu território. Com respeito ao sistema político e econômico adotado pela China,
E) sua imensa população sobrevive graças ao alto rendimento da é incorreta a afirmação:
tradicional rizicultura, praticada na região centro-ocidental do
A) A economia de mercado, implementada na China, permitiu a
país.
propriedade particular para o desenvolvimento das atividades
10. Segue um mapa simplificado da região do Xinjiang (Sinkiang) e econômicas, nas Zonas Econômicas Especiais (ZEE) e nas Zonas
uma tabela com características da região: de Comércio Aberto (ZCA).
B) As Zonas de Comércio Aberto (ZCA) são regiões que, além do
livre mercado, estão abertas ao comércio exterior e à entrada
de multinacionais, desde que respeitadas as restrições de
associarem-se ao governo ou a empresários chineses por meio
de joint ventures.
C) A China atrai investimentos do mundo inteiro em função do
baixo custo de produção. Entre os principais fatores para o
custo de produção reduzido estão a mão de obra barata, uma
PRINCIPAIS GRUPOS ETNOLINGUÍSTICOS
Altaicas Chineses
boa infraestrutura e a moeda desvalorizada.
Ulgures Hans D) O Estado foi o principal instrumento da modernização
Cazaques Huis (chineses
Quirguizes
muçulmanos)
indo-europeus
acelerada que transforma diariamente a paisagem da China.
Mongóis Tadjiques O ritmo da economia chinesa exige construções permanentes
Tártaros Russos e ucranianos
ou reaparelhamentos de portos, rodovias, estradas de ferro,
RIQUEZAS MINERAIS E ENERGÉTICAS aeroportos e usinas de energia.
Cobre Chumbo, zinco Sal
Ferro Ouro
E) As conquistas econômicas chinesas foram acompanhadas por
Carbono Petróleo
importantes reformas democráticas que garantiram uma maior
Urânio Campos eólicos
participação política e respeito pleno aos direitos humanos.
Le Monde Diplomatique, ago. 2009.

F B O NLINE.COM.BR 4 OSG.: 122779/17

//////////////////
Módulo de Estudo

13. Brasil, Rússia, Índia e China, constituem um grupo de economias


emergentes, que assumiram importância no mercado global.
Resolução
Esses países contribuíram nos últimos cinco anos com mais da
metade do crescimento do produto global, ou seja, a soma do 01. Um dos grandes desdobramentos do mundo multipolar é a criação
que foi produzido nos diferentes setores da economia, ampliando de novos polos de poder global, com destaque para os países
significativamente a participação destes no comércio mundial. emergentes.

Sobre a participação desse grupo de países na economia mundial, Resposta: A


pode-se afirmar que
A) a Rússia se destaca ofertando alimentos e matérias-primas para 02. Em 2001, um grande banco americano de investimentos criou
suprir as demandas de consumo da sociedade indiana. a denominação Brics para designar países que apresentam
B) a China se destaca pela elevada qualificação de sua mão de características econômicas promissoras para as próximas décadas.
obra e pelo desenvolvimento industrial com rígido controle
ambiental. Resposta: A
C) a Índia se destaca no setor de serviços de informática pela
capacidade para formar profissionais nas áreas tecnológicas. 03. Em 2014 foi criado na cidade de fortaleza, o NBD (novo banco
D) o Brasil se destaca como fornecedor de petróleo e gás natural, de desenvolvimento), que possui sede em Xangai na China e terá
atendendo as demandas de consumo de energia da produção na direção do mesmo a Índia. Esse banco possui 100 bilhões de
chinesa. dólares para obras de infraestrutura.

14. O grande crescimento da Índia desde os anos de 1990 coloca Resposta: D


este país como um dos quatro gigantes emergentes, ao lado da
Rússia, China e Brasil. O prognóstico econômico é de que a Índia 04. Atualmente, a China se destaca por ser o maior importador de
atinja em meados deste século a terceira posição na economia produtos brasileiros, em que se destacam as comoditties agrícolas
mundial. Este fato se deve (soja) e minerais (ferro).
A) ao extraordinário crescimento de sua indústria cinematográfica,
que hoje já ultrapassa a produção de Hollywood, sua grande Resposta: C
concorrente.
05. A charge destaca a relação geopolítica internacional, na qual a
B) ao crescimento de sua população que é hoje a segunda do
China não reconhece a autonomia politica de Taiwan.
mundo, com alto poder de consumo.
C) à eliminação da sociedade de castas que marcou a milenar Resposta: A
história do país e impedia as pessoas de castas inferiores de
ascender econômica e socialmente. 06. A imagem retrata o declínio econômico de muitas potencias
D) aos avanços alcançados pela sua indústria nos setores globais, e o surgimento de potência emergente, em contraste
farmacêutico, de fibras ópticas, de satélites e informática. com o relativo declínio das demais potências econômicas e com
E) à resolução do conflito com o Paquistão pela Caxemira, o qual a insignificância dos países subdesenvolvidos.
obrigava a Índia a desviar imensos recursos para a produção
de armamentos, inclusive nucleares. Resposta: D

15. A China é um país que tem despertado o interesse mundial face 07. A Revolução Cultural combateu, duramente, o isolamento
o grande progresso econômico que tem alcançado nos últimos tradicional da cultura chinesa, valorizando o cosmopolitismo e a
anos. Apesar disso, chama à atenção a falta de progresso na área inovação criadora trazida pelo Comunismo.
política, pois já há algum tempo a China deixou de ser atrasada
e agrícola para se tornar industrial e competitiva. Resposta: B

Sobre a China, é correto afirmar que 08. Com o surgimento do socialismo de mercado, a China de
A) o modelo de desenvolvimento adotado buscou o fortalecimento transformou na maior potência emergente do globo, onde
da indústria local, tendo sido evitados os subsídios estatais e os caminha em curto prazo para ser a maior economia.
investimentos estrangeiros, sobretudo em função da política
nacionalista do governo. Resposta: B
B) mantém, ao longo da costa leste, as chamadas Zonas
Econômicas Especiais, onde as empresas estrangeiras podem se 09. A política do filho único foi adotada na China com rigídez, com
instalar com o incentivo do estado. Essas zonas são responsáveis aborto seletivo e discriminação de gênero, dando preferência ao
pela absorção do conhecimento tecnológico multinacional, masculino. Em 2004, o governo coibiu o aborto seletivo de fetos
conferindo ao país uma verdadeira reforma industrial. do sexo feminino. A população chinesa tem envelhecido como
C) Taiwan, por ter sido um protetorado inglês devolvido à China resultado da elevação das condições de vida, aumentando-se os
recentemente, é uma região especial, onde o governo chinês habitantes da área urbana.
controla assuntos de defesa e política externa, deixando livre
o funcionamento da economia de mercado. Resposta: B
D) as condições de vida da população têm crescido na mesma
medida que o crescimento econômico como um todo. Milhões
10. Impedindo a homogeneidade étnica, na qual os uigures seriam
de chineses deixaram a pobreza, e a diferença entre ricos e
majoritários, o governo chinês, ao promover a imigração de grupos
pobres tem diminuído muito, recentemente.
han para a região, enfraquece possíveis movimentos separatistas
E) o meio ambiente é uma grande preocupação do governo, o numa região estratégica e rica em recursos naturais.
que levou o país a combater a desertificação com sucesso, e a
despoluir rios e lagos. Por ter alcançado um desenvolvimento
industrial planejado, sua indústria não é mais poluente. Resposta: E

OSG.: 122779/17
5 F B O N L I NE .C O M . B R
//////////////////
Módulo de Estudo

11. Com a abertura econômica ocorrida na China, foram criadas as


ZEE (áreas destinadas à atração de empresas multinacionais através
de incentivos para a exportação, como isenção de impostos e
infraestrutura de transportes e telecomunicações).

Resposta: D

12. As reformas econômicas implementadas na China não chinesas


foram acompanhadas por importantes reformas democráticas
que garantiram uma maior participação política e respeito pleno
aos direitos humanos.

Resposta: E

13. O principal papel na atual DIT do planeta em relação a participação


da Índia é o destaque no setor de serviços de informática pela
capacidade para formar profissionais nas áreas tecnológicas

Resposta: C

14. A Índia se destaca no setor de serviços de informática pela


capacidade para formar profissionais nas áreas tecnológicas.

Resposta: D

15. Com a abertura econômica ocorrida na China, foram criadas as


ZEE (áreas destinadas à atração de empresas multinacionais através
de incentivos para a exportação, como isenção de impostos e
infraestrutura de transportes e telecomunicações).

Resposta: B

SUPERVISOR/DIRETOR: MARCELO PENA – AUTOR: ADRIANO BEZERRA


DIG.: SAMUEL – 18/12/17 – REV.: MAYARA

F B O NLINE.COM.BR 6 OSG.: 122779/17

//////////////////

Você também pode gostar