Você está na página 1de 19

Manual de Instalação

Isotelha Colonial

1
www.kingspan-isoeste.com.br
Central de vendas: 0800 747 1122
Todas as informações deste catálogo poderão ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Imagens meramente ilustrativas.
Versão 02 / 18.02.19
Índice

Sobre a Kingspan Isoeste


4

Apresentação
6

Instruções de Montagem
7

Detalhes Isotelha Colonial


15

3
Sobre a Kingspan Isoeste
Com visão de um mundo que exige soluções de construções melhores, mais rápidas, integradas com a
consciência ecológica e a modernidade dos novos tempos, a Kingspan Isoeste empresa pioneira e líder em
soluções isotérmicas, transforma o ambiente da construção civil no Brasil.

Com uma vasta experiência de mercado, a Kingspan Isoeste se faz presente nas mais diversas obras do país,
com produtos altamente tecnológicos que proporcionam aos clientes, o conforto, a segurança e a garantia em
todos os mercados que atua.

Unidades Fabris

Anápolis - Goiás

Várzea Grande - Mato Grosso

São José dos Pinhais - Paraná

Vitória de Santo Antão - Pernambuco


*Previsão do início das operações
Cambuí - Minas Gerais em Cambuí para o ano de 2019.

4
Núcleos Isolantes

5
Apresentação

A ISOTELHA COLONIAL é recomendada para obras que necessitam de diferencial estético.


Possui resistência e durabilidade aliado a estética das telhas coloniais convencionais.

São fabricadas em linhas totalmente automáticas e contínuas com injeção de espuma em


alta pressão garantindo uniformidade ao isolamento, proporcionando aos produtos maior
performance termo/mecânica.

Isotelha colonial, com núcleo isolante em PIR


é certificado pelo FM Aprovals no teste de
desempenho contra fogo e alastramento de
fumaça.

40

1000mm

Detalhes Técnicos
Espessura média Peso U Coef. global Largura Vão máximo Inclinação
isolante próprio de transm. calor útil entre apoios mínima
(mm) (kg/m²) (w/m².k) (mm) (mm) (%)*

40 12,0 0,50 1000 1750 15

Comprimentos Disponíveis (mm)**

1750 2100 2450 2800 3150 3500 3850 4200 4550

4900 5250 5600 5950 6300 6650 7000 7350

*A inclinação mínima recomendada é de 15% para cobertura com comprimentos da água de no máximo 14,7m. Demais sob consulta.
**Comprimentos em múltiplos de 350 mm com mínimo de 1750 mm e máximo de 7350mm
Carga admissível: 80Kg/m² para 3 ou mais apoios / Cobertura: Flecha de L/180
1 Kcal/h.m².ºC=1,163W/m².K ou 1W/m².K=0,86 Kcal/h.m².ºC
Peso e vão considerando espessura do revestimento externo/interno #0,50mm / #0,43mm (Aço/Aço) e #0,50mm / #0,04mm (Aço/Filme)

Produzido em: Anápolis/GO Vitória Santo Antão/PE S. José dos Pinhais/PR Várzea Grande/MT

6
Instruções para montagem
Observações importantes

Verifique a área a ser coberta


Defina o valor do beiral lateral e frontal respeitando o valor máximo de 500mm entre a
última terça de fixação e os limites da cobertura. O beiral recomendado é 600mm, porém é
necessário que as terças ultrapassem a alvenaria.

Estrutura de fixação
Instalar na edificação estrutura em aço estrutural, light steel frame ou madeira com largura
mínima da aba de contato com a cobertura de 40mm. Caso a Terça receba um transpasse de
telhas, a largura mínima é 80mm.

Elaboração dos quantitativos


Após definir a área a ser coberta e a estrutura na qual as telhas serão fixadas, realizar
quantitativos de telhas,parafusos e acabamentos para a montagem da cobertura (ver
imagens e tabelas a seguir).

* Beiral máximo de 600mm


*Vão de terça máximo de 1750mm

7
Montagem de cobertura

Utilizar a serra sabre para retirar a aba lateral


de sobreposição da 1ª telha a ser montada para
início da 1ª água da cobertura.

Utilizar parafusadeira com torque regulável


para ancorar a 1ª telha com os parafusos
adequados à estrutura utilizada, obedecendo
as medidas de beiral adotadas anteriormente.

Fixar os parafusos de costura na sobreposição


lateral e os parafusos de fixação nas terças.
Consumo: 3 parafusos de costura por metro de
telha e 3 parafusos de fixação nas telhas em
cada terça.

8
Montagem de cobertura

No caso de transpasse de telhas, fixar


primeiramente a telha mais próxima ao beiral,
em seguida posicionar a telha superior com o
transpasse. A largura mínima da terça neste
caso é 80mm.

Utilizar os parafusos de costura para fixar o


transpasse na telha abaixo, em seguida utilizar
os parafusos de fixação.
Consumo: 4 parafusos de costura por
transpasse.

Caso necessário, cortar longitudinalmente a


última telha para respeitar a medida do beiral
adotado.

Utilizar a serra sabre para retirar a aba lateral


de sobreposição da próxima telha que inicia a
2ª água da cobertura e continuar a montagem
conforme procedimentos anteriores.

9
Montagem da Cumeeira

Fixar a 1ª peça do conjunto cumeeira voltada


para a 1ª água da cobertura, logo após fixar a
2ª peça do conjunto cumeeira voltada para a 2ª
água da cobertura.

A fixação do conjunto cumeeira é feita através


dos parafusos de costura. Consumo: 8 parafusos
de costura por conjunto cumeeira.

Após a fixação do conjunto cumeeira fixar o


tampão da cumeeira através do parafuso de
costura. Consumo: 1 parafuso de costura por
tampão.

Utilizar o rebitador para fixar o acabamento


frontal em todas as telhas utilizando o Rebite
Hermético 4x15mm.
Utilizar broca de 4,5mm para furação.

10
Montagem de acabamentos

Fixar o acabamento lateral nos beirais laterais


da cobertura. Utilizar broca de 4,5mm para
furação.

Utilizar o rebitador alicate para fixar o rebite


hermético
4,0x15mm. Consumo: 1 rebite hermético a cada
200mm.

Em coberturas com cumeeiras, instalar a


cumeeira interna para acabamento, utilizando
broca 4,5 mm para furação e rebite POP.
Consumo: 10 rebites por metro.

Utilizar o rebitador alicate para fixar o rebite


POP de alumínio 4,0x15mm. Consumo: 2 rebites
POP a cada 200mm de cumeeira.

11
Acessórios de montagem

12
Indicação dos detalhes das isotelhas

Recomendações de Segurança

O trânsito de pessoas na cobertura deve sempre


ser realizado na região dos apoios das telhas
e com a utilização de tábuas ou chapas de
madeirite sobre a cobertura.

13
Recomendações de Recebimento e Armazenamento

Segurança
Utilizar os epi’s e epc’s necessários para cada tipo de serviço conforme as normas técnicas
em vigor.

Precauções
Alguns cuidados devem ser tomados no manuseio para que não ocorram marcas, riscos,
arranhões, torções e amassados.

Descarga / recebimento / armazenamento / manuseio


Conferir a quantidade, os comprimentos e os tipos de acessórios recebidos.
Para evitar torção sempre transporte as telhas apoiando-a pelo meio.
Caso necessite elevar a telha, use cintas adequadas com calços e nunca correntes ou cabo
de aço.
As telhas devem ser estocadas em local coberto.
O empilhamento deve ser horizontal, no máximo 17 peças, apoiadas sobre calços.
Mantenha sempre as chapas de eps (isopor) entre as peças.
Não arraste as telhas sobre o chão, terças, longarinas, etc.

Prolongador de
garfos para 4 apoios

*Usar garfo com largura


mínima de 30cm

O descarregamento deve ser feito preferencialmente por empilhadeira, Para o descarregamento manual das TELHAS ou PAINÉIS, utilizar o
observando o tamanho e o distanciamento entre os garfos (30cm). mesmo número de homens sobre o caminhão e no solo.

CORRETO ERRADO

ERRADO

Para descarregar as TELHAS ou PAINÉIS com comprimento menor que 6m, utilizar 4 homens e acima de 6m, utilizar de 6 a 8 homens.
Para as TELHAS é imprescindível transportar com a face da onda ou trapezio voltada para baixo.

ERRADO CORRETO ERRADO CORRETO ATENÇÃO


Nunca arrastar Sempre levantar Ponto de apoio Balancins com vários
único pontos de apoio

*tablado de madeira ou
metálico não acompanha
o produto

Para manuseio com guincho, as TELHAS ou PAINÉIS devem ser apoiados


Não arraste as TELHAS ou PAINÉIS sobre o chão, terças, longarinas, etc. sobre um tablado de madeira ou metálico tomando-se o cuidado para a
cinta do guincho não encostar na lateral do produto.

14
Detalhes
Fixação da Isotelha Colonial

Nota: Estrutura de fixação


dimensionada e executada
pelo cliente

15
Encaixe da Isotelha Colonial

A inclinação mínima
recomendada é de
15% para coberturas
com comprimento de
água de no máximo
20m.

16
Transpasse da Isotelha Colonial

17
Conjunto Cumeeira da Isotelha Colonial

Atenção: As ondas altas das 2 águas em Isotelhas Coloniais não devem


ser alinhadas no sentido longitudinal.

18
www.kingspan-isoeste.com.br
Central de vendas: 0800 747 1122
Todas as informações deste catálogo poderão ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Imagens meramente ilustrativas.
Versão 02 / 18.02.19