Você está na página 1de 3

TEORIA GERAL DO PROCESSO

1º Bimestre – AULA 03
Data: 17/08/2020
Turno: Noturno
Tema: Métodos de Solução dos Conflitos (continuação)

2. MEIOS DE SOLUÇÃO DOS CONFLITOS


[...]
b) Arbitragem (Lei n. 9.307/96): Corresponde à escolha de uma justiça
privada para resolver conflitos envolvendo direitos patrimoniais
disponíveis.
- Apenas pessoas capazes podem escolher a arbitragem.
- A arbitragem é escolhida por meio de um contrato (Convenção de
Arbitragem)

Cláusula
Compromissória

Convenção de Art. 4º
Arbitragem
Compromisso
Arbitral

Art. 3º da Lei de Arbitragem. As partes interessadas podem submeter a solução de seus litígios ao
juízo arbitral mediante convenção de arbitragem, assim entendida a cláusula
compromissória e o compromisso arbitral.
- Quem pode ser árbitro?
Art. 13. Pode ser árbitro qualquer pessoa capaz e que tenha a confiança das partes.

- A sentença arbitral tem a mesma força de uma decisão proferida por


órgão do Poder Judiciário.
- Não cabe recurso para o Poder Judiciário, mas é possível anular a
decisão se houver algum vício.

c) Autocomposição: As próprias partes envolvidas no conflito resolvem


a demanda através de concessões mútuas.

- Sem intervenção de terceiros.


- Conciliação
- Mediação – Lei n. 13.140/2015.
Art. 165 do CPC [...]
§ 2º O conciliador, que atuará preferencialmente nos casos em que não houver vínculo anterior
entre as partes, poderá sugerir soluções para o litígio, sendo vedada a utilização de qualquer
tipo de constrangimento ou intimidação para que as partes conciliem.

§ 3º O mediador, que atuará preferencialmente nos casos em que houver vínculo anterior entre
as partes, auxiliará aos interessados a compreender as questões e os interesses em conflito,
de modo que eles possam, pelo restabelecimento da comunicação, identificar, por si próprios,
soluções consensuais que gerem benefícios mútuos.

2
RESULTADOS POSSÍVEIS EM UMA AUTOCOMPOSIÇÃO

- Transação: Concessões mútuas, os dois lados do conflito cedem de


algum modo.
- Renúncia: Aquele que apresenta da demanda renúncia integralmente à
sua pretensão.
- Aceitação: Aquele contra quem é proposta a demanda acata
integralmente o pedido.