Você está na página 1de 2

Quesitos Ruído

1) Informe o Sr. Perito, quais os locais, os postos de trabalho e as funções do Reclamante


durante todo o período contratual não prescrito.

2) Descreva o Sr. Perito detalhadamente o ambiente de trabalho em que o Reclamante


exercia suas atividades.

3) Informe o Sr. Perito, quais as atividades habituais realizadas pelo Reclamante, bem
como suas respectivas frequências dentro da jornada de Trabalho.

4) Informe o Sr. Perito se havia exposição habitual e permanente ao ruído contínuo e


intermitente?

5) Informe o Sr. Perito se os níveis de ruído do setor estão dentro do limite estipulado
por legislação/norma/portaria/etc? Qual o limite de tolerância? Qual a medição
constatada?

6) Informe o Sr. Perito em caso de medições quantitativas, especificar o aparelho usado,


a marca, se tem certificado de calibração e quando foi feita (favor anexar
comprovantes).

7) Informe o Sr. Perito em caso de medições quantitativas, qual a metodologia utilizada


para a avaliação do Ruído e o tempo de coleta de dados.

8) Esclareça o Sr. Perito qual o tempo de exposição em horas/dia, que o reclamante


esteve exposto ao ruído?

9) Esclareça o Sr. perito, qual foi o nível de pressão sonora mensurada no local de
trabalho do Reclamante?

10) Esclareça o Sr. Perito, tal valor apresentado no item acima se trata de: Dose, LEQ ou
valor absoluto imediato registrado por ocasião da vistoria do ilustre perito?

11) Esclareça o Sr. Perito, qual o efeito combinado dos diversos Níveis de Pressão Sonora a
que o Reclamante estava exposto sobre sua audição: DOSE EQUIVALENTE DE RUIDO
em dB (A)?

Quesitos Calor

1) Esclareça o Sr. Perito, quais as tarefas desempenhadas normalmente na função do


reclamante durante suas atividades normais diárias.

2) Esclareça o Sr. Perito, a função possui local fixo de trabalho?

3) Esclareça o Sr. Perito, se as atividades desenvolvidas pelo reclamante são classificadas


como leve moderada ou pesada?
4) Esclareça o Sr. Perito, no desenvolvimento de suas atividades o reclamante
permaneceu exposto a "calor"?

5) Esclareça o Sr. Perito, caso haja exposição ao "calor", favor apresentar resultado da
quantificação e o tempo que o reclamante ficava exposto a tal agente.

6) Esclareça o Sr. Perito, qual a metodologia consultada para a realização da avaliação?

7) Esclareça o Sr. Perito, qual o número de postos de trabalhos avaliados e se considerou


todos os postos de trabalho para o cálculo do IBUTG Médio?

8) Esclareça o Sr. Perito, qual foi o valor apresentado em cada termômetro no local de
trabalho avaliado?

9) Esclareça o Sr. Perito, qual o valor mensurado do IBUTG registrado por ocasião da
vistoria do ilustre perito?

10) Esclareça o Sr. Perito, em relação a fontes emissoras de calor, caso as considere, se as
medições foram com base no definido na NR 15, Anexo 03 da Portaria 3.214/78 com o
auxílio de Termômetro de globo. Neste caso, indique a instrumentação utilizada e a
metodologia de avaliação. Especifique ainda a metodologia de calibração indicando o
instrumento para tal, inclusive marca e modelo.

11) Esclareça o Sr. Perito se o IBUTG médio encontrado, ultrapassa o limite de tolerância?

12) Informe o Sr. Perito, qual o limite de tolerância? Favor citar a legislação, norma e
portaria?