Você está na página 1de 39

Epidemiologia do Envelhecimento

“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

Envelhecer foi uma vitória


conquistada pela humanidade no
século passado cabendo ao
século XXI o desafio de o fazer
com qualidade.........al.
Enfermeira Elorides de Brito
Gerontóloga
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

O envelhecimento biológico..........
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Ocorre quando a proporção de
pessoas idosas aumenta muito em
relação aos demais grupos etários
da população.
No passado,
os países eram jovens, pois a
esperança de vida era baixa e os
casais tinham que gerar grande
número de filhos
para se contrapor aos óbitos
precoces.

Envelhecimento populacional......
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

O envelhecimento da população não basta por si só.


Viver mais é importante desde que se consiga agregar
qualidade aos anos adicionais de vida.
(VERAS, 2018)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Transição demográfica
Inicia com a redução das taxas de mortalidade e, depois
de um tempo, com a queda das taxas de natalidade,
provocando o envelhecimento da população.
Ocorreu inicialmente em países desenvolvidos........
Mais recentemente e de forma acentuada, vem
ocorrendo nos países em desenvolvimento.
(MIRANDA, 2016)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Mudança na estrutura etária no Brasil: 1970 - 1980
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Mudança na estrutura etária no Brasil: 2000 - 2010
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Projeção média da estrutura etária no Brasil: 2020-2030
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Projeção média da estrutura etária no Brasil: 2040-2050
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

O Brasil aumentou em 500% o número de pessoas ≥ 60 anos de


idade em 40 anos: 3 milhões em 1960 a 14 milhões em 2002.
2020 deverá alcançar 32 milhões e dobrar novamente para 28% do
total da população em 2062.

A Bélgica, por exemplo, foram necessários cem anos para que a


população idosa dobrasse de tamanho.
(VERAS, 2018)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Velocidade do envelhecimento da população

https://www.bndes.gov.br/wps/portal/site/home/conhecimento/noticias/noticia/envelhecimento-transicao-demografica
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Velocidade do envelhecimento da população

https://www.ecodebate.com.br/2017/12/01/as-diferentes-velocidades-do-envelhecimento-populacional-artigo-de-jose-eustaquio-diniz-
alves/
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Velocidade do envelhecimento da população
Representação da população com 60 anos e mais

1950 – 2,6 milhões – 4,9%


2020 – 29,8 milhões – 14%
2045 - (declínio população geral) – 60 milhões
2075 - (atingirá o pico) – 82 milhões – 37,7%
2100 – 75 milhões - 40%
(ALVES, 2017)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Diferença de velocidade - países desenvolvidos X países menos
desenvolvidos - queda acelerada da TMI e da TF observada nos
países menos desenvolvidos.
EXPLICAÇÃO
países desenvolvidos países menos desenvolvidos
tecnologias e hábitos na segunda metade do século XX
gradualmente apropriação acelerada

(Envelhecimento e transição demográfica | Marca-texto, 2017)


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
O REFLEXO DAS DESIGUALDADES BRASILEIRAS REFLETIDO NA
TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA
Aumento do percentual de idosos - mais avançado no Sul e
Sudeste - maior expectativa de vida em função da menor
TMI.

A TF - região Norte ainda apresenta taxa equivalente ao nível


de reposição populacional (2,1 filhos por mulher).
(Envelhecimento e transição demográfica | Marca-texto, 2017)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Indicadores relacionados ao envelhecimento populacional
das regiões do Brasil, 2000, 2015 e 2030

(Envelhecimento e transição demográfica | Marca-texto, 2017)


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Um país considerado idoso..............IE>=100...........
IE = Pessoas de 60 anos ou mais/Pessoas de 0 a 14 anos X 100

Ocorre quando o topo da pirâmide é maior do que a sua base

1975 - 1º País – Suécia


2015 – 52 países já entraram para o grupo
2030 – Brasil
2050 – Todos os países

ALVES, 2017
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
IE no mundo três categorias de idosos 1950-2100 IE no Brasil três categorias de idosos 1950-2100

UM/Pop Division: World Population Prospects 2019 https://population.un.org/wpp2019/


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
IE Mundo e o Brasil -1950 a 2100

UM/Pop Division: World Population Prospects 2019 https://population.un.org/wpp2019/


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Em 1950, havia 12 idosos para cada 100 jovens (0 - 14 anos)......
No final do século XXI haverá quase 300 idosos para cada 100
jovens de 0 -14 anos........

Quem são ELES??


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
A feminilização da população >= 60 anos no Brasil 1950-2040

World Population Prospects: The 2012 Revision, Http:um.org/unpd/wpp/index.htm


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
O poder do eleitorado idoso feminino

Tribunal Superior Eleitoral, 2018 http://www.tse.jus.br/eleitor-e-eleições/estatísticas/estatisticas


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Cresce percentual de chefes de família idosos
Cresce percentual de mulheres idosas chefes de família

IBGE. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicilios, PNADs 2001 e 2015


Onde estão trabalhando..........

https://g1.globo.com/economia/concursos-e-emprego/noticia/2018/11/18/idosos-ampliam-espaco-no-
mercado-de-trabalho-mas-so-14-tem-carteira-assinada.ghtml
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
O que nos traz de bom o envelhecimento populacional.......

Consumo excessivo; conflitos


mortais por recursos escassos
e perda de habitat e ameaça
às espécies.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Bônus demográfico

Redução da TF (nascem menos) e da TM (vivem mais) =


aumenta a proporção de pessoas em idade de trabalhar
(entre 15 e 64 anos) em relação a população dependente,
(crianças e idosos).
(ALVES, 2017)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Bônus demográfico Brasil
A mulher no mercado de trabalho - principal
componente bônus.
Estagnação econômica - continuou pobre-
envelhecer antes de enriquecer.
China, Japão, Coreia do Sul e Cingapura, entre
1960 e 1990 - economias elevadas -
enriquecer antes de envelhecer.
II CONGRESSO NACIONAL DE ENVELHECIMENTO HUMANO. ALVES, 2018
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

Lição de casa......

O Brasil ainda não resolveu os problemas típicos de uma


sociedade jovem (saneamento básico, educação básica,
etc.) e vai ter que lidar com os problemas de uma sociedade
superenvelhecida até os meados do presente século.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

O aumento da razão de dependência dos idosos requer uma população


economicamente ativa com altos níveis educacionais, produtiva, com
pleno emprego e trabalho decente...

Quanto tempo o Brasil tem para ficar 'rico' antes de ficar 'velho’? Luis Barrucho, BBC News, 18/11/2018 https://www.bbc.com/portuguese/brasil-
45735731?fbclid=IwAR0zZ2U8in1_vdw0VzPfjMQpWYEZU3m7 sm9zTCYlwLGYpomT2o7m2uHMHM
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Educação e trabalho...........

II CONGRESSO NACIONAL DE ENVELHECIMENTO HUMANO. ALVES, 2018


Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Idoso e a Saúde........

Padrão das doenças - crônicas e múltiplas, exigem


acompanhamento constante, cuidados permanentes, medicação
contínua e exames periódicos
.

Consome mais serviços de saúde, as internações hospitalares são


mais frequentes e o tempo de ocupação do leito é maior.

(VERAS, 2018)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

Marco legal das políticas para o idoso no Brasil:

Início do século XX - asilos.

1960 – SESC – serviço assistencial.

1988 – Constituição Federal – garantia dos direitos


em diversos artigos.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

Marco legal das políticas para o idoso no Brasil:

1994 – Política Nacional do Idoso (PNI) - Lei nº 8842 –


convívio em família; => de 60 anos; sujeito de direitos;
atendimento diferenciado.

1999 – Política Nacional de Saúde do Idoso (PNSI) -


Portaria 1395 - envelhecimento saudável no meio em
que vive. Preservar a independência.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Marco legal das políticas para o idoso no Brasil:
2003 – Estatuto do Idoso – consolida os direitos de
diversas leis (saúde, educação, cultura, esporte e lazer,
profissionalização, trabalho, previdência social,
assistência social, habitação, transporte, fiscalização de
entidades de atendimento e tipificação de crimes
contra a pessoa idosa).

2006 - Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa


(PNSPI) - Portaria nº 2528 - PNSI, + implementação das
ações e indicando as responsabilidades institucionais
para o alcance da proposta.
(VERAS, 2018)
Modelo atual

Foco na doença, fragmentado, com multiplicação de consultas


de especialistas, informação não compartilhada, inúmeros
fármacos, exames clínicos e imagens, etc. Sistema
sobrecarregado, forte impacto financeiro.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Representação gráfica do modelo proposto

(VERAS, 2018)
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
O Brasil está aproveitando o Bônus Demográfico
O aumento da razão de
dependência dos idosos requer
um população economicamente A solidariedade intergeracional funciona bem quando todas
ativa com altos níveis as coortes etárias estão se beneficiando dos frutos da
educacionais, produtiva e com produtividade econômica e da saúde do meio ambiente;
pleno emprego e trabalho É inviável uma geração querer tirar vantagem de outra
decente... geração;
Os direitos adquiridos da geração mais idosa só podem ser
garantidos pela efetivação das obrigações herdadas pelas
gerações mais jovens;
O pacto intergeracional deve beneficiar os bens comuns e a
prosperidade de todos.

Quanto tempo o Brasil tem para ficar 'rico' antes de ficar 'velho’? Luis Barrucho, BBC News, 18/11/2018 https://www.bbc.com/portuguese/brasil-
45735731?fbclid=IwAR0zZ2U8in1_vdw0VzPfjMQpWYEZU3m7-sm9zTCYlwLGYpomT2o7m2uHMHM
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”
Concluindo.....
Sustentabilidade ao sistema de saúde - perseguir o
envelhecimento saudável repensando e redesenhando o
cuidado ao idoso, com foco no indivíduo.

Aproveitar o bônus demográfico - melhorar saúde,


educação, emprego e capacidade de poupança dos idosos.

Promover o avanço da produtividade geral da economia


respeitando o meio ambiente - solidariedade entre todos os
grupos etários no convívio laboral e social.
Epidemiologia do Envelhecimento
“O Brasil está envelhecendo: e agora?”

OBRIGADA
eloridesbrito@gmail.com

Você também pode gostar