Você está na página 1de 9

ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

Índice

Introdução .................................................................................................................. 3

Âmbito do manual..................................................................................................... 3

Objetivos ................................................................................................................. 3

Conteúdos programáticos .......................................................................................... 3

Carga horária ........................................................................................................... 4

1.Gestão empresarial .................................................................................................... 5

1.1. A evolução histórica do conceito .......................................................................... 6

1.2. A tomada de decisões na base da gestão moderna ............................................... 9

1.3. Introdução às ferramentas clássicas de gestão ................................................... 10

1.3.1. Do Taylorismo ao TQM ............................................................................... 10

1.3.2. Ferramentas de diagnóstico - “Os diagramas em espinha” ............................. 11

1.3.3. Ferramentas de atribuição de prioridades - “O método ABC” .......................... 12

1.3.4. Ferramentas de análise - “A análise SWOT” .................................................. 13

1.3.5. As cinco forças competitivas de Porter ......................................................... 16

1.3.6. Ferramentas de decisões estratégicas - “Matriz de BCG” ................................ 17

2. Conceito de empresa .............................................................................................. 19

2.1. Caracterização da empresa ............................................................................... 20

2.2. Critérios de classificação das empresas .............................................................. 22

2.3. Organização da empresa ................................................................................... 32

3. Constituição de uma empresa.................................................................................. 45

Apoios e incentivos..................................................................................................... 50

Incentivos Nacionais ................................................................................................... 50

Apoios Comunitários ................................................................................................... 51

1
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

4. Os contratos comerciais .......................................................................................... 52

4.1. O caso dos contratos de allotment no turismo .................................................... 53

5. Documentos comerciais .......................................................................................... 57

5.1. Títulos de crédito e operações bancárias ............................................................ 58

Bibliografia ................................................................................................................ 62

Termos e condições de utilização................................................................................. 63

2
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

Introdução

Âmbito do manual

O presente manual foi concebido como instrumento de apoio à unidade de formação de curta
duração nº 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão, de acordo com o
Catálogo Nacional de Qualificações.

Objetivos

• Tomar conhecimento da evolução da gestão empresarial.


• Tomar conhecimento das medidas institucionais e legais necessárias para a criação
de uma empresa.

Conteúdos programáticos

• Gestão empresarial
o A evolução histórica do conceito
o A tomada de decisões na base da gestão moderna
o Introdução às ferramentas clássicas de gestão
 - Do Taylorismo ao TQM
 - Ferramentas de diagnóstico - “Os diagramas em espinha”
 - Ferramentas de atribuição de prioridades - “O método ABC”
 - Ferramentas de análise - “A análise SWOT”
 - As cinco forças competitivas de Porter
 - Ferramentas de decisões estratégicas - “Matriz de BCG”
• Conceito de empresa
o Caracterização da empresa

3
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

o Critérios de classificação das empresas


o Organização da empresa
• Constituição de uma empresa
o Os contratos comerciais
 O caso dos contratos de allotment no turismo
• Documentos comerciais
• Títulos de crédito e operações bancárias

Carga horária

• 25 horas

4
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

1.Gestão empresarial

5
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

1.1. A evolução histórica do conceito

Conceito de empresa

A empresa é o resultado dum conjunto de recursos organizados, que atuando no mercado


fornece produtos e / ou serviços em troca duma retribuição monetária, visando a criação de
riqueza.

A Empresa é ainda uma Entidade com enquadramento Jurídico, Económico e Social.


• O Enquadramento jurídico define a forma de constituição e funcionamento do ponto
de vista legal.
• O enquadramento económico garante que a Empresa cumpre os seus objetivos de
criação de riqueza.
• O enquadramento social garante que a Empresa cumpre com os objetivos de
desenvolvimento da Sociedade em que se insere.

O objetivo é que o capital "B" que entra na Empresa como resultado da venda dos seus
produtos ou serviços, seja superior ao capital "A" que a Empresa despende na obtenção dos
recursos necessários à sua laboração.

Evolução histórica do conceito de empresa

6
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

Fase artesanal
• Desde a antiguidade, até 1780, o regime de produção esteve limitado a artesãos e a
mão-de-obra intensiva e não qualificada, principalmente mais direcionada para a
agricultura.
• O sistema de comércio era de troca por troca (trocas locais).

Fase da industrialização
• Com a revolução industrial, as empresas sofreram um processo de industrialização
ligado as máquinas.
• O uso do carvão, nova fonte de energia, veio permitir um enorme desenvolvimento
nos países. A empresa assume um papel relevante no desenvolvimento das
sociedades, introduzindo novas máquinas consoante o material que se queria
produzir, como a máquina de fiar, tear, maquina a vapor, locomotivas, etc.

Fase de desenvolvimento industrial


• Os dois expoentes marcantes desta fase, são o aço e a eletricidade.
• O ferro é substituído pelo aço, como fonte básica da indústria, e o vapor é substituído
pela eletricidade e derivados de petróleo.
• O desenvolvimento do motor de explosão e do motor elétrico, estabelecem uma
relação entre a ciência e o avanço tecnológico das empresas. Isto fez com que se
desse o desenvolvimento dos transportes e das comunicações, o que permitiu
encurtar as distâncias entre diferentes áreas, o que permite o desenvolvimento rápido
do intercâmbio comercial.

Fase do Gigantismo Industrial


• Nesta fase as empresas atingem enormes proporções, passando a atuar em
operações de âmbito internacional e multinacional.
• Surgem os navios cada vez mais sofisticados e de grande porte, grandes redes
ferroviárias e autoestradas cada vez mais acessíveis.
• O automóvel e o avião tornam-se veículos cada vez mais usuais / correntes, e com o
aparecimento da televisão as distâncias encurtam-se.

Fase de incerteza Pós – Moderna

7
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

• Hoje em dia, as empresas encontram-se num clima de turbulência. O ambiente


externo das empresas caracteriza-se por uma complexidade e mobilidade que os
empresários não conseguem “gerir” de forma adequada. Nesta fase, as empresas
lutam com escassez de recursos e cada vez é mais difícil colocar os produtos no
mercado.
• As empresas tendem a estagnar, o que não é recomendável, pois a empresa deve
assumir-se como um sistema aberto a mudanças e inovações a todos os níveis,
nomeadamente a nível de produtos internos e gestão.

8
ufcd 4317 – A empresa: ferramentas clássicas de gestão

1.2. A tomada de decisões na base da gestão moderna

O desenvolvimento organizacional nada mais é que as mudanças que ocorrem dentro de


uma organização em que as organizações devem voltar-se mais para as pessoas do que para
as técnicas e recursos, para conseguir uma maior capacidade de realizar as mudanças
necessárias ao desenvolvimento organizacional.

O Desenvolvimento Organizacional é uma resposta da organização às mudanças. É um


esforço educacional muito complexo, destinado a mudar atitudes, valores, comportamentos
e a estrutura da organização, de tal maneira que esta possa adaptar-se melhor às novas
conjunturas, mercados, tecnologias, problemas e desafios que estão a surgir em crescente
progressão.