Você está na página 1de 37

Como Iniciar os

Estudos de
Interpretação do Petit
Lenormand

A Arte e o Ofício
Manual Gratuito
Olá! Se você está lendo esse manual,
provavelmente você deve fazer parte da
minha Lista VIP, onde compartilho
material de estudos com quem tem
interesse no aprendizado do Petit
Lenormand, mas caso não tenha
recebido pelo e-mail, inscreva-se agora
mesmo na minha Lista VIP, para que não
perca um conteúdo sequer.

INSCREVER-SE
Espero que você aproveite essas dicas,
pois foram dadas com muito carinho e
desejo profundamente que você se torne
um (a) profissional de sucesso na
cartomancia.
Cartomancia...

Nesse manual, irei dar-lhe algumas dicas de


como você pode iniciar seus estudos na
interpretação oracular do Petit Lenormand,
também conhecido como Baralho Cigano.
É importante salientar as diferenças entre um
deck e outro e fazer uma explicação, mesmo
que breve sobre o que é a cartomancia.

Nesse manual, irei trabalhar com vocês o


Início dos estudos da interpretação oracular,
ou seja, falaremos em como se organizar, para
desenvolver o aprendizado da interpretação
do oraculo de cartas (cartomancia). Porém irei
usar com vocês o Petit Lenormand como
exemplo, toda via, esse manual lhe servirá
para organizar-se para o aprendizado de outro
oraculo como o Tarot e as variações do
Baralho Cigano e até mesmo outros
Lenormands.
Antes de qualquer coisa!

Antes de darmos início, preciso que você faça


algo e que leve muito a sério, pois isso será
determinante para seu desenvolvimento com
o aprendizado do Petit Lenormand e um
grande divisor de águas.

Preciso que faça isso, pois o contato com o


Petit Lenormand não pode ser algo fútil, esse
oráculo é uma verdadeira e poderosa
ferramenta para o despertar do
autoconhecimento e desenvolvimento da
autocura, por isso, não pule essa etapa, pois é
a primeira e mais importante.

Tudo o que você precisa fazer antes de


continuar é; perguntar-se o porquê que você
quer apender a interpretar as lâminas do petit
lenormand.

Ao responder essa pergunta, você saberá se


deve continuar a ler esse manual, ou se deve
excluí-lo.
Boa Sorte!
Ufa! Fiquei Contente.

Se você está lendo essa parte, é porquê


realmente quer continuar a aprender sobre a
interpretação do petit lenormand e
certamente seus motivos são nobres, Ufa!
Fiquei contente ao sentir isso.

Acho que enfim, poderei lhe entregar com


total satisfação essas dicas. São passos
importantes que se seguidos, podem te tornar
um (a) cartomante de excelência.

São dicas que após anos de experiencia eu


mesmo aprendi e segui, se eu as soubesse
desde o início, teria me desenvolvido mais
rápido ainda!

Mas tudo bem, o importante é que servirão


para você. Aproveite!
Dica 1

Defina um motivo pelo qual você quer


aprender a fazer as interpretações do
Petit Lenormand.
Seu motivo é forte o suficiente para fazê-
lo (a) superar as barreiras que por
ventura você as encontre no trilhar dessa
jornada?

Ao iniciar seus estudos, você aceita


passar pelo processo de
autoconhecimento e autocura que o
oráculo lhe proporcionará?

Se sim, desejo-lhe sorte. Será um


processo divino!
Dica 2
Compre um Petit Lenormand novo!

Eu indico um baralho petit lenormand,


pois é o mais popular e você achará com
mais facilidade vídeos, fotos, posts, pdfs
entre outros arquivos sobre esse deck.
Existe muitas variações e os detalhes
nesse caso fazem sim, muita diferença,
inclusive na hora de fazer as
interpretações.

Compre um novo de preferência, pois


assim, você cria um laço único, uma
história com seu deck.
Ainda tenho o meu primeiro deck, com
mais de 10 anos!
Dica 3
Preste atenção no seu deck.

De preferência, confira o deck ainda na


loja, antes de compra-lo. Confira se todas
as lâminas estão na caixa e se não há
repetições ou laminas faltando. Esse deck
deve vim com 36 lâminas. Dê preferência
ao deck que vier com um livro ou livreto
falando sobre o deck.

Após conferir, realize a compra.


Lembrando essas são dicas e não
obrigações, faça o que estiver ao seu
alcance.
Dica 4
Leia, releia e guarde o livro, livreto ou
manual que vier com o deck.

Um erro que infelizmente a maioria das


pessoas cometem e que é terrível,
desprezar o livro que vem na caixa do
baralho.

Mesmo sendo um petit lenormand,


deve-se dar atenção ao manual
informativo que vier na caixa, por mais
simples que seja. Esse manual pode
trazer alguma particularidade sobre a
versão que você adquiriu e isso pode ser
um diferencial nas futuras interpretações
e um divisor de águas no seu estudo.
Dica 5
Tenha um caderno exclusivo para suas
anotações de estudos.

Isso é super importante e necessário.


Antes de se entupir de coisas vindas da
internet, você precisa tirar suas primeiras
impressões sobre o seu deck. Por tanto, o
primeiro material que você deve ler é o
que vem na caixa do baralho (se vier).
Após isso, analise, medite com cada
lâmina e escreva suas impressões, o que
elas transmitem para você? Não importa
certo ou errado agora, o importante é
tentar se sintonizar com cada lâmina.
Agora pule essa parte e se entupa de
besteiras que você achar pela internet...
(Pelo amor de Deus, não faça isso!)
Dica 6
Contato diário com o Oráculo.

É de suma importância que, em especial


no início dos estudos, você tenha um
contato diário com o Petit Lenormand.
Não importa quanto tempo, ao menos 10
minutos para selecionar uma lâmina e
depois você pode tentar relacionar ao
seu dia.

Não deixe para estudar ao máximo num


dia apenas, pois, isso fará com que o
aprendizado seja mais lento e
inconstante. As chances de esquecer o
que aprendeu são bem altas.
Dica 7
Meditação diária com uma lâmina.

Essa é uma forma muito interessante de


desenvolver suas habilidades com o
oráculo e ainda aumentar sua
sensibilidade e intuição.

Logo pela manhã, tranquilize a sua


mente, peça uma lâmina ao universo, um
ensinamento ou conselho, por exemplo.
Embaralhe e selecione aleatoriamente
uma lâmina. Anote o dia em que tirou e
qual lâmina saiu, anote em seu caderno
de estudos. Ao final do dia, reflita sobre
seu dia e a relação com a lâmina.
Dica 8
Material diversificado.

Bom, aqui você deve tomar cuidado. É


bom ver materiais de autores diferentes,
porém eu só recomendo fazer isso,
quando você já tiver uma noção mais
sólida sobre o assunto.
Ver várias opiniões e correntes de
pensamentos diferentes, podem lhe
confundir a mente e lhe trazer um
aprendizado deturpado, errôneo e
inapropriado.
Em especial, deve-se ter cuidado com
autores religiosos, para que os mesmos
não imponham sua crença e fé como
verdades absolutas. Saiba filtrar.
Dica 9
Métodos de interpretação.

Eu recomendo que você aprenda ao


menos 4 métodos de interpretação e os
use em seus estudos.

Os métodos irão lhe ajudar a organizar o


pensamento e ter uma visão e percepção
melhor sobre a resposta dada pelo
oráculo.

As leituras de forma intuitiva são válidas,


mas confundem muito o iniciante, pois
requer um nível mais elevado de
conhecimento sobre o oráculo e
principalmente, sobre si mesmo (a).
Dica 10
Fazer perguntas fictícias e anotar.

Se você quer ver progresso, siga a risca


essa dica!
Um dos fatores decisivos para uma boa
interpretação é a elaboração da
pergunta, isso mesmo. Sem pergunta não
há resposta.

Crie perguntas fictícias, com personagens


e tudo mais, depois utilizando-se de um
método de interpretação, disponha as
lâminas e anote tudo!

Depois é só comparar o progresso.


Dica 11
Jogar para conhecidos.

Sei que muitos terão receio, mas essa é


uma ótima maneira de eliminar:
• O medo de falar o que ver
• O medo de errar
• A autodesconfiança
• A vergonha
• Falta de boa memória

Além disso, você terá um feedback


imediato e poderá anotar e depois ver se
está progredindo.
Dica 12
Não tenha vergonha de usar suas
anotações durante um atendimento.

Ao estar consultando alguém é normal


ficar nervoso (a), ansioso (a) e o pior...
Esquecer os significados das lâminas.
Por isso, até que você se sinta confortável
o bastante para consultar alguém sem
precisar ficar forçando a mente para
lembrar do significado das lâminas, use
suas anotações.
E pode? Pode e deve, melhor fazer isso,
do que inventar mentiras e cair no
descrédito, por causa do medo.
Não há nada de errado em fazer isso.
Dica 13
Definir um local para estudos.

Essa parece ser besteira, mas não é.


Quando criamos um hábito, mais
rapidamente fixamos isso na nossa
memória, a final, tornar-se um hábito.

Estudar no mesmo lugar, fará com que


sua mente entenda o que você está
fazendo e repetir isso, condicionará sua
mente a focar no que você estará
fazendo. Por consequência, você
absorverá e reterá mais conhecimento.
Dica 14
Usar um cristal para auxiliar nos estudos.

Ter um quartzo de cristal para estudar é


fantástico ainda mais se você for
sensitivo (a) ou empata.

Você pode usar outros cristais também,


basta pesquisar na internet. Eu
recomendo ter ao menos um quartzo de
cristal de ponta, para lhe acompanhar em
todos os seus estudos e atendimentos.
Sodalita, quartzo azul, amazonita,
ametista e quartzo branco, podem ser
muito úteis também. Lhe ajudarão a
memorizar, a tranquilizar a mente e etc...
Dica 15
Dedicação, determinação e entusiasmo.

Aprender os mistérios do Petit


Lenormand não é e não será tarefa fácil,
certamente você começará como a
maioria começa. Com empolgação,
entusiasmo e a todo vapor... Mas, ao
deparar-se com algumas dificuldades e a
rotina do dia-a-dia, essa empolgação,
esse gás pode ir acabando, esse fogo do
entusiasmo pode ir se esfriando.
É importante manter o foco e a
determinação para que você não desista
do seu desejo de aprender a interpretar
o Petit Lenormand.
Dica 16
Invista em material de qualidade.

Não tenha pressa, na verdade você não


precisará da pressa e ansiedade para
nada!

Tudo o que você precisa é ter um bom


senso crítico e escolher bons livros, bons
decks, bons cursos, ou seja, fazer bons
investimentos que sejam duráveis e
agreguem conhecimento, em especial se
você pretende usas a cartomancia para
atendimentos profissionais.
Dica 17
Hábito de ler.

Para quem quer aprender sobre


cartomancia, gostar de ler é
fundamental, mas além disso, deve-se
criar o hábito de ler e ler sobre o assunto.
Será preciso fazer pesquisar, anotações,
desenvolver senso crítico e separar o que
lhe serve e o que não lhe serve.

O hábito de ler sobre esse tema lhe dará


entre outras coisas, um vocabulário mais
adequado para um (a) cartomante e
consequentemente seus atendimentos
não terão uma linguagem superficial.
Dica 18
Roteiro de Atendimento.

Esse é bem legal, pois, aqui você irá


deixar a sua marca, seu ritmo e seu jeito.
Seus clientes lembrarão de você dessa
forma quando forem lhe indicar para
aguem ou quando forem lhe contatar
para um novo atendimento.

Defina início, meio e fim do atendimento.


No início, sempre faça uma breve
introdução sobre o que é cartomancia e
qual a sua forma de trabalho.
No término do atendimento, relembre
pontos importantes para seu (a) cliente e
como fazer para entrar em contato com
você novamente.
Dica 19
Comportamento.

Tanto com as pessoas do seu dia-a-dia,


quanto na internet, se você pretende ser
visto e respeitado (a) como um
cartomante de verdade, comporte-se
como tal.
Nas redes sociais, compartilhe material
de qualidade no seu feed.
Evite compartilhar coisas ruins como
tragédias, mortes, brigas e tudo o que
traz más energias.
Compartilhe coisas agradáveis para que
as pessoas que vejam seu feed, sintam-se
bem e confortáveis.
Dica 20
Desenvolvimento pessoal.

Aplique os ensinamentos do Petit


Lenormand a sua vida, ao seu cotidiano e
permita que com isso você desenvolva
sua espiritualidade, sua ética em todos
os setores, sua sensibilidade e a
autoconsciência.

Esse processo pode ser difícil, mas vale a


pena, e é edificante.

Não se deixe iludir com falsas


possibilidades ou com a ganancia e o
ego. Cuidado!
Dicas Especiais
de Como fazer...
Como jogar para mim mesmo (a)

Uma dúvida que muitos têm é sobe se pode


fazer autoatendimento ou melhor, se podem
“jogar as cartas” para si mesmo (a). A resposta
é, sim! Podem e devem! E sim, funciona.

O grande problema está em como fazem isso,


pois, essa não é uma tarefa fácil e muitas
pessoas escolhem a forma errada de tirar as
cartas para elas mesmas.

Muitas pessoas e também alunos (as) me


pedem “pitacos” sobre uma tiragem que
fizeram sobre si mesmos, porém de forma
errada, então para evitar isso e facilitar a sua
compreensão, vou ensinar um método de
tiragem para se mesmo (a) e que não irá gerar
confusão.
Há duas formas de fazer interpretações, uma é
por adivinhação (mancia) a outra é por
terapêutica (autoconhecimento).

O erro está em fazer adivinhações para si mesmo


(a), pois a tendência é, ou favorecer-se ou se
estiver muito pessimista, depreciar-se.

Por tanto a forma correta de fazer tiragens para si


mesmo (a) é usando a forma terapêutica.

Como diferenciar uma da outra...

Vou ter um bom dia hoje? (Adivinhação)


O que devo fazer para ter um bom dia? (
Terapêutica)

Note na diferente forma de fazer a pergunta.


Sempre que for “jogar as cartas para si mesmo (a),
preste atenção na forma de perguntar e sempre
peça conselhos em como melhorar algo.
Como fazer perguntas ao Oráculo?

Um fator determinante para a compreensão


da mensagem do oráculo está na pergunta
feita ao mesmo.
Para evitar equívocos ou dúvidas na hora de
interpretar as lâminas, aprenda a fazer
perguntas ao oráculo.

Aqui vão algumas sugestões:

• Faça perguntas claras e objetivas.


• Não faça perguntas de sim ou não na mesma
frase. Pergunte uma de cada vez.
• Determine um tempo para os
acontecimentos, se for possível.
• Use verbos de determinem sua necessidade:
Devo, Posso, Irei, Terei, Ocorrerá...
Método de Interpretação

Métodos de interpretações servem para


organizar os pensamentos, organizar a
energia que se apresenta na mesa de
jogo.
As mandalas como são chamados os
formatos de métodos de interpretações
são formas de organizar as mensagens
do oráculo.

É como se tirássemos uma foto do


campo energético do (a) clientes ou
nosso mesmo, no momento do
embaralhamento e quando dispomos
na mesa, no formato escolhido, é como
se fosse a foto do campo energético.

Conseguiu entender?
Peladan – Método do
Interpretação
• Esse método pode ser usado em todos
os casos e situações, é um dos métodos
mais completos e simples que conheço
e é certamente um dos meus favoritos!
Há algumas variações desse método,
vou ensinar o que eu uso, que não foge
do método primário.

1 5 2

4
3

1 5 2

1. O que está positivo (operando)


2. O que está negativo (não
operando)
3. O rumo que está tomando
4. O possível resultado
5. A situação. O que o Consulente tem
em mente sobre a questão.
Esse método nos revela, qual energia
está agindo (operando) e qual não está
agindo (não operando), o rumo que a
situação está tomando, o que podemos
esperar como resultado e a casa
central, revela o que o consulente tem
consciência em relação a situação.
Então, era isso...

Então, era isso que eu tinha a falar


nesse momento, fico super contente
em saber que você leu esse manual,
espero que você siga essas dicas e que
seu desenvolvimento seja progressivo e
claro.

Desejo lhe sucesso.

E se você gostou desse manual e quer


receber mais conteúdo gratuito, basta
se inscrever na minha lista especial,
chamada, Cartomantes de Sucesso,
para isso, clique no botão de inscrição.

Inscrever-se
Sobre o Autor
Lucas Teles é médium e terapeuta
holístico.
Começou a fazer atendimentos e
oraculares com 13 anos de idade.
Ao fazer os atendimentos, consegui
pontualmente ajudar as pessoas que lhe
procuravam em busca de auxilio
espiritual.
Conciliou a mediunidade empática com
as leituras vibracionais e oraculares.
Hoje, aos 24 anos de idade, realiza
cursos na área holística e também,
realiza atendimentos oraculares e outras
atividades ligadas a sua mediunidade.
Técnicas
Terapeuta Naturopata, Terapeuta
Ministrante e Organizador de curso.

Tarot
Gypsy Lenormand
Petit Lenormand

Formações em:
Psicoterapia Holística Integrada;
Práticas Holísticas e Qualidade de Vida;
Distúrbios do Sono;
Aromaterapia;
Cristaloterapia;
Cromoterapia;
Florais de Bach;
Entre outras técnicas…
Obrigado!
Continue comigo!

Site:
www.aarteeooficio.com
Facebook:
www.facebook.com/aarteeooficio
Instagram:
www.instagram.com/aarteeooficio
WhatsApp: 71 9 8546-7920
E-mail: contato@aarteeooficio.com