Você está na página 1de 7

Planet Transition

3 Dias de Escuridão por Edgar Cayce


1319

O silêncio das almas mostra a ação dos Espíritos de Luz em todo o planeta. Para que

os irmãos saibam o que vão enfrentar, coisas simples dentro de cada um se deve ter.

Primeiro, a segurança em si mesmo de que vossos corpos são energia. O corpo

humano gera energia. Vide, que irmãos sentem arrepios, sentem eletricidade pelo

corpo. A análise matemática científica mostra que isso é energia. Não são apenas

reações que os descrentes querem explicar para não aceitar a formação do ser divino,

o ser humano, que recebe o invólucro capaz de gerar sua própria energia através do

conhecimento, através da mente. A mente quando mentaliza energia, ela gera energia;

quando mentaliza força, gera força; quando mentaliza a cura, gera cura e quando tem

vontade de gerar tais energias, mesmo que haja escuridão haverá a claridade da aura

de cada um, e as auras emanam luz de uma forma natural. Daí a sugestão aos irmãos

que estudem sobre efeitos físicos, emissão de calor corpóreo mesmo que seja através

da fricção das mãos. É possível gerar energia dentro do próprio corpo, diante das

situações que irão se deparar com o tempo necessário de preparo.

Tais informações que lhe são dadas nesse momento é para quê vós crendo se

preparem, não crendo também se preparem para o que vem. Não vem uma desgraça

ao mundo. Jamais o Pai Celestial trouxe desgraças ao mundo, mas vem as mudanças
necessárias para o bem da Humanidade, para o bem de todos nós espíritos, e de

todos nós, homens e mulheres reencarnados e todo ser vivente, do mais humilde, do

mais simples dos microrganismos às formas de vida existentes no planeta; das

plantas, dos animais cujo alguns preocupam-se com eles do qual dentro desse plano

evolutivo não haverá perdas; não sofrerão ao abandono que uma mente cruel assim o

faz, quando se abandona uma planta porque ela perdeu a flor; como se abandona um

animal quando o mesmo adoeceu.

O bom senso do bom samaritano faz com que se cuide da planta que apenas perdeu a

flor e que precisa apenas retomar ao seu campo de origem: à terra e ao sol para dali o

mesmo organismo – a planta – buscar nutrientes a fim de se refazer e continuar o seu

ciclo natural de vida, expandindo alegria, beleza, harmonia ao Planeta. Da mesma

forma aqueles que abandonam e aqueles que acolhem os animais; sejam eles quais

forem, dos que preservam a vida, não importa se estejam nos rios, nos oceanos, nos

ares ou nas terras, ou nas entranhas da terra estão preservando a unidade planetária.

Isso tudo entra no planejamento do ciclo evolutivo do Planeta. Lembrando aos irmãos:

destruição não haverá; haverá mudanças. Mudanças que vão confrontar com a

interferência humana no clima, na terra, nos rios, nos oceanos.

Não estranhem, os irmãos, se os oceanos começarem a expurgar o lixo que fora

depositado em seu leito. Não estranhem se as erupções vulcânicas nos oceanos, no

fundo dos oceanos, começarem a trazer ao litoral dos países o lixo do qual os seres

humanos ali depositaram contando que haveria a economia na manipulação dos

mesmos, achando que a natureza com o próprio oceano sucumbiria os tais.

São os sinais que os irmãos precisam ver. Começarão a observar a salinização dos rios,

não apenas ali no entroncamento dos rios com os mares, mas a dezenas e dezenas de

quilômetros longe do mar; dos grandes rios sofrendo efeito da salinização e uma

mistura híbrida dos peixes e dos microrganismos; dos que vivem em água doce e dos

que vivem na água do mar, predominando os seres que habitam o mar dentro desses

ciclos do qual explorarão esse novo campo de subtração alimentar.

Da mesma forma, verão rios transformados por químicas que são demandadas por

seres humanos que buscam na extração de ouro e minérios, e não usam do manuseio
adequado na exploração de tais minerais contaminando com químicas pesadas o leito

dos rios, das terras que já causam danos à saúde dos povos indígenas e dos próprios

seres humanos que habitam nessas cidades próximas a esses locais de extração de

minérios no mundo todo, sofrendo com distúrbios psíquicos e ou deformações cujo

motivo pelo qual em suas reencarnações também ali escolheram nascer para

poderem quitar os seus débitos. Não havendo, aos irmãos, portanto, atos que não

sejam programados, para que cada um refaça a sua forma ou seu jeito de enxergar a

vida com respeito ao meio ambiente; e todos quantos desrespeitaram o meio

ambiente ao longo desses séculos, estão e estarão reencarnando desses pontos, a fim

de que os mesmos consigam ver o mal que causaram aos outros dentro de si

mesmos. Não é vingança, é a lei do retorno.

Aos irmãos, que também sentirão o efeito colateral nos ares já nesses próximos dias,

nas próximas semanas, nos próximos meses, nos próximos anos um odor de enxofre

que tomará conta da superfície terrestre. Alguns atribuindo isso às erupções

vulcânicas que sistematicamente começarão a expelir tal elemento em abundância

nas regiões onde estão, e que serão levados pelos guias dos ventos a todo ciclo e a

todos os círculos de vida na Terra.

Isso são apenas os sinais que diante da aproximação deste planeta, e repetimos, está

em seu ciclo natural de curso, não causará mudanças de rota dos planetas que se

avizinham a essa galáxia e às galáxias por onde o mesmo, dentro de sua órbita, já

tenha passado.

Quando se está dentro dessa ambiência, dessa cápsula que é criada para que possa se

enxergar além das fronteiras terrestres, a audição torna-se hipersensível ao ponto de

captar sons com ondas inaudíveis até mesmo aos animais mais sensíveis às vibrações

da terra.

É preciso que os irmãos entendam, de todo o planeta, que é


necessário que se cuide da saúde (já saberão o porquê) e que
deem prioridades à sua saúde, à sua qualidade de vida íntima,
ao seu estado de vida íntima ante aos conceitos gerados de
riqueza e prosperidade pelos seres humanos. A riqueza é um
bem que deve trazer o bem-estar a quem o possui. E a saúde é a
riqueza que transfere ao homem a segurança que a ambiência
material não lhe dá. Priorizem a saúde mental, a saúde
espiritual porque isso se refletirá à saúde física em que todos
os países aonde os irmãos estão nos acompanhando, há meios
para que cada um absorva tais conhecimentos dentro das
regiões onde estão, para a manutenção da saúde do corpo
físico, em todos os lugares do Planeta. Há sim, condições de que
a saúde supere os problemas gerados por essa mudança que
causarão alguns cataclismas em todo o mundo.

A saúde é o bem a ser preservado: a saúde mental, a saúde


solidária, a saúde física. O mental é o espiritual, é a segurança
que cada um traz em si mesmo. Conhecimento que se tem,
torna o remédio preventivo; e sabendo o que está acontecendo,
cada um receberá da própria energia gerada em si mesmo, a
segurança nutricional com o fator fluídico que cada um terá.
Fatores fluídicos.

Dos pontos principais da saúde a serem cuidados, em relação à


circulação do sangue, a estrutura óssea e a saúde mental. Para
o respiratório já estão devidamente orientados o que fazer.
Mas, deem mais importância à estrutura óssea, ao circulatório
e à saúde mental, lembrando-se que não há perdas, não há
morte e não há desastres. Há apenas mudanças, já planejadas,
desde a criação do planeta Terra há milhões de anos.

Quando o Planeta já for visto à luz do dia, em questão de 7 anos/7 anos e meio, ele já

estará transitando entre o sol e a terra. É o período pelo qual os irmãos devem se

preocupar, não exagerando, porque o exagero mostra a mediocridade e a

incapacidade de viver em sociedade nesses dias.

Prestemos atenção ao que acontece com a Terra. Sem a luz do sol a Terra esfria.

Havendo uma interrupção da luz do sol, a Terra vai ficar gelada; mesmo com o núcleo
da Terra que é alimentado pelo sol na absorção dos raios solares, são encaminhadas

essas energias solares para o núcleo da Terra, para que a terra consiga manter a

temperatura da crosta terrestre em todos os continentes nos oceanos, nos rios de

acordo com o padrão e a qualidade, e a forma de vida ali existente.

Os irmãos devem se preparar para um aparente frio inacabado. Muito frio. Um frio

jamais sentido até mesmo por aqueles que vivem nos polos, como que o Planeta todo

entrando numa era glacial. Por isso, a importância de manterem a circulação, os ossos

e a razão. O sangue e os ossos são os que mantém o organismo ativo e por onde

circula a energia do corpo, o sangue e os ossos. A razão, a mente, será o espírito que

coordenará a distribuição de energia através do próprio corpo para as partes do corpo

por onde se sentirão gélidos. Cuidarem principalmente dos pés, da sola dos pés, das

mãos e as costas, é onde está a espinha dorsal. O frio se tornará um grande inimigo.

Daí a razão pelo qual os irmãos já receberam orientações, dentro do que Nossa

Senhora de Fátima já nos idos do século passado deixara escrito aos irmãos desde

aquele período que era para ir preparando a Humanidade para tais dias. A

humanidade já teve mais de 100 anos para se preparar e pouca coisa foi feita pelas

descrenças, pelo medo principalmente de se passar tais informações adiante. Essa é a

razão pela qual Nossa Senhora pede sobre as velas santas, não sair de casa que não

haverá luz e não haverá calor fora de casa. As paredes por mais impróprias que seja o

frio, ainda assim conseguirão manter um certo calor; e o calor humano, o calor entre

pessoas é o que vai ajudar cada um a suportar o frio.

Aos que se preocupam com os animais, os mesmos têm em seu aparelho biológico,

um sistema de defesa que muitos deles adentrarão em estado de hibernação.

Prestem atenção que os animais, mesmo os domésticos, tem um senso de hibernação

muito grande, mesmo os animais selvagens, mesmo aqueles que estão nos rios,

mesmo os peixes que mesmo estando em estado de congelamento conseguem

renascer após um breve aquecimento. Lembrando aos irmãos, que a transição foi

planejada antes que houvesse Terra, oferecendo aos irmãos condições de evoluir

pelos ciclos naturais. Alguns questionam, por que isso? Porque os habitantes da terra

partem dos ciclos mais primitivos da criação enquanto que em outros planetas que

estão passando por transições, os irmãos já ultrapassaram estas formas humanas de


entendimento e de vida. Os seres humanos buscam progresso material, os seres que

habitam essas galáxias vizinhas buscam conhecimento universal. Não se preocupam

com moradias grandes, mas se preocupam apenas em ter moradias úteis, sabendo da

questão de tempo e ocupação de espaço, de que lhes são úteis para as suas

pesquisas, seus estudos e os fundamentos de suas vidas. Os seres humanos que se

preocupam apenas com quantidades, mostram apenas que são primitivos em seu

senso de poder. Poder do qual não tem em suas vidas e perdem muito tempo em

relação a terem tantas casas gigantescas do qual pouca utilidade têm de fato, para a

manutenção de sua vida.

O planeta e os seres humanos vão mudar as suas concepções após passar esse

período de três dias e três noites que parecerão ser mais de anos sem luz, devido ao

frio e a necessidade de calor e vida que cada um terá. Não se trata apenas de

escurecer o dia ou de escurecer a noite; corta-se o fluxo do calor do planeta, e por

estar sobre influência de um astro magnético poderoso a interferência magnética

desligará satélites, motores de quaisquer origens que for. Apenas os meios minerais,

como já lhes foram indicados, poderão gerar fontes de calor ínfima, mas necessários à

vida na Terra.

Após os primeiros raios solares, a primeira visão cada um verá um ao outro, e verá

como o fim de um inverno tenebroso a vida recomeçar. Para se adiantar as próximas

fases, a mudança que vai acontecer no planeta onde toda a ganância política, social e

econômica ditada pelos gananciosos que querem o poder, não mais existirão.

Finalmente o planeta Terra falará uma só língua: a língua da solidariedade, a língua do

respeito à vida, a língua do respeito ao próximo, a linguagem do amor. Nunca mais se

discutirão por banalidades, nunca mais se discutirão por poder porque tratamos de

um único planeta: a nossa casa. E trataremos, com a ajuda desses seres que vieram,

que estão próximos de nós, dessas galáxias vizinhas e da nossa própria galáxia,

porque existe solidariedade no Universo; solidariedade que não existe na Terra, existe

no universo.

O Cristo não é um ser manipulado pelos homens. O Cristo é um Ser respeitado nessas

galáxias e essas galáxias sabendo de como a mente humana O é, essas naus


encaminharão os seres humanos a planetas propícios às condições que cada um

somou ao longo de suas vidas, mesmo que prematuras, mesmo que passaram por

ciclos evolutivos inferiores e são seres humanos agora, terão suas vidas continuadas

em outros orbes próximos aqui da terra, próximos a essa galáxia da qual o Cristo

continuará dando lhes a atenção junto aos Cristos ou aos Seres de Luz que estarão

auxiliando essas multidões em diversos pontos, ou em diversos planetas ou luas dos

sistemas galácticos solares existentes. Até mesmo dos incrédulos, até mesmo dos

ateus, até mesmo os falsos religiosos que ficam intrigados e desrespeitam as outras

religiões são falsos profetas emanados das sombras que serão levados à planetas

escolas regenerativas a fim de usarem o bom senso de que não é com ódio, e não é

com imposição de verdades que se conquistam rebanhos, mas sim com a verdade,

com amor; mesmo em se tratando de uma mudança que o planeta está passando.

Tudo isso envolve amor. Não haverá perdas raiando.

Muitos irmãos se encontrarão em ambientes materiais desconhecidos. As placas

tectônicas, nesses dias, farão a reconfiguração e os irmãos sentirão ou ouvirão o

barulho das ondas, o barulho das montanhas, o barulho da vida se movimentando das

entranhas da Terra ao poderoso oceano da vida, transformando e trazendo novas

terras à superfície e já em condições de uso para quê com as mãos e a inteligência e a

união e com muitos meios trazidos por essas espaçonaves, para recomeçar a vida no

planeta Terra.

Por enquanto as informações que lhes cabem são essas. É verdade, e a prova da

verdade a mãe Terra vos dará pelos seus olhos, pelos seus ouvidos, pelos seus

sentidos. Não há motivo para pânico. A misericórdia é para todos, sem exceção. Cabe-

vos, agora, cuidarem da saúde, a saúde do sangue, a saúde dos ossos e a saúde

mental. Lembrem-se: para que os órgãos funcionem bem, o sangue tem que estar

bem, o sangue é o combustível energético que sustenta o corpo; os ossos são as

estruturas que os mantêm em equilíbrio, a mente é o comando para os próximos

passos.

Você também pode gostar