Você está na página 1de 2

HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES

11.º ANO

MÓDULO 8 – Questões-aula 4
NOME: ______________________________________________________________ TURMA: ________ N.º: _______ DATA: ______ / ______ / ______

No final de Oitocentos, os artistas despreocuparam-se da obrigação de representar um tema


e reivindicaram a construção dos seus quadros segundo «uma certa ordem» e segundo leis
formais que eram próprias e exclusivas da pintura.
Destes pintores destacaram-se Vincent van Gogh, Paul Gauguin e Paul Cézanne, cujas obras
haveriam de estar na origem dos caminhos pelos quais evoluiu a arte do século XX.

QUESTÃO 1
Apresente quatro características técnicas, formais e plásticas da pintura de Vincent van Gogh.

QUESTÃO 2
Evidencie quatro características técnicas, formais e plásticas da pintura de Cézanne.

QUESTÃO 3
Explicite quatro características temáticas, técnicas, formais e plásticas presentes na pintura de
Gauguin.

QUESTÃO 4
Em Portugal, só a partir de 1870 se começaram a fazer sentir sinais de renovação artística,
sobretudo através da influência da cultura francesa.
Explicite quatro características da pintura portuguesa na segunda metade do século XIX.

www.raizeditora.pt
Paulo Simões Nunes • História da Cultura e das Artes 11.º ano
© Raiz Editora, 2018 • Todos os direitos reservados.
HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES
11.º ANO

SOLUÇÕES

Questão 1 (4) A pintura é entendida como a recriação da


Vincent van Gogh viveu uma juventude inquieta e harmonia estrutural e formal da Natureza.
desgostosa, de difícil adaptação ao meio social e
marcada por diversos constrangimentos Questão 3
sentimentais. No seu percurso artístico, Gauguin começou por
Na sua fase adulta, desenvolveu uma vocação contactar com o grupo impressionista, do qual se
religiosa e mística que o levou a entregar-se à distanciou para se juntar ao grupo dos simbolistas
evangelização das classes sociais mais pobres na em Pont-Aven, onde estabeleceu uma forte ligação
Holanda. Foi então que decidiu dedicar-se à pintura, com a comunidade rural.
porém sem nunca deixar de ser dominado por Posteriormente, viria a instalar-se nas ilhas da
sentimentos de solidão, desencanto e frustração. Polinésia, onde o exotismo das comunidades
Este foi o pano de fundo em que a sua pintura viria a primitivas proporcionou o ambiente favorável às suas
desenvolver-se, apresentando as seguintes pesquisas em torno da pureza original da cor e da
características: simplicidade da pintura.
(1) Os tons são aplicados numa técnica vibrante e A sua obra apresenta as seguintes características
vigorosa, em pinceladas bruscas, curtas e principais:
justapostas. (1) As temáticas evidenciam uma forte expressão
(2) A linha assume um valor autónomo, agitando as simbólica, mística e espiritual, relacionadas com a
formas e o espaço. tradição popular e com as culturas primitivas.
(3) A cor assume um valor simbólico, traduzindo o (2) A sua pintura opõe-se ao mundo da visualidade
interior subjetivo e enigmático do artista. pura, definindo a autonomia da cor, a simplicidade da
(4) As formas e o espaço são agitados e convulsivos, composição e a forma simples e elementar.
manifestando uma forte perturbação, numa (3) As formas são sintéticas e estilizadas, com
expressão carregada de emoção, de angústia e de amplas zonas de cores vivas, sem atender à
uma forte subjetividade. representação tridimensional do espaço.
(4) As cores vivas e em tons fortes são aplicadas em
Questão 2 zonas planas, sem modelado, contornadas a negro,
Cézanne trabalhou, inicialmente, com os numa técnica designada por sintetismo.
impressionistas, com quem experimentou o trabalho
en plein air e a utilização de uma paleta de tons mais Questão 4
claros. No seu percurso distanciou-se da técnica e Nas últimas décadas do século XIX, as Academias
da plástica impressionista, desenvolvendo pesquisas de Belas-Artes de Lisboa e do Porto implementaram
acerca da representação do mundo físico e da a atribuição de bolsas para a formação de artistas no
construção das formas sobre a superfície da tela. estrangeiro, principalmente em Paris e Roma, o que
Cézanne acabou por valorizar o rigor geométrico na proporcionou o contacto dos artistas nacionais com a
construção de um espaço pictórico no qual se estética naturalista e realista que despontava em
organizam as formas, o espaço e as cores. Paris.
Na sua pintura, encontramos as seguintes A pintura portuguesa desta época apresentou as
características principais: seguintes características:
(1) O processo criativo integra uma análise metódica (1) Desenvolveu o culto da paisagem e da Natureza.
e exaustiva das formas e do espaço visível. (2) Privilegiou a prática da pintura ao ar livre.
(2) A abordagem dos assuntos está subordinada a (3) Evidenciou interesse pela vida quotidiana do
uma conceção geométrica da forma e do espaço. povo, pelo rústico e pelo tradicional.
(3) A representação da realidade e da Natureza é (4) Manteve fidelidade à estética naturalista.
reduzida a estruturas simples e elementares,
definidas através da cor e da pincelada.

www.raizeditora.pt
Paulo Simões Nunes • História da Cultura e das Artes 11.º ano
© Raiz Editora, 2018 • Todos os direitos reservados.