Você está na página 1de 19

PROPOSTA DE

ACOMPANHAMENTO DA
APRENDIZAGEM

Avaliação de História: 2º bimestre


Nome do(a) aluno(a): ____________________________________________________________________

Turma: _____________________________________________________ Data: _________________

1. A imagem 1 é de um moinho de vento construído na Europa durante a Idade Média. A


imagem 2 retrata uma fazenda com moinhos de vento na Holanda. Compare as duas
imagens, leia as afirmações e depois responda.
Imagem 1

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
91
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

kgo3121/Shutterstock.com

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
92
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Moinho medieval, em Hessenpark, na Alemanha.

Imagem 2

fokke baarssen/Shutterstock.com

Moinhos de vento em fazenda na Flevolândia, Holanda.

I. Os moinhos de vento construídos no passado se transformaram ao longo do tempo e


hoje são utilizados para produzir energia elétrica.
II. Os moinhos de vento medievais não têm nada em comum com os moinhos que geram
energia eólica atualmente.
III. As tecnologias atuais sempre substituem as tecnologias tradicionais.
Quais afirmações estão corretas?
a) Somente I.
b) Somente II.
c) I e III.
d) Todas.
Habilidade trabalhada: (EF07HI01) Explicar o significado de “modernidade” e suas lógicas de
inclusão e exclusão, com base em uma concepção europeia.
Resposta: Alternativa A. Somente I.
Distratores: O item II está errado, pois os moinhos de vento tradicionais transformavam a energia
dos ventos em energia mecânica; assim, moíam-se os grãos para a produção de farinha. De maneira
semelhante, os moinhos atuais continuam transformando a energia dos ventos, porém em energia
elétrica. O item III está errado, pois nem sempre tecnologias mais recentes substituem por
completo tecnologias anteriores. No caso dos moinhos, percebe-se uma permanência: a utilização
da energia dos ventos.
Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
93
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Professor: Espera-se que os alunos reconheçam as transformações ocorridas a partir do século XI


na Europa feudal, como o aprimoramento e a difusão dos moinhos acionados pela força do vento,
e as relacionem com aspectos atuais, refletindo sobre permanências e mudanças referentes às
tecnologias. Se necessário, retomar os temas estudados no capítulo 3 e ressaltar que a difusão das
inovações técnicas medievais, como os moinhos de vento, contribuiu para o aumento da produção
de alimentos e, consequentemente, para o crescimento da população, além de estimular o comércio
local e a vida urbana.

2. Leia as informações contidas na tabela a seguir e depois responda.


Crescimento demográfico na Europa Ocidental de 1000 a 1300

Ano Milhões de habitantes

1000 22,1

1100 25,85

1200 34,65

1300 50,35

Fonte: FRANCO JR., Hilário; FILHO, Ruy de Oliveira Andrade. Atlas de História Geral. São Paulo: Scipione, 1993. p. 23.

a) Compare o número de habitantes na Europa Ocidental em cada um dos anos,


conforme apresentado na tabela. O que se pode concluir?
b) Relacione os dados presentes na tabela com as inovações técnicas que marcaram o
mesmo período na Europa Ocidental.
Habilidade trabalhada: (EF07HI01) Explicar o significado de “modernidade” e suas lógicas de
inclusão e exclusão, com base em uma concepção europeia.
Resposta: a) Pode-se concluir que a população europeia teve um sensível crescimento ao longo dos
séculos XI, XII e XIII, ultrapassando em mais do que o dobro aquilo que tinha no ano 1000. b) A
expansão das áreas de cultivo e o desenvolvimento de inovações técnicas levaram ao aumento da
produção de alimentos. Com isso, as taxas de mortalidade diminuíram, resultando no crescimento
populacional representado na tabela.
Professor: Espera-se que os alunos interpretem os dados dispostos na tabela e os utilizem para a
análise histórica. Se necessário, retomar os temas estudados no capítulo 3 e ressaltar que as
transformações vivenciadas a partir do século XI na Europa feudal provocaram significativas
mudanças no comportamento da população, tanto nos hábitos e no cotidiano quanto nas relações
de trabalho.

3. Durante a Idade Média, o comércio começou a se intensificar nas cidades europeias,


aumentando assim a oferta de produtos, o que levou ao crescimento da concorrência.
Qual foi a forma encontrada pelos artesãos para proteger suas profissões e manter os
preços valorizados?
Habilidade trabalhada: (EF07HI01) Explicar o significado de “modernidade” e suas lógicas de
inclusão e exclusão, com base em uma concepção europeia.
Resposta: Os artesãos passaram a se organizar em corporações de ofício. Essas corporações
estabeleciam regras para o ingresso na profissão, além de controlarem o preço, a quantidade e a
qualidade do que se produzia.

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
94
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Professor: Espera-se que os alunos identifiquem o contexto de expansão comercial nas cidades
medievais e reconheçam que os artesãos se organizaram em corporações de ofício para combater
a concorrência. Se necessário, retomar os temas estudados no capítulo 3.

4. Ao analisar as mudanças ocorridas na Europa feudal, podem-se indicar algumas razões


para essas transformações. Considere as afirmações a seguir:
I. As Cruzadas – expedições militares que visavam retomar a Terra Santa – provocaram,
entre outras coisas, a reabertura das rotas comerciais entre o Oriente e a Europa.
II. O surto da “grande peste”, ocorrido ao longo do século XIV, matou cerca de um terço
da população europeia.
III. Com a diminuição da população e a queda na produção agrícola, a nobreza passou a
ter prejuízos, o que levou ao aumento de impostos, uma das principais causas das
revoltas camponesas.
Quais afirmações estão corretas?
a) Somente I.
b) I e II.
c) I e III.
d) Todas.
e) Nenhuma.
Habilidade trabalhada: (EF07HI01) Explicar o significado de “modernidade” e suas lógicas de
inclusão e exclusão, com base em uma concepção europeia.
Resposta: Alternativa D. Todas.
Professor: Espera-se que os alunos avaliem as relações de causa e efeito na História, indicando as
conexões entre os eventos históricos na Europa feudal. Se necessário, retomar os temas estudados
ao longo do capítulo 3.

5. Sobre o Renascimento, assinale V para as alternativas verdadeiras e F para as falsas.


1. O Renascimento foi um movimento cultural que valorizou o passado greco-romano.
( )
2. Entre as características do Renascimento, destacam-se o racionalismo e o
teocentrismo, que contribuíram para a formação do pensamento científico. ( )
3. A arte renascentista foi, predominantemente, religiosa, retratando, na maior parte das
vezes, a vida de santos e dos clérigos e o cotidiano cristão da época. ( )
4. A Itália foi o local de início do Renascimento porque era o centro do comércio marítimo
da época, o que facilitou a circulação de culturas e ideias. ( )
5. A mudança de mentalidade provocada pelo Renascimento fez com que a teoria
heliocêntrica, defendida por Copérnico e Galileu, fosse facilmente aceita pela maioria
das pessoas. ( )
6. O aperfeiçoamento da imprensa por Johannes Gutenberg facilitou a divulgação das
novas ideias, permitindo que o Renascimento se expandisse para outros países da
Europa. ( )
Habilidade trabalhada: (EF07HI04) Identificar as principais características dos Humanismos e dos
Renascimentos e analisar seus significados.
Resposta: 1. (V); 2. (F); 3. (F); 4. (V); 5. (F); 6. (V).

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
95
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Distratores: 2. Diferentemente do teocentrismo, que marcou a época anterior, o Renascimento traz


a perspectiva do antropocentrismo, isto é, da valorização do humano, desde a beleza física até a
sua capacidade intelectual. 3. A arte renascentista, ainda que muitas vezes explorasse a temática
religiosa, passava gradativamente a retratar também pessoas comuns e cenas cotidianas, trazendo
o ser humano para o centro da temática, em contraposição à religião. 5. O conhecido episódio com
Galileu Galilei, que, diante dos seus inquisidores, optou por negar suas teorias e estudos acerca do
heliocentrismo, a fim de salvar a própria vida, demonstra que, apesar de representar uma ruptura de
pensamento, o ideal renascentista não foi absorvido tão facilmente pela sociedade.
Professor: Espera-se que os alunos identifiquem características e eventos do Renascimento e do
humanismo. Se necessário, retomar os temas estudados no capítulo 4.

6. As palavras do quadro a seguir relacionam-se ao movimento renascentista e seu


contexto histórico. Ordene-as e crie um texto coerente sobre o que foram o
Renascimento e o humanismo.
Itália, humanismo, cidades, mercadores, banqueiros, comerciantes, Igreja Católica, Idade Média, cultura
greco-romana, antropocentrismo, pintura, escultura, literatura, Leonardo da Vinci, Michelangelo, Galileu
Galilei.

Habilidade trabalhada: (EF07HI04) Identificar as principais características dos Humanismos e dos


Renascimentos e analisar seus significados.
Resposta: Resposta pessoal.
Professor: Espera-se que os alunos sejam capazes de produzir um texto de análise histórica em
que reconheçam que o Renascimento se insere em um momento histórico de transição, no qual o
contexto cultural e o cotidiano feudal aos poucos se desfazem, cedendo lugar a uma nova forma de
organização da sociedade, da política e do pensamento que caracterizaria o mundo moderno.
Verificar se essas conexões aparecem no texto dos alunos de maneira organizada e coerente. Caso
necessário, retomar os temas do capítulo 4.

7. A imagem a seguir é de uma pintura de Sandro Botticelli que representa os festejos


realizados a partir da chegada da primavera. A deusa Vênus (ao centro), o cúpido (ao
centro e no alto), as Três Graças (no canto esquerdo) e o deus Mercúrio (no canto
esquerdo) são representantes da mitologia grega. Observe a obra e depois responda.

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
96
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Uffizi Gallery, Firenze, Itália

A Primavera, de Sandro Botticelli, por volta de 1482.

• Aponte ao menos uma característica renascentista presente na obra. Justifique


sua resposta.
Habilidade trabalhada: (EF07HI04) Identificar as principais características dos Humanismos e dos
Renascimentos e analisar seus significados.
Resposta: A representação humana feita com realismo; a valorização da cultura greco-romana, a
representação de Mercúrio como deus do comércio, representando o momento de expansão
comercial; a homenagem à primavera pode ser entendida como uma alegoria da fecundidade e,
portanto, do renascimento das artes e da cultura.
Professor: Espera-se que os alunos sejam capazes de identificar, a partir da descrição e da análise
da imagem, características próprias do Renascimento. Se necessário, retomar o tema estudado no
capítulo 4.

8. Em 1824, um grupo de 39 imigrantes alemães desembarcou onde hoje fica a cidade de


São Leopoldo, no Rio Grande do Sul, considerada o principal marco da imigração alemã
luterana no Brasil. Registrou-se que a primeira construção em terras brasileiras foi uma
escola, finalizada no ano de 1828. Essa informação, se relacionada com a Reforma
Protestante do século XVI, permite concluir que:
a) Os alemães luteranos não eram aceitos nas escolas brasileiras, pois não pertenciam
à religião católica – religião oficial do Império brasileiro.
b) Nas primeiras migrações alemãs para o Brasil, vieram muitos professores formados
em escolas criadas por Lutero, na Alemanha, o que determinou a construção de obras
como essas.
Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
97
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

c) A leitura da Bíblia, do livro de cânticos e do catecismo de Lutero era fundamental para


a religião, por isso era necessário alfabetizar os fiéis.
d) O Império brasileiro, por conta de suas diferenças religiosas, não forneceu nenhum
tipo de ajuda de custo para os primeiros alemães. Assim, foi necessário que os
imigrantes se organizassem sozinhos para conseguir qualificar os colonos.
Habilidade trabalhada: (EF07HI05) Identificar e relacionar as vinculações entre as reformas
religiosas e os processos culturais e sociais do período moderno na Europa e na América.
Resposta: Alternativa C. A leitura da Bíblia, do livro de cânticos e do catecismo de Lutero era
fundamental para a religião, por isso era necessário alfabetizar os fiéis.
Distratores: O item A está incorreto, pois não havia nenhuma forma de bloqueio nas escolas
brasileiras por parte do Império brasileiro. O item B está incorreto, porque a iniciativa de construir a
escola partiu de um pastor preocupado em alfabetizar os fiéis para que conseguissem acompanhar
os ensinamentos de Lutero. O item D está incorreto, pois os primeiros imigrantes receberam ajuda
financeira do Império brasileiro para se estabelecerem e criarem a colônia.
Professor: Espera-se que os alunos sejam capazes de avaliar a informação histórica trazida pela
questão e relacioná-la com a Reforma Protestante. Se necessário, retomar o estudo do capítulo 5 e
ressaltar que Lutero acreditava que a Bíblia deveria ser escrita na língua do povo (e não em latim),
tornando-se acessível, o que justifica a defesa pela alfabetização de todos.

9. As novas ideias promovidas pelo Renascimento provocaram profundas transformações


no cenário europeu entre o final da Idade Média e o início da Idade Moderna. Alguns
membros da Igreja passaram a criticar os comportamentos de parte dos clérigos, bem
como o luxo dessa instituição e o poder do Papado. As informações a seguir referem-se
ao contexto da Reforma Protestante. Relacione os itens com as suas respectivas
definições:
1. Indulgências e relíquias
2. 95 teses
3. Predestinação
4. Salvação pela fé
5. Presbiterianos, puritanos e huguenotes
6. Ato de Supremacia
7. Ordem dos Jesuítas
8. Concílio de Trento
a) Reunião das principais lideranças da Igreja Católica, com o objetivo de rever as
práticas e dogmas católicos e determinar estratégias para conter o avanço das novas
igrejas que surgiam. ( )
b) Nomes dados aos calvinistas em diferentes países. ( )
c) Sua venda foi duramente criticada pelos reformadores. Representavam,
respectivamente, um documento que atestava o perdão dos pecados de seu portador e
objetos relacionados à vida dos santos, para os quais se atribuíam poderes mágicos ou
espirituais. ( )
d) Dava ao rei inglês o título de chefe máximo da Igreja em seu país. ( )
e) Crença em que as boas ações e boas atitudes promovidas pela pessoa ao longo da
sua vida são as principais responsáveis pela salvação do sujeito. ( )

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
98
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

f) Conjunto de críticas e reflexões escrito por Martinho Lutero e, segundo a tradição,


afixadas por ele na porta da catedral de sua cidade. ( )
g) Congregação criada durante o processo da contrarreforma, cujo objetivo maior era
garantir a catequização de fiéis, sobretudo nas Américas. ( )
h) Crença segundo a qual as pessoas nada podem fazer para mudar o destino que a elas
foi determinado por Deus. ( )
Habilidade trabalhada: (EF07HI05) Identificar e relacionar as vinculações entre as reformas
religiosas e os processos culturais e sociais do período moderno na Europa e na América.
Respostas: 1. C; 2. F; 3. H; 4. E; 5. B; 6. D; 7. G; 8. A.
Professor: Espera-se que os alunos sejam capazes de relacionar conceitos fundamentais
referentes às reformas religiosas com suas respectivas definições. Observar as respostas dadas
pelos alunos e, se necessário, retomar os temas desenvolvidos no capítulo 5.

10. A Contrarreforma, ou reforma católica, é o nome dado pelos historiadores ao conjunto


de ações realizadas pela Igreja de Roma para barrar o avanço protestante na Europa.
Dentre as afirmações a seguir, indique aquela que não representa uma dessas ações:
a) O Concílio de Trento reafirmou o poder do Papa.
b) Foi criada em 1534 a Ordem dos Jesuítas, responsável por expandir a fé católica por
meio da catequese.
c) A Igreja considerou ilegítimo o Tribunal do Santo Ofício, que julgava e punia
pecadores.
d) Foram criados os seminários, lugares para estudo e formação de novos sacerdotes.
Habilidade trabalhada: (EF07HI05) Identificar e relacionar as vinculações entre as reformas
religiosas e os processos culturais e sociais do período moderno na Europa e na América.
Resposta: Alternativa C. A Igreja considerou ilegítimo o Tribunal do Santo Ofício, que julgava e punia
pecadores.
Professor: Espera-se que os alunos sejam capazes de identificar algumas das ações promovidas
pela Igreja Católica com o objetivo de barrar o avanço da igrejas protestantes. Ao retomar essa
avaliação com os alunos, reforçar que o Tribunal da Santo Ofício, também chamado de Inquisição,
fundado no século XI, retomou a sua força no século XV, tornando-se um poderoso instrumento de
controle frente ao avanço protestante. Se necessário, retomar os temas estudados no capítulo 5.
Ficha de acompanhamento da aprendizagem
Esta ficha é apenas uma de muitas possibilidades. É importante ter em mente que a
avaliação não deve ser entendida como um fim em si mesmo, mas como uma das muitas
ferramentas a serviço de uma compreensão dos avanços e das necessidades de cada aluno,
respeitando o período de aprendizagem de cada um.
LEGENDA

Total = TT Em evolução = EE Não desenvolvida = ND

Nome:

Turma: Data:

Questão Habilidade TT EE ND Anotações

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
99
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

1 (EF07HI01) Explica o Explica Não explica o


Explicar o significado de parcialmente o significado de
significado de “modernidade” significado de “modernidade”
“modernidade” e e suas lógicas “modernidade” e suas lógicas
suas lógicas de de inclusão e e suas lógicas de inclusão e
inclusão e exclusão, com de inclusão e exclusão, com
exclusão, com base em uma exclusão, com base em uma
base em uma concepção base em uma concepção
concepção europeia. concepção europeia.
europeia. europeia.

2 (EF07HI01) Explica o Explica Não explica o


Explicar o significado de parcialmente o significado de
significado de “modernidade” significado de “modernidade”
“modernidade” e e suas lógicas “modernidade” e suas lógicas
suas lógicas de de inclusão e e suas lógicas de inclusão e
inclusão e exclusão, com de inclusão e exclusão, com
exclusão, com base em uma exclusão, com base em uma
base em uma concepção base em uma concepção
concepção europeia. concepção europeia.
europeia. europeia.

3 (EF07HI01) Explica o Explica Não explica o


Explicar o significado de parcialmente o significado de
significado de “modernidade” significado de “modernidade”
“modernidade” e e suas lógicas “modernidade” e suas lógicas
suas lógicas de de inclusão e e suas lógicas de inclusão e
inclusão e exclusão, com de inclusão e exclusão, com
exclusão, com base em uma exclusão, com base em uma
base em uma concepção base em uma concepção
concepção europeia. concepção europeia.
europeia. europeia.

4 (EF07HI01) Explica o Explica Não explica o


Explicar o significado de parcialmente o significado de
significado de “modernidade” significado de “modernidade”
“modernidade” e e suas lógicas “modernidade” e suas lógicas
suas lógicas de de inclusão e e suas lógicas de inclusão e

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
100
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

inclusão e exclusão, com de inclusão e exclusão, com


exclusão, com base em uma exclusão, com base em uma
base em uma concepção base em uma concepção
concepção europeia. concepção europeia.
europeia. europeia.

5 (EF07HI04) Identifica as Identifica Não identifica


Identificar as principais parcialmente as as principais
principais características principais características
características dos características dos
dos Humanismos Humanismos e dos Humanismos e
e dos dos Humanismos e dos
Renascimentos e Renascimentos dos Renascimentos
analisar seus e analisa seus Renascimentos e não analisa
significados. significados. e analisa seus
parcialmente significados.
seus
significados.

6 (EF07HI04) Identifica as Identifica Não identifica


Identificar as principais parcialmente as as principais
principais características principais características
características dos características dos
dos Humanismos Humanismos e dos Humanismos e
e dos dos Humanismos e dos
Renascimentos e Renascimentos dos Renascimentos
analisar seus e analisa seus Renascimentos e não analisa
significados. significados. e analisa seus
parcialmente significados.
seus
significados.

7 (EF07HI04) Identifica as Identifica Não identifica


Identificar as principais parcialmente as as principais
principais características principais características
características dos características dos
dos Humanismos Humanismos e dos Humanismos e
e dos dos Humanismos e dos

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
101
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Renascimentos e Renascimentos dos Renascimentos


analisar seus e analisa seus Renascimentos e não analisa
significados. significados. e analisa seus
parcialmente significados.
seus
significados.

8 (EF07HI05) Identifica e Identifica Não identifica e


Identificar e relaciona as parcialmente e não relaciona
relacionar as vinculações relaciona as vinculações
vinculações entre entre as parcialmente as entre as
as reformas reformas vinculações reformas
religiosas e os religiosas e os entre as religiosas e os
processos processos reformas processos
culturais e sociais culturais e religiosas e os culturais e
do período sociais do processos sociais do
moderno na período culturais e período
Europa e na moderno na sociais do moderno na
América. Europa e na período Europa e na
América. moderno na América.
Europa e na
América.

9 (EF07HI05) Identifica e Identifica Não identifica e


Identificar e relaciona as parcialmente e não relaciona
relacionar as vinculações relaciona as vinculações
vinculações entre entre as parcialmente as entre as
as reformas reformas vinculações reformas
religiosas e os religiosas e os entre as religiosas e os
processos processos reformas processos
culturais e sociais culturais e religiosas e os culturais e
do período sociais do processos sociais do
moderno na período culturais e período
Europa e na moderno na sociais do moderno na
América. Europa e na período Europa e na
América. moderno na América.

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
102
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Europa e na
América.

10 (EF07HI05) Identifica e Identifica Não identifica e


Identificar e relaciona as parcialmente e não relaciona
relacionar as vinculações relaciona as vinculações
vinculações entre entre as parcialmente as entre as
as reformas reformas vinculações reformas
religiosas e os religiosas e os entre as religiosas e os
processos processos reformas processos
culturais e sociais culturais e religiosas e os culturais e
do período sociais do processos sociais do
moderno na período culturais e período
Europa e na moderno na sociais do moderno na
América. Europa e na período Europa e na
América. moderno na América.
Europa e na
América.

Ficha de acompanhamento individual


A Ficha de Acompanhamento Individual é um instrumento de registro
onde podemos verificar e avaliar de forma individual, contínua e diária
a evolução da aprendizagem. Ela serve para que nós, professores,
possamos acompanhar o progresso de cada um de nossos alunos.
BRASIL. Ministério da Educação. Programa de Apoio a Leitura e Escrita: Praler. Brasília, DF: FNDE, 2007. p. 20.
(Caderno de Teoria e Prática 6: Avaliação e projetos na sala de aula).
LEGENDA

Total = TT Em evolução = EE Não desenvolvida = ND

Nome:

Turma: Data:

Avaliação das aprendizagens

Aluno Professor Comunidade

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
103
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

Objetivos da Quais são as Quais são as Quais Houve Houve


aprendizagem potencialidades limitações do estratégias de necessidade envolvimento
do aluno? aluno? ensino- de reorientar da comunidade
aprendizagem estratégias no processo de
funcionaram durante o ensino-
bem ao longo processo? aprendizagem?
do bimestre?

Aprofundar o
conhecimento
sobre as
Cruzadas.

Identificar as
Cruzadas como
reflexos das
estruturas
socioeconômicas
e culturais da
época, mas
também como
processos que
geraram
transformações
nessas mesmas
estruturas.

Identificar as
motivações de
ordem material,
social e religiosa
das Cruzadas.

Refletir sobre o
papel das
Cruzadas no
aumento das
troas comerciais

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
104
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

entre Ocidente e
Oriente.

Reconhecer o
papel das
Cruzadas nas
trocas culturais
entre Ocidente e
Oriente.

Identificar os
impactos das
Cruzadas no
poder da nobreza
guerreira.

Identificar o
antropocentrismo
e a influência da
cultura da
Antiguidade
clássica (greco-
romana) em
trechos de Os
Lusíadas.

Relacionar a obra
de Camões ao
contexto histórico
em que ela foi
criada.

Pesquisar
informações
biográficas de
Luís de Camões.

Reconhecer a
importância das
manifestações
artísticas e

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
105
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

literárias para o
conhecimento
histórico.

Compreender o
processo de
invenção da
tipografia (tipos
móveis) como
parte integrante
do
desenvolvimento
tecnológico do
Renascimento.

Conhecer o
funcionamento
técnico das
primeiras
tipografias.

Aprofundar a
discussão sobre a
intenção de
difusão do
conhecimento
pelos humanistas.

Refletir sobre o
papel da
tipografia na
proliferação de
escritos
humanistas e na
disseminação das
novas ideias.

Desenvolvimento de competências gerais e específicas

Competências TT EE ND Anotações

Competências Gerais

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
106
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

1. Valorizar e utilizar os
conhecimentos historicamente
construídos sobre o mundo físico,
social, cultural e digital para entender
e explicar a realidade, continuar
aprendendo e colaborar para a
construção de uma sociedade justa,
democrática e inclusiva.

6. Valorizar a diversidade de saberes


e vivências culturais e apropriar-se de
conhecimentos e experiências que
lhe possibilitem entender as relações
próprias do mundo do trabalho e
fazer escolhas alinhadas ao exercício
da cidadania e ao seu projeto de vida,
com liberdade, autonomia,
consciência crítica e
responsabilidade.

Competências específicas de
Ciências Humanas

1. Compreender a si e ao outro como


identidades diferentes, de forma a
exercitar o respeito à diferença em
uma sociedade plural e promover os
direitos humanos.

2. Analisar o mundo social, cultural e


digital e o meio técnico-científico-
informacional com base nos
conhecimentos das Ciências
Humanas, considerando suas
variações de significado no tempo e
no espaço, para intervir em situações
do cotidiano e se posicionar diante

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
107
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

de problemas do mundo
contemporâneo.

5. Comparar eventos ocorridos


simultaneamente no mesmo espaço
e em espaços variados, e eventos
ocorridos em tempos diferentes no
mesmo espaço e em espaços
variados.

Competências específicas de
História

1. Compreender acontecimentos
históricos, relações de poder e
processos e mecanismos de
transformação e manutenção das
estruturas sociais, políticas,
econômicas e culturais ao longo do
tempo e em diferentes espaços para
analisar, posicionar-se e intervir no
mundo contemporâneo.

2. Compreender a historicidade no
tempo e no espaço, relacionando
acontecimentos e processos de
transformação e manutenção das
estruturas sociais, políticas,
econômicas e culturais, bem como
problematizar os significados das
lógicas de organização cronológica.

5. Analisar e compreender o
movimento de populações e
mercadorias no tempo e no espaço e
seus significados históricos, levando

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
108
História – 7º ano – 2º bimestre – Plano de desenvolvimento –Proposta de acompanhamento da aprendizagem

em conta o respeito e a solidariedade


com as diferentes populações.

Valores e atitudes TT EE ND Anotações

Demostrou interesse e participou das


aulas e atividades.

Propôs análises e criou soluções


para os problemas apresentados.

Valorizou diferentes manifestações


culturais e práticas artísticas.

Partilhou informações, experiências,


ideias e sentimentos.

Exerceu protagonismo e respeito ao


lidar com os meios digitais.

Demostrou interesse e exerceu


atitudes relacionadas à prática da
cidadania.

Argumentou de forma ética.

Respeitou sua saúde física e


emocional, assim como o sentimento
dos colegas.

Exercitou empatia e valorizou a


diversidade.

Agiu com autonomia e


responsabilidade, de acordo com
princípios éticos.

Material d is ponibilizad o em licença aberta d o tipo Creative Commons – Atribuição não comercial (CC BY NC – 4. 0
International). Permitid a a cria ção d e obra d erivad a com fins n ão comerciais , d es de que s eja atribu í d o créd ito
autoral e as cria ções s ejam licenciad as s ob os mesmos par âmetros .
109