Você está na página 1de 4

ÁREA DE ALGUMAS FIGURAS PLANAS Pelo Teorema de Pitágoras, calcula-se facilmente a

medida h da altura de um triângulo equilátero de


Retângulo lado 𝜄, obtendo:
A área A de um retângulo é o produto da medida da
base pela medida da altura.

Quadrado
O quadrado é um retângulo de lados iguais. Logo, Logo, a área A desse triângulo é:
sua área A é o produto da medida da base pela
medida da altura.

Hexágono regular
As diagonais de um hexágono regular dividem-no em
seis triângulos equiláteros. Assim, a área A de um
Paralelogramo hexágono regular de lado 𝜄 é igual à seis vezes a área
A área de um paralelogramo de base b e altura h é de um triângulo equilátero de lado 𝜄 .
igual à área de um retângulo de base b e altura h.
Observe:

Trapézio
Traçando uma diagonal de um trapézio de altura h e
Triângulo bases b e B, dividimo-lo em dois triângulos de altura
Consideremos um triângulo ABC, cuja base AB mede h e bases de medidas b e B. Observe a figura.
b e a altura relativa a essa base mede h. Traçando
por C a reta r paralela à base, e por B a reta s
paralela ao lado AC, obtemos o paralelogramo ABDC
a seguir:

A área A do trapézio é a soma das áreas desses dois


Como o triângulo BCD é congruente ao triângulo triângulos. Assim, temos:
ABC e a área A do triângulo ABC é metade da área
do paralelogramo, então, temos:

Portanto, a área A do trapézio é igual à metade do


Ou seja, a área do triângulo é metade do produto da
produto da altura pela soma das bases.
medida da base pela medida da altura.
Losango
Triângulo equilátero
Consideremos um losango cujas diagonais medem D
e d. Sabemos que as diagonais de um losango são
perpendiculares entre si e o ponto em que elas
concorrem é o ponto médio de cada uma.
Observe, portanto, que a área A do losango é o
𝐷
dobro da área do triângulo de base d e altura 2 .
SETOR CIRCULAR
Setor circular é uma parte do círculo limitada por um
arco de circunferência e dois raios com
extremidades nas extremidades do arco.
Portanto, a área A do losango é metade do produto
das medidas das diagonais.

EXPRESSÕES DA ÁREA DE UM TRIÂNGULO Em


função das medidas dos lados – Teorema de Herão
Dado um triângulo ABC, com lados de medidas a, b e
𝑎+𝑏+𝑐
c, sendo o semiperímetro p = 2

Área de um segmento circular


temos que a área do triângulo ABC é: Para calcularmos a área de um segmento circular de
ângulo central 0 < a ≤ 𝜋, procedemos como
mostrado na figura seguinte:

Em função da medida de dois lados e do ângulo


compreendido entre eles
Dado um triângulo ABC, com lados de medidas a, b e
c e ângulo de medida A, compreendido pelos lados b
e c, temos que a área desse triângulo é:

COROA CIRCULAR
Dadas duas circunferências concêntricas de raios r e
R, com r < R, chama-se coroa circular ao conjunto
dos pontos pertencentes ao círculo de raio R e
Em função das medidas dos lados e do raio da exteriores ao círculo de raio r.
circunferência circunscrita
Dado um triângulo ABC, com lados de medidas a, b e
c, inscrito em uma circunferência de raio R.

Para calcularmos a área de uma coroa circular,


fazemos a diferença entre as áreas dos dois círculos:

A área do triângulo ABC inscrito na circunferência é:

RAZÃO ENTRE ÁREAS DE FIGURAS SEMELHANTES


Consideremos os triângulos semelhantes ABC e DEF,
ÁREA DE UM CÍRCULO sendo K a razão de semelhança do primeiro para o
segundo.
Nesse caso, a área definida por Antônio atingiria
exatamente o limite determinado pela condição se
ele

A) duplicasse a medida do lado do quadrado.


Calculando a razão da área do primeiro para a área B) triplicasse a medida do lado do quadrado.
do segundo triângulo, temos: C) triplicasse a área do quadrado.
D) ampliasse a medida do lado do quadrado em 4%.
E) ampliasse a área do quadrado em 4%.

3. (ENEM) Uma empresa produz tampas circulares


de alumínio para tanques cilíndricos a partir de
chapas quadradas de 2 metros de lado, conforme a
figura. Para 1 tampa grande, a empresa produz 4
tampas médias e 16 tampas pequenas.
Exercício de Fixação

1. (ENEM) A loja Telas & Molduras cobra 20 reais por


metro quadrado de tela, 15 reais por metro linear de
moldura, mais uma taxa fixa de entrega de 10 reais.
Uma artista plástica precisa encomendar telas e
molduras a essa loja, sufi cientes para 8 quadros
retangulares (25 cm x 50 cm). Em seguida, fez uma
segunda encomenda, mas agora para 8 quadros
retangulares (50 cm x 100 cm). O valor da segunda
encomenda será As sobras de material da produção diária das tampas
grandes, médias e pequenas dessa empresa são
A) o dobro do valor da primeira encomenda, porque doadas, respectivamente, a três entidades: I, II e III,
a altura e a largura dos quadros dobraram. para efetuarem reciclagem do material. A partir
B) maior do que o valor da primeira encomenda, dessas informações, pode-se concluir que
mas não o dobro.
C) a metade do valor da primeira encomenda, A) a entidade I recebe mais material do que a
porque a altura e a largura dos quadros dobraram. entidade II.
D) menor do que o valor da primeira encomenda, B) a entidade I recebe metade de material do que a
mas não a metade. entidade III.
E) igual ao valor da primeira encomenda, porque o C) a entidade II recebe o dobro de material do que a
custo de entrega será o mesmo. entidade III.
D) a entidade I e II recebem, juntas, menos material
2. (ENEM) O governo cedeu terrenos para que do que a entidade III.
famílias construíssem suas residências com a E) as três entidades recebem iguais quantidades de
condição de que no mínimo 94% da área do terreno material
fosse mantida como área de preservação ambiental.
Ao receber o terreno retangular ABCD, em que AB = 4. (ENEM) Um senhor, pai de dois filhos, deseja
𝐵𝐶
2
Antônio demarcou uma área quadrada no vértice comprar dois terrenos, com áreas de mesma
A, para a construção de sua residência, de acordo medida, um para cada filho. Um dos terrenos
𝐵𝐶 visitados já está demarcado e, embora não tenha um
com o desenho, no qual AE = 5 é lado do quadrado.
formato convencional (como se observa na Figura B),
agradou ao filho mais velho e, por isso, foi
comprado. O filho mais novo possui um projeto
arquitetônico de uma casa que quer construir, mas,
para isso, precisa de um terreno na forma retangular
(como mostrado na Figura A) cujo comprimento seja
7 m maior do que a largura.
Para satisfazer o filho mais novo, esse senhor precisa
encontrar um terreno retangular cujas medidas, em
metro, do comprimento e da largura sejam iguais,
respectivamente, a

a) 7,5 e 14,5.
b) 9,0 e 16,0.
c) 9,3 e 16,3.
d) 10,0 e 17,0.
e) 13,5 e 20,5.

5. (ENEM) O proprietário de um parque aquático


deseja construir uma piscina em suas dependências. Determine à área cinza da figura a cima.
A figura representa a vista superior dessa piscina,
que é formada por três setores circulares idênticos, 6. Os polígonos SOL e LUA são triângulos retângulos
com ângulo central igual a 60°. O raio R deve ser um isósceles congruentes. Os triângulos retângulos
número natural. brancos no interior de SOL são congruentes, assim
como também são congruentes os triângulos
retângulos brancos no interior de LUA.

parque aquático já conta com uma piscina em A área da superfície em amarelo e a área da
formato retangular com dimensões 50m x 24m. O superfície em azul estão na mesma unidade de
proprietário quer que a área ocupada pela nova medida. Se x é o número que multiplicado pela
piscina seja menor que a ocupada pela piscina já medida da área da superfície em amarelo resulta a
existente. Considere 3,0 como aproximação para π. medida da área da superfície em azul, então x é igual
O maior valor possível para R, em metros, deverá ser a:
A) 16.
B) 28. 16
a) 15
C) 29.
15
D) 31. b) 16
E) 49. 9
c) 10
24
6. Considere um quadrado de lado 1. Foram d)
25
25
construídos dois círculos de raio R com centros em e) 24
dois vértices opostos do quadrado e tangentes entre
si; dois outros círculos de raio r com centros nos
outros dois vértices do quadrado e tangentes aos
círculos de raio R, como ilustra a figura abaixo.