Você está na página 1de 1

Resumo sopros cardíacos infantis

Mais facilmente audíveis em estados


hipercinéticos: -febre,-anemia, -ansiedade

Sopro inocente Sopro patológico


S1 e S2 normais / sem click
Curta duração (geralmente
Protosistólico)
Baixa intensidade S1 e S2 com alterações / com click ou sons
Sem frémito anormais
Características
Localização bem definida / sem Pansistólico, diastólico ou contínuo
auscultatórias
irradiação Alta intensidade
Com frémito / com irradiação
Intensidade varia com a posição do
corpo (geralmente mais intenso em
decúbito dorsal)
Antecedentes pessoais
Não Sim
ou familiares relevantes
Crescimento Normal Má progressão ponderal
Sintomático Não Sim *
Sem alterações sugestivas de
Exame físico
cardiopatia Com alterações sugestivas de cardiopatia *
ECD Sem alterações Anomalias cardíacas detectadas

*cansaço/dispneia com pequenos esforços, edemas, síncope, dor torácica

* alterações sugestivas de cardiopatia no EO:


-hepatomegália e/ou esplenomegália
-veias jugulares
-pulsos anormais/assimétricos
-satO2 baixa ou assimétrica entre membros
-edema
-tempo de repreenchimento capilar aumentado
-cianose
-arritmia
-irradiação do sopro
-com frémito

Sopros inocentes
-Normalmente atribui-se a sua origem em fluxos turbulentos originados em áreas de estreitamento
-saída do VE: sopro de still
-saída do VD: sopro de ejeção pulmonar
-ramificação de artérias (sopro supra-clavicular)
-retorno venoso à confluência da jugular e subclávias (zumbido venoso)