Você está na página 1de 1

QUANDO EU FOR EXALTADO DA TERRA

Exaltação da Santa Cruz - Comunhão


Texto - Antífona: Jo 12,32; Estrofes: Jo 3
Música: Fr. Wanderson Luiz Freitas, O.Carm.

Bα Eα E α/D
α 1 œ œ œ œ œ ‰ œι
F/A Gm G m/F Cm F

%α 3 œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ
Quan - do eu for e - xal - ta - do da ter - ra, diz o Se - nhor, a -

αα œ 2 ι1 œ
3 œ œ ‰ œ 3 œ œ œ œ œ œ œ
Cm Dm Gm Cm C m6 Gm

% œ œ œ œ œ œ œ œ œ
tra - i - rei a mim to - das as coi - sas, a - tra - i - rei a mim to - das as coi - sas.

α œ œ œι œι œ œ ς œ œ œ œι œ œ
Gm F C m6 Gm

%α ς ΙΙ Ι Ι Ι
1. É necessário que o Filho do Homem se - ja le - van - ta - do para que, quem nele crer te - nha a vi - da e - ter - na.

Quando eu for exaltado da terra, diz o Senhor,


atrairei a mim todas as coisas,
atrairei a mim todas as coisas.

1. É necessário que o Filho do Homem seja levantado


para que, quem nele crer, tenha a vida eterna. (v. 14b-15)

2. Deus amou tanto o mundo que deu seu Filho único


para que não morra quem nele crer, mas tenha a vida eterna. (v. 16)

3. Deus não enviou seu Filho para condenar o mundo,


mas para que o mundo por ele seja salvo. (v. 17)

4. O Pai ama o Filho e entregou tudo em sua mão;


aquele que acredita no Filho possui a vida eterna. (v. 35-36a)

© Oficina da Música Litúrgica 2020 - Todos os direitos reservados