Você está na página 1de 9

LISTA 1 – CINEMÁTICA

Organizado por: Rafael Pinheiro

1) Usando um disparador silencioso, um atirador esportista atira contra um alvo e ouve o


barulho do impacto apenas 0,30 s após o disparo.
São dados: velocidade do projétil: vp = 640 m/s; velocidade do som no ar: vsom = 320 m/s.

Determine a distância entre o atirador e o alvo


a) 32 m
b) 48 m
c) 64 m
d) 80 m
e) 96 m

2) Dois trens, A e B, de 200 m de comprimento cada um, correm em linhas paralelas com
velocidades escalares de valores absolutos 50 km/h e 30 km/h, no mesmo sentido. A figura
mostra o instante em que o trem A começa a ultrapassar o trem B. Depois de quanto tempo
terminará a ultrapassagem?

a) 24 segundos
b) 36 segundos
c) 48 segundos
d) 60 segundos
e) 72 segundos
3) O gráfico ilustra a posição s, em função do tempo t, de uma pessoa caminhando em linha
reta durante 400 segundos. Assinale a alternativa correta.

a) A velocidade escalar no instante t = 200 s vale 0,50 m/s.


b) Em nenhum instante a pessoa parou.
c) A distância total percorrida durante os 400 segundos foi 120 m.
d) O deslocamento escalar durante os 400 segundos foi 180 m.
e) O módulo de sua velocidade escalar no instante t = 50 s é menor do que no instante t = 350
s.

4) Na figura, estão representados, num plano cartesiano, os gráficos posição × tempo do


movimento de dois carros, A e B, que percorrem uma mesma reta.

Se esses carros se mantiverem em movimento com as mesmas características, durante o


tempo suficiente, eles deverão cruzar-se no instante e na posição respectivamente iguais a:

a) 10 s; 200 m d) 25 s; 400 m
b) 10 s; 300 m e) 20 s; 200 m
c) 20 s; 400 m
5) Um veículo A, locomovendo-se com velocidade escalar constante, ultrapassa um veículo B,
no instante t = 0, quando B está começando a se movimentar. Os veículos percorrem trajetórias
retilíneas e paralelas.

Analisando-se o gráfico, pode-se afirmar que:


a) B ultrapassou A no instante t = 8 s, depois de percorrer 160 m.
b) B ultrapassou A no instante t = 4 s, depois de percorrer 160 m.
c) B ultrapassou A no instante t = 4 s, depois de percorrer 80 m.
d) B ultrapassou A no instante t = 8 s, depois de percorrer 320 m.
e) B ultrapassou A no instante t = 4 s, depois de percorrer 180 m.

6) Em certo instante passam pela origem de uma trajetória retilínea os móveis A, em movimento
uniforme, e B, em movimento uniformemente variado. A partir desse instante, constrói-se o
diagrama abaixo. Em que instante o móvel B está 32 m à frente de A?

a) 2 s
b) 4 s
c) 6 s
d) 8 s
e) 10 s
7) Nas planícies africanas, o jogo entre predador e presa encontra um limite delicado. A gazela,
sempre atenta, vive em grupos. É rápida e seu corpo suporta uma aceleração de 0 m/s a 14,0
m/s em 3,0 s.
O guepardo, com sua cabeça pequena e mandíbulas curtas projetadas para um abate preciso
por estrangulamento, está bem camuflado e, com seu corpo flexível, amplia sua passada,
sobrevoando o solo na maior parte de sua corrida. Mais ágil que a gazela vai de 0 m/s a 20,0 m/s
em 3,0 s. O esforço, no entanto, eleva sua temperatura a níveis perigosos de sobrevivência e,
em virtude disto, as perseguições não podem superar 20,0 s.
Um guepardo aproxima -se a 27,0 m de uma gazela. Parados, gazela e guepardo fitam -se
simultaneamente, quando, de repente, começa a caçada. Supondo -se que ambos corram em
uma trajetória retilínea comum e, considerando -se o gráfico dado a seguir, que traduz o
desempenho de cada animal, a duração da caçada será de:

a) 3,0 s b) 4,0 s c) 6,0 s d) 10,0 s e) 11,0 s

8) Um automóvel A entra em movimento com aceleração escalar constante e igual a 3 m/s2 no


mesmo instante em que passa por ele outro automóvel B, com velocidade escalar constante e
igual a 30 m/s. Os dois veículos percorrem a mesma estrada, no mesmo sentido. Considerando
t0 = 0 quando A partiu, calcule a velocidade de A no instante em que A alcança B

a) 12 m/s
b) 24 m/s
c) 36 m/s
d) 48 m/s
e) 60 m/s

9) Em uma estrada de pista única, uma moto de 2,0 m de comprimento, cuja velocidade tem
módulo igual a 22,0 m/s, quer ultrapassar um caminhão longo de 30,0 m, que está com
velocidade constante de módulo igual a 10,0 m/s. Supondo -se que a moto faça a ultrapassagem
com uma aceleração de módulo igual a 4,0 m/s2, calcule o tempo que ela leva para ultrapassar
o caminhão e a distância percorrida durante a ultrapassagem.
10) Um rio de margens retilíneas e largura constante igual a 5,0 km tem águas que correm
paralelamente às margens, com velocidade de intensidade 30 km/h. Um barco, cujo motor lhe
imprime velocidade de intensidade sempre igual a 50 km/h em relação às águas, faz a travessia
do rio. Qual o intervalo de tempo necessário para que o barco atravesse o rio percorrendo a
menor distância possível?

a) 3,0 min
b) 4,5 min
c) 6,0 min
d) 7,5 min
e) 9,0 min

11) Considere um rio de margens paralelas e cuja correnteza tem velocidade constante de
módulo vC. Uma lancha tem velocidade relativa às águas constante e de módulo 10 m/s. A lancha
parte do ponto A e atinge a margem oposta no ponto B, indicado na figura, gastando um
intervalo de tempo de 100 s. O valor de vC é:

a) 2,0 m/s.
b) 4,0 m/s.
c) 6,0 m/s.
d) 8,0 m/s.
e) 10 m/s.

12) Na figura, as rodas dentadas R1 e R3 são iguais e seus raios medem 50 cm, enquanto a roda
dentada R2 tem raio igual a 25 cm. As rodas R2 e R3 giram fixas a um mesmo eixo. A roda R1,
acoplada à R2, gira com frequência igual a 5 000 rpm.
O quociente v1/v3 das velocidades escalares lineares de pontos na periferia das rodas R1 e R3
respectivamente.
a) 1
b) ½
c) ¼
d) 2
e) 4
13) A figura representa dois discos de papelão fixados a um mesmo eixo, com rotação de
frequência igual a 50 Hz. Os discos foram fixados em locais do eixo distantes 2 m um do outro.

Um projétil é disparado paralelamente ao eixo, descolando-se em movimento suposto retilíneo


e uniforme, perfurando os dois discos. O ângulo entre o plano que contém o eixo e o furo no
primeiro disco e o plano que contém o eixo e o furo no segundo disco é igual a 45°.Determine a
velocidade do projétil, sabendo que entre as duas perfurações, os discos giraram menos que
meia volta.

a) 200 m/s
b) 400 m/s
c) 600 m/s
d) 800 m/s
e) 1000 m/s

14) Um automóvel executa uma volta completa em uma pista circular, em dois minutos,
mantendo constante a indicação do velocímetro. Em um dos pontos da trajetória, a aceleração
vetorial do automóvel tem módulo igual a 4 m/s2. O raio da pista é aproximadamente igual a:

a) zero
b) 500 m
c) 1 000 m
d) 1 500 m
e) 3 000 m
15) Uma partícula P move-se em trajetória circular de centro O, tendo velocidade escalar v0 =
8,0 m/s no instante t = 0. No instante t = 1,0 s a aceleração vetorial instantânea a tem módulo
20 m/s2 e está representada no desenho.
Sabendo que sen θ = 0,60 e cos θ = 0,80, calcule:

a) o módulo da aceleração escalar;


b) o módulo da aceleração centrípeta no instante t = 1,0 s;
c) o módulo da velocidade no instante t = 1,0 s;
d) o raio da trajetória.

16) A correnteza de um rio retilíneo com margens paralelas tem velocidade 6,0 m/s em relação
às margens. Um barco sai de uma das margens em direção à outra, com velocidade de módulo
10 m/s em relação à água, de modo que a direção de seu movimento é perpendicular à
correnteza, para um observador fixo na margem. Sabendo-se que a distância entre as margens
é 40 m, pede-se, determine a velocidade do barco em relação às margens

a) 6 m/s
b) 8 m/s
c) 10 m/s
d) 12 m/s
e) 14 m/s

17) Ao se deslocar do Rio de Janeiro a Porto Alegre, um avião percorre essa distância com
velocidade escalar média v no primeiro 1/9 do trajeto e 2v no trecho restante. A velocidade
escalar média do avião no percurso total foi igual a:

a)

b)

c)

d)

e)
18) No instante t = 0, uma partícula é lançada de um ponto O do solo (suposto plano e horizontal)
com velocidade v 0 formando ângulo θ com a horizontal. São dados g = 10 m/s2, |v0| = 100 m/s,
sen θ = 0,6 e cos θ = 0,8. Desprezam-se os efeitos do ar e adota-se um sistema de coordenadas
com origem O, como mostra a figura a

Determine
a) o módulo da velocidade no instante t = 3,0 s;
b) o instante em que a partícula atinge o solo;
c) o alcance horizontal;
d) a altura máxima H atingida;

19) Um projétil é lançado obliquamente no ar, com velocidade inicial v0 = 20 m/s, a partir do
solo. No ponto mais alto de sua trajetória, verifica-se que ele tem velocidade igual a metade de
sua velocidade inicial. Qual a altura máxima, em metros, atingida pelo projétil? (Despreze a
resistência do ar.)

a) 10 m
b) 12 m
c) 13 m
d) 14 m
e) 15 m

O enunciado a seguir refere-se às questões de números 20 e 21:

A figura representa um projétil, que é lançado do ponto A segundo um ângulo de 30° com a
horizontal, com uma velocidade v0 = 100 m/s, atingindo o ponto D. (Dados: AB = 40 m; BC = 55
m; g = 10 m/s2; sen 30° = 0,50; cos 30° = 0,866.)
20) O tempo que o projétil levou para atingir o ponto D, em segundos, vale:
a) 5,3
b) 7,8
c) 11
d) 12,6
e) 16,2

21) A distância CD, em metros, vale:


a) 418,98
b) 458,98
c) 692,86
d) 912,60
e) 1 051,16

22) Um elevador desce acelerado com aceleração de módulo 1,00 m/s2. No instante t = 0, uma
lâmpada L, que estava 1,62 m acima do piso do elevador, se desprende.
Sabendo que g = 10,0 m/s2, determine o instante em que a lâmpada atinge o piso do elevador.

a) 0,12 s
b) 0,24 s
c) 0,36 s
d) 0,48 s
e) 0,60 s

1. c 2. e 3. c 4. a 5. a 6. d 7. c 8. e 9. 2 s; 10. d
52 m
11. b 12. b 13. d 14. d 15.a) 12 m/s² 16. b 17. a 18 a) 10√73m/s
b) 16m/s² b) 12 s
c) 20 m/s c) 960 m
d) 25 m d) 180 m
19. e 20. c 21. d 22. e