Você está na página 1de 54

Palavra do Fundador

Quando decidimos fundar a SMAR, em 1974, tínhamos como objetivo a introdução de


serviços otimizados na manutenção de turbinas a vapor, numa região que, até hoje,
é conhecida como o mais importante pólo açucareiro do Brasil. Posteriormente, em
1979, tomei a iniciativa de convidar a fazer parte da SMAR a equipe de engenheiros
eletricistas e eletrônicos da antiga Zanini, chefiados pelo meu amigo Edmundo Gorini.
Esta decisão provou ser o impulso que levou a empresa a um grande projeto de
automatização, que iria revolucionar o setor sucroalcoleiro do Brasil de tal forma, que
nunca mais voltaria a ser o mesmo.
Imersos como estávamos numa região açucareira, foi natural que os primeiros
desenvolvimentos da nova equipe de controle da SMAR fossem inteiramente dedicados a soluções sucroalcoleiras, e
assim surgiu, no mesmo ano de 1979, entre outros, a Automatização da Alimentação da Moenda, da forma que hoje se
conhece, com a sincronização das esteiras de alimentação, o controle do nível do chute ou da “bica de alimentação” e
a proteção de picadores e desfibradores.
O setor sucroalcoleiro sempre nos acolheu com muito entusiasmo, e foi nos engenhos e usinas onde quase todos os
atuais produtos SMAR, que hoje são sucesso em 65 países, foram primeiramente testados, com a colaboração e o
apoio dos nossos amigos usineiros, que sempre acreditaram na possibilidade de desenvolver tecnologias próprias
para o setor. O intercâmbio de experiências entre a SMAR e o processo sucroalcoleiro provou ser dinâmico e frutífero
e a SMAR soube responder à confiança com produtos cada vez mais aprimorados, mais robustos, com maior conteúdo
tecnológico e a preços cada vez mais convenientes.
Se a SMAR é, hoje em dia, uma referência mundial para o açúcar, isto se deve em parte ao Setor Sucroalcoleiro Brasileiro,
que atuou generosamente como um enorme laboratório, onde se fundiram os nossos sonhos, Produtores de Tecnologia
Brasileira, e os sonhos dos Produtores de Açúcar e do Álcool.
O Brasil é reconhecido hoje como o maior produtor de cana, de álcool e de açúcar do mundo. Tudo isso somado a um dado
que valoriza enormemente este primeiro lugar: o Brasil não só é o maior, senão também o de menor custo de produção, e
isso se consegue só de uma forma: modernizando o parque instalado de máquinas, aprimorando o processo de produção
e automatizando o complexo trabalho das usinas, e esta é, indiscutivelmente, a grande contribuição da SMAR.
Hoje, 34 anos e cinco PGD’s (Planos Gerais de Desenvolvimento) depois, somos produtores de tecnologia de Automatização
e Controle, líderes em Fieldbus e exportadores de tecnologia e instrumentos para 65 países, com presença reconhecida
em campos tão diversos como Petroquímica, Papel e Celulose, Mineração, Alimentos, Cimento e Siderurgia, aos quais temos
a responsabilidade de levar os frutos plantados na fértil terra do açúcar, onde a vida é simples, porém produtiva.
Muita gente me pergunta como eu me sinto por ter fundado uma família que, de início, tinha três membros e hoje já está
com 1047 e continua crescendo. Eu só posso dizer que são como filhos em torno de um ideal e que cuidam e produzem
como quem cria, por sua vez, os seus próprios filhos. Estes nossos filhos, produtos da nossa empresa, vão, pelo mundo,
às vezes, vestidos de cores e aparências diversas, com nomes em línguas irreconhecíveis, fazendo parte de processos
complexos e máquinas estranhas. Conservam, no entanto, o seu coração açucareiro. Esta é a nossa característica: a
SMAR tem o cheiro, o sabor e a energia do açúcar.
Nós somos açúcar e, como o açúcar, queremos ser o melhor para o cliente e para a sociedade como um todo.

Mauro Sponchiado
Vice-Presidente
Smar Equipamentos Industriais

smar 2
Smar: uma tecnologia revolucionária 2003

que está mudando o mundo Liderança Absoluta

da automação.
2000
Reconhecimento no mercado

1999:
Selo comemorativo de 25 anos

1992:
FB 1050 Primeiro Chip Fieldbus

smar
1988:
Participação efetiva no mercado
internacional

1984:
Primeiro sistema supervisório de
controle e aquisição de dados
baseado no PC.

1974:
Mauro Sponchiado e
Martinucci criam a Smar

3 smar
A Satisfação do Cliente

“O sucesso com a automação da usina foi tão bom que, a cada resultado alcançado, damos continuidade safra à
safra”.
Esse processo iniciou-se com a automação das caldeiras, em 1998, e até hoje estamos automatizando toda a
nossa área industrial a partir de um plano diretor desenvolvido com muito critério pela Smar.”
Marco Antonio Barreto Miranda
Gerente Industrial Us. Mandú S/A - Guaíra - SP

“Admiramos a Smar como fornecedora de automação, não só pela qualidade de seus produtos, mas principalmente
pelos serviços prestados”.
“Além de sermos muito bem atendidos pelo Setor de Revisões e Assistência Técnica, destacamos também as
equipes de engenharia, vendas e treinamento”.
Carlos Silva Caetano - Encarregado Depto de Instrumentação
Luís César Zíngaro - Eng. Elétrico
Us. Moema S/A - Orindiúva - SP

“Sou testemunha, há quase duas décadas, da participação da Smar na evolução tecnológica dos processos
industriais do Grupo Carlos Lyra.”
“Os investimentos realizados, além de terem trazido retorno imediato, permitiram que a integração dos processos
e de todas as unidades do Grupo fosse implementada de uma maneira mais eficiente”
“Quero ressaltar três aspectos importantes:
• confiabilidade dos produtos
• versatilidade das aplicações
• evolução tecnológica
Isso nos faz ter orgulho da Smar e do Brasil “
Maurício de Veras Souza
Ger. Corporativo de Automação Grupo Carlos Lyra - Usina Caeté - São Miguel
dos Campos - AL

“Temos com a Smar um excelente relacionamento”.


“Os produtos e serviços por ela fornecidos, além de permitir o aumento de produtividade no processo industrial,
agregam um valor significativo na capacitação profissional de nosso corpo técnico”
José Raimundo Nonato
Gerente Industrial Barralcool S/A - Barra do Bugres - MT

“A evolução e a prosperidade no setor sucroalcooleiro, vem trazendo empresas cada vez mais parceiras
e competentes no que faz, e no que se propõe a fazer, trazendo soluções tecnológicas com alto grau de
responsabilidade e confiabilidade. Com a SMAR não é diferente, empresa com profissionais qualificados e
aplicações cada vez mais interessantes. É parceira de muitos anos do grupo João Lyra, trazendo soluções de
controle e automação de ponta, para o nosso dia a dia, não somente no calor do imediatismo, como também, num
planejamento estratégico de médio e longo prazo. Visando sempre melhoramentos contínuos, em todo processo
da fábrica e sempre em conjunto com nosso corpo técnico. Por isso, continuamos parceiros até hoje”.
Eng. Laudemir José Barros Mendes
Superintendente Industrial Nordeste - Grupo João Lyra

“Sabemos que a Smar está na frente dos outros fornecedores, porque seus equipamentos funcionam e funcionam
muito bem”.
“Além disso, somos atendidos por uma equipe que nunca deixou nada a desejar”.
Nilton Inácio de Alcântara
Grupo Aralco S/A - Araçatuba - SP

smar 4
“O sucesso nos números de produção alcançados pela Usina Itapagipe desde a sua primeira safra, deve-se em
grande parte ao bom funcionamento de toda a automação fornecida pela Smar.”
Eng. Paulo Takeu Kamimura
Gerente Industrial da Usina Itapagipe

“Além de oferecer produtos e sistemas de automação de excelente qualidade e de alta tecnologia, a Smar possui
uma equipe técnica que sempre nos atendeu de maneira diferenciada, com destaque as áreas de engenharia de
aplicações, instalações e de comissionamento e partida dos equipamentos”.
Eng. Paulo Henrique Pompeu Trazzi
Gerente Industrial - Usina Guariroba

“Admiramos a Smar por sua constante evolução. Também reconhecemos seu comprometimento em atingir a
completa satisfação de seus clientes.”
“É ótimo você ter um fornecedor que, quando você fala ,você é ouvido!”
Arthur Alvarenga
Grupo Aralco S/A - Araçatuba - SP

“A razão pela qual adquirimos os sistemas de automação da Smar para todas as nossas unidades é que a Smar,
além de nossa antiga fornecedora neste tipo de equipamentos, detém sua própria tecnologia, desenvolvendo
sempre as melhores soluções para as necessidades do setor”.
Gerentes e Diretores do Grupo Santa Teresinha S/A - sentido horário
Carlos Pereira de Paula - Ger. Manutenção - unidade Iguatemi
Gilberto Luiz Gualtieri - Ger. Industrial - unidade Paranacity
Sidney Meneghetti - Diretor Industrial - unidade Iguatemi
João Meneghetti - Diretor Industrial - unidade Paranacity
Francisco Meneghetti - Diretor Industrial - unidade Ivaté
Fernando Avelar - Ger. Industrial - unidade Ivaté
Estado do Paraná- PR

“Temos um excelente relacionamento com a Smar desde a sua fundação”.


“Sempre acreditamos na sua equipe e nos seus produtos, desde os primeiros controladores na década de 80,
chegando aos sistemas fieldbus pioneiros nas usinas de açúcar do Brasil”.
José Morais e
Ademir Pitske - Grupo Unialco S/A - Guarapes - SP

“Temos alcançado um sucesso com a automação da usina que, ano a ano, damos continuidade”.
“Esse processo iniciou-se com a troca de equipamentos de outros fornecedores na área de tratamento do caldo
e, atualmente, com o uso dos sistemas supervisórios, temos um gerenciamento centralizado, proporcionando
uniformidade em todo o processo da usina”.
Gérson Forti e
Sílvio Redígolo - Grupo COSAN - Regional / Araçatuba

5 smar
Portifólio de produtos

Smar: A referência perfeita para sistemas de controle em usinas


de açúcar

Pressão + Pressão Diferencial + Nível

LD301 LD301 LD301

LD302 LD302 LD302

LD303 LD303 LD303

Transmissor de Transmissor de Nível Transmissor LD com Selo


Pressão Diferencial Sanitário Remoto SR301E

LD301 LD400 LD301

LD302 LD302

LD303 LD303

Transmissor de Transmissor de Pressão Transmissor de Pressão


Pressão Manométrica com alta performance Absoluta

RD400

LD301

LD302

LD303

Transmissor de Nível Transmissor LD com Selo


por ondas guiadas Remoto Flangeado Tipo T

smar 6
LD301 LD301

LD302 LD302

LD303 LD303

Transmissor LD com Selo Transmissor LD com Selo


Remoto Sanitário SR301S Remoto Rosqueado SR301R

LD301 LD290
LD291
+
LD302 Válvula LD292
Manifold
LD303 LD293

Transmissor de Nível Transmissor de Transmissor de


Pressão 4 a 20 mA Baseado em Pressão Manométrica
Microprocessador

Transmissores de Densidade / Concentração

Modelos Sanitários

DT301

DT302

DT303
Modelos Industriais

7 smar
Posicionadores e transmissores de posição

FY301 FY301
FY400 FY302
FY302

FY303 FY303

Posicionadores Posicionadores Posicionador de Válvula


de Válvula de Válvula com Sensor Remoto

ACP301
TP301
ACP302
TP302
ACP303
TP303

Atuador Cilíndrico Transmissor de Posição


Pneumático

Configuradores e Interfaces

CONF401 HPC301 HI321 HI311


Configurador HART® Configurador HART® Interface USB Interface Serial
para Palm HART® HART®

Temperatura

TT301 TT421
TT411
TT302
TT423
TT303

Transmissor Transmissor de Transmissor de


de Temperatura Temperatura para Temperatura para
Montagem em Painel Montagem em Cabeçote

smar 8
Conversores Chips Controladores

FP302

FP303 DeviceNet
TM

HT2015
Conversor de Fieldbus / Modem HART® LC700
PROFIBUS PA para Sinal Controlador Lógico
Pneumático Programável

IF302

IF303
HT2012
Modem HART®
Conversor de Corrente para
Fieldbus / PROFIBUS PA

FI302 Controlador Digital


CD600 Plus
FI303
FB2050
Controlador de
Conversor de Fieldbus / Comunicação
PROFIBUS PA para Corrente

DeviceNet
TM

FB4050 - TQ
Controlador de
Comunicação DFI302
Interface Universal
Fieldbus

HI302
Interface HART® / Fieldbus Planta Didática
FB3050 - TQ
Controlador de
Comunicação

HT3012 - TQ
Coprocessador Matemático,
HCC301 Controlador de LCD e
Conversor HART® Conversor D/A
para Corrente Modem HART®

9 smar
Auxiliares Outros

AM01P RP302 RP312


Estação de Transferência Repetidores Fieldbus H1
Automático / Manual

4-20 mA

JM1
Caixa de Junção

CIV200P 4-20 mA
Conversor de Corrente
para Voltagem

JM400 Válvulas Manifold


Caixa de Junção

IS400P
Distribuidor de FR302
Sinal e Isolador Relé Fieldbus
BT302
Terminador Fieldbus /
PROFIBUS PA

DF52 SB312 DF47 DC302


Fonte de Alimentação Barreiras de Segurança Entrada e Saída Remota
H1 Intrínseca

smar 10
Sistemas e Soluções com SYSTEM302

DeviceNet
TM

STUDIO302 AUDITFLOW
Sistema de Medição de Vazão

DeviceNet
TM

CONF700
Software de Configuração
PROCESSVIEW
Supervisório

DeviceNet
TM

SYSCON
Configurador de Sistema CONF600 Plus
Fieldbus Software de Configuração

ASSETVIEW
Ferramenta de
Gerenciamento
de Ativos

LOGICVIEW FOR FFB


Ferramenta de Programação
Ladder para Blocos Funcionais
Flexíveis
EQUIPMENT DATABASE
Gerenciador de Informações
de Planta

11 smar
Arquitetura do SYSTEM302

smar 12
13 smar
Prêmios e Reconhecimento

1992:
2ª empresa brasileira a ser certificada.

1994:
LD302 Transmissor de Pressão Fieldbus - Prêmio de Melhor Produto recebido da revista Control
Engineering.

1997:
FY302 Posicionador de Válvulas Fieldbus - Prêmio de Melhor Produto recebido da revista
Control Engineering.

1999:
Prêmio Excelência em Documentação - “Addressing Benefits and FAQ’s of Fieldbus Based
FCS Architecture”
Eng. Jonas Berge.

2000:
Prêmio Excelência em Documentação - “Reliability with Foundation Fieldbus”
Eng. Claudio Fayad e Eng. Pedro Biondo.

2000:
Membro do Grupo “Data Link Bridge”, no Programa de Desenvolvimento do High Speed Ethernet
Eng. Libânio Carlos de Souza.

smar 14
2001:
DT301 Transmissor de Densidade
Prêmio de Melhor Produto recebido da revista Control Engineering.

2001:
Primeiro Dispositivo HSE registrado.

2001:
Prêmio Albert F. Sperry
Outorgado pela ISA em reconhecimento à dedicação da Smar em prol
da Tecnologia Fieldbus.

2001:
Prêmio TOP Fornecedor de Soluções Industriais.

2001:
Prêmio Master Cana - Empresa de Automação
PRÊMIO MASTER FIVE - 5 melhores empresas do setor sucroalcooleiro.

2001:
Prêmio Master Cana - Automação de
Fábrica de Açúcar. 2002:
Prêmio IAN Magazine
Excellence Awards - DC302

2002:
Prêmio FIMEP de Inovação Tecnológica.
Região Sudeste.

2003:
Prêmio de inovação FINEP - AssetView

15 smar
Patentes

A Smar obteve várias patentes, que


protegem seus produtos.

smar 16
Otimização de Processos

Desenvolvido de forma inovadora e com foco em resultados, o SYSTEM302 proporciona


aos diversos segmentos empresariais vantagens competitivas inigualáveis, seguras e
com excelência operacional. A flexibilidade e capacidade de ampliação da arquitetura do
SYSTEM302 permitem a rápida e fácil reconfiguração e expansão do sistema para novas
condições, sem maiores investimentos.

Todo o ambiente do SYSTEM302 é voltado para a convergência das tecnologias de


automação e informação. O resultado é uma arquitetura robusta, segura e integrada com
infra-estrutura baseada em Ethernet, que torna possível a utilização de protocolos de
comunicação padronizados e não-proprietários, como o HSE – High Speed Ethernet. A
conectividade com a Internet/Intranet possibilita o gerenciamento completo de unidades a
partir de uma sala de controle central, não importando se estão em rede local, espalhadas
em uma região ou ao redor do mundo.

Com plataforma abrangente e totalmente digital, suporta, além de tecnologias convencionais,


diversos barramentos e protocolos mundialmente reconhecidos como: Foundation fieldbus,
HART, AS-Interface (AS-i), DeviceNet, Modbus, PROFIBUS-DP e PROFIBUS-PA.

A experiência da Smar em controle de processos, agrega mais valor ao sistema, baseado


no domínio de diversos tipos de aplicações, oferecendo segurança e facilidades adicionais
para os usuários.

O pioneirismo e liderança em redes de campo, com milhares de sistemas instalados no


Brasil e exterior, comprovam nosso domínio tecnológico passos à frente dos demais
fabricantes.

17 smar
Ao escolher o SYSTEM302 veja seus principais benefícios:

Equipe de engenharia e projeto;


Menor custo inicial;
Maior facilidade e rapidez no aprendizado;
Maior segurança;
Engenharia simplificada;
Maior disponibilidade e integridade das informações;
Análise e diagnósticos extensos;
Interoperabilidade;
Flexibilidade;
Integração com equipamentos existentes;
Menor custo de expansão e modificação;
Menor custo de manutenção;
Soluções convencionais e inteligentes;
Treinamento e apoio;
Operação facilitada;
Maior aproveitamento de capacidade instalada;
Maior proteção e segurança na operação.

smar 18
Galeria de Aplicações

A Smar, desde 1974, tem se dedicado ao desenvolvimento de produtos destinados ao


setor sucroalcooleiro.

Exemplo de tal dedicação é o produto DT301-Touché, atualmente a ferramenta mais eficiente


para medição de Brix “on line”, cuja performance atrai diariamente a atenção das equipes
responsáveis por aplicações em usinas de açúcar, chegando à marca de 15 aplicações em
uma única usina.

Comprometida com a contínua melhora da eficiência em processos sucroalcooleiros, a história


da Smar se funde com a história do setor.

Nas páginas seguintes, estaremos mostrando como a experiência da Smar pode contribuir
para a otimização das usinas, bem como os resultados globais alcançados no decorrer de
quase três décadas de trabalho.

19 smar
Soluções de Automação Smar

Em quase quatro décadas de atuação, a Smar desenvolveu Soluções de Automação

Recepção e Pesagem de Cana Preparo e Extração


Pág. 22 Págs. 23 a 25

Tratamento do Caldo
Págs. 26 e 27

Produção de Álcool
Págs. 40 a 42

smar 20
para todas as etapas de produção, aprovadas em milhares de instalações.

Utilidades, Energia e Vapor Terminal de Açúcar


Págs. 43 a 46 Pág. 47

Evaporação e Flotação de Xarope


Págs. 28 e 29

Fábrica de Açúcar Centrifugação e Secagem de Açúcar


Págs. 30 a 32 Págs. 33 a 35

Refinaria de Açúcar Açúcar Líquido


Págs. 36 e 37 Págs. 38 e 39

21 smar
Recepção e Pesagem de Cana

• Emissão Automática de Boletim


• Fundo Agrícola
• Identificação do Talhão de Cana
• Identificação do Motorista do
Caminhão
• Identificação do Compartimento do
Caminhão
• Identificação da Carregadeira
• Identificação do Operador da
Carregadeira
• Identificação do Operador do
Reboque
• Registro de Peso
• Apuração de Conformidade

Os Sistemas de Automatização Smar estão presentes em todas as fases do


processo de produção do açúcar e do álcool. É justamente na recepção da cana,
em seu preparo e na sua moagem ou difusão, quando os riscos de perdas são
maiores, que os Sistemas Smar mostram a sua eficácia.

smar 22
Preparo e Extração

• Sincronismo de Esteiras
• Nível de Cana no 1º Terno
• Proteções do Preparo de Cana
• Velocidade das Turbinas
• Vazão de Água de Embebição
• Temperatura da água de embebição
• Nível da Caixa de Caldo
• Divisão do Caldo para Fábrica e Destilaria
• Comando e Intertravamento de Motores
• Limpeza Automática de Moenda e Peneira
Rotativa
• Flutuação do Rolo Superior dos Ternos
de Moenda
• Temperatura dos Mancais dos Acionamentos
• Temperatura do Vapor para as Turbinas
• Pressão do Vapor para as Turbinas
• Pressão de Óleo de Lubrificação dos
Acionamentos
• Rotação das Mesas Alimentadores,
Esteiras e Turbinas
Maior regularidade do colchão de cana, proteção contra sobrecargas e • Umidade do Bagaço
monitoramento contínuo de temperaturas são alguns dos benefícios obtidos, • Controle de Torque - acionamento elético
• Controle de Torque - acionamento
além, é claro, da confiabilidade característica dos produtos Smar. Hidráulico
• Intertravamento dos Rolos
• Sincronismo dos Rolos
• Controle de Nível e Temperatura dos
Captadores
• Controle de Reirculação do Caldo
• Controle das Roscas Afofadoras
• Dosagem de Produtos Químicos
• Controle do pH
• Controle do Desaguador
• Controle da Secagem do Bagaço

23 smar
Paradas por embuchamentos e super aquecimento de mancais já não são mais
a realidade das usinas que utilizam os produtos da Smar.
O correto preparo da cana e a garantia de condições ideais para a extração do
caldo são alcançados com o uso de diversos produtos da Smar.

smar 24
Destacamos o LC700 como responsável por toda a lógica e o monitoramento
das diversas variáveis, incluindo o circuito hidráulico e o uso do TP301 nas
medições do deslocamento dos rolos superiores.

25 smar
Tratamento do Caldo

• pH do Caldo Sulfitado
• pH do Caldo Caleado
• Temperatura do Caldo
• Divisão do Caldo para os
Decantadores
• Dosagem de Polímero para os
Decantadores
• Retirada de Lodo dos Decantadores
• Nível da Caixa de Lodo
• Nível do Cocho de Lodo no Filtro
Rotativo
• Comando e Intertravamento de
Motores

Nos decantadores, o exclusivo medidor de concentração e densidade DT301


da Smar, o “Touché”, trouxe uma nova perspectiva de controle para a
retirada de lodo, tarefa anteriormente manual e dependente da observação
do operador.

smar 26
Caldo límpido e brilhante é fundamental para a produção de açúcar
de qualidade e também para a obtenção de um mosto com condições
adequadas de assepsia. Esse é o requisito básico para o setor de tratamento
do caldo.

27 smar
Evaporação e Flotação de Xarope

• Nível da Caixa de Caldo Clarificado


• Temperatura do Caldo
• Nível dos Pré-Evaporadores
• Brix do Caldo Pré-Evaporado
• Divisão do Caldo para Vários
Pré-Evaporadores
• Nível das Caixas da Evaporação
dos Múltiplos Efeitos
• Vazão de Caldo para as Caixas de
Evaporação
• Brix do Xarope O correto controle da evaporação do caldo é essencial para a manutenção
• Vácuo do Último Efeito da Eva-
poração de um rendimento energético elevado no processo de produção de
• Retirada dos Gases Incondensáveis açúcar e álcool. Manter as caixas de evaporação com uma elevada taxa
do 3o e 4o Efeitos
• Nível das Caixas de Condensado de troca térmica e obter um xarope de densidade adequada são algumas
• Comando e Intertravamento de das condições mais facilmente alcançadas pelo uso dos Sistemas de
Motores
• Temperatura do Caldo Clarificado Automatização da Smar. Esses sistemas são totalmente aplicáveis, mesmo
• Temperatura do Corpo das Caixas quando há grande variação na capacidade individual das caixas, múltiplos
de Evaporação
• Temperatura da Calandra das pré-evaporadores ou diversidade de concepções construtivas entre as
Caixas de Evaporação unidades existentes.
• Temperatura da Água Fria na
Entrada do Multijato
• Temperatura da Água Quente na
Saída do Multijato
• Pressão do Corpo das Caixas de
Evaporação
• Pressão do Vapor de Escape
• Pressão do Vapor Vegetal
• Condutividade do Condensado

smar 28
• Vazão de Xarope
• Temperatura do Xarope
• pH do Xarope
• Controle de Nível da Caixa de
Xarope
• Dosagem de Ácido Fosfórico
• Dosagem de Polímero
O medidor de concentração e densidade DT301-Touché da Smar tem sido • Dosagem de Descolorante
• Nível do Aerador do Flotador
apontado como a melhor opção na medição do Brix do xarope disponível • Comando e Intertravamento de
no mercado. Motores

Prova disso é a aceitação do produto pelas usinas, sendo que, em alguns casos,
utilizam o DT301 desde a medição do caldo pré-evaporado, entre efeitos e na
saída do último efeito da evaporação.
A excelente performance do produto permite ainda que manobras para limpeza
dos efeitos sejam planejadas de maneira preventiva.

Aqui, também, os Sistemas Smar


atuam em todas as variáveis do
processo, desde a correção de pH,
aquecimento, decantação, filtragem e
flotação do caldo.

29 smar
Fábrica de Açúcar

• Vácuo do Corpo dos Cozedores


• Pressão de Vapor na Calandra
• Alimentação do Produto
Açucarado
• Estabelecimento dos Grãos após
Semeadura
• Retirada dos Gases Incondensáveis
da Calandra
• Nível da Caixa de Condensado
• Nível do Cozedor
• Temperatura da Massa Cozida
• Temperatura dos Produtos na O setor de cozimento é o coração da produção de açúcar. Os Sistemas de
Alimentação
• Corrente do Motor do Agitador
Automatização para Cozedores da Smar foram desenvolvidos para que se
Mecânico obtenha a máxima flexibilidade na escolha de estratégias produtivas para
• Temperatura da Água nos
Condensadores
esse setor.
• Nível dos Cristalizadores
• Nível das Caixas de Xarope, Méis,
Magma e da Sementeira
• Pressão de Vapor Vegetal
• Descarga de Massa
• Corte de Massa
• Quebra do Vácuo
• Vapor de Limpeza
• Alimentação de Semente
• Alimentação de Água de Limpeza
• Limpeza dos Visores
• Liquidação
• Comando e Intertravamento de
Motores

smar 30
Qualquer que seja seu processo, a Smar tem sempre a melhor solução para apresentar.
Independente do tipo de massa e do produto utilizado no cozimento do açúcar, toda a seqüência
lógica de cozimento, corte e descarga dos cozedores pode, graças à versatilidade de seus
cartões, ser controlada e monitorada pelo LC700.

31 smar
Gráfico referente a um cozimento em modo manual

Gráfico referente a um cozimento em modo automático

O correto controle proporcionado pelos equipamentos da Smar asseguram estabilidade na


produção, granulometria do açúcar e, principalmente, a repetibilidade na operação ao longo
de toda a safra.

smar 32
Centrifugação e Secagem de Açúcar

• Temperatura dos Cristalizadores


• Nível dos Cristalizadores
• Ciclo das Centrífugas de Batelada
• Corrente da Centrífuga Contínua
• Vazão de Água para Centrífuga
Contínua
• Sistema de Intertravamento da
Centrífuga Contínua
• Nível das Caixas de Mel Rico, Mel
Pobre e Mel Final
• Brix do Mel Rico e Mel Pobre
Independentemente do tipo de açúcar produzido, da quantidade de massas ou da • Nível de Magma
esgotabilidade desejada, os Sistemas Smar permitem total e rápida alternância • Vazão de Água para Preparo do
Magma
entre os modos de produção, por serem facilmente configuráveis e dotados de • Nível da Caixa de Xarope Bruto
uma interface homem/máquina totalmente amistosa. A monitoração e o controle • Brix do Xarope Bruto
• Temperatura do Açúcar
dos cristalizadores, centrífugas e circuito de méis também são integralmente • Nível do Lavador
abrangidos pelo sistema. • Brix da Água Doce
• Temperatura de Ar no Secador
• Temperatura do Açúcar
• Temperatura do Vapor
• Rotação do Secador

33 smar
O correto esgotamento das massas e a reutilização dos méis são controlados
e monitorados pelo LC700 da Smar.

smar 34
Encontramos também o medidor de Brix DT301-Touché, que permite a correta
diluição dos méis, garantindo melhores índices de eficiência nesta área do
processo produtivo das usinas.

35 smar
Refinaria de Açúcar

• Brix da Calda no Diluidor


• Temperatura no Diluidor
• Vazão da Calda para o Clarificador
• Controle de Nível da Calda
• Dosagem Automática de Ácido
Fosfórico
• Dosagem Automática de Floculantes
• Temperatura da Calda
• pH da Calda
• Nível do Aerador
• Brix da Água dos Recuperadores
de Espuma
• Brix da Calda Fina
• Vácuo dos Cozedores de Refino A Smar também fornece Sistemas de Automatização específicos para a
para Granulado
• Sequenciamento das Centrífugas produção de açúcar refinado, granulado ou amorfo, ou ainda para açúcares
Automáticas líquidos, invertidos ou não. Esses sistemas permitem grande flexibilidade
• Nível do Tanque Medidor de Calda
para Amorfo operacional, monitorando ou controlando toda a gama de variáveis existentes
• Temperatura do Tacho de nesses processos.
Cozimento do Amorfo
• Controle da Batedeira de Amorfo
• Comando e Intertravamento de
Motores

smar 36
A utilização de softwares gerenciais permite que a operação seja facilitada ao
máximo. Essa é uma das razões do sucesso obtido com a implantação dos
Sistemas Smar nas mais importantes refinarias brasileiras.

37 smar
Açúcar Líquido
Sempre preocupada em estar atualizada com novas tecnologias, voltadas para o setor
de automação de controle de processos, a Smar tem obtido ótimos resultados
com a aplicação do DT301 - Touché na medição de Brix também em processos
de produção de açúcares líquidos, invertidos ou não, sempre aliados a interfaces
que facilitam e otimizam o processo.

• Vazão de Água Doce


• Nível do Tanque de Polímero
• Nível do Tanque de Ácido
Fosfórico
• Brix da Água Doce
• Nível dos Silos
• Carga da Esteira de Alimentação
• Peso do Açúcar Bruto
• Nível do Tanque Dissolvedor
• Brix do Licor
• Vazão de Licor
• pH do Tanque de Reação
• Temperatura do Licor no
Flotador
• Nível dos Filtros e Tanques de
Açúcar Líquido

smar 38
Desenvolvido para atender à grande diversificação nos
modelos de válvulas encontradas nas usinas de açúcar,
os posicionadores da Smar, linha FY, são largamente
utilizados em atuadores existentes, sejam eles lineares
e/ou rotativos em qualquer diâmetro.

39 smar
Produção de Álcool

• Brix do Mosto
• Vazão do Mosto
• Nível das Dornas de Fermentação
Contínua
• Pressão nas Dornas de
Fermentação Contínua
• Temperatura das Dornas de
Fermentação
• Vazão de Água para a Cuba
• pH do Fermento
• Vazão de Fermento
• Corrente dos Motores das Centrífugas
• Nível da Dorna Volante
• Nível da Caixa de Melaço A multiplicidade e a variação das características das matérias primas
• Temperatura do Melaço utilizadas para a produção de álcool, além dos requisitos do processo
• Temperatura do Mosto
• Temperatura do Caldo fermentativo e das exigências energéticas e de controle de desidratante
• Temperatura do Mosto das colunas de destilação, tornam essenciais os Sistemas de Automatização
• Temperatura da Água de
Refrigeração de Destilarias Smar.

smar 40
São aplicáveis tanto à fermentação contínua ou de batelada, a aparelhos de
álcool hidratado ou anidro. Nestes últimos, se adequam a colunas que operam
com diversos tipos de desidratante, como hexano ou etileno-glicol ou, ainda,
a peneiras moleculares.

41 smar
• Pressão das Colunas A, B, C e P
• Alimentação de Vinho para Coluna A
• Nível da Calandra da Coluna A
• Retirada de Álcool
• Nível dos Tanques de Refluxo
• Acidez do Álcool Hidratado
• Alimentação de Desidratante
(Ciclo- Hexano ou Etileno-Glico)
• Nível da Coluna C
• Extração do Ternário da Coluna C O sucesso do medidor de concentração e densidade
• Vazão de Ter nário para o
Decantador de Ciclo-Hexano DT301-Touché da Smar deve-se em grande parte às
• Nível de Interface do Decantador várias aplicações nos setores de fermentação e produção
de Ciclo-Hexano
• Extração do Desidratante de álcool, controlando as seguintes variáveis:
Recuperado • Medição do Brix das dornas
• Temperatura dos Condensadores
• Temperatura do Vinho • Correta diluição do mosto
• Temperatura das Colunas de • Medição de tanques com produtos desidratantes
Destilação
• Temperatura do Decantador de • Graduação alcoólica
Ciclo-Hexano Estes são exemplos da notável performance do produto
• Temperatura da Água de
Refrigeração na produção de álcool, seja ele hidratado ou anidro.
• Temperatura do Vapor
• Pressão do Vapor
• Pressão do Vinho
• Vazão de Vinho para a Coluna A
• Vazão de Vapor para as Colunas
de Destilação
• Vazão de refluxo do Ternário
• Comando e Intertravamento de
Motores

smar 42
Utilidades, Energia e Vapor

• Rotação da Turbina
• Freqüência
• Tensão do Gerador e Rede
• Sincronismo de Fases e Freqüência
• Atuação Sincronizada de Disjuntores
• Potência Gerada em Função do
Consumo
• Exportação e Importação de
Energia
• Vibração do Conjunto Turbina e
Gerador
• Grandezas Elétricas do Gerador
e Cubículos de Distribuição
• kW
• kWh
• kvar
• kvarh
• Fator de Potência
• Tensão
• Corrente
• Status de chaves e disjuntores
• Trip de Reles de Prote

A geração de energia e a sua constância são fundamentais para que todos


os demais setores da indústria de açúcar e álcool operem corretamente. A
Smar também está presente nas centrais de geração de energia elétrica,
efetuando o controle de variáveis críticas em turbinas de múltiplo estágio e em
turbogeradores.

43 smar
O Controlador Microprocessado Multi-Loop
CD600 da Smar é amplamente conhecido no setor
sucroalcooleiro.
Simplicidade de configuração, extensão da biblioteca
de blocos configuráveis, versatilidade e confiabilidade
são algumas das características responsáveis pelo
sucesso deste produto.
A estabilidade proporcionada pelo equipamento no
controle de variáveis, como a produção de vapor,
assegura maior tranqüilidade para as equipes de
operação e eficiência das caldeiras.

smar 44
• Nível do Tubulão
• Vazão de Vapor
• Vazão da Água de Alimentação
• Temperatura da Água de Alimentação
• Pressão da Água de Alimentação
• Pressão do Vapor
• Master de Pressão do Vapor com
Ajuste Individual
• Pressão da Fornalha
• Temperatura da Fornalha
• Temperatura do Vapor Superaquecido
• Nível do Desaerador
• Pressão do Desaerador
• Descarga de Fundo Automática
• Limpeza Automática das Grelhas
• Sopragem de Fuligem Automática
• Redução de Pressão de Vapor
Direto para Vapor Escape
• Redução de Pressão de Vapor de
Escape para Vapor Vegetal

45 smar
Sistema de Segurança das Caldeiras
• Desarme de Motores (Ventiladores
Forçados e Induzidos)
• Desarme da Turbina do Ventilador
Induzido
• Desarme dos Dosadores de Bagaço
• Pressão do Tubulão de Vapor
• Pressão do Ar no Pré-Aquecedor
• Pressão dos Gases no Pré-Aquecedor
• Pressão dos Gases no Economizador
• Pressão da Água de Alimentação
• Temperatura do Vapor no Tubulão
• Temperatura do Ar no Pré-Aquecedor
• Temperatura dos Gases no A Smar acumula uma enorme experiência no fornecimento de sistemas para
Pré-Aquecedor
• Temperatura dos Gases no controle de caldeiras a vapor, independentemente de capacidade de produção
Economizador ou pressão de trabalho. Mais de 80% das caldeiras em operação nas usinas
• Temperatura da Água no
Economizador brasileiras empregam Sistemas de Automatização Smar, que é também fornecedora
• Rotação dos Dosadores de Bagaço dos mais importantes fabricantes deste tipo de equipamento.
• Rotação da Turbina do Exaustor
• Rotação da Turbobomba de Água de
Alimentação
• Corrente dos Motores (Ventiladores,
Exaustores e Bombas de Água)
• Comando e Intertravamento de
Motores

smar 46
Terminal de Açúcar

• Controle dos Silos


• Sincronismo das Esteiras
Transportadoras
• Carga das Esteiras Transportadoras
• Carga do Elevador de Canecas
• Acionamento do Tripper
• Seleção de Abertura das Válvulas
de Estocagem
• Comando e Intertravamento de
Motores
• Alarmes e Trips de Segurança

Na sala de controle, um sistema supervisório comunica-se com o LC700 e


se encarrega de proporcionar uma interface homem máquina adequada aos
operadores do terminal.
Na medição de variáveis de campo também são empregados transmissores Smar da
linha LD301, assim como posicionadores de válvulas inteligentes, linha FY301.
É a Smar demonstrando a sua eficácia por meio da sua linha de produtos aplicados
em sistemas de controles integrados, voltados para o setor sucroalcooleiro.

47 smar
Resultados Globais
• Maior eficiência energética
• Controle sobre todo o processo
• Aumento de eficiência industrial
• Melhor qualidade do açúcar(menor cor, maior filtrabilidade, menor unidade, melhor fator de
conservação, etc)
• Diminuição das perdas industriais e maior facilidade em descobrir as suas causas
• Elevação da observância aos padrões tecnológicos estabelecidos
• Maior recuperação de condensado nos equipamentos de troca de calor
• Elevação de nível técnico dos operadores
• Eliminação dos trabalhos de rotina que consomem tempo e atenção dos operadores, que podem
assim dedicar mais tempo à otimização do processo
• Maior facilidade de manutenção, já que cada equipamento de processo possui um registro histórico de
seu funcionamento e comportamento
• Possibilidade de estabelecer uma estratégia de operação para cada situação operacional da fábrica,
sem que exista interferência entre as áreas
• Otimização do pessoal de operação
• Centralização da operação, que permite a tomada de decisões operacionais com maior certeza
• Maior quantidade de informações sobre o processo
• Maior facilidade de operação
• Maior aproveitamento da capacidade instalada
• Estatística real e confiável dos dados de processo
• Maior proteção e segurança de operação
• Disponibilidade de informação entre as áreas, facilitando a operação
• Possibilita a implantação de Sistema de Gestão Empresarial na indústria, permitindo a integração do
processo industrial e da administração.

smar 48
Smar oferece soluções para o mercado de biocombustível

A busca por energia limpa a fim


de neutralizar os efeitos ambientais,
socioeconômicos e políticos destrutivos
do petróleo tem envolvido o Brasil em
um cenário de expectativa devido ao seu
potencial para pesquisa e produção desse
novo tipo de energia.
Nesse ambiente, o etanol produzido
a partir da cana-de-açúcar, se destaca
como combustível limpo e alternativo
ao petróleo, tanto no campo quanto
nos centros urbanos. Mas o Brasil não
possui apenas o etanol como alternativa.
Retirado de óleos vegetais de girassol,
soja, mamona, palma, babaçu e amendoim
por meio do processo de Transterificação,
o biodiesel também encabeça a lista de
produtos limpos e renováveis.
O biodiesel é um éster de ácido
graxo que pode ser misturado, em
diversas proporções, ao óleo diesel
comum sem alterar o desempenho dos
motores automotivos ou geradores de
eletricidade ou calor.
O Brasil pode se tornar grande produtor
de biodiesel devido às suas condições
climáticas, hídricas e geográficas (terreno
de boa qualidade e grandes extensões
ainda não exploradas), o que influencia
no baixo custo de produção e na alta
produtividade.
A capacidade de produção de biodiesel no
país trouxe à Smar a possibilidade de entrar
em um mercado novo e reconhecidamente
promissor. Com mais de 34 anos de
experiência e know-how em automação para
plantas de açúcar e álcool, a Smar, empresa
genuinamente brasileira, está apta a
atender ao mercado de biodiesel, trazendo
as melhores soluções industriais.

49 smar
Serviços
A Smar, desde sua a fundação, em 1974,
sempre primou pela excelência em sua
assistência técnica.
Originariamente fundada para a prestação
de serviços em turbinas a vapor, a Smar
sempre teve estreita ligação com o setor
sucroalcooleiro.
O senso de observação e a competência técnica
de seus fundadores, aliados à contratação
de novos técnicos e engenheiros, detectou a
necessidade de criar novos departamentos,
motivando-os a se concentrarem na capacitação
técnica, não só dos novos contratados, como
também dos usuários de seus produtos.
Assim surgiram:
• Engenharia de Aplicações:
Formada por vários grupos de engenheiros
especializados nos mais diversos processos
de produção.
Estes profissionais estão aptos a desenvolver
novas aplicações para todos os produtos e
sistemas Smar, adequando-os à busca de
soluções a todos os segmentos de mercado.
• Departamento de Treinamento:
Composto por profissionais da área acadêmica
oriundos de empresas e instituições de ensino
renomadas.

smar 50
• Departamento de Instalações e Assistência
Técnica:
Possui atualmente cerca de 30 profissionais
exclusivos para atendimento em campo, que,
ano a ano reciclam seus conhecimentos sobre
produtos e processos industriais, além de
uma forte estrutura de apoio e logística aos
clientes.
• Laboratório de Revisões e Metrologia:
Rapidez no atendimento e eficácia na solução
dos problemas dos clientes, este é o lema do
setor, que hoje atende os clientes de forma
diferenciada, não só na rápida manutenção de
equipamentos, mas estendendo estes serviços
a empresas certificadas que necessitam de um
atendimento dentro das exigências dos órgãos
homologadores.
É por essas e por outras tantas razões que as
modernas unidades produtoras de açúcar e
álcool têm constantemente eleito a Smar para
o fornecimento de equipamentos e soluções,
reafirmando a sua posição de “líder em
automação”.

51 smar
Galeria de Outras Aplicações
A Smar, além de toda sua experiência junto ao
setor açucareiro, também possui outras aplicações
junto aos demais segmentos produtivos.

Cervejaria
Alimentos
• Malteamento • Silos • Preparação • Mosturação
• Evaporadores • Misturas e bateladas • Fermentação • Maturação • Filtração
• Retorta • Fermentação • Acabamento • Envase • Pasteurização

Biodiesel Farmacêutico
• Reatores • Decantadores • Lavagem • Purificação • Aplicações para HVAC •Injetáveis • Cremes
• Evaporadores • Pós e comprimidos orais • Defensivos animais
• Iluminação • CIP

Energia
• Estratégias de gerenciamento das caldeiras Têxteis
• Monitoração de desempenho • Parada de emergência • Tecelagem•Tingimento

smar 52
Metalurgia Mineração
• Altos-fornos • Fundição contínua• Fornos de reaquecimento • Beneficiamento de minérios • Piro/hidroprocessamento
• Tratamento biológico dos efluentes • Refino eletrolítico • Moegas • Moinhos de esferas
• Linhas de recozimento • Sinterização • Sistemas de flotação • Separadores magnéticos
• Fornos de calcinação

Celulose & papel


Petróleo & gás
• Preparação de massa • Caixa de entrada
• Branqueamento • Caldeira de recuperação • Plataformas, oleodutos e gasodutos
• Craqueamento catalítico • Colunas de destilação
• Detecção de vazamento de óleo e gás • Reatores

Saneamento
• Retrolavagem de filtros • Tratamento químico
• Nível do classificador • Monitoração de estações
Química & petroquímica
remotas • Processamento de lodo • Contator • Colunas de destilação • Reatores • Evaporadores
biológico rotativo • Secagem de lodo • Controle • Trocadores de calor • Misturadores • Tancagem
do incinerador

Ensino e pesquisa
Vidro • Plantas Didáticas • Demokits
• Fornos de vidro • Fornecedoras •Tratamento térmico • Projetos de automação para planta piloto

53 smar
Mensagem
smar
www.smar.com.br
Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta.
Informações atualizadas dos endereços estão disponíveis em nosso site.

web: www.smar.com/brasil2/faleconosco.asp

©Copyright 2003 - Smar Equipamentos Industriais - todos os direitos reservados. - Setembro/2008