Você está na página 1de 27

Cinesiologia e Biomecânica

Aula 1

Prof. Me. Claudio Peixoto


Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento


A Cinesiologia deve ser compreendida a partira da
junção de duas palavras, que são: - “kinein” (mover) +
“logos” (estudar). Assim, deve ser encarada como “A
ciência dos movimentos dos corpos”.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento


Para o estudo do movimento deve ficar claro que o
nosso objeto de estudo é o corpo humano, visto que
outras áreas, como à medicina veterinária também
apresenta estudos cinesiológicos.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento


Cinesiologia é a ciência que estuda os movimentos
do corpo humano, no seu sentido mais amplo. Isto é,
toda e qualquer disciplina que me permita
compreender o movimento do corpo humano, pode ser
tratada pela cinesiologia.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento


A preocupação do homem em compreender o
movimento humano não é recente. Registros indicam
que Aristóteles (384-322 a.c.), considerado o pai da
cinesiologia, já apresentava preocupação com o
conhecimento sobre centro de gravidade;
leis de movimento e de alavanca.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento


Outros pensadores também contribuíram de maneira
significativa para o aumento na compreensão do
movimento, como Galeno (129 - 199 ou 217 d.c), ao
propor o ensaio “de motu musculorum” – entre
músculos agonistas e antagonistas; nervos motores e
sensitivos e termos como diartrose e sinartrose.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Evolução histórica do estudo do movimento

Já no século XV e XVI, Leonardo da Vinci (1452-


1519) foi o primeiro a registrar dados científicos da
marcha humana.
A partir daí a cinesiologia não parou mais de evoluir,
e já no final do século XIX, início do século XX, os
conhecimentos da cinesiologia estavam divididos
em várias áreas.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

O que é a Biomecânica
A biomecânica deve ser encarada como uma
evolução ou um ramo de conhecimento da
cinesiologia. Na prática é a mecânica (ramo da física
que investiga os corpos que ocupam lugar no espaço)
dos seres vivos, ou seja, está relacionada com
movimentos, forças e dinâmica do corpo humano, e
dos seus segmentos.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

O que é a Biomecânica
A preocupação da biomecânica é com o
comportamento do segmento corporal no espaço
(relacionado a uma articulação), e ao aproveitamento
da energia gerada pelo músculo para realização do
movimento ou manutenção de uma postura
(contrações musculares).
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

O que é a Biomecânica
Como você já deve ter percebido pelo relatado acima,
os estudos na área da biomecânica envolvem
obrigatoriamente três disciplinas: a anatomia (para o
conhecimento do corpo humano); a fisiologia (permite
entender o funcionamento desse corpo) e a mecânica
(que descreve e explica como o movimento está sendo
realizado).
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

O que é a Biomecânica
“Estudo anatomofisiológico e mecânico do movimento
do homem e dos seus segmentos corporais”. Hatze
“Biomecânica é a ciência que investiga a ação das
forças internas e externas agindo sobre os corpos
vivos. Não é um conceito novo. O que é novo é um
aumento na amplitude da área de investigação da
biomecânica, para as muitas possibilidades de
movimento humano”. Miller
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Atuação da Biomecânica


Biomecânica interna
Estuda como determinar as chamadas forças internas
(forças geradas dentro do corpo humano, nas estruturas
musculoesqueléticas) e quais são as consequências que
resultam destas forças, a partir de um enfoque mecânico.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Atuação da Biomecânica


Biomecânica externa
Identifica e quantifica as forças externas (gravidade,
atrito, etc...) que estão atuando sobre o corpo e as
consequências resultantes dessas forças. Os parâmetros
podem ser quantitativos e/ou qualitativos, e devem
considerar as variações no posicionamento do corpo no
espaço em função do tempo.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Antropometria
A visão biomecânica da antropometria tem por finalidade
criar um modelo biomecânico do objeto (corpo humano
e/ou seus segmentos) a ser estudado, a partir de um
modelo antropométrico.
Para que isso ocorra, faz-se necessário a utilização de
equipamentos do tipo trena, balança, paquímetros, ou
ainda sistemas de digitais.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Antropometria
Os referenciais antropométricos podem ser a estatura, o
comprimento dos segmentos (braço, coxa, perna,...), e
ainda a massa e o volume do corpo humano e dos seus
segmentos.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Cinemetria
Os dados que são gerados pela cinemetria têm relação
direta com a cinemática, ou seja, ramo da mecânica que
se preocupa com a relação espaço/temporal.
Então, é importante reforçar que serão observados e
analisados os deslocamentos, os ângulos e os tempos
gastos para realização dos movimentos.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Cinemetria
Os recursos para obtenção de tais dados são
basicamente ópticos, isto é, vídeos, filmes e fotos, que
buscam permitir descrever os comportamentos das
variações do posicionamento do corpo humano, e de
seus segmentos no espaço, em função do tempo.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Cinemetria
As análises dos movimentos podem ser realizadas de
maneira bi ou tridimensionais, e para tanto necessitam de
referências inicial e final do movimento.
O sistema espacial de referência absoluto, segundo
Winter (1979) apud madio et al. (1996) considera como Y
– a direção vertical; X – a direção ântero-posterior e Z – a
direção médio-lateral.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Cinemetria
A cinemetria permite que sejam feitas avaliações
quantitativas e/ou qualitativas da técnica de movimentos
selecionados; de posturas e posições para análise e
correção do movimento; comparativa entre situações
propostas.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Dinamometria
Os dados que são gerados pela dinamometria têm
relação direta com a cinética, ou seja, ramo da mecânica
que se preocupa com os conceitos de força e energia
afetando no movimento.
A força é uma variável cinética que deve ser interpretada
a partir do efeito de sua ação, podendo este ser estático
ou dinâmico.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Dinamometria
Tem como base os sistemas orientados para a obtenção
das forças que irão influenciar no movimento (forças
internas e externas).
Principais sistemas usados: a) avaliação das forças de
reação do solo (FRS) – plataformas de forças; b) avaliação
da distribuição da pressão plantar (baropodometria); c)
dinamometria computadorizada – sistemas isocinéticos.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Dinamometria
Em função da mobilização da força, e do gasto de energia,
as avaliações em dinamometria consideram: - a análise da
técnica de movimento; - a análise da condição física; - o
controle da sobrecarga; e a influência de fatores externos e
internos que afetam o movimento.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Eletromiografia
As contrações musculares são atividades histoquímicas, que
geram um potencial elétrico.
Desta forma na eletromiografia são medidas as diferenças de
potenciais elétricos durante a realização do movimento ou
manutenção de uma postura, visando verificar a atividade
muscular e como consequência avaliar as ações desses
músculos, ou parte desses.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Eletromiografia
Coleta - eletrodos (normalmente bipolares) - tipo agulha, fio
ou de superfície (mais comuns).
Permite verificar: - a coordenação e da técnica de
movimento; - estabelecer os padrões comparativos entre
situações propostas de movimento; - resposta em situação
de fadiga induzida pelo treinamento.
Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Áreas de Estudos da Biomecânica


Eletromiografia

Área de colocação dos Eletrodos


Introdução ao Estudo da Cinesiologia e Biomecânica

Prof. Me. Claudio Gonçalves Peixoto


Licenciatura Plena Em Educação Física pela Universidade
do Estado do Rio de Janeiro (1985); Mestrado em Ciência
do Desporto pela Universidade do Estado do Rio de
Janeiro (2000). Professor Adjunto da Universidade Estácio
de Sá. Atua principalmente nas seguintes áreas:
biomecânica, treinamento esportivo, educação física,
treinamento desportivo e treinamento físico.
https://lattes.cnpq.br/1254931927656703
Obrigado!