Você está na página 1de 16

Apicultura

Morfologia das abelhas


Thiago Andrade
Zootecnista

1
Aspectos morfológicos das abelhas
Apis mellifera
● Apresentam um esqueleto externo chamado exoesqueleto
– Constituído de quitina
– Proteção para os órgãos internos e sustentação para os músculos
– Proteção contra a perda de água
● Corpo dividido em três partes:
– Cabeça
– Tórax
– Abdome

2
Anatomia da abelha

3
Cabeça
● Externo
– Olhos
● Simples: ocelos, captam luminosidad
● Compostos: formam imagens
– Antenas: olfato*, tato e audição
– Aparelho bucal: mandíbulas e probóscide
Zangão

4
Cabeça
● Interno: glândulas
– Hipofaringeanas
● Produção da geléia real; e
● Enzimas usadas na transformação do
néctar em mel
– Salivares
● Envolvidas na elaboração do alimento
– Mandibulares
● Produção de geléia real e de feromônios

5
Tórax
● Órgãos locomotores
– Pernas e asas
– Grande quantidade de pêlos
● Fixação dos grãos de pólen quando
as abelhas entram em contato com as
flores

6
7
Tórax
● Apresentam três pares de pernas.
– As pernas posteriores das operárias: adaptadas
para o transporte de pólen e resinas.
● Corbículas: onde são depositadas as cargas de pólen
ou resinas
– Pernas auxiliam também:
● Manipulação da cera e própolis
● Limpeza das antenas, das asas e do corpo; e
● Agrupamento das abelhas quando formam “cachos”

8
Tórax
● Espiráculos
– Órgãos de respiração
● Esôfago
– Parte do sistema digestivo
● Glândulas salivares
– Envolvidas no processamento do alimento.

9
Abdome
● Formado por segmentos unidos por membranas bastante flexíveis que
facilitam o seu movimento
● Encontram-se órgãos dos aparelhos:
– Digestivo
– Circulatório
– Reprodutor
– Excretor
– Órgãos de defesa
– Glândulas produtoras de cera

10
Abdome
● Aparelho digestivo
– Papo ou vesícula nectarífera: órgão responsável pelo
transporte de água e néctar e auxilia na formação do mel
● Possui grande capacidade de expansão e ocupa quase toda a
cavidade abdominal quando está cheio
● O seu conteúdo pode ser regurgitado pela contração da
musculatura

11
Abdome
● Glândulas produtoras de cera
(ceríferas)
– 4 pares localizadas na parte ventral do
abdome das abelhas operárias
– Secreção de cera
● A cera se solidifica em contato com o ar,
formando escamas ou placas
● São retiradas e manipuladas para a
construção dos favos com auxílio das
pernas e das mandíbulas

12
Abdome
● Ferrão
– Localizado no final do abdome
– Órgão de defesa das abelhas, apenas nas operárias e rainhas
– Seu formato o prende na superfície ferroada, dificultando
sua retirada.
– Ligado a uma pequena bolsa onde o veneno fica armazenado
● O veneno continua sendo injetado mesmo depois da saída da
abelha.
– Na maioria das vezes, o ferrão fica preso na superfície picada
● Ocorre ruptura de seu abdome e consequente morte

13
14
Abdome
● Ferrão
– Na rainha, as farpas do ferrão são menos desenvolvidas
que nas operárias e a musculatura ligada ao ferrão é
bem desenvolvida
– Rainha não o perde após utilizá-lo

15
16