Você está na página 1de 4

Data do estudo Lição 5

Texto base: 1 Samuel 17.45

Davi
Quando a
Adversidade
é Gigante
Por Ed. Helyane Sarlo

A vida é um enfrentamento diá- e incapazes de superar, aquelas


rio. As adversidades parecem ser adversidades, ali, impostas. Outro
gigantes, sem solução. Elas podem exemplo, porém, nos mostra um
nos cercar por dias, meses, ou até comportamento diferente, em que
anos, tirando o nosso sono, a nos- não houve medo nem fuga. No tex-
sa alegria e paz. Gigantes que nos to de 1 Samuel, capítulo 17, encon-
amedrontam, levando-nos ao de- tramos Davi, um dos personagens
sânimo, medo, insegurança, angús- mais notáveis do Antigo Testamen-
tia e ansiedade; insistindo em nos to. O grande diferencial deste jovem
desafiar a uma espécie de duelo foi o de não ter se acovardado; não
existencial. ter se concentrado no tamanho do
gigante, mas sim, confiado sua vida
A Bíblia Sagrada relata diversas
ao poder do Senhor dos Exércitos!
histórias que nos mostram como
agir diante deste cenário. Encon-
tramos, por exemplo, no livro de
1. O Grande Desafio
Números, capítulo 13, os espias que “Hoje desafio as tropas de
se apavoraram e desistiram da con- Israel.” (1 Samuel 17.10)
quista da terra, pois “ali viram gigan-
tes” (v.33). Logo se autoclassificaram Golias zombou, ameaçou, tentou
como pequenas, insignificantes desestruturar psicologicamente o
exército de Israel. Ele era soldado

42
filisteu, considerado gigante por ter Podemos aprender três lições
quase três metros de altura; usava importantes aqui:
um capacete de bronze e sua arma-
- Davi não se considerou autos-
dura pesava quase sessenta qui-
suficiente. Ele foi dependente de
los! Os “gigantes” que nos afligem,
Deus;
também, fazem o mesmo. Eles nos
provocam, apontam nossas fragili- - Encorajou o povo, mostrando
dades, e assim, tentam nos tornar que o Senhor lutaria por eles;
cada vez mais vulneráveis. O gigan-
te Golias tentava, a cada zombaria, - Derrotou Golias, não aceitando
bloquear a percepção que os israe- palavras de derrota, mas provando
litas tinham de Deus. De igual modo, que havia Deus em Israel.
“o gigante em nós” invade a nossa
mente, através de pensamentos, 2. Concentre-se em Deus
nos fazendo perder essa conexão “Durante quarenta dias o filis-
com Deus, roubando a nossa paz e teu aproximou-se, de manhã e
esperança; dando-nos a sensação de tarde, e tomou posição.” (1
de que estamos sozinhos. Samuel 17.16)
Davi, porém, um simples pastor Golias era um entre milhares de
beduíno, jovem, mais moço de seus outros filisteus. Todos nós temos
irmãos, surge com pedrinhas e uma muitos “gigantes”, e vez ou outra,
funda (v.40). O duelo não é venci- um toma posição de destaque. Dia
do, quando Golias cai no chão ao e noite estão ali, nos perseguindo
ser atingido pela pequena pedra, e com problemas internos e exter-
sim, por armas espirituais e genuína nos. Tudo o que vivemos no nosso
confiança em Deus. Leia os versícu- dia a dia, afeta diretamente o nosso
los de 45 até 47. Davi reconheceu físico, a nossa saúde mental e nos
que aquele filisteu afrontava o Deus confronta espiritualmente. O sofri-
Vivo, que aquela batalha era espiri- mento pode atingir essas três áreas
tual. Por isso, declarou: “Você vem e, muitas vezes, não conseguimos
contra mim com espada, lança e ter o discernimento certo para
dardos, mas eu venho em nome do combatê-lo.
Senhor dos Exércitos, o Deus dos
exércitos de Israel, de quem você Precisamos compreender que,
zomba e a quem amaldiçoa.” (v.45). as adversidades e sofrimentos fa-
O grande segredo para enfrentar o zem parte da vida. Não podemos
gigante, portanto, é manter o foco fugir da realidade, mas enfrentá-la
em Deus, em meio a muitas outras com coragem! Davi não se vitimi-
vozes. zou; ele reconhecia suas limitações,
mas se concentrava em Deus.

43
Assim, não podemos estudar a isso bastava. Por isso, diante da-
Bíblia Sagrada como uma espécie quele homem tão grande em esta-
de livro de autoajuda. Ela é o Livro tura, mesmo sem ainda ser soldado
da verdade, que abre o nosso en- de Israel, Davi estava pronto para o
tendimento para vermos a existên- duelo.
cia como de fato é, e conhecer a
Conhecer a Deus é o mais impor-
Deus e Sua ação na história huma-
tante para enfrentar as adversida-
na.
des do dia a dia, pois é necessário,
O fato de conhecer a Deus, po- para enfrentá-las, em condições de
rém, não nos impede de passar por vencer, usar as armaduras espiri-
momentos difíceis, de sentir dor, de tuais (ver 2 Coríntios 10.3-5). Em Efé-
sofrer. Todavia, nos ensina a passar sios 6.10-17, encontramos as armas
por eles, sabendo que Deus está que precisam nos revestir, pois “a
conosco. Ele tem propósitos e pro- nossa luta não é contra o sangue,
messas. Por isso, é preciso confiar nem contra a carne” (isto é, não é
n’Ele! contra seres humanos ou forças
materiais e sociais), ela é espiritual.
Depois deste duelo, Davi pas-
sou por outras situações: angús- Quando nos concentramos no
tia, medo, culpa, tristeza, raiva, os gigante, tropeçamos e caímos,
quais tentavam paralisá-lo. Assim como aconteceu com os dez espias
também é conosco. Identifique os em Números 13, e as consequên-
gigantes que assombram você e cias são altamente danosas (Núme-
encare-os, revestido da coragem e ros 14.21, 23, 29-33). Ao invés disso,
da verdade, que vêm como fruto de devemos ser como Davi, mantendo
analisá-los à luz da Palavra do nos- o foco em Deus, que é maior que
so Todo-Poderoso Deus. qualquer problema, por mais gi-
gantesco que seja (ou pareça ser). É
3. O Triunfo da Fé como diz a famosa e anônima frase:
“Não diga a Deus o tamanho do seu
“E esta é a vitória que vence problema; diga ao seu problema o
o mundo: a nossa fé. Quem tamanho do seu Deus”.
é que vence o mundo, senão
aquele que crê ser Jesus o O nosso desafio hoje é: manter
Filho de Deus?” (1 João 5.4,5). o foco no autor da nossa fé, Jesus
(ver Hebreus 12.1,2). A Bíblia Sagra-
Davi, o jovem pastor de ovelhas, da nos diz que a fé vem pelo ouvir
conhecia os perigos do campo, en- a Palavra (Romanos 10.17). Portanto,
frentando ursos e leões para pro- para nos concentrarmos em Deus,
teger seu rebanho. Ele conhecia precisamos conhecê-Lo, através da
a Deus, e era conhecido por Ele, e oração e estudo da Palavra, bus-

44
cando poder e sabedoria, vindos recem enormes, quando prestamos
d’Ele, para vencer os problemas, mais atenção neles. Concentre-se
não importando o seu tamanho. O em ouvir a voz de Deus! Feito isso,
gigante tenta nos paralisar, nos le- encare o gigante! Fugir, jamais;
var à desistência e ao cansaço físi-
co, mental e espiritual, mas o Se- 03. Cuide da sua saúde física,
nhor nos encoraja a enfrentá-lo e mental e, antes de tudo, da espiri-
vencê-lo, por meio da nossa fé! tual. Afinal, a força exterior depen-
de totalmente da plenitude interior.
Assim como Davi, não deixe o Nosso corpo precisa de alimentos e
medo vencer você; nem mesmo exercícios. Nossa mente precisa de
pensamentos autodestrutivos e
pensamentos esperançosos e posi-
pessimistas desanimarem você.
tivos. E nossa vida espiritual precisa
Nós temos pelo menos um “Golias”,
estar revestida de Deus (cada item
quando não são vários que assom-
bram nossas vidas. Porém, não es- da armadura de Deus de acordo
queça que “o Senhor dos Exércitos com Efésios 6 é uma virtude que
está conosco” (Salmos 46), e Ele nos somente é plena em Deus). Enten-
dará a vitória! da: a armadura é de Deus, porque é
a que Ele mesmo usa (Salmos 17.13;
Para Pensar e Agir 18.35; 35.2; Isaías 59.17), e a replicou
para nós a usarmos;
As adversidades e crises são
inevitáveis. Por isso, é indispensá- 04. Você não é pequeno nem in-
vel termos em mente as seguintes significante. Segundo Deus, você é
convicções: o escolhido d’Ele para vencer todo
e qualquer desafio! É só depender
01. Temos enfrentado “gigantes” d’Ele.
nunca vistos por nós, como por
exemplo: essa pandemia – Covid
19. Todavia, Deus é o mesmo, on-
tem, hoje e será eternamente. Os Leitura Diária
contextos históricos mudam, mas SEG 1 Samuel 17.1-26
não o nosso Deus; TER 1 Samuel 17.27-51
02. Assim como Davi, é preciso QUA 1 João 5.4-14
fazer a escolha de enfrentar ou fu- QUI 2 Coríntios 4.8-18
gir. Não dê ouvidos à voz do gigan-
SEX 2 Coríntios 6.4-10
te, pois ele tenta tirar a sua alegria e
paz, provocar insônia e pensamen- SÁB Romanos 8.31-38
tos depressivos. Os problemas pa- DOM Salmos 46.1-11

45