Você está na página 1de 4

As pessoas estão apreensivas e em dúvida.

(a) O que está acontecendo lhes surpreende


(b) Não sabem o que sucederá, nem como proceder
(c) Sentem-se indefesas e inseguras

Num documentário a que assisti, ouvi sobre várias outras epidemias


E que várias iniciativas no mundo monitoram novos riscos

Epidemias e pandemias importantes


(a) Peste bubônica [séc. XIV] – matou um terço da Europa [130mi],
(b) Varíola, sarampo etc. [séc. XV] – matou milhões nas américas
(c) Febre amarela [séc. XIX] – matou 50mil franceses no Haiti
(d) Peste bubônica/malária [séc. XVII] – matou 30% chineses
(e) Gripe espanhola [séc. XX] – matou 50mi no mundo
(f) Varíola – entre 1890 e 1980, matou 300mi no mundo
(g) AIDS – desde 1981 matou mais de 21mi de pessoas no mundo
(h) Gripe suína [H1N1] – 2009, mais de 500mil mortes no mundo
(i) Ebola – no surto em 2014, mais de 12mil mortos na África
(j) 650mil mortes por ano, no mundo, relacionadas à gripe
(k) Tuberculose – entre 1850 e 1950, matou 1bi no mundo, no ano
de 2016 matou quase 2mi de pessoas
(l) Doenças diarreicas – 2016, morreram quase 2mi de pessoas

No Brasil
(a) mai/09 [1º caso] e ago/09, Brasil registrou 603 mortes por H1N1
(b) em 2016, o vírus H1N1 matou 2.220 pessoas
(c) no ano passado, a grupe comum [influenza] matou 1.149, a
dengue matou 754,
(d) entre os dias 17 e 30 mar19: gripe [24 mortes hospitalizadas],
entre 17 e 25 mar/20: Covid-19 [57 mortes hospitalizadas]
Leitura de Ec 3.1-15
Escopo: O Pregador mostra que, sem a perspectiva da fé, o mundo não faz
sentido. Mas o homem de fé, teme ao Senhor e se alegra com suas
bênçãos.
Propósito: estimular os leitores a viverem de modo a agradar ao Senhor e
se disporem à vida de gratidão.
Contexto imediato: O Trecho que lemos é o início de um segundo discurso
Na seção anterior, ele mostrou que
(a) tudo é transitório
(b) os eventos se repetem ciclicamente
(c) isso ocorre independentemente do esforço do homem
(d) os efeitos da autossatisfação também são transitórios
Texto: Todas essas transições fazem parte do plano de Deus
O texto de Ec 3.1-8 não diz
1. que nós temos tempo para essas coisas
2. que nós devemos separar tempo para essas coisas
O texto de Ec 3.1-8 diz
1. que Deus opera as circunstâncias da vida
2. que Ele é o agente da mudança e da permanência das coisas
3. que ele arranja os eventos segundo Seus propósitos definidos
4. que cada evento tem seus propósitos
Nós não precisamos que o texto mencione especificamente uma epidemia
1. a lista do Pregador não pretende ser exaustiva
2. vemos que as epidemias estão entre os fatos da vida, se repetem
3. certamente, estão na agenda de Deus
Algumas aplicações importantes
(a) onde está a fé?
1. em não desfalecer por efeito dos revezes que nos acometem
2. e esperar o alívio para cada aflição [Salmo 30]
(b) onde está a sabedoria?
1. não há sabedoria em ter uma resposta única para tudo
2. não há sabedoria em lutar ou resistir ao tempo (circunstância)
3. é sábio reagir às circunstâncias diversas segundo o seu desafio
4. isso exige de nós discernir as oportunidades e as lutas
5. não apenas discernir, aproveitar as oportunidades [Ef 5.16]
O texto de Ec 3.9-15 diz
1. que, embora enigmática a sucessão de ocasiões [vv. 9-10]
2. são dignas de admiração e espanto [v. 11a]
3. será vã a tentativa de solucionar o enigma do plano divino [v. 11c]
4. isso continuará nos afligindo, porque assim fomos feitos [v. 11b]
5. então, que aproveitemos com gratidão os dons [vv. 12-13]
6. porque todo o plano será executado inexoravelmente [v. 14a, 15]
7. e isso deve nos tornar mais devotos, religiosos e piedosos [v. 14b]
Algumas aplicações importantes
(a) as exigências e os limites do nosso entendimento
1. não entenderemos totalmente os planos de Deus
2. e isso sempre nos deixará incomodados
3. mas isso não pode abalar a nossa confiança
(b) a virtude da devoção
1. em todos os tempos, há ocasião para vermos a grandeza de Deus
2. em todos os tempos, há ocasião para nos humilharmos a Ele
3. não é ocasião de temermos a morte, mas de temermos a Deus
amemos a nossa própria vida, cuidando dela [6º mand]
amemos a vida do nosso próximo, cuidando dela [6º mand]
mas amemos mais a Deus [resumo da lei!]
(c) a virtude da gratidão
1. Deus mostra que o que temos são dons, quando nos priva
2. essa é uma oportunidade para sermos gratos
3. a gratidão é um tempero que devemos saborear sobre as bênção
É como vinho que apreciamos com a comida [realça o sabor]
Cristo e o tempo
1. o tempo, que Deus comanda, aponta para Cristo
2. Ele faz do tempo oportunidade para
libertação [Gl 4.4], arrependimento e fé [Mc 1.15]
jejum e festa [Mc 2.19,20], manifestação da justiça [Rm 3.26]
julgamento [Ap 11.18]
3. Ele mesmo é o Senhor do tempo [Mt 12.8; Ap 22.13]

Você também pode gostar