Você está na página 1de 27

ÉTICA E RESPONSABILIDADE

SOCIAL
CONCEITOS FUNDAMENTAIS PARA A COMPREENSÃO DA MORAL E DA
ETICA
• Em nosso tempo tem-se falado muito sobre a ética. Propagandas de
produtos informam que foram “fabricados com ética”; funcionários
são levados a fazer cursos de ética para se “qualificar e agregar
valores nos âmbitos pessoal e empresarial”... Os planejadores
estratégicos levam as empresas a publicar em suas páginas oficiais
sua missão, visão e objetivos, ressaltando os compromissos éticos.
• Afinal, por que a crescente ênfase dada à ética, na atualidade? A
quem interessa o estudo da ética? Aliás, o que é a ética? Ética trata
de que? Ética para que? Ética para quem? De que ética se está
falando?
• “O que temos dentro de nós é o essencial para a felicidade
humana.”
Arthur Schopenhauer

• “No Brasil, quem tem ética parece anormal.”


Mário Covas

• “A moral, propriamente dita, não é a doutrina que nos ensina


como sermos felizes, mas como devemos tornar-nos dignos da
felicidade.”
Immanuel Kant

• “Quem não tem moral, não tem direitos.”


Sêneca
1. O que você entende sobre as frases anteriores?

2. O que você entende sobre Ética, Moral e Valores?


• Muito embora as questões éticas estejam a todo instante presente na
mídia: TV, jornal, Internet etc., é bom saber que se trata de um termo
cuja discussão foi pioneira nos trabalhos de Pitágoras (matemático e
filósofo grego, que viveu no século VI a.C.) e Aristóteles, importante
filósofo grego do século IV a.C., em sua famosa obra “Ética a
Nicomâco”. Isso há cerca de 2500 anos atrás!
ÉTICA É...
Como disciplina ou campo de conhecimento humano, ética e refere à
teoria ou estudos sistemáticos sobre a prática moral. Dessa forma ela
analisa e critica os fundamentos e princípios que orientam ou
justificam determinados sistemas e conjuntos de valores morais. Em
outras palavras, é a ciência da conduta, a teoria do comportamento
moral dos homens em sociedade.
Ética é a reflexão sobre as ações humanas para auxiliar
as pessoas por meio de conceitos, teorias e princípios
de modo que pratiquem ações em nível excelente.

Ética: é parte da filosofia que considera os princípios e valores


que orientam pessoas e sociedades.
1. Ética vem do grego ‘‘ethos’’ e significa ‘modo de ser’. hábito, índole,
caráter.
2. É a ciência que estuda o comportamento humano. É o conjunto de
valores que apontam qual é a vida boa na visão de uma pessoa ou de
uma comunidade. Ela leva o homem a questionar constantemente suas
ações e as atitudes alheias, tentando definir se elas são boas ou más.
• Ethos: palavra grega que pode significar costume e caráter. Remete à
raiz mais profunda do humano que sustenta a vida das pessoas e sua
convivência familiar, na comunidade e na sociedade.
• O estudo da ética conforme ensina Srour (2003), está vinculado “aos
códigos e normas que regulam as relações e condutas entre os agentes
sociais, os discursos normativos que identificam, em cada coletividade, o
que é certo ou errado fazer”. Observe que nesta conceituação, tem-se
presente alguns componentes importantes para a compreensão do que
vem a ser ética:
- Normas reguladoras;
- Distinção da ética segundo o grupo social;
- Liberdade de escolha (entre o certo e o errado).
• Ética é... A ciência da conduta humana perante o ser e seus semelhantes”
(Sá, 2009). A ética relaciona a conduta de uma pessoa à sua relação com
outra pessoa. Existem limites para a nossa liberdade e nosso convívio,
existem regras que impomos e desejamos ver respeitadas.
conceito:

Ética- É uma ciência prática e normativa que estuda a moral,


e determina o que é bom e, a partir deste ponto de vista, como
se deve agir. Ou seja, é a teoria ou a ciência do comportamento
moral. Na prática, agir eticamente, é agir de acordo com os
preceitos da moral instituída.
Moral
SIGNIFICADO DE MORAL

• Moral é a forma concreta como a ética é vivida, depende de cada cultura que é
sempre diferente uma da outra. Um indígena, um chinês, um africano vive do seu
jeito o amor (mas todos amam), o cuidado, a solidariedade e o perdão. A esse jeito
diferente chamamos de moral.
• A moral é o conjunto de regras que uma sociedade estabelece para regular as
relações entre as pessoas na busca pelo bem comum, pela felicidade, com base na
justiça. Assim sendo, as relações para serem morais não podem ser contrárias ao
que a justiça estabelece. Rios (2011, p. 29) afirma que “quando se qualifica um
comportamento como bom ou mau, tem-se em vista um critério que é definido no
espaço da moralidade”. É no campo da moral que aprovamos ou reprovamos
(socialmente) comportamentos e dizemos que estão corretos ou incorretos.
• Quando a pessoa age obedecendo a norma, sua ação é moralmente boa. Do
contrário, má. Isto distingue o moral do imoral. Amoral é a ação de quem ignora a
norma, como acontece com as criancinhas. Também é amoral uma situação
considerada como de neutralidade.
é moral é amoral é imoral
■ Positivo ■ Neutro ■ Negativo
→ dirigir com cuidado → ter um carro → dirigir embriagado
→ estudar para a prova → fazer uma prova → “colar” na prova
Vimos que nossos antepassados identificaram que determinadas ações contribuíam mais
eficazmente para a manutenção da vida, se comparadas a outras ações, consideradas de
qualidade inferior para se alcançar o mesmo fim. Certas ações são extremamente nocivas às
possibilidades de vida feliz entre as pessoas, porque simplesmente destroem a vida. Tais
experiências, ao longo do tempo, ensinaram nossos ancestrais a estabelecer regras a fim de
garantir a sobrevivência.
Moral existem muitas, consoante as maneiras
diferentes como os seres humanos organizam a vida.

Assim, a moral é o conjunto de normas originadas do costume, que orientam a ação dos
indivíduos. Sua finalidade é contribuir para que ocorra a melhor distribuição possível do Bem, a
proteção e promoção da Vida. Portanto, é um meio de se praticar a justiça. A norma moral é um
conteúdo internalizado, gerenciado pela consciência pessoal. Abrange o campo das convicções
íntimas do sujeito.
A CONDUTA MORAL

• A conduta moral tem a ver com tudo que você limita no seu próprio
comportamento mesmo que você fosse invisível ou invencível.

• A conduta moral tem a ver com o que você faz mesmo, ou sobretudo, em
condições de neutralidade repressiva, ou se você preferir, em condições em que
não tem ninguém olhando.

• A conduta moral tem a ver com o que você faz, e sobretudo, com o que você não
faz, não em função de um olhar repressor externo, mas em função de uma
consciência moral.
CONCEITO

Moral- Conjunto de costumes, crenças, valores e normas de uma pessoa ou


grupo social, que funciona como um guia para o trabalho, ou seja, que
orienta sobre o bem ou mal - certo ou errado - de uma ação.
ÉTICA E MORAL

• Ética e Moral não têm o mesmo significado, muito embora a confusão


exista.

• Ética diz respeito à disciplina teórica e à sistematização de seus conceitos e


princípios fundamentais. A moral, que direciona a prática cotidiana, nasce
endogenamente da própria sociedade em sua construção cultural, por
meio de regras e normas de conduta social, a serem seguidas e que
estabelecem o que é bom para a coletividade.
• A moral diz respeito ao indivíduo inserido no contexto social. Os padrões éticos
analisa o estabelecimento das normas a serem seguidas pelas pessoas com o
objetivo do convívio para o bem. Sobre a relação entre a Ética e a Moral, elucida
Rios (2011, p. 34-35):

A ética se apresenta como uma reflexão crítica sobre a dimensão moral do


comportamento do homem. (...) A moral, em uma determinada sociedade, indica o
comportamento que deve ser considerado bom ou mau. A ética procura o
fundamento do valor que norteia o comportamento, partindo da historicidade
presente nos valores.

• As pessoas se relacionam dentro de critérios do que é bom e mau, isto está no


campo da moralidade. Uma vez estabelecidos estes critérios, são construídas
normas de boa convivência cuja reflexão crítica é feita pela ética, pois o que é bom
para alguns pode não ser bom para outros. Com base na justiça, a ética norteia o
comportamento das pessoas. Assim, comportamentos antiéticos são punidos pela
Lei.
A moral, referindo-se aos costumes dos povos, conjunto de hábitos, de regras,
normas, leis que regulam a conduta de um povo nas diversas épocas, é mais
abrangente e divergente e variante de cultura para cultura.

A ética refere-se aos princípios invariantes; a moral aos variantes, ou seja, a


preocupação da ética está baseada em alguns pressupostos que não podem
variar de acordo com a cultura, como: liberdade, tortura, sobrevivência,
racismo entre outros.

A ética procura analisar o que há de essencial no ser humano, de forma que


seja uma verdade independente de sua cultura ou práticas e tem caráter
universal, tendo como característica principal a reflexão crítica.
Conceito de Valores

Valores- Os valores são características morais que todas as pessoas possuem. Servem
ao indivíduo para orientar seus comportamentos e ações, na satisfação de determinadas
necessidades.

“A Moral ordena; a Ética aconselha. A Moral responde à


pergunta: “o que devo fazer?”; a Ética, à pergunta: “como
devo viver?”.” (Comte-Sponville/1998)
O filósofo alemão Leibniz (1646-1716) considera que o direito e as leis decorrem de
três preceitos morais básicos:

•Não prejudicar ninguém;


•Atribuir a cada um o que lhe é devido;
•Viver honestamente.

Ou seja, a ética orienta também o ordenamento jurídico e/ou legal das nações. Por
conseguinte, orienta também a política.
ATIVIDADE
1. Qual é a diferença entre Ética e Moral?
2. O que são valores, quando estamos falando de Ética?
3. Qual é a diferença entre Amoral e Imoral?
4. Porque a moral não é a mesma em todos os lugares e em
todas as épocas?
5. Qual ética deve prevalecer em suas ações: a sua ou a do
outro? Justifique sua resposta.
6. Descreva um exemplo prático para cada termo: moral, amoral
e imoral.