Você está na página 1de 28

Prefeitura Municipal de Porto Alegre 1

Secretaria Municipal da Saúde


Área Técnica de Saúde Bucal

MANUAL INSTRUTIVO DOS CÓDIGOS


ODONTOLÓGICOS DO SIA/SUS
- CD -

Porto Alegre, 2014.

1
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 2
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

PROCEDIMENTOS ODONTOLÓGICOS PARA


CIRURGIÕES-DENTISTAS

São 34 diferentes Procedimentos Odontológicos Clínicos Individuais e 4


coletivos que podem ser registrados na produção Odontológica Diária do
SIA/SUS, pelo Cirurgião-Dentista na Atenção Básica.
As possibilidades de procedimentos são as que seguem abaixo:

Tabela 1: Tipos de Procedimentos Odontológicos para registro no Boletim de Produção


Odontológica Individual na atenção básica.

Código Nome Página


1- CONSULTAS
03.01.01.015-3 PRIMEIRA CONSULTA ODONTOLOGICA PROGRAMATICA 4
03.01.01.003-0 CONSULTA DE PROFISSIONAL DE NÍVEL SUPERIOR 5
03.01.06.003-7 ATENDIMENTO DE URGÊNCIA EM ATENÇÃO BÁSICA 6
03.01.01.013-7 CONSULTA/ATENDIMENTO DOMICILIAR 7
2- CARIOLOGIA/DENTÍSTICA
01.01.02.008-2 EVIDENCIAÇÃO DE PLACA BACTERIANA 8
01.01.02.007-4 APLICAÇÃO TÓPICA DE FLÚOR (INDIVIDUAL POR SESSÃO) 8
01.01.02.005-8 APLICAÇÃO DE CARIOSTÁTICO (POR DENTE) 9
01.01.02.006-6 APLICAÇÃO DE SELANTE (POR DENTE) 9
03.07.01.002-3 RESTAURAÇÃO DE DENTE DECÍDUO 9
03.07.01.003-1 RESTAURAÇÃO DENTE PERMANENTE ANTERIOR 10
03.07.01.004-0 RESTAURAÇÃO DENTE PERMANENTE POSTERIOR 11
01.01.02.009-0 SELAMENTO PROVISÓRIO DE CAVIDADE DENTÁRIA 11
3- ENDODONTIA
03.07.01.001-5 CAPEAMENTO PULPAR 12
03.07.02.007-0 PULPOTOMIA DENTÁRIA 13
03.07.02.001-0 ACESSO A POLPA DENTÁRIA E MEDICAÇÃO (POR DENTE) 13
03.07.02.002-9 CURATIVO DE DEMORA C/ OU S/ PREPARO BIOMECÂNICO 14

2
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 3
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

4- PERIODONTIA
RASPAGEM ALISAMENTO E POLIMENTO SUPRAGENGIVAIS
03.07.03.001-6 14
(POR SEXTANTE)
03.07.03.002-4 RASPAGEM ALISAMENTO SUBGENGIVAIS (POR SEXTANTE) 15
5- CIRURGIA
04.14.02.012-0 EXODONTIA DE DENTE DECÍDUO 15
04.14.02.013-8 EXODONTIA DE DENTE PERMANENTE 16
03.01.10.015-2 RETIRADA DE PONTOS DE CIRURGIAS BÁSICAS 16
04.01.01.003-1 DRENAGEM DE ABSCESSOS 16
04.01.01.006-6 EXCISÃO E/OU SUTURA SIMPLES DE PEQUENAS LESÕES 17
04.14.02.038-3 TRATAMENTO DE ALVEOLITE 17
04.14.02.040-5 ULOTOMIA OU ULECTOMIA 18
04.01.01.008-2 FRENECTOMIA 18
04.14.02.035-9 TRATAMENTO CIRURGICO DE HEMORRAGIA BUCO-DENTAL 18
04.14.02.017-0 GLOSSORRAFIA 19
6- PRÓTESE
MOLDAGEM DENTO-GENGIVAL PARA CONSTRUÇÃO DE
03.07.04.007-0 19
PRÓTESE DENTÁRIA
03.07.04.016-0 INSTALAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA 19
03.07.04.014-3 ADAPTAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA 20
03.07.04.013-5 CIMENTAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA 20
7- EXAME RADIOLÓGICO
02.04.01.018-7 RADIOGRAFIA PERIAPICAL E INTERPROXIMAL (BITE-WING) 21
02.04.01.016-0 RADIOGRAFIA OCLUSAL 22

Tabela 2: Tipos de Procedimentos Odontológicos para registro no Boletim de Produção


Odontológica coletiva na atenção básica.

8- PRODUÇÃO ODONTOLÓGICA COLETIVA


01.01.01.001-0 ATIVIDADE EDUCATIVA - GRUPO ATENÇÃO BÁSICA 22
01.01.02.001-5 AÇÃO COLETIVA DE APLICAÇÃO TÓPICA DE FLÚOR GEL 23
01.01.02.003-1 AÇÃO COLETIVA DE ESCOVAÇÃO DENTAL SUPERVISIONADA 24
01.01.02.004-0 AÇÃO COLETIVA EXAME BUCAL / FINS EPIDEMIOLÓGICOS 25

3
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 4
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Fonte: SIGTAP (Sistema de Gerenciamento da Tabela de Procedimentos, Medicamentos e OPM do SUS). Site:
www.sigtap.datasus.gov.br

1- CONSULTAS

PROCEDIMENTO 1ª CONSULTA ODONTOLÓGICA PROGRAMÁTICA


CÓDIGO 03.01.01.015-3
Momento de avaliação das condições de saúde geral do
paciente e exame clínico odontológico, com conseqüente

DESCRIÇÃO elaboração de um plano de diagnóstico e possibilidades de

SIGTAP/MS tratamento. Esse plano de tratamento-terapêutico deverá ser


registrado no prontuário do paciente.
RECOMENDA-SE 01 (UMA) CONSULTA / ANO POR PESSOA.

 Deverá ser considerada a primeira consulta do ano


(calendário) do usuário, ou seja, a cada virada de ano
será considerada uma nova primeira consulta
odontológica programática, tendo em vista que o
indicador reflete o acesso ao atendimento odontológico
no ano analisado.
(Fonte: SMS São Paulo e SES Santa Catarina)
 Deverá ser registrado somente uma vez ao ano por
INSTRUÇÕES
paciente, ainda que ocorra o abandono do tratamento
SMS/PMPA
pelo paciente e este retorne dentro do mesmo ano.
 Programa Saúde na Escola (PSE): incluir, como
primeira consulta, todos os exames realizados nas
escolas, que servirão de base para elaboração do
plano de tratamento dos estudantes. Os pacientes
encaminhados de escolas que já foram examinados
pelo cirurgião-dentista não deverão ser registrados
como primeira consulta nas unidades.

4
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 5
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO CONSULTA DE PROFISSIONAIS DE NÍVEL SUPERIOR NA


ATENÇÃO BÁSICA
CÓDIGO 03.01.01.003-0
Os profissionais cirurgiões-dentistas devem utilizar esse
DESCRIÇÃO
código para registrar as consultas odontológicas
SIGTAP/MS
intermediárias, de retorno e de tratamento concluído.
Os cirurgiões-dentistas vão utilizar esse procedimento para
registrar as consultas:
 Odontológicas intermediárias (subsequentes, desde
que não haja mudança de ano calendário, caso
contrário será considerado uma nova primeira consulta
odontológica programática (03.01.01.015-3));
 De retorno após alta, desde que não haja mudança de
ano calendário, caso contrário será considerado uma
nova primeira consulta odontológica programática
(03.01.01.015-3);
INSTRUÇÕES
 Nos casos de atendimentos odontológicos realizados
SMS/PMPA
sem agendamento prévio e cujo quadro clínico não se
enquadre como urgência odontológica (quadros
agudos).
 Nas consultas iniciais de pacientes encaminhados pelo
PSE e cujo exame clínico já foi realizado na escola.

Observação 1: Incluem-se ainda, neste código, os


atendimentos sem agendamento prévio que necessitem
apenas de informações e esclarecimento de dúvidas.

5
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 6
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Observação 2: As consultas realizadas pelos Técnicos de


Saúde Bucal (TSBs) deverão ser registradas na produção
do Cirurgião-Dentista (CD) como consulta de nível
superior (03.01.01.003-0).
Lembrando que procedimentos clínicos devem ser sempre
realizados sob supervisão direta do cirurgião-dentista
(presença do dentista na unidade), o qual já deve,
previamente, ter examinado e elaborado o plano de
tratamento do paciente.

CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO ATENDIMENTO DE URGÊNCIA EM ATENÇÃO BÁSICA


CÓDIGO 03.01.06.003-7
Atendimento prestado a pacientes acometidos por quadros
agudos ou agudizações de patologias crônicas, de baixa
DESCRIÇÃO
complexidade, que são acolhidos nas unidades básicas de
SIGTAP/MS
saúde e sem agendamento prévio, onde recebem
atendimento e têm sua necessidade assistencial atendida.
São considerados atendimentos de urgência em Atenção
Básica, todos os casos agudos ou agudizações de patologias
crônicas, que necessitem de resolução que não possa ser
postergada. Assim, nos atendimentos odontológicos
INSTRUÇÕES realizados sem agendamento prévio, se o profissional
SMS/PMPA considerar que o caso não apresente necessidade de
tratamento imediato, poderá enquadrar esse atendimento em
uma das duas categorias a seguir:
 Consulta de profissionais de nível superior
(03.01.01.003-0): quando a necessidade se satisfaz

6
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 7
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

com informações ou avaliação e reagendamento.


 1ª Consulta Odontológica Programática (03.01.01.015-
3): quando o profissional realiza anamnese, exames
clínicos e elaboração do plano de tratamento do
paciente.
CBOs Alguns CBOs de CDs (vide anexo 2).

PROCEDIMENTO CONSULTA / ATENDIMENTO DOMICILIAR NA ATENÇÃO


BÁSICA
CÓDIGO 03.01.01.013-7
DESCRIÇÃO Compreende todos os atos executados durante a visita do
SIGTAP/MS profissional no domicílio.
Registrar uma das três consultas anteriores (1ª consulta
odontológica, consulta de urgência ou consulta de
profissionais de nível superior) + Consulta/Atendimento
Domiciliar na Atenção Básica + procedimentos realizados
durante o atendimento domiciliar.

Observação: incluem-se, nesse código, as visitas domiciliares


INSTRUÇÕES de profissionais de nível superior, não devendo ser registrado
SMS/PMPA o código “VISITA DOMICILIAR/INSTITUCIONAL POR
PROFISSIONAL DE NÍVEL SUPERIOR (01.01.03.002-9)”.

1º Consulta Odontológica
ou Consulta / Atendimento Procedimentos
Consulta de Urgência + Domiciliar na Atenção
Básica
+ realizados durante o
+
atendimento
ou
Consulta de Profissionais de domiciliar
Nível Superior na Atenção
Básica

7
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 8
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

CBOs Alguns CBOs de CDs (vide anexo 2).

2- CARIOLOGIA/DENTÍSTICA

EVIDENCIAÇÃO DE PLACA BACTERIANA


PROCEDIMENTO

CÓDIGO 01.01.02.008-2
DESCRIÇÃO Utilização de substâncias corantes com a finalidade de
SIGTAP/MS evidenciar a placa bacteriana.

INSTRUÇÕES
O procedimento de Instrução de Higiene Bucal não deve ser
SMS/PMPA
considerado como Evidenciação de Placa Bacteriana.
Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1) e Técnicos em Saúde
CBOs
Bucal.

APLICAÇÃO TÓPICA DE FLÚOR (INDIVIDUAL POR


PROCEDIMENTO SESSÃO)

CÓDIGO 01.01.02.007-4
Aplicação tópica de flúor na forma de gel com concentração
de 1,23% ou na forma de verniz, podendo usar pincéis,
escova dental, moldeira e outras formas de aplicações, com a
DESCRIÇÃO
finalidade de prevenir e/ou remineralizar os dentes com ou
SIGTAP/MS
sem lesões. O número de sessões deve ser definido segundo
padrões técnico-científico de abordagem do caso e do
acompanhamento do profissional aos programas locais.

INSTRUÇÕES As atividades de Aplicação Tópica de Flúor realizadas no PSE


SMS/PMPA deverão ser registradas no código 01.01.02.001-5 Ações
Coletivas de Aplicação Tópica de Flúor.

8
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 9
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1) e Técnicos de Saúde


CBOs
Bucal.

PROCEDIMENTO APLICAÇÃO DE CARIOSTÁTICO (POR DENTE)


CÓDIGO 01.01.02.005-8
DESCRIÇÃO Atividade com finalidade terapêutica e controle de um ou mais
SIGTAP/MS dentes com lesões de cárie.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1) e Técnicos de Saúde
CBOs
Bucal.

PROCEDIMENTO APLICAÇÃO DE SELANTE (POR DENTE)


CÓDIGO 01.01.02.006-6
Aplicação de material selador por dente em pontos, sulcos e
DESCRIÇÃO
fissuras, realizada com finalidade preventiva das lesões de
SIGTAP/MS
cárie.
INSTRUÇÕES De acordo com a descrição SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1) e Técnicos de Saúde
CBOs
Bucal.

PROCEDIMENTO RESTAURAÇÃO DE DENTE DECÍDUO


CÓDIGO 03.07.01.002-3
Tratamento dentário com o uso de instrumentos manuais e /
DESCRIÇÃO
ou rotatórios para qualquer tipo de cavidade dentária, com
SIGTAP/MS
emprego de material restaurador por dente, que pode ser

9
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 10
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

amalgama de prata, resina ou ionômero de vidro.

Observação 1: Considerar o número de dentes, e não o


número de faces restauradas.

INSTRUÇÕES Observação 2: Esse código abrange somente as restaurações

SMS/PMPA definitivas, independente do material restaurador utilizado.


Observação 3: Quando o Técnico de Saúde Bucal realizar a
restauração da cavidade, esse procedimento deverá ser
registrado na produção do Cirurgião-Dentista.

CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO RESTAURAÇÃO DENTE PERMANENTE ANTERIOR


CÓDIGO 03.07.01.003-1
Tratamento dentário com o uso de instrumentos manuais e /
ou rotatórios para qualquer tipo de cavidade dentária, com
DESCRIÇÃO
emprego de material restaurador por dente que pode ser
SIGTAP/MS
resina, ionômero de vidro, com a utilização ou não de pino
rosqueável.
Observação 1: Considerar o número de dentes e não o
número de faces restauradas.
Observação 2: Esse código abrange somente as restaurações
definitivas, independente do material restaurador utilizado.
INSTRUÇÕES Observação 3: Quando o Técnico de Saúde Bucal realizar a
SMS/PMPA restauração da cavidade, esse procedimento deverá ser
registrado na produção do Cirurgião-Dentista.
Observação 4: As contenções realizadas para fins
periodontais, deverão ser registradas como “ restaurações de
dentes permanentes”, a serem registradas por número de

10
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 11
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

dentes splintados.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO
RESTAURAÇÃO DENTE PERMANENTE POSTERIOR
CÓDIGO 03.07.01.004-0
Tratamento dentário com o uso de instrumentos manuais e/
ou rotatórios para qualquer tipo de cavidade dentária, com
DESCRIÇÃO
emprego de material restaurador por dente que pode ser
SIGTAP/MS
amalgama de prata, resina composta, cimento de ionômero
de vidro, com a utilização ou não de pino rosqueável.
Observação 1: Considerar o número de dentes e não o
número de faces restauradas.
Observação 2: Esse código abrange somente as restaurações
definitivas, independente do material restaurador utilizado.
Observação 3: Quando o Técnico de Saúde Bucal realizar a
INSTRUÇÕES
restauração da cavidade, esse procedimento deverá ser
SMS/PMPA
registrado na produção do Cirurgião-Dentista.
Observação: As contenções realizadas para fins periodontais,
deverão ser registradas como “restaurações de dentes
permanentes”, a serem registradas por número de dentes
splintados.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO
SELAMENTO PROVISÓRIO DE CAVIDADE DENTÁRIA
CÓDIGO 01.01.02.009-0

11
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 12
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Fechamento de cavidade com ou sem preparo cavitário para


fins de restauração, com o objetivo de redução da septicemia
bucal ou de terapia expectante como etapa intermediaria ate
DESCRIÇÃO que a restauração definitiva seja executada. Inclui-se nesta
SIGTAP/MS denominação os procedimentos conhecidos como adequação
do meio bucal, controle da infecção intra-bucal, controle
epidemiológico da cárie e a restauração provisória, dentre
outras.
Observação 1: Incluem-se nesta denominação os
procedimentos conhecidos como adequação do meio bucal,
controle da infecção intra-bucal, controle epidemiológico da
cárie e restauração provisória.
Observação 2: os materiais frequentemente utilizados são o
cimento à base de óxido de zinco e eugenol (IRM), cimento à
INSTRUÇÕES
base de óxido de zinco (CAVIT) e cimento de ionômero de
SMS/PMPA
vidro (CIV).
Observação 3: Quando utilizar CIV, observar a característica
da restauração (definitiva ou provisória).
Observação 4: Quando o Técnico de Saúde Bucal realizar a
restauração da cavidade, esse procedimento deverá ser
registrado na produção do Cirurgião-dentista.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

3- ENDODONTIA

PROCEDIMENTO
CAPEAMENTO PULPAR
CÓDIGO 03.07.01.001-5
DESCRIÇÃO Capeamento pulpar direto ou indireto em dentes decíduos ou

12
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 13
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

SIGTAP/MS permanentes, por dente (uso de cimento de hidróxido de


cálcio - dycal).
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO
PULPOTOMIA DENTÁRIA
CÓDIGO 03.07.02.007-0
Tratamento da polpa coronal, mantendo a vitalidade e
DESCRIÇÃO
funcionalidade da polpa radicular de dentes decíduos e
SIGTAP/MS
permanentes (manutenção dos cotos pulpares).
Incluir somente os casos em que a pulpotomia for
INSTRUÇÕES considerada o tratamento definitivo e não quando a remoção
SMS/PMPA da polpa coronária for realizada com o intuito de
encaminhamento para tratamento endodôntico.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO ACESSO A POLPA DENTÁRIA E MEDICAÇÃO (POR


DENTE)
CÓDIGO 03.07.02.001-0
Remoção da polpa dentária da câmara pulpar com extirpação
da polpa radicular e medicação. É o primeiro acesso à
DESCRIÇÃO
cavidade pulpar e, necessariamente, a seqüência é o
SIGTAP/MS
tratamento endodôntico. Não há distinção entre
biopulpectomia e necropulpectomia.
INSTRUÇÕES Registrar, também, o código de “Selamento Provisório de

13
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 14
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

SMS/PMPA Cavidade Dentária”, quando houver. Quando houver


supuração, deverá ser registrado também o código de
drenagem de abscesso (04.01.01.003-1).
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO CURATIVO DE DEMORA COM OU SEM PREPARO


BIOMECÂNICO
CÓDIGO 03.07.02.002-9
Este procedimento é utilizado nas seguintes situações:
 Quando não for possível obturar o dente em uma única
sessão ou nas sessões de desobstrução dos canais
DESCRIÇÃO
radiculares;
SIGTAP/MS
 No tratamento de dentes decíduos ou permanentes
com rizogênese incompleta.

Na APS, este código será utilizado nas situações abaixo:


* Inclui as trocas de curativos de dentes já trepanados, que

INSTRUÇÕES apresentem quadros de reagudização ou queda da

SMS/PMPA restauração provisória.


* Registrar, também, o código de “Selamento Provisório de
Cavidade Dentária”, quando houver.

CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

4- PERIODONTIA

RASPAGEM ALISAMENTO E POLIMENTO


PROCEDIMENTO
SUPRAGENGIVAIS (POR SEXTANTE)

14
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 15
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

CÓDIGO 03.07.03.001-6
Procedimento que engloba a remoção de indutos, placa
bacteriana e cálculo dental supragengivais através da
DESCRIÇÃO
raspagem, alisamento e polimento de superfície corono-
SIGTAP/MS
radicular (área relativa a um sextante, independentemente da
quantidade de dentes no sextante).
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os de CDs (anexo 1) e Técnicos de Saúde Bucal.

RASPAGEM ALISAMENTO SUBGENGIVAIS (POR


PROCEDIMENTO
SEXTANTE)
CÓDIGO 03.07.03.002-4
Procedimento que engloba a remoção da placa bacteriana e
DESCRIÇÃO cálculo dental subgengivais através da raspagem e
SIGTAP/MS alisamento da superfície radicular (área relativa a um
sextante, independentemente da quantidade de dentes).
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

5- CIRURGIA

PROCEDIMENTO EXODONTIA DE DENTE DECÍDUO

04.14.02.012-0
CÓDIGO

DESCRIÇÃO Remoção cirúrgica de dentes decíduos erupcionados


SIGTAP/MS completamente na cavidade oral ou restos radiculares - com

15
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 16
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

sutura, quando indicado.


O código de “Exodontia de Dente Decíduo” já inclui a sutura,
INSTRUÇÕES
ou seja, não é necessário preencher o código referente a este
SMS/PMPA
procedimento nesta situação.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO EXODONTIA DE DENTE PERMANENTE

CÓDIGO 04.14.02.013-8
Remoção cirúrgica de dentes permanentes erupcionados
DESCRIÇÃO
completamente na cavidade oral ou restos radiculares, com
SIGTAP/MS
sutura quando necessário.
O código de “Exodontia de Dente Permanente” já inclui a
INSTRUÇÕES
sutura, ou seja, não é necessário preencher o código
SMS/PMPA
referente a este procedimento nesta situação.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO RETIRADA DE PONTOS DE CIRURGIAS BÁSICAS (POR


PACIENTE)
CÓDIGO 03.01.10.015-2
DESCRIÇÃO Não há descrição no SIGTAP.
SIGTAP/MS
INSTRUÇÕES Consiste na remoção de pontos realizada nas unidades de
SMS/PMPA saúde.
Alguns CBOs de CDs (vide anexo 3) e Técnicos de Saúde
CBOs
Bucal.

16
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 17
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

PROCEDIMENTO DRENAGEM DE ABSCESSO


04.01.01.003-1
CÓDIGO

DESCRIÇÃO Não há descrição no SIGTAP.


SIGTAP/MS
* Consideram-se todos os tipos de drenagem (intra e extra-
orais), com ou sem uso de dreno, incluindo as drenagens via
canal e via periodontal.
INSTRUÇÕES * Nos casos de drenagem via canal radicular em que foi
SMS/PMPA
realizada a abertura de câmara pulpar, deverá ser registrado
também o código de acesso à polpa e medicação
(03.07.02.001-0).

CBO Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO EXCISÃO E/OU SUTURA SIMPLES DE PEQUENAS


LESÕES / FERIMENTOS DE PELE / ANEXOS E MUCOSA
CÓDIGO 04.01.01.006-6
DESCRIÇÃO Não há descrição no SIGTAP
SIGTAP/MS
INSTRUÇÕES Considera-se toda excisão de pequenas lesões em mucosa
SMS/PMPA e/ou anexos com ou sem sutura, e sutura em ferimentos de
mucosa e/ou pele.
Não utilizar para registrar suturas pós exodontias.
Para sutura em língua utilizar o código de glossorrafia
(04.14.02.017-0).
CBOs Alguns CBOs de CDs (vide anexo 4).

17
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 18
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

PROCEDIMENTO TRATAMENTO DE ALVEOLITE


CÓDIGO 04.14.02.038-3
Consiste na irrigação e curetagem com aplicação de curativo
DESCRIÇÃO
medicamentoso em alvéolos dentários com cicatrização
SIGTAP/MS
tardia.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO ULOTOMIA/ULECTOMIA
CÓDIGO 04.14.02.040-5
DESCRIÇÃO Incisão ou remoção de tecido gengival fibroso que esteja
SIGTAP/MS dificultando a erupção dentária.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO FRENECTOMIA
CÓDIGO 04.01.01.008-2
DESCRIÇÃO Não há descrição no SIGTAP/MS.
SIGTAP/MS
INSTRUÇÕES Utilizar para procedimentos cirúrgicos que envolvam freios ou
SMS/PMPA bridas.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO TRATAMENTO CIRURGICO DE HEMORRAGIA BUCO-

18
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 19
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

DENTAL
CÓDIGO 04.14.02.035-9
Consiste na realização de curetagem, compressão local e
DESCRIÇÃO sutura para conter a hemorragia, podendo complementar com
SIGTAP/MS prescrição medicamentosa e solicitação de exames
laboratoriais hematológicos.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO GLOSSORRAFIA
CÓDIGO 04.14.02.017-0
DESCRIÇÃO Consiste na realização de suturas de ferimentos da língua.
SIGTAP/MS
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

6- PRÓTESE

MOLDAGEM DENTO-GENGIVAL PARA CONSTRUÇÃO DE


PROCEDIMENTO
PRÓTESE DENTÁRIA
CÓDIGO 03.07.04.007-0
DESCRIÇÃO Procedimentos de planejamento, preparos dentários e
SIGTAP/MS moldagem.

INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.

19
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 20
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

SMS/PMPA

CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO INSTALAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA


CÓDIGO 03.07.04.016-0
Consiste no procedimento de instalação do aparelho protético
DESCRIÇÃO (prótese total maxilar, prótese total mandibular, prótese parcial
SIGTAP/MS maxilar removível, prótese parcial mandibular removível e
prótese fixa).
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

PROCEDIMENTO ADAPTAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA


CÓDIGO 03.07.04.014-3
Consiste em ajustes da prótese dentária de forma a melhor
acomodar a prótese à boca do paciente. Esses ajustes
permitem não só compatibilizar a prótese com o seu usuário,
DESCRIÇÃO mas também equilibrar a mordida, a oclusão e o encaixe das
SIGTAP/MS partes da prótese. Esta adaptação não faz parte da instalação
da prótese dentária, pois na instalação já é prevista a
adaptação. Este procedimento deverá ser registrado quando
for realizada a adaptação por motivo de ajuste pós-instalação.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

20
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 21
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

PROCEDIMENTO CIMENTAÇÃO DE PRÓTESE DENTÁRIA


CÓDIGO 03.07.04.013-5
Consiste na utilização de agentes cimentantes (cimentos
odontológicos), temporários ou definitivos, utilizados em
restaurações indiretas, sejam elas restaurações parciais,
coroas unitárias ou retentores de próteses parciais fixas.
Podendo ser com cimentos tradicionais (fosfato de zinco,
DESCRIÇÃO
ionômero de vidro) ou cimentos resinosos associados a
SIGTAP/MS
sistemas adesivos. Esta cimentação não faz parte da
instalação da prótese dentária, pois na instalação já é prevista
a cimentação, caso necessário. Este procedimento deverá ser
registrado quando for realizado a re-cimentação por motivo de
remoção espontânea da prótese ou por razões clínicas.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

7- EXAME RADIOLÓGICO
RADIOGRAFIA PERIAPICAL E INTERPROXIMAL
PROCEDIMENTO
(BITE-WING)
CÓDIGO 02.04.01.018-7
DESCRIÇÃO Radiografia interproximal - exame realizado em filme 3cm x
SIGTAP/MS 4cm, onde se registram imagens de coroas, terço cervical
das raízes e cristas ósseas alveolares dos elementos
dentários. Dentre suas indicações destacam-se o
diagnostico de lesões cariosas e avaliação das cristas
ósseas.

21
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 22
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Radiografia periapical - exame realizado em filme 3cm x


4cm, onde se registram imagens dos dentes e de seus
tecidos de suporte. Para uma adequada visualização
utilizam-se técnicas como o método da bissetriz, do
paralelismo e outros especiais.
Quando for realizado por Técnicos de Saúde Bucal,
permitido pela LEI N° 11.889, DE 24 DE DEZEMBRO DE 2008, o

registro deve ser colocado na produção do CD responsável.


INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 5).

PROCEDIMENTO RADIOGRAFIA OCLUSAL


CÓDIGO 02.04.01.016-0
DESCRIÇÃO Consiste na realização de exame em filme 5,7 cm x 7,5 cm
SIGTAP/MS onde registram-se imagens da maxila ou mandíbula em
posições diversas, usando-se altas angulações com uma
grande gama de indicações.
INSTRUÇÕES De acordo com descrição do SIGTAP/MS.
SMS/PMPA Quando for realizado por Técnicos de Saúde Bucal,
permitido pela LEI N° 11.889, DE 24 DE DEZEMBRO DE 2008, o

registro deve ser colocado na produção do CD responsável.


CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 6).

8- PRODUÇÃO ODONTOLÓGICA COLETIVA

22
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 23
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

PROCEDIMENTO ATIVIDADE EDUCATIVA - GRUPO ATENÇÃO BÁSICA


CÓDIGO 01.01.01.001-0
Consiste nas atividades educativas, em grupo, sobre ações de
promoção e prevenção à saúde, desenvolvidas na unidade ou
DESCRIÇÃO
na comunidade. Recomenda-se o mínimo de 10 (dez)
SIGTAP/MS
participantes, com duração mínima de 30 (trinta) minutos.
Deve-se registrar o número de atividades realizadas por mês.
 Será considerada 01 atividade a cada grupo realizado,
independente do número de pessoas.

INSTRUÇÕES  Nos casos em que mais de um profissional da equipe

SMS/PMPA de saúde bucal realizar a mesma atividade educativa de


grupo, deverá ser registrada apenas na produção de
um dos profissionais (CD ou ASB ou TSB).

Todos os CDs, Técnicos em saúde bucal, Auxiliares de saúde


CBOs
bucal e Agentes Comunitários de Saúde.

PROCEDIMENTO AÇÃO COLETIVA DE APLICAÇÃO TÓPICA DE FLÚOR GEL

CÓDIGO 01.01.02.001-5
Aplicação tópica de flúor em gel com concentração de 1,23% -
realizada sistematicamente por grupos populacionais sob
DESCRIÇÃO
orientação e supervisão de um ou mais profissionais de saúde,
SIGTAP/MS
utilizando-se escova dental, moldeira, pincelamento ou outras
formas de aplicação.
 Ação registrada por pessoa, por mês (número de
INSTRUÇÕES pessoas acompanhadas no mês, independentemente
SMS/PMPA do número de vezes).
Exemplo: Um profissional da área de saúde bucal, seja

23
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 24
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

Cirurgião-dentista ou Técnico de Saúde Bucal ou Auxiliar


de Saúde Bucal, realiza uma atividade em escolares com
aplicação tópica de Flúor gel, mais de uma vez durante o
mês, com única turma, totalizando 30 alunos. O número de
procedimentos de Ação Coletiva de Aplicação Tópica de
Flúor Gel, no final do mês, será igual a 30. Caso no mês
seguinte essa ação seja continuada nos mesmos
escolares, deverá ser informada novamente a produção
com o número de alunos cobertos pela ação.
A quantidade informada para o registro desse código
deverá ser igual ao número de pessoas cobertas por
esse procedimento e não ao número de atividades
realizadas.

Todos os CDs, Técnicos em saúde bucal e Auxiliares de


CBOs
saúde bucal.

AÇÃO COLETIVA DE ESCOVAÇÃO DENTAL


PROCEDIMENTO
SUPERVISIONADA
CÓDIGO 01.01.02.003-1

 Escovação dental, com ou sem evidenciação de placa


bacteriana;
 Realizada com grupos populacionais sob orientação e
DESCRIÇÃO supervisão de um ou mais profissionais de saúde;
SIGTAP/MS  Deve ser registrado, a cada mês, o número de pessoas
beneficiadas com essa ação, independente da
freqüência.
Para a efetividade dessa ação a freqüência por pessoa

24
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 25
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

deve ser no máximo quatro vezes por ano e no mínimo


uma vez ao ano.

Exemplo: Um profissional da área de saúde bucal, seja


Cirurgião-dentista, técnico ou auxiliar de saúde bucal,
realiza uma atividade em escolares com escovação dental
supervisionada, 1 vez por semana, durante 1 mês, com
única turma, totalizando 30 alunos. O número de

INSTRUÇÕES procedimentos de Escovação Dental Supervisionada, no

SMS/PMPA final do mês, será igual a 30. Caso no mês seguinte essa
ação seja repetida nos mesmos escolares, deverá ser
informada novamente a produção.
A quantidade informada para o registro desse código
deverá ser igual ao número de pessoas cobertas por
esse procedimento e não ao número de atividades
realizadas.

Todos os CDs, Técnicos em saúde bucal, Auxiliares de saúde


CBOs
bucal e Agentes comunitários de saúde.

AÇÃO COLETIVA EXAME BUCAL / FINS


PROCEDIMENTO
EPIDEMIOLÓGICOS
CÓDIGO 01.01.02.004-0
Compreende a avaliação de estruturas da cavidade bucal,
com finalidade de diagnóstico, segundo critérios
DESCRIÇÃO epidemiológicos, em estudos de prevalência, incidência e
SIGTAP/MS outros, com o objetivo de elaborar perfil epidemiológico e/ou
avaliar o impacto das atividades desenvolvidas, subsidiando o
planejamento.

25
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 26
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

O registro desse procedimento deverá incluir os exames


INSTRUÇÕES realizados nas campanhas de prevenção ao câncer de boca
SMS/PMPA ou em outras campanhas em que se realizem exames bucais
com finalidades epidemiológicas.
CBOs Todos os CBOs de CDs (vide anexo 1).

ANEXO 1:
CBOs CDs
Código Nome
223204 Cirurgião dentista - auditor
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223212 Cirurgião dentista - endodontista
223216 Cirurgião dentista - epidemiologista
223220 Cirurgião dentista - estomatologista
223224 Cirurgião dentista - implantodontista
223228 Cirurgião dentista - odontogeriatra
223232 Cirurgião dentista - odontologista legal
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223240 Cirurgião dentista - ortopedista e ortodontista
223244 Cirurgião dentista - patologista bucal
223248 Cirurgião dentista - periodontista
223252 Cirurgião dentista - protesiólogo bucomaxilofacial
223256 Cirurgião dentista - protesista
223260 Cirurgião dentista - radiologista
223264 Cirurgião dentista - reabilitador oral
223268 Cirurgião dentista - traumatologista bucomaxilofacial
223272 Cirurgião dentista de saúde coletiva
Cirurgião dentista - odontologia para pacientes com necessidades
223288
especiais
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da família

ANEXO 2:
CBO CD
Código Nome
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da família

26
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 27
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

ANEXO 3:
CBO CD
Código Nome
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223232 Cirurgião dentista - odontologista legal
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223272 Cirurgião dentista de saúde coletiva
Cirurgião dentista - odontologia para pacientes com necessidades
223288
especiais
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da família
322405 Técnico em saúde bucal
322425 Técnico em saúde bucal da estratégia de saúde da família

ANEXO 4:
CBO CD
Código Nome
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223228 Cirurgião dentista - odontogeriatra
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223268 Cirurgião dentista - traumatologista bucomaxilofacial
223272 Cirurgião dentista de saúde coletiva
Cirurgião dentista - odontologia para pacientes com necessidades
223288
especiais
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da família

ANEXO 5

Código Nome
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223212 Cirurgião dentista - endodontista
223216 Cirurgião dentista - epidemiologista
223220 Cirurgião dentista - estomatologista
223224 Cirurgião dentista - implantodontista
223228 Cirurgião dentista - odontogeriatra
223232 Cirurgião dentista - odontologista legal
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223240 Cirurgião dentista - ortopedista e
ortodontista
223244 Cirurgião dentista - patologista bucal
223248 Cirurgião dentista - periodontista
223252 Cirurgião dentista - protesiólogo
bucomaxilofacial

27
Prefeitura Municipal de Porto Alegre 28
Secretaria Municipal da Saúde
Área Técnica de Saúde Bucal

223256 Cirurgião dentista - protesista


223260 Cirurgião dentista - radiologista
223264 Cirurgião dentista - reabilitador oral
223268 Cirurgião dentista - traumatologista
bucomaxilofacial
223272 Cirurgião dentista de saúde coletiva
223288 Cirurgião dentista - odontologia para
pacientes com necessidades especiais
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da
família
225320 Médico em radiologia e diagnóstico por
imagem

ANEXO 6

Código Nome
223208 Cirurgião dentista - clínico geral
223212 Cirurgião dentista - endodontista
223216 Cirurgião dentista - epidemiologista
223220 Cirurgião dentista - estomatologista
223224 Cirurgião dentista - implantodontista
223228 Cirurgião dentista - odontogeriatra
223232 Cirurgião dentista - odontologista legal
223236 Cirurgião dentista - odontopediatra
223240 Cirurgião dentista - ortopedista e
ortodontista
223244 Cirurgião dentista - patologista bucal
223248 Cirurgião dentista - periodontista
223252 Cirurgião dentista - protesiólogo
bucomaxilofacial
223256 Cirurgião dentista - protesista
223260 Cirurgião dentista - radiologista
223264 Cirurgião dentista - reabilitador oral
223268 Cirurgião dentista - traumatologista
bucomaxilofacial
223272 Cirurgião dentista de saúde coletiva
223288 Cirurgião dentista - odontologia para
pacientes com necessidades especiais
223293 Cirurgião-dentista da estratégia de saúde da
família

28

Você também pode gostar