Você está na página 1de 3

5 Coisas que acontecem em um avivamento bíblico.

A Bíblia Sagrada é repleta de ocasiões que revelam coisas que acontecem em um


avivamento, seja pessoal ou coletivo. Veremos neste estudo bíblico o que traz o
avivamento na vida dos filhos de Deus.

1) O avivamento verdadeiro traz consigo o temor de Deus!


De onde vem o avivamento afinal de contas, senão do próprio Deus?
O avivamento é a manifestação da presença de Deus no coração de seu povo, trazendo
consigo o temor de Deus, que nos faz reconhecer Sua santidade e o quanto precisamos
nos consertar com Ele, desfazendo-se de nossos pecados.
Deus retirou os Israelitas do Egito, por exemplo, e os trouxe até o monte Sinai, onde
desceu para falar com o povo.
Deus estava trazendo aos israelitas um avivamento depois de muitos anos de escravidão
no Egito (Dt 30:16), e estava tornando de Israel uma nação com sua própria Lei, regida
por Deus.
Uma das principais coisas que acontecem em um avivamento é o temor de Deus, que
desce ao nosso coração para nos livrar de pecar, comprove isso nos versículos abaixo:
E todo o povo viu os trovões, e os relâmpagos, e o barulho da trombeta, e o monte
fumegando. E quando o povo viu isso, apartou-se e ficou de longe.
E disseram a Moisés: Fala tu conosco, e ouviremos, mas não permitas que Deus fale
conosco para que não morramos.
E disse Moisés ao povo: Não temais, pois Deus veio para vos provar, e para que o seu
temor esteja diante de vós, para que não pequeis. (Êxodo 20:18-20 KJF)
Se estamos clamando por um avivamento, clamemos pelo temor de Deus, para que
nos consertemos com Ele!

2) Em um avivamento, o arrependimento é o “personagem principal”.


O pecado é o que nos separa de Deus, de acordo com Isaías 59:2.
Portanto, das coisas que acontecem em um avivamento, o arrependimento de
pecados é praticamente a principal, pois o arrependimento é o início da mudança para
uma vida com Deus!
Quem quer se aproximar de Deus através de um avivamento, deve afastar-se de seus
pecados, arrependo-se!
Aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês! Pecadores, limpem as mãos, e
vocês, que têm a mente dividida, purifiquem o coração.
Entristeçam-se, lamentem e chorem. Troquem o riso por lamento e a alegria por tristeza.
Humilhem-se diante do Senhor, e ele os exaltará. (Tiago 4:8-10 NVI)

3) Num avivamento o pecado é odiado e abandonado, e a Palavra de Deus é desejada e


exaltada, esta é a evidência de um verdadeiro avivamento!
Refreei os meus pés de todo caminho mau, para que eu pudesse guardar a tua palavra.
(Salmo 119:101 KJF)

O versículo do salmo acima vem em concordância direta com os dois tópicos anteriores
deste estudo bíblico sobre as coisas que acontecem em um avivamento.
Primeiro o temor de Deus desce ao nosso coração, nos fazendo reconhecer os nossos
pecados e a necessidade de nos consertarmos com Deus.
Depois disso vem o arrependimento de nossos pecados, que é a evidência de que um
verdadeiro avivamento está acontecendo em nossa vida.
E então vem a leitura, conhecimento bíblico e prática constante das coisas que
provam evidências de um avivamento vindo verdadeiramente de Deus.
O salmista desvia seus pés de todo caminho mau a fim de guardar e obedecer com
sinceridade a Palavra de Deus.
Para que serve um avivamento, se não para aproximar o ser humano de Deus,
reconciliando-o com seu Criador, lhe dando uma vida nova? (2 Co 5:17-20)

Depois de passar pelas duas primeiras coisas que acontecem em um avivamento, e


depois de colocar em prática na própria vida a terceira, as outras duas começam a
acontecer de forma natural, veja quais são.

4) Em um avivamento genuíno, torna-se o prazer do crente buscar a Deus


constantemente!
Quando tu disseste: Buscai a minha face; meu coração disse a ti: Tua face, Senhor, eu
buscarei. (Salmo 27:8 KJF)
Buscar a Deus significa, basicamente, caminhar com Ele diariamente, estando em
comunhão com Ele, lendo, estudando e obedecendo Sua Palavra, além de alimentar uma
vida de adoração, louvor e oração constantemente (Lc 18:1).
Mas é indispensável que os três passos anteriores aconteçam antes deste aqui, pois para
estar em comunhão com Deus é necessário antes, obviamente, reconciliar-se com Ele!
Dessa forma Ele abençoará sua leitura, e direcionará seu conhecimento bíblico
corretamente.

5) Os crentes tornam-se cheios do Espírito Santo, porque de todas as coisas que


acontecem em um avivamento, esta é inevitável!

Ao serem cheios do Espírito Santo, os filhos de Deus também revestem-se de poder,


capacidade e coragem para pregar a Palavra de Deus, cada um de acordo com seu
chamado recebido do mesmo Espírito! (At 1:8; 1 Co 12: 7-11; Ef 4:11-13).
O apóstolo Paulo é um bom exemplo destas 5 coisas que acontecem em um avivamento,
pois ele passou pelas 4 primeiras etapas e depois foi cheio do Espírito Santo para pregar
a Palavra de Deus.
Nele foi gerado o temor do Senhor, e assim reconheceu seus pecados contra Deus (At
26:9; 1 Tm 1:15);
Ele arrependeu-se de seus pecados após tê-los reconhecido (Fp 3:7-8);
Ele desviou seus pés do caminho de maldade que trilhava, e assim começou a aprender
do Senhor Jesus com os discípulos (Gl 1:15-18);
Ele buscava a Deus constantemente junto com outros irmãos (At 13:1-2);
Depois disso esteve cheio do Espírito Santo para cumprir seu chamado.
O apóstolo Paulo foi avivado por Deus ao abrir seu coração para Ele, não sendo
negligente!
Através da história do apóstolo Paulo podemos ter um exemplo das coisas que
acontecem em um avivamento, leia um resumo abaixo:
E Ananias foi pelo caminho e entrou na casa, e impondo as suas mãos sobre ele, disse:
Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou,
para que recebas tua visão e sejas cheio do Espírito Santo.
E imediatamente lhe caíram dos olhos como se fossem escamas, e ele imediatamente
recebeu a visão; e levantando-se, foi batizado.
E, tendo recebido alimento, ele foi fortalecido. E esteve Saulo alguns dias com os
discípulos que estavam em Damasco.
E imediatamente ele pregava nas sinagogas que Cristo é o Filho de Deus.
Mas todos os que o ouviam estavam atônitos, e diziam: Não é este o que em Jerusalém
destruía os que invocavam este nome e com este intento veio aqui, para os levar presos
aos principais dos sacerdotes?
Saulo, porém, se fortalecia muito mais e confundia os judeus que habitavam em
Damasco, provando que aquele era mesmo o Cristo. (Atos 9:17-22 KJF)
Algumas pessoas podem não te compreender quando verem um avivamento começando
na sua vida, mas não desista, fortaleça-se no Senhor e em Sua Palavra!
Assim como aconteceu com o apóstolo Paulo, eu e você podemos buscar a Deus,
arrependendo-nos de nossos pecados, e sermos cheios do Espírito Santo para realizar
Sua obra e viver um verdadeiro avivamento em nossas vidas!
Continue orando a Deus sobre um avivamento em você e para a igreja, leia ainda obras
de outros autores sobre este assunto:

Você também pode gostar