Você está na página 1de 16

PONTES

DIMENSIONAMENTO DE
LONGARINA
Profª Christiane Luz de P. R. Gurgeira
• Estruturasmonolíticas de concreto possuem
seus elementos trabalhando em conjunto.

• Devidoa este fato, a parte da laje adjacente a


uma viga colabora na resistência desta viga.

• Podemos portanto, considerar esta parcela da


laje como parte integrante da viga resultando
em uma seção transversal “T”, apenas quando a
mesa e parte da alma estiverem comprimidas.
Largura colaborante de vigas de seção T (bf)

0,5 ∙ b2 b4
b1 ≤ ൞ 0,1 ∙a b3 ≤ ൞ 0,1 ∙a
8∙hf (recomendação) 6hf (recomendação)
Distância “a”- distância entre os
pontos de momento fletor nulo

a=L a = 0,75 ∙ L a = 0,6 ∙ L a=2∙ L


Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
1º Caso: A Linha Neutra não ultrapassa a altura da mesa,
a parte comprimida se encontra toda na mesma.

y ≤ hf , isto é, βx ≤ βxf Para o dimensionamento, considera-se


seção retangular βf x h
Fonte: Vieira, R.F., Dimensionamento de Longarinas, Notas de Aula – 4º Tópico
Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
1º Caso: βx ≤ βxf

hf
• βxf =
0,8∙d

• k c Tabela 1 βx
fck e Aço
bf ∙ d2
• kc =
Md
Md
• As = k s ∙
d
Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
2º Caso: A Linha Neutra ultrapassa a altura da mesa, situando-se na
alma (nervura)
F1 F2

y > hf , isto é, βx > βxf

Fonte: Vieira, R.F., Dimensionamento de Longarinas, Notas de Aula – 4º Tópico


Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
Cálculo de As1 - área de aço da 1ª seção (mesa):
(bf −bw )∙d2
• Md1 =
kc
k c correspondente a βx = βxf , isto é, y = hf
hf
• βxf =
0,8∙d
• k c Tabela 1 βx
fck e Aço

1 Md1 1
• As1 = ∙ = k s2 Tabela 02
σs hf σs
d− 2
Cálculo de dimensionamento de seção T
com armadura simples
Cálculo de As2 - área de aço da 2ª seção (alma):
• ∆Md = Md − Md1
bw ∙ d2 Tabela 01 βx ≤ βx lim Se βx > βx lim solução com
• kc=
∆Md Fck ቊ βx lim = 0,45
Aço
ks armadura dupla ou alterar a
seção da viga
∆Md
• As2 = k s ∙
d

Área de aço total (As ):


As = As1 +As2
Detalhamento de armadura
Tabelas – NBR 6118:2014
Detalhamento de armadura
Tabelas – NBR 6118:2014
Detalhamento de armadura
Armadura de pele – NBR 6118:2014
Bibliografia

• Associação Brasileira de Normas Técnicas - ABNT – NBR 6118: Projeto de


Estruturas em Concreto – Procedimento. Rio de Janeiro, 2014.
• CARVALHO, Roberto Chust, Cálculo e Detalhamento de Estruturas Usuais
de Concreto Armado, 4ª Ed., EdUFSCar, 2017
• SOUZA, A.A.A. Dimensionamento das armaduras projeto de ponte
rodoviária em sistemas de vigas independentes: Prescrições normativas
e detalhes construtivos. Notas de aula 5º Tópico, Campinas – SP.