Você está na página 1de 13

CONCEITOS PARA OS PRÓXIMOS PASSOS

Constante de Marinho (KM): Coeficiente deduzido em função do tempo


disponível do trabalhador e cobertura de ausências. A fórmula utilizada pelo
COREN para o cálculo dessa constante em unidades de assistência ininterrupta é
a seguinte:
CONCEITOS PARA OS PRÓXIMOS PASSOS
Constante de Marinho (KM):

Cálculos feitos baseando-se num IST de 15% (0,15)


CONCEITOS PARA OS PRÓXIMOS PASSOS
FCC, 2011 Órgão: TREAPProva: Analista Judiciário Enfermagem – adaptada
De acordo com a Resolução do COFEN 543/2017, para efeito de cálculo devem
ser consideradas como horas de Enfermagem, por leito, nas 24 horas, na
assistência mínima:
a) 2 horas de Enfermagem, por cliente.
b) 3,5 horas de Enfermagem, por cliente.
c) 4 horas de Enfermagem, por cliente.
d) 8 horas de Enfermagem, por cliente.
e) 10 horas de Enfermagem, por cliente.
cuidados mínimos cuidados intermediários
4h 6h

horas de
enfermagem por
paciente nas 24h

cuidados de alta dependência e semi-intensivos cuidados intensivos


10h 18h
FCC,2007 Órgão: ANSProva: Especialista em Regulação Enfermagem – adaptada
A coordenação calculou que seriam necessários 100 (cem) profissionais de enfermagem
em uma instituição de saúde prestadora de assistência mínima e intermediária. Ao utilizar
as recomendações da Resolução COFEN 543/2017, o número de enfermeiros deverá ser
de:
cuidados mínimos e
cuidados de alta
a) 18. intermediários:
dependência: 36%
33% enfermeiros (mínimo enfermeiros
b) 24. de seis).

c) 31. distribuição
percentual dos
d) 33. profissionais
enfermagem
de

e) 46.
cuidados semi-intensivos cuidados intensivos
42% enfermeiros 52% enfermeiros
FCC, 2007. Órgão: MPUProva: Analista de Saúde Enfermagem – adaptada
Ao dimensionar o quadro de profissionais de enfermagem em uma unidade de
saúde que presta assistência a pacientes de cuidados de alta dependência, deve-
se respeitar a Resolução COFEN 543/2017. De acordo com essa legislação,
considera-se como horas de enfermagem, por leito, nas 24 (vinte e quatro)
horas:
a) 4 horas de enfermagem, por cliente.
b) 8 horas de enfermagem, por cliente.
c) 10 horas de enfermagem, por cliente.
d) 18 horas de enfermagem, por cliente.
e) 6 horas de enfermagem, por cliente.
CONSULPLAN,2017. TRF 2ª REGIÃOProva: Analista Judiciário Enfermagem
Uma maneira de calcular a quantidade de profissionais de enfermagem para
uma unidade de internação é utilizando a fórmula: QP = Km x THE, onde QP é a
quantidade de profissionais de Enfermagem, THE é o total de horas de
enfermagem e Km a Constante Marinho. A Constante Marinho é um coeficiente
baseado:
a) Nos dias do mês, na jornada mensal de trabalho e na taxa de ocupação.
b) Nos dias da semana, na jornada mensal de trabalho e na taxa de ocupação.
c) Nos dias do mês, na jornada diária de trabalho e no índice de segurança
técnica.
d) Nos dias da semana, na jornada semanal de trabalho e no índice de segurança
técnica.
IADES, 2017. Órgão: Fundação Hemocentro de Brasília DF Prova: Enfermeiro –
adaptada
Quanto à Resolução COFEN nº 543/2017, assinale a alternativa que indica, para
efeito de cálculo, o número de horas de enfermagem que devem ser
consideradas, por cliente, nas 24 horas.
a) 2 horas na assistência de pacientes independentes.
b) 3 horas na assistência mínima.
c) 6 horas na assistência intermediária.
d) 12 horas na assistência semi-intensiva.
e) 17 horas na assistência intensiva.
IBADE, 2017. Órgão: SEJUDH MT Prova: Enfermeiro - adaptada
Considerando os parâmetros recomendados para o dimensionamento dos profissionais de
enfermagem nas instituições de saúde, analise as alternativas a seguir.
I. O quadro de profissionais de uma unidade de internação composto por 50% ou mais de pessoas com
idade superior a 50 anos, deve ser acrescido de 10% ao índice de segurança técnica (IST).
II. A criança menor de 6 anos internada na pediatria, independente da presença de acompanhante,
deve ser classificada com necessidades de cuidados intermediários.
III. Na assistência semi-intensiva, o percentual de enfermeiros deve ser de 33% (mínimo de seis) e os
demais, auxiliares e/ou técnicos de enfermagem.
Está correto apenas o que se afirma em: a) I e II.
b) III
c) II.
d) II e III.
e) I.
REIS & REIS, 2016 Órgão: Prefeitura de Cipotânea MG Prova: Enfermeiro - adaptada
Os aspectos quantitativos dos profissionais de enfermagem nas instituições de saúde são enfatizados
para que haja a garantia da segurança e da qualidade de assistência prestada ao cliente. Uma unidade
assistencial com 27 leitos de pacientes nos diferentes turnos, sendo que 18 são pacientes com
cuidados intermediários e 09 com cuidados mínimos cuja ocupação da unidade é de 90% para uma a
jornada de trabalho de 30 horas semanais necessita de X profissionais de enfermagem. Qual das
alternativas está correta:
KM (20) = 0,4025;
KM (24) = 0,3354;
KM (30) = 0,2683;
KM(32,5) = 0,2476;
KM(36) = 0,2236;
KM(40) = 0,2012.
SCP/Horas
Assistência Mínima: 4hrs
Assistência Intermediária: 6hrs
Assistência de Alta Dependência: 10hrs
Assistência Semi-intensiva: 10hrs
Assistência Intensiva: 18 hrs
a) 29 profissionais de enfermagem.
b) 35 profissionais de enfermagem.
c) 36 profissionais de enfermagem.
d) 28 profissionais de enfermagem.