Você está na página 1de 18

Os novos modelos FLP foram desenvolvidos a partir aos projetos de sistemas de conforto, garantindo

das diretrizes da norma NBR-16401, de 2008. Os que se mantenham as premissas fundamentais


intercambiadores de calor utilizados possuem constantes na norma técnica. Desta forma, a linha
características construtivas e de filtragem que Flexair apresenta 28 novos modelos, com as
possibilitam aos condicionadores da Systemair mesmas 10 posições de insuflamento de ar,
Traydus atender todos os tipos de ambientes, como possibilidades de filtragem e acessórios.
previsto na nova norma brasileira para instalações
centrais de ar condicionado. O cliente conta ainda com todo suporte técnico do
corpo de engenheiros da Systemair Traydus, visando
Como os demais intercambiadores da linha Flexair, a customização dos condicionadores, de acordo com
os modelos FLP proporcionam a total flexibilidade necessidades específicas de projeto.

Características Construtivas

Os modelos FLP possuem gabinete modular (exceto poliestireno expandido auto–extinguível, com
modelos 020 a 300 nas posições V9 e V10). espessura de 24 mm e rechapeados em chapa
galvanizada.
Estruturados por perfis extrudados de alumínio
natural e são unidos por cantos em nylon A fixação à estrutura é feita através de fechos de
enriquecido com fibra de vidro. nylon composto, tipo rápido, com indicação de
posição e fácil manuseio.
Painéis de fechamento tipo “sanduíche” são
fabricados em chapa de aço galvanizado. Eles A vedação dos painéis à estrutura é feita por meio
também são pintados na face externa, com tinta de borracha esponjosa auto-adesiva, garantindo
p o l i é s te r a p ó , n a co r b ra n c a , a p l i c a d a excelente estanqueidade, inclusive em testes de
eletrostaticamente, com cura em estufa a 200°C. pressão negativa, conforme Norma DW-143.
São isolados termicamente por placas de
Filtros de Ar Serpentina

O condicionador é fornecido com base soleira de apoio e Para resfriamento e desumidificação com 3, 4, 5, 6 ou 8
d r e n o s i f. To d o s o s e s t á g i o s d e fi l t r a g e m filas, tubos de cobre com Ø ½”, aletas corrugadas em
obrigatoriamente estarão dispostos à montante da alumínio 8, 10 ou 12 por polegada e molduras em
serpentina de resfriamento. Os filtros são alojados em alumínio naval. Todas as serpentinas são testadas
caixilhos, tipo saque frontal, de fácil manuseio, sem o uso pneumaticamente a 420 psi. Possuem purga e dreno,
de ferramentas (opcionalmente o caixilho pode ser do conexões hidráulicas sextavadas em latão tipo macho,
tipo gaveta para possibilitar a conexão à conduta de ar). rosca BSP.

G0: Estágio de filtragem lavável e permanente em tela de


nylon eletrostático, com espessura 8 mm. Transmissão
G1T (manta): Estágio de filtragem lavável (com Através de polias em alumínio fundido e correia em “V”
possibilidade de troca do refil) em manta Scotch – Brite, dentada, sendo a polia motora do tipo regulável em 1
com 6 mm de espessura e moldura em quadro de canal A ou B para motores até 7,5 CV. Para potências
alumínio de 12 mm. superiores, que necessitam de 2 canais, as polias são
fixas (não recomendamos o uso de reguláveis em 2
G1M (metálico): Estágio de filtragem lavável embebido canais).
em óleo, espessura 22 mm, totalmente em alumínio,
meio filtrante em telas expandidas de malhas
progressivas. Base Soleira com Pés de Neoprene
G3: Estágio de filtragem descartável, constituído de O condicionador é fornecido com base soleira de apoio e
filtro(s) encartonados, com meio filtrante em fibras dreno sifonado, pronto para ser interligado ao local de
sintéticas entrelaçadas com densidade progressiva. instalação.
Classe de filtragem: NBR 16401: G-3
Eficiência: 88% no Teste gravimétrico.

G4: Estágio de filtragem descartável constituído de Motor Elétrico


filtro(s) encartonados em moldura de cartão estampado, Motor trifásico IP–55 de 4 pólos, assíncrono de indução
em uma única peça, com meio filtrante em fibras com rotor do tipo gaiola e fator de serviço 1,15.
sintéticas prensadas, plissado e sustentado por uma
malha metálica galvanizada com densidade progressiva.
Classe de filtragem: NBR 16401: G-4
Eficiência: 92% no Teste gravimétrico. Ventiladores
Ventilador centrífugo com rotor tipo LimitLoad, em
F5: Estágio de filtragem descartável, constituído de
alumínio ou aço, de pás retas ou de pás em perfil
filtro(s) encartonados em moldura de cartão, estampado
aerodinâmico AIR FOIL, voltadas para trás, balanceados
em uma única peça, com meio filtrante em fibras
dinamicamente. O Eixo SAE 1045 apoiado em
sintéticas prensadas, plissado e sustentado por uma
rolamentos de esferas, blindados, com lubrificação
malha metálica galvanizada e impregnado com agente
permanente, montados dentro de amortecedores de
antimicrobiano.
borracha, assegurando o mínimo ruído. Seu bocal de
Classe de filtragem: NBR 16401: F-5
descarga é unido ao gabinete, elasticamente, através de
Eficiência: 51% no Teste colorimétrico.
lona flexível.

Bandeja de Condensado Base Única Conjunto Moto-Ventilador


Fabricada em chapa de alumínio naval e isolada na face
inferior, com manta de polietileno auto-extinguível para Base única flutuante em chapa preta com processo de
evitar a condensação sob a unidade. Possui caimento zincagem após sua confecção, apoiada sobre coxins de
central para dreno em luva de latão recravada, que evita neoprene.
o acúmulo de condensado sobre a unidade.
Nomenclatura e Codificação dos Condicionadores

Linha Flexair Limit Load Plus


Ÿ Plenun de Insuflamento:
Ÿ Tamanho de Gabinete: 010, 015, 0120, ...450, 500. PC = Plenun de Insuflamento com Colarinho
PD = Plenun de Insuflamento com Damper de
Ÿ Número de Filas da Serpentina: 3R, 4R, 5R, 6R e 8R. Acionamento Manual
Ÿ PG = Plenun de Insuflamento com Grelha de
Ÿ 1º Estágio de Filtragem: G0, G1T, G1M, G3, G4, F5. Dupla Deflexão
Ÿ
Ÿ 2º Estágio de Filtragem: G0, G1T, G1M, G3, G4, F5. Ÿ Kit Proteção a Intempéries:
Ÿ KI = “Telhado“ + Veneziana de TAE
Ÿ Posição e Insuflamento: V1, V2, V3, V4, H5, H5, H7,
H5, V9, V10. Ÿ Bandeja de Condensado:
BI = Bandeja de Aço Inox AISI 304
Ÿ Lado de Conexão Hidráulica:
D = Direita Ÿ Rechapeamento Interno aos Painéis:
E = Esquerda RP = Galvanizado Pintado
RA = Alumínio
Ÿ Tensão de Alimentação/Motor Elétrico: RI = Aço Inox AISI 304
T1 = 220V T4 = 380/660V
T2 = 380V T5 = 220/380/440/760V Ÿ Kit Visibilidade:
T3 =440 V KV = Visor em Acrílico e Iluminação Interna
Ÿ Aquecimento: Ÿ Kit Manuseio:
AE = Aquecimento Elétrico com Resistência KM = Fecho de Tramela Externa com Aperto
Aletada Roscado por parafuso tipo Roseta e Alças para
AA = Aquecimento com Serpentina de Água Manuseio dos Painéis.
Quente
AV = Aquecimento com Serpentina de Vapor Ÿ Kit Controle de Vazão Constante:
KQ = Quadro Elétrico, Inversos de Frequência e
Ÿ Umidificação: SIMVA
UM = Sistema Externo de Umidificação em aço
inox, com resistência de imersão e tubo difusor de Ÿ Kit Automação:
vapor. KA = Sistema de Automação Completo para
Controle, Alarmes, Visualização e Indicação de
Ÿ Motor Elétrico: Parâmetros.
MP = IP55 Plus - Motor Alto Rendimento
MW = IPW55 - Motor com Proteção Completa Ÿ Finaliza Código do Produto: “X“
Contra Toques, Acúmulo de Poeiras, Chuva e Maresia
ME = Motor Especial Exemplos:
FLP -375 -4R -G4 -V1 -D -T2 -X
Ÿ Caixa de Mistura: FLP -220 -5R -G4 -F5 - H5 -E -T5 -UM -CM -PG -BI -RI -X
CM = Caixa de Mistura com Damper de Acionamento FLP -060 -8R -G3 -F8 -V1 -E -T4 -AE -MW -CM -KI -RA -KV
Manual -KQ -KQ -X

Acessórios Opcionais: Informar no ato da compra caso haja acessórios opcionais. Alguns destes itens
podem aumentar as dimensões físicas do condicionador.
Selecionamento do Consumidor

A seleção do modelo (tamanho) de um condicionador de ar do tipo fancoil é realizada em função apenas da vazão de ar
(m³/h), tendo como parâmetros as velocidades de descarga do ventilador e de face na serpentina (m/s). A capacidade
térmica necessária é obtida pelo cálculo do número de filas e o número de circuitos da serpentina em função dos dados
fornecidos.

DADOS MÍNIMOS NECESSÁRIOS A SEREM INFORMADOS PARA O PERFEITO SELECIONAMENTO POR SOFTWARE:
Ÿ Altitude do local da instalação; Ÿ Condições Externas adotadas;
Ÿ Velocidade de face desejada (m/s); Ÿ Vazão de ar (m³/h);
Ÿ Limite de perda de carga de Hidráulica; Ÿ Carga Térmica Total (kcal/h);
Ÿ Temp. de bulbo seco na entrada da Serp.; Ÿ Temperatura da água gelada;
Ÿ Temp. de bulbo úmido na entrada da Serp.; Ÿ Vazão da água gelada.

Posição de Insuflamento

Dimensionais L x A x P Definição de Hidráulica


1- O lado de hidráulica é definido visualizando-se o ar na
entrada dos filtros.
2- O motor elétrico, quando não especificado, seguirá o
mesmo lado de hidráulica.
3- Condicionador com duas serpentinas A.G e A.Q
poderão ser fornecidos com hidráulica do mesmo lado ou
lados opostos.
Informações Técnicas Características Técnicas Condicionadores Flexair
A tabela ao lado indica os modelos
padronizados e suas faixas de vazões de ar
recomendadas, facilitando a rápida seleção do
modelo ideal em função da vazão de ar
requerida pelo projeto.

- Os ventiladores serão de simples aspiração,


até o modelo 040, e dupla aspiração do 050 em
diante. Nos modelos a partir de 180, os
ventiladores são do tipo duplex.

- As pressões estáticas máximas indicadas


correspondem a vazão de ar nominal para cada
modelo, podendo variar em função da vazão
utilizada.

- As potências indicadas correspondem ao


maior motor elétrico previsto no dimensional do
gabinete. Os motores podem ser de II e IV polos,
dependendo da faixa de operação e rotação do
ventilador.

- As áreas de face da serpentinas são as reais de


passagem de ar, calculadas com velocidade de
face = 2,5 m/s para a vazão nominal.

- O peso indicado refere-se ao condicionador


com motor elétrico máximo e serpentina de 8
filas cheia d'água, (peso máximo de operação).

Características Dimensionais - FLP


Características Dimensionais - FLP
Módulo de Mistura do Ar
A tabela abaixo indica as dimensões físicas dos modelos Ÿ A montagem dos filtros em seus caixilhos é do tipo
padronizados das caixas de mistura de ar externo e de Saque Frontal, sem uso de ferramentas, em que os
retorno do ambiente condicionado. elementos filtrantes podem ser facilmente
substituídos por qualquer um dos lados do
Ÿ Fácil acoplamento junto à frente do módulo de equipamento, sistema este que proporciona maior
serpentina. A estanqueidade é obtida por meio de praticidade em relação ao de gaveta lateral, além de
guarnição de borracha esponjosa, colocada entre os requerer menores espaços ao lado do equipamento
dois módulos, que são fixados por parafusos de união para realizar a troca.
nos perfis de alumínio.
Ÿ Possuem construção e acabamento idênticos ao do
condicionador, acompanhando inclusive base soleira.
Ÿ São fornecidas com damper regulador de vasão para
o ar exterior e para o retorno de ar nas posições,
conforme a figura indicativa e dimensões
previamente solicitadas pelo cliente, observando-se
os limites dimensionais indicados na tabela.
Ÿ Para adequar-se a espaços reduzidos, as caixas de
mistura poderão ter suas profundidades reduzidas ou
serem incorporadas ao gabinete do próprio
condicionador, mediante a análise prévia da
engenharia de produtos da Traydus.
Ÿ Módulos de mistura, com dimensões acima das
padronizadas, podem ser fornecidas sob consulta
para atender necessidades especiais de instalações.
Ÿ Os condicionadores, com caixa de mistura, terão suas
armações de filtros de ar deslocadas para o interior da
mesma.
A Systemair Traydus oferece, através de sua linha, a mais Objetivando uma flexibilidade total aos projetos de
ampla opção de climatizadores de ar padronizados, para sistemas de conforto, a linha disponibiliza 32 modelos,
as instalações centrais de água gelada. com duas opções de isolamento térmico (1/2”e 1”) e 10
posições de insuflamento de ar, além de outras sob
São projetados em conformidade com as normas e consulta. Essa extensa linha possibilita selecionar o
parâmetros usuais de projeto, com dimensões equipamento na capacidade ideal para a necessidade da
compactas e sem subdimensionar componentes, instalação, bem como oferecer mais opções
respeitando seus respectivos espaços, o que garante o dimensionais para instalações onde os espaços são
rendimento esperado. reduzidos.

Características Construtivas

Incorporando componentes de primeira linha, materiais nobres, fabricação e acabamento esmerado, os climatizadores da
Systemair Traydus são referência em qualidade em nosso segmento.

Gabinetes
Os gabinetes, dos modelos de 010 ao 140, são em galvanizada ou opcionalmente em alumínio naval 0,8
módulo único (opcionalmente dois módulos) e a partir mm e aço inox AISI 304. A fixação à estrutura é feita
do modelo 155 em dois módulos. através de fechos de nylon composto, tipo rápido, com
indicação de posição e fácil manuseio.
Estruturados por perfis extrudados, de alumínio natural,
são unidos por cantos em nylon, enriquecido com fibra A vedação dos painéis à estrutura é feita por meio de
de vidro. Há painéis de fechamento, tipo “sanduíche”, borracha esponjosa, autoadesiva, garantindo excelente
fabricados em chapa de aço galvanizado, de espessura estanqueidade, inclusive em testes de pressão negativa,
progressiva, de acordo com o dimensional do conforme Norma DW-143.
condicionador, além de reforços internos que garantem
ótima planicidade e robustez. Os painéis são pintados na Objetivando uma flexibilidade total aos projetos de
face externa, com tinta pó eletrostático, à base de sistemas de conforto, a linha disponibiliza 32 modelos,
poliéster na cor branca, com cura em estufa a 200°C, com duas opções de isolamento térmico (1/2”e 1”) e 10
conferindo-lhes beleza. posições de insuflamento de ar, além de outras sob
consulta. Essa extensa linha possibilita selecionar o
Gabinetes de total resistência à corrosão e raios equipamento na capacidade ideal para a necessidade da
ultravioletas. Eles são isolados termicamente por placas instalação, bem como oferecer mais opções
de poliestireno expandido, autoextinguível, com dimensionais para instalações onde os espaços são
espessuras de 12 ou 24 mm e rechapeados em chapa reduzidos.
Base Soleira com Pés de Neoprene Motor Elétrico
Para os equipamentos que serão apoiados sobre o piso, o Motor trifásico IP55 de 4 polos, assíncrono de indução
gabinete é fornecido com base soleira e dreno sifonado, com rotor do tipo gaiola e fator de serviço 1,15
pronto para ser interligado no local de instalação. Esta (opcionalmente em alto rendimento Plus).
base tem a principal finalidade de eliminar a construção
de alvenaria, no local da instalação, o que permite Tipo sirocco, de dupla aspiração (exceto modelo 010).
instalar o condicionador, inclusive sobre o próprio piso do São construídos em chapa de aço galvanizado,
ambiente condicionado. balanceados dinamicamente, fixados à estrutura do
gabinete, por trilhos de aço galvanizado. Eixo em SAE
1045, apoiado em mancais de rolamento de esferas
Bandeja de Condensado (vida útil 20.000 h), tipo auto alinhantes, com
lubrificação permanente, sendo os rolamentos alojados
Fabricada em chapa de alumínio naval e isolada na face em elastômero de amortecimento, dentro de mancais
inferior, com manta de polietileno auto extinguível, para de alumínio fundido.
evitar a condensação sob a unidade. Possui caimento
central para dreno em luva de latão recravada, que evita
o acúmulo de condensado sobre a unidade. Acessórios Opcionais
Ÿ Aquecimento por serpentina de água quente ou
vapor;
Serpentina
Ÿ Aquecimento através de resistências elétricas do tipo
Para resfriamento e desumidificação com 3, 4, 5, 6 ou 8
Ualetado;
filas, tubos de cobre com Ø ½”, aletas corrugadas em
alumínio 8, 1'0 ou 12 por polegada e molduras em aço
Ÿ Módulo de mistura com dampers de ar externo e
galvanizado (opcionalmente em alumino naval ou inox).
retorno;
Todas as serpentinas são testadas pneumaticamente a
420 psi. Possuem purga e dreno, conexões hidráulicas
Ÿ Pintura total do gabinete, incluindo os ventiladores e
sextavadas em latão tipo macho, rosca BSP.
perfis de alumínio, aumentando significativamente a
vida útil do equipamento, principalmente para
aplicações na orla marítima ou ambientes agressivos;
Transmissão
Ÿ Pré filtros de ar:
Através de polias em alumínio fundido e correia em “V” G0 Tela de nylon eletrostático, espessura 8 mm,
dentada, sendo a polia motora do tipo regulável em 1 lavável e permanente;
canal, A ou B, para motores até 7,5 CV. Para potências G1 Manta Scotch-Brite, espessura 6 mm,
superiores, que necessitam de dois canais, as polias são moldura em quadro de alumínio de 12mm (laváveis e
fixas (não recomendamos o uso de reguláveisem2 com possibilidade da troca.
canais).

Filtros de Ar
Filtros de ar descartáveis em manta de fibra sintética, de
densidade progressiva e molduras encartonadas, classe
G3, espessura 45 mm e com baixo custo de reposição. Os
filtros são alojados em caixilhos, em chapa galvanizada
pintada, tipo saque frontal de fácil manuseio, sem o uso
de ferramentas (opcionalmente o caixilho pode ser do
tipo gaveta para possibilitar a conexão ao conduto de ar).
A seleção do modelo (tamanho) de um condicionador de assim, verificar se as dimensões do equipamento são
ar do tipo Fan-Coil é realizada em função apenas da adequadas ao local de instalação.
vazão de ar (m³/h), tendo como parâmetros as
velocidades de descarga do ventilador e de face na Ÿ Vazão de Ar de 14.500 m³/h;
serpentina (m/s). A capacidade térmica necessária é Ÿ Velocidade de Face até 2,6 m/s;
obtida pelo cálculo do número de filas e número de Ÿ Velocidade de Descarga até 10 m/s
circuitos da serpentina, em função dos dados fornecidos.
Entrando com a vazão de ar, em ambos os ábacos, abaixo
Os dados Mínimos necessários a serem informados para iremos localizar com os parâmetros de velocidade de
o perfeito selecionamento por software são: face e de descarga o condicionador, modelo 220, como o
mais apropriado e com as seguintes resultantes:
Ÿ Altitude do local da Instalação; Velocidade de descarga = 9,8m/s e Velocidade. de face =
Ÿ Velocidade de Face desejada (m/s); 2,46 m/s. Com o modelo já definido, na página 4, nota-
Ÿ Limite de Perda de Carga de Hidráulica; se que a sigla da posição de insuflamento, com a
Ÿ Temperatura de Bulbo Seco na entrada da Serp.; espessura de isolamento do gabinete, que será adotada
Ÿ Temperatura de Bulbo Úmido na entrada da Serp.; (1/2" ou 1"), pode-se escolher os modelos FSC ou FSP,
Ÿ Condições externas adotadas; nas páginas seguintes, de acordo com a configuração
Ÿ Vazão deAr (m³/h); escolhida nas tabelas dimensionais, obtendo-se as
Ÿ Carga TérmicaTotal (kcal/h); dimensões do equipamento.
Ÿ Temperatura de Água gelada;
Ÿ Vazão de Água gelada. Salientemos que a definição do modelo por TRs é um
conceito errôneo, uma vez que um mesmo modelo pode
Os ábacos abaixo auxiliam na seleção rápida do modelo variar sua capacidade em torno de 400%, dependendo
dos condicionadores, para uma seleção preliminar do das condições de trabalho. Sendo assim, o modelo de um
dimensional do equipamento e da sua configuração de condicionador Fan-coil deve ser definido unicamente por
tipo de gabinete e posição de saída do ar, podendo, sua vazão de ar.

ÁBACOS DE SELEÇÃO DOS CONDICIONADORES FLEXAIR


1) O lado de hidráulica é definido visualizando-se o
ar na entrada dos filtros.

2) O motor elétrico quando não especificado seguirá


o mesmo lado de hidráulica.

3) Condicionador com duas serpentinas A.G. e A.Q.


poderá ser fornecidos com hidráulica do mesmo
lado ou lados opostos
A tabela ao lado indica os modelos
padronizados e suas faixas de vazões
de ar recomendadas, facilitando a
rápida seleção do modelo ideal, em
função da vazão de ar requerida pelo
projeto. Uma vez definido o modelo, é
possível obter-se as principais
informações tais como:

Modelo mundial do ventilador, sendo


que o primeiro número indica o
diâmetro do rotor e o segundo
número a sua largura em polegadas
(alguns fabricantes de ventiladores
indicam os seus modelos em "mm")
e, em seguida, a quantidade de
ventiladores. Exceto o condicionador
modelo 010, os demais possuem
ventiladores de dupla aspiração.

As áreas de face das serpentinas são


as reais de pass agem de ar,
calculadas para velocidade de face = *A tabela acima é de grande valia na seleção de um fan-
2,5 m/s para a vazão nominal. coil, pois facilita a justa análise de nossos dados técnicos,
com os de outros fabricantes, evitando assim a simples
A área de filtragem é a total dos filtros de ar, sendo comparação por siglas, modelos ou "TRs", que por vezes
sempre superior a área de face da serpentina. Cada filtro escondem um equipamento subdimensionado.
tem sua área limitada em 0,42 m² e seus caixilhos
sempre possuem reforços para evitar que filtros
saturados sejam sugados.

Motor elétrico: indica a máxima potência em motores de


4 polos e em 60 Hz, prevista no dimensional do gabinete.
O peso indicado refere-se ao condicionador com motor
máximo e serpentina de 8 filas cheia d'água (peso
máximo e operação)
A tabela ao lado indica as dimensões físicas,
dos modelos padronizados, de caixas de
mistura de ar externo e retorno.

Ÿ Fácil acoplamento, junto à frente do módulo


ou secção de serpentina e a estanqueidade
é obtida por meio de guarnição de borracha
esponjosa, entre os módulos a serem
unidos por parafusos de fixação dos perfis
d e a l u m í n i o, q u e a co m p a n h a m o
equipamento.

Ÿ Possuem construção e acabamento,


idênticos ao condicionador, acompanhando
inclusive base soleira.

Ÿ Normalmente são fornecidas com dampers


e ou colarinhos de acoplamento nas
dimensões e posições previamente
solicitadas.

Ÿ As dimensões máximas indicadas são as


aberturas existentes entre os perfis de
alumínio, que podem ser totalmente
utilizados.

Ÿ Quando as aberturas solicitadas forem


menores, as mesmas são realizadas nos
painéis de fechamento com acabamento
no furo de passagem e sua posição é locada
conforme desenho enviado pelo cliente.

Ÿ Para adequar a espaços reduzidos, as caixas


de mistura poderão ter suas profundidades
reduzidas ou as mesmas serem
incorporadas ao gabinete do próprio
condicionador, mediante a análise prévia da
engenharia de produtos da Systemair
Traydus. deste módulo. Os elementos filtrantes são facilmente
substituídos por qualquer um dos lados do
Ÿ Módulos de mistura com dimensões, acima das equipamento. A montagem dos filtros em seus
padronizadas, podem ser fornecidas sob consulta caixilhos é do tipo Saque Frontal, sem uso de
para atender necessidades especiais de instalações. ferramentas, sistema este com mais praticidade em
relação ao de gaveta lateral, e requer menos espaço
Ÿ Condicionadores com módulo de mistura terão suas ao lado do equipamento.
armações de filtros de ar deslocadas para o interior

* Para modelos FSP (1"), as caixas de mistura terão um acréscimo de 27mm nas dimensões informadas, contudo, as dimensões
máximas disponíveis para Dampers e Colarinhos permanecem inalteradas.
Visando auxiliar e otimizar o trabalho dos projetistas de
sistemas de ar condicionado, a Systemair Traydus incluiu
em suas padronizações as posições de insuflamento V9 e
V10 para projetos de insuflamento pelo piso.

Sob consulta, podemos também fornecer


condicionadores verticais com insuflamento horizontal
inferior (rente ao piso), frontal ou traseiro.

Assim, com os habituais projetos de CPD, o insuflamento


pelo piso tem se torna tendência nos projetos de
arquitetura e engenharia, proporcionando ambientes
versáteis quanto à modulação.

Com a Linha Flexair, a Systemair Traydus mostra sua


preocupação em oferecer melhores possibilidades aos
seus clientes.

Assim, buscamos abranger mais um segmento de


mercado, nos consolidando como um dos fabricantes
mais completos de intercambiadores de calor (fan-coils
centrais).
Systemair Traydus Climatização Indústria e Comércio LTDA.

Rua Prefeito José Carlos, 2000 - Santa Júlia


Itupeva - SP
CEP 13.295-000

Escritório / Fábrica:
PABX.: 55 11 4591-7020
E-mail: contato@traydus.com.br

systemair.com
systemair-traydus.com.br

Você também pode gostar