Você está na página 1de 2

1.

Diagrama de Classe: Gestão de Biblioteca


É uma questão de fazer um software de gestão dos empréstimos de documentos aos leitores
de uma biblioteca municipal. O usuário pergunta em uma estação de computador e um
documento é comunicado a ele.

O leitor recebe um número ao se registar. Existe um sistema de cartões para pesquisa


documental que actualmente não é informatizado. Se o leitor já estiver registado, ele se
identifica e preenche a solicitação de documento desejada no terminal do computador. Ele
selecciona o documento desejado e o local onde deseja consultar o documento (no local ou em
casa).

Na verdade, existem vários tipos de documentos: jornais, livros e microfilmes. Cada usuário tem
direitos diferentes de acordo com sua profissão e seu empregador. Estas taxas são válidas por
um ano e correspondem aos níveis de confidencialidade. Alguns documentos só estão
disponíveis no site, outros podem ser levados para casa. Para consultar no local, um local deve
ser atribuído ao leitor em uma sala adaptada ao documento.

Se o documento não estiver disponível no momento, o sistema fornece ao leitor um formulário


de reserva, incluindo uma data de disponibilidade e um local reservado (em caso de consulta no
local). O leitor pode então entrar na data agendada para usar sua reserva.

Se o documento estiver disponível, o sistema imprimirá um cartão que permitirá ao leitor


recuperar seu documento no balcão. O empregado então valida o empréstimo em seu
computador e regista o retorno quando o leitor devolve o documento. No caso de empréstimo
imobiliário, o usuário tem uma semana para devolver o documento.

O usuário pode a qualquer momento consultar o status de seus pedidos (empréstimos e / ou


reservas em andamento). Ele só pode fazer um empréstimo se tiver devolvido os documentos
já emprestados.

Cada documento tem uma classificação. Um jornal tem um título, uma data e um número. Um
livro tem um título e um ou mais autores. O microfilme foi retirado de alguns jornais.

O sistema fornece ao empregado, todas as noites após a saída do último cliente, a lista de
documentos consultados no local que não foram devolvidos. O Oficial de Empréstimo pode, a
qualquer momento, solicitar ao sistema uma lista de empréstimos imobiliários não garantidos.
Estes serão classificados pelo número de dias atrasados, para que você possa editar as letras de
recuperação. Ele também pode obter estatísticas diferentes.

“Todos nós aprendemos a trabalhar sob o efeito da pressão de TEMPO!!”


2. Caso de estudo: Gestão de Obras de Arte.
Um museu quer que seu departamento de TI desenvolva software para automatizar a gestão de suas
obras. Seus requisitos são os seguintes:

 O catálogo de obras de arte deve ser mantido. A obra de arte característica é a pintura.
Mas, além disso, o museu tem esculturas e outros objectos. Qualquer um desses três
elementos tem um autor e pertence a um período. Cada obra é avaliada economicamente
e sua data de criação e sua data de entrada no museu são armazenadas. As pinturas e
esculturas têm um estilo. Das pinturas você tem que coleccionar a técnica e das esculturas
o material. A entrada de dados é feita pelo gerenciador de catálogos.
 A restauração de obras de arte deve ser gerenciada. Um trabalho pode estar exposto ou
pode estar em restauração. Neste último caso, é necessário colectar o tipo de restauração
e a data de início do mesmo. No caso normal, as obras de arte são restauradas
automaticamente a cada cinco anos, portanto, é necessário um processo diário para indicar
quais trabalhos devem ser restaurados. Por outro lado, se um trabalho for danificado por
qualquer motivo, ele será enviado para restauração imediatamente. Quando uma
restauração é concluída, a data final da restauração é armazenada. O restaurador chefe é
responsável por realizar essas operações.
 O restaurador chefe deve poder consultar todas as restaurações que foram feitas para cada
obra de arte, ordenada pela antiguidade.
 As obras de arte podem ser transferidas para outros museus. Você quer gerenciar uma lista
de museus com os quais você pode colaborar. Quando uma obra é designada e solicitada
por outro museu, ela será cedida a esta última quando a transferência para o primeiro
museu terminar. Quando uma obra de arte é transferida para um museu, é necessário
cobrar o valor pago por essa atribuição e o período de tempo que será atribuído. O director
do museu é responsável por esta gestão.
 Os visitantes do museu podem verificar as listas de obras de quartos em um monitor
suspenso no salão principal do museu.
 O director do museu deve poder consultar a avaliação de todos os trabalhos do museu (a
quantia total)
 O sistema deve ter um controlador de segurança, portanto, é um pré-requisito que todos
os usuários autentiquem antes de poderem usar o software.

a) Diagrama de casos de uso do sistema de gestão de obras de arte


b) Diagrama de sequência para registar restauração.

“Todos nós aprendemos a trabalhar sob o efeito da pressão de TEMPO!!”