Você está na página 1de 3

( ) Prova – DS1 ( ) Prova Semestral Nota:

( X) Exercícios ( ) Prova Substitutiva


( ) Prova Modular ( ) Prova de Recuperação
( ) Prática de Laboratório
( ) Exame Final/Exame de Certificação
( ) Aproveitamento Extraordinário de Estudos
UNIDADE CURRÍCULAR: Negócios e Contratos Jurídicos Turma:
Professora M.a Gabriela Rangel da Silva Data: 08/09/2020
Aluno (a):

SIMULADO

INSTRUÇÕES (leia com atenção):


1) Este SIMULADO contém dez (10) questões com múltiplas escolhas;
2) As alternativas das questões com múltiplas escolhas estarão indicadas pelas letras
“A”, “B”, “C”, “D” e “E”, devendo ser marcada apenas uma opção no gabarito
abaixo;
3) Preencha o gabarito à caneta (azul ou preta), respostas a lápis serão
desconsideradas.

QUESTÃO RESPOSTAS QUESTÃO RESPOSTAS


01 A B C D E 06 A B C D E
02 A B C D E 07 A B C D E
03 A B C D E 08 A B C D E
04 A B C D E 09 A B C D E
05 A B C D E 10 A B C D E

QUESTÃO 01: (FCC – Defensor Público – salvo se o contrário resultar do título ou das
PB 2014) Ângela firmou um contrato com Ana circunstâncias do caso.
Lúcia obrigando-se a entregar-lhe um vestido. b) Se a obrigação foi de restituir coisa certa, e
Antes da tradição, porém, utilizou o vestido esta, sem culpa do devedor, se perder antes
em uma festa e derrubou vinho sobre o tecido, da tradição, sofrerá o credor a perda, e a
causando manchas no bem. Ana Lúcia obrigação se resolverá, ressalvados os seus
poderá: direitos até o dia da perda.
a) aceitar o vestido, ou o equivalente em c) Deteriorada a coisa, sendo o devedor
dinheiro, desde que renuncie as perdas e culpado, poderá o credor resolver a
danos. obrigação, ou aceitar a coisa, abatido o seu
b) postular somente o equivalente em preço o valor que perdeu.
dinheiro, desde que renuncie as perdas e d) Se a coisa se perder por culpa do devedor,
danos responderá este pelo equivalente, mais
c) aceitar o vestido, ou o equivalente em perdas e danos.
dinheiro, além de postular perdas e danos. e) Nas obrigações de dar coisa certa, os frutos
d) apenas postular perdas e danos. percebidos são do devedor, cabendo ao
e) aceitar o vestido, apenas, desde que credor os pendentes.
renuncie as perdas e danos.
QUESTÃO 03: (TRT 23 – Juiz do Trabalho –
2014) Quanto a obrigações, assinale,
QUESTÃO 02: Assinale a alternativa segundo a regra do CC, a alternativa
incorreta: incorreta:
a) A obrigação de dar coisa certa abrange os a) A coisa incerta será indicada, ao menos,
acessórios dela embora não mencionados, pelo gênero e pela quantidade. Nas coisas
determinadas pelo gênero e pela quantidade, b) Apenas as assertivas I, II e IV são
a escolha pertence ao credor, se o contrário verdadeiras.
não resultar o título da obrigação. c) Apenas as assertivas II, III e IV são
b) A obrigação de dar coisa certa abrange os verdadeiras.
acessários dela embora não mencionados, d) Apenas as assertivas I, II e III são
salvo se o contrário resultar do título ou das verdadeiras.
circunstâncias do caso. e) Todas as assertivas são falsas.
c) Na obrigação de dar coisa certa,
deteriorada a coisa sem culpa do devedor, QUESTÃO 06: (PJ/CE/2008/FCC) Nas
poderá o credor resolver a obrigação ou obrigações de não fazer:
aceitar a coisa, abatido do seu preço o valor a) não poderá o credor exigir que o devedor
que perdeu. desfaça o ato, ainda que isto seja
d) incorre na obrigação de indenizar perdas e materialmente possível.
danos o devedor que recusar a prestação a b) se descumprida, somente é possível a
ele só imposta, ou só por ele exequível. condenação do réu a abster-se do ato, sob
e) Se a prestação do fato tornar-se impossível pena de multa diária.
sem culpa do devedor, resolver-se-á c) o devedor ficará isento de qualquer
obrigação; se por culpa dele, responderá por consequência de ordem pecuniária, se o
perdas e danos. credor não provar prejuízo.
d) se descumprida, em caso de urgência
QUESTÃO 04: (CESPE – Juiz de direito – poderá o credor desfazer ou mandar desfazer,
PB/2015) São exemplos de obrigação de independentemente de autorização judicial,
fazer infungível: sem prejuízo do ressarcimento devido.
I – celebração de contrato oneroso, no qual a e) a mora ocorrerá pelo simples
arquiteta Marina, contraiu obrigação intuitu descumprimento da obrigação, ainda que não
personae de decorar o imóvel de Cecilia. haja fato ou omissão imputável ao devedor.
II -celebração de contrato oneroso de uma
banda para tocar em uma festa QUESTÃO 07: (CESPE – Analista judiciário
III – contrato oneroso com oficina para – 2016) Se toda obrigação se tornar inválida
recuperar o motor de um veículo. pela perda do objeto em razão de a prestação
IV – celebração de contrato gratuito com fins principal padecer de impossibilidade
de realizar inscrição em um concurso em originária, haverá uma obrigação:
cidade diferente do domicilio do mandante. a) solidária
a) estão corretos os itens II e III. b) indivisível
b) apenas o item I está correto. c) alternativa
c) estão corretos os itens I e II, somente. d) modal
d) apenas o item IV é falso. e) facultativa
e) estão corretos os itens II e IV.
QUESTÃO 08: A obrigação, se indivisível e
QUESTÃO 05: (IESES Cartórios – MS/2014) solidária:
Sobre as obrigações, responda: a) implica responsabilidade de todos os
I – as obrigações de não fazer são extintas se devedores pelo total e sub-rogação em favor
a abstenção do ato se tornar impossível sem de quem pagar.
culpa do devedor. b) implica responsabilidade de todos os
II – Nas obrigações de dar coisa certa, se a devedores pelo total, mas a sub-rogação
coisa se perder sem culpa do devedor antes limita-se à solidariedade.
da tradição, a obrigação dica resolvida para c) não perde essas características se
ambas as partes. convertida em perdas e danos
III – Nas obrigações de restituir coisa certa, se d) perde essas características se convertida
a coisa se perder sem culpa do devedor antes em perdas e danos
da tradição, o credor sofrerá a perda e a e) perde o objeto da obrigação pela extinção.
obrigação se resolverá.
IV – Nas obrigações de dar coisa incerta não QUESTÃO 09: A respeito da teoria geral das
há que se falar em perda da coisa antes da obrigações, julgue a alternativa correta:
escolha. a) No inadimplemento da obrigação
Assinale a alternativa correta. indivisível, se for de um só devedor a culpa,
a) Todas as assertivas são verdadeiras ficarão os demais codevedores exonerados
do cumprimento das suas quotas partes na
dívida, ressalvados perdas e danos.
b) A obrigação alternativa é espécie do gênero
obrigação composta, sendo esta a que se
apresenta com mais de um sujeito ativo ou
mais de um sujeito passivo, ou mais de uma
prestação. Na obrigação alternativa, a
presença de uma multiplicidade de prestações
se manifesta de maneira disjuntiva, pois o
devedor se liberada da obrigação
satisfazendo apenas uma delas.
c) Na obrigação de prestar determinado fato,
sobrevindo a morte do devedor antes do
advento do termo, a obrigação se transmite
aos herdeiros e sucessores do devedor.
d) Nas obrigações de dar coisa incerta, antes
da escolha, poderá o devedor alegar perda ou
deterioração da coisa, ainda que por força
maior ou caso fortuito.
e) Nas coisas determinadas pelo gênero e
pela quantidade, a escolha pertencerá ao
credor, se o contrário não resultar do título da
obrigação

QUESTÃO 10: (CESPE/Promotor/2017)


Acerca da solidariedade passiva, assinale a
alternativa incorreta:
a) a remissão obtida por um dos devedores
não aproveita aos outros devedores, senão
até a concorrência da quantia paga ou
relevada
b) Impossibilitando-se a prestação por culpa
de um dos devedores solidários, subsiste para
todos o encargo de pagar o equivalente; mas
perdas e danos só responde o culpado
c) todos os devedores respondem pelos juros
da mora, ainda que a ação tenha sido
proposta somente contra um, mas o culpado
responde aos outros pela obrigação
acrescida.
d) importa renúncia da solidariedade a
propositura de ação pelo credor contra um ou
alguns dos devedores.
e) se a dívida solidária interessar
exclusivamente a um dos devedores,
responderá este por toda ela para com aquele
que pagar.