Você está na página 1de 17

Page 1

JORNAL
EMPRESARIAL
JORNAL
EMPRESARIAL
Órgão Informativo da Associação Comercial e Industrial de Santa Cruz do Sul
ANO XIII - SETEMBRO/2008
3
9
11
NESTA EDIÇÃO
Mobilização de Projetos e
ações em prol dos associados
Projeto Conhecendo a ACI
promove terceiro encontro
Evento empresarial reuniu
candidatos à Prefeitura
Lançamento do Espaço RH agrega mais valor ao
Portal ACI de Negócios
Agora o Portal ACI de Negócios traz mais uma inovação: o Espaço RH.
Ofertas de vagas de emprego, informações especializadas sobre a área de
Recursos Humanos, os cursos da ACI, além de oportunidades de divulgação
para empresas e profissionais de RH estão disponíveis neste novo espaço no
endereço www.portalacidenegocios.com.br
Página 05
Page 2
2
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
visite o site: www.aci-scs.org.br
EXPEDIENTE
Órgão informativo da Associação Comercial e
Industrial de Santa Cruz do Sul – RS
ACI Santa Cruz do Sul
Fundada em 02 de janeiro de 1918.
Rua Venâncio Aires, 633 – sala 04
CEP: 96.810-100
Fones/fax: (51) 3713-1400
(51) 3713-1855
aci@aci-scs.org.br – www.aci-scs.org.br
EDITORIAL
Gustavo Posser de Moraes
Presidente
Todos nós temos sonhos, viáveis ou não. Mesmo
diante de dificuldades acalentamos sempre alguma ex-
pectativa positiva com relação à vida e ao futuro. É desse
desejo tão humano de melhorar e evoluir que surge a
motivação para as grandes conquistas.
O lançamento do Espaço RH no Portal ACI de Negó-
cios, em setembro, foi a concretização de mais uma eta-
pa de um sonho que esta gestão quer ver realizado: o de
integrarmos todos os associados da ACI numa grande
rede de relacionamento via internet.
As modernas ferramentas para divulgação e negócios
disponibilizadas no Portal são diferenciais competitivos
que nenhuma outra entidade empresarial deste Estado
ou mesmo do país oferece aos seus associados. Uma
oportunidade única de interagir com empresas e profis-
sionais unidos sob a mesma plataforma institucional de
credibilidade de uma entidade com 90 anos de atuação
no meio empresarial. Tudo isso ofertado gratuitamente.
Para colocar sua empresa no Portal ACI Negócios e usu-
fruir de seus benefícios o associado não paga nada.
Com o Espaço RH agregamos ainda mais valor ao
Portal. Agora as empresas associadas contam também
com ferramentas para divulgar vagas de emprego, facili-
tando a prospecção de profissionais no mercado, através
da agilidade e da rapidez da internet, a um custo bem
acessível.
O conteúdo do Portal também foi enriquecido com a
inclusão de textos especializados sobre recursos huma-
nos e o acesso à programação de cursos da ACI. Opor-
tunidades que estão disponíveis para os associados e a
comunidade.
A ACI está fazendo a sua parte, oferecendo às empre-
sas associadas a possibilidade de participar desta grande
rede de relacionamento e de negócios com o mercado
regional e o mundo, através da internet. Reforçamos o
nosso convite para que as empresas aproveitem essa
oportunidade, utilizando o Portal e repassando para seus
clientes e contatos os benefícios que ele oferece.
Portal ACI de Negócios:
uma vitrine para o mundo
MISSÃO
Representar os interesses da
classe empresarial,
estimulando o seu
fortalecimento dentro de princí-
pios que valorizem a ética, a livre
iniciativa e a promoção do
desenvolvimento regional.
VISÃO
Ser, para o Rio Grande do Sul,
referência em
mobilização e
representação de
associados até 2010.
NEGÓCIO
Representatividade
empresarial e
desenvolvimento.
VALORES
Credibilidade
Ética
Comprometimento
Responsabilidade Socioambiental
Liderança
Qualidade
Atitude apartidária
Profissionalismo
Sustentabilidade
PRODUTOS E SERVIÇOS
* Convênios
* Emissão de Certificados de
Origem e de
Autenticidade de Tabaco
* Serviço de Orientação Em-
presarial
* Área de Desenvolvimento
Empresarial
* Jornal Empresarial
* Cedência de salas p/ reuniões
e cursos
* Locação de projetor multimídia
* Assessoria em Comércio
Exterior
* Mobilização de projetos em
prol dos associados
* Portal ACI de Negócios
(www.portalacidenegocios.com.br)
Entidades e
Instituições
parceiras:
Diretoria
Presidente: Gustavo Posser de Moraes
Vice - presidente: Sérgio Bremm
Diretora Tesoureira: Áurea Kops Binz
Diretora Secretária: Gabriela Kirst
Diretor Assuntos do Comércio: Jahn Brasil
Diretor Assuntos da Indústria: Claudino Simon
Diretor Assuntos Prestação de Serviços: Mauro
Fernando Dreher
Diretor Assuntos Micro e Peq. Empresas: Cesar
Brolese
Diretora dos Jovens Empresários: Simone May
Diretora de Desenv. Cultura e Turismo: Mara
Garske
Departamentos
Coordenador do Conselho de Ex-Presidentes:
Jair Roberto Jasper
Coordenador de Comércio Exterior: Mario
Augusto Coelho
Coordenador de Comunicação: Paulo Ricardo
Genehr
Coordenador Contábil: Ernani Baier
Coordenador de Marketing: Gilnei Lopes
Coordenadora de Responsabilidade
Socioambiental: Maria Fernanda Preussler
Coordenador de Novos Sócios: Guilherme Pflug
Coordenadora de Patrimônio: Gabriela Kirst
Coordenadora de Recursos Humanos: Fernanda
Haas
Coordenadora Desenv. e Novos Negócio: Diana
M. Rocha
Coordenador da Junior Achievement: Cristiane
R. Birk
Coordenador do PGQP: Vilmar de Oliveira
Coordenador de Intercâmbios, Convênios/Inte-
gração: Caroline Kothe
Coordenador de Profissionais Liberais: Neori
José Gusson
Colaboradores
Gerente: Gladis Eichner Loebens
Assessora de Comunicação: Adriana de Farias
Costa
Coordenadora da Área de Desenvolvimento
Empresarial: Débora Cristina Zinn Coelho
Coordenadora da Parceiros Voluntários de SCS:
Leila D. Gassen
Jornal Empresarial
Redação/Edição: Adriana de Farias Costa
Diagramação: América Comunicação
Fotos: Rodrigo Assmann
Impressão: Gráfica Garten Sul
Periodicidade: mensal
Tiragem: 600 exemplares
Page 3
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
3
Comitê Tributário Permanente de Santa
Cruz do Sul
Diante da necessidade de um fórum permanente para
debater e acompanhar os temas tributários, envolvendo os
setores empresariais do município, foi criado o Comitê Tri-
butário Permanente de Santa Cruz do Sul.
O Comitê é formado por representantes da ACI, AJESC,
ASSEMP, OAB, SINCOTEC, SINDIFUMO, SEISC e demais ór-
gãos tributários das esferas municipal e estadual que men-
salmente se reúnem e debatem assuntos demandados de
seus representados.
Entidades Ajudando Entidades
Com o objetivo de aumentar as doações, via dedu-
ção do Imposto de Renda, para as entidades cadastradas
junto ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do
Adolescente (COMDICA), a ACI e outras entidades santa-
cruzenses estão engajadas no projeto Entidades Ajudando
Entidades.
A proposta é informar as pessoas físicas que fazem a
Declaração de Rendimento Completa e as empresas que
declaram sobre o Lucro Real, sobre a legislação que permi-
te esta contribuição por meio do Imposto de Renda, bus-
cando sensibilizá-las para que façam a doação do Imposto
ao COMDICA.
Grupo de Trabalho para revisão da Lei de
Incentivos Fiscais
Visando tornar o município de Santa Cruz do Sul mais
atrativo às empresas que venham se instalar na região, e
proporcionar desenvolvimento às empresas já instaladas,
foi criado um grupo de trabalho para discutir junto ao Po-
der Público Municipal as possíveis melhorias na atual legis-
lação, bem como criação de outras formas de incentivo.
O grupo de trabalho se reúne mensalmente e discute
estratégias que possam ser implementadas para aumentar
o desenvolvimento econômico de nosso município.
Empreender Competitivo
Projeto de Desenvolvimento das Panificadoras dos Vales
do Rio Pardo e Taquari, realizado por intermédio do Siste-
ma da Confederação das Associações Comerciais do Brasil
(CACB), em parceria com o Sebrae e com o apoio da ACI.
Dentre os objetivos do projeto, está o de qualificar as
empresas do núcleo de panificadoras na gestão empre-
sarial, na padronização de processos de produção e na
Mobilização de projetos e ações em prol dos associados
Ao longo de seus 90 anos de atu-
ação, a ACI teve uma participação im-
portante no contexto econômico, social
e político do município e região. Sua pos-
tura reivindicatória é reconhecida e respei-
tada nos diferentes setores representativos
da sociedade seja na esfera municipal, estadual ou
federal.
Por conta dessa atuação, projetos e ações de interesse
das empresas associadas, articulados por intermédio ACI,
têm maior representatividade junto à comunidade, go-
verno e demais instituições. Atualmente, a Entidade de-
senvolve e participa de vários projetos que surgiram para
atender à demanda dos seus associados e o interesse da
comunidade.
inovação de produtos, ampliando sua competitividade e
rentabilidade. Para a superação desses desafios, são ofe-
recidos às empresas participantes treinamentos e con-
sultorias nas diversas áreas. Atualmente, 13 padarias e
confeitarias participam do projeto.
Codepan
A ACI integra o Codepan – Comitê para o Desenvolvi-
mento das Padarias e Confeitarias dos Vales do Rio Pardo
e Taquari. O grupo é formado por empresários, entidades
e parceiros como Sebrae, Senai, Sindipan e Sinditrigo, que
vêm unindo esforços para promover o desenvolvimen-
to da panificação e confeitaria do Rio Grande do Sul. O
objetivo é incentivar a melhoria dos produtos e serviços
ofertados pelo setor.
Comissão de RH
Coordenada pelo Departamento de Recursos Huma-
nos da ACI, a Comissão de RH existe desde 1994. São
objetivos da Comissão, promover ações de valorização
das pessoas nas organizações, de integração e troca de
experiências entre os profissionais de recursos humanos
e de desenvolvimento profissional, por meio de cursos,
palestras e workshops. Também é um fórum para dis-
cussão de temas pertinentes à área de RH, articulando a
participação de organizações e instituições competentes
Um exemplo de ação da comissão foram os debates so-
bre a inclusão das Pessoas Portadoras de Necessidades
(PPD,s) no Mercado de Trabalho local.
O grupo se reúne mensalmente na ACI e desde agosto
de 2007 a Comissão é coordenada por Fernanda Haas.
Projeto Santa Cruz Novos Rumos
Uma iniciativa da sociedade santa-cruzense com o
objetivo de construir coletivamente uma agenda estraté-
gica para o desenvolvimento econômico e social de Santa
Cruz do Sul, elencando as prioridades locais para os pró-
ximos 20 anos.
O projeto conta com o apoio de empresas, instituições
e diversas entidades representativas do município, entre
as quais a ACI. A participação da sociedade aconteceu
por meio do Seminário de Mapa Estratégico, realizado
em abril de 2008, onde foram levantados temas priori-
tários, posteriormente submetidos à consulta popular. A
votação dos temas contabilizou mais de 11 mil votos. A
população também esta sendo convidada a participar dos
fóruns temáticos que serão realizados no decorrer dos
meses de setembro a novembro.
Page 4
4
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
“Participar do PGQP, agregando nas práticas diá-
rias os conceitos de gestão pela qualidade, com cer-
teza produziu muitas mudanças de posturas, tanto a
nível gerencial quanto na equipe de colaboradores.
Foram muitas conquistas na melhoria dos proces-
sos que se traduzem na qualidade do atendimento
ao cliente e em uma melhor prestação de serviços, que por sua vez
oportunizou dar acesso às nossas atividades a um número maior de
pessoas e a desenvolver a consciência de que, como partes de um
todo maior, somos responsáveis pela preservação de seus recursos,
assim como pela sua melhor utilização.
O desenvolvimento das pessoas é outro dos fatores que a gestão
pela qualidade agrega e isto conseqüentemente oportuniza a que se
melhore os resultados almejados.”
“A partir da adesão ao programa de qualidade
passamos a compreender melhor nossa organização.
O uso de diagnósticos do sistema de avaliação foca-
dos nos critérios de excelência do PGQP possibilitou
subsídios para a reestruturação organizacional.
Readequamos os valores e princípios organizacio-
nais a uma nova postura no mercado, realizando direcionamentos
estratégicos e ações voltadas para atendimento às necessidades das
partes interessadas.
As melhorias a partir do programa de qualidade foram significa-
tivas, principalmente no que tange a processos operacionais e gestão
de pessoas. Há um comprometimento geral, que se iniciou nas lide-
ranças e estendeu-se até nossos colaboradores.”
Premiadas no Qualidade RS falam sobre os resultados obtidos
com a gestão pela qualidade
Na edição 2008 do Prêmio Qua-
lidade RS do Programa Gaúcho de
Qualidade e Produtividade (PGQP),
quatro organizações do município
foram premiadas. A CFC Real con-
quistou o Troféu Prata, o SESC Ve-
nâncio Aires, o Troféu Bronze, e re-
ceberam a Medalha de Bronze a ACBJ
Transportes e o Hospital Ana Nery.
A organização que recebe essa
premiação mostra para a comunida-
de e demais empresas no mercado
que mereceu o reconhecimento de
um do mais consagrados programas
de gestão pela qualidade do país por
ter se destacado na busca pela me-
lhoria contínua do seu sistema de
gestão.
O Jornal empresarial da ACI convi-
dou as lideranças das quatro organi-
zações premiadas para que dessem
um depoimento sobre os resultados
obtidos com a implantação de um
sistema de gestão pela qualidade.
Sandra Maritza de Siqueira Schifelbein
Gerente - SESC Venâncio Aires (Troféu Bronze)
“A adesão ao programa de qualidade - PGQP
viabilizou na empresa uma reordenação estratégica
direcionando a gestão organizacional para foco no
cliente e foco em resultados.
Houve o desenvolvimento de uma visão ampla,
tanto da direção como dos colaboradores, que não
se restringiram somente ao processo, compreendendo o conceito de
qualidade como esteio para seu crescimento pessoal e profissional.
A gestão da qualidade no CFC Real é um processo educacional,
pois aprendemos continuamente que os bons resultados são frutos
do compromisso da liderança, da motivação da força de trabalho, do
envolvimento das partes interessadas e principalmente da satisfação
de nossos clientes.”
“Com a adoção de um novo modelo de gestão,
foi possível organizar e otimizar muitas informações
e processos. Podemos dizer que esta é a estrutura
inicial que deve ser construída para o crescimento e
fortalecimento da instituição, principalmente econô-
mica e financeiramente.
Sabemos que estamos no início de um longo processo. Portanto,
a medalha é muito mais que um prêmio, é um reconhecimento de
um trabalho que vem sendo realizado no Hospital com o objetivo de
melhorar e profissionalizar a gestão da instituição. Esta é a base para
que o Hospital seja encarado como uma empresa e para que possa
crescer de forma auto-sustentável.”
Carina Bringmann
Gerente de qualidade – ACBJ Transportes (Medalha de Bronze)
Vera Lúcia Rios
Proprietária - CFC Real (Troféu Prata)
Lídio Irineu Rauber
Superint. Executivo - Hospital Ana Nery (Medalha de Bronze)
Page 5
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
5
- Classificados: As empresas associadas à ACI
poderão divulgar oportunidades de vagas de empre-
go por meio dos Classificados on-line. Um sistema
exclusivo que poderá ser acessado diretamente pelo
associado, mediante login e senha.
- Publicidade: A marca, os produtos e serviços
da empresa poderão ser divulgados em banners es-
táticos ou animados. A comercialização de espaços
publicitários nesta área é disponibilizada exclusiva-
mente para os associados.
- Informações especializadas: As empresas e
profissionais de RH poderão divulgar artigos de sua
autoria, ou de outros, desde que informada a fonte,
sobre temas de interesse da área. Este material fica-
rá arquivado no site para consultas dos usuários do
Portal.
- Cursos: Acesso a programação completa de
cursos da ACI.
Espaço RH aumenta número acessos ao Portal ACI de Negócios
O Espaço RH, a mais recente novidade do Portal ACI de Ne-
gócios, tem despertado o interesse das empresas e da comu-
nidade regional. Desde que este novo espaço foi incluído no
Portal, em 11 de setembro, o número de acessos aumentou.
Na primeira semana após o seu lançamento, foram registradas
mais de 700 visitas, a grande maioria nesta área.
Em setembro de 2007, a ACI lançou o Portal de Negócios,
uma exclusiva ferramenta de negociação via internet para faci-
litar as relações comerciais entre os associados, dar visibilida-
de às empresas e estimular a integração com a Entidade. Com
o lançamento do Espaço RH a ACI agrega ainda mais valor ao
Portal, consolidando sua atuação como ferramenta de negó-
cios e agora também como facilitador na busca de profissio-
nais para as empresas.
A divulgação de vagas de emprego, disponibilizadas nos
classificados on-line é um dos grandes atrativos deste espa-
ço, idealizado pelo Departamento de Recursos Humanos da
ACI. Todas as empresas associadas podem divulgar suas va-
gas nesta área, por um valor bem acessível. Ao mesmo tempo,
os profissionais ganham mais uma opção de fácil acesso para
buscarem uma colocação no mercado de trabalho.
Textos especializados sobre a área de recursos humanos,
relação de cursos da ACI, além da possibilidade de publicidade
para as empresas e profissionais de RH associados são outras
informações que estão disponíveis neste espaço no endereço
www.portalacidenegocios.com.br
Lançamento: Detalhes sobre o funcionamento e as ferramen-
tas disponíveis neste novo espaço foram apresentadas às empre-
sas de RH associadas à ACI e patrocinadores do Portal, durante
uma café da manhã, promovido pelo Departamento Recursos
Humanos, no dia 11 de setembro, na sede social da Entidade.
Na abertura do encontro, o presidente da ACI, Gustavo
Posser de Moraes, lembrou o primeiro ano de atividade do
Portal de Negócios, destacando o pioneirismo desta inicia-
tiva que já conquistou o reconhecimento do empresariado
estadual. “Na apresentação da ACI no Congresso das En-
tidades filiadas à Federasul, realizado em julho deste ano,
em Caxias do Sul, o Portal foi aclamado pelas mais de 230
entidades empresariais presentes como uma ação inova-
dora e de grande poder de divulgação para estimular a in-
tegração e os negócios entre as empresas”, comentou o
presidente.
A coordenadora do Departamento de Recursos Humanos
da ACI, Fernanda Haas, destacou o objetivo que motivou
a criação do Espaço RH. Segundo ela, a proposta é ofere-
cer às empresas uma ferramenta ágil e de grande poder de
divulgação para facilitar a comunicação com seus públicos
de interesse, além de valorizar o trabalho dos profissionais
que atuam na área de Recursos Humanos.“A intenção da
ACI é não somente atrair as empresas para o Portal, mas
ampliar também o número de acessos da comunidade, o
que certamente será obtido com a divulgação das vagas de
emprego”, afirmou.
Veja o que o Espaço RH oferece às
empresas associadas:
Vagas de emprego são atrativos do novo espaço
Page 6
6
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
6
Nos dias nove e 12 de setembro, a coordenação
de Responsabilidade Social da Alliance One promo-
veu um curso de capacitação para os gestores dos
projetos sociais apoiados pela organização. A em-
presa integra o programa Voluntário Pessoa Jurídica
(VPJ) desenvolvido pela Parceiros Voluntários de San-
ta Cruz do Sul e é uma das mantenedoras da ONG.
O encontro, realizado no Centro de Treinamento,
em Passo do Sobrado, buscou capacitar os gestores
para que utilizem os processos e instrumentos pa-
dronizados desenvolvidos pela organização, desti-
nados à construção, monitoramento e avaliação dos
projetos sociais.
Com essa iniciativa a empresa entende que os
projetos em execução terão mais transparência, visi-
bilidade e capacidade para atingir os resultados pro-
postos em seus objetivos.
Alliance One oferece capacitação para
gestores de projetos sociais
“A criança no trânsito”. Esse foi o tema da palestra
que o Centro de Formação de Condutores (CFC) Real e
a ACI, através da Unidade da Parceiros Voluntários (PV)
de Santa Cruz do Sul, promoveram na manhã de 23 de
setembro, no anfiteatro do Direito,
na UNISC. A atividade integrou as
ações de conscientização propostas
pela Semana Nacional do Trânsito,
realizada de 18 a 25 de setembro, e
foi também o tema oficial da campa-
nha no País, segundo determinação
do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).
Estudantes de escolas públicas e privadas que parti-
cipam da Ação Tribos nas Trilhas da Cidadania, crianças
de escolas de educação infantil e educadores assisti-
ram a palestra, ministrada pelo diretor de ensino do CFC
Real, Paulo Trinks.
Após a apresentação, os participantes foram convi-
dados a colocar em prática o que aprenderam. Por meio
de atividades lúdicas foi reforçada a mensagem de que
é importante a adoção de ações que promovam a segu-
rança das crianças no trânsito.
CFC Real e ACI promovem atividades na
Semana Nacional do Trânsito
Participantes do curso
Atividades educativas reforçaram o conteúdo apresentado
Page 7
7
EMPRESA$ & NEGÓCIO$
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
7
FÓRUM TRIBUTÁRIO
Comitê Tributário Permanente de SCS
O Projeto Verde é
Vida, programa am-
biental desenvolvi-
do pela Associação
dos Fumicultores do
Brasil (Afubra) desde
1991, foi agraciado
com o troféu Desta-
ques Expointer 2008
Grupo Record / Ara-
cruz, na categoria
meio ambiente. O
troféu foi recebido
pelo secretário da
Afubra e presidente
da Agro-Comercial Afubra, Romeu Schneider, em ceri-
mônia ocorrida na noite de sete de setembro, em Porto
Alegre.
O prêmio, segundo Schneider, é um reconhecimento
às campanhas ambientais desenvolvidas pela entidade,
que protagonizam atividades diversas com o propósito
de promover a educação ambiental. “A distinção reflete
o trabalho de toda a equipe da Afubra, que atua de
forma contínua e incessante em prol da conservação e
recuperação da natureza”, disse. Marcílio Drescher, te-
soureiro da Afubra, também acompanhou a cerimônia,
ocorrida no Grêmio Náutico União, na capital gaúcha.
Para o presidente do Correio do Povo, Luiz Cláudio
Costa, a concessão do prêmio Destaques Expointer é
uma tradição no mundo do agronegócio. A honraria
contemplou criadores, personalidades e organizações
em 26 categorias.
Verde é Vida é premiado com
troféu Destaques Expointer
O SICREDI conquistou o prêmio Top Ser Humano
2008 - Categoria Empresa, promovido pela Associa-
ção Brasileira de Recursos Humanos (ABRH-RS), com
case de educação à distância pela internet: o SICREDI
@prende. Já em sua 16ª edição, o prêmio reconhece
organizações e profissionais que se destacam na va-
lorização das pessoas. A cerimônia de premiação será
realizada em outubro, no Grêmio Náutico União, em
Porto Alegre (RS).
Em apenas dois anos, a solução de e-learning ado-
tada pelo SICREDI consolidou-se como importante
instrumento para atender aos crescentes desafios de
treinamento e de desenvolvimento na organização,
conferindo agilidade, abrangência, economia e princi-
palmente qualidade e padronização necessárias para o
desenvolvimento profissional dos colaboradores.
Desde a implementação do SICREDI @prende foram
realizados 76 treinamentos em diferentes áreas que
contribuíram para o aperfeiçoamento de um contin-
gente de mais de dez mil colaboradores dispersos em
dez estados brasileiros.
SICREDI é Top Ser Humano 2008
No dia 18 de setembro, os integrantes do Comitê
Tributário Permanente de Santa Cruz do Sul promo-
veram uma reunião no Esporte Clube Avenida. No en-
contro, foram abordados os seguintes temas:
- Avaliação da Cobrança do ISSQN incidente sobre a
receita de escritórios de contabilidade: Foram levados ao
Comitê questionamentos referentes à cobrança do ISSQN
sobre a receita dos escritórios contábeis. Após a edição da
Lei Complementar nº 116, a Prefeitura Municipal de Santa
Cruz do Sul passou a exigir este pagamento sobre a receita
bruta, onerando desta forma a carga tributária. Atualmente,
houve alterações na legislação do município que permitem
que o escritório opte pela forma mais adequada para a in-
cidência do imposto, que pode ser através da receita bruta
ou do pagamento pelo número de profissionais. Esta opção
deve ser formalizada pelos contribuintes até 15 de dezem-
bro de cada ano. Será enviada ao Comitê resposta formal
da Prefeitura Municipal em relação às formas de tributação
do ISSQN, as quais serão repassadas pela ACI aos seus as-
sociados.
- Multas CONSEPRO e retornos ao município: O Con-
selho Comunitário Pró-Segurança Pública – CONSEPRO in-
formou que ainda é grande a inadimplência no pagamento
do Estacionamento Rotativo Pago (Rapidinho). Diariamente
são ignoradas cerca de 1100 a 1300 cartelas de advertência
emitidas. Isso acontece apesar da forte fiscalização exerci-
da pela Brigada Militar e pelos Fiscais de Trânsito Munici-
pais. Foi explicado que a multa tem o valor de R$ 53,20
porém o seu custo do processamento pelo município
totaliza R$ 23,00, tornando-se assim um processo muito
dispendioso, que muitas vezes acaba gerando um déficit
em relação a arrecadação da mesma. O valor líquido que
sobra para o município é aplicado em melhorias no trânsito,
porém pouco contribui ante ao alto valor investido.
- Dificuldades/problemas na abertura de empresas:
Diante das dificuldades que o empreendedor encontra ao
abrir um novo negócio, com relação a falta de informações,
o Comitê Tributário decidiu criar uma Cartilha do Empreen-
dedor. Nesta publicação deverão constar todos os passos
que o empreendedor deve seguir para iniciar suas ativida-
des, de forma rápida, segura e de acordo com a legislação.
Além dos integrantes do Comitê Tributário, foram contata-
dos também o SEBRAE, a FIERGS e a FEDERASUL para cola-
borar com sugestões e informações.
- Projeto da Lei 194/98: Foi repassado para o Comitê o
novo Projeto de Lei que institui benefícios aplicáveis às em-
presas estabelecidas no Estado e enquadradas no Regime
Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribui-
ções devidos pelas Microempresas e Empresas de Pequeno
Porte – Simples Nacional. O novo projeto foi aprovado por
unanimidade e está disponível na íntegra, na ACI, aos asso-
ciados que tiverem interesse em consultá-lo.
A próxima reunião do Comitê será no dia 15 de outubro,
às 11h45, no Quiosque da Praça, coordenada pela Associa-
ção das Empresas Imobiliárias de Santa Cruz do Sul (Seisc).
Romeu Schneider
Neitor Corrê
a
Page 8
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
8
CURSOS
OUTUBRO
Informações e inscrições com Débora ou Aline,
pelo fone: 51.3713-1400.
E-mail: cursos@aci-scs.org.br / atendimento@aci-scs.org.br
Grafologia na Seleção de Pessoal
Dias 16 e 17 de outubro, das 13h30 às 17h30
e das 18h às 22h, e dia 18 de outubro, das 8h
às 12h, na sala 101 da ACI.
Instrutora: Lucia Brito Uchoa de Leal
.
Avaliação do Nível de Serviço Logístico e
Indicadores de Desempenho
Dia 23 de outubro, das 8h30 às 12h e das
13h30 às 18h, na sala 101 da ACI.
Instrutor: Guilherme Birgmann
ICMS – Legislação Atualizada
De 29 a 30 de outubro, das 18h30 às 22h30,
na sala 101 da ACI.
Instrutor: Alfredo Petry
Um conferencista falava sobre gerenciamento da tensão.
Levantou um copo com água e perguntou à platéia:
- Quanto vocês acham que pesa este copo d’água?
As respostas variaram entre 20g e até 500g. O conferen-
cista, então, comentou:
- Não importa o peso absoluto. Depende de por quanto
tempo vou segurá-lo. Se eu seguro por um minuto, tudo
bem. Se eu seguro durante uma hora, eu terei uma dor no
meu braço. Se eu seguro durante um dia inteiro, você terá
que me chamar uma ambulância. E é exatamente o mesmo
peso, mas quanto mais tempo eu passo segurando-o, mais
pesado vai ficando.
E concluiu:
- Se carregamos nossos pesos o tempo todo, mais cedo
ou mais tarde, nós não seremos mais capazes de continuar,
a carga vai tornando-se crescentemente mais pesada. O que
você tem que fazer é deixar o copo em algum lugar e des-
cansar um pouco antes de segurá-lo novamente.
Temos que deixar a carga de lado periodicamente, do
jeito que puder! É reconfortante e nos torna capazes de con-
tinuar. Então antes de você voltar do trabalho para casa hoje
à noite, deixe o peso do trabalho num canto. Não o carregue
para casa. Você poderá recolhê-lo amanhã.
A vida é curta, aproveite-a!
(Tradução de Sergio Barros)
Um copo de água
A ACI acaba de lançar um novo produto: o Serviço de Orientação
Empresarial (SOE). Trata-se de um cadastro de profissionais liberais
especializados, nas áreas do Direito e Contabilidade, associados à
ACI, que serão disponibilizados ao atendimento das demandadas
jurídicas e contábeis dos demais associados da Entidade.
Para saber mais sobre esse serviço e como participar deste ca-
dastro, consulte o site da ACI (www.aci-scs.org.br) ou entre em
contato com Entidade pelo fone 3713-1400, com Aline.
Advogados e Contadores
Page 9
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
9
Trazer o associado até a ACI para que conheça suas ins-
talações, equipe de trabalho, produtos e principais ações
desenvolvidas. Estabelecer essa relação de proximidade
com o associado é o principal objetivo do Projeto Conhe-
cendo a ACI, criado pela área de Desenvolvimento Em-
presarial. Lançado este ano, a terceira edição do encontro
aconteceu no dia nove de setembro e reuniu representantes
de 20 empresas.
Convidados para um café da manhã, na sede social, os
associados foram recepcionados pelos funcionários da En-
tidade. O vice-presidente, Sérgio Bremm, deu as boas vin-
das ao grupo e a gerente, Gladis Eichner Loebens, fez a
apresentação da ACI.
A programação encerrou com um passeio pelas instala-
ções da Entidade e visita as organizações parceiras insta-
ladas em sua sede. O projeto tem o apoio da Compumax,
Suldoor, Bitencourt Seguros e Lojas Tevah.
“A comunicação de uma empresa não se resume apenas à
mídia ou à propaganda. É uma soma de tudo o que mostra a
empresa, tanto para dentro como para fora”, ensina Ricardo
Sondermann, diretor da Mixmidia. Ele foi o palestrante do
“Encontro entre Associados”, promovido pela ACI, no dia 25
de agosto. Integrante do banco de palestrantes da Federação
das Associações Comerciais e de Serviços do RS (Federasul),
administrador e pós-graduado em Marketing, Sondermann
falou sobre o tema Comunicação Empresarial para cerca de
40 pessoas, entre empresários e colaboradores de empresas
Oportunidades de negócios e informação são atrativos
do Encontro entre Associados
Projeto Conhecendo a ACI promove terceiro encontro
associadas.
A comunicação começa na forma com que as pessoas
se relacionam, continua nas campanhas publicitárias e no
atendimento aos clientes e não termina nunca, destacou o
palestrante. Segundo ele, quem acha que a comunicação
de uma empresa é um ciclo, com início, meio e fim, está
enganado. A troca de informações numa empresa faz par-
te do seu processo de vida. “Da telefonista ao pós-venda,
do endomarketing ao top de marketing, as empresas pre-
cisam estar comprometidas e comprometer os que têm
contato com ela com a busca de resultados”, afirmou.
Negócios e integração - O clima informal e as opor-
tunidades de integração e de negócios entre as empresas
e profissionais participantes são apontados como os prin-
cipais atrativos do evento Encontro entre Associados, que
desde 2005 integra a programação da Entidade.
Na primeira parte da programação, cada participante
é convidado a se apresentar, dizendo o nome, a empre-
sa que representa e os produtos ou serviços que oferece.
Logo após, é apresentada uma palestra sobre um tema es-
pecífico, de interesse do meio empresarial. No final, acon-
tece o coquetel de integração, oferecido pela Excelsior Ali-
mentos, momento em que os participantes trocam cartões
e material de divulgação.
Esta edição do Encontro entre Associados teve também
o apoio do Laboratório Horta e da Poliagro.
Palestra sobre Comunicação Empresarial foi um dos destaques do evento
Aproximar o associado da Entidade é objetivo do projeto
Page 10
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
10
ASSOCIADO EM DESTAQUE
Com a experiência e a tradição de 58 anos de atuação
no mercado, a Matte Viagens e Turismo é hoje uma re-
ferência no segmento de agências de viagens na região.
Contando com uma equipe de 14 funcionários, a empre-
sa oferece serviços nas aéreas coorporativa, de turismo
e lazer. Dispõe de uma completa infra-estrutura para
as empresas, garantindo agilidade na emissão de bilhe-
tes aéreos nacionais e internacionais, acordos com re-
des hoteleiras e locadoras de carros. Atua também com
representantes diretos em Buenos Aires, Londres, Paris,
Hong Kong, Guangzhou, na China, e em Manaus.
Na área de feiras, a Matte Viagens vem consolidando
sua atuação na China. Nos últimos três anos, a agência
foi escolhida como a transportadora oficial para empresas
de desenvolvimento de negócios entre Brasil e China.
Desenvolve ainda um trabalho personalizado voltado
para os que procuram entretenimento e lazer com rotei-
ros diferenciados. A Matte Viagens foi uma das funda-
doras da primeira rede de agências de viagens do Brasil,
a REDETUR, hoje com 18 agências espalhadas pelo Rio
Grande do Sul.
“A Matte Viagens é uma das poucas agências de via-
gens com administração local, familiar, sem a influência
de controle de grandes grupos do centro do país”, enfati-
za Reinaldo Carlos Matte, sócio-gerente da empresa.
A empresa está instalada na rua Marechal Floria-
no Peixoto, 1619. Contato pelo telefone/fax 51 3715-
8044 / site ou e-mail. www.matteviagens.com.br -
mkt@matteviagens.com.br
Matte Viagens consolida atuação em feiras na China
O atendimento sempre foi um dos principais diferen-
ciais da Teloken Colchões, desde que a empresa iniciou
suas atividades na região, em maio de 2005. Essa relação
de proximidade com os clientes serviu de estímulo para
que o empreendimento familiar, surgido com a venda do-
miciliar de colchões e artigos magnéticos, tomasse novos
rumos. Em 2008, a Teloken Colchões inaugurou uma loja
virtual (www.telokencolchoes.com.br), passando a comer-
cializar seus produtos via internet. A empresa não parou
por aí. Contar com um espaço próprio para receber seus
clientes foi outro projeto concretizado também este ano,
com a abertura da primeira loja, localizada na Julio de
Castilhos, 700, sala 01, em Santa Cruz do Sul.
Atuando no comércio varejista de colchões, artigos de
cama, mesa e banho e de colchoaria, a empresa atende
toda a região de Santa Cruz do Sul, os municípios de Vera
Cruz, Sinimbu, Candelária, Venâncio Aires, Rio Pardo e
agora também o Estado e o País, através de sua loja vir-
tual.
Para Lucio Mauro Teloken, sócio-gerente, o futuro não
tem fronteiras e a expansão dos negócios da empresa é
uma meta constantemente buscada. Por isso a Teloken
Colchões tem por filosofia comercializar produtos com
durabilidade, qualidade e confiabilidade. “Buscar a parce-
ria das maiores organizações do país e do exterior no de-
senvolvimento de novas tecnologias para agregar melhor
desempenho aos produtos que comercializamos é o com-
promisso que assumimos com nossos clientes”, afirma.
Contatos com a Teloken Colchões pelo telefone/fax
(51) 3711-6559, e-mail telokencolchoes@hotmail.com
ou pelo site www.telokencolchoes.com.br
Teloken Colchões - vendas na loja e pela internet
Reinaldo Matte, na China: atuação crescente naquele país
Produtos com durabilidade, qualidade e confiabilidade
Page 11
No dia cinco de se-
tembro, a Associação
das Entidades Empresa-
riais de Santa Cruz do Sul
(Assemp), com o apoio
da ACI, promoveu uma
reunião-almoço
com
todos os candidatos à
Prefeitura do município:
Eliana Giehl (PMDB), He-
lena Hermany (PP), Kelly
Moraes (PTB) e Afonso
Schwengber (PSTU). O
salão principal do Clube
Aliança foi o local esco-
lhido para o evento, que reuniu empresários e colaboradores de empresas
associadas às entidades integrantes da Assemp, além de políticos e correli-
gionários dos partidos.
Os candidatos foram convidados a se manifestar sobre uma pauta de 10
perguntas, elaborada pela entidade, enfocando temas de interesse do meio
empresarial relacionados ao desenvolvimento do município. Foram sorteadas
duas perguntas por candidato. Não houve debates. A ordem de apresentação
foi definida na hora, mediante sorteio. Ao se encerrarem os pronunciamentos,
foi aberto um espaço para que a platéia fizesse uma pergunta a cada candi-
dato.
A iniciativa buscou oferecer aos empresários e à comunidade a oportuni-
dade de conhecerem as propostas de governo dos candidatos e como preten-
dem responder aos desafios de administrar uma das principais economias da
região.
Na abertura do encontro do presidente da Assemp, Sérgio Bremm, ressal-
tou a importância da iniciativa e afirmou que a entidade quer o compromisso
do futuro Prefeito de que o Secretário da pasta de Indústria e Comércio do
município seja indicado pelos setores empresariais.
11
ANIVERSARIANTES DE OUTUBRO
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
Novos Associados
Evento empresarial reuniu candidatos à
Prefeitura de Santa Cruz do Sul
*A.E.S. Sul Distr. Gaúcha Energia
*Agritec Lavrale Ltda. *AMS Espa-
ço e Org. de Festas Ltda.*Aquarela
Serviço Social Ltda. *Artesanato de
Jóias Arte Ltda.*Associação Educa-
cional Liceu *Bublitz - Posto Servi-
ços e Auto Peças Ltda. *Centro de
Integração Empresa/Escola – CIEE
*Cepa Construções e Obras Ltda.
*Com. de Móveis e Eletrodomés-
ticos Santa Cruz *Comas Latino
Americana Ltda. *Consultoria Emp.
Adm. Meirelles Ltda. *Cooperativa
de Crédito (Sicredi) *Dermatologe
Farmácia Ltda. * Escritório Fuerste-
nau Ltda. *Expertise Fomento Mer-
cantil Ltda. *Foto Butzge Ltda. * Fri-
sia Asses. Emp e Org. Ltda. *Helff
e Cia. Ltda. *HSBC Bank Brasil S/A
*ICT-Intercontinental Coml. Taba-
cos Ltda.*Ideal Eventos e Zeladoria
Ltda. *Jebrum Planej. Proj. Agropec.
Ltda. *Kasburg & Baumhardt Ltda.
*L P Lima & Cia Ltda. *Limberger &
Colleto Ltda.*M M Indústria e Com.
de Gesso Ltda. *M. Hoff ME
*Máquinas Schreiner Equip. Ind.
*Mario Coelho & Cia. Ltda. *Mo-
acyr Rocha Distr. Prod. Manut. Ltda.
*Psicoquali - Serviços de Psicologia
Ltda. *Santa Cruz Banco Fomento
Comercial *Schwengber e Hermes
Ltda. ME *Spengler S/A *Teloeken
e Gaspary Cons Ltda. *Transporta-
dora Rocha Ltda. *Tribac Tabacos
do Brasil Ltda. *Zancanaro Turismo
Ltda. *Gisela Shultz Giongo
- EM FOCO
JORNAL EMPRESARIAL - Ano XIII - Setembro/2008
Como vender mais e melhor
Conhecer as modalidades de negociação e as ferramen-
tas necessárias para atender, prospectar e manter clientes de
forma eficaz. Desenvolver essas habilidades nos profissionais
de venda foi o principal objetivo do curso O Super Vendedor:
Como vender mais e melhor no mercado competitivo. Pro-
movido pela ACI, em setembro, o treinamento teve 22 parti-
cipantes e foi o destaque da programação do mês.
Combinando apresentação teórica com exercícios práticos
e vivenciais, o programa ensinou como lidar com a guerra co-
mercial de produtos e serviços, além de oferecer aos partici-
pantes técnicas para superar suas limitações e valorizar seus
pontos fortes.
As aulas foram ministradas pelos instrutores Doria Tereza
De Marco, consultora de negócios, pedagoga e pós-graduada
em Pedagogia Empresarial, e Sérgio de Assumpção, pales-
trante internacional e analista de Comércio Exterior, especia-
lizado em implantação e desenvolvimento de Call Centers.
O conteúdo abordado e o desempenho dos instrutores fo-
ram pontos elogiados na avaliação dos participantes