Você está na página 1de 23

ASSUNTO: Introdução a Calorimetria estão à mesma temperatura, então a sensação

RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA (apreendida pelo tato) ao tocar nesses corpos


1. (G1 - ifba 2018) Analise as proposições e deve ser a mesma.
indique a verdadeira: 16) Quando dois corpos de um mesmo
a) Calor e energia térmica são a mesma coisa, material (a diferentes temperaturas) são
podendo sempre ser usados tanto um termo colocados em contato entre si, as moléculas
quanto o outro, indiferentemente. do corpo de maior temperatura (mais rápidas)
b) Dois corpos estão em equilíbrio térmico transferem energia para as moléculas do
quando possuem quantidades iguais de corpo de menor temperatura (mais lentas).
energia térmica.
c) O calor sempre flui da região de menor ASSUNTO: Introdução a Calorimetria
temperatura para a de maior temperatura. RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
d) Um corpo somente possui temperatura 3. (Pucpr 2018) Leia as informações a seguir.
maior que a de um outro quando sua
quantidade de energia térmica também é O fenômeno das ilhas de calor é mais
maior que a do outro. verificado em ambientes urbanos, pois os
e) Calor é energia térmica em trânsito, fluindo diferentes padrões de refletividade (albedo)
espontaneamente da região de maior são altamente dependentes dos materiais
temperatura para a de menor temperatura. empregados na construção civil. Nota- se que,
dependendo do albedo, mais radiação será
ASSUNTO: Introdução a Calorimetria absorvida e, por consequência, mais calor será
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA emitido pela superfície. Esses padrões
2. (Uem 2018) Com relação aos conceitos de diferenciados de emissão de calor acabam
calor e temperatura e ao princípio geral das determinando uma temperatura mais elevada
trocas de calor, assinale o que for correto. no centro e, à medida que se afasta desse
01) O fato de o calor passar de um corpo para ponto em direção aos subúrbios, as
outro se deve à quantidade de calor existente temperaturas tendem a ser mais amenas.
em cada um.
02) Se dois corpos de materiais diferentes Albedo: número adimensional que indica a
estão em equilíbrio térmico entre si, isolados razão entre a quantidade de luz refletida por
do ambiente, então se pode afirmar que, nessa uma superfície e a quantidade de luz incidente
situação, o mais quente fornece calor ao mais nela.
frio.
04) Se três corpos de materiais diferentes
estão em equilíbrio térmico entre si, isolados BAPTISTA, Gustavo M. de M. Ilhas Urbanas de
do ambiente, então se pode afirmar que os Calor. Scientific American Brasil Aula aberta.
três corpos se apresentam necessariamente Ano I. Nº 2. Duetto: São Paulo, 2010. p.25.
no mesmo estado (sólido, líquido ou gasoso).
08) Se dois corpos de materiais diferentes
Dentre as propostas de intervenção no
ambiente das cidades apresentadas a seguir,
marque a que é efetiva para minimizar os
efeitos das ilhas de calor.
a) Minimizar as diferenças de altura entre os
prédios e demais construções civis.
b) A criação de sistema de escoamento e
drenagem da água pluvial.
c) A substituição da pavimentação de
O calor latente de fusão dessa substância, em
concreto de calçadas e avenidas pelo asfalto.
cal g, é igual a:
d) O plantio e manutenção de árvores nas
regiões centrais das cidades. a) 70

e) O uso de coberturas e telhados de baixa b) 80


reflexividade nas construções civis. c) 90
d) 100
ASSUNTO: Introdução a Calorimetria
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA ASSUNTO: Calor Latente
4. (Upe- ssa 2 2017) Em dias com grandes RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
variações de temperatura, um fenômeno 6. (G1 - ifsul 2017) Certa quantidade de água
curioso pode ocorrer em alguns copos de é colocada no interior de um recipiente
vidro: racham, quebram ou explodem sem diatérmico e levada à chama de uma fonte
nenhum impacto ou queda. térmica, ao nível do mar. A temperatura em
que ela irá entrar em ebulição depende da
Com base nas propriedades térmicas do vidro a) temperatura inicial da água.
utilizado na fabricação do copo, uma b) massa da água.
explicação para esse fenômeno é c) pressão ambiente.
a) a baixa condutividade térmica. d) rapidez com que o calor é fornecido.
b) a alta condutividade térmica.
c) o calor específico alto. ASSUNTO: Calor Latente
d) o baixo ponto de fusão. RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
e) o alto ponto de fusão. 7. (Pucrj 2017) Em uma experiência de física,
um aluno verifica que o calor de fusão de um
ASSUNTO: Calor Latente dado objeto é 50 J kg.
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
5. (Uerj 2017) O gráfico abaixo indica o Para um outro objeto com o dobro da massa,
comportamento térmico de 10 g
de uma mas feito do mesmo material, o calor de fusão,
substância que, ao receber calor de uma fonte, em J kg, deve ser
passa integralmente da fase sólida para a fase a) 200
líquida. b) 100
c) 50
d) 25 A capacidade térmica (ou calorífica), em
e) 12,5 cal C, desse corpo, no intervalo descrito pelo

gráfico, é igual a
ASSUNTO: Calor Latente a) 1
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA b) 3
8. (Eear 2017) Um estudante irá realizar um c) 10
experimento de física e precisará de 500 g de d) 30
água a 0 C. Acontece que ele tem disponível
somente um bloco de gelo de massa igual a ASSUNTO: Capacidade Térmica
500 g e terá que transformá- lo em água. RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
Considerando o sistema isolado, a quantidade 10. (G1 - cftmg 2016) Analise as afirmações
a seguir e assinale (V) para as verdadeiras ou
de calor, em cal, necessária para que o gelo
(F) para as falsas.
derreta será:

( ) Ao segurar um corrimão de madeira e


Dados: calor de fusão do gelo = 80 cal g  C
outro de metal, ambos à mesma temperatura,
a) 40
tem- se a sensação de que a madeira está mais
b) 400
quente porque ela conduz melhor o calor.
c) 4.000
( ) Uma geladeira funcionando dentro de
d) 40.000
uma cozinha, sempre causará o aquecimento
do ambiente.
ASSUNTO: Capacidade Térmica
( ) Considere dois materiais diferentes, de
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
mesma massa e à mesma temperatura. Para
9. (Eear 2018) Um corpo absorve calor de
que eles sejam aquecidos até atingirem uma
uma fonte a uma taxa constante de 30 cal min
mesma temperatura final, a quantidade de
e sua temperatura (T) muda em função do calor necessária será a mesma.
tempo (t) de acordo com o gráfico a seguir. ( ) Considere dois materiais iguais, de
volumes diferentes e à mesma temperatura.
Para que eles sejam aquecidos até atingirem
uma mesma temperatura final, a quantidade
de calor necessária será a mesma.

A sequência correta encontrada é


a) F, F, V, V.
b) V, V, F, F.
c) F, V, F, F.
d) V, F, F, V.
ASSUNTO: Calor Sensível
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
11. (Uerj simulado 2018) Em um estudo sobre
fenômenos térmicos, foram avaliados quatro
objetos distintos, cujos valores de massa m, de
quantidade de calor Q e de variação de
temperatura Δθ estão apresentados na tabela
abaixo.

Objeto m (g) Q (cal) Δθ (C)


I 20 100 10
II 30 120 20 Durante a etapa D, ocorre a seguinte mudança
III 60 150 10 de estado físico:
IV 40 180 15 a) fusão
b) sublimação
Com base nesses dados, o objeto com o maior c) condensação
calor específico está identificado pelo seguinte d) vaporização
número:
a) I ASSUNTO: Calor Sensível
b) II RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
c) III 13. (Uece 2017) A energia necessária para
d) IV aquecer uma certa massa de água é a mesma
nos seguintes casos:
ASSUNTO: Calor Sensível a) 2 kg, de 20 C para 23 C, ou 3 kg, de 20 C
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
para 23 C.
12. (Uerj 2018) Observe no diagrama as
b) 1kg, de 20 C para 21 C, ou 2 kg, de 20 C
etapas de variação da temperatura e de
mudanças de estado físico de uma esfera para 22 C.
sólida, em função do calor por ela recebido. c) 2 kg, de 20 C para 23 C, ou 3 kg, de 20 C
Admita que a esfera é constituída por um para 22 C.
metal puro. d) 1kg, de 20 C para 21 C, ou 3 kg, de 20 C
para 23 C.

ASSUNTO: Calor Sensível


RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
14. (G1 - cftmg 2017) Um aquecedor possui
uma potência útil constante de 500 W . O
tempo gasto para esse aquecedor elevar a
50 °C
a temperatura de uma panela de ferro
de 1,0 kg e calor específico c = 460 J kg  K, 16. (Uel 2018) Messias está preparando um
admitindo- se que ela absorva todo o calor almoço e deseja gelar 10 latas da sua bebida
transmitido é de preferida. Ele então as coloca dentro de uma
a) 12 s. caixa com isolamento térmico perfeito e sobre
b) 23 s. elas despeja gelo que está a uma temperatura

c) 46 s. de 0 C. Considerando que as trocas de calor


se dão, única e exclusivamente, entre o gelo e
d) 54 s.
as latas, pode- se afirmar que o módulo do
calor perdido pelas latas é igual ao módulo do
ASSUNTO: Sistema Termicamente Isolado
calor recebido pelo gelo.
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
15. (G1 - cftmg 2018) Tem- se quatro blocos
A, B, C Sabendo que a temperatura inicial das latas é
metálicos idênticos e D cujas
200 C, de 20 C, que a capacidade térmica de cada
temperaturas são, respectivamente,
180 C, 20 C lata é de 400 cal C e que o calor latente de
e 50 C e dois blocos E e F, de
fusão do gelo é de 80 cal g, responda aos itens
mesmas dimensões sendo E feito de madeira
a seguir.
e F de ferro, ambos a 20 C. São colocados em
a) Determine a quantidade de calor extraído
contato os pares de blocos: AB, CD e EF. das latas até elas atingirem a temperatura de
Desprezando- se as perdas de calor para o 0 C.
ambiente, analise as afirmativas abaixo: Justifique sua resposta, apresentando os
cálculos envolvidos na resolução deste item.
I. Antes do contato, a quantidade de calor b) Calcule a massa de gelo necessária para
contida em A era maior que a contida em C.
baixar a temperatura das latas para 0 C.
II. Anterior à junção dos blocos F, estava mais Justifique sua resposta, apresentando os
frio que o E. cálculos envolvidos na resolução deste item.
III. Depois de atingido o equilíbrio térmico, a
quantidade de calor transferida entre A e B é ASSUNTO: Sistema Termicamente Isolado
menor que a transferida entre C e D. RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA
IV. Após o contato, não ocorre transferência 17. (G1 - cftmg 2017) Dois corpos A e B de
de calor entre E e F.
temperaturas TA e TB , onde TA  TB são
colocados em um recipiente termicamente
São corretas apenas as afirmativas
isolado juntamente com um terceiro corpo C
a) I e II.
de temperatura TC . Após atingido o equilíbrio
b) I e III.
térmico, as temperaturas
c) II e IV.
d) III e IV. a) TA , TB e TC diminuem.
b) TA , TB e TC tornam- se iguais.
ASSUNTO: Sistema Termicamente Isolado c) TA diminui, TB aumenta e TC diminui.
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA d) TA aumenta, TB diminui e TC aumenta.
e) convecção ( I ) e irradiação ( II )
ASSUNTO: Sistema Termicamente Isolado
RESOLUÇÃO EM TEXTO NA SEQUÊNCIA 20.(UECE):
18. (Pucrj 2017) Dois blocos metálicos Há 5300 anos viveu, nos Alpes austríacos,
idênticos de 1 kg estão colocados em um Ötzi, conhecido entre nós como o homem do
recipiente e isolados do meio ambiente. gelo. Seu corpo foi encontrado em setembro
de 1991 com restos de suas vestes, que
Se um dos blocos tem a temperatura inicial de garantiam sua sobrevivência no frio em
50 C, e o segundo a temperatura de 100 C, temperaturas que chegavam a – 40oC.
qual será a temperatura de equilíbrio, em C, Fisicamente, é correto afirmar que:
dos dois blocos?
a) 75 a) as vestes de Ötzi retiravam calor do meio
b) 70 ambiente, fornecendo- o ao seu corpo.
c) 65 b) as vestes de Ötzi possuíam elevado
d) 60 coeficiente de condutibilidade térmica a fim de
e) 55 impedir o fluxo de calor para o seu corpo.
c) o calor fluía do ambiente para o corpo de
19. Os refrigeradores elétricos domésticos Ötzi.
(geladeira) representaram um enorme avanço d) Ötzi combinava em suas vestes
na qualidade de vida das pessoas. propriedades físicas como grande espessura e
Possibilitaram um melhor acondicionamento e baixo coeficiente de condutibilidade térmica.
aproveitamento dos alimentos. Existe muita
física “por trás” do funcionamento de uma 21. (UEL PR):
geladeira. Observe a lista abaixo: Embalagens tipo "longa vida" (abertas, com a
parte interna voltada para cima, embaixo das
I: congelador (ou freezer) posicionado na telhas) podem ser utilizadas como material
parte superior da geladeira; isolante em telhados de amianto, que no verão
atingem
II : grades nas prateleiras internas. temperaturas de 70°C. Sobre essa utilização
do material, é correto afirmar:
De acordo com seus conhecimentos sobre
mecanismos de transferência de calor, a) O calor emitido pelas telhas de amianto é
assinale a alternativa que indica corretamente absorvido integralmente pelo "forro longa
a relação entre o mecanismo e o item: vida".

a) condução ( I ) e convecção ( II ) b) O calor específico do "forro longa vida" é


b) condução ( I ) e condução ( II ) muito pequeno, e por isso sua temperatura é
c) convecção ( I ) e condução ( II ) constante, independentemente da quantidade
d) convecção ( I ) e convecção ( II ) de calor que recebe da telha de amianto.
que a do vidro.
c) A superfície de alumínio do "forro longa e) a garrafa e a lata estão à mesma
vida" reflete o calor emitido pelas telhas de temperatura, e a sensação é devida ao fato de
amianto. a condutividade térmica do vidro ser maior
que a do alumínio.
d) A camada de papelão da embalagem tipo
"longa vida" isola o calor emitido pelas telhas 23. (ENEM PPL)
de amianto, pois sua capacidade térmica
absorve a temperatura.

e) A superfície de alumínio do "forro longa


vida" é um isolante térmico do calor emitido
pelas telhas de amianto, pois está revestida
por uma camada de plástico.
A tirinha faz referência a uma propriedade de
uma grandeza Física, em que a função do
22. (ENEM): jornal utilizado pelo homem é a de:

Uma garrafa de vidro e uma lata de alumínio, a) absorver a umidade que dissipa calor.
cada uma contendo 330mL de refrigerante, b) impedir que o frio do ambiente penetre.
são mantidas em um refrigerador pelo mesmo c) manter o calor do homem concentrado.
longo período de tempo. Ao retirá- las do d) restringir a perda de calor para o ambiente.
refrigerador com as mãos desprotegidas, tem- e) bloquear o vento que sopra trazendo frio.
se a sensação de que a lata está mais fria que
a garrafa. É correto afirmar que:
24. (ENEM)
a) a lata está realmente mais fria, pois a
capacidade calorífica da garrafa é maior que a Em nosso cotidiano, utilizamos as palavras
da lata. “calor” e “temperatura” de forma diferente de
b) a lata está de fato menos fria que a garrafa, como elas são usadas no meio científico. Na
pois o vidro possui condutividade menor que linguagem corrente, calor é identificado como
o alumínio. “algo quente” e temperatura mede a
c) a garrafa e a lata estão à mesma “ quantidade de calor de um corpo”. Esses
temperatura, possuem a mesma significados, no entanto, não conseguem
condutividade térmica, e a sensação devesse explicar diversas situações que podem ser
à diferença nos calores específicos. verificadas na prática.
d) a garrafa e a lata estão à mesma
temperatura, e a sensação é devida ao fato de Do ponto de vista científico, que situação
a condutividade térmica do alumínio ser maior prática mostra a limitação dos conceitos
corriqueiros de calor e temperatura? térmico.
e) está em contato direto com o corpo
a) A temperatura da água pode ficar constante humano, facilitando a transferência de calor
durante o tempo em que estiver fervendo. por condução.

b) Uma mãe coloca a mão na água da banheira


do bebê para verificar a temperatura da água.

c) A chama de um fogão pode ser usada para


aumentar a temperatura da água em uma
panela.

d) A água quente que está em uma caneca é


passada para outra caneca a fim de diminuir
sua temperatura.

e) Um forno pode fornecer calor para uma


vasilha de água que está em seu interior com
menor temperatura do que a dele.

25. (ENEM PPL)

Em dias com baixas temperaturas, as pessoas


utilizam casacos ou blusas de lã com o intuito
de minimizar a sensação de frio. Fisicamente,
esta sensação ocorre pelo fato de o corpo
humano liberar calor, que é a energia
transferida de um corpo para outro em virtude
da diferença de temperatura entre eles.
A utilização de vestimenta de lã diminui a
sensação de frio, porque:

a) possui a propriedade de gerar calor.


b) é constituída de material denso, o que não
permite a entrada do ar frio.
c) diminui a taxa de transferência de calor do
corpo humano para o meio externo.
d) tem como principal característica a
absorção de calor, facilitando o equilíbrio
RESPOSTAS COMENTADAS
[08] Falso. A sensação não se dá apenas pela
Resposta da questão 1: temperatura do objeto, mas também por
[E] outros fatores como o seu estado físico por
exemplo.
[A] Falsa. Calor é energia térmica em trânsito,
fluindo espontaneamente da região de maior [16] Verdadeiro. Neste caso está satisfeita a
temperatura para a de menor temperatura. condição para a transferência de calor
[B] Falsa. Dois corpos estão em equilíbrio (energia) de um corpo a outro.
térmico quando estão à mesma temperatura,
ou seja quando as energias cinéticas médias Resposta da questão 3:
das moléculas são iguais. [D]
[C] Falsa. O calor somente flui da região de
menor temperatura para a de maior A presença de árvores reduz em muito a
temperatura quando o processo é forçado, incidência de radiação nas edificações,
como acontece nas máquinas térmicas calçamentos e pavimentos, reduzindo assim o
refrigeradoras. fenômeno das ilhas de calor. Esta técnica é
[D] Falsa. A temperatura é diretamente utilizada em várias partes do mundo, inclusive
proporcional à energia cinética média de com plantio em terraços de prédios para
agitação das partículas. diminuir o consumo de energia devido ao uso
[E] Verdadeira. É exatamente o conceito de de ar condicionado, pois deixa o prédio com
calor, com já especificado na proposição [A]. menores variações de temperatura durante os
dias quentes.
Resposta da questão 2:
16. Resposta da questão 4:
[A]
[01] Falso. O calor é uma energia em
transição, e o fato de passar de um corpo para O vidro constitui- se de um material
outro se deve à diferença de temperatura considerado bom isolante térmico devido à
entre ambos. sua baixa condutividade térmica. Sendo
assim, ao se aquecer uma parte de um copo
[02] Falso. Se os corpos estão em equilíbrio de vidro diferencialmente, este calor não se
térmico, então estão sob a mesma transfere uniformemente para toda a
temperatura, não havendo um mais quente ou superfície do vidro, ficando pontos com
um mais frio. diferenças de temperatura no mesmo corpo,
causando fissuras, quebras ou até mesmo
[04] Falso. Equilíbrio térmico remete à mesma com rupturas mais críticas parecendo
temperatura e não necessariamente a mesmo explosões.
estado físico.
Resposta da questão 5: ΔT = 50 C − 20 C = 30 C
[A] Q = 30
cal
 30 min = 900 cal
min

Q 1.000 − 300
Q = m L  L = L =  L = 70 cal g Portanto:
m 10
Q 900 cal
C= =
ΔT 30 C
 C = 30 cal C

Resposta da questão 10:


[C]

[F] O metal parece mais frio porque têm maior


condutividade térmica, roubando mais
Resposta da questão 6: rapidamente calor das mãos.
[C] [V] Considerando que a cozinha seja bem
isolada termicamente, para que não se perca
A temperatura de ebulição de uma dada o calor gerado pela dissipação de energia
substância depende da pressão a qual está elétrica no motor.
submetida. À medida que a pressão aumenta, Q = C Δθ  Q = mc Δθ.
[F] Depende da
aumenta também a temperatura em que a capacidade térmica (C). Se as massas (m) são
substância irá entrar em ebulição. iguais, o material de maior calor específico (c)
tem maior capacidade térmica (C = m c),
Resposta da questão 7:
necessitando de maior quantidade de calor
[C] (Q).
Q = C Δθ  Q = mc Δθ.
[F] Depende da
O calor de Fusão independe do volume ou da
(C).
massa do material do material. Se pegar um capacidade térmica Se os materiais são
mesmo material com massas distintas todos iguais, os calores específicos são iguais. O
terão o mesmo calor de fusão. corpo de maior volume possui maior massa
(m),
tendo maior capacidade térmica (C = m c),
Resposta da questão 8: necessitando de maior quantidade de calor
[D] (Q).

Q = m  L  Q = 500  80  Q = 40.000 cal Resposta da questão 11:


[A]
Resposta da questão 9:
[D] Isolando o calor específico da expressão do
calor sensível, temos:
Para Δt = 30 min, temos:
Q = m  c  ΔT  c =
Q Questão anulada no gabarito oficial.
m  ΔT

A questão foi anulada porque há um erro no


Usando os dados da tabela e calculando para enunciado, destacado a seguir,
cada objeto, temos: impossibilitando chegar- se a alguma
Q 100
cI = =
m  ΔT 20  10
 cI = 0,5 cal g  C resposta.
"... aquecedor elevar a 50 °C a temperatura..."
Q 120
cII = =  cII = 0,2 cal g  C
m  ΔT 30  20 Para a questão ter solução, deve- se trocar o a
por de, assim ficando:
Q 150
cIII = =  cIII = 0,25 cal g  C "... aquecedor elevar de 50 °C a
m  ΔT 60  10
temperatura..."
Q 180
cIV = =  cIV = 0,2 cal g  C Com essa alteração, a alternativa correta é [C]
m  ΔT 40  20
e a solução é:
Q = P Δt m c Δθ 1 460  50
Resposta da questão 12: 
Q = mc Δθ
 P Δt = m c Δθ  Δt =
P
=
500
 Δt = 46 s.

[D]
Resposta da questão 15:
Como a esfera está inicialmente na fase sólida, ANULADA
para cada uma das etapas indicadas no
gráfico, têm- se: Questão anulada no gabarito oficial.
A – aquecimento do sólido.
B – fusão do sólido. Análise das alternativas e possível causa da
sua anulação:
Resposta da questão 13:
[C] [I] Falsa. Calor é definido como energia
térmica em trânsito entre dois corpos com
Pela Calorimetria, temos: diferenças de temperatura e, portanto, o calor
Q = m  c  Δθ não pode estar contido em um corpo como
informado.
Ou seja, para a mesma substância (mesmo c),
o valor de Q se manterá igual para produtos [II] Falsa. Tanto o corpo E como o F estão à
m  Δθ iguais. Sendo assim, o único caso em
mesma temperatura, portanto não há um
que isto ocorre é o da alternativa [C]: corpo mais frio que outro. O que existe
2  (23 − 20) = 3  (22 − 20) quando tocamos os dois corpos ao mesmo
tempo sentimos mais frio o corpo de ferro em
Resposta da questão 14: relação ao de madeira, isto ocorre porque a
ANULADA madeira é isolante e o ferro é condutor de calor
retirando calor da mão mais rapidamente, Onde
ocorrendo a sensação de frio. C = capacidade térmica das latas;
ΔT = variação de temperatura.
[III] Verdadeira ou Falsa. Essa alternativa pode
ser considerada verdadeira se as massas dos Assim, calculando para todas as latas, a
blocos metálicos forem iguais e forem feitos quantidade de calor trocada pelas latas com o
do mesmo material, o que não ficou muito gelo é de:
claro no enunciado do problema. Q = C  ΔT  Q = 400
cal
C  lata
 10 latas  ( 0 − 20 ) C  Q = −80000 cal

Considerando que essa premissa seja


verdadeira, pela quantidade de calor sensível Logo, em módulo, o calor trocado é de
trocado entre os corpos teríamos: 80000 cal.
Contato AB :
Temperatura de equilíbrio: b) Para determinar a massa mínima de gelo
180 + 200
Teq = = 190 C que o sistema deve ter, supondo que não
2
existem perdas térmicas para o meio externo
Calor sensível trocado:
QAB = m  c  ( 200 − 190)  QAB = 10 mc e para o recipiente, usamos a expressão do
calor latente:
Q = m L
Contato CD :
20 + 50
Teq = = 35 C
Temperatura de equilíbrio: 2 Onde:
m = massa de gelo fundente em gramas;
Calor sensível trocado:
L = calor latente de fusão do gelo.
QCD = m  c  ( 35 − 20)  QCD = 15 mc

Q 80000 cal
Logo, QAB  QCD partindo do pressuposto Q = mL  m =
L
m=
80 cal g
 m = 1000 g

acima.
Resposta da questão 17:
[I] Verdadeira. Como os corpos E e F estão [B]
com a mesma temperatura, não há troca de
calor entre os mesmos. Quando dois ou mais corpos são colocados
num recipiente termicamente isolado, eles
Sendo assim, teríamos como alternativa
trocam calor até que se atinja o equilíbrio
correta a letra [D]. térmico.

Resposta da questão 16: Resposta da questão 18:


a) A quantidade de calor (Q) trocada entre as [A]
latas e o gelo é dada por:
Q = C  ΔT Q1 + Q2 = 0
m  c  Δθ1 + m  c  Δθ2 = 0
Como os dois blocos são idênticos, tanto a
massa, como o calor específico são os
mesmos, logo:
Δθ1 + Δθ2 = 0
(θe − 50)1 + (θe − 100)2 = 0
2  θe = 150  θe = 75C

19. C
20. D
21. C
22. D
23. D
24. A
25. C
1. (Espcex (Aman) 2018) Um painel coletor de rádio foi absorvida pela água e empregada
energia solar é utilizado para aquecer a água exclusivamente para elevar sua temperatura.
de uma residência e todo o sistema tem um a) 0,06 W
rendimento de 60%. Para aumentar a b) 0,10 W
temperatura em 12,0 C de uma massa de c) 0,14 W
água de 1.000 kg, a energia solar total coletada d) 0,18 W
no painel deve ser de e) 0,22 W

Dado: considere o calor específico da água 3. (Pucrj 2017) Dois blocos metálicos
J
4,0 . idênticos de 1 kgestão colocados em um
g  C
igual a
4
recipiente e isolados do meio ambiente.
a) 2,8  10 J
4
b) 4,8  10 J Se um dos blocos tem a temperatura inicial de
4 50 C, e o segundo a temperatura de 100 C,
c) 8,0  10 J
7 qual será a temperatura de equilíbrio, em C,
d) 4,8  10 J
dos dois blocos?
e) 8,0  107 J
a) 75
b) 70
2. (Fuvest 2017) No início do século XX, Pierre c) 65
Curie e colaboradores, em uma experiência d) 60
para determinar características do recém- e) 55
descoberto elemento químico rádio,
colocaram uma pequena quantidade desse 4. (G1 - col. naval 2017) Durante uma
material em um calorímetro e verificaram que avaliação de desempenho físico, um candidato
1,30 grama de água líquida ia do ponto de
percorreu, em 12 min, a distância de 2.400
congelamento ao ponto de ebulição em uma metros e consumiu uma energia total
hora. estimada em 160 kcal.

A potência média liberada pelo rádio nesse Supondo que a energia consumida nessa
período de tempo foi, aproximadamente, prova possa ser usada integralmente no
aquecimento de 50 kg de água, cujo calor
Note e adote:
1cal (g  C) específico vale 1cal g C, é correto afirmar que
- Calor específico da água:
a variação de temperatura da água, na escala
- 1cal = 4 J Fahrenheit, e a velocidade média do candidato
- Temperatura de congelamento da água: 0 C valem, respectivamente:
- Temperatura de ebulição da água: 100 C a) 5,76 F e 12 km h.
- Considere que toda a energia emitida pelo b) 5,76 F e 14 km h.
c) 4,28 F e 12 km h. 29  C.Desconsiderar o calor latente do
d) 3,20 F e 12 km h. chocolate.
e) 3,20 F e 14 km h.

5. (Upf 2017) Qual a quantidade de calor que


devemos fornecer a 200 g de gelo a −20 C
para transformar em água a 50 C?
(Considere:
Cgelo = 0,5 cal (g  C); Cágua = 1cal (g  C); Lfusão = 80cal g)

a) 28 kcal.
b) 26 kcal.
c) 16 kcal.
d) 12 kcal.
e) 18 kcal. Com base no gráfico e nos dados acima, é
correto afirmar que:
6. (Ufsc 2017) O chocolate é um dos 01) no terceiro nível, pode- se interpretar que
alimentos mais apreciados da culinária o chocolate não cede nem recebe calor do
mundial. Além da contribuição ao paladar, meio.
deixando qualquer receita mais saborosa, 02) no intervalo de temperatura de 45  C até
creditam- se a ele ainda vantagens 27  C, o chocolate cede calor para o meio.
psicológicas, como a melhora do estado de
04) esse tipo de gráfico permite obter uma
humor. Para que o chocolate obtenha
expressão para os valores da razão entre a
características de qualidade – como dureza e
potência de transmissão de calor e o calor
quebra à temperatura ambiente, rápida e
específico de uma substância.
completa fusão na boca, brilho e rápido
08) o gráfico mostra que o chocolate é
desprendimento de aroma e sabor quando
aquecido até a temperatura de 45  C, depois
consumido –, necessita passar por um
processo denominado temperagem. O resfriado até a temperatura de 27  C e
processo de temperagem do chocolate é novamente aquecido até alcançar a
basicamente uma cristalização controlada em temperatura de 29  C.
que, por meio de tratamentos térmicos e
mecânicos, se produz no chocolate uma 7. (Unigranrio - Medicina 2017) Duas
parcela específica de cristais na forma mais amostras de massas iguais, uma de ferro e
estável. Na figura abaixo, é apresentada a uma de alumínio, recebem a mesma
curva de cristalização de uma massa m de quantidade de calor Q. Sabendo que o calor
chocolate ao leite, com três níveis bem específico do ferro vale 0,11cal gC, que o calor
definidos, nas temperaturas 45  C, 27  C e específico do alumínio vale 0,22 cal gC e que a
temperatura da amostra do ferro se elevou em uma transição de fase, passando do estado
200 C após receber a quantidade de calor Q, sólido para o estado líquido.
qual foi a variação da temperatura da amostra
de alumínio após receber a mesma
quantidade de calor Q ?
a) 50 C
b) 100 C
c) 150 C
d) 200 C
e) 250 C

8. (Eear 2017) Um buffet foi contratado para Assinale a alternativa CORRETA:


servir 100 convidados em um evento. Dentre
10 C.
a) a fusão do corpo ocorrerá a 100 C se a sua
os itens do cardápio constava água a
massa for de 40 g.
Sabendo que o buffet tinha em seu estoque
b) o calor latente de fusão do corpo é de
30 litros de água a 25 C, determine a 10 cal g.
0 C,
quantidade de gelo, em quilogramas, a c) a 100 C, será iniciada, necessariamente,
necessário para obter água à temperatura de uma nova transição de fase.
10 C.
d) o calor latente de fusão do corpo é de
5 cal g.
Considere que a água e o gelo estão em um
e) a fusão do corpo ocorrerá a 50  C somente
sistema isolado.
se sua massa for de 40 g.
Dados:
10. (Puccamp 2017) Um 1chef de cuisine
= 1 g cm3 ;
- densidade da água
precisa transformar 10 g de gelo a 0 C em
= 1cal g  C;
- calor específico da água
água a 40 C em 10 minutos. Para isto utiliza
- calor de fusão do gelo = 80 cal g  C; e uma resistência elétrica percorrida por uma
= 0,5 cal g  C
- calor específico do gelo corrente elétrica que fornecerá calor para o
a) 2 gelo. Supondo- se que todo calor fornecido
b) 3 pela resistência seja absorvido pelo gelo e
c) 4 desprezando- se perdas de calor para o meio
d) 5 ambiente e para o frasco que contém o gelo, a
potência desta resistência deve ser, em watts,
9. (Ufjf- pism 2 2017) O gráfico abaixo mostra no mínimo, igual a:
a variação da temperatura de um corpo de
20 g em função da quantidade de calor a ele
Dados da água:
fornecida. Durante o processo, o corpo sofre Calor específico no estado sólido: 0,50 cal g C
Calor específico no estado líquido: 1,0 cal g C d) F – F – V.
Calor latente de fusão do gelo: 80 cal g
Adote 1cal = 4 J 12. (Uepg 2017) Em relação à área da física
chamada Termologia, assinale o que for
1
chefe de cozinha correto.
a) 4. 01) No interior de um calorímetro com paredes
b) 8. adiabáticas e com calor específico desprezível,
c) 10. encontra- se 100 g de água a uma temperatura
d) 80. de 50 C. São despejados 10 g de gelo a 0 C
e) 120. dentro do calorímetro. Considerando que o
processo ocorre ao nível do mar, podemos
11. (G1 - ifsul 2017) Uma das substâncias afirmar que a temperatura no interior do
mais importantes para os seres vivos, a água, calorímetro, após atingir o equilíbrio térmico, é
está oferecendo preocupação, pois está 45 C.
ameaçada de diminuição na natureza, onde 02) Numa certa escala termométrica, ao zero
pode ser encontrada nos estados sólido, da escala Celsius corresponde o valor 32 e ao
100 corresponde o valor 232. Quando a
líquido e vapor.
temperatura na escala Celsius for de 25 C, o
Tendo como referência a água, analise as valor corespondente na outra escala será 82.
afirmativas abaixo, indicando, nos parênteses, 04) Podemos interpretar a temperatura como
se é verdadeira ou falsa. uma medida do estado de agitação das
partículas de um corpo.
( ) Para que ocorra a mudança de estado 08) O interior de um automóvel aquece
físico da água, à pressão constante, sua quando o deixamos exposto aos raios solares
temperatura permanecerá constante, e em virtude das radiações visíveis penetrarem
ocorrerá troca de calor com o ambiente. através dos vidros e as radiações
( ) Para que ocorra a evaporação da água do infravermelhas tenderem a ficar aprisionadas
suor de nossa pele, deve ocorrer absorção de no interior do automóvel.
energia pelo nosso corpo. 16) O fato de o volume da água diminuir
( ) Para que certa quantidade de água entre quando sua temperatura varia de 0 C a 4 C,
em ebulição, à temperatura ambiente, é faz com que no inverno, uma camada da
necessário que seja diminuída a pressão sobre superfície de um lago fique congelada,
ela. enquanto abaixo dessa camada de gelo exista
água na fase líquida.
A sequência correta, de cima para baixo, é
a) F – V – V. 13. (G1 - ifsul 2016) Um Físico acorda pela
b) V – V – F. manhã em um dia muito frio e vai logo
c) V – F – V. preparar seu café. Para tanto, ele utiliza uma
xícara de alumínio que tem massa igual a
200,0 g e está a uma temperatura igual a
5,0 C. Ele coloca dentro dessa xícara 300,0 g

de café inicialmente a 90,0 C.

Considerando as trocas de calor apenas entre


a xícara e o café e sabendo- se que o calor b)
específico do alumínio é 0,2 cal g C e que o
calor específico do café é 1,0 cal g C,
qual é a
temperatura final do conjunto (xícara e café)
ao atingir o equilíbrio térmico?
a) 85,0 C
b) 80,0 C
c)
c) 75,0 C
d) 70,0 C

14. (Pucpr 2016) Uma forma de gelo com


água a 25 C é colocada num freezer de uma
geladeira para formar gelo. O freezer está no
nível de congelamento mínimo, cuja d)
temperatura corresponde a −18 C.

As etapas do processo de trocas de calor e de


mudança de estado da substância água
podem ser identificadas num gráfico da
temperatura X quantidade de calor cedida.

Qual dos gráficos a seguir mostra, e)


corretamente (sem considerar a escala), as
etapas de mudança de fase da água e de seu 15. (G1 - cftmg 2016) Analise as afirmações
resfriamento para uma atmosfera? a seguir e assinale (V) para as verdadeiras ou
(F) para as falsas.

( ) Ao segurar um corrimão de madeira e


outro de metal, ambos à mesma temperatura,
tem- se a sensação de que a madeira está mais
quente porque ela conduz melhor o calor.
a) ( ) Uma geladeira funcionando dentro de
uma cozinha, sempre causará o aquecimento
do ambiente.
( ) Considere dois materiais diferentes, de
mesma massa e à mesma temperatura. Para
que eles sejam aquecidos até atingirem uma
mesma temperatura final, a quantidade de
calor necessária será a mesma.
( ) Considere dois materiais iguais, de
volumes diferentes e à mesma temperatura.
Para que eles sejam aquecidos até atingirem
uma mesma temperatura final, a quantidade
de calor necessária será a mesma.

A sequência correta encontrada é


a) F, F, V, V.
b) V, V, F, F.
c) F, V, F, F.
d) V, F, F, V.
RESPOSTAS COMENTADAS variação de temperatura na escala Celsius
primeiramente;
Resposta da questão 1:
[E] Q = m  c  ΔT

m = 1000 kg = 106 g Onde


Q = quantidade de calor sensível (em calorias);

Calor útil: m = massa do corpo (em gramas);

QU = m  c  Δθ = 106  4  12  QU = 4,8  107 J c = calor específico da água (em cal g C);


ΔT = variação de temperatura (em Celsius).
Calor total dado rendimento de 60% :
QU 4,8  107 Substituindo os valores e resolvendo:
η=  0,6 = 160 k cal
QT QT 160 kcal = 50 kg  1cal g C  ΔT  ΔT =  ΔT = 3,2 C
50 k g  1 cal g C
 QT = 8  107 J

Note que não foi necessário fazer a


Resposta da questão 2:
transformação das unidades de massa e
[C]
quantidade de calor para as unidades
Q = mc Δθ mc Δθ 1,3  4  100
mencionadas porque o quilo de cada uma

 PΔt = mc Δθ  P = =  P = 0,14 W.

Q = PΔt
 Δt 3.600 delas é simplificado, mas ainda temos que
apresentar a resposta na escala termométrica
Resposta da questão 3: de Fahrenheit. Como a escala Celsius quando
[A] comparada com a escala Fahrenheit possui
100 partes para 180 partes, significa que cada
Q1 + Q2 = 0 variação de 1 C equivale a 1,8 F, portanto:
m  c  Δθ1 + m  c  Δθ2 = 0 ΔTF = ΔTC  1,8  ΔTF = 3,2  1,8  ΔTF = 5,76 F

Como os dois blocos são idênticos, tanto a Finalmente, a velocidade média da corrida
massa, como o calor específico são os será a razão entre a distância percorrida e o
mesmos, logo: tempo gasto em percorrê- la, cuidando para
Δθ1 + Δθ2 = 0
fazer as transformações de unidades
(θe − 50)1 + (θe − 100)2 = 0
apresentadas nas alternativas, isto é, a
2  θe = 150  θe = 75C
resposta deve estar em km h.
1km
2400 m 
Resposta da questão 4: d 1000 m 2,4 km  60 km
v= = v=  v = 12
[A] t
12 min 
1h 12 h h
60 min
Usando a expressão para o calor sensível
abaixo representada, podemos determinar a Resposta da questão 5:
[A] Então,
m1 c1 ΔT1 = m2 c 2 ΔT2
Q = Qgelo + Qfusão + Qágua  Q = m c g ΔTg + m L f + m c a ΔTa 

Q = 200  0,5  0 − ( −20 )  + 200  80 + 200  1 ( 50 − 0 ) = 28.000 cal  Q = 28 kcal


Como as massas são iguais:
m1 c1 ΔT1 = m2 c 2 ΔT2
Resposta da questão 6:
02 + 04 + 08 = 14. Finalmente:
c1 ΔT1 0,11cal gC  200 C
27 C ΔT2 =  ΔT2 =  ΔT2 = 100 C
[01] Falsa. No 3º nível, de até 29 C, o c2 0,22 cal gC
chocolate está aquecendo, portanto
recebendo calor. Resposta da questão 8:
[02] Verdadeira. O chocolate está resfriando [D]
neste nível, ou seja, está cedendo calor para o
[ma  c a  (θe − θi )]água + [mg  L]gelo + [mg  ca  (θe − θi )]gelo que virou água = 0
meio externo.
30.000  1 (10 − 25) + mg  80 + mg  1 (10 − 0) = 0
[04] Verdadeira. A potência é energia por −450.000 + 90  mg = 0
tempo, logo sabendo o tempo transcorrido na 450.000
mg =  mg = 5.000 g  mg = 5,0 kg
transformação, sabemos também a 90

quantidade de calor ou energia fornecida


 E Resposta da questão 9:
 P = t , [D]
  e com esta energia, pela expressão do

calor sensível (Q = m c ΔT ),
e tendo a diferença
[A] Falsa. O gráfico nos mostra que a fusão
de temperatura, podemos calcular o calor
acontece à 50 C, e essa temperatura
específico c do material aquecido ou
independe da massa do material.
resfriado.
[B] Falsa. O calor latente de fusão L é dado
[08] Verdadeira. Justamente corresponde à
Q
sequência demonstrada no gráfico ilustrado. L= ,
por: onde Q é a quantidade de calor
m
usado na fusão e m é a massa do material.
Resposta da questão 7:
Q ( 200 − 100 ) cal cal
[B] L= L = L = 5
m 20 g g
[C] Falsa. A 100 C não é possível definir se há
Considerando que o calor sensível recebido
mais uma mudança de fase, pois deveria, para
por ambos os corpos de ferro (1) e alumínio (2)
tanto, haver uma variação da inclinação da
foram iguais, então:
Q1 = Q2
curva.
[D] Verdade. Rever o cálculo da alternativa b).
[E] Falsa. Conforme a alternativa a), a
E sabendo que:
Q = m c ΔT
temperatura de fusão não depende da massa.

Resposta da questão 10:


[B] mágua  c  ( Tf − Ti ) + mgelo  L f + mgelo  c  ( Tf − 0 ) = 0
cal cal cal
100 g  1  ( Tf − 50 C ) + 10 g  80 + 10 g  1  ( Tf − 0 ) = 0
g  C g g  C
Q1 = m  L  Q1 = 10  80  Q1 = 800 cal
cal 4200 cal
Q2 = m  c  ΔΘ  Q2 = 10  1 (40 − 0)  Q2 = 400 cal 110 Tf = 4200 cal  Tf =  Tf = 38,2 C
C cal
110
Qt = Q1 + Q2  Qt = 1.200 cal  Qt = 4.800 J C
Q 4.800
P= P= P=8J sP=8 W
Δt 10  60 [02] Verdadeira. A correspondência das
escalas será:
Resposta da questão 11: C−0
=
X − 32

C
=
X − 32
C=
X − 32
 X = 2C + 32
100 − 0 232 − 32
[C] 100 200 2

Assim, para a temperatura em Celsius dada:


[V] A mudança de estado físico impõe troca de
X = 2  25 + 32  X = 82
calor com o ambiente e sendo uma substância
pura como a água, a temperatura para essas
[04] Verdadeira.
mudanças é constante para condição de
pressão também constante.
[08] Verdadeira.
[F] A água do suor absorve calor do nosso
corpo para evaporar.
[16] Verdadeira. Fenômeno chamado de
[V] À medida que a pressão é diminuída, a
dilatação anômala da água.
temperatura necessária para a ebulição
também diminui, possibilitando- se ferver a
Resposta da questão 13:
água à temperatura ambiente.
[B]
Resposta da questão 12:
Como o enunciado sugere que o sistema seja
02 + 04 + 08 + 16 = 30.
termicamente isolado, o somatório dos calores
trocados deve ser nulo.
[01] Falsa. O equilíbrio térmico é atingido Qxícara + Qcafé = 0  (mcΔT )xícara + (mcΔT )café = 0 
quando o somatório de todos os calores 200  0,2 ( T − 5 ) + 300  1( T − 90 ) = 0  0,4T − 2 + 3T − 270 = 0  T =
272

envolvidos for nulo. 3,4

 Q = 0  Q1 + Q2 + Q3 = 0 T = 80,0 C.

Q1 = Resposta da questão 14:


calor sensível cedido pela água quente
[A]
para o gelo e para a água resultante da sua
fusão;
Q2 = Para esta questão, vale lembrar que existem
calor latente de fusão do gelo;
dois tipos de calor: sensível e latente. O calor
Q3 =
calor sensível recebido pela água fria da sensível é aquele fornecido a algum material
fusão. de forma a variar a sua temperatura. Já o calor
latente é o calor fornecido a um material para
que ocorra a mudança de estado físico do
material. Durante esta etapa de mudança de
estado, não há variação de temperatura.

Diante disto, fica fácil observar que a resposta


correta é o gráfico mostrado na alternativa [A].

No primeiro momento, a água é resfriada até


uma temperatura de 0C. Após isto, passa
pela etapa de solidificação, onde a
temperatura permanece constante. Por fim, o
gelo continua a resfriar até que atinja o
equilíbrio térmico com a temperatura do
freezer (−18C).

Resposta da questão 15:


[C]

[F] O metal parece mais frio porque têm maior


condutividade térmica, roubando mais
rapidamente calor das mãos.
[V] Considerando que a cozinha seja bem
isolada termicamente, para que não se perca
o calor gerado pela dissipação de energia
elétrica no motor.
Q = C Δθ  Q = mc Δθ.
[F] Depende da
(C). (m)
capacidade térmica Se as massas são
iguais, o material de maior calor específico (c)
tem maior capacidade térmica (C = m c),
necessitando de maior quantidade de calor
(Q).
Q = C Δθ  Q = mc Δθ.
[F] Depende da
capacidade térmica (C).
Se os materiais são
iguais, os calores específicos são iguais. O
corpo de maior volume possui maior massa
(m),
tendo maior capacidade térmica (C = m c),
necessitando de maior quantidade de calor
(Q).

Você também pode gostar