Você está na página 1de 24

AUTOR PR.

CIDINEI DA ROSA

Os Filhos de Deus
contrapostos aos
Filhos do Homens

AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

ii
Copyright © 2018 Autor PR. Cidinei da Rosa

All rights reserved.

ISBN:
ISBN:
DEDICATÓRIA

Eu primeiramente antes de tudo venho dedicar está obra ao


meu Deus, e também a minha família, esposa e filho, fica aqui
um abraço especial ao amado pastor José Vargas, que com acarinho
sugeriu que eu me empenhasse em criar este esboço, para estudo,
deixo aqui para todos o meu carinho
e amor eterno.
SÚMARIO

Agradecimentos i

1 Introdução 1

2 A nova aliança do novo testamento Pg 3

3 O culto e prestação do temor a Deus Pg 4

4 Um modelo comparativo de julgo desigual Pg 5

5 A sexualidade dos anjos Pg 9

6 Considerações finais Pg 10

7 Sobre o Autor Pg 13
ATENÇÃO
Proibida a reprodução total ou parcial.
Os infratores serão processados na
forma da lei. a comercialização dos
mesmos é terminantemente proibida.
Somente a forma impressa, cedida
exclusivamente à Pr. Cidinei da Rosa
pode ser comercializada
AGRADECIMENTOS

Agradeço a todos os amados amigos, o meu


carinho é para todos vocês, que são o
verdadeiro motivo desta obra,
Obrigado.

i
1 - INTRODUÇÃO

Vamos meditar ágora uma vez mais na maravilhosa palavra de


Deus, abordaremos e discutiremos muitos assuntos a seguir.
Vamos começar então.

Referência Direta

"Gênesis 6:1-10 ARC"


E aconteceu que, como os homens começaram
a multiplicar-se sobre a face da terra, e
lhes nasceram filhas, viram os filhos
de Deus que as filhas dos homens
eram formosas; e tomaram para si
mulheres de todas as que escolheram.
Então, disse o SENHOR: Não
contenderá o meu Espírito para
sempre com o homem, porque
ele também é carne; porém os
seus dias serão cento e vinte anos.
Havia, naqueles dias, gigantes na terra;
e também depois, quando os filhos
de Deus entraram às filhas dos
homens e delas geraram filhos;
estes eram os valentes que houve
na antiguidade, os varões de fama.
E viu o SENHOR que a maldade
do homem se multiplicara sobre
a terra e que toda imaginação dos
pensamentos de seu coração era só
má continuamente. Então, arrependeu-se
o SENHOR de haver feito o homem
sobre a terra, e pesou-lhe em seu coração.
E disse o SENHOR: Destruirei, de

1
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

sobre a face da terra, o homem que criei,


desde o homem até ao animal, até
ao réptil e até à ave dos céus; porque
me arrependo de os haver feito.
Noé, porém, achou graça aos olhos
do SENHOR. Estas são as gerações
de Noé: Noé era varão justo e reto
em suas gerações; Noé andava com
Deus. E gerou Noé três filhos: Sem, Cam e Jafé.

Vamos explanar aqui um assunto muito polêmico e bem


conhecido por muitos, e fielmente interpretar juntos corretamente as
colocações Bíblicas atribuídas neste contexto geral, para por fim
entender com exatidão e convicção a forma como a nós foi
apresentada está palavra, que nos apresenta duas classes de pessoas
referidas na nossa referência direta, os filhos de Deus, os filhos dos
homens.

Respeitaremos ao Máximo a exegese de cada fonte histórica,


levando todos os fatos e informações disponíveis em considerações
para a explanação desta passagem, para por fim trazer aqui uma
interpretação mais fiel e correta possível.

Vamos pular um pouco a frente na ordem cronológica de nossa


referência direta, e utilizado as escrituras sagradas vamos tentar
adquirir e juntar o maior número de referências possíveis, para que
depois por fim, de forma comparativa, poder criar e sustentar nossa
explanação, procedendo firmemente e fiel as escrituras sagradas, pois
sabemos que a própria Bíblia explica a Bíblia em si.

2
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

2 - A NOVA ALIANÇA DO NOVO TESTAMENTO,


VIVENDO NOS DIAS DA DISPENSAÇÃO DA
GRAÇA

"João 1:11-13 ARC"


estava no mundo, e o mundo foi feito
por ele e o mundo não o conheceu.
Veio para o que era seu, e os seus não
o receberam. Mas a todos quantos o
receberam deu-lhes o poder de serem
feitos filhos de Deus: aos que crêem no seu
nome, os quais não nasceram do sangue,
nem da vontade da carne, nem da
vontade do varão, mas de Deus.

Enfim, a todos aqueles que aceitaram a Jesus Cristo como seu


único salvador e suficiente galardoador, em suas confissões de fé,
foi-lhes dado o direito de serem chamados de filhos de Deus.

"2 Coríntios 5:17 ARC"


Assim que, se alguém está em Cristo,
nova criatura é: as coisas velhas já
passaram; eis que tudo se fez novo.

“Portanto, de acordo com as regras da na nova aliança,


registradas no novo testamento, seladas e autenticadas pelo Espírito
Santo, nelas se afirma expressamente que antes de qualquer ser
receber ao Senhor Jesus como seu Salvador, será sempre considerado
apenas uma criatura, criação de DEUS, o que nos faz por fim pensar,
que poderíamos medicar um pouco mais sobre todas estas
informações reunidas aqui e ágora neste momento, que são baseadas
na escritura sagrada, estas referências, e vir a atribuir a aqueles que
ainda não são novas criaturas, e dirigir o termo aplicado filhos dos
homens, a aqueles que ainda não aceitaram a Jesus, os que ainda
vivem o velho homem em suas vidas”.

3
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

3 – O CULTO E PRESTAÇÃO DE TEMOR A DEUS


NA DISPENÇÃO DA CONCIÊNCIA

"Gênesis 4:25,26 ARC"


E tornou Adão a conhecer a sua mulher;
e ela teve um filho e chamou o seu
nome Sete; porque, disse ela, Deus
me deu outra semente em lugar de
Abel; porquanto Caim o matou. E a
Sete mesmo também nasceu um filho;
e chamou o seu nome Enos; então, se
começou a invocar o nome do SENHOR.

O nome do Senhor começou a ser invocado depois do


nascimento de Enos, descendente direto de Sete, podemos associar
este fato como uma comprovação da nomeação aplicada filhos de
Deus, para geração de Sete e Enos, uma verdade confirmada pela
escritura, de que todos aqueles que buscaram naqueles dias ao Senhor
de sincero coração, demonstrando seu verdadeiro temor, poderão
alcançar a graça de enfim chegarem a serem considerados e
nomeados filhos de Deus, por que não? Na dispensação da graça
alcançamos está honra e título pela adoção que há em Jesus Cristo,
não só sendo tornados filhos, mais também herdeiros e coerdeiros
com muitos outros. Na dispensação da consciência vivenciado nos
dias de Enos, precisamos entender que de certa forma dentro muitos
atributos incomunicáveis, Deus se mostrou ser um Deus presente,
como também em justiça se manifestou, percebemos Ele mesmo está
julgando pessoalmente muitas coisas naqueles dias, e entendemos
pela Bíblia uma vês que Ele, isso o Senhor depois de executar seu
juízo, aos seus olhos agraciou a geração de Sete, salvando sua
descendência, quando atribui a misericórdia a Noé e sua família,
assim nos fazendo entender que estes eram a geração dos filhos de
Deus, já que os demais morreram afogados e esmagados pela força
das águas, estes seriam a representação dos descendente dos filhos
diretos de Caim, os que não tiverem salvação, os filhos dos homens,
os filhos da perdição, os que se perderam e não podem mais serem
resgatados.

4
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

3 – UM MODELO COMPARATIVO DE JULGO


DESIGUAL E FILHOS MENTIÇOS

"Neemias 13:23-27 ARC"


Vi também, naqueles dias, judeus que
tinham casado com mulheres asdoditas,
amonitas e moabitas. E seus filhos
falavam meio asdodita e não podiam
falar judaico, senão segundo a língua
de cada povo. E contendi com eles,
e os amaldiçoei, e espanquei alguns deles,
e lhes arranquei os cabelos, e os
fiz jurar por Deus, dizendo:
Não dareis mais vossas filhas
a seus filhos e não tomareis mais
suas filhas, nem para vossos
filhos nem para vós mesmos.
Porventura, não pecou nisso
Salomão, rei de Israel, não
havendo entre muitas nações rei
semelhante a ele, e sendo amado
de seu Deus, e pondo-o Deus rei
sobre todo o Israel? E, contudo,
as mulheres estranhas o fizeram pecar.
E dar-vos-íamos nós ouvidos, para
fazermos todo este grande mal,
prevaricando contra o nosso Deus,
casando com mulheres estranhas?

Nos dias que viveu Neemias filho de Hacalias, o conhecido


copeiro do rei Artaxerxes, este referido aqui mencionado, naqueles
dias foi levantado por Deus para fazer uma grande obra, segundo é
descrito nas escrituras, livro de Neemias e Esdras relatam toda está
5
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

incrível história, se você querer tomar nota e conferir.

Depois que os muros de Jerusalém foram levantados novamente,


e a ordem restaurada em Israel, por meio dos servos Neemias,
Zorobabel e Esdras, que foram para aqueles dias um canal de benção
a toda uma nação, quando foram usados pelo senhor, esses com
louvor concluíram juntos uma grande e mui lindo trabalho, como
está escrito, que por fim é ofertada a Deus, o Senhor, restaurando a
parte física necessária para consistir um reino, a parte política e
administrativa introduzida novamente, e tudo o que se fez necessário
para um reino ser considerado auto-sustentável, estando novamente
reerguido com muros fortes e largos, tendo novamente seus atalaias e
vigias para maior segurança de todo o povo, e por fim finalmente
poderem chegar com confiança na parte principal, que é e era de
voltar-se a Deus, então Esdras como sacerdote escolhido para o
serviço naqueles dias, trabalhou com seriedade e comprometimento
para restabelecer o culto e adoração a Deus. Foi construída uma
tribuna, ele ficou em um ponto mais alto que o povo, todos podiam
velo, onde depois de muitos anos finalmente novamente pela
primeira vez depois de muito tempo é lida a palavra poderosa de
Deus, para toda a nação Israelita, e durante a leitura naquele dia
pode-se ouvir muito barulho por causa do quebrantamento, pois o
povo chorou alto, um grande estrondo de um choro feliz, de poder
novamente ouvir o que Deus diz.

Enfim, não é está a história em foco para nossa referência


direta, mais precisei ressaltá-la para enfatizar ainda mais para você
entender quando chegarmos finalmente “lá” no raciocínio, e para que
todos pudessem entender a potência certa e importância do que
vamos em seguida explanar, depois desta história linda, onde tudo
parece ter acabado perfeitamente feliz, a verdade que vou apresentar
é que não foi bem assim, ainda ficou muitos detalhes e assuntos
administrativos para serem mais tarde resolvidos, o reino estava
restaurado, a ordem, os estatutos e regime interno já haviam sidos
apresentados ao povo, a tora havia sido lida publicamente a toda
gente, mais faltava acertar ainda alguns detalhes, que não foram
considerados menos importantes, fiscalizar as leis em execução.
Neemias se deparou com uma situação a qual o deixou
transtornado, a ponto de quem sabe por assim dizer, perder a razão.

6
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

Vamos trazer a memória toda a história que ele vivenciou antes de


chegar a este momento de grande transtorno. Este grande homem
tinha acabado de sofrer muitas calunias, mentiram a seu respeito,
denegriram a sua imagem, ou tentaram, atentaram contra sua vida e
reputação, e mesmo assim depois de tudo isso e muito mais do que
eu aqui descrevi, conseguiu suportar toda a carga, e mesmo assim
com êxito finalizou uma grande obra sem precedentes, e sem perder a
cabeça, com calma e raciocínio lógico, e um proceder cordial na
presença de Deus, ele conseguiu segurar bem a “barra” por assim
dizer.

Mais quando Neemias descobre que os levitas e sacerdotes


estivam tendo e sustentando relacionamentos com estrangeiras, se
tornando maridos de mulheres que viviam outras culturas, vindo a
constituir famílias com estas mulheres de outros povos, lhe fazendo
entender que não procederam tementes a Deus, em saber que os
filhos de Deus estavam se casando com as filhas dos homens, e
que havia grande jugo desigual entre as famílias dos levitas e
sacerdotes em Israel, onde os filhos eram demasiadamente mestiços,
não podendo serem nem considerados descendência do pai biológico
e nem da mãe, em um conflito de culturas durante a criação e
crescimento das crianças, nesta hora Neemias vai a loucura, ele chega
até mesmo a espancar alguns, arranca os cabelos de outros
ferozmente, ele pula em cima deles literalmente, voa no pescoço de
alguns, e chega ao ponto de mostra agudamente a sua indignação ao
estremo, por esse tipo de união considerada em seus estatutos
extremamente proibida, pois muitos já tinham gerado filhos destas
uniões ilícitas, e suas crianças foram consideradas abominações aos
olhos do copeiro Neemias, um fruto impuro e impróprio, pois aos
filhos de Deus não é licito gerar filhos com os filhos do mundo, e
assim esses levitas foram obrigados a darem carta de divorcio as
filhas dos outros povos, as filhas dos homens, e assim por diante
seguiu está história, que você poderá conferir lá nos livros de
Neemias e Esdras, que estão na Bíblia sagrada por nós hoje bem
conhecida, que todos podem ter acesso se quiserem.
Voltemos então ao nosso foco, já temos muito no que pensar,
mesmo assim vamos reunir mais informações para aumentar a
aceitação de nossa tese, essa explanação que ficou mais interessante.

7
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

Referência encontrada novo testamento sobre união conjugal

"2 Coríntios 6:14 ARC"


Não vos prendais a um jugo desigual com
os infiéis; porque que sociedade tem a
justiça com a injustiça? E que comunhão
tem a luz com as trevas?

8
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

5 - A SEXUALIDADE DOS ANJOS

Não existe fundamento nem respalde Bíblico para admitir que


anjos mantiveram relações sexuais em algum momento da criação
com mulheres, uma vez que o próprio Cristo declarou que eles não
“casam, nem se dão em casamento” da mesma forma será com os
salvos e arrebatados um dia nos mais altos céus.

"Mateus 22:30 ARC"


Porque, na ressurreição, nem,
casam, nem são dados em casamento;
mas serão como os anjos no céu..

Quando uma palavra ou assunto especifico é afirmado em alguma


passagem Bíblica, muitos por costume procuram outra referência
comparativa, para que assim possam trazer mais veracidade ao que
está sendo mencionado, explanado e tratado, mais quando está
escrito, assim disse Jesus, não há mais está necessidade, se Jesus falou
está falado, e Ele nos disse que os anjos não praticam o ato sexual, o
que nos afirma expressamente uma vez mais, que os seres angelicais
não poderiam e nunca poderão gerar filhos, o que é mencionado na
referência de” Gênesis 6:2 ARC” não se trata então aos anjos, nem
tão pouco demônios, mais sim a pessoas que podem manter ou
sustentando relações intimas sexuais, Jesus afirma que não será
possível praticar o ato sexual nos mais altos céus, então no livro do
Gênesis quando afirma filhos de Deus, deve se referir aos que
prestavam culto e temor ao Senhor naqueles dias, e os filhos dos
homens, os descendentes de Caim, que não puderam entrar na arca
de Noé por causa de seus pecados sem arrependimento, isso nos faz
entender que o escrito do Gênesis se referiu a estas duas classes de
pessoas certamente, embora que o escritor do livro de Jó nos faça
pensar diferente, fazendo parecer que o termo aplicado filhos de
Deus, de alguma forma se refira a aos seres angelicais,( Jó 1:6 / Jó
2:1 / Jó 38:7 ).

9
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

6 – CONSIDERAÇÕES FINAIS

Depois de reunir toda essa informação aqui neste pequeno e


humilde estudo e pesquisa rápida, podemos finalmente vir somá-las
e terminar finalmente a nossa equação, e por enfim poder chegar as
nossas considerações finais, e chegamos a este raciocínio simples e
lógico, de que os filhos de Deus citado segundo a forma que o
escritor do Gênesis tentou nos apresentar, respeitando exegese e
tentando entrar na cabeça e forma de pensar deste autor, nos faz
pensar que ele deva estar se referindo aos filhos de Sete e Enos, pois
destes o culto a Deus foi levantado segundo está escrito, e vieram a
ser chamados e considerados filhos de Deus, o que mais poderia
ser? Uma vez que reconheciam ao Deus criador e a Ele se
apresentavam prestando culto e louvor.

Os filhos dos homens, só pode ser uma forma de se referir


diretamente aos filhos de Caim, pois estes não entraram na ARCA de
Noé, para a descendência de Caim não houve salvação, os filhos dos
homens se perderam em muitos de seus pecados e paixões.

Como Lemos no livro de Neemias, quando os levitas se casaram


com mulheres de outros povos, se colocando em um julgo desigual,
os filhos que destes cruzamentos foram gerados, por Neemias foram
considerados abomináveis, ele percebeu que a cultura do povo seria
logo perdida a poucas gerações adiante, e se indignou com a situação
vivenciada ali, e interferiu logo para mudar aquela situação, embora
de forma agressiva e violenta, para resolver o quanto antes aquela
situação.

10
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

Como podemos perceber depois de vir a conhecer e estudar os


conteúdos de muitos dos livros encontrados na Bíblia, percebemos
uma vez mais que nosso Deus em muitos momentos falou com cada
geração na sua linguagem atual, e com cada povo da forma que ele
entende-se perfeitamente a sua palavra, e em cada linha do tempo no
passar dos séculos tem sido assim, por muitas vezes de forma
comparativa para um melhor aproveitamento na aplicação, e quando
eu leio hoje “Genesis 6:1-10 ARC” posso finalmente aprender a lição
que o Senhor bom Deus quis passar a todos com está passagem
Bíblica, de que sempre que os Filhos de Deus e os filhos dos
homens se juntar, nada de bom poderá nascer ou sair dali, pois o que
tem as trevas com a luz, ou o justo com os injustos? por isso
provavelmente nasceram aquelas aberrações, os gingantes
mencionados nesta referência direta, abominações, pois não eram
naturais, não pareciam nem com Caim talvez, não sei, nem Sete,
como saber? mestiços, os que nasceram deste cruzamentos, foram
um outdoor explícito fazendo todos saberem o tamanho da
reprovação de Deus naquelas uniões, embora que em Neemias se
referia a cultura, costumes e estado de espírito, genética e cor de pele,
nesta referência direta soubemos que aconteceu em um sentido
literal, nascendo gigantes, enfim, haviam gigantes na terra.

Os Gigantes enfim são a mais perfeita representação do fruto do


pecado e da desobediência, um resultado que indica e aponta para
aqueles que estão vivendo uma vida fora do centro da vontade do
Senhor, uma vez que a reprovação de Deus nestes assuntos é bem
explicita em todas as eras, o resultado final que pode gerar um julgo
desigual, é o nascimentos destes monstros, para cada era e cada
dispensação os monstros gigantes terão uma representação espiritual
negativa, tanto como a literal.

Enfim, desde cruzamento os gingantes que nasceram de forma

11
AUTOR PR. CIDINEI DA ROSA

sobrenatural, foram a representação da reprovação de Deus no


mundo antigo, foi a forma que ele escolheu para mostra para toda a
terra que ele reprovou grandemente estas uniões, estas alianças aos
seus olhos foram consideradas malditas.

Eu termino com estas palavras ágora aqui, aceito qualquer


sugestão respeitosamente me dirigida, sei que ainda há muito que
explanar deste referência direta, pois são muitos os mistérios de Deus
para nos serem revelados aqui, e em muitos outras passagens e textos,
amém.

12
Os Filhos de Deus contrapostos aos Filhos do Homens

SOBRE O AUTOR

Meu nome é Cidinei da Rosa, Nasci no ano de 1980 no município brasileiro


de Aurora, estado de Santa Catarina. Não tive o privilégio de muitos a
pertencer a um berço cristão, mais para minha alegria em meus quinze anos
tive o prazer de me encontrar com Jesus, e desde então me tornei também
mais um de seus filhos por sua adoção, e hoje para a sua glória sou um
músico e um pastor a seu serviço.

13
14